Você está na página 1de 5

Unidade: Assistenciais

Grupo Hospitalar Conceição - GHC Hospital Nossa Senhora da Conceição Procedimento Operacional Padrão – POP Enfermagem

Tarefa: Revisão dos materiais e equipamentos do Carro de

Número:

Emergência e Registro do Lacre.

Data: 11/2010

Revisão: 09/2013

Responsável: Equipe de Enfermagem

 

Conceito: Revisão dos materiais/medicamentos do carro de emergência para conferências dos quantitativos, data de validade, limpeza e necessidade de reposição.

Local: Unidades Assistenciais à Saúde

 

Registro da Tarefa: Em planilha de conferência e limpeza do carro de Emergência (Anexo I).

 

Material Necessário:

 
 
  • - Planilha com listagem dos materiais/medicamentos fixada no carro de Emergência (Anexo II);

  • - Planilha de conferência do carro de Emergência;

  • - Lacre de segurança numerado;

  • - Caneta;

  • - Solução alcoólica 70 º GL;

  • - Compressa não estéril;

Descrição das Atividades:

 
 

REVISÃO MENSAL

  • - Higienizar as mãos;

 
  • - Reunir todo o material necessário para reposição;

  • - Conferir os quantitativos conforme anexo III, data de validade e integridade dos materiais e medicamentos;

  • - Identificar materiais com prazo de validade próximo do vencimento (03 meses) com etiqueta para que sejam utilizados primeiro em outra intercorrência;

  • - Retirar os medicamentos com prazo de validade de pelo menos 1 mês antes do mês corrente e encaminhá-los à farmácia para troca;

  • - Realizar a limpeza com álcool 70ºGL do carro internamente uma vez por mês, após a revisão dos materiais e medicamentos; e sempre que for utilizado;

  • - Lacrar o carro após a conferência, limpeza e reposição de materiais e medicamentos;

  • - Higienizar as mãos.

  • - Registrar tarefa na planilha de REGISTRO DE REVISÃO MENSAL DO CARRO DE EMERGÊNCIA (data, turno, assinatura e carimbo) – Anexo II;

  • - Buscar na farmácia os medicamentos utilizados no atendimento de urgência mediante prescrição médica ou memorando descritivo, sendo que a medicação deve estar presccrita;

  • - Revisar o lacre do carro de emergência em cada turno de trabalho;

  • - Registrar número do lacre, data, turno e assinatura no caderno de protocolo do carro de emergência (código do produto: 07474 – TÍTULO: CADERNO DE REGISTROS DO CARRO DE EMERGÊNCIA como no Anexo I) ;

  • - Realizar a limpeza externa do carro uma vez ao dia, conforme rotina do setor, assim como o

 

desfibrilador, a caixa de entubação e o monitor cardíaco;

  • - Testar os cabos e lâminas do laringoscópio, verificando a integridade e luminosidade das lâmpadas;

  • - Certificar-se que o cardioversor/desfibrilador está conectado a rede elétrica diariamente;

 

Observações:

---- Todas as unidades assistenciais do HNSC devem manter um carro de emergência padrão devidamente montado, revisado, lacrado e limpo; ---- Se o lacre estiver rompido ou não conferir com o número registrado na última verificação, proceder à revisão geral do carro seguindo procedimento já descrito;

----

As condições do carro devem ser passadas em plantão entre os turnos;

----

A reposição dos materiais deve ser feita pelo funcionário responsável por esta tarefa definido pelo enfermeiro em escala de trabalho;

----

A caixa de entubação deve permanecer com a tampa fechada e/ou lacrada;

----

As pás do desfibrilador devem ser limpas a cada uso, retirando primeiramente o excesso de gel e desinfetar com álcool 70°GL . ATENÇÃO : Realizar este procedimento com o aparelho desligado da corrente elétrica.

 

Resultado esperado:

Manter carro revisado e organizado adequadamente para utilização em casos de urgência.

 

Ações Corretivas:

----

Capacitação e acompanhamento das equipes.

----

Treinamento do POP.

 

Referências:

1 - Diretrizes da American Heart Association – Guideline para Ressuscitação Cardiopulmonar e Atendimento Cardiovascular de Emergência. 2010. 2 - BRUNNER, L. S.; SUDDARTH, D. S. Tratado de enfermagem médico Cirúrgica. 11ª ed. Guanabara Koogan: Rio de Janeiro, 2009.

Elaborado por: Maria Salette Verdi; Helenita Boeck; Christian Negeliskii, Anaelí Brandelli Peruzzo, Rosaura Bordinhão, Roberta Frantz de Almeida, Graziella Baiocco e Camila Borba. Revisado e aprovado pela CSSE/HNSC: Christian Negeliskii, Helenita Boeck, Judit Hoppe, Marcela Pacheco, Maria Salette Verdi da Silva, Rosaura Bordinhão e Camila Borba . Revisado e aprovado pelo CIH: Rosaura Bordinhão. Roberta Frantz de Almeida Revisado, aprovado e divulgado pelo RTE/HNSC: Judit Hoppe

_____________________

Assinatura da RTE

Anexo I

CADERNO DE REGISTROS DO CARRO DE EMERGÊNCIA

Anexo II

REGISTRO DE REVISÃO MENSAL DO CARRO DE EMERGÊNCIA

MÊS

TURNO

DATA DA

ASSINATURA/ CARIMBO

RESPONSÁVEL

REVISÃO

JANEIRO

     

FEVEREIRO

     

MARÇO

     

ABRIL

     

MAIO

     

JUNHO

     

JULHO

     

AGOSTO

     

SETEMBRO

     

OUTUBRO

     

NOVEMBRO

     

DEZEMBRO

     

Anexo III

 

MATERIAIS PARA CARRO DE PARADA

 

PRIMEIRA GAVETA

 

SEGUNDA GAVETA

 

TERCEIRA GAVETA

 

QUARTA GAVETA

 

Adenosina 3mg/ml

4

Abocath 16

 
  • 2 SF 0,9% 100 ml

Aguá destillada 20 ml

3

 

2

Adrenalina(Epenifrina) 1mg/ml

15

Abocath 18

 
  • 2 SF 0,9% 250 ml

Cadarço cortado

3

 

2

Aminofilina 240mg/10ml

5

Abocath 20

 
  • 2 SF 0,9% 500 ml

Cânula de guedel G

2

 

2

Amiodarona 150mg/3ml

10

Abocath 22

 
  • 2 SF 0,9% 1000 ml

Cânula de guedel M

1

 

2

Atropina 0,5mg/ml

4

Agulha 13x4,5

 
  • 5 SG 5% 250 ml

Cânula de guedel P

1

 

2

Bicarbonato de Sódio 8,4%

15

Agulha 25x7

 
  • 5 SG 5% 500 ml

Catéter oxigênio n° 8

1

 

2

Deslanosideo (Cedilanide) 0,2mg/ml

5

Agulha 25x8

 
  • 5 SG 5% 1000 ml

Extensor p/ aspiração

1

 

1

Clorpromazina 5mg/ml

2

Agulha 25x12

10

Extensor de oxigenio

1

Ringer 500 ml

1

Diazepan 5mg/ml

4

Bureta

1

Gel condutor

1

Isocel 500 ml

1

Dobutamina 250mg/ml

2

Dânula

3

Eletrodos

10

Frasco de vidro 500ml

1

Dopamina 5mg/ml

5

Equipo gotas simples

3

Máscara de venturi

1

Tampa azul p/ drenagem gástrica

1

Fenitoína (hidantal) 50mg/ml

2

Equipo para BI gotas

2

Pilhas médias

2

   

Fentanil 0,5mg/10ml

2

Equipo fotossensível

1

SNG 16

1

COMPARTIMENTO EXTERNO

 

Fenobarbital (Gardenal) 100mg/ml

1

Esparadrapo

1

SNG 18

1

Ressuscitador manual completo (ambu)

2

 

2

Extensor 60 cm

2

SNG 20

1

   

Flumazenil (Lanexat) 0,1mg/ml Furosemida(Lasix) 10mg/ml

10

Fio mono 3-0

2

Sonda aspiração 12

2

CAIXA PLASTICA GRANDE

 

Glicose 50%

5

Fio seda 2-0

2

Sonda aspiração 14

2

Estetoscópio

1

Gluconato de Cálcio 10%

4

Gazes pacote

3

Tubo endotraqueal 7

1

Cabo de laringo com pilhas

1

Haldol (Haloperidol) 5mg/ml

2

Lâmina de bisturi

2

Tubo endotraqueal 7,5

1

Cadarço cortado

1

Heparina sódica 25.000UI/5ml

2

Luva estéril G

2

Tubo endotraqueal 8

1

Compressa estéril

1

Hidrocortizona 100mg

1

Luva estéril M

2

Tubo endotraqueal 8,5

1

Guia para TOT

1

Isossorbida (Isordil) cp SL 5 mg

5

Luva estéril P

2

Tubo endotraqueal 9,0

1

Lâmina de laringo curva curta

1

Lidocaína 2% s/ vasoconstritor

2

Luvas procedimento cx M

1

Tubo endotraqueal 9,5

1

Lâmina de laringo curva longa

1

Meperidina (Dolantina) 50mg/ml

1

Micropore

1

   

Lâmina de laringo reta longa

1

Metilpredinisolona 125mg

3

Monolumen

2

   

Óculos de proteção

2

Metropolol 1mg/ml

3

Polifix

2

   

Seringa 20 ml

1

Midazolan (Dormonid) 15mg/3ml

2

Seringa 1 ml

2

   

Tubo endotraqueal 7

1

Morfina (Dimorf) 10mg/ml

5

Seringa 3 ml

5

   

Tubo endotraqueal 7,5

1

Naloxona (Narcan) 0,4mg/ml

2

Seringa 5 ml

5

   

Tubo endotraqueal 8

1

Nitroglicerina (NTG) 50mg/10ml

2

Seringa 10 ml

5

   

Tubo endotraqueal 8,5

1

Nitroprussiato de sódio (NPS) 50mg

2

Seringa 20 ml

10

   

Tubo endotraqueal 9,0

1

Noradrenalina 1mg/ml

10

       

Tubo endotraqueal 9,5

1

Prometazina (fenergan) 25mg/ml

3

       

Xilocaína gel

1

Salbutamol 0,5mg/ml

5

           

Succinilcolina(Suxametônio) 100mg

1

           

Sulfato de Magnésio 50%

2