Você está na página 1de 5

Como as pessoas são abertas para receberem uma oração: Posso orar por você?

Hoje há uma busca por experiências que tocam a nossa alma, e ela está bem na nossa frente, num dos textos mais comuns ou familiares que há na Bíblia.

As pessoas não estão fazendo perguntas a respeito da existência de Deus, mas como ele podem de alguma maneira provar Deus, experimentar Deus.

Muitos de nós não prova tudo que poderia em oração. Simplesmente não oram.

Jesus coloca o seguinte: se há um vazio em nossa alma é porque não sabemos como orar.

Porque orar não é fácil? Orar não é natural e nem é fácil.

Jesus acredita que deve ensinar-nos a orar.

ilustração Quando prego, por mais ruim que seja o sermão, nunca me esqueço de onde estou, ou o assunto principal por mais ruim que esteja… Contudo, quando estou orando é tão fácil esquecer que estou na presença do pai ou o que estou orando.

A dificuldade está que orar é uma coisa pessoal, não há truques. Algumas orações podem ser entediantes porque não sabemos o que estou fazendo lá. É como ir numa festa, e sentar com pessoas que você não conhece, tente conversar por duas horas, será algo bastante difícil…. Você tem sempre que ficar procurando assuntos…

Contudo, imagine você conversando com um amigo que ha muito não vê, a conversa flui, o interesse é mutuo, ha felicidade.

Ilustração: Russel Shed: ore sem sessar

Você nunca terá uma conversa com alguém que não tenha uma base comum. tente falar com um estranho.

Como isso é possível?

E nossa base, está em termos familiares, se deus é apenas seu rei ou

seu criador a oração não funcionará. Você ficará com medo da autoridade e sempre estará pensando suas palavras.

Se você acredita em cristo, você terá a mesma liberdade que ele teve com o pai.

Nascer de novo por si só não significa coisa alguma se você não desfruta de uma relacionamento familiar com Deus. O poder de deus na sua vida, só vem quando você descobre que Deus é seu pai.

O mesmo amor que Deus teve por seu filho natural, Jesus, ele tem por

nós – esse é o segredo. Imagine a diferença que fará se acreditássemos realmente nisto, nossa vida de oração mudaria completamente.

Mas, quando chegou a plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido debaixo da lei, a fim de redimir os que estavam sob a lei, para que recebêssemos a adoção de filhos. E, porque vocês são filhos, Deus enviou o Espírito de seu Filho aos seus corações, o qual clama: "Aba, Pai". Gálatas 4:4-6

Ensina-nos que,

1- Tudo começa com uma rela compreensão da obra redentora de Jesus

“Mas, quando chegou a plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido debaixo da lei,” Gálatas 4:4

2- A obra de Jesus nos garante, sermos chamados filhos de Deus.

“a fim de redimir os que estavam sob a lei, para que recebêssemos a adoção de filhos.” Gálatas 4:5

3- quando acreditamos no Evangelho, não só nos tornamos filhos de Deus legalmente, mas nós recebemos o Espírito, a fim de nos tornamos filhos.

E, porque vocês são filhos, Deus enviou o Espírito de seu Filho aos seus corações, o qual clama: "Aba, Pai". Gálatas 4:6

- Aba é a oração da intimidade, do relacionamento, pois, agora Deus não está distante.

4- Podem Conhecer a Deus

“Antes, quando vocês não conheciam a Deus, eram escravos daqueles que, por natureza, não são deuses.” Gálatas 4:8

Muitas vezes fazemos da oração apenas um momento de pedir para Deus:

Pode haver longas listas de coisas pelas quais oramos, longas listas de versos bíblicos que lemos, e longas listas de coisas que temos de lhe agradecer.

Se perdermos o foco na glória de Deus no evangelho como a solução para todos os nossos problemas, então estamos desenvolvendo a

oração como se fosse uma lista de supermercado, fazendo-as desesperadamente cada vez mais.

O

que isto quer dizer sobre Deus, o que me revela sobre ele?

• Como eu posso adorar a ele através isto?

• Como eu posso humilhar a mim mesmo diante dele através disto?

• se ele é realmente assim, que diferença isto fará esta verdade particular sobre o modo como eu vivo hoje?

• Quais comportamentos errados, emoções prejudiciais, atitudes falsas resultam em mim quando eu esqueço quem Ele é?

• Como poderia minha vizinhança, minha família, minha igreja, meus amigos serem diferentes se eles vissem isto profundamente?

• Minha vida está demonstrando que eu lembro e vivo isto para eles?

• Senhor, o que você está tentando dizer para mim sobre você, e o por que você deseja que eu saiba isto agora, hoje?

O

que levar para casa:

Entretanto, nós devemos sempre lembra que a primeira coisa que precisamos é uma nova perspectiva sobre as nossas necessidades e problemas.

Nós devemos sempre entrelaçar elas com arrependimento sobre a nossa descrença e indiferença com a Graça de Deus. Assim, devemos orar dentro partindo dentro da gente, vendo se o que pedimos é ou não é para o nosso Salvador,nosso Deus e Sua Gloria.

Nossos desejos são sempre idolatras em certo grau, e quando nos oramos sem lidar com isso em primeiro lugar, vamos encontrar apenas mais ansiedade. Ao invés disso, devemos sempre dizer- “Senhor, deixe-me ver sua glória como nunca antes, deixe-me ser limpo por sua graça que toda preocupação, auto-defesa, raiva e indiferença saia de mim”.

Então, quando nos voltamos a Deus pedindo qualquer coisa, estas coisas estarão sobre uma perspectiva correta. Nos iremos dizer:

“Senhor, eu peço isto porque eu acredito que isto o glorificará

então me ajude conseguir isto,

ou

me ajude a ficar sem isto”.

Se o foco central e total de toda oração é a gloria de Deus e o Evangelho, nossas petições individuais serão feitas com grande paz e confiança.

A adoração coloca nosso coração na realidade de Deus, e a realidade de nossas motivações e necessidades, tudo passa a ser visto a partir da glória de Deus.

Seja feita sua vontade!