Você está na página 1de 4

Colégio Saint Michel

Química – Professor Rafael – 2º ano EM.


Soluções – Revisão 1º bimestre P1

1) (UEL-PR) As partículas dos solos são frequentemente 4) (Fuvest-SP) Quatro tubos contém 20ml (Mililitros) de
arrastadas pelas águas fluviais. Quando a água de um rio, água cada um. Coloca-se nestes tubos dicromato de potássio
carregada de grande quantidade de partículas coloidais, (K2Cr2O7) nas seguintes quantidades:
encontra a água do mar, que tem elevada concentração de TUBO A TUBO B TUBO C TUBO D
sais, ocorre a coagulação e forma-se um depósito aluvionar Massa de
(formado de cascalho, areia e argila), que se observa na foz 1,0 3,0 5,0 7,0
K2Cr2O7
dos rios. Esse fato ocorre porque a água de um rio com A solubilidade do sal, a 20°C, é igual a 12,5g por 100ml de
partículas coloidais é um sistema que se instabiliza pela água. Após agitação, em quais dos tubos coexistem, nessa
presença de grande quantidade de sais contidos na água do temperatura, solução saturada e fase sólida?
mar. a) Em nenhum.
A esse sistema dá-se o nome de b) Apenas em D.
a) hidrófobo. c) Apenas em C e D.
b) hidrofílico. d) Apenas em B, C e D.
c) anfótero. e) Em todos.
d) aerossol.
e) emulsão. 5) (UFRGS) Um determinado sal apresenta solubilidade
igual a 135g/L, a 25oC. Dissolvendo-se, completamente,
150g desse sal em um litro da água, a 40oC, e resfriando-se
2) (UEL-PR) A preparação de soluções é uma das lentamente o sistema homogêneo cuja solução será:
habilidades que os químicos desenvolveram desde os tempos a) Diluída. b) Concentrada. c) Insaturada.
da alquimia e é considerada um conhecimento básico. d) Saturada e) Supersaturada
Os dados da tabela a seguir foram retirados de um frasco de
solução de HCl. 6) (Mackenzie) A partir do diagrama a seguir, que relaciona
a solubilidade de dois sais A e B com a temperatura são
HCl Características físico-químicas feitas as afirmações:
Massa Molar 36,5 g/mol
Ponto de fusão -20oC (Solução a 30% HCl)
110oC (Solução de 30% HCl
Ponto de Ebulição
a 760mmHg)
Densidade do Líquido (água 1,15 g mL-1 (Solução a 30%
=1) a 20oC)
11mmHg (Solução a 30%
Pressão de Vapor
HCl a 20oC)
Solubilidade em Água Completa

O volume de HCl concentrado necessário para preparar 1


litro de solução 1 mol/L de HCl é:
a) 31, 70 mL
b) 36, 50 mL
c) 105, 8 mL
d) 121, 5 mL
e) 125, 8 mL I - Existe uma única temperatura na qual a solubilidade de A
é igual à de B.
II - A 20°C, a solubilidade de A é menor que a de B.
3) (Fuvest-SP) Descargas industriais de água pura aquecida III - A 100°C, a solubilidade de B é maior que a de A.
podem provocar a morte de peixes em rios e lagos porque IV - A solubilidade de B mantém-se constante com o
causam: aumento da temperatura.
a) Aumento no nitrogênio dissolvido. V - A quantidade de B que satura a solução à temperatura de
b) Aumento do gás carbônico dissolvido. 80°C é igual a 150g.
c) Diminuição do hidrogênio dissolvido. Somente são corretas:
d) Diminuição do oxigênio dissolvido. a) I, II e III. c) I, III e V. e) I, II e IV.
e) Alteração do pH do meio aquático. b) II, III e V. d) II, IV e V.

1
7) (UFRJ) OS frascos a seguir contêm soluções de cloreto de
potássio (HCl) em duas temperaturas diferentes. Na 9) (Fuvest-SP) O limite máximo de “ingestão diária
elaboração das soluções foram adicionados, em cada frasco, aceitável” (IDA) de ácido fosfórico, aditivo em alimentos,
400ml de água e 200g de KCl. refrigerante, contendo ácido fosfórico na concentração de
0,6 g/l, que uma pessoa de 60 kg deve ingerir para atingir o
limite máximo de IDA.
T =?
10) (UFRS) Há legislações que determinam seja
H2O + KCl H 2O + KCl estabelecido nível de emergência quando a concentração de
monóxido de carbono atinja o valor de 4,6 x 104 υg de CO
sal depositado por m3 de ar. Ao se estabelecer o nível de emergência o
número de moléculas presente m3 de ar é, aproximadamente.
a) 104
O diagrama a seguir representa a solubilidade do KCl em b) 1012
água, em gramas de soluto/100ml de H2O, em diferentes c) 1017
temperaturas. d) 1021
e) 1023

11) (Fuvest-SP) Foi determinada a quantidade de dióxido de


enxofre em certo local de São Paulo. Em 2,5m3 de ar foram
55
encontrados 220 microgramas de SO2. A concentração de
50
Solubilidade

SO2, expressa em micrograma/m3, é:


45
a) 0,0111
40
b) 0,88
35
c) 55
30 d) 88
25 e) 550
20 40 60 80 100
Temperatura (o C)
12) (Santa Casa-SP) A presença de 3 x 10-3 grama de etanol
por mililitro de sangue em geral causa intoxicação.
a) Determine a temperatura da solução do frasco I. Considerando que o volume total de sangue de um adulto é
b) Sabendo que a temperatura do frasco II é de 20oC, calcule da ordem de 7 litros, aproximadamente quantos gramas de
a quantidade de sal (KCl) depositado no fundo do frasco. etanol devem estar no sangue para causar intoxicação?
a) 4g
8) (PUC-RJ) Observe a figura abaixo que representa a b) 6g
solubilidade, em g por 100 g de H2O, de 3 sais inorgânicos c) 8g
em determinada faixa de temperatura. d) 10g
e) 21g

13) (PUC/Campinas-SP) Evapora-se totalmente o solvente


KI
de 250 ml de uma solução aquosa de MgCl2 de concentração
(g/100g de H2 O)
Solubilidade

8,0 g/L. Quantos gramas de soluto são obtidos?


NaCl
a) 8,0 b) 6,0 c) 4,0 d) 2,0 e) 1,0
LiSO 4
14) (Uneb-BA) Num balão volumétrico de 250ml
Temperatura ( C) o adicionaram-se 2,00g de sulfato de amônio sólido, o volume
é completado com água. a concentração da solução obtida
em g/L, vale:

a) 1,00 b) 2,00 c) 3,50 d) 4,00 e) 8,00


Assinale a afirmativa correta
15) (Covest-CE) Qual a molaridade de uma solução que
a) A solubilidade dos 3 sais aumenta com a temperatura. contém 0,5 mol de um composto, dissolvido em 250ml de
b) O aumento de temperatura favorece a solubilização do solução?
LiSO4.
c) A solubilidade do KI é maior que as solubilidades dos a) 0,002 b) 0,2 c) 2 d) 4 e) 0,4
demais sais, na faixa de temperatura dada.
d) A solubilidade do NaCl varia com a temperatura.
e) A solubilidade de dois sais diminui com a temperatura.

2
21) (UFAC) A molaridade de uma solução aquosa contendo
16) (UFES) Temos as seguintes soluções concentradas: 36,5g de ácido clorídrico dissolvido em água até completar
Densidade Porcentagem 2L de solução é (Dados: H = 1u; Cl = 35,5u):
Solução (g/ml) em massa a) 0,5 M
Hidróxido de Sódio 1,43 40,0 b) 1,0 M
Ácido sulfúrico 1,70 78,0 c) 1,5 M
As concentrações molares das soluções molares das soluções d) 2,0 M
hidróxido de sódio e ácido sulfúrico são, respectivamente: e) 2,5 M
a) 13,53 e 14,30
b) 14,30 e 27,06
c) 27,06 e 1,35 22) (UFRN) A concentração molar, M, da glicose (fórmula
d) 14,30 e 13,53 molecular C6H12O6) numa solução aquosa que contém 9g de
e) 1,43 e 1,35 soluto em 500ml de solução é igual a:
a) 0,01
17) (UFCE) Qual é a molaridade de uma solução aquosa de b) 0,10
etanol, C2H6O, de concentração igual a 4,6g/L? c) 0,18
a) 4,6 d) 1,00
b) 1,0 e) 180
c) 0,50
d) 0,20
e) 0,10 23) (UFMG) Uma solução 0,1 mol/L de um hidróxido
alcalino MOH é preparada dissolvendo-se 0,8g de hidróxido
18) (Fuvest-SP) A seguir á apresentada a concentração, em MOH em 200ml de solução. A fórmula do hidróxido é:
mg/kg, de alguns íons na água do mar: a) CsOH
b) KOH
c) LiOH
Íon Concentração
d) NaOH
Mg2+ 1.350
e) RbOH
SO42- 2.700
Na+ 10.500
24) (UFMA 2006) O volume de HCl(aq) comercial (36,5
Cl- 19.000
g.mol-1, p = 37% m/m; d = 1,19 g.mL-1) necessário para
Dentre esses íons, os que estão em menor e maior preparar 1,5 L de uma solução 10-2 mol.L-1 é:
concentração molar são respectivamente. a) 0,12 mL
(Dados: Massas atômicas – O = 16; Na = 23; Mg = 24; S = b) 0,05 mL
32; Cl = 35,5) c) 0,5 mL
d) 1,2 mL
a) Cl- e Mg2+ e) 12 mL
b) SO42- e Na+
c) Mg2+ e Na+
d) Mg2+ e Cl- 25) (PUC-RS) Necessita-se preparar uma solução 0,02M de
e) SO42- e Cl- NaCI, partindo-se de 20 mL de uma solução 0,1 M do
mesmo sal. O volume de água, em mL, que deve ser
19) (ITA-SP) Uma solução aquosa 0,84 molar em ácido adicionado para obter-se a solução com a concentração
nítrico tem densidade de 1,03g/cm3. A Quantidade de ácido desejada é
nítrico presente em 50,0 cm3 dessa solução é: a) 25
a) (50,0 x 1,03/63) x 10-3 mol, logo (50,0 x 1,03 x 10-3) g b) 40
b) (50,0 x 1,03/63) mol, logo (50,0 x 1,03) g c) 65
c) (50,0 x 1,03/63) mol, logo (50,0 x 1,03 x 10-3) g d) 80
d) (0,84 x 50,0 x 10-3) mol, logo (0,84 x 50,0 x 63 x 10-3) g e) 100
e) (0,84 x 50,0) mol, logo (0,84 x 50,0 x 63) g
26) (UNESP 2005) Medicamentos, na forma de preparados
20) (Cesgranrio) Em um balão volumétrico de 500ml injetáveis, devem ser soluções isotônicas com relação aos
colocaram-se 9,6g de MgCl2 e completou-se o volume com fluidos celulares. O soro fisiológico, por exemplo, apresenta
H2O destilada. Sabendo-se que o MgCl2 foi totalmente concentração de cloreto de sódio (NaCl) de 0,9% em massa
dissolvido, assinale a concentração aproximada de íons Mg2+ (massa do soluto por massa da solução), com densidade
nessa solução: igual a 1,0g.cm–3.
a) 0,05M b) 0,1M c) 0,2M a) Dada a massa molar de NaC l, em g.mol–1: 58,5, qual a
d) 0,4M e) 3,2M concentração, em mol.L–1, do NaCl no soro fisiológico?
Apresente seus cálculos.
b) Quantos litros de soro fisiológico podem ser preparados a
partir de 1L de solução que contém 27g.L–1 de NaCl

3
34) (Cesgranrio-RJ) Um químico precisa preparar 80ml de
27) (FESP) O volume de uma solução de hidróxido de sódio uma solução ácida 3M, misturando duas soluções de um
1,5M que deve ser misturado a 300ml de uma solução 2M da ácido forte H X: uma com concentração 5M e outra, 2,5M.
mesma base, a fim de torná-la solução 1,8M, deve ser igual O volume necessário da solução 5M é:
a: a) 8ml
a) 200ml b) 20ml c) 2000ml d) 400ml e) 350ml b) 10ml
c) 16ml
28) (Cesgranrio-RJ) Para preparar 1,2 litros de solução 0,4M d) 20ml
de HCl, a partir de ácido concentrado (16M), o volume de e) 32 ml
água, em litros, a ser utilizado será de:
35) (Vest. Assoc.-RJ) Dois frascos, A e B, contêm,
a) 0,03 b) 0,47 c) 0,74 d) 1,03 e) 1,17 respectivamente, soluções 0,5M de 3M de ácido.
Usando apenas estas soluções, calcule que volume de cada
solução você deve usar para preparar 150ml de uma solução
1M de ácido nítrico.
29) (VUNESP) Pipetaram-se 10 ml de uma solução aquosa
de NaOH de concentração 1,0mol/L. Em seguida, adicionou- 36) (Vunesp-SP) Na preparação de 750ml de solução aquosa
se água suficiente para atingir o volume final de 500ml. A de H2SO4 de concentração 3,00 mol/L a partir de uma
concentração da solução resultante, em mol/L, é: solução estoque de concentração igual a 18,0mol/L, é
necessário utilizar um volume da solução estoque, expresso
a) 5,0x10-3 b) 2,0x10-2 c) 5,0x10-2 em ml, igual a:
d) 0,10 e) 0,20 a) 100
b) 125
30) (Fuvest-SP) Se adicionarmos 80ml de água a 20ml de c) 250
uma solução 0,20M de hidróxido de potássio, obteremos d) 375
uma solução de concentração molar igual a: e) 500
a) 0,010
b) 0,020 37) (FEI-SP) O volume de solução de H2SO4 de densidade
c) 0,025 1,39g/cm3 e 49% em massa que deve ser diluído em água
d) 0,040 para preparar 1 litro de solução 1,39M é: Dados: H = 1; S =
e) 0,050 32; O = 16 (massas atômicas)
a) 100 ml b) 200 ml
c) 500 ml d) 800 ml
31) (PUC-SP) Prepara-se uma solução dissolvendo 2,3g de e) 900 ml
sódio (Na) em 15,3g de amônia líquida (NH 3). Pretende-se
calcular a fração molar de sódio nessa solução e a massa de 38) (PUC-RS) O vinagre é uma solução aquosa de ácido
NH3 que é necessário evaporar para dobrar o valor da citada acético. Qual a concentração de ácido no vinagre se foram
fração molar. Os valores são respectivamente: gastos 30 mL de uma solução de NaOH 0,2M para titular 20
a) 0,1 e 8,5g mL de vinagre?
b) 0,2 e 8,5g a) 0,2 mols/L b) 0,3 mols/L
c) 0,1 e 6,8g c) 03, mols/mL d) 0,4 mols/mL
d) 0,2 e 6,8g e) 0,4 mols/L
e) 0,05 e 8,0g
40) (UFRRJ) Misturam-se 200ml de solução 0,2M de
32) (UFV-MG) Misturando-se 20ml de solução de NaCl, de hidróxido de sódio com 200 ml de solução 0,2M de ácido
concentração 6 mol/L, com 80 ml de solução de NaCl, de sulfúrico.
concentração 2,0 mol/L, são obtidos 100 ml de solução de a) Demonstre por meio de cálculos se a solução será ácida,
NaCl, de concentração, em mol/L, igual a: neutra ou alcalina.
b) Qual a molaridade final do reagente em excesso (se
a) 1,4 b) 2,8 c) 4,2 d) 5,6 e) 4,0 houver)?

33) (UEL-PR) Misturam-se 200ml de solução de hidróxido (UFG-GO) Barrilha, que é carbonato de sódio impuro, é um
de potássio de concentração 5,0g/L com 300ml de solução insumo básico da indústria química. Uma amostra de
da mesma base com concentração 4,0g/L. a concentração em barrilha de 10g foi totalmente dissolvida com 80ml de ácido
g/L da solução final vale: clorídrico 0,2mol/L. O excesso de ácido clorídrico foi
neutralizado com 250ml de NaOH 0,1 mol/L Qual é o teor
a) 0,50 b) 1,1 c) 2,2 d) 3,3 e) 4,4 de carbonato de sódio, em porcentagem de massa, na
amostra de barrilha?