Você está na página 1de 1

Geografia

Professor Silvio Araujo de Sousa
Professor Silvio Araujo de Sousa
Geografia Professor Silvio Araujo de Sousa Dinâmica do Povoamento e Organização do Espaço Geográfico Atividade extra

Dinâmica do Povoamento e Organização do Espaço Geográfico

Atividade extra classe

Escola Estadual Prof. Renê Rodrigues de Moraes - Guarujá - SP— 05/04/2010

Dinâmica do povoamento e espaço geográfico Caderno do Aluno 2º ano V1 p.26

A explicação para a forma de ocupação do espaço geográfico brasileiro esta na medida que o mercado

mundial demandava produtos com possibilidades e vantagens concretas de exploração, o que levou a implanta- ção, de várias atividades exportadoras justificando não somente a forma de ocupação do Brasil, como, simultane- amente, a construção de sua diferenças regionais. Composto, até a década de 50, pelo chamado “arquipélago econômico”, isto é, regiões econômicas isola- das entre si e voltadas para atender as necessidades do colonizador europeu. Uma das consequências desse modelo de ocupação do território brasileiro são as formas e as marcas dife-

renciadas deixadas no extenso território nacional conforme se desdobravam os diversos ciclos econômicos volta- dos para exportação.

O ciclo do ouro em Minas Gerais que representou, o processo de a integração e de articulação do interior

do território e de afirmação da própria nacionalidade brasileira. Em relação a fixação e o adensamento inicial da população ao longo do litoral brasileiro é explicado pela

forma como se distribuem os grandes planaltos e planícies. A presença de escarpas abruptas do Planalto Brasilei- ro, próximas ao mar, em grandes extensões do litoral sudeste, constituiu, no passado, uma barreira natural à pe- netração do interior do país.

A visão de “arquipélagos econômicos” começou a se desfazer pela contínua interiorização do do cultivo do

café no oeste paulista e das demais atividades agrícolas induzidas pela sua expansão.

O deslocamento do café pelo Vale do Paraíba fluminense, até atingir o planalto paulista, representou não

somente o primeiro grande movimento de desmatamento em direção ao interior do país. Nesse contexto de expansão econômica os rios constituíram em “caminhos naturais” de penetração para o

interior do continente, modelando as suas margens com surgimento de núcleos urbanos, e expansão agrícola pró- ximo as suas margens.

O movimento de integração do espaço geográfico nacional necessário à formação e ampliação do mercado

interno foi viabilizado pela construção de uma rede técnica, isto é, na expansão de rodovias e na geração/

distribuição de energia a partir da segunda metade da década de 50 e, mais intensamente, nos anos 70.

A criação de Brasília, nesse período, altera não apenas o mapa político do país como também cria uma

rede de circulação nacional, favorecendo à ampliação do mercado interno além de servir de plataforma de pene- tração ao espaço amazônico, impactando, diretamente, seus frágeis ecossistemas florestais.

Verificação do entendimento do texto

1 – Qual a explicação para a forma de ocupação e diferenças regionais do espaço geográfico brasileiro ?

2 – Até a década de 50, como se caracterizou a geografia econômica do Brasil ?

3 – Quais as consequências desse modelo de ocupação do território brasileiro ?

4 – Qual a contribuição do ciclo do ouro nesse processo de formação do espaço geográfico ?

5 – Que argumento geográfico explica a fixação e adensamento inicial da população ao longo do litoral

brasileiro ?

6 – Que elemento, e de que forma ele contribuiu para desfazer esse conceito de “arquipélagos econômi-

cos” aplicado a economia brasileira até os anos 50 ?

7 – Qual a importância dos rios, nesse contexto econômico ?

8 -

O movimento de integração do espaço geográfico nacional necessário à formação e ampliação do

mercado interno foi viabilizado pela construção de uma rede técnica, explique o significado de rede técnica.

9 – De alguma forma a mudança da capital do Rio de Janeiro para o Centro-oeste brasileiro favoreceu es-

se processo de formação do espaço geográfico brasileiro ?

Fonte: Obs. Texto adaptado com finalidades pedagógicas do original, Relatório Geo Brasil - Contexto da Dinâmica Terri- torial Brasileira de Abril de 2002 - Do IBGE - Adma Hamam de Figueiredo, geógrafa, acessado em 05 de abril de 2010, dispo- nível, em: http://ibama2.ibama.gov.br/cnia2/download/publicacoes/geobr/docs/drafts/din%83micas%20territoriais.doc

Professor Silvio Araujo de Sousa - Geografia - Escola Estadual Professor Renê Rodrigues de Moraes - Guarujá - SP - Brasil