P. 1
Otimização de carteiras sujeitas a restrições de alavancagem e de volatilidade do tracking-error utilizando o critério de média-variância

Otimização de carteiras sujeitas a restrições de alavancagem e de volatilidade do tracking-error utilizando o critério de média-variância

|Views: 1.394|Likes:
Publicado porRafael Sperendio
Este trabalho é dedicado ao estudo de modelos de otimização de carteiras de investimento com gestão ativa, sujeitas a restrições de alavancagem e de volatilidade do tracking-error, utilizando como base o critério de média-variância desenvolvido inicialmente por Harry Markowitz (1952).
Este trabalho é dedicado ao estudo de modelos de otimização de carteiras de investimento com gestão ativa, sujeitas a restrições de alavancagem e de volatilidade do tracking-error, utilizando como base o critério de média-variância desenvolvido inicialmente por Harry Markowitz (1952).

More info:

Published by: Rafael Sperendio on Jul 19, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/05/2013

pdf

text

original

De acordo com Markowitz (1952, p.81) o retorno de uma carteira como um todo é uma soma

ponderada de variáveis aleatórias (onde o investidor pode escolher os pesos). Conforme a

propriedade estatística da esperança matemática, onde o valor esperado de uma combinação

linear de variáveis aleatórias é igual a combinação linear dos seus valores esperados, segue que:

Dessa maneira, temos que a partir dos retornos esperados para cada um dos ativos e da

composição percentual da carteira, o retorno esperado do portfólio será igual a média ponderada

dos retornos esperados de cada ativo em relação a sua participação no portfólio:

(2.11)

onde: µp = retorno esperado do portfólio p,

n = número de ativos no portfólio p,

wi = participação em (%) do ativo i no portfólio,

e

µ i = retorno esperado do ativo i.

Sendo que:

31

Deste ponto em diante, para facilitar o entendimento e a implementação de algoritmos,

trabalharemos no espaço vetorial. Dessa forma, escrevendo a equação (2.11) na forma vetorial

temos que:

(2.12)

Em que: µ p = valor esperado do retorno do portfólio,

vetor de pesos dos ativos no portfólio sendo ω’ o vetor transposto de ω,

e

vetor de retornos esperados de cada um dos ativos no portfólio,

.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->