Você está na página 1de 4
- doce lar Arco-tris de bem-estar Fm salas de estar ou TV aposte em tons fortes para atvar a comunicagdo “0 bom humor entre as pessoas cage sve one Além de deixar os ambientes mais aconchegantes, a cromoterapia beneficia 0 corpo ea mente, podendo até estimular o apetite, amenizar a fodiga e controlar os disturbios do sono or Milene Spinelli brir a janels e se deparar com um céu escuro logo pels manhé nas deixa com aquela von- tade de voltar pare a cama, nao? Mas 0 des3- Jmo no ¢ explicado apenas nos dias em que ‘S80 Pedro no esté ld muito inspiradoe a metcorologia cons- pira contra nossa energia, 0 vilBo pode estar 8 nossa frente fe até em nds mesmos,interferinda no equilbrio, emogéo, humor e até na sade, Entio, saiba que um tam inadequado de roupa ou a auséncia de cor (preto e cinza) em ambientes podem, sim, prejudicar 0 bem-estar. Mas para transformar 0 Vil8o em her6i, a cromoterapia entra em cena. E nossa dica & comecar harmonizando cada cantinho do lar por meio de cores, muitas cores! CASA COLORIDA = SAUDE EM DIA Alem do que vestimas, os tons que decoram nosso lar tam- ‘bem geram vibragbes em tod a famllia, influenciando corpo fe mente, As cores, cada uma com seu propdsito, ativam 25 glandulas humanas, as fungdes orgénicas e fortelecem 0 sistema imunoldgico. “Em ambientes, 0 uso de uma ou mais cores pode alterar 2 comunicagao interpessoal e me- Ihorar as relagées humanas’, afirma Armando Austregé- sio, professor de cromaterapia do curso de Naturalogia da Universidade Anhembi Morumbi. Mas 0s beneficios no se restringem apenas a0 equilirio psicol6gico, As cores tém propriedades terapéuticas que au xiliam no tratamento de doengas, mas vale lembrar que elas rio substituem as teraplas médicas tradicionais. "0 estimu- Jo colorido ¢ captado pelos olhos e age no cérebro.e sistema nervoso por agées glandular, resultando em sensagbes {que atuam como coadjuvantes na cura de disturbios fisicos emocionais’,afirma Paulo Sérojo Figueira, eromoterapeu- ta diretor da Figueira Consultores Holisticos Associados. a OT ee ee — ie cael doce lar AMARELO, VERMELHO OU ROSA? N30 trocamos as cores das paredes € dos méveis da casa como mudamos de roupa, Entéo, na hora de escolher @ melhor com= binacéo para cada espaso do lar € preciso levar em consideragdo fatores como per= Sonalidade e preferéncias dos moradores, além Go tipo de ambiente em que se deseja estar "A escolha & pessoal e 0 individuo {eve entrar em contato com a cor para ver «qual sensapao ela Ine praporciona, podendo também fazer combinagée imo duas opedes ~ uma quentee outa fia ~ em cada ambier tsando no mi- 19 0 professor. Oimportante & dosar as cores sem deixar 0 ambiente confuso, optando gor tons claros € frios em maior escalae detalhes em cares, complementares “E possivel também apli= ‘ar a eromoterapia apenas acrescentando objetos, méveis ou acessérios coloridos, ‘em a nevessidade de pintar as paredes, pois ¢ 0 conjunto decorative do imevel que influencia © estado emacional e organico dos moradores', ressalva Figueira. Portan- to, maos & obra! Saiba em quais casos de satide que a téenica assume o papel de coadjuvante terapéutica » Estresse © tensa * Ansiedade, irritabilidade agressividade © Baixa auto-estima = Depressio ¢ tristeza * Sindrome do panico * Distinbios do sono * Preguica, cansaco e queda da vitolidade ® Hiperatividade * Conceritragao, meméria ¢ aprendizado + Baixa produtividade * Problemas de relacionamento entre moradores * Controle da pressio arteri ante Poe sal Suc ermeteraens © dco cat © batimentos cardiacos AQUARELA A : DE BONS FLUiDOS : 0 equilibrio 0 vigor que voce * busea para o dia-a-dia podem estar bem proximos, até nna sua cor predileta