Você está na página 1de 2

2 AULA AS CAUSAS PRIMRIAS

Parte A Deus (LE 1 a 16)


- IDeus e o Infinito;
- II Provas da Existncia de
Deus;
- III - Atributos da Divindade;
- IV - Pantesmo.
I DEUS E O INFINITO (LE 1 a 3)
Quem Deus?
O que Deus?
Como definimos Deus?
LE 1- Deus a inteligncia suprema, causa primria de todas as coisas.
Compreendemos?
DEUS PARA OS FILSOFOS
Scrates
A Razo Perfeita
Plato
A ideia do Bem
Aristteles o Primeiro motor, o motor no movido, o Ato puro
Descartes A ideia de Deus no homem a marca do obreiro na sua obra
Litolatria - Fitolatria - Zoolatria - Idolatria - Politesmo
Monolatria
Monotesmo
Moiss - Deus => Vingativo, colrico, parcial => Penas eternas - inferno
Jesus - Deus => Pai amoroso, justo, bom
Deus o infinito?
LE 3
Definio incompleta. Pobreza da linguagem dos homens, insuficiente para definir
as coisas que esto alm da sua inteligncia.
Deus infinito nas suas perfeies, (...)
Mateus 5-48 Sede vs pois perfeitos, como perfeito o vosso Pai que est nos cus.
Joo 8-19 No conheceis nem a mim, nem a meu Pai; se me conhecsseis a mim,
conhecereis tambm meu Pai.
PARA COMPREENDER DEUS AINDA NOS FALTA O SENTIDO QUE NO SE
ADQUIRE SENO PELA COMPLETA DEPURAO DO ESPRITO.
(Cap. II, item 8, GE)
II PROVAS DA EXISTNCIA DE DEUS
LE 4
Num axioma que aplicais s vossas cincias: no h efeito sem causa. Procurai a
causa de tudo o que no obra do homem e vossa razo vos responder.

Planetas/Natureza ...
sentimento intuitivo da existncia de Deus => produto da educao/ideias
adquiridas?
LE 6
Se o sentimento da existncia de um ser supremo no fosse mais que o produto
de um ensinamento, no seria universal e nem existiria, como as noes cientficas
seno entre os que tivessem podido receber esse ensinamento.
Causa primria = acaso?
LE 8
- Outro absurdo! Que homem de bom senso pode considerar o acaso como um
ser inteligente? E, alm disso, o que o acaso?
A razo nos diz que um efeito inteligente deve ter como causa uma fora inteligente.
Prolegmenos
DEUS NO SE MOSTRA, MAS AFIRMA-SE MEDIANTE SUAS OBRAS.
(Cap. II, item 6, GE)
III ATRIBUTOS DA DIVINDADE
DEUS
- ETERNO
- IMUTVEL
- IMATERIAL
- NICO
- ONIPOTENTE
- SOBERANAMENTE JUSTO E BOM
IV PANTESMO (LE 14 A 16)
grego pan = tudo + theos = Deus.
Definio
Doutrina segundo a qual s Deus real, portanto tudo Deus e emanao dEle, por
outra, Deus a soma de tudo.
(Dicionrio de Filosofia Esprita, L. Palhano Jr.)
Sem individualidade e sem conscincia de si mesmo, o ser como se no existisse.
(Obras Pstumas As cinco alternativas
da humanidade)
NADA EXISTE FORA DE DEUS, E SE DEUS AMOR, NADA EXISTE FORA
DO AMOR.