Você está na página 1de 1

Tenho Sede!

Depois, sabendo Jesus que já todas as coisas estavam


terminadas, para que a Escritura se cumprisse, disse:
Tenho sede. Estava, pois, ali um vaso cheio de
vinagre. E encheram de vinagre uma esponja, e,
pondo-a num hissope, lha chegaram à boca. E,
quando Jesus tomou o vinagre, disse: Está
consumado. E, inclinando a cabeça, entregou o
espírito. Jo 19:28-30

Neste mês comemoramos a Semana Santa. Então vamos estudar um pouco da


passagem de Jesus pela cruz do Calvário.
Uma das últimas palavras de Jesus na cruz foi: Tenho sede (Jo 19:28). A resposta foi
quase de imediata: Estava, pois, ali um vaso cheio de vinagre. E encheram de vinagre
uma esponja, e, pondo-a num hissope, lha chegaram à boca (Jo 19:29). As pessoas
naquela época e as de hoje ainda não entenderam o que Jesus quis dizer. Ele não
precisava de água física. A sede de Jesus não se mata com um simples copo d'água, ou
com um vinho de má qualidade. Para que possamos entender vamos recorrer às
Escrituras Sagradas. Ela nos diz: Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça,
porque eles serão fartos; (Mateus 5:6).
A sede do Senhor, para aquele momento e o de hoje, é a de justiça, pois Ele não muda.
Mas o que é mesmo justiça no padrão bíblico??
E o SENHOR nos ordenou que cumpríssemos todos estes estatutos, que temêssemos ao
SENHOR nosso Deus, para o nosso perpétuo bem, para nos guardar em vida, como no
dia de hoje. E será para nós justiça, quando tivermos cuidado de cumprir todos estes
mandamentos perante o SENHOR nosso Deus, como nos tem ordenado. (Dt 6:24-25)
Poderíamos dizer que a Justiça é o cumprimento da palavra de Deus. O Senhor tinha o
desejo de cumprir a justiça, o que estava determinado pelo Pai. Disse Jesus: Agora a
minha alma está perturbada; e que direi eu? Pai, salva-me desta hora; mas para isto vim
a esta hora (João 12:27).
E, naquela hora, Ele estava cumprindo a justiça de Deus para nossas vidas. Ele se
entregou por nós para que tívessemo a vida eterna (Jo 3:16). A parte dEle foi cumprida,
agora cabe, a cada um de nós, cumprirmos também a justiça de Deus. Quando? Quando
tivermos cuidado de cumprir todos estes mandamentos perante o SENHOR nosso Deus,
como nos tem ordenado. Ao entendermos isto estaremos matando a sede do Senhor.
Essa sede será totalmente saciada quando nos encontrarmos com Ele na glória. Ao
chegarrmos no fim da caminhada, cumprindo a justiça, alcançando a coroa de glória.
Podemos dizer: Senhor! Eis-me aqui, o teu vaso, sacia a Tua sede...