Você está na página 1de 4

Eficiência do gado Bonsmara

Na atual pecuária, devemos criar animais que sejam adaptados, férteis, funcionalmente
eficientes e hábeis conversores de alimentos. Em outras palavras, todo conceito tem que ser
medido em termos de eficiência.

Com esta filosofia de trabalho em Holambra, São Paulo, na Estância Futurama


Melhoramento Genético, Willy Groot investe em avaliações para melhorar a eficiência do gado
Bonsmara. O inicio dos trabalhos na pecuária de corte se iniciaram em 2005 em conjunto com
Willebrordus Groot (Guillerme) que já trabalhava na área de melhoramento genético a mais de
60 anos que se mostra exigente e critico na formação de seu rebanho PO, seguindo as
metodologias que o consagraram na seleção e melhoramento no gado holandês. Atualmente
investindo no bonsmara com a finalidade: econômica, funcional e genética, ampliando a
eficiência do rebanho. O objetivo e gerar animais superiores e mais eficientes com o auxilio da
ferramenta desenvolvida na propriedade, o Sistema Integrado de Analise (S.I.A.), o sistema
tem por objetivo melhores progênies com combinações ideais para servir na pecuária brasileira:
Com caracterização, conformação, musculatura, precocidade, alta libido e fertilidade, pelo
curto, tamanho moderado, uniformidade, beleza racial e 100% criado a pasto.

BONSMARA, A RAÇA CONSTRUIDA PELA CIÊNCIA – ORIGEM

O Bonsmara e um animal da raça “bos taurus africanus”, resultado de 50 anos de


pesquisa conduzida nas estações experimentais de Mara e Messina na província de Linpopo,
para produzir uma raça de gado de corte adaptada as condições da savana subtropical da
África do Sul. A progênie da cruza de vacas Africâner e touros de raças britânicas foi anotada e
avaliada para parição constante, alto peso de desmama, pelagem lisa, baixa mortalidade,
docilidade e eficiência funcional.

Os melhores resultados foram obtidos com 5/8 Africaner e 3/8 combinaçao


shorthorn/hereford. A raça foi chamada de Bonsmara em homenagem ao professor Jan
Bonsma e a instituição de pesquisa de Mara. O grau de sangue foi definido principalmente
pelos fatores observados no meio de produção que os animais deveriam interagir.
 Nutrição
 Temperatura
 Luz
 Radiação
 Altitude
 Pressão barométrica
 Vento
 Doenças
 Ectoparasitas
 Endoparasitas
 Ph do solo
 Fertilidade do solo
 Chuvas e umidade

A adoção completa de padrões, baseados na eficiência funcional garante que o


Bonsmara tenha adaptação, juntamente com carne de qualidade com manejo a pasto.

Classificação e Avaliação Desenvolvida na Propriedade.

A classificação de tipo é basicamente uma comparação entre cada animal examinado o


rebanho fazendo assim uma seleção para o tipo ideal. A classificação amplia a finalidade da
avaliação do rebanho, com novas considerações sobre as influências de manejo e ambiente. O
rebanho classificado pelo uso do sistema podem fornecer maiores evidências sobre a
dominância ou recessividade de certas características, específicas e seus impactos sobre a
produção.

A ferramenta de avaliação otimiza o progresso genético e simplifica o processo de


criação, oferecendo recomendações de acasalamento, baseando em características de
produção “mensurações” e tipo de importância econômica, funcional e mérito genético obtendo
animais mais produtivos.Com a ferramenta temos maior lucratividade pelo aumento de
produtividade do rebanho e maior longevidade das matrizes e animais padronizados e
valorizados, tendo assim mais eficiência no gerenciamento de tempo e capital investido.
GANHOS NA UTILIZAÇAO DA AVALIAÇAO COMPLETA

 Teste de performance equacionado com nível de proteína consumida P.B % para assim
comparar a condições reais de alimentação do animal;

 Identifica animais com ganhos específicos em desempenho e características lineares


tendo resultados concretos e duradouros que validarão futuros cruzamentos;

 Pescoço e cabeça proeminente relacionado com forte característica sexual de


masculinidade “touros”;

 Boa linha de lombo que deve ser reta plana e larga, indicando que as estruturas
esqueléticas e muscular estão equilibradas;

 A precocidade de crescimento se acompanha pelas mensurações e características


funcionais;

 Cobertura de gordura presente sem excessos, com boa camada que indica capacidade
e precocidade de terminação;

 Posterior avantajado com boa profundidade muscular com perfil convexo e boa
conformação de carcaça;

 Aprumos sem defeitos, cascos e articulações sem alterações possibilitando o fácil


deslocamento e funcionalidade;

 Fertilidade comprovada por com seleção por perímetro escrotal que esta relacionado
com boa fertilidade e precocidade sexual alta produção de sêmen de qualidade;

 Órgãos sexuais íntegros em perfeitas condições funcionais e prepúcio curto eliminado


riscos de lesões
 Tamanho corporal adaptado ao sistema de produção. O porte moderado e o mais
adequado em sistema de produção a passo;

 Boa profundidade torácica expressando adequada capacidade respiratória e digestiva;

 O temperamento é uma característica que gera resultado econômico, pesquisas


demonstram que animais mais calmos ganham mais peso, e tem melhor conversão
alimentar, além de o manejo ser mais seguro, os animais sofrem menos acidentes e
produzem carne de melhor qualidade.

Willy Groot
Estância Futurama Melhoramento genético
Holambra 1 SP

Fonte: http://www.portaldoagronegocio.com.br