Você está na página 1de 45

1

1 © E.I.E. Caminhos da Tradição – http://www.cursosdemagia.com.br – O Verdadeiro Dragão Negro

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

2

2 © E.I.E. Caminhos da Tradição – http://www.cursosdemagia.com.br – O Verdadeiro Dragão Negro

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

3

O Dragão Negro

Ou as

Forças Infernais Submissas ao Homem

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

4

O

Dragão Negro

Ou as

FORÇAS INFERNAIS

SUBMISSAS AO HOMEM

4 O Dragão Negro Ou as FORÇAS INFERNAIS SUBMISSAS AO HOMEM Evocações Encantos e Contra encantos

Evocações

Encantos e Contra encantos

Segredos Maravilhosos

A Mão de Glória

A Franga Preta

Segredos Maravilhosos A Mão de Glória A Franga Preta © E.I.E. Caminhos da Tradição – edições.

© E.I.E. Caminhos da Tradição edições.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Não leia este livro

5

à noite da 1 às 3 e das 7 às 9

nem à meia noite.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Dragão Negro

6

Este livro é a ciência do bem e do mal. Que você saiba leitor jovem ou velho, rico ou pobre, feliz

ou infeliz, se o seu coração está atormentado pela avareza, jogue-o (o livro) ao fogo, senão ele será

para você a fonte de todos os males, a causa de sua ruína total. Se, ao contrário, você possuir a fé, a

esperança e a caridade, então guarde-o como mais precioso tesouro do universo.

Assim eu lhe advirto, você é livre em suas ações, apenas não se esqueça que uma conta severa

lhe será enviada, pelo uso que você terá feito dos tesouros que coloco a sua disposição. Quanto a mim,

servo de Deus, eu declino de toda a responsabilidade, não escrevi este livro, senão para o bem da

humanidade.

não escrevi este livro, senão para o bem da humanidade. © E.I.E. Caminhos da Tradição –

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

TABELA

Dias felizes e infelizes

7

Dias Felizes

Mês

Dias Infelizes

3-10-27-31

Janeiro

13-23

7-8-18

Fevereiro

2-10-17-22

3-9-12-14-16

Março

13-19-23-28

5-17

Abril

18-19-29-30

1-2-4-6-14

Maio

10-17-20

3-5-7-9-12-23

Junho

4-20

2-6-10-23-30

Julho

5-13-27

5-07-10-14-19

Agosto

2-13-27-31

6-10-13-19-30

Setembro

13-16-12-15

13-16-22-31

Outubro

3-9-27

3-13-23-30

Novembro

6-25

10-20-29

Dezembro

15-28-31

NT.: Dias bons e maus para práticas mágicas. *

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Prefácio

8

Amigo leitor permita-me segurar a sua mão, e caminhar junto alguns passos sobre o árduo

caminho que é traçado nesta obra. Atente-se aos meus conselhos, e tire o melhor proveito. Isso não

é de fato uma coisa banal, relacionar-se diretamente com os demônios, porque eles são nossos

grandes inimigos, seu, meu e de toda a humanidade, e cada vez que eles puderem nos derrubar, eles

o farão com satisfação. Eles se mostrarão a vocês, segundo as suas características, quer dizer, doces, prevenidos, polidos e afáveis ou turbulentos, distraídos e ameaçadores, mas o objetivo é enganá-lo e intimidá- lo, sempre para sua perda e felicidade deles. Com calma, firmeza e bom senso, será fácil evitar suas armadilhas. Quando eles aparecerem diante do círculo, comece por lhes ordenar a reprimir, todas as

anomalias que eles terão criado: Frio, calor, fumaça, mau cheiro, ruídos, etc. E feito isso, faça-o jurar solenemente, de não fazer de novo no futuro. Não aceite nada da mão deles, e todas as coisas materiais que você exigir, ele deverão jogar ao círculo para você, sem quebrá-las ou desgastá-las na parte do círculo que você terá indicado. Não esqueça jamais que o círculo é sua proteção: No interior você é o mestre e rei. Do lado de fora, você estará ao dispor do espírito maligno. Às vezes, criando um projeto de operação filosófica, você poderá notar alguma coisa de anormal no ar que você respira, ou sob o teto que você habita, mas não se inquiete: É o espírito que se agita na impotência se esforçando para impedir a realização dos seus projetos; ele conhece todos os seus mais secretos pensamentos, mas não poderá fazer nada contra você. Os círculos ou pantáculos são feitos com giz bendito, ou carvão bendito. Entende-se por giz bendito, o giz que ficou sob a pedra do altar durante a missa ou que foi molhado pela água benzida durante a missa e por carvão bendito, o carvão tirado do centro da cruz bendita. Para este último, você fará o seguinte: Vá ao cemitério, e pegue o centro de uma cruz de madeira e leve para sua casa,

e o guarde cuidadosamente, porque ele te servirá para mais de uma ocasião. Numa manhã durante

a missa da igreja mais próxima, acenda em sua casa, um pequeno fogo em um pedaço de madeira

seco e novo, ou seja, um pedaço de madeira que nunca foi usado para nenhum uso profano. Depois, coloque os pedaços destinados a serem convertidos em carvão. Você poderá fazer uso de uma pinça feita de madeira nova para recolher as brasas ardentes, e uma caixa nova para guardar os carvões. Antes de começar toda a operação filosófica, não se esqueça de purificar as suas mãos e seu corpo. Faça seu círculo com todas as regras da Arte. Com diâmetro de mais ou menos 12 pés, de forma a não ter nenhuma abertura, porque isso poderá ser uma porta para o espírito maligno. Leve sempre com você para dentro do círculo, água benta, e um ramo bento, a fim de que os demônios não possam causar-lhe nenhum mal. Mas, para estar seguro de que ele obedecerá sem artifícios ou mentiras, muna-se com o forcado misterioso, aquele que se obtém da seguinte maneira: Compre primeiro, sem pechinchar, uma faca que a lamina seja de puro aço, e no dia que lhe for mais conveniente, procure um galho antes do nascer do sol. No instante exato, que este astro

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

9

apontar no horizonte, corte um galho de aveleira selvagem, com mais ou menos três pés para servir de baqueta. Depois vá até um serralheiro que lhe fará um pequeno garfo de dois dentes com a lâmina de sua faca: Não conte para ninguém este fato, e que tudo seja feito na sua frente. Fale e ordene ao espírito imundo tendo este livro na mão esquerda e o forcado na mão direita: Este com uma posição horizontal com o ferro virado na direção do espírito. Uma mesa pode servir de altar para depósito de seus objetos, mas estes devem sempre estar ao alcance da mão. Se você quiser, acenda durante toda a duração da operação um círio pascal ou queime brandevin (aguardente de vinho) em um lampião destinado unicamente para esse uso. Feito isto, suas forças se encontrarão decupladas, e no caso de desobediência por parte do espírito, coloque os dentes do forcado na chama da vela, mas só faça isso se for extremamente necessário. Muitas pessoas podem entrar no círculo, mas uma só, o mago, deve falar ao espírito. As outras devem guardar o silêncio mesmo quando o demônio lhes interrogar ou ameaçar. O presente discurso vem em complemento de tudo que será dito mais adiante sobre o mesmo tema, ainda assim, tenha o cuidado de interpretar bem o meu pensamento: Eu vos digo que tudo que está escrito neste livro, deve ser levado ao pé da letra, aproveitando meus conselhos segundo as circunstâncias. O demônio exigirá sempre de você uma oferenda, e você não poderá lhe recusar; você não deverá mesmo deixá-lo partir sem lhe dar uma oferenda. Não aconselho jamais, lhe dar um objeto tirado de seu corpo, cabelo, sangue, etc.; você deve compreender que você não poderá lhe dar o seu lenço, porque o lenço usado contém substâncias tiradas de seu corpo. Isto serve também para outros objetos que ele possa pedir. Sobre as oferendas estipuladas nas conjurações, que aqui serão apresentadas, o que precisa ser feito é colocar a mão na bolsa e lhe jogar a primeira moeda que você encontrar. Quando nada de contrário estiver sido estipulado na oferenda, se deve instantaneamente, fazê-la antes que ele peça. Para os trabalhos filosóficos que demandam um grande número de sessões acorde com ele coisas que lhe não possam lhe causar dano no presente ou no futuro. Você conhece as maneiras de fazê-lo obedecer, então faça! Se o demônio vem e desaparece sem o seu consentimento, ou seja, sem que você tenha lido a despedida, coloque o forcado misterioso na chama ou então releia a conjuração, assim que ele reapareça, reprove-lhe vivamente sua desobediência e depois continue seus trabalhos. Nunca saia do círculo sem ter lido a conjuração e a despedida dos espíritos: Você encontrará as preces no fim desse volume. Eu lhe aconselho a ler algumas antes de colocar os pés fora desse recinto. O espírito não virá jamais a você sem ser chamado de coração ao mesmo tempo em que de boca. Isto, que demonstrará que temos a vontade forte e inabalável. Se você faz a operação do selo, uma vez que os espíritos estejam na sua presença, convide o seu chefe para se apresentar e jogue a este último um pequeno pedaço de pergaminho virgem, o conjurando para colocar seu selo, quer dizer a sua marca; ele lhe dará então e você o copiará na primeira página de seu livro. Esta operação feita, quer dizer que o livro foi aprovado e aceito, toda dificuldade começa a ser superada por você ou por aqueles que lerem as operações a seguir.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

10

Você pode ler este livro do princípio ao fim, sem perigo para você, nas horas permitidas; você deve mesmo o fazer frequentemente a fim de estar bem atualizado dos menores detalhes de todas as operações que você poderá vir a executar.

A segunda parte desse livro populariza a prática de um homem que durante dez anos esteve apoiando os bons e destruindo os maus. Permita-me, amigo leitor, de lhe dizer o nome desse benfeitor da humanidade: Ele se chama François Collet. Muitas pessoas abençoaram este nome que lhe dou como exemplo; você pode ser como ele e ter um mérito similar.

Aqui estão os segredos da terceira parte, use-os e não abuse.

Eu acredito ser necessário trazer os mistérios da mão de glória, e da franga preta, mas eu não direi nada sobre este tema, porque você deve saber o que fazer. Saiba somente que a avareza é sempre punida e a virtude recompensada e que todo pacto assinado com seu sangue, o coloca sempre às ordens de Satã.

Amigo leitor aproveite os tesouros que eu reuni para você nesta obra, seja feliz e passe sobre a terra fazendo o bem. Adeus!

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Primeira parte

Evocações

11

Conjurações dos Demônios

Em nome do Pai, do Filho, e do Espírito Santo: Atenção! Venham todos os espíritos pela virtude e poder do vosso rei, e pelas sete coroas e cadeias de vossos reis, todos os espíritos dos infernos são obrigados a aparecer a mim, diante desse pantáculo ou círculo de Salomão, quando eu lhe chamar. Venha então, do oriente, meio dia, ocidente e setentrional. Eu vos ordeno pela virtude e pela potência daquele que é três, eterno, igual, que é Deus invisível que é consubstancial, que com uma palavra criou o céu, o mar e tudo que está nos céus.

É preciso dizer o seguinte diante do sigilo do livro:

Eu vos conjuro e vos ordeno espíritos, todos quantos vocês são de receber esse livro de bom grado afim de que toda vez que nós lermos esse livro, ou que alguém vier a lê-lo no futuro, estando aprovado e reconhecido vocês irão aparecer em bela forma humana assim que forem chamados segundo a vontade do leitor; em todas as circunstâncias vocês não atentarão sobre o corpo, a alma e o espírito do leitor. Nem causarão nenhum sofrimento àqueles que o acompanharão, seja por murmúrios, por tempestades, ruídos, tremores de terra ou escândalos, nem por lesões, privações da execução dos mandamentos do dito livro. Eu vos conjuro a vir assim que a conjuração for feita, a fim de executar, sem demora, tudo que está escrito e mencionado em seu lugar no dito livro: Vocês obedecerão, vocês servirão, vocês ensinarão, darão e farão tudo que está em sua potência em favor daqueles que vos ordenarão, e tudo sem ilusões. Se por acaso, algum dos espíritos chamados não puder vir, ou aparecer assim que seja chamado, ele deverá enviar outros revestidos de seu poder, que jurarão solenemente executar tudo que o leitor vier a pedir, pois conjuramos todos pelos muitos santos nomes do Todo Poderoso, Elohim, Jah, El, Eloi e Tetragrammaton de fazer tudo que foi dito acima. Se vocês não me obedecerem eu vos obrigarei a sofrer por mil anos, ou se algum de vós não receber este livro com uma inteira resignação à vontade do leitor.

Então você o ordenará a aplicar a marca conjuração seguinte:

(seu selo)

e isto feito, você

Conjuração e despedida dos espíritos

dará uma oferenda e lerá a

Mostrar o pantáculo e dizer: “Eis a sua sentença que proíbe que você seja rebelde as minhas vontades e que vos ordena que você volte para seus domínios. Que a paz reine entre vós e nós e esteja pronto para voltar todas as vezes que eu o chamar para fazer a minha vontade”.

Conjuração dos quatro Reis

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

12

Essas quatro conjurações podem ser ditas todos os dias e a qualquer hora, e o operador usará o grande pantáculo ou círculo de Salomão. Se desejar falar com um espírito pode nomeá-lo de acordo com a sua escolha.

com um espírito pode nomeá-lo de acordo com a sua escolha. Conjuração do Rei do Oriente

Conjuração do Rei do Oriente (leste)

“Eu te conjuro e te invoco o potente Magoa Rei do Oriente, no meu santo trabalho de todos os nomes da divindade em nome do Todo Poderoso eu te comando a obedecer para que você venha ou me envie (colocar o nome do espírito desejado) sem atraso, neste instante. Masseyel, Asiel, Satiel, Arduel, Acorib; sem nenhum atraso para responder a tudo que eu desejo saber e fazer o que eu mandar, ou que venhas tu mesmo para satisfação de minha vontade. E se você não fizer, eu te castigarei por toda virtude da potência de Deus”.

Conjuração do Rei do meio dia (sul)

“Ó Egym, grande Rei do meio dia, eu te conjuro e invoco pelos altíssimos e santos nomes de Deus, de agir revestido de todo o seu poder. E vir diante deste círculo ou enviar imediatamente Fadal, Nastraché, para responder as minhas questões e executar a minha vontade, e se você não fizer, eu te castigarei pelo próprio Deus.”

Conjuração do Rei do ocidente (oeste)

“Ó Rei Bayemon, fortíssimo que reina nas partes ocidentais, eu te chamo e te invoco em nome da divindade. Eu te comando em virtude do Altíssimo (nome do espírito) Passiel Rosus, com todos os outros espíritos que te são sujeitos para responder a tudo que eu lhes perguntar. Se não fizer eu te atormentarei com a espada do fogo divino, aumentarei as suas penas, e te queimarei.”

Conjuração do Rei do Setentrião (Norte)

Ó tu Amaimon, Rei e Imperador das partes Setentrionais, eu chamo, te invoco, exorcizo e conjuro, pela virtude da Potência do Criador, e pela virtude das virtudes, para que envie imediatamente sem demora, Madael, Laaval, Bamulhac, Belem, Ramat, com todos os outros espíritos que lhe são submissos, em bonita forma humana.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

13

Em qualquer lugar de onde estiver, venha render as honras que você deve ao Deus Vivente, verdadeiro e teu Criador. Em nome do Pai, do filho e do Espírito Santo, venha então e seja obediente diante deste círculo, sem nenhum perigo para meu corpo e nem para minha alma. Sem causar espanto eu te conjuro para que venha imediatamente por todos os nomes divinos, Sechiel, Barachiel, se você não vier prontamente, Balandier, Suspensus, Iracundus, Origratiungu, Partus, Olendenis, Et, Bantatis, (nome do espírito), eu te exorcizo, te invoco e te comando fortemente, por toda potência do Deus Vivente, Verdadeiro, e pela virtude do Deus Santo e pela virtude daquele que disse e que tudo foi feito e por todo seu santo comando, todas as coisas são feitas: O céu a terra e tudo que está neles. Eu te conjuro, pelo Pai, pelo Filho e pelo Espírito Santo e pela Santa Trindade, e pelo Deus ao qual você não pode resistir. Sobre seu Império eu te farei dobrar. Eu te conjuro pelo Deus Pai, pelo Deus Filho e pelo Deus Santo Espírito e pela Mãe de Jesus Cristo, Santa Mãe e Virgem perpétua e por suas santas entranhas e por seu muito sagrado leite que o filho do Pai sugou e pelo seu santíssimo corpo e alma, e por todas as partes e membros dessa Virgem, e por todas as dores e por todas as aflições, labores e ressentimentos que ela sofreu no decurso de sua vida, por todos os soluços e as santas lágrimas que ela derramou enquanto que seu querido filho chorava durante o tempo de sua dolorosa paixão, pela árvore da cruz, por todas as coisas sagradas que são ofertadas e feitas e outras tanto do céu como da terra, em honra de N.S.J.C. e da bondosa Maria sua mãe e por tudo que é celeste, pela igreja militante, em honra da Virgem e de todos os Santos e da Santíssima Trindade, e por todos os outros mistérios, e pelo sinal da cruz, e pelo preciosíssimo sangue e água que correram do lado de J.C. e pela sua anunciação e pelo suor que escorreu de todo seu corpo, quando ele estava no Jardim das Oliveiras e disse: “Meu Pai se possível, que essas coisas fiquem longe de mim, que eu não beba do cálice da morte.” Por sua morte e paixão, por sua sepultura, e por sua gloriosa ressurreição, por sua ascensão, e pela vinda do Espírito Santo. Eu te conjuro, outra vez, pela coroa de espinhos que ele portou pela sua cabeça, pelo sangue que correu de seus pés e suas mãos, pelos cravos com os quais ele foi pregado na cruz. Pelas cinco chagas, pelas lágrimas que derramou, e por tudo que ele sofreu voluntariamente por nós, com grande caridade; pelos pulmões, pelo coração, pelo fígado, e as entranhas e por todos os membros de nosso Senhor Jesus Cristo; pelo julgamento dos vivos e dos mortos e pelas palavras evangélicas de N.S.J.C., por suas pregações, por suas palavras, e por todos seus milagres, pela criança envolvida em linho, e pela criança que chora, pela mãe que o carregou no seu preciosíssimo e virginal ventre, pelas gloriosas interseções da Virgem Mãe de N.S.J.C., por tudo que é de Deus e de sua Santíssima Mãe, tanto no céu, como na terra; pelos Santos Anjos e Arcanjos, e por todas as bondosas ordens de espíritos; pelos Santos Patriarcas e Profetas e por todos os Santos Mártires e Confessores, e por todas as santas virgens e viúvas inocentes, e por todos os santos e santas em nome de Deus. Eu te conjuro pelo comando de São João Batista, pelo leite de Santa Catarina, e por todos os benfeitores.

Conjuração

Muito forte, pode ser dita a qualquer hora do dia e da noite, para encontrar tesouros escondidos tanto pelos homens, como pelos espíritos, ou os fazer trazê-los.

“Eu vos comando demônios que residem nesses lugares ou em qualquer parte do mundo que vocês estejam, e qualquer que seja o poder que Deus vos tenha dado e dos Santos Anjos desse mesmo lugar e da

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

14

potência principal dos abismos do inferno, e de toda a sua horda, tanto de modo geral, quanto os demônios especiais de qualquer Ordem que vocês sejam, remanescente tanto do Oriente, Ocidente, Meio dia e Setentrional. E de todas as partes da Terra, pela potência de Deus o Pai, pela Sabedoria de Deus o filho, pela virtude do Espírito Santo, e pela autoridade que nos foi dada por N.S.J.C. único filho do Deus Todo Poderoso e Criador, que nos criou a partir do nada, e todas as criaturas, que fez com que vocês não possam se manter, habitar, e permanecer neste lugar, porque eu, os proíbo e comando querendo ou não, sem nenhuma falácia, nem armadilha, vocês me declararão os seus nomes, e vocês me deixarão em profunda paz neste lugar e de qualquer legião que vocês sejam e de qualquer parte do mundo que vocês sejam e pela parte do mundo que vocês habitam. Em nome da Santíssima Trindade, e pelos méritos da Santíssima e Bondosa Virgem, e todos os Santos, eu liberto a todos espíritos que habitam este lugar e os envio ao mais profundo dos abismos infernais. Assim, vão todos malditos espíritos e condenados ao fogo eterno que vos está preparado e a todos os seus companheiros, se vocês me forem rebeldes e desobedientes. Eu vos conjuro pela mesma autoridade, eu vos exorto e chamo, eu vos mantenho e comando, por todas as potências de vossos superiores demônios a vir obedecer e responder positivamente a este que vos ordena em nome de J.C. que se não obedecerem prontamente e sem atraso, eu aumentarei em breve suas penas no inferno, por milhares de anos, eu vos ordeno então a aparecerem aqui em bela forma humana, pelos Santíssimos nomes de Deus, Hain, Lon, Hilan, Sabaoth, Hélim, Radiaha, Ledieha, Adonay, Jehova, Ya, Tetragrammaton, Sadai, Massias, Agios, Ischiros, Emmanuel, Agla, Jesus que é o Alpha et Ômega, o começo e o fim, que vos julgará no dia justamente estabelecido, a fim de que outra vez vocês não tenham nenhum poder para residir, habitar ou permanecer neste lugar, e vos comando que façam pela virtude dos nomes ditos acima, e que São Miguel Arcanjo, vos enviem ao mais profundo dos abismos infernais, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, assim seja! Eu te conjuro Acham, onde quer que você esteja pelo Santíssimo nome de Deus, por Malhame, J.C., May, Mabron, Jacob, Desmedias Eloy, Aterestim, Janastardy, Fines, Agios, Ischiros, Otheos, Athanatos, Agla, Jehova, Omosion, Aja, Messier, Sother, Sother Christos Vinciti, Christos Regnati, Christos Imperati, Increatur Espíritos Sanctus. Eu te conjuro Cassiel, onde quer que você esteja por todos os nomes acima ditos, com o Poder do Exorcismo, eu te comando, pelos outros supra ditos nomes do Grandioso Criador, que te foram comunicados, e que serão ainda aqui a fim de que tu escutes tudo incontinente e atenciosamente minhas palavras e que tu as observes inviolavelmente com a sentença do último dia, temendo o julgamento, ao qual faço que tu me obedeças inviolavelmente; e não pense em demorar por que eu sou um pecador, mas saiba que você atrasa as ordens do Grandioso Deus. Você não sabe que perde teus poderes diante do teu e de nosso Criador? Portanto, pense no que irá recusar: Tudo que me prometer e jurar por este último dia, temeroso do julgamento, e por aquele que tudo criou com uma só palavra, ao qual todas as criaturas obedecem. P. per sedem Baldarey et per gratiam e diligentem tuam habuisti ab eo hanc nalatima namilam, afim do que lhe mando.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

CONJURAÇÕES

15

Para cada dia da semana

Segunda-Feira

Conjuração à Lúcifer

cada dia da semana Segunda-Feira Conjuração à Lúcifer Figura2 Eu te conjuro Lúcifer, pelo Deus Vivente,

Figura2

Eu te conjuro Lúcifer, pelo Deus Vivente, pelo Deus Verdadeiro, pelo Deus Santo, pelo Deus que disse e todas as coisas foram feitas, ele comandou e todas as coisas foram feitas e criadas. Eu te conjuro pelo nome inefável de Deus On, Alpha et Omega, Eloy, Eloym, Ya, Saday, Lux les Mugiens, Rex, Salus, Adonay, Emmanuel, Messais, e eu te ordeno, conjuro e exorcizo pelos nomes que são declarados pelas letras V.C.X, e pelos nomes Jehova, Sol, Agla, Riffasoris, Oriston, Orphitue, Phaton, Ipreto, Ogia, Speraton, Imagon, Amul, Penaton, Soter, Tétragrammaton, Eloy; Premoton, Sirmon, Périgaron, Irataton, Plegaton, On, Perchiram, Tiros, Rubiphaton, Simulaton, Perpi, Klarimum, Tremendum, Meray, e pelos altíssimos nomes inefáveis de Deus, Gali, Euga, El, Habdanum, Ingadum, Obu, Euglabis, que tu venhas ou me envie (nome do espírito) em bela forma humana sem deformidade para responder a real verdade de tudo que eu lhe perguntar, sem prejuízo tanto para meu corpo quanto para minha alma, nem a quem estiver comigo.

Esta operação se faz depois das 11 horas até às 12 e depois das 3 horas até as 4. Será preciso ter o carvão da cruz bendita para riscar o círculo (figura 2) , em torno do qual escreverás o

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

16

seguinte: “Eu o proíbo, Lúcifer, em nome da Santíssima Trindade, de entrar neste círculo. A oferenda que lhe convém é um rato vivo. O Mago deve ter uma estrela (pentagrama), água benta, uma espada e um sobretudo par começar a conjuração alegremente, comandar acaloradamente e vivamente como deve fazer um mestre ao seu servo, com toda a sorte de ameaças: Satan, Ratam, Pallantre, Lutais, Cricacoeur, Scircigneur, eu te requeiro muito humildemente de me dar

Terça-Feira

Conjuração à Frimost

humildemente de me dar Terça-Feira Conjuração à Frimost Figura 3 Eu te conjuro Frimost e te

Figura 3

Eu te conjuro Frimost e te comando por todos os nomes pelos quais você fica preso e amarrado, eu te exorcizo Nambrosth, por teu nome e pela virtude de todos os espíritos, por todos os caracteres, pelo pantáculo de Salomão, pelas conjurações judaicas, gregas e caldeias, para sua confusão e maldição e redobrarei tuas penas e tormentos, dia após dia, eternamente se tu não vieres imediatamente para cumprir minha vontade, e ser submisso a tudo que te comandarei, sem me prejudicar, tanto no corpo como na alma, e nem daqueles que me acompanham.

Esta experiência se faz à noite, depois das nove horas até as dez. Deve se lhe dar a primeira pedra que você encontrar durante a tarde para ser recebido com dignidade e honra. Pode-se proceder da mesma forma que na segunda feira, ou, fará um círculo em torno do qual escreverá: “Obedeça-me Frimost, obedeça-me Frimost, obedeça-me Frimost.” (Veja fig. 03)

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Quarta feira Conjuração à Astaroth

17

Quarta feira Conjuração à Astaroth 17 Figura 4 Eu te conjuro Astaroth, espírito desobediente, pelas palavras

Figura 4

Eu te conjuro Astaroth, espírito desobediente, pelas palavras e virtudes de Deus e pelo Deus potente, J.C. de Nazareth, o qual todos os demônios estão submissos, que foi concebido pela Virgem Maria, pelo mistério do anjo Gabriel, eu te conjuro outra vez, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, em nome da gloriosa Virgem Maria, e da Santíssima Trindade em honra daquele que todos os Arcanjos, Tronos e Dominações, as Potências, os Patriarcas e os Profetas, os Apóstolos, os Evangelistas, cantam sem cessar, Santo, Santo, Santo, Senhor Deus dos exércitos, que é e que virá como chuva de fogo ardente, que você não negligencie meus comandos e não se recuse a vir. Eu te comando por aquele que virá com seu fogo para comandar os vivos e os mortos, ao qual é dada toda honra, louvor e glória. Venha então prontamente, obedeça a minha vontade, venha então render, louvores ao verdadeiro Deus, ao Deus vivente, e a todas as suas obras, e não ouse me desobedecer, e preste honras ao espírito santo, pois em teu nome que eu o comando.

Esta operação se faz à noite das dez às onze horas. Serve para alcançar os favores do rei e de outros. Deve-se escrever ao redor do círculo o seguinte: “Venha Astaroth, venha Astaroth, venha Astaroth.” (Fig. 04)

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Quinta feira Conjuração de Silchard

18

Quinta feira Conjuração de Silchard 18 Figura 5 Eu te conjuro Silchard, pela imagem e semelhança

Figura 5

Eu te conjuro Silchard, pela imagem e semelhança de J.C. Nosso Senhor, quem por sua morte e paixão, salvou a raça humana, o que significa que por sua providência, você deve se apresentar aqui, agora. Eu te conjuro, por todos os reinos de Deus. Venha, eu te conjuro, e te compilo, por seu Santo Nome, por aquele, que pisou sobre a áspide, que esmagou o Leão e o Dragão, que você deve me obedecer e fazer o que eu comandar sem ter o poder de me prejudicar, nem no corpo, nem na alma, e nem quem estiver comigo.

Essa experiência se faz à noite, depois das três horas até as quatro horas da manhã. Durante a aparição ele tomará a forma de um rei. É preciso lhe dar um pedaço de pão para que ele parta. Serve para deixar o homem feliz e também para os tesouros. Se escreverá ao redor do círculo: “Por Deus Santo, por Deus Santo, por Deus Santo.” (Fig.05)

Sexta feira Conjuração a Bechard

Deus Santo.” (Fig.05) Sexta feira Conjuração a Bechard Figura 6 © E.I.E. Caminhos da Tradição –

Figura 6

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

19

Eu te conjuro Bechard, e te compilo a vir a mim. Eu te conjuro outra vez, pelos santíssimos nomes de Deus, Eloi, Adonay, Eloi, Agla, Samalabactany, que são escritos em hebraico, grego e latim. Por todos os sacramentos, por todos os nomes escritos nesse livro, e por aquele que te expulsou do alto do céu. Eu te conjuro e te comando pela virtude da Santíssima Eucaristia, que livrou os homens de seus pecados, que sem nenhum atraso, venha para fazer tudo que eu mandar, sem nenhuma lesão de meu corpo, de minha alma, semcausar nenhum dano ao meu livro, nem aqueles que estão comigo.

Essa operação se faz à noite, depois das onze horas até a meia noite. É preciso lhe dar uma noz. Se escreverá em seu círculo: “Venha Bechard, venha Bechard, venha Bechard.” (fig. 06)

Sábado Conjuração a Guland

venha Bechard.” (fig. 06) Sábado Conjuração a Guland Figura 7 Eu te conjuro Guland, em nome

Figura 7

Eu te conjuro Guland, em nome de Satã, em nome de Belzebu, em nome de Astaroth, e em nome de todos os outros espíritos, que tu venhas diante de mim; venha então a mim, em nome de Satã e de todos os

outros demônios; venha então a mim, assim que eu te comandar, em nome da Santíssima Trindade, venha sem me fazer nenhum mal, sem lesão tanto de meu corpo, como de minha alma, sem estragar o meu livro e nem nada que me pertença. Eu te comando a vir, sem atraso, ou que envie outro espírito que tenha a mesma potência que tu, que cumpra as minhas ordens e que seja submisso à minha vontade. Se não me enviar que venhas tu mesmo e que não se vá sem meu consentimento, enquanto não tiver cumprido minha vontade.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

20

Essa experiência se faz à noite das onze horas à meia noite, e depois que ele aparecer, é preciso lhe dar um pão torrado e depois lhe pedir o que desejar. E ele te obedecerá naquele momento. Deve-se escrever em seu círculo: “Não entre Guland, não entre Guland, não entre Guland.” (fig. 07)

Domingo Conjuração a Surgat

entre Guland.” (fig. 07) Domingo Conjuração a Surgat Figura 8 Eu te conjuro Surgat, por todos

Figura 8

Eu te conjuro Surgat, por todos os nomes escritos nesse livro, que sem demora, e prontamente, você esteja aqui, pronto para me obedecer, ou que você me envie um espírito que me traga uma pedra com a qual, logo que eu aporte, eu não seja visto por ninguém. E eu te conjuro, que tu encontres um submisso para me

enviar, e que onde quer que esteja, faças cumprir a minha vontade e tudo isto, que eu comandei, sem prejudicar nem a mim, nem a ninguém a fim de que tu saibas o que eu desejo.

Essa experiência se faz à noite depois das onze horas até a uma hora da madrugas. Ele pedirá um fio de cabelo de sua cabeça, mas é preciso lhe dar um de um animal qualquer e obrigá-lo a aceitar. Deve-se escrever em seu círculo: “Tetragrammaton, 3, Ismael, Adonay, Ilma.”; e sobre um segundo círculo: “Venha Surgat, venha Surgat, venha Surgat.” (Fig. 08)

Nota da Tradução: Há, sem sombra de dúvidas uma grande malícia e maldade da parte de quem elaborou estes círculos acima. O autor, que supostamente deveria estar ensinando a conjurar os demônios criando um círculo de proteção, está na verdade criando o que chamamos na bruxaria de “Círculo de Confinamento” que executa o mesmo papel do “Triângulo

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

21

Goético” ou seja um portal por onde o demônio entra em nosso plano. Se, o conjurador ficar dentro deste círculo, ele estará correndo o risco de ser possuído e, se não for, estará no mínimo ligando a entidade à sua esfera astral e perderá o total controle sobre a entidade. Note, que o selo do espírito fica sempre no centro de um circulo, circundado por outro que maliciosamente diz:”Não entre”, ou seja, não entre no segundo círculo, quer dizer que o espírito não poderá sair do primeiro círculo onde o magista desinformado estaria localizado. A forma correta de se trabalhar com este círculo é posicionando-o diante do circulo goetico, do lado de fora deste, na direção do espírito, quer dizer, naquela que ele vem quando chamado (norte, sul, leste e oeste) ou, como na bruxaria, criando um círculo de proteção e dentro deste o círculo acima descrito, circundado por sal grosso, para impedir que o espírito se liberte. É, no mínimo falta de bom senso confinar-se num circulo juntamente com o selo pelo qual as entidades são evocadas.*

O Grande Exorcismo Para expulsar o demônio do corpo de qualquer pessoa, ou animal.

Demônio, saia do corpo de (nome do animal ou pessoa), pelo comando de Deus que eu adoro, e dê lugar ao Espírito Santo. Eu coloco, e faço o sinal da Santa Cruz em nome de Nosso Senhor J.C. em sua fronte, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Eu faço o sinal da cruz em nome do N.S.J.C. sobre o vosso peito, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Deus Eterno e Todo Poderoso, Pai de N.S.J.C., lançai os olhos de vossa misericórdia sobre seu servo (nome da pessoa), que você se dignou a dar o direito da fé, cure seu coração de toda a sorte de elementos e infortúnios e rompa todos, as correntes e ligaduras; ouça Senhor, derrame a sua Glória pela sua saúde, para que seja marcado com o selo de vossa sabedoria. Para que ele seja livre do mau cheiro, dos ataques e dos desejos do espírito imundo, e que esteja coberto com o perfume de vossa bondade e de vossas graças. Que ele possa observar com felicidade, os seus mandamentos dentro da sua igreja, e que ele, avance dia após dia, em direção ao aperfeiçoamento. E que ele seja digno de receber o remédio salutar, as suas faltas, por vosso santo batismo, pelos méritos do próprio J.C.N.S. e Deus, Senhor, nós vos suplicamos, para que ouças as nossas preces, de conservar e proteger este filho, com amor caridoso, Vós que salvastes em nome de vosso sangue precioso, e pela virtude da vossa Santa Cruz, da qual nós somos marcados: “Jesus, protetor dos pobres aflitos, seja propício ao povo que você adotou, nós faremos que ele seja conhecedor do Novo Testamento, para que as cartas da promessa, sejam ouvidas, sejam recebidas a vossa graça aquele que não podem esperar senão por vós J.C.N.S., que é o nosso recurso, que criou o céu e a terra. Eu te exorcizo criatura, em nome de Deus, o Pai Todo Poderoso, e que o amor que N.C.J.B. tem e pela virtude do Espírito Santo, eu te exorcizo pelo Grande Deus Vivente, que é o verdadeiro Deus que eu adoro, e pelo Deus que te criou, que conservou todos os seus eleitos, que ordenou aos seus servos de lhe bendizer, pela utilidade daqueles que creem nele, a fim de que tudo torne-se um sacramento salutar, para expulsar o inimigo. É por isso Senhor Nosso Deus, nós vos suplicamos para sacralizar esse sal, por sua santa bendição, e para lhe dar um perfeito remédio, para aqueles que o receberão, que eles caiam em suas entranhas, a fim de que eles sejam incorruptíveis em nome de N.S.J.C., e o selo do Deus de Abrahão, do Deus de Isaac, do Deus de Jacob, do Deus que se mostrou, ao seu servo Moisés, no Monte Sinai, que tirou as crianças de Israel do Egito, lhes dando um anjo, para lhes proteger e lhes conduzir de dia e de noite. Eu vos peço também, Senhor, de enviar seu Santo Anjo, para proteger seu servo (nome da pessoa), e de lhe conduzir a vida eterna, em virtude do vosso Santo Batismo. Eu te exorcizo espírito imundo e rebelde, em nome de Deus, do

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

22

Deus Pai, do Deus Filho e do Espírito Santo de Deus. Eu te comando a sair do corpo de (nome da pessoa), eu te conjuro a se retirar em nome daquele que deu a mão a São Pedro, quando ele estava prestes a se afogar na água. Obedeça maldito demônio, ao teu Deus e a sentença que foi pronunciada contra ti, e prestes honras ao Deus vivo, prestes honras ao Espírito Santo, e a J.C, filho único da Pai. Retire-se Serpente antiga do corpo de (nome da pessoa), porque o Grande Deus te comanda, que teu orgulho, te confunda, e te destrua, diante da insígnia da Santa Cruz, da qual nós somos marcados pelo batismo, e pela graça de J.C. Pense que o dia de seu suplício se aproxima, e que tormentas extremas te aguardam, que teu julgamento é irrevogável, que tua sentença te condena as chamas eternas, assim como, a todos seus companheiros, por sua rebelião, contra teu criador. É por isso maldito demônio, que eu te ordeno a fugir da parte de Deus que eu adoro, fuja pelo Deus Santo, pelo Deus Santo, pelo Deus vivo, por aquele que disse e que tudo foi feito, renda honras ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo e a Santíssima e indivisível Trindade. Eu te comando espírito sujo, que saia do corpo dessa criatura, (nome da pessoa) crê em Deus e que este mesmo Deus que é N.S.J.C., que se digne hoje, por sua infinita bondade, de chamar a graça de participar de seus Santos Sacramentos, que ele instituiu para o bem de todos os fiéis; em nome do Deus que julgará a todo mundo pelo fogo. Veja a cruz de N.S.J.C. + Fuja! Parta adversário! Veja o leão da Tribo de Judá, raiz de Davi.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

SEGUNDA PARTE

Feitiços e Contra-feitiços

23

Para remover qualquer feitiço E devolver para a pessoa que lhe fez o mal

Pegue o coração de um animal completamente morto, tomando cuidado de não causar nenhum dano nele e coloque em um prato apropriado. Pegue nove espinhos da Espinheiro Alva (Crataegus Laevigata) e proceda assim:

“Espete no coração um dos espinhos dizendo: “Adibaga, Sabaoth, Adonai, contra ratout prisons pererunt fini unixio paracle gossum.” Espete mais dois espinhos dizendo: “Qui fussum mediator agros gaviol valax.” Pegue outros dois e espetando diga: “Landa zazar valoi sator salu xio paracle gossum.” Pegue outros dois e espetando diga: “Mortus cum fice sunt et per fagelationem Domini Nostri Jesu-

Christi.”

A seguir pegue os dois últimos espinhos dizendo o seguinte: “Avir sunt (diante de vós) paracletor statum verbonum ofissum fidando.” Depois continue dizendo:

“Eu chamo aqueles ou aquelas que fizeram ou escreveram o Missal Abel, desamarre todo mal que foi feito de todos os lugares, que se encontre no mar ou na terra, em toda parte, sem demora e sem prejuízo.” Espete o coração com um prego, com estas últimas palavras. Note que se não for possível conseguir os espinhos da referida planta, pode-se usar pregos novos. O coração estando espetado como foi indicado, coloque-o em um pequeno saco, depois o prenda na chaminé, alto o suficiente para que ninguém possa ver. Na manhã seguinte, tire o coração do saco e coloque em um prato. Retirando o primeiro espinho, espete-o em outro lugar do coração pronunciando as palavras conforme foram explicadas acima; tire outros e repita as palavras convenientes, enfim faça tudo outra vez na mesma ordem, tomando cuidado de jamais espetar nos mesmos buracos. Continue este trabalho por nove dias. Todavia se você não quiser dar descanso ao malfeitor, você deve fazer a sua novena no mesmo dia e na mesma ordem prescrita, e quando tiver finalizado, espete o prego no coração pronunciando as palavras acima descritas. Depois fazendo um grande fogo, coloque o coração sobre uma grelha e asse na brasa ardente. É preciso que o feiticeiro lhe peça perdão para desfazer o feitiço, se ele não for capaz de vir pedir perdão no espaço de tempo que você ordenar, você o matará. Note bem, que você deve evitar, seja barrando a porta ou de qualquer outra maneira que o feiticeiro se aproxime da sua grelha.

Para romper ou destruir todos os malefícios feitos contra os animais

Pegue um pacote de sal, mais ou menos segundo a quantidade de animais enfeitiçados e pronuncie o seguinte sobre o sal: “Hergo gomet unc geridans sesserant delibérant anci.”

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

24

De três voltas em torno dos animais e continuando seguindo o curso deste astro, até fechar o círculo. Fique de frente para os animais e salpique algumas pitadas de sal sobre ele recitando as mesmas palavras.

Espelho simpático

ele recitando as mesmas palavras.  Espelho simpático Figura 9 Este espelho conforme a forma indicada

Figura 9

Este espelho conforme a forma indicada na figura 09 é dupla face, plano de um lado e de aumento do outro. Estes dois lados se chamam respectivamente, pequeno lado e grande lado do espelho. O espelho simpático

é empregado em algumas operações de contra feitiço para conhecer o malfeitor. Olha-se tanto de um lado, como

de outro, pronunciando as palavras indicadas, e em determinado momento, a própria figura do operador desaparece e no lugar aparece a figura do feiticeiro que fica aparecendo e desaparecendo frequentemente. Quando o trabalho for para livrar uma pessoa cujo mal esteja bastante avançado, se faz necessário expulsar a doença com espelho, repetindo as palavras misteriosas ditas na operação de contra feitiço. O espelho simpático possui, além de certas virtudes naturais, entre outras, a virtude de curar as dores agudas e reumáticas em geral. Para isso, toque a parte do corpo correspondente a dor, tanto de um lado do espelho como de outro, sem olhar de qual lado começou, jurando cada vez a três santos dizendo, por exemplo:

“São João, São José, São Pedro; eu vos lhe suplico curar (nome da doença)”; repita três vezes o nome do Santos e depois diga três Padre Nosso e Três Ave Maria, depois fazendo o sinal da cruz. Recomendar ao doente de esfregar

a parte doente do corpo, com os dedos umedecidos de saliva, uma vez por dia, durante três dias, e dizer em

seguida, três Pai Nosso, três Ave Maria, conforme explicamos acima. Para ter um espelho como este, compre um espelho de duas faces conforme o espelho simpático, e numa evocação se conjura o espírito que se reconhece “as virtudes estipuladas neste livro”, a qual ele não pode recusar. Neste caso, você pedirá para ele tocar o espelho, ele precisará jogar o espelho dentro do círculo sem quebrar e dotá-lo das virtudes acima ditas. Este espelho não poderá servir para nenhum outro uso profano.

O Talismã sua confecção e virtude

Na véspera de São João entre uma e duas horas da manhã ir até onde tenha a planta Pervinca Selvagem ou Pervinca Pequena (Minor), você pode ter no seu jardim ou em vasos de flores, notando que neste último caso os vasos devem estar colocados de maneira que você precise sair da casa para pegá-los. Colha as plantas sem

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

25

dizer nada, leve para sua casa, tomando o cuidado de não olhar para trás mesmo se você escutar barulhos, nem se você ouvir ruídos atrás do seu calcanhar. Nenhum mal de resto pode recair sobre o operador durante o trajeto, todos os animais, fugirão com sua aproximação. Conserve as flores que você colheu para usar nos fins que agora apresentamos. (N.T. Colocar o conteúdo colhido dentro de uma caixa.)

Pegue como for possível o primeiro ramo, que você colocar os olhos, assim que você abrir a caixa com as plantas coletadas acima. Coloque-a na cabeça e depois coloque em um pequeno pedaço de papel branco. Depois retire nove folhas do mesmo ramo, colocando na cabeça e retornando ao papel. Depois junte tudo como um saquinho de canfora e dobre. Feito isto, o papel será dobrado em dois, e você não verá mais, consequentemente,

o conteúdo. Diga continuando a dobrar esse papel:

1º Se você quiser usar o pacote como um talismã, dizer: “Para (nome da pessoa que vai utilizar o talismã), residente a (endereço), nós queremos curar de uma má sorte se ela houver, ou se ela vier a ter. Uma vez Vassis atalos versu et cremus, verbo san herbo, diboliâ herbonos; duas vezes Vassis atalos, etc.; três vezes Vassis, atalos, etc. Quando estiver fazendo o pacote, deixe apoiado constantemente sobre o lado pequeno do espelho; quando ele estiver pronto, toque-o do lado grande do espelho, e dê para pessoa. Se a pessoa for usar como um talismã ela deve pegar com a mão direita, fazer o sinal da cruz e o carregar como um escapulário, envolvido em um pedaço de linho. Sua virtude dura um ano e ao final desse tempo deve-se queimá-lo. Se for para se curar, ela pega igualmente com a mão direita, faz o sinal da cruz, e prende na sua roupa, de maneira que ele esteja em contato com a pele, onde estiver o mal. Esperar três dias, ou cinco dias se for necessário. Ao final deste tempo pegar (o doente ou o operador) o pacote e fazer o sinal da cruz e queimá-lo. Depois disso, cobri-lo com carvão e sair do local, sendo que ao colocar o pé fora que Deus nos guarde. O pacote e as palavras servem para diversos fins. Note bem que o operador pode fazer tudo em sua casa e levar para o doente.

Cuidados a ter quando voltar da casa de uma pessoa que você quer curar

Passar numa encruzilhada, a melhor é a de quatro caminhos, mas pegue a primeira que encontrar, jogue uma moeda no meio do caminho com bastante força e diga: “Aqui está, vai buscar!” E ir embora sem olhar para trás.

Para destruir um feitiço e ver quem é o feiticeiro

Comprar uma panela de barro, cinco pedras de cânforas, um pacote de agulhas e um coração de bezerro.

A rigor poderia se servir do coração de uma fêmea, e tudo sem pechinchar. Fechar bem a porta de onde fará a

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

26

operação. Coloque o coração sobre um prato apropriado, e espete separadamente as agulhas repetindo as palavras seguintes que nós já conhecemos:

Contra um tal ou uma tal (se sabemos quem é a pessoa ou se a conhecemos, diga o seu nome.) Uma vez Vassis atalos versu et cremus, verbo san herbo, diboliâ herbonos; duas vezes Vassis atalos, etc.; três vezes Vassis, atalos, etc.

A operação terminada coloque o coração dentro da panela de barro e três gotas de água benta. Coloque a

panela no fogo às onze e meia em ponto, e deixe cozinhar até a uma da madrugada pelo menos. De manhã, enterre a panela na terra em um local que não seja cultivado. Para ver o feiticeiro, enquanto a panela estiver cozinhando, do começo ao fim, e de cinco em cinco minutos, repita as palavras acima ditas, olhando no espelho, tanto de um lado, como de outro. É muito raro não

conseguir ver o feiticeiro. Nota: Tome bastante cuidado de não sair, e que nenhuma pessoa da casa saia, enquanto durar a operação. É bom dar um pacote ao doente antes de começar a operação.

É preciso fazer uma novena, isto é, durante nove outros dias, às onze e meia, seja da noite ou da manhã, repete-se as palavras acima ditas.

Para desmanchar um feitiço e livrar uma casa dos demônios.

Dar um pacote ao enfeitiçado ou pendurá-lo na chaminé num pedaço de lona novo. Se a pessoa for louca, é preciso mandar rezar 03 missas, em 03 paróquias diferentes e na casa da família. Na hora das missas, todos devem dizer: eu creio em Deus. Fazer o sinal da cruz, rezar três Pais Nosso, três Aves Maria, fazer de novo o sinal da cruz e reze o “Veni Creator”. Feito isto se coloque na posição do meio dia, munido de água benta na mão esquerda e na mão direita o carvão bento. E diga: Ó Deus do meio dia, ó Deus do Oriente, ó Deus do Ocidente, ó Deus Setentrional. Destrua a nossa má sorte, e o feitiço que há sobre nossas vidas. Pronuncie essas palavras três vezes e cada vez aspirja água com força à direita e a esquerda. Faça uma novena olhando para o espelho se você já tiver um com as palavras já citadas.

Para romper e destruir um feitiço, por meio de um galo preto

Pegue um galo preto e pingue três gotas de água benta dentro de seu bico, e prenda-o pelas patas em um sótão, onde você o deixará por três dias. Passado esse tempo, pegue-o pelas patas e enterre-o em um estrume quente de ovelhas, dentro de um curral, tendo o cuidado de que ninguém possa ir lá e retirá-lo. O feiticeiro ficará doente e morrerá ao longo de seis meses a um ano. Enquanto faz as operações acima descritas, pronuncie as palavras que nós já o fizemos conhecer: Contra um tal ou tal, uma vez Vassis, etc. Tome o cuidado, de fechar o sótão a chave enquanto o galo estiver lá.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Para desviar uma pessoa

27

Pegue um sapo antes do Sol nascer, ou depois que o Sol se por. Empurre-lhe (antes ou após o sol) um pedaço de canfora pela goela, com um pedaço de madeira ou um prego. Feche as duas mandíbulas do sapo com o

que usou para enfiar na garganta. Depois costure a boca dele, e pendure na chaminé, bastante alto para que não seja visto. Enquanto faz o trabalho acima, do começo ao fim, diga: Eu te condeno (Nome da pessoa), eu te condeno a morrer, você que fez o mal. Contra tu uma vez Vassis, etc. Fazer uma novena.

Para a mesma finalidade

Pegue um ramo de Melier (Nespilus Germanicus), um ramo de visco, e um ramo de aveleira selvagem, tendo cada um três pés de comprimento, coloque um pedaço de madeira seca, deixando queimar até o fim. Depois que acabar de queimar, diga as palavras acima e faça a novena.

Para desviar um mal encontro

Dê três passos para trás pensando na pessoa e diga: Contra tu, verbo san Diboliá herbonos.

Para amarrar e fazer sofrer uma pessoa

herbonos.  Para amarrar e fazer sofrer uma pessoa Vá a um cemitério e pegue um

Vá a um cemitério e pegue um prego de um caixão velho dizendo: Prego eu te pego a fim de que tu me sirvas, para desviar e fazer mal, a toda pessoa que eu quiser. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amem. Quando você quiser ficar longe, trace a figura 10 sobre um pedaço de madeira nova, e pregue o prego no meio do triângulo dizendo: “Pai nosso que estais na terra”. Bata sobre o prego com uma pedra, dizendo: “Que você faças o mal a (nome da pessoa) até que eu te tire daí. Cubra a madeira com um pouco de terra e marque bem no lugar onde ela está, senão não poderá desmanchar o mal que aquilo causa. Quando quiser parar e desmanchar o feitiço, tire o prego dizendo: “Eu te retiro, a fim de que cesse o mal que tu causaste a (nome da

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

28

pessoa), em nome Pai, do Filho e do Espírito Santo. Tirar o prego e apagar os caracteres, não com a mesma mão que você a fez, mas com a outra.

Para fazer uma pessoa sofrer

Operar na última sexta feira do mês de manhã em jejum. Pegue um pedaço de banha de porco, da grossura de um ovo, e corte em tiras, cerca de umas trinta sem contar. Dizendo as seguintes palavras conhecidas:

Vassis, etc. Coloque em cima dois ramos benditos em cruz e enterre tudo em um terreno não cultivado.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

TERCEIRA PARTE

Segredos Maravilhosos

29

Castelo da Bela Guarda para os cavalos e as ovelhas

Coloque sal em um prato antes do sol nascer e com os animais diante de você pronuncie, estando de joelhos e com a cabeça nua: “Sal que é feito e formou o castelo de Bela, santa Bela Elizabete, em nome de Disolet, Soffet, portanto sal, sal que sal, eu te conjuro em nome da Glória, de Doriante e de Galiane, sua irmã, sal eu te conjuro que tu me ajudes a ter vivos meus cavalos que aqui eu apresento diante de Deus e diante de mim, completamente saudáveis, bem alimentados, gordos, conforme a minha vontade. Sal que sal, eu te conjuro pela potência da Glória, e pela virtude da Glória, e com toda a minha intenção sempre de Glória. Isso deve ser pronunciado no nascente do sol, depois vá para o outro lado segundo o curso deste astro e pronuncie as mesmas palavras que acima em cada um dos cantos, e quando chegar no seu ponto de partida, repita mais uma vez as mesmas palavras. Certifique-se que durante toda a cerimônia os animais estejam diante de você porque aqueles que atravessarem ficarão selvagens. Dê então três voltas ao redor de seus cavalos, salpicando sal sobre seus animais dizendo: Sal eu te jogo com a mão que Deus me deu: Grapin eu te prendo e você me atende. Com o restante do seu sal, você deve sangrar o animal sobre o qual monta dizendo; “Besta cavalina, eu te sangro com a mão que deus me deu: Grapin, eu te prendo e você me atende.” Deve-se sangrar o animal com um pedaço de madeira dura, como de buxo ou pereira, tire o sangue daquela parte do animal tendo cuidado de não ficar atrás do animal para não levar um coice. Se for uma ovelha, segure sua cabeça entre suas pernas, depois de sangrar o animal você deve fazer um corte no casco do pé direito. Quer dizer que você deve cortar um pedaço do casco do pé direito. Depois com uma faca, corte esse pedaço em dois e faça uma cruz, coloque essa cruz em um pedaço de lona nova e cubra com o seu sal. Então pegue um pouco de lã das ovelhas, ou então, no caso de cavalos, pegue da crina, e faça uma pequena cruz que você colocará dentro da lona, sobre o sal, então coloque sobre esta lã ou crina, mais um pouco de sal, faça então outra pequena cruz de círio pascal virgem ou vela benta. Depois coloque o restante do sal por cima, e amarre toda a pelota com uma fita. Bata esta pelota nos animais antes de sair do estábulo, se forem cavalos; se forem ovelha deverá bater ao sair do curral ou do campo, pronunciando as palavras que foram usadas para jogar o sal; continue a bater durante um, dois, três, sete, nove ou onze dias consecutivos segundo a força ou vigor dos animais. Note que você não deve jogar o sal na última palavra. Quando operar sobre os cavalos, pronuncie vivamente. Quando agir sobre as ovelhas, quanto mais longo você pronunciar, melhor. Todas as guardas são começadas na sexta feira ou na terça feira da lua crescente. É bom lembrar que suas pelotas não devem pegar umidade porque se isto acontecer, seus animais perecerão. Guarde-os ordinariamente em uma entretela, mas sem esquecer-se de tomar cuidado, faça como os praticantes espertos, coloque-a em sua casa em qualquer lugar seco e seguro e nada tema. Nós dissemos acima para não pegar mais do que o casco do pé direito para fazer a pelota. A maioria das pessoas pegam dos quatro pés e consequentemente fazem duas cruzes, já que tem quatro pedaços, mas isto é superficial

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

30

e não produz nada demais. Se você fizer todas as cerimônias dos quatro lados apenas do lado que o sol se levante, o rebanho não se dispersará.

Note que um mau pastor, alguém que tenha sido substituído, (por vingança) pode lhe causar duras penas e até destruir o rebanho. (abaixo os modos pelos quais ele pode agir)

Primeiro pela forma da pelota que ele corta em pedaços e que ela dispersa. Sobre uma tábua ou outro lugar;

Pela maneira de uma toupeira ou uma doninha, ou ainda a maneira de um sapo ou uma rã verde, que se mete em um formigueiro dizendo: “Maldição, perdição.” Deixe-se ali durante nove dias, ao final dos quais, retira com as mesmas palavras e transforma em pó. Dar esse pó para alimentar o rebanho.

Pode-se servir de três seixos pegos em três cemitérios pronunciando certas palavras que nós não vamos revelar porque informando esses dados, você poderia destruir os animais como quisesse. Nós daremos mais adiante a maneira de romper e destruir esses feitiços.

Contra as infecções de ouvidos e cólicas equinas

Passe a mão sobre o ventre do cavalo e diga: Cavalo (nome do cavalo) pertencente a (nome da pessoa) se você tem avives (bactérias que causam dores de ouvido no cavalo) de qualquer cor que eles sejam, ou cólicas vermelhas (menstrual) ou cólicas abdominais, ou trinta e seis tipos de outros males de qualquer tipo que eles sejam, que Deus te cure e te abençoe, Santo Elói, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Digam-se cinco Pais Nossos e cinco Aves Maria de joelhos e faça o cavalo engolir um punhado de sal cinza e água.

Para os cordeiros ficarem saudáveis e bem fortes

Pegue o primeiro nascido, deve ser de fato o primeiro que vier, e levante-o da terra dizendo: “Ecce lignum crucem in cuo salus mundi crucem”. Coloque-o no chão e repita a frase três vezes. Feito isto, pronuncie em voz baixa a oração do dia que você encontrará no Enchiridion.

(Enchiridion Leonis Papae ou Grimório do Papa Leão edição de 1740 esta edição é uma edição rara e está em processo de tradução pela E.I.E (10/06/13) com previsão de estar pronta em torno de 30 dias desta data)

Oração extraída do Enchiridion edição 1740 para complemento do material:

Desenhe sobre pergaminho virgem o Santo Sudário conforme a figura abaixo:

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Escreva depois da sexta-feira santa durante a paixão: 31 Othéos + à Ortoo + Noxio

Escreva depois da sexta-feira santa durante a paixão:

31

Othéos + à Ortoo + Noxio + Bay + Gloy + Apenib Depois coloque isto na ponta de uma haste e finque no chão, as ovelhas não se desviarão deste ponto.

Para curar um câncer ou outro mal acessível aos olhos e aos dedos

Com o dedo médio, o mais longo, passe três vezes em torno do mal no sentido horário, dizendo:

“Maldoso mal (nome da doença), disseram que você tem tantas raízes aqui como Deus têm amigos no céu.” Faça essa operação três dias seguidos antes do nascer do Sol. E quando estiver passando o dedo não deixe levantar da pele.

Contra queimaduras

São Lázaro e N.S.J.C. iam para uma vila santa. São Lázaro disse a N.S.: “Eu escuto lá em cima um grande barulho.” N.S. lhe respondeu: “É uma criança que está queimando, vá lá e cure as suas feridas com seu sopro.” Pronunciando três vezes essas palavras sobre as queimaduras, soprando a cada vez que diz: “Fogo perca seu calor como Judas perdeu sua cor quando traiu nosso Senhor no horto das Oliveiras. Depois aplique uma compressa bem embebida de óleo de oliva.

Para encontrar objetos roubados

Queime um bom punhado de arruda e outro de chinelo (variedade de orquídea) dizendo: “Eu creio em Deus” três vezes fazendo o sinal da cruz antes e depois.

Para ver em uma visão o que você quiser do passado ou do futuro

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

32 A noite antes de se deitar copie a figura 11 num pergaminho virgem. Os

32

A noite antes de se deitar copie a figura 11 num pergaminho virgem. Os dois N.N. indicam o local onde você deve colocar os nomes assim como o que você deseja saber. Espaço livre entre os dois círculos é destinado a saber o nome dos anjos que você deseja evocar, feito isto recite três vezes a oração seguinte e deite-se do lado direito com a orelha em cima do pergaminho. Oração: “Ó glorioso nome do Grande Deus vivente o qual de todos os tempos, de todas as coisas são presentes. Eu que sou vosso servo (nome da pessoa), Pai Eterno eu te suplico de enviar seus anjos que estão escritos no círculo, e que me mostrarão o que eu estou curioso para saber e aprender, por J.C.N.S., assim seja!”

Para parar uma serpente

Jogue atrás dela um pedaço de papel embebido numa solução de Alumen (de Potássio) sobre o qual você escreveu: “Pare bela aqui eis uma oferenda.” Depois faça assobiar diante dela uma vara de vime: Se ela for tocada por esta vara ela morrerá sobre o campo, ou ela fugirá prontamente.

Para parar cavalos e cavaleiros

ela fugirá prontamente.  Para parar cavalos e cavaleiros Trace sobre um papel preto com tinta

Trace sobre um papel preto com tinta branca representado pela figura 12. E coloque esse traçado na cabeça do cavalo dizendo: “Cavalo branco ou preto de qualquer cor que você possa ser. Sou eu que te obrigo a fazer, eu te conjuro a não levantar os teus pés como tu fazes com as orelhas que nem Belzebu possa romper esta corrente.” É preciso para essa experiência um prego forjado durante a missa da meia noite, que você vai jogar por

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

33

onde eles costumam passar. Se não tiver o prego pegue outra ponta e conjure assim “Ponta eu te conjuro em nome de Lúcifer, Belzebu e Satanás, os três príncipes de todos os diabos que você deve fazer parar.” Durante três dias anteriores a esta operação tome cuidado de não fazer nenhuma prática cristã.

Contra feitiço

Hóstia sacra venha destruir, colocando o grande diabo do inferno, todas as palavras, encantamentos e caracteres que foram ditos, licenças e celebrações sobre os corpos de meus saudáveis cavalos, que eles (os feitiços) sejam destruídos atrás de mim. Depois você deve recitar a oração que começa por essas palavras: “Verbo que se fez carne.” Ver o Enchirideon.

Para parecer que está acompanhado de várias pessoas

Pegue um punhado de areia e conjure-a assim: “Anachi, Jeovah, Haelersa, Azarbel, ret caras sapor aye por cacotamo lopydon ardagal mardas posto eulia buget Kephar, Solzeth, Karne phaca ghedolossalese tata.” Coloque a areia conjurada dentro de uma garrafa de marfim junto com um pouco de serpente tigre em pó. Depois jogue no ar repetindo a conjuração e aparecerá o mesmo tanto de homens que grãos de areia, nos dias e horas que o Sol estiver no signo de M. a Virgem.

Para ficar invisível

Você roubara um gato preto e comprará sem pechinchar uma panela nova, um espelho, um isqueiro, uma pedra de ágata, uma mecha de carvão, observando de ir buscar um copo d’água à meia noite, em uma fonte. Depois acender o fogo, coloque o gato na panela, depois coloque no fogo, tendo a mão esquerda coberta sem se mover nem olhar ao seu redor. Ignore qualquer barulho que você escutar, não olhe ao redor. Depois de ter cozinhado o gato por 24 horas, coloque em um prato novo, pegue a carne e jogue por cima do ombro esquerdo dizendo essas palavras: “Accip quod tibi do, et nihil amplius. Depois coloque os ossos um a um entre os dentes do lado esquerdo, olhando no espelho, e se isso não bastar, você colocará outros ossos de novo dizendo as mesmas palavras até que você desapareça. Assim que você não mais se visualizar no espelho, recue dizendo: “Pater in manos tuas, commendo spiritu meo.” Conserve esse osso fora do alcance da vista de todo profano. Para ficar invisível basta colocá-lo entre os dentes.

Ligadura para viajar sem se cansar

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Figura 13 figura 14 34 Saia de sua casa em jejum, andando do lado esquerdo

Figura 13

Figura 13 figura 14 34 Saia de sua casa em jejum, andando do lado esquerdo até

figura 14

34

Saia de sua casa em jejum, andando do lado esquerdo até que você encontre um bazar, e compre um metro de fita branca, pague sem pechinchar e deixe cair um centavo dentro da boutique. Retorne para sua casa. Na manhã seguinte, faça a mesma coisa só que dessa vez compre uma caneta tinteiro. E quando você estiver em sua casa escreva com seu próprio sangue sobre a fita os caracteres da figura 13, para a ligadura da direita, e aqueles da figura 14 para a ligadura da esquerda. Feito isto, saia de sua casa no terceiro dia com as fitas e a caneta, até que você encontre um confeiteiro ou um padeiro. E compra um bolo ou um pão, vá até então até o primeiro cabaré, e peça um meia garrafa de vinho, faça seu copo ser enxaguado três vezes pela mesma pessoa. Parta o pão ou o bolo em três e coloque dentro do copo, junto com o vinho, e pegue o primeiro pedaço e jogue embaixo a mesa, sem olhar dizendo: “Irly para você.” Depois pegue o outro pedaço faça o mesmo dizendo:

“Terly, para você.” Depois escreva do outro lado da ligadura com teu sangue o nome desses espíritos. Jogue o terceiro pedaço dizendo: “Erly, para você.” Jogue a caneta,beba o vinho sem comer e vá embora. Quando estiver fora da vila, coloque suas ligaduras tomando cuidado de não colocar a da mão direita na esquerda e vice-versa, pois isso traz consequências. Bata três vezes o pé contra a terra reclamando o nome dos espíritos, Irly, Terly, Erly, Baltazar, Belchior e Gaspar, caminhemos: Faça sua viagem!

Para não se cansar caminhando

Escreva sobre três fitas de seda: Gaspar, Melchior e Baltazar. E amarre uma dessas fitas acima do joelho direito, sem apertar. A segunda acima do joelho esquerdo, e a terceira na altura dos rins. Tome antes de começar a caminhada, um pequeno copo de anis puro ou misturado com vinho branco. E depois esfregue sobre os pés arruda esmagada com azeite de oliva.

Para impedir de comer a mesa

Espete debaixo da mesa uma agulha que serviu para costurar um morto e depois diga: Coridal, Nardak, Degon. Coloque então, um pedaço de assa fétida sobre um carvão e saia.

Para ganhar na loteria

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

35

35 Figura 15 Colha na véspera de São Pedro, antes do nascer do Sol, uma erva

Figura 15

Colha na véspera de São Pedro, antes do nascer do Sol, uma erva chamada Morsus Diaboli (Succisa Pratensis). Deixe-a uma tarde sobre a pedra bendita e depois a seque. Depois transforme-a em pó e carregue consigo em um saco de seda branca. Para colhe-la é preciso fazer o demicírculo com os nomes cruzes marcadas na figura 15.

Para ganhar no jogo de dados

Dados, eu te conjuro em nome de Assizer e de Rassize, que eles sempre me tragam vitória, exclusivamente para mim, em nome de Assa e de Lengrio. Note bem que é preciso, que você seja portador de um escapulário formado de folhas de trevo, como foi dito no feitiço acima.

Para ganhar no jogo

Em um dia tempestuoso, colha um trevo de quatro ou cinco folhas, fazendo em cima o sinal da cruz, depois diga: “Trevo, ou trevo grande, eu te colho em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, pela virgindade da Santa Virgem, pela virgindade de São João Batista, pela virgindade de São João evangelista, que você venha me seguir para sorte de jogo. Reze então cinco Pai Nossos e cinco Aves Maria. Depois continue: El, Agios, Ischiros, Atanatos. Você fechará este trevo em um sache de seda preta, que você trará como um escapulário, toda vez que você jogar. Fora deste tempo, é preciso ter o cuidado de guardá-lo cuidadosamente.

Para ganhar todas as vezes que jogar na loteria

É preciso antes de dormir recitar três vezes a oração seguinte, antes de colocá-la debaixo da orelha, escrita em um pergaminho virgem, sobre o qual você terá mandado rezar uma missa do Espírito Santo e durante o sono, o gênio do seu planeta virá dizer a que horas você deve pegar o seu bilhete: Domine Jesus Christe, qui dixisti: ego sum via, veritas et vita: ecce enim veritatem dilexisti, incerte et occulta sapientice tuce manifesta mibi adhuc quce revelet in hac nocte sicut ita revelatum fuit parvilis solis, incognita et ventura unaque alia me doceas,

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

36

ut possim omnia cognocere; si et si sit; ita monstra mibi mortem ornatam imni cibo bono, pulchrum et gratum pomarium, autquamdam rem gratam: sin autem ministra mibi ignem ardentem, vel aquarum currenten, vel aliam quamcumque rem quce Domino placeant, et vel Angeli, Ariel, Rubiel et Barachiel sitis mibi multum amotares et factores ad opus istud obtinendum quod cupio scire, videre, cognoscere, et providere per illum Deum qui ventururus et judacaire vivos et mortuos, et sceculum per ignem. Amen Depois diga três Pais Nossos e três Aves Maria pelas almas do purgatório.

Para se fazer amar

Tire seu sangue numa sexta feira de primavera, coloque em uma pequena panela de barro, com os testículos de uma lebre, e o fígado de uma pomba e seque tudo em um forno onde se assa o pão. Reduza tudo em um pó fino, que você fará engolir a pessoa dos seus desejos, mais ou menos uma grama. E se não surtir o efeito da primeira vez, refaça em até três vezes e você será amado.

Para fazer vir uma garota mesmo que ela não esteja inclinada à isto

vir uma garota mesmo que ela não esteja inclinada à isto Figura 16 Experiência de uma

Figura 16 Experiência de uma força maravilhosa das inteligências superiores. É preciso notar na lua crescente ou minguante, uma estrela entre onze horas e meia noite; mas antes de começar, faça o seguinte: Pegue um pergaminho virgem e escreva no nome daquela que você quer que venha. É preciso que o pergaminho seja cortado na maneira apresentada na figura 16. Os dois “N” “N”, marcam o lugar dos nomes, do outro lado, você escreverá essas palavras: “Machidael, Barofchas. Depois você colocará o pergaminho na terra, com o nome da pessoa contra a terra. O pé direito em cima e o joelho esquerdo na terra. Então olhando para essa brilhante estrela, e tendo na mão direita uma vela de sebo branca que possa durar uma hora, você dirá a conjuração seguinte:

Conjuração

Eu te saúdo e conjuro, ó bela lua e bela estrela, brilhante luz que eu tenho na mão, pelo ar que eu respiro, pelo ar que está em mim, e pela terra que eu toco. Eu te conjuro, por todos os nomes dos espíritos, príncipes que residem em vós, pelo nome inefável com o qual tudo foi criado, pelo teu belo anjo Gabriel, com os príncipes Mercúrio, Michael e Melchidael. Eu te conjuro de novo, por todos os divinos nomes de Deus, que vos enviará para

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

37

obsediar, atormentar, trabalhar, o espírito, a alma, e os cinco sentidos de N (nome da pessoa) cujo nome está escrito acima de modo que ela venha (dizer seu nome) até mim, e que ela cumpra minha vontade e que ela não tenha amizade com nenhuma pessoa do mundo, especialmente por N (nome da pessoa), enquanto ela estiver indiferente a mim. Que ela não possa resistir, que ela seja obsediada, e sofra atormentada. Vão então prontamente, Melchidael, Barechas, Zazel, Tiriel, Malchas, e todos esses que estão com vocês. Eu vos conjuro pelo grande Deus vivente de lhes enviar prontamente para cumprir minha vontade. Eu (dizer seu nome) prometo lhe satisfazer.

Depois de haver pronunciado três vezes essa conjuração coloque a vela sobre o pergaminho e deixe lá queimando. Na manhã seguinte, pegue o dito pergaminho e coloque dentro de seu sapato esquerdo onde você deverá deixá-lo até que a pessoa pela qual você procurou velha lhe procurar. É preciso especificar na conjuração, o dia que você gostaria que ela viesse, e ela não falhará.

Fazer uma mulher dançar nua

Escreva em um pergaminho virgem o caractere de FRUTIMIERE com o sangue de um morcego. Então ponha em uma pedra santificada em cima da qual uma missa foi dita. Depois disto quando você quiser usá-lo, coloque o caractere debaixo da soleira ou limiar de uma porta. Quando a mulher entrar e passar pela porta. Ela se despirá e será e dançará crescentemente até morte, com caretas e contorção que causarão mais piedade que desejo, caso a pessoa não remova o caractere.

Para impedir a copulação

não remova o caractere.  Para impedir a copulação Figura 18 Para esta experiência é preciso

Figura 18

Para esta experiência é preciso ter um canivete novo, depois, num sábado na hora precisa do levantar da lua na fase minguante, com a ponta do seu canivete risque atrás da porta onde as pessoas dormem os caracteres da figura 18, enquanto dia as palavras: consummatum est, e quebre a ponta do canivete na porta.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

38

Para não ser ferido por nenhuma arma

Diga três vezes pela manhã quando se levantar e três vezes à noite antes de dormir: Eu me levanto (ou eu me deito) em nome de J.C. que foi crucificado por mim; Jesus queira me abençoar, Jesus queira me conduzir, Jesus queira me guardar; Jesus queira me governar e conduzir para a vida eterna, em nome do Pai, do filho e do Espírito Santo. Escreva sobre a espada ou a arma que você irá usar o seguinte: Ibel, Ebel, Abel.

Contra um golpe de espadas

Antes de sair para a batalha, escreva sobre uma fita, não importa de que cor as duas palavras: Buoni jacum; amarre no punho direito, defenda-se da espada de seu inimigo que não lhe tocará a ponta.

Para quando for sair em ação

Reze cinco Pai Nossos e cinco Aves Maria, em honra das cinco chagas de N.S.J.C. Depois três vezes o seguinte: “Eu vou com a camisa de Notre-Damme, eu estou envolvido pelas chagas de meu Deus, as quatro coroas do céu, do Sr. São João Evangelista, São Lucas, São Mateus e São Marcos. Que eles possam me guardar, que nenhum homem ou mulher, nem chumbo, nem ferro, nem aço, não possa me ferir, nem me quebrar. Em nome do Deus da Paz. Depois, escreva as palavras seguintes com tinta na empunhadeira branca da espada: “Est principio, est in principio, est un verbum, deum est tu phantu.” Vale por vinte quatro horas.

Contra Armas de fogo Astro que conduz a arma hoje que meu feitiço repouse em ti e que você me obedeça. Em nome do Pai, do Filho et Satanatis. Faça o sinal da cruz.

Para encantar as armas de fogo

É preciso dizer enquanto pega a arma: “Deus existe e o diabo saiu.” E quando você estiver mirando cruze a perna esquerda sobre a direita e diga: “Non tradas, dominum nostrum Jesus Cristo matom. Amén.”

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

39

Para fazer alguém perder uma arma

Pegue um vaso de barro novo e

a sua corneta de latão. Encha o vaso de raiz de mandrágora em pó.

Depois assopre a corneta pronunciando para si mesmo: “Abla got, bata, bata, bleu.”

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

40 QUARTA PARTE A Mão de Glória Arranque o cabelo de uma égua em um
40
QUARTA PARTE
A Mão de Glória
Arranque o cabelo de uma égua em um dia de calor, pelas raízes, próximo à natureza, dizendo DRAGNE,
DRAGNE, DRAGNE. Então os amarre em um nó. Agora saia e compre, sem disputa em cima do preço, uma panela
nova de louça que terá uma tampa. Volte a sua casa tão rápido quanto você puder, encha a panela de água de
fonte, até que está quase cheio. Coloque os cabelos amarrados dentro, tampe, e coloque onde você nem
qualquer um possa ver.
Depois de nove dias, ocultamente, tire a panela e abra, e você achará que há um animal pequeno como
uma pequena cobra dentro. Esta criatura saltará para cima. Então diga: EU ACEITO O PACTO.
Não
toque
o
animal
com
sua
mão.
Coloque
em
uma
caixa
nova
que
você
comprou
para este
propósito,
sem pechinchar sobre preço. Você tem que alimentar a criatura só com farelo de trigo, diariamente.
Quando você precisa de ouro ou prata, coloque o mesmo tanto quanto você quer na caixa. Vá para cama,
com a caixa ao lado da cama. Durma, se você deseja, durante três ou quatro horas. Quando despertar então você
achará que o dinheiro que você colocou na caixa foi dobrado. (ou seja, você encontrará o dinheiro que você
colocou lá e mais o dobro dele) Mas o que você pôs primeiro na caixa deve ser deixado lá.
Note que a pequena figura em forma de serpente não vem senão pelo poder do encantamento e você
não deve pedir mais de cem francos em cada momento. Porém, se o seu planeta tiver ascendência sobre as
coisas sobrenaturais, a serpente terá uma aparência próxima de uma forma humana, então você poderá obter
mil francos cada vez.
Se você quiser descartar a criatura pode dá-la a quem quiser, desde que a pessoa escolhida aceite. Caso
contrário traçará os signos e caracteres da figura 19 sobre um pergaminho virgem e o colocará dentro da caixa e
© E.I.E. Caminhos da Tradição – http://www.cursosdemagia.com.br – O Verdadeiro Dragão Negro

41

coloque na caixa em vez de seu farelo diário, uma hóstia consagrada pelo padre na primeira Missa do dia. Depois de comer isto ela morrerá. Acima de tudo, não omita nada neste procedimento, porque isto não é brincadeira.

nada neste procedimento, porque isto não é brincadeira. © E.I.E. Caminhos da Tradição –

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

42 A Franga Preta Pegue uma franga preta que nunca botou e nenhum galo jamais
42
A Franga Preta
Pegue uma franga preta que nunca botou e nenhum galo jamais se aproximou. Tome cuidado de pegá-la
sem a fazer gritar às onze horas da noite, pegue pelo pescoço sem apertar muito, senão ela vai começar a gritar;
dirija-se a uma encruzilhada de quatro caminhos e quando for meia noite em ponto, faça um círculo com uma
baqueta de cipreste, coloque-se no meio e corte o corpo da franga em dois, pronunciando essas palavras por três
vezes: “Eloim, Essaim, Frugative et Appellavi.” Vire então sua face em direção ao oriente, ajoelhe-se e diga uma
oração. Feito isto, você fará a grande apelação. Então o espírito imundo vos aparecerá vestido com uma túnica
escarlate amarrada, com uma veste amarela e com uma calça azul. A sua cabeça se parecerá com a de um
cachorro, as orelhas de um asno, e dois chifres. Suas pernas e seus pés serão como a de uma vaca. Ele perguntará
quais são as suas ordens e você lhes dará como achar melhor e ele não poderá se recusar a obedecer. E você
poderá se tornar muito rico, o mais rico, e o mais feliz de todos os homens.
Nós não nos estenderemos mais sobre essa quarta parte. Nós rezaremos somente para o leitor não se
esquecer o que dissemos no começo desse livro.
Nota da tradução: Existe um grimorio intitulado “A Franga Preta” ou “Le Poule Noire” este interessante grimório já
foi
traduzido
pela
E.I.E.
Caminhos
da
Tradição
e
está
disponível
para
compra
no
seguinte
link:
http://maisondelamagie.cursosdemagia.com.br/grimorio-a-franga-preta.html
© E.I.E. Caminhos da Tradição – http://www.cursosdemagia.com.br – O Verdadeiro Dragão Negro

QUINTA PARTE

Orações

Ação de Graças

43

Deus Todo Poderoso, Pai Celeste que criou todas as coisas para o serviço e utilidade dos homens, eu vos rendo as mais humildes ações de graças, porque pela vossa grande bondade, vós permitistes que sem risco, eu pudesse me servir de um dos seus espíritos rebeldes e o submeter a me dar tudo que eu possa ter necessidade. Inspire-me ó Grande Deus os sentimentos necessários para poder me livrar da garra do demônio e de todos os espíritos malignos, eu me submeto Grande Deus o Pai, Deus o Filho e o Espírito Santo, sob vossa Santa Proteção, Amem.

Para se proteger dos maus espíritos

Ó Pai todo Poderoso! Ó mãe, a mais terna das mães! Ó exemplo admirável do sentimento e da ternura das mães! Ó Filho, ó flor de todos os filhos! Ó forma de todas formas! Alma, espírito, harmonia e número de todas as coisas. Conserve-nos, protege-nos, conduza-nos e seja-nos propício, Amem!

Pater

Pater Noster quio est in ceali, santificetur nomen tuum Adveniat regnun tuum Fiat volunctas tua sicut in celo e in terra

Pane nostrae quotidianum danobis hodie e dimite debita nostrae sicut noi debitamus pecatoribus nostrae e ne nos inducas in tentazionen Sed liberta nos a malo. Amem.

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

Ave Maria

44

Ave Maria, gracia plena, Dominus tecum benedicta tu in mulieribus et benedictus frutus ventris tuus, Iesus

Sancta maria Mater Dei Ora pro nobis pecatoribus nunc et in hora mortis nostrae. Amem.

Veni Creator

Veni, creator Spiritus mentes tuorum visita, imple superna gratia, quae tu creasti pectora. Qui diceris Paraclitus, altissimi donum Dei, fons vivus, ignis, caritas et spiritalis unctio. Tu septiformis munere, digitus paternae dexterae tu rite promissum Patris sermone ditans guttura. Accende lumen sensibus, infunde amorem cordibus, infirma nostri corporis, virtute firmans perpeti. Hostem repellas longius pacemque dones protinus; ductore sic te praevio vitemus omne noxium. Per te sciamus da Patrem noscamus atque Filium, te utriusque Spiritum credamus omni tempore. Deo Patri sit gloria,

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro

et Filio qui a mortuis Surrexit, ac Paraclito, in saeculorum saecula. Amen.

Credo

45

Creio em Deus Pai Todo-Poderoso, criador do céu e da terra. E em Jesus Cristo, seu único Filho Nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria , padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado, desceu a mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos Céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e mortos. Creio no Espírito Santo. Na Santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.

FIM

© E.I.E. Caminhos da Tradição http://www.cursosdemagia.com.br O Verdadeiro Dragão Negro