Você está na página 1de 653

1

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Formatado: Fonte: 14 pt

CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E NATURAIS


PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM
HISTÓRIA SOCIAL DAS RELAÇÕES POLÍTICAS Formatado: Fonte: 14 pt
Formatado: À esquerda

Formatado: À esquerda

WANESSA DOELLINGER COSTA PALACIOS

Formatado: Fonte: (Padrão)


Arial

Formatado: À esquerda

Formatado: Fonte: 16 pt

A EXPANSÃO DOS ESPAÇOS PERIFÉRICOS EM


VITÓRIA DURANTE O PROCESSO DE URBANIZAÇÃO
NA PRIMEIRA REPÚBLICA (1889-1930)
Formatado: Fonte: 18 pt

Formatado: À esquerda
Formatado: Fonte: 14 pt
Formatado: Fonte: Arial, 14
VITÓRIA pt, Negrito

2007 Formatado: Normal,


Centralizado
2

WANESSA DOELLINGER COSTA PALACIOS Formatado: Fonte: (Padrão)


Arial, 14 pt, Negrito

Formatado: Fonte: 16 pt

Formatado: Fonte: 16 pt
A EXPANSÃO DOS ESPAÇOS PERIFÉRICOS EM
VITÓRIA DURANTE O PROCESO DE URBANIZAÇÃO
NA PRIMEIRA REPÚBLICA (1889-1930)

Dissertação apresentada ao Programa de


Pós-Graduação em História Social das
Relações Políticas do Centro de Ciências
Humanas e Naturais da Universidade
Federal do Espírito Santo, como requisito
parcial para a obtenção do título de
Mestre em História Social das Relações
Políticas.

Orientadora: Profª. Pós-doutora Maria da


Penha Smarzaro Siqueira.

Formatado: Centralizado

Vitória Formatado: Fonte: 14 pt

2007 Formatado: Fonte: 14 pt


3

Dados Internacionais de Catalogação-na-publicação (CIP)


(Biblioteca Central da Universidade Federal do Espírito Santo, ES, Brasil)

Palacios, Wanessa Doellinger Costa, 1962-


P153e A expansão dos espaços periféricos em Vitória durante o processo de
urbanização na Primeira República (1889-1930) / Wanessa Doellinger
Costa Palacios. – 2007.
213 f. : il.

Orientadora: Maria da Penha Smarzaro Siqueira.


Dissertação (mestrado) – Universidade Federal do Espírito Santo,
Centro de Ciências Humanas e Naturais.

1. Urbanização. 2. Modernidade. 3. Periferias urbanas. 4. Ideologia. 5.


Desenvolvimento social. 6. Isolamento social. I. Siqueira, Maria da Penha
Smarzaro. II. Universidade Federal do Espírito Santo. Centro de Ciências
Humanas e Naturais. III. Título.

CDU: 93/99
Tabela formatada
4

Formatado: Fonte: (Padrão)


WANESSA DOELLINGER COSTA PALACIOS Arial, 14 pt, Negrito

Formatado: Fonte: 16 pt
Formatado: À esquerda
A EXPANSÃO DOS ESPAÇOS PERIFÉRICOS EM Formatado: Fonte: 16 pt
VITÓRIA DURANTE O PROCESO DE URBANIZAÇÃO
NA PRIMEIRA REPÚBLICA (1889-1930)

Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação em História Social Formatado: Justificado,


Espaçamento entre linhas:
das Relações Políticas do Centro de Ciências Humanas e Naturais da simples
Universidade Federal do Espírito Santo, como requisito parcial para obtenção
do título de Mestre em História Social das Relações Políticas.
Formatado: Justificado

Formatado: Justificado,
Aprovada em ___ de ______ de 2007. Recuo: À esquerda: 6,24 cm
Formatado: Justificado,
Recuo: À esquerda: 6,94 cm

COMISSÃO EXAMINADORA Formatado: À esquerda,


Recuo: À esquerda: 4,5 cm,
Espaçamento entre linhas:
simples, Tabulações: -0,5 cm,
_________________________________ À esquerda
Profª. Pós-doutora Maria da Penha Smarzaro Siqueira Formatado: Fonte: Negrito
Universidade Federal do Espírito Santo Formatado: Fonte: 16 pt
Orientadora

____________________________________________
Prof. Dr. Sebastião Pimentel Franco
Universidade Federal do Espírito Santo

____________________________________________
Profª. Drª. Aurélia Hermínia Castiglione
Universidade Federal do Espírito Santo

____________________________________________
Profª. Drª Maria Izabel Perine Muniz
Faculdade Brasileira - UNIVIX
5

Formatado: À esquerda

A Neil, Bárbara e Carolina pelas


longas horas de ausência e por
compartilhar deste meu caminho.
6

AGRADECIMENTOS

A realização do mestrado foi um desejo e um sonho concretizados. Não nego


que foi um caminho difícil, pois foi preciso dividir o tempo entre os estudos, as
pesquisas, o trabalho e a família. Mas, sobretudo, foi um caminho muito
prazeroso que me levou ao encontro de novos aprendizados. Nesse caminho
percorrido, tive a satisfação de conviver com pessoas que contribuíram muito
para que essa minha trajetória se efetivasse. A essas pessoas, os meus
agradecimentos.

A minha orientadora, a Professora Pós-doutora Maria da Penha Smarzaro


Siqueira, a quem passei a conhecer e a admirar, agradeço pela compreensão,
paciência e prontidão com que sempre me atendeu, ao me orientar e ao
compartilhar comigo o seu saber acadêmico.

Ao Professor Doutor Sebastião Pimentel Franco, sempre disposto a ajudar com


sua orientação e estímulo nos momentos precisos.

Aos professores do curso de mestrado, pelo conhecimento com eles


adquiridos.

A colega de Mestrado Marinete, pelo seu apoio e incentivo.

Aos funcionários do Arquivo Público do Estado do Espírito Santo, pela precisão


e disposição com que sempre me atenderam, assim como aos funcionários do
Setor de Coleções Especiais da Biblioteca Central da UFES.

Por fim, agradeço a meu esposo e as minhas filhas, por estarem sempre
presentes com seu amor, dedicação, paciência e incentivo à elaboração dessa
pesquisa histórica.
7

“A cidade sempre teve relações com a


sociedade no seu conjunto, com sua
composição e seu funcionamento, com
seus elementos constituintes (campo e
agricultura, poder ofensivo e defensivo,
poderes políticos, Estado, etc.), com sua
história. Portanto, ela muda quando muda
a sociedade no seu conjunto”.

Henry Lefebvre
8

RESUMO

As cidades passaram a ter uma peculiar importância a partir da Revolução


Industrial, pois foram nelas que se processaram as mudanças oriundas do
processo de desenvolvimento capitalista: surgimento das fábricas, de grupos
sociais antagônicos e de contradições próprias desse sistema. Mudanças
estruturais também se operaram nas cidades, como o processo de urbanização
ocorrido principalmente a partir do século XIX, sendo esse, reflexo da
importância que se estava verificando nas cidades enquanto lócus dos setores
administrativo e político. Todas as mudanças que tiveram início em cidades
européias como Londres e Paris expandiram-se à medida que o capitalismo se
desenvolvia e concretizava a sua influência sobre as demais cidades européias
ocidentais e americanas, como no caso do Brasil. A elite brasileira buscou
direcionar o país rumo à modernidade através de um processo de
remodelamento urbano, influenciado pelo ideário higienista. Esse projeto
político assentou-se em demolições e no saneamento urbano, sendo atrelado
também a um processo de moralização de condutas das camadas pobres da
população. Como reflexo desse projeto elitista, promoveu-se uma segregação
de espaços urbanos: a elite passou a habitar regiões dotadas de infra-
estrutura, e as camadas menos favorecidas da população foram realojadas nas
periferias e nos morros que circundavam as cidades, edificando, nesses locais,
suas moradias, sem as mínimas condições de saneamento e infra-estrutura.
Em Vitória, o projeto de modernização e urbanização durante a Primeira
República (1889-1930) tornou-se uma realidade principalmente nos governos
de Jerônimo Monteiro (1908-1912) e Florentino Avidos (1924-1928). Nessa
capital, o processo de remodelamento urbano acentuou ainda mais as
desigualdades sociais, pois se refletiu na separação de espaços urbanos: as
camadas abastadas no centro da cidade e as camadas pobres nos arrabaldes.

Palavras-chave: Modernidade, Urbanização, Ideologia, Progresso, Periferia,


Exclusão Social
9

ABSTRACT

The cities had started to have a peculiar importance from the Industrial
Revolution, therefore they had been in them that the deriving changes of the
process of capitalist development had been processed: sprouting of the plants,
antagonistic social groups and proper contradictions of this system. Structural
changes had also been operated in the cities, as the process of urbanization
occurred mainly from century XIX, being this, reflected of the importance that
was if verifying in the cities, while lócus of the sectors administrative and
politician. All the changes that had had beginning in European cities as London
and Paris, had become enlarged it the measure that, the capitalism if developed
and materialize its influence on the too much occidental and American
European cities, as in the case of Brazil. The Brazilian elite searched to direct
the country route to modernity, through a process of urbanization, influenced for
the ideation hygienist. This project politician if seated in demolitions and the
urban sanitation, being also connected, to a process to moralizer of behaviors
of the poor layers of the population. As reflected of this elitist project, a
segregation of urban spaces was promoted: the elite started to inhabit in
regions endowed with infrastructure and the favored layers less of the
population had been reaccomodated for the peripheries and the mounts that
surrounded the cities, building in these places its housings, without the
minimum conditions of sanitation and infrastructure. In Victory, the project of
modernization and urbanization, during the First Republic (1889-1930), if mainly
became a reality in the governments of Jerônimo Monteiro (1908-1912) and
Florentino Avidos (1924-1928). In this capital, the process of urbanization
accented the social inequalities still more, therefore, if it reflected in the
separation of urban spaces: the layers supplied in the poor center of the city
and layers in arrabaldes.

Key words: Modernity, Urbanization, Ideology, Progress, Periphery, Social


Exclusion.
10

LISTA DE TABELAS

Tabela 1 - Desapropriações efetuadas no centro de Vitória entre 1928 e


1929................................................................................................................ 176

Tabela 2 - Movimento de doentes no Asilo Deus, Cristo e Caridade durante o


ano de 1927.................................................................................................... 188
11

SUMÁRIO

Formatado: Fonte: 14 pt

I. INTRODUÇÃO............................................................................................... 12

II. A CIDADE E AS TENDÊNCIAS URBANAS ENTRE 1889-1930................. 22


2.1 A Cidade: Uma referência conceitual...................................................... 22
2.2 Noção de Modernidade e Urbanização.................................................... 40

III. O PERFIL SÓCIO-ECONÔMICO DO BRASIL NA PRIMEIRA


REPÚBLICA E O MODELO URBANIZADOR.................................................. 55
3.1 A Conjuntura econômica e o quadro social............................................ 55
3.2 O Crescimento das cidades e a modernização urbana.......................... 68
3.3 O Espírito Santo no quadro sócio-econômico nacional........................ 94

IV. A CIDADE TRADICIONAL E O PROCESSO DE MODERNIZAÇÃO


E URBANIZAÇÃO.......................................................................................... 119
4.1 O projeto político urbanizador e a remodelação de Vitória................. 119
4.2 A cidade e o espaço dos pobres............................................................ 154
4.3 A expressão da pobreza no contexto sócio-urbano............................ 177

V. CONCLUSÃO............................................................................................. 193

VI. REFERÊNCIAS.......................................................................................... 199


6.1 Fontes Manuscritas................................................................................. 199
6.2 Fontes Iconográficas............................................................................... 202
6.3 Bibliografia............................................................................................... 202

ANEXOS.......................................................................................................... 208
12

Excluído: .
I - INTRODUÇÃO
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, 14 pt
Formatado: Centralizado
A história política, econômica, social e cultural do Brasil até poucas décadas
Excluído: e
atrás estava vinculada e era entendida a partir do desenvolvimento de
Formatado: Fonte: (Padrão)
importantes cidades, como Rio de janeiro e São Paulo, que criaram as bases Arial

sócio-econômicas do desenvolvimento nacional, de acordo com o modelo Excluído: , seja…,…


Brasil…, ... [1]
político-econômico historicamente estabelecido. Outras capitais tinham sua Formatado ... [2]
história atrelada às capitais acima citadas ou de acordo com a realidade local, Excluído: -…o. ... [3]
Formatado: Fonte: (Padrão)
mas todas faziam parte de uma estrutura que promovia o processo de Arial
Excluído: …mos…a…l, ... [4]
desenvolvimento nacional. Entretanto, a maioria das capitais brasileiras, sua
Formatado ... [5]
história e a de seu povo, não eram mencionadas na sua devida importância no Excluído: vem
contexto nacional. A historiografia econômica, política e social do Brasil, em Formatado ... [6]
Excluído: à
grande parte, era concebida a partir do eixo Rio de Janeiro/São Paulo.
Formatado ... [7]
Excluído: em…, os ... [8]
Percebe-se que essa atitude de pensar e escrever a história do Brasil está se Formatado ... [9]
Excluído: integrar
modificando, à medida que historiadores buscam resgatar a história regional,
Formatado ... [10]
contextualizando-a à história nacional. Excluído: à
Formatado ... [11]
Excluído:
No que diz respeito à história do Espírito Santo, muito se tem contribuído com
Formatado ... [12]
novas pesquisas nas áreas econômica, política, social e cultural, através de Excluído: à

monografias, dissertações de mestrado e teses de doutorado. Formatado ... [13]


Excluído: …refletir-se ... [14]
Formatado ... [15]
Ao refletir-se sobre a história do Espírito Santo, observa-se claramente a sua Excluído: percebemos
Formatado ... [16]
vinculação ao contexto nacional, principalmente, no que diz respeito à
Excluído: a
economia agrário-exportadora. Formatado ... [17]
Excluído: a
Formatado ... [18]
Ao iniciar o século XX, o Espírito Santo estava integrado à economia cafeeira
Excluído: 4º…Veremocrescer
... [19]
nacional, sendo que, a partir do final da década de 1910, destacou-se como o Formatado ... [20]
4º produtor nacional de café. Com o aumento de sua produção, chegou em Excluído: 1940
Formatado ... [21]
1930 como o 3º produtor e a partir de 1940 posicionou-se como o terceiro porto
Excluído: será
brasileiro exportador de café. Formatado ... [22]
Excluído:
Formatado ... [23]
13 Excluído: ,
Formatado ... [24]
Excluído: ,… será ... [25]
Formatado ... [26]
Estando o Espírito Santo localizado no centro geo-econômico mais dinâmico do
Excluído: ,
país, ou seja, na região sudeste, recebeu, como no Rio de Janeiro e São Formatado ... [27]
Paulo, uma grande leva de imigrantes europeus desde o final do Império, Excluído: nossa
Formatado ... [28]
fazendo com que sua economia, voltada para a produção do café, tivesse um
Excluído: quero ressaltar,…se
... [29]
grande impulso. A imigração européia foi responsável por um aumento Formatado ... [30]

demográfico e, conseqüentemente, por uma mistura étnica, tornando a cultura Excluído: à


Formatado ... [31]
capixaba multifacetada. Com isso, ressalta-se que o Espírito Santo integrou-se Excluído: ,…tais ... [32]
às mudanças econômicas e políticas ocorridas no país a partir do final do Formatado ... [33]
Excluído:
século XIX, sendo essas mudanças responsáveis pela alteração das estruturas
Formatado ... [34]
sociais e demográficas do estado. Excluído: alteraram
Formatado ... [35]
Excluído: econômicas, ... [36]
O objetivo deste trabalho é justamente contribuir para o conhecimento da
Excluído: O objetivo deste
historiografia capixaba, enfatizando a importância do Espírito Santo no contexto Formatado ... [37]
nacional. Assim, foi estudada a importância desse estado e, especificamente, Excluído:
Formatado ... [38]
de Vitória, sua capital, durante a Primeira República (1889-1930), na qual se
Excluído: me proponho ...
a [39]
constatou que a mesma, nas suas devidas particularidades, integrou-se ao Formatado ... [40]
contexto sócio-econômico do país e, por isso, foi receptiva aos acontecimentos Excluído: e nosso
Formatado ... [41]
e conjunturas nacionais, assim como contribuiu econômica e politicamente para
Excluído: ,
o desenvolvimento do Brasil. Essa integração explica as transformações Formatado ... [42]
Excluído: no período ... [43]
materiais e de infra-estrutura de saneamento refletidas na expansão e no
Formatado ... [44]
remodelamento urbano pelos quais passou Vitória durante a Primeira Excluído: poderemos verificar
República. Formatado ... [45]
Excluído: ada
Formatado ... [46]
Vitória, apesar de econômica e politicamente menos influente nos rumos do Excluído: estava

país do que as demais capitais da região sudeste, não deixou de absorver o Formatado ... [47]
Excluído: nacional
ideário de progresso e civilização vivido pela elite brasileira, principalmente a
Formatado ... [48]
carioca e a paulista. Assim, ganhou uma nova feição urbana, tornando-se uma Excluído: era

capital mais saneada e moderna, porém com problemas sociais oriundos do Formatado ... [49]
Excluído:
processo de modernidade.
Formatado ... [50]
Excluído: ía

As transformações ocorridas na economia internacional, como o Formatado ... [51]


Excluído: a vida ... [52]
desenvolvimento e a expansão do sistema capitalista, ocasionaram o Formatado ... [53]
Excluído: ,…t ... [54]
Formatado ... [55]
Excluído: Esta capital
Formatado ... [56]
Excluído: ser…,…suas ... [57]
Formatado ... [58]
Excluído: elite
Formatado ... [59]
... [60]
Formatado ... [61]

Formatado ... [62]

Formatado ... [63]


Excluído:

14 Formatado ... [68]


Formatado ... [69]
Excluído: ,
Formatado ... [70]
surgimento de classes sociais antagônicas e de questões urbanas: habitação,
Excluído: foi …e ... [71]
desemprego e exclusão social. Formatado ... [72]
Excluído: ,
Formatado ... [73]
Sendo o capitalismo um fenômeno que se originou em alguns países europeus,
Excluído: tes
como Inglaterra e França, devido a economia de mercado espalhou-se para Formatado ... [74]

outros continentes, atingindo o continente americano. Sob essa ótica, foram Excluído: ,
Formatado ... [75]
abordados os contextos econômico, político e social em nível internacional e Excluído: , e
também nacional, relacionando-os ao Espírito Santo e a sua capital no âmbito Formatado ... [76]
Excluído: no nosso caso
... [77]
das questões em foco durante o período estudado.
Formatado ... [78]
Excluído: passo agora a
A Revolução Industrial e tecnológica proporcionou ao homem do século XIX e Formatado ... [79]
Excluído: abordar … ... [80]
das primeiras décadas do século XX uma imagem de si mesmo e da sociedade
Formatado ... [81]
talvez nunca antes imaginada. O desenvolvimento tecnológico e científico Excluído: para em seguida
... [82]
mostrou ao homem caminhos que ele não conhecia. O saber técnico levou-o a Formatado ... [83]
Excluído: apital no período
... [84]
novas formas de convivências e a novas interações sociais, vivenciando, esse
Formatado ... [85]
homem, uma era em que o progresso materializava-se com nítida rapidez na Formatado ... [86]
ciência, na descoberta de novas invenções e, principalmente, nas novas Formatado ... [87]
Excluído: o…inícios ... [88]
relações econômicas que se apresentavam com o desenvolvimento do sistema
Formatado ... [89]
capitalista de produção. Excluído: científico…, ... [90]
Formatado ... [91]
Excluído: ao homem que
Todas essas novidades foram acompanhadas de uma expressão material que Formatado ... [92]
se concretizou através de um processo de urbanização, refletindo-se no Excluído: seu
Formatado ... [93]
reordenamento espacial de muitas cidades européias e americanas. Nessa
Excluído: para…, ... [94]
perspectiva, “(...) a urbanização da sociedade industrializada não acontece sem Formatado ... [95]
a explosão daquilo que ainda chamamos de cidade” (LEFEBVRE, 1991, p. 75). Excluído: sentindo-se
Formatado ... [96]
Entretanto, as mudanças que se processaram nas cidades foram acompanhas
Excluído: vivendo uma ...
nova[97]
de profundas alterações nos estilos de vida urbana. Menezes (1996, p. 28), ao Formatado ... [98]
abordar essa questão, afirma que: Excluído: izava-se
Formatado ... [99]
Formatado ... [100]
A chegada da modernidade dava-se por um processo multifacetado
Excluído:
que, para além dos aspectos mais visíveis de alteração da paisagem
Formatado ... [101]
urbana, irradiava-se em várias direções, afetando o viver tradicional Excluído:
das formas mais variadas. Formatado ... [102]
Excluído: passaram a ter
Formatado ... [103]
Excluído: e remodelamento
... [104]
Formatado ... [105]
Excluído: tais… pelas quais
... [106]
Formatado ... [107]
Excluído:
Formatado ... [108]

Formatado ... [109]


... [110]
Formatado ... [111]
Formatado ... [116]
Excluído:
15
Formatado ... [117]
Excluído: ,
Formatado ... [118]
Considerando o velho embate entre o moderno e o tradicional, este
Excluído: de suas faces
...mais
[119]
amplo processo de mudança significou a negação do passado por Excluído: está…ada ... [120]
parte daqueles que tinham os olhos na Europa, glorificando uma Formatado ... [121]
forma burguesa de viver. Formatado ... [122]
Excluído: que tem
Formatado ... [123]
O crescimento e a expansão das cidades, no que diz respeito ao aspecto
Excluído: De acordo com
... [124]
territorial e demográfico, assim como no surgimento de uma problemática Excluído: , gerou

urbana, na qual a pobreza é uma realidade cruel, relacionaram-se ao Formatado ... [125]
Excluído: –
desenvolvimento industrial e capitalista, tendo no século XIX e nas primeiras
Formatado ... [126]
décadas do século XX o seu foco de ação. Excluído: ,
Formatado ... [127]
Excluído: serão
O desenvolvimento do sistema capitalista de produção gerou novas formas de
Formatado ... [128]
relacionamentos - econômicos, sociais, políticos e ideológicos - e as cidades Excluído: Se verificará

foram o palco das relações vividas entre os vários atores sociais. Com a Formatado ... [129]
Excluído: a
implantação de indústrias verificou-se a absorção de uma grande mão-de-obra,
Formatado ... [130]
oriunda de um êxodo rural extremamente significativo, resultante também de Excluído: Esta
Formatado ... [131]
problemas estruturais no campo. A migração interna foi responsável por um
Excluído: ,… será ... [132]
aumento populacional que modificou as estruturas das cidades. Formatado ... [133]
Excluído: ,…odificará ... [134]
Formatado ... [135]
Uma das questões sociais mais relevantes nesse período foi a questão
Excluído: será
habitacional, que pode ser vista como reflexo da aglomeração que se estava Formatado ... [136]
presenciando nas cidades e, também, pela ineficiência do Estado em promover Excluído: resultado…cidades
... [137]
Formatado ... [138]
políticas públicas que sanassem tal problema. Aliada a essa questão e mesmo
Excluído: ,
sendo parte dela, estava a problemática da falta de empregos, a qual foi Formatado ... [139]
acompanhada pela grande reserva de mão-de-obra verificada nos centros Excluído: o
Formatado ... [140]
urbanos devido a um grande êxodo rural e a imigração. As cidades não
Excluído: ,…a ... [141]
estavam preparadas para crescer em população tão rapidamente, pois lhes Formatado ... [142]
Excluído: empregos…,... [143]
faltava uma infra-estrutura capaz de abrigar tamanho crescimento populacional.
Formatado ... [144]
Excluído: e a
As condições de saneamento não atendiam satisfatoriamente a toda a Formatado ... [145]
Excluído: ,…ava ... [146]
população, gerando surtos epidêmicos que comprometiam o meio urbano e a
Formatado ... [147]
vida de seus habitantes. Excluído: ,
Formatado ... [148]
Excluído: ,…, ... [149]
Formatado ... [151]
16 Excluído: presenciaremos
Excluído:
Formatado ... [152]
Formatado ... [153]
Paralelamente à problemática urbana, também se presenciaram nas cidades a
Formatado ... [154]
formação e o desenvolvimento de classes sociais antagônicas dentro do Excluído:

processo de desenvolvimento do capitalismo. Assim, a burguesia e o nascente Formatado ... [155]


Excluído: ,…: ... [156]
operariado passaram a se confrontar em benefício de seus interesses. Essa
Formatado ... [157]
última classe lutou por melhores condições de vida e trabalho, e a primeira Excluído: ,

buscou consolidar seu poder através de uma dominação política, econômica e Formatado ... [158]
Excluído: os quais
ideológica sobre o operariado. Excluído: ão…s…t ... [159]
Formatado ... [160]
Formatado ... [161]
A expressão do poder burguês também se concretizou através do progresso
Excluído: passará a lutar
material ocorrido nas cidades que, em sua maioria, não se direcionou às Formatado ... [162]
camadas socialmente menos favorecidas da população, mas se materializou Excluído: cará
Formatado ... [163]
num processo de reordenamento urbano, ocasionando uma separação
Excluído: Tal poder
espacial entre as camadas privilegiadas, detentoras do poder político, e as Formatado ... [164]
camadas pobres da população. Excluído: poderá ser visto
... [165]
Formatado ... [166]
Excluído: das
O reordenamento urbano consolidou-se através das demolições de habitações Formatado ... [167]
populares, do saneamento e da higienização das cidades, além de se atrelar a Excluído: os quais
Formatado ... [168]
um projeto de disciplina moral das camadas pobres da população, respaldado
Excluído: se
pelo modelo burguês de comportamento e tendo na ciência e nas teorias Formatado ... [169]
Excluído: s que
higienistas o seu alicerce. Sob esse aspecto, Menezes (1996, p. 29) ressalta
Formatado ... [170]
que: Excluído: uma segregação
... [171]
Formatado ... [172]
O progresso, entretanto, era uma moeda de muitas faces, que refletia Excluído: classe

realidades diferenciadas para os vários segmentos sociais que o Formatado ... [173]
Excluído: ,que
vivenciaram, traduzindo não só na importação de produtos e técnicas,
Formatado ... [174]
mas também de homens, comportamentos, valores e idéias variadas.
Excluído: se deu
Formatado ... [175]
O processo de exclusão espacial imposto às camadas socialmente menos Excluído: em nome

favorecidas deu início à formação e à expansão das periferias nos grandes Formatado ... [176]
Excluído: e um…, assim,
... [177]
centros urbanos. Esse processo originou-se na Europa e daí, expandiu-se até a
Formatado ... [178]
América. Isso porque, com o desenvolvimento do capitalismo, os laços Excluído: atrelado

comerciais entre esses continentes tornaram-se mais estreitos, ocasionando Formatado ... [179]
Excluído: a
uma ligação não somente comercial, mas também uma ligação em que as Formatado ... [180]
Excluído: ao
Formatado ... [181]
Excluído: que teve
Formatado ... [182]
Excluído: …Ao tratar dessa
... [183]
Formatado ... [184]
Excluído: :
Formatado ... [185]
... [186]
Formatado ... [187]
Formatado ... [188]
Formatado ... [189]
Formatado ... [190]
... [191]
Formatado ... [195]
17 Excluído: do primeiro ... [196]
Formatado ... [197]
Formatado ... [198]
Excluído: ará
ideologias, a ciência, o ideal de progresso e de modernidade européias
Excluído: rá
influenciaram e serviram de modelo à civilidade americana. Formatado ... [199]
Excluído: à
Excluído: do segundo
No Brasil, a elite buscou copiar o progresso material verificado em algumas
Formatado ... [200]
capitais européias, como Londres e Paris. Esse progresso material refletiu-se Formatado ... [201]

nas transformações arquitetônicas das grandes capitais brasileiras, cabendo à Formatado ... [202]
Excluído:
elite republicana o projeto de estruturação de um novo país, a semelhança do Excluído: Aqui…se…ará
... [203]
modelo europeu. Esse novo país se incluía num projeto que seria erguido Formatado ... [204]
Formatado ... [205]
sobre os escombros das instituições coloniais e monárquicas, consideradas
Excluído: ns países…eus
... [206]
responsáveis pelo atraso material, cientifico e intelectual em que se Formatado ... [207]
encontravam o Brasil e o seu povo. Sob esse aspecto, coube à República e Excluído: a França e ... [208]
Formatado ... [209]
aos seus dirigentes erguerem um Brasil mais moderno
Excluído: tirá
Formatado ... [210]
O projeto político colocado em prática pela elite materializou-se na expansão Excluído: criar
Formatado ... [211]
urbana e no remodelamento das cidades brasileiras, como forma de ingressar
Excluído: ,
o país na modernidade. O velho mundo traduzia-se em civilidade, cabia ao Formatado ... [212]
novo mundo assimilar os conceitos de progresso. Excluído: ao gosto…Este
... [213]
Formatado ... [214]
Excluído: deverá ser…... [215]
A elite, ao buscar inserir o Brasil na modernidade, trazendo-lhe o progresso Formatado ... [216]
Excluído: posto
material, incorporou conceitos e ideologias européias com o objetivo de tentar
Formatado ... [217]
resolver as mazelas sociais oriundas do desenvolvimento capitalista. Esses Excluído: vivida por ... [218]
conceitos e ideologias baseavam-se em teorias científicas, nas quais buscava Formatado ... [219]
Excluído: T
ordenar, no espaço urbano, uma população que deveria ser disciplinada.
Formatado ... [220]
Nesse contexto, as teorias higienistas respaldaram o reordenamento urbano, Excluído: r

na medida em que associavam as mazelas sociais, como as epidemias, ao Formatado ... [221]
Excluído: ao Brasil
meio ambiente contaminado. Nessa perspectiva, seria necessário sanear não
Formatado ... [222]
só o meio urbano, mas também, as condutas sociais. Excluído: , seria também
... [223]
Formatado ... [224]
Excluído: européias…,... [225]
O ideário de progresso e modernidade assimilado pela elite brasileira dos
Formatado ... [226]
primeiros tempos republicanos não contemplou a todos os segmentos sociais Excluído: algumas

do país. Parcelas significativas da população brasileira ficaram à margem Formatado ... [227]
Excluído: n…a ... [228]
desse processo, excluídas que foram do projeto político do país, no qual Formatado ... [229]
Excluído: em
Formatado ... [230]
Excluído: ,
Formatado ... [231]
Excluído: Precisaria-se...nesse
[232]
Formatado ... [233]
Excluído: aspecto
Formatado ... [234]

Formatado ... [235]


... [236]
Formatado ... [237]

Formatado ... [238]


18

Excluído:
apenas uma minoria tinha direito ao voto. Marginalizados também ficaram em
Formatado ... [242]
relação ao reordenamento urbano, ao serem expulsos dos centros das cidades Excluído: ficaram

em prol da estética e da higiene desses locais. Dessa forma, foram renegados Formatado ... [243]
Excluído: pois foram
a um afastamento das zonas urbanas, construindo seus locais de moradias nos
Formatado ... [244]
espaços periféricos das capitais, muitas vezes sem nenhuma infra-estrutura. Excluído: te
Formatado ... [245]
Excluído: .
As transformações estéticas e o saneamento material e moral pelos quais Formatado ... [246]
estavam passando as grandes capitais brasileiras também se direcionaram à Excluído: e…indo ... [247]
Formatado ... [248]
Vitória, capital do Espírito Santo. O remodelamento urbano chegou um pouco
Excluído: os quais
atrasado, se comparado ao Rio de Janeiro e a São Paulo, que já vinham se Excluído: pelas quai

modernizando desde a segunda metade do século XIX. Contudo, essa Formatado ... [249]
Excluído: chegará até
distância temporal não foi um fator de diferenciação nos reflexos da
Formatado ... [250]
modernização. Excluído: a … ... [251]
Formatado ... [252]
Excluído: C
Durante o processo de urbanização da capital capixaba, presenciou-se uma
Formatado ... [253]
grande exclusão social das camadas menos favorecidas da população, Excluído: ará
Formatado ... [254]
principalmente nos governos de Jerônimo Monteiro (1908-1912) e Florentino
Excluído: a
Avidos (1924-1928). Formatado ... [255]
Excluído: será
Formatado ... [256]
O projeto político atrelado à questão urbanização/saneamento direcionou-se
Excluído: Vit como em ...
outras
[257]
para o aterro de mangues e para as demolições ocorridas no centro da cidade, Formatado ... [258]
dando lugar a uma região mais estética, mais moderna e com uma maior Excluído: haverá
Excluído: o mesmo
salubridade.
Formatado ... [259]
Formatado ... [260]
O Estado foi o grande agente direcionador e gerenciador do processo de Excluído: das
Formatado ... [261]
urbanização, que transformou a antiga Vitória, de aspectos coloniais, sem
Excluído: colocados em prát
nenhum tipo de saneamento, em uma cidade mais moderna e saneada. Da Formatado ... [262]

mesma forma, o poder público estadual também voltou seu olhar para a Excluído: especificamente
Formatado ... [263]
questão habitacional. Assim, ao mesmo tempo em que iam ocorrendo às Formatado ... [264]
demolições e recuos de prédios para abertura de ruas e avenidas, foi-se Excluído: Aliás, na capital
... [265]
Formatado ... [266]
construindo habitações para as camadas desfavorecidas de fortuna. Essas
Excluído: o…será… …pela
... [267]
habitações foram erguidas em locais afastados do centro, como forma de Formatado ... [268]
19

homogeneizar os espaços da urbe: o centro para a elite e a classe média e os


Excluído: .
arrabaldes para as camadas pobres da população. Sobre essa perspectiva, os Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
melhoramentos urbanos efetuados em Vitória foram acompanhados de uma Excluído: ¶

segregação espacial que se refletiu num alargamento dos espaços periféricos O

na capital, refúgio dos impossibilitados de usufruir dos frutos da modernidade Excluído: embelezamento
Excluído: também
elitista.
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Excluído: de
Para se chegar ao conhecimento de que o processo de urbanização em Vitória,
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
durante a Primeira República (1889-1930), gerou uma exclusão espacial que
Formatado: Fonte: (Padrão)
se expressou no alargamento dos espaços periféricos da capital, foi necessária Arial
Excluído: havendo
a utilização do método de análise crítica dos documentos. As fontes
Formatado: Fonte: (Padrão)
documentais relativas ao período estudado foram relacionadas a um referencial Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
teórico, proporcionando a articulação do conhecimento histórico. Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
As fontes iconográficas e as fontes documentais, como jornais, revistas, Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
mensagens e relatórios de autoridades governamentais da época em questão, Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
foram encontradas e pesquisadas no Arquivo Público do Estado do Espírito
Formatado: Fonte: (Padrão)
Santo. Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial

O referencial teórico que proporcionou o entendimento e a articulação com as Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
referidas fontes foi encontrado entre outros, em Lefebvre (1991, 2002), quando Formatado ... [269]

houve a necessidade de se compreender a relação existente entre o Formatado ... [270]


Formatado ... [271]
desenvolvimento do sistema capitalista e as transformações ocorridas nas Formatado ... [272]
cidades: urbanização dos espaços, antagonismos de classe e a questão Formatado ... [273]
Formatado ... [274]
habitacional, ressaltando-se a importância das mesmas nesses processos.
Formatado ... [275]
Formatado ... [276]
Ao tratar a questão da co-relação entre a urbanização e o controle social Formatado ... [277]
Formatado ... [278]
efetuado no Brasil, Chalhoub (1986) ressalta a associação que a elite fazia
Formatado ... [279]
entre as camadas pobres da população e o mal feitor, considerado como Formatado ... [280]
pertencente à classe perigosa. Ao mesmo tempo, esse autor demonstra que a Formatado ... [281]
Formatado ... [282]
elite brasileira apoiou-se no saber técnico-científico, isto é, no discurso
Formatado ... [283]
higienista, para combater o viver coletivo das populações de baixa renda, Formatado ... [284]
Formatado ... [285]
Formatado ... [287]
20 Excluído: , afastando do
... [288]
Formatado ... [289]
Excluído: Esta pesquisa
...será
[290]
Formatado ... [291]
principalmente nos cortiços, considerados focos de epidemias e de
Excluído: O
promiscuidades. Formatado ... [292]
Excluído: intitulado “ A ...
cidade
[293]
Formatado ... [294]
O estudo de Pesavento (1998) sobre a relação entre a construção da
Excluído: transformações
identidade do trabalhador ordeiro e sua regeneração moral através do trabalho Formatado ... [295]

orientou as pesquisas sobre as condutas das camadas pobres que viviam em Excluído: pelas quais estavam
... [296]
Formatado ... [297]
Vitória, assim como o combate por parte do poder público a esses indivíduos. Excluído: ,
Formatado ... [298]
Excluído: a
Na ótica dessas questões, nosso trabalho aborda o tema em três capítulos. No
Formatado ... [299]
primeiro são enfocadas as transformações pelas quais passaram as cidades, Excluído: o,
como expressão das mudanças econômicas, políticas, ideológicas e sociais, Formatado ... [300]
Excluído: toda uma
que estavam se processando na Europa e na América, assim como a
Formatado ... [301]
problemática urbana nascida com o sistema capitalista de produção. Excluído: ,…, será ... [302]
Problemática que foi alvo de investigações por parte de observadores sociais, Formatado ... [303]
Excluído: os quais buscarão
os quais buscaram refletir sobre os problemas urbanos oriundos da Revolução
Formatado ... [304]
Industrial. Excluído: ,…r ... [305]
Formatado ... [306]
Excluído: i
No segundo capítulo é abordada a conjuntura econômica do Brasil,
Formatado ... [307]
responsável pelo projeto urbanizador da elite e a alteração populacional que se Excluído: No
Formatado ... [308]
verificou nas capitais brasileiras devido ao êxodo rural e a imigração européia,
Excluído: “O perfil sócio-
... [309]
assim como, os seus resultados no quadro social do país. É enfocada também Formatado ... [310]
a incorporação de modelos europeus no processo de viabilização do progresso Excluído: r
Formatado ... [311]
material e moral da sociedade brasileira. Mais especificamente, é apontada a
Excluído: a qual foi ... [312]
inserção do Espírito Santo no quadro político e sócio-econômico do Brasil nas Formatado ... [313]
primeiras décadas republicanas. Dessa forma, é analisada a sua integração ao Excluído: , com…o também,
... [314]
Formatado ... [315]
contexto nacional em relação à produção de café e à imigração européia, que
Excluído: ,…, ... [316]
muito contribuiu para o povoamento de determinadas regiões capixabas e para Formatado ... [317]
o incremento dessas regiões ao cultivo do café. Nesse contexto, é atestada a Excluído: e
Formatado ... [318]
importância do porto de Vitória no processo de desenvolvimento econômico do
Excluído: Assim como…ões
... [319]
estado e de sua capital. Formatado ... [320]
Excluído: ,…enfocarei ... [321]
Formatado ... [322]
Excluído: a
Formatado ... [323]
Excluído: o
Formatado ... [324]
Excluído: nestas
Formatado ... [325]
Excluído: te
Formatado ... [326]
Excluído: abordarei
21

Excluído: deste trabalho “A


No terceiro capítulo é discutido mais especificamente o projeto de urbanização Cidade tradicional e o processo
de modernização e
idealizado pela elite capixaba. Como reflexo das transformações materiais urbanização,
Excluído: buscarei enfocar
efetuadas em Vitória, é analisada a exclusão espacial dos segmentos
Formatado: Fonte: (Padrão)
socialmente menos favorecidos da população diante do projeto elitista, isto é, o Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
alargamento e a expansão dos espaços periféricos da capital, que serviram de Arial

moradia às camadas sociais deslocadas do centro da cidade em razão do Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
processo de demolições colocado em prática pelo Estado. Nesse contexto, são Excluído: , assim como
Excluído: e tal
relatadas a expressão da pobreza urbana e a repressão do poder público a
Excluído: , e a expressão
seus agentes sociais como forma de disciplinar condutas desviantes. desse espaço
Excluído: :
Excluído: a qual
Excluído: u
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Excluído: os segmentos
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Excluído: que foram
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Excluído: deslocad
Excluído: os
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Excluído: diante
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Excluído: posta
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Formatado: À esquerda,
Espaçamento entre linhas: 1,5
linha
22

II - AS CIDADES E AS TENDÊNCIAS URBANAS ENTRE 1889-1930 Formatado ... [327]


Formatado ... [328]
Formatado ... [329]
2.1 - A CIDADE: UMA REFERÊNCIA CONCEITUAL Excluído: ¶ ... [330]
Excluído: 1.
Formatado ... [331]

O crescimento e a expansão das cidades marcaram intensamente a história Formatado ... [332]
Excluído: TUAL
contemporânea, quando se deu uma grande alteração na vida urbana, tendo Formatado ... [333]
como principal agente de desenvolvimento a industrialização. Essa, por ter Formatado ... [334]
Formatado ... [335]
inaugurado uma economia de âmbito universal, estendeu-se pelo mundo,
Excluído: .
sendo poucas as cidades que não sofreram seus efeitos. A cidade torna-se a Excluído: ¶

nova protagonista da vida das nações, o lócus da concentração econômica e Formatado ... [336]
Formatado ... [337]
das relações sociais de trabalho, enquanto no seu interior, pôde-se visualizar
Excluído: ¶ ... [338]
as transformações e tensões provocadas pelas suas novas dimensões e Formatado ... [339]
funções (MARIANI, 1986, p. 4). Formatado ... [340]
Formatado ... [341]
Excluído: o. A industrialização,
As transformações que historicamente se deram, permitindo a estruturação do Formatado ... [342]

modo de produção capitalista, também proporcionaram à cidade um novo perfil. Excluído: o


Formatado ... [343]
A cidade nunca fora um espaço de igual importância, e nem a urbanização um
Excluído: pode-se
processo tão expressivo e intenso em nível mundial como a partir do Formatado ... [344]
Excluído: ariani
capitalismo.
Formatado ... [345]
Excluído: :
Durante todo o tempo histórico, cidades surgiram, cresceram em seu Formatado ... [346]
Excluído: ,
esplendor, criaram sua própria estrutura urbana, desapareceram e deixaram
Formatado ... [347]
suas marcas. Para cada época, uma função e uma cidade diferentes. Segundo Excluído: …deram ... [348]
Castells (1984, p. 94), Formatado ... [349]
Formatado ... [350]
Excluído: nos…época… ,
... [351]
(...) a forma das cidades e sua evolução e funções, inclusivamente, Formatado ... [352]
vão depender estreitamente do tipo de processo social que lhes está Excluído: :
subjacente, e que a estrutura urbana assim criada influirá num Formatado ... [353]
determinado sentido sobre os novos processos sociais, que têm Formatado ... [354]

origem no seu seio. Formatado ... [355]


Formatado ... [356]

Formatado ... [357]


Nesse sentido, as cidades se transformam e se adaptam segundo sua época,
Excluído: adequam…, ...
seu[358]
seus habitantes e as várias relações produzidas entre eles, tendo em cada Formatado ... [359]
23

época uma função que engloba e articula esses segmentos, afirmando sua Excluído: ,
originalidade e seus contrastes. Excluído: posteridade
Excluído: ,
Formatado ... [360]
Entendemos que uma cidade sempre pode deixar suas marcas para a Excluído: e

posteridade. Essa noção nos permite dizer que ela não desaparece por Formatado ... [361]
Excluído: e que são
completo, visto que, sobrevive através de sua arquitetura, na qual ficam
Formatado ... [362]
registrados os monumentos que desafiam o tempo, revelando formas de vida, Formatado ... [363]
de produção, de comportamentos de determinada sociedade, e que são Excluído: Entretanto
Formatado ... [364]
deixados para que outras gerações tenham conhecimento da imagem da
Excluído: .
cidade anterior. No entanto, uma cidade sempre surge de uma formação Excluído: Sob este aspecto,
... [365]
Formatado ... [366]
anterior, pois “(...) além de contingente das experiências humanas, a cidade é
Excluído: .
também um registro, uma escrita, materialização de sua própria história” Formatado ... [367]
(ROLNIK, 1994, p. 9). Formatado ... [368]
Formatado ... [369]
Formatado ... [370]
Cada cidade tem a sua marca, tem o seu registro, tem a sua história e tem o Formatado ... [371]
seu momento de transformação. Esses contextos estão interligados com as Excluído: tes
Formatado ... [372]
relações que se estabelecem entre os homens: relações de produção, relações
Formatado ... [373]
sociais, relações de classe, relações de dominação e relações culturais. Sob o Excluído: relacionados

impulso dessas relações, a cidade se faz. Nesse aspecto, homem e cidade se Formatado ... [374]
Excluído: ,
complementam e se realizam, e tudo que diz respeito ao homem e a sua
Formatado ... [375]
trajetória de certa maneira está ligado à cidade. Assim, “não devemos esquecer Formatado ... [376]

que a própria vida se alberga no seu seio, até ao ponto de nos confundir e nos Excluído: à
Formatado ... [377]
fazer crer que são as cidades que vivem e respiram. Tudo o que afecta o Excluído: respeito da cidade,
... [378]
homem afecta a cidade, (...)” (GOITIA, 1992, p. 7). Formatado ... [379]
Formatado ... [380]
Excluído: N
Ao tentar explicar as cidades como um conjunto de elementos que Formatado ... [381]
caracterizam o espaço urbano e como uma comunidade histórica em processo Excluído: .
Formatado ... [382]
de constante especialização, mutação e crescente divisão de funções, pode-se
Excluído: ¶
dizer que a cidade é uma totalidade organicamente articulada, que de modo Formatado ... [383]
espontâneo ou planejado nasce, viabiliza-se e cresce. Formatado ... [384]
Excluído: ,
Excluído: ,
Formatado ... [385]
Excluído: ,
24

Historicamente a cidade não é vista como um simples amontoado de Excluído: ,


Formatado: Fonte: (Padrão)
indivíduos, mera coleção de ruas e só construída de pedras, cimento, Arial
vergalhões, com suas instituições e organismos administrativos. A cidade é Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Itálico
também construída de signos, de obras e de artes, com simbologia em seus Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
monumentos, em seus espaços, em suas ruas e em suas representações
Excluído: homens
coletivas, ou seja, a cidade é também um estado de espírito, uma totalidade de Excluído: : políticas,
econômicas, sociais e
costumes e tradições, uma organização de atitudes e sentimentos que ideológicas,
Formatado: Fonte: (Padrão)
expressam a mentalidade urbana. Arial
Excluído: ,
Formatado: Fonte: (Padrão)
Na perspectiva dessa noção, as cidades são o palco de todos os tipos de Arial

relações produzidas pelos homens, as quais produzem e reproduzem Excluído: é


Formatado: Fonte: (Padrão)
diferenças entre seus cidadãos, pois são nelas que ocorrem todos os tipos de Arial

manifestações. É nela que o poder se materializa na forma de Estado e onde Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
as forças sociais se interagem. Excluído: È
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
A cidade política materializada na sociedade egípcia e na sociedade Excluído: onde
Formatado: Fonte: (Padrão)
mesopotâmica representa essa noção, onde o poder do Estado cravado em Arial

seus domínios, administrava a produção, os trabalhos agrícolas e as obras Excluído: , representa


Excluído: m
necessárias à sobrevivência dos grupos humanos. O poder materializado nas
Formatado: Fonte: (Padrão)
cidades estendia-se à produção e ao trabalho na vida rural, mas, também, era Arial
Excluído: , administrava
o meio rural que fornecia a mão-de-obra e o produto que de certa forma
Formatado: Fonte: (Padrão)
garantia o funcionamento da cidade. Arial
Formatado ... [386]
Excluído: produção
A cidade medieval, cercada por muralhas, também teve as suas Excluído: e
Formatado ... [387]
particularidades e uma função que podemos dizer política e comercial. Eram
Excluído: ,
nas cidades medievais, nos seus mercados, que as trocas comerciais Excluído: a

ganhavam vida e o comércio se desenvolvia, ocasionando o aparecimento de Formatado ... [388]


Formatado ... [389]
um novo grupo social, que aos poucos impunha o seu poder sobre as cidades.
Formatado ... [390]
Segundo Lefebvre (1991, p. 5), “as cidades medievais, no apogeu de seu Formatado ... [391]
desenvolvimento, centralizam as riquezas; os grupos dirigentes investem Excluído: ,
Excluído:
produtivamente uma grande parte dessas riquezas na cidade que dominam”.
Formatado ... [392]
Formatado ... [393]
Formatado ... [394]
25

Excluído: ado,
A menção feita às cidades do passado vem mostrar que as mesmas sempre Formatado ... [395]
tiveram importância, sendo através do sobreproduto da agricultura que as Excluído: estas
Formatado ... [396]
cidades passaram a acumular riquezas, antecedendo o processo de
Formatado ... [397]
acumulação via industrialização, a qual lhe proporcionou um grande Excluído: existiram em

crescimento demográfico e espacial, trazendo-lhe peculiaridades e questões Excluído: que será


Excluído: sobreproduto
sociais nunca vistas antes.
Formatado ... [398]
Formatado ... [399]
Compreender as cidades é perceber que as mesmas não possuem uma Excluído: mesmas
Formatado ... [400]
definição única, podendo ser estudadas e analisadas sob vários aspectos e sob
Excluído: ão
diferentes percepções. Assim sendo, torna-se inviável utilizarmos uma única Formatado ... [401]
Excluído: industrialização,
definição para explicar a cidade e a sua movimentação. São as várias imagens
Excluído: o qual
que se têm da cidade, sob olhares e interpretações diversas, que se interligam Formatado ... [402]
na vontade de se compreender o fenômeno urbano e suas implicações. De Excluído: lhes proporcionou
Formatado ... [403]
acordo com Goitia (1987, p. 7),
Excluído: s
Excluído:
Pode-se estudar uma cidade sob um número de ângulos infinitos. O Excluído: ,

da história: “a história universal é história de cidades”, disse Spengler; Formatado ... [404]

o da geografia: “a natureza prepara o local e o homem organiza-o de Formatado ... [405]


Formatado ... [406]
maneira a satisfazer suas necessidades e desejos”, afirma Vidal de la
Excluído: e
Blanche; o da economia: “em nenhuma civilização a vida das cidades
Formatado ... [407]
se desenvolveu independentemente do comércio e da indústria”
Excluído: :
(Pirenne); o da política: a cidade, segundo Aristóteles, é um certo Formatado ... [408]
número de cidadãos; o da sociologia: “ a cidade é a forma e o Excluído: ,
símbolo de uma relação social integrada” (Mumford); o da arte e Formatado ... [409]
arquitetura: “ a grandeza da arquitetura está ligada à cidade, e a Formatado ... [410]
Formatado ... [411]
solidez das instituições costuma avaliar-se pelas dos muros que as
Formatado ... [412]
protegem’ (Albert).
Formatado ... [413]
Formatado ... [414]
Max Weber (1987, p. 77) quando analisa a passagem do feudalismo ao Excluído: ,

capitalismo, defende a tese de que é nas cidades, então em gestação, que Formatado ... [415]
Excluído: gerado também
... [416]
e
estava sendo formada a autonomia dos campos econômico, jurídicos e
Formatado ... [417]
políticos (embriões da infra-estrutura necessária ao desenvolvimento do Excluído:
Formatado ... [418]
capitalismo e a forma que ele adquire a partir daí). Esse espaço urbano é
Excluído: ão
também o berço de um habitante peculiar: o cidadão que se insere numa lógica Formatado ... [419]
Excluído: e
26

monetarizada do mercado. Dessa forma, a sociedade vai se complexificando Excluído: ,


Formatado: Fonte: (Padrão)
no seu desenvolvimento e adquire uma confirmação social que inclui o Arial

indivíduo como um ser singular, distanciando-se portanto, daquela sociedade Excluído: (Weber, 1996).
Formatado: Fonte: (Padrão)
calcada nos valores simbólicos da religião. Arial
Excluído: e
Formatado: Fonte: (Padrão)
Weber (1996) expressa as diferentes perspectivas da cidade ao verificar que a Arial
Excluído: ou
comunidade urbana é um sistema de vida inter-humana, uma totalidade que
Formatado: Fonte: (Padrão)
não pode ser identificada com uma única instituição, mas como uma ordem Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
institucional, ou seja, ele define a cidade como um sistema de relações. Essa Arial

definição inscreve-se no movimento de ampliação das relações capitalistas que Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
têm a cidade como lócus da produção e da reprodução. Excluído: , permite
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
O debate sobre a cidade a partir da sociedade industrial permite vislumbrar o Excluído: à
Formatado ... [420]
processo de construção das categorias urbanas, de elaboração de novos
Formatado ... [421]
sujeitos históricos, estrita e estreitamente vinculadas à cidade e a uma Formatado ... [422]
realidade urbana. Formatado ... [423]
Formatado ... [424]
Excluído: com o objetivo
... de
[425]
Por outro lado, compreendemos também a cidade como um produto do Formatado ... [426]
homem, o qual necessita de um lugar para fincar suas raízes e, por isso, Formatado ... [427]
Formatado ... [428]
apropria-se de um espaço e o modifica, buscando condições para sobreviver.
Formatado ... [429]
Contudo, as apropriações que se faz desse espaço é de forma desigual, e nos Excluído: de

remetem a questões econômicas, políticas, culturais, sociais e ideológicas de Formatado ... [430]
Formatado ... [431]
um determinado modo de produzir e de se relacionar em uma sociedade. Excluído: :
Formatado ... [432]
Excluído:
De acordo com Castells, (1984, p. 95), “(...) o essencial é pôr mais uma vez em
Formatado ... [433]
relevo o papel da cidade, papel que muda, enquanto expressão espacial de Formatado ... [434]
novas formas de relações sociais”. Nessa ótica, a cidade é vista como uma Excluído: “
Formatado ... [435]
produção social, sendo a cidade moderna, a expressão do desenvolvimento do
Excluído: ”
sistema capitalista e, por isso, “(...) é desigual e demonstra essa desigualdade Formatado ... [436]
na contraposição entre ‘ilhas’ de riqueza e áreas urbanas miseráveis, Excluído: ,
Formatado ... [437]
desprovidas de qualquer benefício” (PEREIRA, 2001, p. 35).
Formatado ... [438]
Formatado ... [439]
Formatado ... [440]
27

Formatado: Fonte: (Padrão)


Historicamente as cidades integram-se a um modo de produção através da Arial

interação de seus atores. Sob esse aspecto, Goitia (1992) aponta que, para Excluído: , a um artefato
social, político, cultural e
ideológico
cada cidade existe uma organização, uma dimensão histórica, uma
Formatado: Fonte: (Padrão)
convergência de valores materiais e sociais que se expressam em cada época Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
histórica. Arial

Excluído: :
Num conceito mais amplo, de acordo com Scuro (2004, p. 318), Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Excluído: ,
(...) acima de qualquer outra determinação, cidades são complexos Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
sistemas de relações envolvendo pessoas, instituições, forças
Formatado: Fonte: (Padrão)
políticas e econômicas, que estabelecem a dependência entre elas e Arial, 10 pt
seus diferentes contextos institucionais, explicando a dinâmica de seu Formatado: Recuo: À
esquerda: 3,92 cm,
desenvolvimento, bem como seus problemas. Espaçamento entre linhas: 1,5
linha
Formatado: Fonte: (Padrão)
A noção de cidade submetida a um processo evolutivo, articulada a um Arial
Formatado: Espaçamento
conjunto de normas e instituições, gestora de novos modelos de vida e de entre linhas: 1,5 linha

novos valores num contexto de manifestação concreta do urbano, no qual se Excluído: ,


Formatado: Fonte: (Padrão)
reúnem os elementos dos mais variados e de contraditórias situações, inclui-se Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
nas próprias origens da cidade na história das civilizações. Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
A força das cidades como espaço de sustentação dessas articulações Formatado ... [441]
desponta a partir da sociedade moderna ocidental, quando uma nova ordem Formatado ... [442]
Formatado ... [443]
urbana se estabelece e se transforma em paradigma universal.
Excluído: ,
Formatado ... [444]
A cidade moderna representou o centro das manifestações transformadoras Excluído: e era
Formatado ... [445]
que estavam se dando no processo produtivo europeu, sendo o meio que
Excluído: à
permitia e dava sustentação às transformações, tornando-se o centro da vida Formatado ... [446]
Excluído: as
social e política da Europa.
Formatado ... [447]
Formatado ... [448]
Castells (1984) demonstra que, na modernidade, as transformações nos níveis Formatado ... [449]
Formatado ... [450]
sociais, econômicos e das idéias, no centro dinâmico de uma economia urbana
Formatado ... [451]
organizada para o trabalho e para o comércio, coroam a cidade como centro de Formatado ... [452]
vida social e política, onde não se acumula apenas o capital, como também a Formatado ... [453]
Formatado ... [454]
28
Formatado ... [455]
Formatado ... [456]
Excluído: p
cultura urbana, estabelecendo as bases da hierarquia das classes sociais Formatado ... [457]
modernas. Excluído: o
Formatado ... [458]
Excluído: s
É nesse quadro que as cidades adquirem um novo ideário, e uma expressão Formatado ... [459]
demonstra o espírito da época: “o ar da cidade é o ar da liberdade” (SPOSITO, Excluído: i
Formatado ... [460]
1991, p. 34). Uma liberdade que não impedia de torná-las pólos de atração e
Excluído: t
de absorção de uma mentalidade e de uma nova população. Formatado ... [461]
Excluído: o
Formatado ... [462]
No século XIX o principal motor é a industrialização. E a lógica do urbano,
Excluído: ,
enquanto agente maior das relações de trabalho e poder, representa um Formatado ... [463]
Excluído: :
grande marco no que diz respeito ao crescimento e ao desenvolvimento das
Formatado ... [464]
cidades européias. Excluído: a
Excluído: ,
Formatado ... [465]
Nas cidades, devido à industrialização, à implantação e à expansão das
Excluído: enquanto
fábricas, ocorre um intenso crescimento demográfico, atuando as mesmas Formatado ... [466]
como uma espécie de imã em relação à população rural, que para elas Excluído: stas
Formatado ... [467]
migravam em busca de melhores condições de vida. Aliado a esse êxodo rural,
Excluído: à
a imigração também foi um forte fator de acúmulo populacional nas grandes Formatado ... [468]
cidades. Excluído: irá
Formatado ... [469]
Excluído: r
Também nas cidades, território do capitalismo, foram se instituindo novas Formatado ... [470]

ordens, e novas leis deram legitimidade e apoio à ação capitalista, Excluído: à


Formatado ... [471]
expressando as novas relações que se estavam consolidando, isto é, o sistema Excluído: foi
capitalista moldava novas relações, novas interações, fazendo emergir nos Formatado ... [472]
Excluído: u
diversos grupos sociais que habitavam nas cidades, um outro modus viventi.
Formatado ... [473]
Sobre esse aspecto, nos diz Lefebvre (1991, p. 46): Formatado ... [474]
Formatado ... [475]
Excluído: à
A cidade sempre teve relações com a sociedade no seu anexo, com
Formatado ... [476]
sua composição e seu funcionamento, com seus elementos
Excluído: :
constituintes (campo e agricultura, poder ofensivo e defensivo,
Formatado ... [477]
poderes políticos, Estados, etc.), com sua história. Portanto, ela muda Excluído: :
quando muda a sociedade no seu conjunto. Entretanto, as Formatado ... [478]
transformações da cidade não são os resultados passivos da Formatado ... [479]
Formatado ... [480]
29

Formatado ... [481]


Formatado ... [482]
globalidade social, de suas modificações. A cidade depende também
Formatado ... [483]
e não menos essencialmente das relações de imediatice, das Excluído: ,…deveria ... [484]
relações diretas entre as pessoas e grupos que compõem a Excluído: ,… seriam ... [485]
sociedade (famílias, corpos organizados, profissões e corporações, Formatado ... [486]
etc.) (...). Excluído: ,
Formatado ... [487]
Excluído: r um novo momento,
A cidade do século XIX representava o progresso e as fábricas personificavam Formatado ... [488]
o símbolo desse progresso. O avanço tecnológico presenciado pelo homem Excluído: à
Formatado ... [489]
desse século foi surpreendente. Novas invenções surgiam num ritmo muito
Excluído: um outro
acelerado: o automóvel, o telefone, o cinema, a máquina fotográfica. Toda essa Formatado ... [490]
tecnologia dava ao homem a sensação de viver numa era mais civilizada e a Excluído: o
Formatado ... [491]
cidade deveria seguir e adaptar-se a esse novo contexto.
Excluído:
Formatado ... [492]

Apesar desse sentimento otimista em relação à cidade, havia outro lado que Excluído: a cidade
Formatado ... [493]
colocava em cheque esse desenrolar do progresso: o nascente sistema
Excluído: ,
capitalista não conseguia dar conta das contradições que se impunham ao Formatado ... [494]
Excluído: am
meio urbano. De fato, as cidades cresciam demograficamente e pessoas
Formatado ... [495]
dirigiam-se a elas em busca de trabalho e de melhores condições materiais. Excluído: ,
Contudo, não encontravam nelas uma infra-estrutura sólida que lhes pudessem Formatado ... [496]
Excluído: eria
abrigar, resultando em moradias precárias, em subempregos, desemprego,
Formatado ... [497]
poluição, falta de moradias e epidemias. Excluído: t
Formatado ... [498]
Excluído: iam
A aglomeração humana nas grandes cidades se fazia notória, principalmente
Formatado ... [499]
porque trazia à tona conflitos engendrados numa sociedade em que a ordem Excluído: -se

deveria prevalecer. Nesse contexto de contradições, as cidades foram se Formatado ... [500]
Excluído: sta
transformando materialmente, assim como se transformavam também as
Formatado ... [501]
relações sociais entre os indivíduos que nela habitavam. Excluído: uma outra
Formatado ... [502]
Excluído: (política, ... [503]
Nessa nova cidade que se erguia, liberta dos domínios do campo, mas nem por Formatado ... [504]
isso desvencilhada dele, estava se formando outra mentalidade, na qual o Excluído: a
Formatado ... [505]
domínio da era industrial inseria-se e ditava práticas na vida cotidiana de seus
Excluído: s
habitantes, sendo as relações entre os mesmos (lê-se aí grupos sociais), Formatado ... [506]
Excluído: e sendo
Formatado ... [507]
30

modificadas em função dessas transformações. Sob esse aspecto, Pechman, Excluído: :

(1994, p. 34) afirma que: Excluído: :


Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Dali, da aridez da paisagem industrial, da rispidez dos odores das Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
fábricas, da confusão de becos e traçados irregulares, das cenas de
Formatado: Fonte: (Padrão)
miséria e abandono, da convulsão da multidão em revolta, dali Arial, 10 pt

nascerão as formas de sociabilidade moderna, que pressupunham Formatado: Recuo: À


esquerda: 4,02 cm,
um novo cenário onde elas pudessem se expressar. E esse novo Espaçamento entre linhas: 1,5
linha
cenário é a cidade da era da Revolução industrial.
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial

Sob a ótica do capitalismo, as cidades vão se tornando palco de conflitos e de Formatado: Espaçamento
entre linhas: 1,5 linha
relações sociais. A frente dela estava um determinado segmento social que Formatado ... [508]
Excluído: um outro
cooptou as instituições de Estado e as geriu de acordo com os seus interesses,
Formatado: Fonte: (Padrão)
portanto, em detrimento de outro segmento da sociedade. Tal grupo social Arial
Excluído: irá …ar ... [509]
coordenou mudanças materiais que se fizeram necessárias na estrutura
Formatado: Fonte: (Padrão)
espacial das cidades, mudanças essas, que se embasaram no ideário do Arial
Excluído: ará
progresso e da ciência. Lefebvre (1991, p. 14) ressalta que:
Excluído: o
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Num tal processo intervêm ativamente, voluntariamente, classes ou
Formatado ... [510]
frações de classes dirigentes, que possuem o capital (os meios de
Excluído: ,
produção) e que gerem não apenas o emprego econômico do capital Formatado ... [511]
e os investimentos produtivos, como também a sociedade inteira, Excluído: das
com o emprego de uma parte das riquezas produzidas na “cultura”, Formatado ... [512]
na arte, no conhecimento, na ideologia. Ao lado, ou antes, diante dos Excluído: a crença

grupos sociais dominantes (classes ou frações de classes), existe a Formatado ... [513]
Excluído: Segundo…: ... [514]
classe operária: o proletariado, ele mesmo dividido em camadas, em
Formatado ... [515]
grupos parciais, em tendências diversas, segundo os ramos da
Formatado ... [516]
indústria, as tradições locais e nacionais.
Formatado ... [517]
Formatado ... [518]
Formatado ... [519]
Cidades sempre existiram e abrigaram a história da humanidade. No entanto,
Excluído: …, contudo…,
... [520]
esse novo contexto urbano que se estava formando, era diferente de tudo que Formatado ... [521]
já se viu historicamente, justamente por estar vinculado ao processo de Excluído: endonça
Formatado ... [522]
industrialização, “(...) tendo sua origem num momento bem preciso da história
Excluído: :
do Ocidente que pode ser identificado como aquele da superação das relações Formatado ... [523]
feudais pelas mercantis e capitalistas (...)” (MENDONÇA, 2001, p. 81). Nesse Excluído: ).
Formatado ... [524]
31

Excluído: . A cidade moderna


sentido, a cidade moderna rompeu com a cidade tradicional e alcançou
Formatado: Fonte: (Padrão)
dimensões nunca sonhadas pelo homem, originando uma problemática urbana Arial
Formatado: Fonte: (Padrão)
que teve no processo de industrialização o seu agente. Enfim, podemos Arial
Excluído: ou
entender o processo de industrialização não só pelo seu desenvolvimento
Formatado: Fonte: (Padrão)
tecnológico, mas também fazendo parte do modo de produção capitalista. Arial
Excluído: s como foi
mencionado anteriormente,

Nas teias do capitalismo, as cidades modificaram-se e passaram pela primeira Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
vez na história da humanidade a ter uma importância sem igual. Elas tornaram- Excluído: em

se centros de negócios, de produção, de consumo, de lazer e, principalmente, Formatado: Fonte: (Padrão)


Arial
centro de decisões políticas e administrativas. Nesse entendimento, a área Excluído: germe
Formatado ... [525]
central das cidades, não necessariamente a sua área geográfica central,
Formatado ... [526]
passou a ter uma função integradora de grande importância, atraindo para si Excluído: f…s…m-se ... [527]
diversas outras funções. Assim, “não existe cidade, nem realidade urbana, sem Formatado ... [528]
Excluído: Nesse
um centro. (...) não existem lugares de lazer, de festa, de saber, de entendimento,

transmissão oral ou escrita, de invenção, de criação, sem centralidade” Formatado ... [529]
Excluído: a
(LEFEBVRE, 2002, p. 93).
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
Excluído: i
Também o progresso técnico foi responsável por importantes transformações
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
no meio urbano, especialmente aquelas relacionadas ao desenvolvimento dos
Excluído: Segundo Lefebvre,
meios de transportes, encurtando as distâncias e as comunicações entre as (2002:93):
Formatado ... [530]
populações citadinas, ao mesmo tempo em que favorecia o desenvolvimento
Excluído: N
da produção e do consumo, contribuindo, assim, para novas formas de interagir Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Itálico
do homem com o seu meio. Castells (1984, p. 100) enfoca essa questão ao
Excluído:
afirmar que: Formatado ... [531]
Excluído: .…. ... [532]

Nos começos da segunda revolução industrial, caracterizada Formatado ... [533]


Formatado ... [534]
sobretudo pela utilização da energia elétrica, a utilização do comboio
Formatado ... [535]
permitiu a ampliação das concentrações urbanas de mão-de-obra à
Excluído: :
volta de unidades industriais de produção cada vez mais vastas. Os
Formatado ... [536]
transportes coletivos asseguraram a interação das diversas zonas e Excluído: :
funções da metrópole, distribuindo os fluxos internos mediante uma Formatado ... [537]
relação tempo/espaço aceitável. A generalização do automóvel, (...) Formatado ... [538]
permitiu a dispersão urbana nas grandes zonas de casas individuais, Formatado ... [539]
Formatado ... [540]
espalhadas por toda a área e ligadas por cordões umbilicais (vias
32

Excluído: ...)…. ... [541]


Formatado ... [542]
rápidas de circulação) às diferentes atividades (trabalho, comércio,
Formatado ... [543]
etc). Formatado ... [544]
Excluído: cidades… que
... [545]
Formatado ... [546]
A vida nas cidades, articulada pelas novas instituições capitalistas, é
Formatado ... [547]
igualmente modificada em função da produção em larga escala, a qual induz o Excluído: moldada
aparecimento de uma sociedade de consumo. Assim, tudo se torna mercadoria Excluído: novas instituições
... [548]
Formatado ... [549]
no novo sistema de produção: o lazer; a moda; o trabalho; o solo; a habitação,
Excluído: s, expressões
...das
[550]
servindo-se satisfatoriamente dessas mercadorias, aqueles que têm as Formatado ... [551]
melhores condições financeiras. Excluído: devido à
Formatado ... [552]
Excluído: , estimulando
Tal processo refletia-se no comportamento e na diferenciação dos indivíduos Formatado ... [553]
no espaço urbano. De acordo com Sposito (1991, p. 55) o processo de Excluído: , tudo pode ser
... [554]
Formatado ... [555]
consumo cada vez estimulado na sociedade urbana
Excluído: e s
Formatado ... [556]
(...) promoveu, a partir do século XIX e no decorrer do século XX, Formatado ... [557]
uma homogeneização dos valores culturais sob a esfera do domínio Excluído: ,

capitalista. Atuando ideologicamente sobre a sociedade, a Formatado ... [558]


Formatado ... [559]
propaganda cria necessidades de consumo cada vez mais uniformes
Formatado ... [560]
(...).
Formatado ... [561]
Excluído:

Diferenças e desigualdades sociais sempre existiram na história da Formatado ... [562]


Formatado ... [563]
humanidade. Contudo, foi a partir do desenvolvimento urbano, também
Formatado ... [564]
vinculado ao crescimento populacional, que essas diferenças acentuaram-se, Excluído: ,

mostrando lados totalmente distintos no cotidiano das grandes cidades. A Formatado ... [565]
Excluído: c
segregação social que se verificava nas ruas era visível no trabalho nas
Formatado ... [566]
fábricas, nas habitações, nos espaços de lazer, nos grupos étnicos, no modo Excluído: nas

de se vestir e no espaço diferenciado entre ricos e pobres. Formatado ... [567]


Excluído: d
Formatado ... [568]
O crescimento urbano durante o século XIX e inícios do século XX, acelerado Excluído: ,
Formatado ... [569]
pelo avanço técnico industrial e pela migração do campo para as grandes
Excluído: com o
cidades, não foi acompanhado por um processo de infra-estrutura que Formatado ... [570]
proporcionasse condições dignas de sobrevivência nas grandes cidades, Excluído: com a
Formatado ... [571]
principalmente, para as populações de baixa renda que para elas se dirigiam.
Excluído: s, causando ...
um[572]
Formatado ... [573]
Excluído: européias, como
... [574]
33
Formatado ... [575]
Formatado ... [576]
Excluído: e muitas das vezes
O que se presenciava nas grandes capitais era um fervilhar de pessoas indo e Formatado ... [577]
vindo em busca de empregos e de moradias, muitas vivendo precariamente de Excluído: Sob essa questão
Formatado ... [578]
subempregos e sujeitas às constantes epidemias devido às precárias
Excluído: :
condições de higiene nos bairros pobres em que habitavam. Nesse contexto, Formatado ... [579]
Sposito (1991, p. 58) faz a seguinte observação: Excluído: afirma:
Formatado ... [580]
Formatado ... [581]
A falta de coleta de lixo, de rede de água e esgoto, as ruas estreitas Formatado ... [582]
para a circulação, a poluição de toda ordem, moradias apertadas, Excluído: na medida que
falta de espaço para o lazer, enfim insalubridade e feiúra eram Formatado ... [583]
problemas urbanos, na medida em que se manifestavam de forma Formatado ... [584]

acentuada nas cidades, palco de transformações econômicas, sociais Formatado ... [585]
Excluído: em
e políticas.
Formatado ... [586]
Excluído: em
As cidades ao mesmo tempo em que se desenvolviam em termos de Formatado ... [587]
tecnologia, de produção, de espaço urbano, suplantando em importância o Excluído: v
Formatado ... [588]
campo e dele se apropriando, sobretudo em relação à mão-de-obra, passaram
Excluído: os quais
a produzir símbolos que refletiam as mudanças estruturais que estavam Formatado ... [589]

ocorrendo na sociedade. Esses símbolos expressavam o poder de uma nova Excluído: Tais
Formatado ... [590]
ordem que estava se adaptando e se inserindo no contexto urbano. Segundo
Excluído: :
Martins (1994, p. 179), Formatado ... [591]
Formatado ... [592]
Formatado ... [593]
Nesse entendimento, a eleição de marcos simbólicos representativos
Formatado ... [594]
do processo histórico local deve ser extremamente criteriosa, pois, Excluído: Esses
afinal, seleciona-se monumentos que interferem não só na paisagem Formatado ... [595]
e no desenvolvimento de uma mentalidade mas, sobretudo, Excluído: o

configuram imagens aliciadoras a serviço da liberdade ou da tirania. Formatado ... [596]


Excluído: então…, tais...como,
[597]
Formatado ... [598]
Os símbolos de poder com todos os significados (monumentos, edifícios que
Excluído: nos moldes ... [599]
abrigavam o poder público, igrejas), expressavam também o poder político da Formatado ... [600]
burguesia industrial, detentora do poder econômico e dos signos ideológicos Excluído: a
Formatado ... [601]
que estavam permeando a sociedade: família, trabalho, propriedade e
Excluído: , ou seja, os ...
valores
[602]
valorização da ordem vigente. Assim, os valores morais burgueses deveriam Formatado ... [603]
Excluído: de um determinado
... [604]
ser repassados para o restante da sociedade, para que o progresso também,
Formatado ... [605]
por essa ótica, penetrasse de forma generalizada no seio social. Excluído: a sociedade
Formatado ... [606]
Excluído: o próprio

34 Formatado ... [607]


Excluído: de
Formatado ... [608]
Formatado ... [609]
Partindo do princípio de que o próprio espaço das cidades se encarrega de
Excluído: veremos que as
contar a sua história, observa-se que as aglomerações humanas constituídas Formatado ... [610]
nas cidades no decorrer do século XIX e nas primeiras décadas do século XX Excluído: que se constituíram
Formatado ... [611]
viviam em espaços que refletiam a sua posição na sociedade. Esse
Excluído: européias…...
em[612]
contingente populacional era formado em grande parte por operários, mão-de- Formatado ... [613]

obra necessária a manutenção do que, então, também era considerada como Excluído: que
Formatado ... [614]
símbolo do progresso: a fábrica. Excluído: ão que ocupavam
Formatado ... [615]
Excluído: dade. A população
... [616]
No capitalismo tudo se direciona ao lucro, e nesse sentido, tudo se torna
Formatado ... [617]
mercadoria, inclusive o solo. Nessa concepção, a relação capital x espaço Excluído: composta
territorial determinou a forma de ocupação do espaço urbano pelos diferentes Formatado ... [618]
Excluído: `a
grupos sociais que viviam nas grandes cidades, seja em relação ao espaço de
Formatado ... [619]
trabalho, seja em relação ao espaço de moradia, seja em relação ao lazer. Excluído: também

Essa disposição espacial e social que se verificou nas grandes capitais é Formatado ... [620]
Excluído: nascente ... [621]
entendida pela ótica estrutural do capitalismo. Tal constatação chocou-se com
Formatado ... [622]
a ideologia liberal, que invocava a igualdade de oportunidades para todos os Excluído: se direciona

cidadãos. Formatado ... [623]


Excluído: ,
Formatado ... [624]
Na verdade, a desigualdade era uma marca notória que separava os estilos de Excluído: -se
Formatado ... [625]
vida dos vários grupos sociais que habitavam e que conviviam nas grandes
Excluído: Esse tipo de
cidades. Sendo assim, “(...) o contraste era, sem dúvida, grande frente à Formatado ... [626]
discriminação racial ou as duras condições de existência dos trabalhadores Excluído: irá
Formatado ... [627]
urbanos” (PESAVENTO, 1998, p. 120).
Excluído: ar
Formatado ... [628]
A paisagem urbana refletia essa afirmativa, visto que o processo de Excluído: a como
Formatado ... [629]
urbanização direcionado às cidades européias e às cidades americanas a partir
Excluído: será
do século XIX não englobou apenas mudanças em suas estruturas espaciais e Formatado ... [630]
materiais, mas também mostrou outro lado que fugiu ao controle do ideal de se Excluído: do
Formatado ... [631]
viver nas cidades: o desenvolvimento econômico, o progresso tecnológico e o
Excluído: em
desenvolvimento da ciência não abraçou a todos. Dessa forma, houve um Formatado ... [632]
Excluído: Essa disposição
... [633]
crescimento no meio urbano em decorrência da expansão das cidades.
Formatado ... [634]
Contudo, um crescimento que também se expressou na expansão das Excluído: ao se analisa-la pela
... [635]
Formatado ... [636]
Excluído: ava
Formatado ... [637]
Excluído: a qual
Formatado ... [638]
Excluído: , o que na prática
... [639]
Formatado ... [640]
Formatado ... [641]
... [642]
Formatado ... [643]

Formatado ... [644]

Formatado ... [645]


Excluído: n

35 Formatado ... [649]


Excluído: s sub-
Formatado ... [650]
Formatado ... [651]
periferias, do desemprego, da falta de moradias, das epidemias, enfim, da
Excluído: n
marginalização de determinados segmentos da população. Sob a questão do Formatado ... [652]
crescimento desordenado das cidades em decorrência da industrialização, Excluído: n
Formatado ... [653]
Lefebvre (2002, p. 89) pondera que:
Excluído: :
Formatado ... [654]
A cidade consagra a desigualdade (...). nela, por ela a segregação Excluído: afirma que:

generaliza-se: por classe, bairro, profissão, idade, etnia, sexo. Formatado ... [655]
Formatado ... [656]
Multidão e solidão. Nela o espaço torna-se raro: bem valioso, luxo e
Formatado ... [657]
privilégio mantidos e conservados por uma prática (o “centro”) e
Formatado ... [658]
estratégias.
Formatado ... [659]
Excluído: Na verdade, ...
a [660]

O meio urbano estava se modificando e cada vez mais as cidades se Formatado ... [661]
Excluído: ,
expandiam. Por toda parte se via um fervilhar de pessoas que iam e vinham em Formatado ... [662]
busca de uma vida melhor, ou então, em busca de apenas sobreviver. Pessoas Excluído: expandiam…...e [663]
Formatado ... [664]
cruzavam-se nas ruas, cada qual seguindo seu caminho: dirigindo-se ao
Excluído: p
trabalho ou à procura dele, voltando para casa, se deliciando nos cafés, tão Formatado ... [665]
em moda na época, ou cometendo atos repudiados pelos valores morais da Excluído: uns
Formatado ... [666]
sociedade. Enfim, eram pessoas dos mais variados tipos e condições sociais
Excluído: , out
que faziam das ruas seus locais de passagem, de convívio, de manifestações e Formatado ... [667]
de lazer. Pesavento (1998, p. 114) ao discutir sobre a importância da rua na Excluído: ras voltando ...
dele,
[668]
Formatado ... [669]
vida cotidiana, ressalta que:
Excluído: outras sem casas
... [670]
Formatado ... [671]
Na rua, o povo exerceria o seu poder de revolta e de pressão Excluído: outras

enquanto massa. Na rua, o espaço se revela “democrático”, uma vez Formatado ... [672]
Excluído: e outras
que oportunizava a todos a circulação e o acesso aos logradouros
Formatado ... [673]
públicos. Na rua se expressava a irreverência de atitudes e
Excluído: ,
sociabilidades que eram estranhas e condenadas pela família
Formatado ... [674]
burguesa. Excluído: ..…¶ ... [675]
Formatado ... [676]
A população que crescia nas grandes cidades vivia em volta da pobreza, a qual Excluído: se referir
Formatado ... [677]
se proliferava cada vez mais no meio urbano, acompanhando o
Excluído: cidade
desenvolvimento da nascente sociedade capitalista. Nessa sociedade, a Formatado ... [678]

pobreza e a miséria eram associadas ao não trabalho. Isto é, pela ótica dos Excluído: afirma:
Formatado ... [679]
bem nascidos, havia aqueles indivíduos não propensos ao trabalho, cabendo à Formatado ... [680]
Formatado ... [681]
Formatado ... [682]
Formatado ... [683]
Excluído: Devido a essa
... [684]
Formatado ... [685]
Excluído: marginal
Formatado ... [686]
Excluído: ,
Formatado ... [687]
... [688]
Formatado ... [689]

Formatado ... [690]


Formatado ... [695]
36 Excluído: :
Formatado ... [696]
Formatado ... [697]
Formatado ... [698]
sociedade e ao Estado superar esse problema pela tentativa de incluir o valor
Formatado ... [699]
do trabalho na vida desses indivíduos. De acordo com Bresciani (2004, p. 79- Formatado ... [700]
80), Formatado ... [701]
Excluído: ,
Formatado ... [702]
(...) a ameaça latente dos bolsões de miséria que resistem ao apelo Excluído: “…gerador” ... [703]
moralizador do trabalho constitui o diagnóstico de um “tumor”, algo a Formatado ... [704]
ser arrancado do corpo da sociedade. Por contágio, essa doença Excluído: era retratada

ameaçava espalhar-se com uma rapidez tanto maior quanto menos Formatado ... [705]
Excluído:
tivessem as pessoas absorvido os padrões de vida considerados
Formatado ... [706]
civilizados.
Excluído: através das
Formatado ... [707]
A ideologia do trabalho, além de seu aspecto moralizador, era um estímulo a se Excluído: ou a falta delas
Formatado ... [708]
produzir cada vez mais, pois, numa sociedade movida pelo consumo, o
Excluído: nos
trabalho é visto como sustentáculo da sobrevivência humana, onde tudo é Formatado ... [709]
adquirido através dele, inclusive a dignidade. Excluído:
Formatado ... [710]
Excluído: /e
A pobreza urbana se expressava nas sociedades européias e americanas do Formatado ... [711]
século XIX e inícios do século XX na ausência de condições materiais, em Excluído: pela
Formatado ... [712]
indivíduos que perambulavam pelas ruas das cidades, ou, então, na
Excluído: –
necessidade de receber ajuda pública ou particular para sobreviver. Também Excluído: rivada - externa
Formatado ... [713]
eram sintomas de pobreza a falta de moradias, o desemprego, a mendicância,
Excluído: Essa pobreza...…era
[714]
a precária alimentação, os baixos salários e as altas jornadas de trabalho a que Formatado ... [715]
estavam expostos homens, mulheres e crianças. Nesse contexto, a miséria Formatado ... [716]
Excluído: ou moradias... [717]
crescia em uma sociedade guiada pelo ideário de progresso, fazendo da
Formatado ... [718]
pobreza uma característica do crescimento urbano desordenado. Excluído: ou pelo ... [719]
Formatado ... [720]
Excluído: pelos
A pobreza e a miséria também levavam inquietação e temor aos grupos
Formatado ... [721]
dirigentes, sendo o receio de manifestações populares, uma constante na vida Excluído: , pela precária
... [722]
da elite. Formatado ... [723]
Excluído: as
Formatado ... [724]
O caos a que as cidades estavam submetidas (insalubridade, falta de higiene Excluído: aos …quais ... [725]

nas ruas e nas moradias populares, poluição emitida pelas fábricas) e o tipo de Formatado ... [726]
Excluído: eram
habitantes que nelas se proliferavam (indigentes, ladrões, prostitutas, boêmios, Formatado ... [727]
Excluído: , refletindo-se...numa
[728]
Formatado ... [729]
Excluído: Era a
Formatado ... [730]
Excluído: …exposta ... [731]
Formatado ... [732]
Excluído: numa
Formatado ... [733]

Formatado ... [734]

... [735]
... [736]
Formatado ... [737]
Formatado ... [742]
37 Excluído: –
Formatado ... [743]
Excluído: ao
Formatado ... [744]
desempregados), levou à análise e a reflexão sobre os problemas urbanos. No
Excluído: Segundo…: ... [745]
entender de Pechmam (1994, p. 4-5): Formatado ... [746]
Formatado ... [747]
A sociedade que se gesta no espaço urbano das grandes cidades Formatado ... [748]
Formatado ... [749]
não se dá a conhecer. O saber científico que vai sendo construído ao
Formatado ... [750]
longo do século XIX estará voltado, em grande parte, para a
Excluído: Diverso
identificação da nova realidade social, econômica e cultural sobre a
Formatado ... [751]
qual se construíra um novo modelo de poder e dominação, que tem Excluído: s
como fundamento a cidade. Certamente que os problemas suscitados Formatado ... [752]
pelo crescimento das cidades sempre existiam: a falta de moradias, Excluído: eram

sua precariedade, a carestia do custo de vida, o perigo das Formatado ... [753]

epidemias, o distúrbio da ordem etc. O que é novo, porém, não é só a Excluído: às


Formatado ... [754]
dimensão da questão urbana, mas a sua natureza. Na medida que
Excluído: eram
todas essas questões vão sendo identificadas, não como problemas
Formatado ... [755]
em si, mas como conseqüências da vida urbana, ganham um estatuto
Excluído: tipos de
de uma problemática específica, a exigir uma maneira nova de ser Formatado ... [756]
conhecida, de ser abordada, de ser olhada. Excluído: –…, ... [757]
Formatado ... [758]
Excluído: …então …a... [759]
Diversos foram os enfoques dados às origens dos problemas que se
Formatado ... [760]
apresentavam às cidades e diversos também foram os seus observadores: Excluído: o

romancistas, historiadores, sociólogos, médicos e engenheiros. A cidade Formatado ... [761]


Excluído: e os seus habitantes
... [762]
passou a ser palco dos mais variados olhares, tornando-se um laboratório
Formatado ... [763]
repleto de vivências humanas. Excluído: .
Formatado ... [764]
Excluído: um dado e
Mesmo que analisado sobre vários aspectos, o processo industrial foi visto Formatado ... [765]
também como indutor das questões sociais que se apresentavam ao espaço Excluído: enfoques
Formatado ... [766]
urbano, sendo a miséria, a criminalidade, a desordem, relacionadas a ele.
Excluído: :
Assim, os problemas sociais passaram a ser vistos por esses observadores Formatado ... [767]
como resultados da dinâmica das fábricas, mas, sem imputar às mesmas, todo Excluído: a era
Formatado ... [768]
o ônus dos problemas surgidos através delas, pois tais observadores, apesar
Excluído: era
de apontarem o lado negativo da industrialização, não deixaram de exaltar as Formatado ... [769]

maravilhas proporcionadas pelo progresso. Excluído: a


Formatado ... [770]
Excluído: a…das cidades
... [771]
A atuação do homem na cidade também foi vista como indutora dos problemas Formatado ... [772]
Excluído: a
urbanos, na medida em que muitos deles, segundo os observadores sociais,
Formatado ... [773]
Excluído: a
Formatado ... [774]
Excluído: passaram a ser
Formatado ... [775]
Excluído: v
Formatado ... [776]
Formatado ... [777]
... [778]
Formatado ... [779]

Formatado ... [780]


Formatado ... [782]
38 Excluído: essa
Formatado ... [783]
Excluído: ,
Formatado ... [784]
foram gerados pela ociosidade. Nesse aspecto, os reformadores sociais
Excluído: para… a…essas
... [785]
passaram a se preocupar com as conseqüências da falta de aptidão para o Formatado ... [786]
trabalho na vida dos indivíduos: a bebida, a má alimentação e a degeneração Formatado ... [787]
Excluído: , os quais são
... [788]
dos valores morais. Fica claro, que o enfoque dado à pobreza durante o século
Formatado ... [789]
XIX, foi de ordem moral, ou então, de ordem econômica. Assim, a análise da Excluído: .

pobreza e o refletir sobre a busca de soluções para o seu controle, passou a Formatado ... [790]
Excluído: era
ter uma grande prioridade. Excluído: Nesse aspecto
Formatado ... [791]
Excluído: questão
Sem deixar de lado o discurso moralista dos reformadores do século XIX, os
Formatado ... [792]
analistas das questões urbanas das primeiras décadas do século seguinte Formatado ... [793]
voltaram-se para a racionalidade e cientificidade ao tentar explicar tais Excluído: urbana e sua... [794]
Formatado ... [795]
questões, orientando-se para práticas concretas de intervenção no espaço
Excluído: pensar
urbano. Entretanto, os reformadores sociais de ambos os séculos, tiveram Formatado ... [796]
como objeto de análise, as condições de vida das populações citadinas a partir Excluído: a
Formatado ... [797]
do processo de industrialização e sua influência sobre as mesmas.
Excluído: Em relação aos
... [798]
Formatado ... [799]
Entre os primeiros observadores da problemática urbana e da inserção dos Excluído: vão
Formatado ... [800]
indivíduos nesse contexto se encontram os romancistas. Vários romances
Excluído: se … ... [801]
foram escritos relatando o cotidiano de seus protagonistas, tendo como palco Formatado ... [802]
Excluído: voltando-se
as questões sociais inerentes às cidades e às condições de vida desses atores
Excluído: os…s cidades
... e
[803]
de
sociais. Formatado ... [804]
Excluído: n
Formatado ... [805]
Walter Benjamim passou a ler a cidade não apenas como oposição ao campo,
Excluído:
no que diz respeito a sua tranqüilidade, mas também através de sua própria Formatado ... [806]
dinâmica, de seu próprio ritmo acelerado e do individualismo das pessoas, Excluído: protagonistas
Formatado ... [807]
demonstrando em seus escritos que:
Formatado ... [808]
Excluído: oas em relação ao
... [809]
(...) o desconforto perante a voracidade da sociedade industrial, na Formatado ... [810]
qual o homem deixa de ser a própria finalidade de si mesmo, tendo Excluído: “
Formatado ... [811]
seu lugar ocupado pela mercadoria (...). (apud BRESCIANI, 1998, p.
Formatado ... [812]
245).
Excluído: ”
Formatado ... [813]
Excluído: (
Formatado ... [814]
Excluído: r
Formatado ... [815]
Excluído: e
Formatado ... [816]
Excluído: s
Formatado ... [817]
Excluído: c
Formatado ... [818]

Formatado ... [819]

Formatado ... [820]


Excluído: ava

39 Formatado ... [824]


Excluído: em relação
Formatado ... [825]
Formatado ... [826]
Engels foi outro observador que compartilhou as preocupações relacionadas às
Excluído:
condições de vida do operariado urbano. Ao analisar o cotidiano dos Formatado ... [827]
trabalhadores industriais nas cidades inglesas do século XIX, ele constatou que Excluído: a
Formatado ... [828]
a exploração e a miséria em que vivia o trabalhador era conseqüência do
Excluído: foi Engels
desenvolvimento da exploração capitalista. Essa afirmativa é relatada por Formatado ... [829]

Oliven (1984, p. 19): Excluído: . Este


Formatado ... [830]
Excluído: , ao analisar ...
o [831]
Ele fez detalhadas descrições da vida em certas áreas urbanas e as Formatado ... [832]
analisou em profundidade. Mas é indispensável ter em mente que Excluído: questão

sua análise estava sempre relacionada com a sociedade como um Formatado ... [833]

todo e que as cidades específicas eram levadas somente na medida Excluído: abordada
Formatado ... [834]
em que refletiam ao nível urbano o resultado da expansão do modo
Excluído: ao afirmar que:
capitalista de produção.
Formatado ... [835]
Formatado ... [836]
Dos problemas urbanos e de sua análise também se ocuparam médicos e Formatado ... [837]
Formatado ... [838]
engenheiros sanitaristas ao buscarem no saber científico, o respaldo para suas
Formatado ... [839]
ações. Esses observadores sociais apoiaram-se na teoria higienista para Excluído: , sanitaristas

explicar a relação doença-miséria nas grandes cidades. Segundo essa teoria, Formatado ... [840]
Excluído: os quais se ... [841]
determinados fatores do meio ambiente, como pântanos e mangues, são
Formatado ... [842]
responsáveis pela proliferação de algumas doenças, as quais são agravadas Excluído: para respaldar
Formatado ... [843]
pelas condições sociais da população ( superlotação e ausência de ventilação
Excluído: suas teorias
nas habitações, falta de limpeza nos logradouros públicos, má alimentação), Formatado ... [844]
contribuindo, assim, para a insalubridade nas grandes cidades. Excluído: Os primeiros
Formatado ... [845]
Excluído: s…s ... [846]
A teoria higienista explicava as constantes epidemias nas cidades do século Formatado ... [847]
XIX e inícios dos XX, no entanto não dava conta de solucionar os graves Excluído: s
Formatado ... [848]
problemas vivenciados pelas populações, principalmente, as menos
Excluído: a teoria higienista
favorecidas. Na verdade, tal teoria postulava a necessidade de se agregar o Formatado ... [849]
saber científico ao poder de coesão. Sobre essa ótica, incorporou o Excluído: eriam
Formatado ... [850]
pensamento de que deveria existir um rígido controle por parte da polícia e do
Excluído: eriam
Estado sobre a população, preservando a mesma dos diversos males Formatado ... [851]

existentes nas cidades, incluindo-se aí os males físicos, psicossociais e Excluído: – a


Formatado ... [852]
materiais. Fazia-se necessário a existência de uma polícia médica para os Excluído: s
Formatado ... [853]
Excluído: falta
Formatado ... [854]
Excluído: a …a … -, ... [855]
Formatado ... [856]
Excluído: d
Formatado ... [857]
Formatado ... [858]
... [859]
Formatado ... [860]
... [861]
Formatado ... [862]

Formatado ... [863]


Formatado ... [867]
40 Excluído: t
Formatado ... [868]
Excluído: :
Formatado ... [869]
centros urbanos, devendo ser elaborada uma política de saúde que colocasse
Excluído: afirma:
os interesses coletivos acima dos individuais. Sobre esse aspecto, Abreu Formatado ... [870]
(2002, p. 162-163) nos diz que: Formatado ... [871]
Formatado ... [872]
Formatado ... [873]
Foi, pois, a partir do saber médico que a cidade se transformou, (...)
Formatado ... [874]
em objeto privilegiado de análise e de reflexão. Será também baseado
Formatado ... [875]
nesse saber que o pensamento urbanístico moderno vai se estruturar Excluído: Nesse sentido, é
no decorrer do século XIX, justificando, em nome das teorias Excluído: e

higienistas, as inúmeras intervenções que serão realizadas nos mais Formatado ... [876]
diversos contextos urbanos. Formatado ... [877]
Excluído: s…s ... [878]
Formatado ... [879]
È válido afirmar que existe uma estreita ligação entre as representações e Excluído: È assim

imagens que se fazem da cidade com a construção intelectual produzida sobre Formatado ... [880]
Excluído: que
ela e sobre seus agentes. Nesse entendimento, surgiram teorias sobre as
Formatado ... [881]
cidades e, baseando-se nelas, acadêmicos e homens de Estado colocaram em Excluído: em

prática, durante o correr do século XIX e início do século XX, intervenções no Formatado ... [882]
Excluído: ,
meio urbano com a finalidade de reconstruí-lo e de adaptá-lo ao progresso e a
Formatado ... [883]
modernidade. Excluído: é que
Formatado ... [884]
Excluído: elaborarão
Excluído: propostas ... [885]
2.2 - NOÇÃO DE MODERNIDADE E URBANIZAÇÃO Formatado ... [886]
Formatado ... [887]
Excluído: a
Formatado ... [888]
A trajetória acelerada das mudanças que marcaram o século XIX, anunciada Excluído: a…a ... [889]
Formatado ... [890]
no avanço do progresso tecnológico e industrial, impôs novos ritmos às
Formatado ... [891]
cidades, às idéias e acrescentou novos itens à história, fazendo com que o Formatado ... [892]

homem vivenciasse o alvorecer de um novo momento, que se fazia presente e Excluído: ¶


Excluído: ¶
transformava o seu cotidiano.
Formatado ... [893]
Excluído: 1
Formatado ... [894]
A idéia de modernidade se contrastava com o tradicional e o mesmo era
Excluído: .
associado a tudo que vinha antes da indústria e de seus benefícios, isto é, a Formatado ... [895]
fábrica, o avanço técnico, o desenvolvimento do saber científico e a Excluído: a
Formatado ... [896]
racionalidade para explicar o mundo.
Excluído: a
Formatado ... [897]
Excluído: à
Formatado ... [898]
Excluído: .
Formatado ... [899]
Excluído: Todas essas... [900]
Formatado ... [901]
Excluído: , principalmente na
... [902]
Formatado ... [903]

Formatado ... [904]

Formatado ... [905]


Formatado ... [910]
41 Excluído: , tantas ... [911]
Formatado ... [912]
Formatado ... [913]
Excluído: homem
Até a Revolução Industrial, nunca tantas novidades se apresentaram à
Formatado ... [914]
sociedade de forma tão rápida. Nesse sentido, é correto afirmar que o Excluído: , podemos aceitar

progresso mudou a forma do homem ver o mundo, dando-lhe um sentimento Formatado ... [915]
Excluído: a
de poder. Foi assim que o homem do século XIX, ao presenciar tantas
Formatado ... [916]
mudanças ocorridas na sociedade, passou a ver o mundo de uma maneira Excluído: e

diferente. Sob a ótica do progresso e da modernidade sentia-se civilizado em Formatado ... [917]
Excluído: vermos
relação a outros homens. O sentimento de etnocentrismo atingiu a sua forma
Formatado ... [918]
mais acabada, e o espaço material das cidades passou a exprimir a sua Excluído: -nos
Formatado ... [919]
civilidade.
Excluído: com
Formatado ... [920]
Para esse homem o progresso, a civilidade, a modernidade a qual estava Excluído: , que
Formatado ... [921]
inserido, eram explicados pelo fator cultural: quanto maior a cultura de um
Excluído: ou
povo, maior o seu desenvolvimento e vice-versa1. Entretanto as Formatado ... [922]
transformações espaciais são também contextualizadas e inseridas nas Excluído: na
Formatado ... [923]
relações que se reproduzem entre os indivíduos.
Excluído: que
Formatado ... [924]
Castells (1984, p. 84), associa a problemática urbana e as transformações Excluído: o fizeram
Formatado ... [925]
espaciais das cidades ao desenvolvimento do capitalismo. Assim, ele menciona
Excluído: ,… que a ele...
se[926]
que: Formatado ... [927]
Excluído: – o
Formatado ... [928]
Uma problemática sociológica da urbanização deve, pois, partir da
Excluído: …e ... [929]
análise da mesma como processo social, como resultado da
Formatado ... [930]
interacção entre infra-estrutura e forças sociais. Nesta perspectiva,
Excluído: – tentando transpor
... [931]
muito mais analítica que descritiva, o estudo da urbanização como Formatado ... [932]
expressão específica, ao nível das formas espaciais, do modo de Excluído:
produção numa sociedade determinada, está na base de qualquer Formatado ... [933]
outro estudo, a um nível menos profundo, dos problemas urbanos. Excluído: p

Trata-se, pois, de investigar o processo de urbanização como um dos Formatado ... [934]
Excluído: europeu,
elementos básicos daquilo a que a sociologia funcionalista, chamaria
Formatado ... [935]
ideologicamente, mudança social, e que nós preferimos denominar
Excluído: a sua…, ... [936]
desenvolvimento.
Formatado ... [937]
Excluído: ultural: quanto
... maior
[938]
Formatado ... [939]
1
O etnocentrismo passa exatamente por um julgamento do valor da cultura do outro, nos termos da Formatado ... [940]
cultura do eu. Excluído: :
Formatado ... [941]
Excluído:
Formatado ... [942]
Excluído: afirma
Formatado ... [943]
Formatado ... [944]
Formatado ... [945]
Excluído: ¶
Formatado ... [946]
Formatado ... [947]

Formatado ... [948]


Formatado ... [949]
Formatado ... [950]
Formatado ... [952]
42 Excluído: evolução
Formatado ... [953]
Formatado ... [954]
Excluído: a evolução
Juntamente com a nova percepção das mentalidades das cidades e da
Excluído: a
produção na lógica do desenvolvimento tecnológico/industrial, observam-se o Formatado ... [955]
crescimento populacional e a expansão urbana. Da mesma forma que o Excluído: alia-se também
Formatado ... [956]
progresso (tecnológico, fabril e científico) proporcionou aos homens do século
Formatado ... [957]
XIX e do século XX um deslumbramento sobre cada invenção surgida, Excluído: aram

trazendo-lhes a noção de civilidade, mostrava-lhes também as contradições Formatado ... [958]


Excluído: que surgia
existentes nas grandes cidades em decorrência de tais processos. Essas
Formatado ... [959]
contradições expressavam-se nas diversas relações sociais, apontando toda Excluído: a
Formatado ... [960]
uma problemática urbana que se traduzia no crescimento da pobreza, da
Excluído: que iam surgindo
miséria, da exploração do trabalhador e na exclusão de determinados Formatado ... [961]
segmentos da população. Excluído: ,
Formatado ... [962]
Excluído:
Ao se buscar soluções para os problemas urbanos induzidos pelo processo de Formatado ... [963]
industrialização, novas reflexões e novas formas espaciais foram se Excluído: os quais se
Formatado ... [964]
constituindo nas cidades, resultando numa segregação social e espacial da
Excluído: relações ... [965]
população. Formatado ... [966]
Excluído: trazendo a tona
Formatado ... [967]
As modificações que se fizeram no espaço urbano, sedimentadas pela
Excluído: n
ideologia elitista, enquadraram-se na lógica capitalista, sendo que essas Formatado ... [968]
Formatado ... [969]
práticas deram origem ao urbanismo moderno. Segundo Choay (1994, p. 13),
Excluído: rão
Formatado ... [970]
A palavra urbanismo, criada na segunda metade do século XIX, Excluído: ir
consagra o aparecimento de um discurso específico sobre o urbano e Formatado ... [971]
um enfoque radicalmente novo da cidade como objeto: atitude Formatado ... [972]
Excluído: arão
instaurada pela grande ruptura da revolução industrial, onde é preciso
Formatado ... [973]
reter a repercussão das transformações tecnológicas, econômicas e
Excluído: alicerçadas
demográficas, que fizeram surgir uma nova problemática do urbano
Formatado ... [974]
e, igualmente, a dimensão crítica que doravante afetará as relações Excluído: de um determinado
... [975]
da sociedade ocidental com suas produções. Formatado ... [976]
Excluído: das

A urbanização direcionada para as grandes cidades ocidentais durante o Formatado ... [977]
Excluído: rão…dentro da
... [978]
século XIX e início do século XX afetou profundamente a vida das populações
Formatado ... [979]
citadinas. Sendo a urbanização um produto da economia e política capitalistas, Excluído: arão
Formatado ... [980]
e induzida pelo lucro, pela especulação e pelo consumo, tudo o que nela é
Excluído: :
Formatado ... [981]
Formatado ... [982]
Formatado ... [983]
Formatado ... [984]
Formatado ... [985]
Formatado ... [986]
Formatado ... [987]
... [988]
Formatado ... [989]

Formatado ... [990]


Formatado ... [995]
43 Formatado ... [996]
Excluído: sendo a ... [997]
Formatado ... [998]
Excluído: , sendo que
produzido torna-se mercadoria, inclusive o solo urbano. Nesse contexto,
Excluído: e
consome mais e melhor quem possui maiores recursos financeiros. Formatado ... [999]
Excluído: diretamente... [1000]
Excluído:
Essa questão está atrelada às precárias formas de habitar das populações
Formatado ... [1001]
pobres, devido aos baixos salários recebidos pelos trabalhadores. No entanto, Formatado ... [1002]

não podemos simplificar essa questão, pois valores morais, ideológicos e Formatado ... [1003]
Excluído: porque passavam as
... [1004]
políticos também colaboraram para que a urbanização tivesse um caráter de
Formatado ... [1005]
exclusão. Tal lógica contribuiu para que se constituíssem nas cidades uma Excluído: a população…pois,
... [1006]
),
Formatado ... [1007]
segregação espacial, econômica e política entre os vários segmentos da
Excluído: .
população, visto que, “(...) ali é o bairro das mansões e palacetes, acolá o Formatado ... [1008]
centro de negócios, adiante o bairro boêmio onde rola a vida noturna, mais à Formatado ... [1009]
Formatado ... [1010]
frente o distrito industrial, ou ainda, o bairro proletário” (ROLNIK, 1994, p. 40).
Excluído: o se produzir
... ou/e
[1011]
Formatado ... [1012]
A intervenção do espaço urbano foi acompanhada de uma separação social e Excluído: num determinado
Formatado ... [1013]
de espaços, na qual a configuração espacial da população se relacionou a sua
Excluído: ,…produz-se
... [1014]
capacidade de pagar pelo solo. Sob essa circunstância, criou-se também certa Formatado ... [1015]
homogeneidade espacial de vizinhanças, baseadas nas condições financeiras Excluído: de
Formatado ... [1016]
da população, sendo que, nesse caso, o espaço urbano é apropriado de forma
Excluído: ços
desigual. De acordo com Pereira (2001, p. 38), Excluído: está
Formatado ... [1017]
Excluído: nada com
As áreas melhor localizadas e, portanto, com maior valor, são
Formatado ... [1018]
ocupadas pela população de maior renda, restando à parcela de
Formatado ... [1019]
menor poder aquisitivo a ocupação das áreas de menor valor, com Excluído: se…Neste ...
contexto
[1020]
restrita acessibilidade a bens e serviços urbanos. Tal processo se Formatado ... [1021]
expressa na segregação social do espaço. Excluído: a
Formatado ... [1022]
Excluído: uma
O processo de industrialização induziu modificações no espaço urbano. A partir Formatado ... [1023]
de então, direcionou-se para as cidades um grande contingente de pessoas, Excluído: te
Formatado ... [1024]
resultando no crescimento de uma massa populacional desprovida de
Excluído: :
condições básicas de sobrevivência: habitações, rede de água e esgoto, Formatado ... [1025]
transportes. Excluído: ,enfoca essa
... [1026]
Formatado ... [1027]
Formatado ... [1028]
Formatado ... [1029]
Formatado ... [1030]
Formatado ... [1031]
Formatado ... [1032]
Formatado ... [1033]
Excluído: Como foi ... [1034]
Formatado ... [1035]
Excluído: s passaram...
a [1036]
Formatado ... [1037]

Formatado ... [1038]

Formatado ... [1039]


Formatado ... [1043]
44 Excluído: surgissem
Formatado ... [1044]
Excluído: , tais como…:
... [1045]
Formatado ... [1046]
Todas essas questões fizeram com que emergissem determinados problemas
Excluído: falta de moradias
sociais antes não disseminados nas cidades, ou seja: epidemias; desemprego; Formatado ... [1047]
habitações coletivas, levando o poder público a buscar um planejamento para o Excluído: Estado
Formatado ... [1048]
espaço urbano, como forma de conter a desordem que nele se estabelecera.
Excluído: se estava ... [1049]
Segundo a elite, essa desordem estava associada à aglomeração que se Formatado ... [1050]

verificava nos centros urbanos, ocasionando vícios e condutas morais não Excluído: a
Formatado ... [1051]
aceitas pelos padrões burgueses. Por outro lado, as reivindicações por parte do Excluído: a qual ocasionava
nascente movimento operário também eram vistas como desordem. Dessa Formatado ... [1052]
Excluído: de
forma, percebe-se a existência de uma ideologia no contexto da urbanização
Formatado ... [1053]
das cidades, seja ela um processo social de organização do espaço urbano, Excluído: podemos perceber
... [1054]
que visava a brecar a desordem urbana proporcionada pelas populações Excluído: existia
Formatado ... [1055]
subalternas. Ao tratar dessa questão, Pesavento (1998, p. 10) esclarece:
Formatado ... [1056]
Excluído: s…a qual ... [1057]
Chegamos assim à constatação de que tal questão - a social - era Formatado ... [1058]
uma ameaça à ordem, e seus protagonistas - os pobres da urbe – Excluído: “…” …esavento
... [1059]
Formatado ... [1060]
eram por si só perigosos. (...) A questão social é, pois; uma
Excluído: :
descoberta enquanto problema e que demanda intervenções.
Formatado ... [1061]
Formatado ... [1062]
O planejamento e a organização do espaço urbano foram acompanhados de Excluído:

um processo de ordenamento de comportamentos sociais. Tais ações Formatado ... [1063]


Formatado ... [1064]
voltaram-se para as camadas pobres da população com o objetivo de
Formatado ... [1065]
enquadrá-las ideologicamente na dinâmica do sistema capitalista, seja em Formatado ... [1066]

relação à inserção no mundo do trabalho, quando se afirma que ele dignifica o Formatado ... [1067]
Excluído: Planejar e organizar
... [1068]
homem, seja em relação ao conceito de propriedade, quando se valoriza a
Formatado ... [1069]
questão da aquisição da casa própria, ou seja, em relação à aquisição de Excluído: ,… ... [1070]
Formatado ... [1071]
valores morais burgueses, como aqueles transmitidos pela família, célula
Excluído: ser
essencial na formação dos valores sociais. Segundo Baudelaire (apud Formatado ... [1072]
PECHMAN, 1994, p. 32), Excluído: ia também, ...
além de
[1073]
Formatado ... [1074]
Excluído: r
Por isso mesmo as classes dominantes fundam seu poder sobre a
Formatado ... [1075]
cidade a partir da intervenção no espaço urbano, no sentido de coibir Excluído: de uma multidão, a
... [1076]
“usos e abusos” e principalmente, fundam seu poder por meio de Formatado ... [1077]
representações que legitimam o que são bons usos e o que seriam os Excluído:

abusos (...). Formatado ... [1078]


Excluído: ser enquadrad…a
... [1079]
Formatado ... [1080]
Excluído: ó…a ... [1081]
Formatado ... [1082]
Excluído: , seja
Formatado ... [1083]
Excluído: a
Formatado ... [1084]

Formatado ... [1085]

Formatado ... [1086]


... [1087]
Formatado ... [1088]
Excluído: , através da... [1093]

45 Excluído: irá …ar ... [1094]


Formatado ... [1095]
Formatado ... [1096]
Formatado ... [1097]
A questão urbanística, através da intervenção do espaço urbano, colocou em
Formatado ... [1098]
prática as reflexões que se faziam sobre a problemática social impostas às Excluído: ,…que se impunha
... [1099]
cidades. Do mesmo modo, projetou um ideal de cidade onde pudessem ser Formatado ... [1100]
Excluído: a
materializados todo o progresso e o saber técnico-científico que a modernidade
Formatado ... [1101]
proporcionava, pois ,“(...) o urbanismo e o planejamento urbano são frutos da Excluído: tinha como ...
propósito
[1102]

Era Moderna” (MENDONÇA, 2001, p. 82). Formatado ... [1103]


Excluído:
Formatado ... [1104]
O ideal de cidade deveria se expressar através de ruas retilíneas e amplas, Excluído: onde se pudesse
Formatado ... [1105]
com espaços arborizados e iluminados, assim como, através da construção de
Excluído: r
prédios e monumentos públicos, demonstrando toda uma simbologia urbana de Formatado ... [1106]
poder. A cidade ideal também seria aquela em que as marcas da pobreza e da Excluído: estava…ndo
... [1107]
Formatado ... [1108]
miséria precisavam ser contidas ou afastadas para espaços não vizinhos do
Excluído: …. ... [1109]
grupo social dirigente. Para Lefebvre (2002, p. 144-145) essa questão reflete o Excluído: …endonça... [1110]

“(...) urbanismo de classe e encerra uma estratégia de classe (uma lógica Formatado ... [1111]
Formatado ... [1112]
particular)”.
Excluído: ;
Formatado ... [1113]
A intervenção no espaço urbano alicerçou-se sobre as bases capitalistas e Excluído: Dessa forma,
Formatado ... [1114]
contribuiu para a segregação de espaços, levando as populações pobres da
Excluído: o
urbe a buscarem espaços alternativos de moradias em locais onde o preço do Excluído: deveri
Formatado ... [1115]
solo fosse mais acessível, ou, então, buscando na ilegalidade do solo, a
Excluído: ,
constituição de suas moradias. Essa orientação ocasionou a expansão espacial Formatado ... [1116]
das cidades e deu origem às periferias, que se reproduziam sem nenhuma Formatado ... [1117]
Excluído: , onde pudessem
... [1118]
condição de infra-estrutura e excluídas de todos e quaisquer benefícios
Formatado ... [1119]
proporcionados pela urbanização. Os excluídos do processo de modernidade Excluído: ndo

construíram seus espaços à margem da cidade, como é o caso dos guetos Formatado ... [1120]
Excluído: deveriam
americanos e dos cortiços e favelas brasileiras. Nesse sentido, Pereira (2001,
Formatado ... [1121]
p. 34-35) faz a seguinte observação: Excluído: :
Formatado ... [1122]
Excluído: é o
O homem, para sobreviver, necessita ocupar um lugar no espaço e
Formatado ... [1123]
essa ocupação envolve o ato de produzir o lugar. A produção do
Formatado ... [1124]
espaço é ação cotidiana do homem e aparece na forma de ocupação
Formatado ... [1125]
de um determinado lugar em um momento histórico. Excluído: Tal …, como
...foi
[1126]
Formatado ... [1127]
Excluído: , incluindo aí
...a[1128]
Formatado ... [1129]
Excluído: fazendo com que
Formatado ... [1130]
Excluído: ,
Formatado ... [1131]
Excluído: quem
Formatado ... [1132]

Formatado ... [1133]


... [1134]
Formatado ... [1135]

... [1136]
Formatado ... [1140]
46 Excluído: “…a” ... [1141]
Excluído: ,…espaço esse
... [1142]
Formatado ... [1143]
Formatado ... [1144]
O espaço urbano apropriado pelas populações pobres das grandes cidades era
Formatado ... [1145]
considerado marginal por quem habitava fora dele e sobre ele se fazia certa Excluído: o

representação: perigoso, insalubre, desordenado. Rolnik (1994, p. 69) descreve Excluído: e


Excluído: que dele tinha uma
que:
Formatado ... [1146]
Formatado ... [1147]
Do ponto de vista do capital, a favela ou o cortiço, contradição do Formatado ... [1148]

sistema que a reproduz e rejeita, é território inimigo, que deve ser Excluído: – espaço
Excluído: perigoso,
eliminado. É inimigo do capital imobiliário porque desvaloriza a região;
Formatado ... [1149]
da polícia, porque em seus espaços irregulares e densos é difícil
Excluído: -, estava ... [1150]
penetrar; dos médicos, porque ali, espaço sem saneamento,
Formatado ... [1151]
proliferam os parasitas que se reproduzem nos esgotos a céu aberto. Excluído: Segundo …:
... [1152]
Formatado ... [1153]
Formatado ... [1154]
No sistema capitalista, a especulação imobiliária faz parte de um processo
Excluído: :
gerador de rendimentos. Sendo o solo convertido em produto de consumo, a Formatado ... [1155]
ele é agregado um valor. Quanto melhor localizado e dotado de infra-estrutura, Formatado ... [1156]
Formatado ... [1157]
maior será o seu valor e o seu caráter excluídor. Sem ter como pagar pelo valor
Formatado ... [1158]
da terra, estipulado pela especulação imobiliária, determinado segmento da Formatado ... [1159]
população dele é afastado. É nesse entendimento que a configuração do Formatado ... [1160]
Formatado ... [1161]
espaço urbano representa a posição social, econômica e política, isto é, o
Excluído: ,
status quo de cada grupo na sociedade. Sob esse aspecto, cada grupo social Excluído: s
Formatado ... [1162]
tem seu espaço de habitar bem demarcado, estipulado pelas regras do
Excluído: mercadoria,
consumo. Ao tratar dessa questão Lefebvre (1991, p. 29) nos diz que: Formatado ... [1163]
Formatado ... [1164]
Em particular, a oposição entre o valor de uso (a cidade e a vida Excluído: e para dele ...
se[1165]

urbana, o tempo urbano) e o valor de troca (os espaços comprados e Formatado ... [1166]
Excluído: –
vendidos, o consumo dos produtos, dos bens, dos lugares e dos
Formatado ... [1167]
signos) surgirá em plena luz.
Excluído: rede de água
... e[1168]
Formatado ... [1169]
A urbanização das cidades durante o século XIX e início do século XX, possuiu Excluído: É
Formatado ... [1170]
duas facetas: ao mesmo tempo em que se traduziu em modelo de civilidade e
Excluído: abordar
progresso material, proporcionando aos grupos sociais mais abastados um Formatado ... [1171]
bem viver, acentuou também as desigualdades existentes nas cidades, na Excluído: :
Formatado ... [1172]
medida em que não contemplou com suas melhorias todos os habitantes
Formatado ... [1173]
urbanos. Dessa forma, a ideologia do progresso e da modernidade constituiu- Formatado ... [1174]
Formatado ... [1175]
Formatado ... [1176]
Formatado ... [1177]
Formatado ... [1178]
Excluído: Na verdade, a
Formatado ... [1179]
Excluído: o pelas quais
... [1180]
Formatado ... [1181]

Formatado ... [1182]


... [1183]
Formatado ... [1184]

Formatado ... [1185]


Excluído: ocultando

47 Formatado ... [1190]


Excluído: posto …em...prática
[1191]
Excluído: separou
Formatado ... [1192]
se, na realidade, em um fator de exclusão social, ao ocultar as contradições
Excluído: só
existentes nas relações e interações sociais. O projeto de urbanização Formatado ... [1193]
concretizado pelo grupo social dirigente não separou apenas espaços, mas, Formatado ... [1194]
Excluído: ,
igualmente, modos de vida, etnias, pobres e ricos.
Formatado ... [1195]
Excluído: , por mais que
... [1196]

O projeto urbanístico que se verificou nas grandes cidades européias e Formatado ... [1197]
Formatado ... [1198]
americanas foi acompanhado por uma mudança na mentalidade social, Excluído: para
orientando novos hábitos e condutas. A racionalidade exteriorizada na ciência Formatado ... [1199]
Excluído: ,…acompanhou toda
... [1200]
foi coadjuvante no (re) planejamento urbano, pois afetou também o modus
Formatado ... [1201]
viventi dos grupos sociais envolvidos nesse processo, levando, aos mesmos, Excluído: ,…será…na...medida
[1202]
teorias sobre comportamentos, higienização, saúde. Formatado ... [1203]
Excluído: ará
Formatado ... [1204]
A nova expressão material das cidades teve ressonância nas relações Excluído: às…a ... [1205]
cotidianas entre os indivíduos. Sob essa orientação, o urbanismo apareceu em Formatado ... [1206]
Formatado ... [1207]
cena como mediador do processo social, econômico, político e ideológico,
Excluído: se expressará
afetando toda uma dinâmica urbana. Formatado ... [1208]
Excluído: das pessoas
Formatado ... [1209]
A urbanização proporcionou às cidades um aspecto arquitetônico moderno, ao
Excluído: Dessa forma
mesmo tempo em que se buscou sanear o que não era considerado como Excluído: erá
Formatado ... [1210]
moderno, isto é, a arquitetura antiga, a insalubridade, as aglomerações
Formatado ... [1211]
urbanas e as habitações coletivas das populações pobres. Diante dessas Excluído: principalmente…,
... [1212]
questões, a intervenção no meio urbano foi a alternativa escolhida pela elite Formatado ... [1213]
Excluído: a. Nesse âmbito,
... [1214]
para organizar e reordenar o espaço urbano. Nesse caso, os grupos sociais
Formatado ... [1215]
passaram a se organizar conforme suas condições sócio-econômicas, Formatado ... [1216]
coexistindo assim, espaços de trabalho, de moradia e de lazer para cada Excluído: e dos problemas
... [1217]
Excluído: Assim sendo,
segmento da população.
Formatado ... [1218]
Excluído: r

Associada aos fenômenos urbanos está a crescente extensão qualitativa e Formatado ... [1219]
Excluído: é proporcionar
quantitativa dos limites das cidades, isto é, por imperativos de trocas e de
Formatado ... [1220]
fluxos, a cidade transpõe fronteiras e o entendimento da interação entre a Excluído: ava

malha e o espaço urbano é fundamental, pois nessa malha alargada emergem Formatado ... [1221]
Excluído: que levavam
... a[1222]
as periferias ou subúrbios. Nessa linha, Guerra (2003) ressalta que o subúrbio Formatado ... [1223]
Excluído: ,
Formatado ... [1224]
Excluído: pobres….¶ ... [1225]
Formatado ... [1226]
Excluído: as
Formatado ... [1227]
Excluído: questões…...
que se
[1228]
Formatado ... [1229]
... [1230]
Formatado ... [1231]
... [1232]
Formatado ... [1233]
... [1234]
... [1235]
48
Formatado ... [1240]
Formatado ... [1241]
Formatado ... [1242]
ou a periferia são equivalente a representações sociais estigmatizadas, e que a Formatado ... [1243]
identificação da periferia implica uma idéia de fragmentação do espaço urbano. Excluído: S
Formatado ... [1244]
De acordo ainda com Guerra (2003, p. 89):
Excluído: ¶ ... [1245]
Formatado ... [1246]
São espaços sócio-físicos geralmente definidos pela negativa no Formatado ... [1247]
sentido em que atestam um grande afastamento face a um centro e Formatado ... [1248]

uma forte dependência e subalternidade face a esse mesmo. Formatado ... [1249]
Excluído: t
Formatado ... [1250]
Desse modo, também podemos acrescentar que a periferia apresenta-se como Formatado ... [1251]

um espaço heterogêneo, fazendo parte de um sistema urbano que se configura Excluído: , sendo a periferia
... [1252]
Formatado ... [1253]
como uma realidade dividida.
Formatado ... [1254]
Formatado ... [1255]
Formatado ... [1256]
Há vários termos que expressam conceitos sobre os espaços urbanos,
Formatado ... [1257]
principalmente subúrbio e periferia. Tradicionalmente o termo subúrbio significa Excluído: astro,

o espaço que cerca uma cidade, traduzindo uma situação intermediária entre a Formatado ... [1258]
Formatado ... [1259]
cidade e seus arrabaldes e não uma condição sócio-econômica. O subúrbio
Formatado ... [1260]
teve seu sentido alterado e ganhou uma conotação marginal representativa na Formatado ... [1261]
noção de periferia enquanto espaço concentrador de grupos pertencentes a Excluído: ,
Excluído: com o
camadas, extratos ou classes de níveis inferiores da hierarquia social das
Formatado ... [1262]
áreas urbanas. Com a industrialização, por exemplo, formaram-se subúrbios Excluído: ,

industriais e operários, marcando diferenciações sócio-espaciais (CASTRO, Excluído: Á


Formatado ... [1263]
1993).
Formatado ... [1264]
Excluído: ,
Formatado ... [1265]
Fernandes (1996) argumenta que devido ao crescimento das cidades, o que
Excluído: passam
antes era suburbano se incorpora ao urbano conforme a malha urbana vai se Formatado ... [1266]
ampliando. Áreas antes enquadradas nesse critério, mas, que passam por um Excluído: “
Formatado ... [1267]
intenso processo de urbanização, tendem a se caracterizar como bairros e,
Excluído: ”
com as reformas urbanas, esses espaços ganham um novo perfil no contexto Excluído: ,

urbano da cidade. Formatado ... [1268]


Formatado ... [1269]
Formatado ... [1270]
Por outro lado, em virtude do crescimento e da fragmentação da cidade Formatado ... [1271]
moderna, estabelecem-se distinções no espaço considerado subúrbio e na Formatado ... [1272]
Excluído: ,
caracterização da periferia. O termo periferia carrega o estigma social e
Formatado ... [1273]
Formatado ... [1274]
49 Excluído: ,
Formatado ... [1275]
Formatado ... [1276]
Excluído: ,
econômico enquanto lugar ocupado pelos destituídos, noção que, em princípio,
Formatado ... [1277]
o subúrbio não tem. Formatado ... [1278]
Excluído: ¶ ... [1279]
Formatado ... [1280]
No contexto brasileiro, esses termos perdem a distinção, principalmente a partir
Excluído: n
do processo de metropolização dos anos 1960-70, representando os espaços Formatado ... [1281]

distantes do centro destinados às classes de menor poder aquisitivo. Excluído: conjuntura…


...que
[1282]
Formatado ... [1283]
Excluído: ,
Em Paviani (1994) o conceito de periferia urbana aplica-se ao espaço em que Formatado ... [1284]
Excluído: ,
está o lado oposto do centro econômico de poder, e essa conotação expressa
Formatado ... [1285]
os distintos espaços no contexto político-econômico urbano. No entanto, o que Excluído: , questões que de
... [1286]
se observa é uma permanente e contínua concentração das desigualdades Formatado ... [1287]
Excluído: c
sociais e econômicas. Nessa conjuntura, novas categorias sociais se
Formatado ... [1288]
estabelecem, resultantes das aglomerações urbanas, das habitações precárias Excluído: para

ou da falta delas, da insalubridade, da pobreza e do desemprego. Formatado ... [1289]


Excluído: As cidades ... [1290]
Formatado ... [1291]
Coube aos intelectuais que refletiam sobre esses problemas encontrar Excluído: ,

soluções no próprio espaço urbano, com o objetivo de conter os infortúnios de Formatado ... [1292]
Excluído: a
seu crescimento.
Formatado ... [1293]
Excluído:
Formatado ... [1294]
Necessário se fez intervir no espaço urbano, sobretudo no que diz respeito à
Excluído: está…estreitamente
... [1295]
habitação popular. Essa questão estava vinculada ao crescimento demográfico, Formatado ... [1296]
que, por sua vez, atrelou-se à dinâmica industrial. Contudo, o crescimento Excluído: o qual
Formatado ... [1297]
populacional não foi acompanhado de uma política pública habitacional que
Excluído: estava relacionado
promovesse melhorias nas condições de vida de uma ampla camada da Formatado ... [1298]
população. As cidades se expandiram, todavia, não de forma harmoniosa, pois Excluído: à
Formatado ... [1299]
foram surgindo locais de moradias que não se adequavam às necessidades
Excluído: es
das populações socialmente menos favorecidas. As precárias condições de Formatado ... [1300]
integração que a cidade ofereceu a essa população promoveram a ocupação Excluído: a
Formatado ... [1301]
de locais impróprios e sem nenhuma infra-estrutura de saneamento. Ao
Excluído: questão
abordar essa situação, Goitia (1992, p. 184-185) afirma que: Formatado ... [1302]
Excluído:
Formatado ... [1303]
A transformação incongruente começa pelo fato de se ir acumulando
Formatado ... [1304]
na cidade uma população composta de migrantes que se vão
Formatado ... [1305]
Formatado ... [1306]
50

distribuindo ao acaso pelas franjas mais miseráveis e abandonadas,


Formatado ... [1307]
invadindo propriedades alheias ou zonas com condições urbanas Excluído: i
inadequadas. Isso deu lugar aos chamados bidonville das cidades Formatado ... [1308]
francesas ou argelinas, às chabolas (barracas de madeira) ou Formatado ... [1309]
chabolismo espanhol, às famosas favelas brasileiras, aos ranchos Formatado ... [1310]

venezuelanos, etc. não há cidade em processo de crescimento Formatado ... [1311]


Excluído: ,…visto ... [1312]
agressivo que não sofra dessas manifestações patológicas.
Formatado ... [1313]
Excluído: s olhos…,…“…” de
... [1314]
O cenário urbano observado pelo olhar da elite, onde a pobreza, as epidemias Excluído: a
Formatado ... [1315]
e a vida degenerada predominavam, passou a ser foco de interesse da
Formatado ... [1316]
intelectualidade e essa buscou teorizar sobre tais questões, sendo que as Excluído: postas

mesmas serviram de base para as intervenções colocadas em prática pelo Formatado ... [1317]
Excluído: Estado
poder público.
Formatado ... [1318]
Formatado ... [1319]
O urbanismo moderno e a sua reflexão sobre as cidades interligaram-se ao Excluído: , está…associado
... [1320]
Formatado ... [1321]
saber médico, às técnicas de engenharia e ao combate a pobreza, ou melhor, a
Excluído: ,
sua expressão. Necessário se fez cuidar do aspecto estético das cidades, isto Formatado ... [1322]

é, das ruas, dos monumentos, dos prédios públicos, como também, das Excluído: , deverá ser... [1323]
Formatado ... [1324]
habitações coletivas que, segundo a elite, devido as suas condições insalubres,
Excluído: tanto
eram consideradas focos de epidemias. Na visão de Pesavento (1998, p. 93): Formatado ... [1325]
Excluído: desagrado trazia a
... [1326]
Formatado ... [1327]
Moral, higiene e estética, eis os três elementos que sustentariam, nos
Excluído: pois…as mesmas
... [1328]
anos vindouros, uma verdadeira campanha contra os cortiços do
Formatado ... [1329]
centro da cidade. A urbe se queria ordenada, bela e asséptica, e não Excluído: de seus habitantes.
... [1330]
agredida por construções que concentravam gente potencialmente Excluído: :

perigosa e degenerada. No final do século, todas as argumentações Formatado ... [1331]

valiam, ligando-se as teorias científicas européias, que classificavam Formatado ... [1332]
Formatado ... [1333]
os indivíduos de acordo com o seu biótipo e vinculavam os
Formatado ... [1334]
comportamentos ao meio social. Aos pobres eram feios, sujos e
Formatado ... [1335]
malvados, porque não? Morar amontoado, viver de biscate,
Formatado ... [1336]
apresentar proceder duvidoso eram todos indícios de algo que os Formatado ... [1337]
cidadãos honrados não queriam enfrentar no seu cotidiano. Excluído: , estão associadas
... [1338]
Formatado ... [1339]
Excluído: e a noção de
... [1340]
As práticas urbanistas e suas intervenções respaldaram-se nas teorias Formatado ... [1341]
higienistas e, em nome delas, direcionou-se um combate às habitações Excluído: , haverá
Formatado ... [1342]
Excluído: onde as mesmas
... [1344]
51 Formatado ... [1345]
Formatado ... [1346]
Excluído: sendo…para
... [1347]
Formatado ... [1348]
coletivas, sendo as mesmas demolidas em nome da saúde pública e seus
Excluído: r
habitantes desalojados e obrigados a buscar locais alternativos de moradias. Formatado ... [1349]
Com o objetivo de sanear as cidades “(...) no Século XIX, a higiene constrói a Excluído: .
Formatado ... [1350]
imagem de uma guerra que prescinde de fortalezas para proteger o território
Excluído: .
urbano” (LOPES, 1994, p. 71). Formatado ... [1351]
Excluído: (
Formatado ... [1352]
O discurso urbanista do século XIX e das primeiras décadas do século XX foi Excluído: opes
além de práticas materiais, na medida em que buscou adequá-las às Formatado ... [1353]
Excluído: ,
dimensões comportamentais e ideológicas das populações menos favorecidas.
Formatado ... [1354]
O projeto reformador buscou integrar as camadas populacionais à ordem Excluído: ,…vai ... [1355]
democrática, já que a República, instalada em grande parte nos países Formatado ... [1356]
Excluído: ,
europeus e americanos, trouxe a universalização do voto, transformando o
Formatado ... [1357]
indivíduo em cidadão. Associou-se a esse cidadão a moradia exemplar, isto é, Formatado ... [1358]
a moradia com noção de lar em oposição ao morar coletivo, pois “acredita-se Excluído: pois, busca...
adequar
[1359]
Formatado ... [1360]
que é impossível transformar em cidadão o indivíduo que habita um cortiço”
Excluído: à
(RIBEIRO,1994, p. 116). Formatado ... [1361]
Excluído: ,
Formatado ... [1362]
Sob esse aspecto, a urbanização na medida do possível, buscou um espaço
Excluído: n…a medida
...em
[1363]
habitacional harmonioso para as camadas menos favorecidas da população. Excluído: a
Formatado ... [1364]
Essa questão viabilizou-se através da construção de bairros populares
Excluído: da população
... [1365]
baseados em preceitos de higiene, visto que um dos grandes problemas Formatado ... [1366]
urbanos oriundos da expansão das indústrias e do crescimento demográfico foi Formatado ... [1367]
Excluído: a qual era ... [1368]
a precariedade e a falta de habitações populares. No entanto, associada à
Formatado ... [1369]
questão habitacional estava a questão ideológica, através da qual se incutiu na Excluído: “…”. ... [1370]
mentalidade do trabalhador a noção de lar e de propriedade, tão caras à lógica Formatado ... [1371]
Excluído: Dessa forma,
... [1372]
capitalista.
Formatado ... [1373]
Excluído: também o bom

As camadas privilegiadas da população também buscaram um habitar Formatado ... [1374]


Excluído: .
harmonioso e longe dos centros urbanos, que agora estavam polarizando as
Formatado ... [1375]
questões administrativas, econômicas e políticas das cidades. Esse segmento Excluído: (

da população construiu seus palacetes em locais privilegiados e ajardinados, Formatado ... [1376]
Excluído: ibeiro,
como que tentando restaurar um pouco da natureza nesse seu novo ambiente. Formatado ... [1377]
Excluído: :
Formatado ... [1378]
Formatado ... [1379]
Formatado ... [1380]
Excluído: urbanizar é também
Formatado ... [1381]
Excluído: ar
Formatado ... [1382]
... [1383]
Formatado ... [1384]

Formatado ... [1385]

... [1386]
Excluído: como

52 Formatado ... [1391]


Excluído:
Formatado ... [1392]
Formatado ... [1393]
As construções tinham o objetivo de proporcionar conforto e bem estar à elite,
Excluído: n
mas, também, separar o público do privado, na medida em que os jardins dos Formatado ... [1394]
palacetes eram construídos a certa distância dos grandes portões de grades, Excluído: em
Formatado ... [1395]
delimitando os limites entre o ambiente doméstico e a rua.
Excluído: ,… ... [1396]
Formatado ... [1397]

A separação de espaços habitacionais entre os diferentes grupos sociais é Formatado ... [1398]
Excluído: Essa…,…o... [1399]
abordada por Goitia (1992, p. 207): Excluído: :
Formatado ... [1400]
As classes sociais mais elevadas, em geral, foram sempre à procura Excluído: ,
Formatado ... [1401]
dos locais mais reservados e exclusivos, onde estão menos sujeitas
Excluído: quando ele ...
afirma
[1402]
aos incômodos de uma urbe agitada e socialmente misturada. Foi
Formatado ... [1403]
sempre seu costume procurarem localizações afastadas, com um
Formatado ... [1404]
ambiente natural aceitável. Quando estes locais deixam de ser Formatado ... [1405]
tranqüilos e exclusivos, por terem sido absorvidos pelo crescimento da Formatado ... [1406]
cidade, voltam a abandoná-los emigrando para mais longe. Formatado ... [1407]
Formatado ... [1408]
Excluído: a
A urbanização das grandes cidades européias e americanas, incluindo aí o
Formatado ... [1409]
Brasil, foi direcionada pela elite burguesa, a qual procurou materializar, no Formatado ... [1410]
espaço urbano, o seu poder político, econômico e social. Excluído: O processo... [1411]
Formatado ... [1412]
Excluído: da Europa e...da
[1413]
Enfim, buscou-se construir cidades ideais e modernas para se viver, o que na Formatado ... [1414]
verdade não foi possível, devido a própria dinâmica das relações entre os Excluído: o
Formatado ... [1415]
vários segmentos sociais das cidades, relações essas enquadradas no
Excluído: a qual queria
... [1416]
contexto capitalista. Formatado ... [1417]
Formatado ... [1418]
Excluído: ava
Os urbanistas que idealizaram as cidades do século XIX e as cidades das Formatado ... [1419]
primeiras décadas do século XX propuseram uma reforma urbana relacionada Excluído: de
Formatado ... [1420]
à racionalidade e ao saber científico, assim como, a reforma estética estava
Excluído: ,…que se ... [1421]
relacionada à reforma moral. Os cientistas da cidade buscaram harmonizar o Formatado ... [1422]
espaço urbano, integrando-o à natureza através da criação de espaços Formatado ... [1423]
Formatado ... [1424]
arborizados e iluminados, isentos de insalubridade. Buscaram também o
Excluído: ,…buscam ... [1425]
ordenamento das ruas e de quem nelas transitavam através de todo um Formatado ... [1426]
controle ideológico e de um discurso higienista que orientou e justificou as Excluído: e toda a sua
... prática
[1427]
Formatado ... [1428]
intervenções no meio urbano.
Excluído: á
Formatado ... [1429]
Excluído: a
Formatado ... [1430]
Excluído: , buscam
Formatado ... [1431]
Excluído: à
Formatado ... [1432]

Formatado ... [1433]


... [1434]
Formatado ... [1435]

Formatado ... [1436]


Excluído: , buscam suprir as
... [1441]
53 Formatado ... [1442]
Excluído: à
Formatado ... [1443]
Formatado ... [1444]
Excluído: , mesmo que
... na
[1445]
O discurso elaborado pelos urbanistas buscou a integração do homem à Formatado ... [1446]
cidade. No entanto, o urbanismo acentuou o caráter excluídor e negligenciou Excluído: i
Formatado ... [1447]
as questões sociais das cidades, pois sua prática separou espaços, vivências e
Excluído: enciasse
trabalho. Formatado ... [1448]
Excluído: ,
Formatado ... [1449]
Os ideais que nortearam as reformas das grandes cidades européias e Excluído: Enfim segregou
... [1450]
americanas foram respaldados pelos discursos dos técnicos das cidades e Formatado ... [1451]
Formatado ... [1452]
gerenciados pelo poder público, que colocou em prática toda uma política de
Excluído: ,…respaldad…as
... [1453]
intervenção no meio urbano. Contudo, esse mesmo Estado não direcionou de Formatado ... [1454]
forma eficaz políticas públicas voltadas para as questões de moradias das Excluído: e abraçadas...pela
[1455]
Formatado ... [1456]
populações que tiveram suas casas demolidas em nome da saúde pública e,
Excluído: o qual
por isso mesmo, consideradas locais perigosos e insalubres. Dessa forma, Formatado ... [1457]
vários cortiços e habitações coletivas foram demolidos nas grandes cidades e Excluído: pôs
Formatado ... [1458]
os seus habitantes tiveram que buscar outras alternativas de habitação, as
Excluído: respaldo as…ões
... [1459]
quais nem sempre eram condizentes com as condições de higiene pregadas Formatado ... [1460]
pelas autoridades de saúde. Excluído: as cidades
Formatado ... [1461]
Excluído: foi capaz de
...criar…
[1462]
As favelas do Rio de Janeiro enquadram-se nesse contexto, pois cresceram e Excluído: ¶
Formatado ... [1463]
se proliferaram, fazendo com que a cidade fosse se expandindo para além de
Excluído: ¶
seus limites, sem, no entanto, proporcionar aos seus habitantes condições Formatado ... [1464]
mínimas de sobrevivência. A expansão desordenada das cidades brasileiras Formatado ... [1465]
Excluído: Foi assim que
... [1466]
oriundas do processo de urbanização induziu a criação e a proliferação das
Formatado ... [1467]
periferias. Excluído: a
Formatado ... [1468]
Excluído: brasileiras,
Na verdade, a urbanização elitista pelas quais passaram as cidades no correr
Formatado ... [1469]
dos séculos XIX e XX, teve como alvo a modernidade e a adaptação das Excluído: e pelas quais suas
... [1470]
cidades ao novo momento histórico, isto é, a era do progresso, da ciência, da Excluído: Assim,
Formatado ... [1471]
civilidade. Entretanto, também buscou acomodar as cidades e os seus
Excluído: as favelas no Rio
... [1472]
habitantes à nova ordem econômica e política: o capitalismo. Formatado ... [1473]
Excluído: s…s…m… ...
no [1474]
Formatado ... [1475]
Excluído: ,…Essa ... [1476]
Formatado ... [1477]
Excluído: ,…induzidas...pelo
[1478]
Formatado ... [1479]
Excluído: ,
Formatado ... [1480]
Formatado ... [1481]
Excluído: no século…a
... [1482]
Formatado ... [1483]
... [1484]
Formatado ... [1485]
... [1486]
Formatado ... [1487]
54

Excluído: ,
Respostas aos problemas surgidos praticamente não foram encontradas, pois
Formatado: Fonte: (Padrão)
o reordenamento urbano acentuou as desigualdades já existentes na Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
sociedade. A pobreza e a miséria que se buscou atenuar nas grandes cidades Excluído: o posto em prática,
Formatado ... [1491]
não chegou a se concretizar. Os subalternos continuaram alijados do estado de
Formatado ... [1492]
modernidade pretendido pela elite. Excluído: queria
Excluído: ou acabar
Formatado ... [1493]
A modernidade e o progresso foram unilaterais, estendendo-se, em sua
Excluído: ou
maioria, apenas aos segmentos populacionais privilegiados, os quais puderam Formatado ... [1494]
usufruir de seus benefícios. Às camadas abastadas e médias da população, Excluído: almejado
Formatado ... [1495]
direcionaram-se os benefícios do saneamento, das invenções que tanto
Excluído: s
revolucionaram a vida do homem moderno, como o automóvel, o telefone, Excluído: s

vistos como símbolos da modernidade e de status social. Aos demais, a luta Formatado ... [1496]
Formatado ... [1497]
pela sobrevivência.
Formatado ... [1498]
Formatado ... [1499]
Formatado ... [1500]
A modernidade aspirada pela elite em relação à cidade e a própria relação
Formatado ... [1501]
entre os indivíduos não foram capazes de integrar e harmonizar os grupos Excluído:
sociais e nem o espaço urbano, sendo a formação de periferias a expressão da Formatado ... [1502]
Excluído: l
contradição modernidade/pobreza.
Excluído: os
Formatado ... [1503]
Excluído: dessa modernidade
Excluído: A estes
Formatado ... [1504]
Formatado ... [1505]
Excluído: telefone,
Excluído: os quais eram
Formatado ... [1506]
Formatado ... [1507]
Formatado ... [1508]
Excluído: a
Formatado ... [1509]
Formatado ... [1510]
Formatado ... [1511]
Formatado ... [1512]
Formatado ... [1513]
Excluído: .
Formatado ... [1514]
Formatado ... [1515]
Formatado ... [1516]
55 Formatado ... [1517]
Excluído: ¶
Formatado ... [1518]
Formatado ... [1519]
III - O PERFIL SÓCIO-ECONÔMICO DO BRASIL NA PRIMEIRA REPÚBLICA
Formatado ... [1520]
E O MODELO URBANIZADOR Excluído: Cap. II –O PERFIL
... [1521]
SÓCIO–ECONÔMICO DO
Formatado ... [1522]
Formatado ... [1523]
Excluído: CIAL.¶ ... [1524]
Formatado ... [1525]
3.1 - A CONJUNTURA ECONÔMICA E O QUADRO SOCIAL
Excluído: ¶
Formatado ... [1526]
Excluído: , estruturou
Formatado ... [1527]
A expansão do processo de industrialização e urbanização ocorrido na Europa
Excluído:
a partir do início do século XIX estruturou as bases fundamentais da sociedade Formatado ... [1528]
capitalista moderna. Esse fato marcou o avanço das mudanças econômicas, Excluído: ,
Formatado ... [1529]
políticas, sociais e científicas, que se estenderam até as primeiras décadas do
Excluído: será
século XX, influenciando de forma significativa alguns países do continente Formatado ... [1530]
americano. Excluído: , a qual pretendia
... [1531]
Formatado ... [1532]
Excluído: essa…que...
deveria
[1533]
No Brasil das primeiras décadas republicanas, a busca pela modernidade, Formatado ... [1534]
Excluído: , trazendo
respaldada pelo ideal de progresso e pelo saber cientifico, foi uma aspiração da
Formatado ... [1535]
elite política. Essa modernidade se materializou no remodelamento do espaço Excluído:
urbano e trouxe para as cidades uma nova expressão estética, orientada por Formatado ... [1536]
Excluído: de beleza
uma arquitetura moderna e vinculada ao estilo europeu. Nada que lembrasse a
Formatado ... [1537]
antiga arquitetura colonial deveria permanecer, pois a mesma era associada ao Excluído: através de

atraso econômico, social, cientifico e material vivido pelo Brasil. No imaginário Formatado ... [1538]
Excluído: le
da elite republicana, o atraso em que se encontrava o país era reflexo da
Formatado ... [1539]
política colonialista e do regime monárquico. Excluído: tal… arquitetura
... [1540]
Formatado ... [1541]
Excluído: e
A modernidade também foi associada à mudança de comportamento dos
Formatado ... [1542]
brasileiros, os quais deveriam incorporar condutas e valores caros à elite. Excluído: , os quais foram
... [1543]

Assim, valores como família, propriedade e trabalho foram absorvidos pelo Formatado ... [1544]
Excluído:
ideário de civilidade e se atrelaram como parte do projeto de saneamento Formatado ... [1545]
moral. Ao mesmo tempo, o saneamento material e profilático também se Excluído: O progresso...e[1546]
a
Formatado ... [1547]
apresentava às cidades.
Excluído: deveriam se
...refletir
[1548]
Formatado ... [1549]
Excluído: e
Formatado ... [1550]
Excluído:
Formatado ... [1551]
Excluído: al social…, ... [1552]
Formatado ... [1553]
Excluído: ,…,…deveriam
... [1554]
fazer
Formatado ... [1555]
Excluído: a que se queria
... [1556]
Formatado ... [1557]

Formatado ... [1558]

Formatado ... [1559]


Formatado ... [1561]
56 Formatado ... [1562]
Excluído: o, as quais ...
se [1563]
Excluído: um movimento
... [1564]
Excluído: política e econô
A outra face da modernidade se expressou nas reivindicações por parte do
Formatado ... [1565]
nascente operariado brasileiro contra suas péssimas condições de vida e Excluído: republicanas…,
... [1566]
trabalho. Formatado ... [1567]
Formatado ... [1568]
Formatado ... [1569]
Durante as primeiras décadas republicanas, a elite incorporou ideologias Excluído: ,…, o higienismo, o
... [1570]

européias de progresso, como o liberalismo econômico e o positivismo2, em Formatado ... [1571]


Formatado ... [1572]
prol do ingresso do país na modernidade. Excluído: tiremos
Formatado ... [1573]
Excluído: enquadrarão n
Paralelamente, assistiu-se à entrada no país de ideologias que conduziram o
Formatado ... [1574]
movimento operário, servindo de base para a sua sustentação e para Excluído: ão
reivindicações de direitos trabalhistas e civis. O anarquismo e o socialismo Formatado ... [1575]
Excluído:
tiveram sua expressão no Brasil através dos milhares de imigrantes europeus
Formatado ... [1576]
que vieram com o objetivo de fazer a América. Excluído: – …,… – entrarão
... [1577]
Formatado ... [1578]
Excluído: ,
Todas as transformações que se observaram nas primeiras décadas
Formatado ... [1579]
republicanas foram expressões de acontecimentos que nortearam os rumos do Formatado ... [1580]
país a partir do final do século XIX, mais precisamente entre os anos de 1888 e Excluído: ,
Formatado ... [1581]
1889, constituindo um marco no que diz respeito a mudanças estruturais.
Excluído: …, ... [1582]
Mudanças que se fizeram sentir na economia, com a abolição da escravatura e Formatado ... [1583]
Excluído: s do Brasil
com a formação de uma mão-de-obra assalariada; na política, com a
Formatado ... [1584]
implantação do regime republicano e com a expansão e urbanização do Excluído: constituindo
espaço citadino. Todas essas mudanças refletiram-se no quadro social do país, Formatado ... [1585]
Excluído: no Brasil
principalmente, nos centros urbanos.
Formatado ... [1586]
Excluído: ,

Em relação à economia, o país continuou dependente da agricultura para o Formatado ... [1587]
Excluído: m…a economia,
... [1588]
acumulo de reservas, apesar de se observar, no início do século XX, uma
Formatado ... [1589]
industrialização incipiente, incentivada pelos investimentos do setor agrário. Excluído: ,

Essa industrialização também se deu em função de investimentos, de Formatado ... [1590]


Excluído: nos aspectos
... [1591]
Formatado ... [1592]
Excluído: na…citadino... [1593]
2 Formatado ... [1594]
Liberalismo Econômico - Doutrina econômica de cunho liberal e individualista surgida em função do
expansionismo capitalista. Positivismo - Corrente de pensamento desenvolvida por Augusto Conte no Excluído: , as quais se fizera
século XIX , onde a instalação de um Estado autoritário é necessário para a construção da ordem social. Formatado ... [1595]
Excluído: r
Formatado ... [1596]
Excluído: Apesar da mudança
... [1597]
Formatado ... [1598]
Excluído: crescimento... [1599]
Formatado ... [1600]
Excluído: ará
Formatado ... [1601]

Formatado ... [1602]

Formatado ... [1603]

Formatado ... [1604]


Formatado ... [1609]
57 Excluído: á
Formatado ... [1610]
Formatado ... [1611]
Excluído: algumas….... [1612]
tecnologia e de capitais estrangeiros, que proporcionaram e facilitaram a
Formatado ... [1613]
instalação de fábricas no Brasil em função do desenvolvimento capitalista. Excluído: Sem dúvida... [1614]
Formatado ... [1615]
Excluído: a
A economia brasileira durante a Primeira República foi agrária, e o café o
Formatado ... [1616]
grande gerador de divisas e do desenvolvimento brasileiro. Entretanto, esse Excluído: é

desenvolvimento econômico manteve-se dependente das oscilações que os Formatado ... [1617]
Excluído: agrária …e ...
será
[1618]
preços do café sofriam no exterior. Sob a influência do café, determinadas
Formatado ... [1619]
cidades brasileiras modificaram-se em seu aspecto físico e social. De acordo Excluído: dele dependerá o
Formatado ... [1620]
Granziera (1997, p. 135),
Excluído: econômico do país
Formatado ... [1621]
A sociedade tem base econômica social e agrária, mas o que fervilha Excluído:

é a vida urbana; na cidade existe um número significativo de Formatado ... [1622]


indústrias, mas é o café que dita os rumos da política econômica; os Excluído: rá
Formatado ... [1623]
serviços públicos multiplicam-se, mas na cidade, dificilmente
Excluído: erá
chegando ao mundo rural; a política parece ser reservada aos
Formatado ... [1624]
profissionais liberais e militares, que são urbanos, mas o que o
Excluído: Sob esse aspecto,
... [1625]
sistema eleitoral garante é a representatividade dos fazendeiros; a Formatado ... [1626]
arte e o moderno insuflados da Europa também têm seu lugar na Excluído: dependência…café,
... [1627]
cidade – tangidos em geral pelos filhos dos ricos proprietários rurais - Formatado ... [1628]
mas a sociedade agrária é fechada e patrimonialista, aparentemente Excluído: irão se
Excluído: S
intangível por esse tipo de movimento.
Formatado ... [1629]
Excluído: ob este aspecto,
O café direcionou a política e a economia do país. Essa afirmativa é respalda Formatado ... [1630]

pelo censo efetuado no ano de 1920, no qual, “(...) dos 9,1 milhões de pessoas Formatado ... [1631]
Excluído: :
em atividade, 6,4 milhões (69,7%) se dedicavam à agricultura, 1,2 milhão
Formatado ... [1632]
(13,8%) à indústria e 1,5 milhão (16,5%) aos serviços” (FAUSTO, 1996, p. 281- Excluído: afirma:
Formatado ... [1633]
282). No entanto, foi notória a interdependência entre o meio rural e o meio
Formatado ... [1634]
urbano, pois eram nas cidades que se encontravam os investimentos que Excluído: -
incentivaram a produção cafeeira – os bancos, o direcionamento político, o Formatado ... [1635]
Excluído: ,
comércio exportador e importador.
Formatado ... [1636]
Formatado ... [1637]
A produção cafeeira estava inserida no contexto da economia mundial e, por Excluído: O que podemos
... [1638]
Formatado ... [1639]
isso, era dela dependente. Dentro dessa ótica, as oscilações do comércio
Excluído: onará
internacional causavam altas e baixas no preço do café brasileiro no exterior, Formatado ... [1640]
Excluído: pode ser
Formatado ... [1641]
Excluído: austo
Formatado ... [1642]
Excluído: ,
Formatado ... [1643]
Excluído: :
Formatado ... [1644]

Formatado ... [1645]

Formatado ... [1646]


... [1647]
Formatado ... [1648]
Excluído: e últimmencionar

58 Formatado ... [1654]


Excluído: , tendo como
... [1655]
Formatado ... [1656]
Excluído: ,
repercutindo na economia e nas questões sociais do país. Com respeito a essa
Formatado ... [1657]
afirmativa, podemos mencionar os períodos de crise de superprodução do café, Excluído: …ando ... [1658]
tendo como desdobramento a queda do preço desse produto no mercado Formatado ... [1659]
Excluído: ,… ... [1660]
externo. A repercussão de tais momentos de crise na economia brasileira
Formatado ... [1661]
acarretava um êxodo rural. Isso, porque muitos trabalhadores desempregados Excluído: .. Contudo

no campo migravam para as cidades em busca de melhores condições de vida Formatado ... [1662]
Excluído: :
e de trabalho, ocasionando um aumento da população urbana. Entretanto, o
Formatado ... [1663]
sentido inverso também é verdadeiro. A esse respeito, Borges (1994, p. 62) Formatado ... [1664]
Formatado ... [1665]
argumenta:
Excluído: Em relação...
ao[1666]
que
Formatado ... [1667]
Nos anos de prosperidade da lavoura cafeeira e mesmo no período Formatado ... [1668]
da colheita, em que a contratação da mão-de-obra suplementar se Excluído: ,…Brasil…,... [1669]

fazia sempre necessária e era de vital importância para acelerar o Formatado ... [1670]
Excluído: da
trabalho, os desempregados da zona urbana podiam facilmente voltar
Formatado ... [1671]
ao trabalho no campo.
Excluído: . Com
Formatado ... [1672]
Sob esse aspecto, percebemos a nítida relação/dependência cidade-campo, Excluído:

não só no sentido econômico, mas também, no aspecto demográfico. Formatado ... [1673]
Excluído: a-
Formatado ... [1674]
A economia agrária desde o período colonial ocupou um lugar de destaque no Excluído: escravo…. Essa
... [1675]
Formatado ... [1676]
Brasil e, ligada a ela, sempre esteve presente a questão da mão-de-obra. Com
Excluído: ará
o fim do trabalho compulsório dos negros em 1888 iniciou-se mais efetivamente Formatado ... [1677]
o incentivo à imigração estrangeira em substituição ao trabalho escravo, Excluído: No entanto, essa
Formatado ... [1678]
possibilitando manter a agricultura como principal atividade econômica do país.
Excluído: constante…e
... [1679]
A constante reposição da mão-de-obra estrangeira, aliada ao capital cafeeiro Formatado ... [1680]
nacional e ao internacional, proporcionou alterações profundas nas estruturas Excluído: ,
Formatado ... [1681]
econômicas e sociais do país.
Excluído: ara
Formatado ... [1682]
Na verdade, a conjuntura econômica impulsionada pela produção cafeeira Excluído:
Formatado ... [1683]
fomentou um desenvolvimento urbano e um crescimento demográfico. Assim, o
Excluído: proporcionada… irá
... [1684]
setor agrário, representado pelo café, incentivou um tímido processo de Formatado ... [1685]

industrialização, que deu às cidades um novo perfil, “(...) pois a sociedade Excluído: irá incentivar
Formatado ... [1686]
Excluído: ará
Formatado ... [1687]
59

hegemonicamente agrária faz do desenvolvimento urbano a sua janela para o Excluído: .

exterior, a janela que recepcionará o moderno” (GRANZIERA,1997, p. 137). Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: ranziera (
Nesse contexto, o Brasil foi se integrando ao mercado mundial capitalista e à
Formatado ... [1688]
nova divisão internacional do trabalho. Essa dependência que o país mantinha Excluído: :
Formatado ... [1689]
com o capital internacional manifestou-se também na incorporação de padrões
Formatado ... [1690]
culturais e nos hábitos de conforto de nossa elite. Sobre essa questão, Lorenzo Excluído: Brasil
(1997, p. 160) observa que: Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: gundo
A grande expansão do intercâmbio comercial e financeiro com o
Formatado: Fonte: (Padrão)
exterior, desde a segunda metade do século XIX, vinha provocando Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
grandes modificações no estilo de vida não apenas das principais
Excluído: :
cidades do Brasil, mas também de toda a América latina, cujos
Formatado: Fonte: (Padrão)
padrões de consumo começavam a se espelhar nos europeus, Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
especialmente Paris e Londres. Em conseqüência, ocorreram novos
Excluído: :
tipos de demanda social e econômica, sobretudo das classes
Formatado ... [1691]
dominantes, que desfrutavam a prosperidade gerada pelas Formatado ... [1692]
exportações do setor primário. Para o atendimento dessa demanda Formatado ... [1693]
organizavam-se empreendimentos por iniciativa de alguns pioneiros Formatado ... [1694]
locais e do capital estrangeiro para a implantação de infra-estrutura de Excluído: ,

transportes e, paralelamente, serviços de utilidade pública (telefone, Formatado ... [1695]


Excluído: , …a ... [1696]
transportes urbanos, iluminação pública, geração e distribuição de
Formatado ... [1697]
energia elétrica).
Excluído: a
Formatado ... [1698]
Toda essa rede de intercâmbios internacionais - proporcionados pelo Excluído: e… gerado ... [1699]
Formatado ... [1700]
desenvolvimento do capitalismo e associados à acumulação do capital
Formatado ... [1701]
brasileiro pela expansão da produção e das exportações do café - alterou Excluído: ,

profundamente a economia e o quadro social brasileiro. Formatado ... [1702]


Excluído: veremos
Formatado ... [1703]
Diferente do que acontecia em alguns países da Europa, que vincularam o Excluído: ,
Formatado ... [1704]
aparecimento da classe burguesa ao desenvolvimento industrial, observou-se,
Excluído: à
no Brasil, o nascimento da burguesia associado à produção e à exportação do Formatado ... [1705]
café, que se manteve cada vez mais dependente do capital internacional. Excluído: teve cada vez mais
... [1706]
Formatado ... [1707]
Sobre essa questão afirma Hardman (1982, p. 56):
Excluído: :
Formatado ... [1708]
60

Formatado: Fonte: (Padrão)


O capital cafeeiro acumulado dera origem a um lento e tímido
Arial, Não Sobrescrito/
processo de formação de uma burguesia no Brasil, que já nascia Subscrito
Formatado ... [1709]
associada ao capital estrangeiro, dependente da Inglaterra; e que
tendia, entretanto, a se formar como classe apesar de sua debilidade. Formatado ... [1710]
Esse processo, porém iniciado antes de 1888, foi profundamente Formatado ... [1711]

abalado com a passagem do capitalismo para a fase imperialista. A Formatado ... [1712]
Excluído: azia
penetração cada vez maior do capital financeiro a partir do início do
Formatado ... [1713]
século XX acentuou ainda mais a dependência dessa burguesia em
Excluído: sobre as
relação à Inglaterra e Estados Unidos, subordinando definitivamente
Formatado ... [1714]
nossa economia ao mercado mundial controlado pelos países Excluído: ões da produção do
... [1715]
imperialistas. Formatado ... [1716]
Excluído: também sobre as
Excluído: ões, as quais
... [1717]
Essa dependência se fazia notar em grande parte através do controle do
Formatado ... [1718]
comércio de exportação e importação, por firmas estrangeiras instaladas no Excluído: mãos de

Brasil, como, por exemplo, as alemãs, as inglesas e as norte-americanas. Formatado ... [1719]
Formatado ... [1720]
Assim, veremos a burguesia estrangeira através dessas firmas penetrar no
Excluído: , só para citar
setor cafeeiro em suas várias etapas de produção, de transporte e de Formatado ... [1721]
Formatado ... [1722]
exportação. Contudo, o capital estrangeiro não ficava limitado apenas ao setor
Excluído: norte-americana
agrário, pois o mesmo capital que financiava a cultura cafeeira, também Formatado ... [1723]
investia em outros setores da economia brasileira, como transportes, Excluído: s.
Formatado ... [1724]
eletricidade, indústrias. De acordo com Hardman (1982, p. 63),
Excluído: ,
Excluído: de comércio... [1725]
Não se verificou no Brasil, um crescimento e concentração das Excluído: ,

pequenas e médias empresas para dar origem à grande empresa Formatado ... [1726]
Excluído: Na verdade,
...as
[1727]
industrial moderna, ao contrário do que ocorrera na Inglaterra e nos
Excluído: Segundo
países hoje altamente industrializados. A siderurgia moderna já nasce
Excluído: 9
sob a égide da grande indústria e com um grau precoce de
Excluído: :
concentração, sendo implantada pelo capital financeiro internacional
Formatado ... [1728]
ou pelo Estado, com raras exceções. O mesmo ocorre com a Excluído: :
metalurgia, a indústria química, a mecânica e outros ramos de base Formatado ... [1729]
da grande indústria. È o caso da Pullman Standart Car Export Formatado ... [1730]
Corporation, instalada no Rio, em 1913, com oficinas de montagem de Formatado ... [1731]
Formatado ... [1732]
material ferroviário. Alguns anos depois, a Ford e a General Motors
Formatado ... [1733]
também se instalariam.
Excluído: ,
Formatado ... [1734]
Formatado ... [1735]
Formatado ... [1736]
Formatado ... [1737]
61 Excluído: ,…café…, ... [1738]
Formatado ... [1739]
Excluído: ,
Formatado ... [1740]
Se por um lado percebemos nitidamente o capital internacional alimentando a
Excluído: será
economia brasileira, não podemos minimizar a questão, excluindo o capital Formatado ... [1741]
nacional e a nascente burguesia desse processo. De fato, a acumulação do Excluído: rão
Formatado ... [1742]
capital gerado pelo café possibilitou a formação da burguesia nacional, que
Excluído: Entretanto,... [1743]
também investia em outros setores da economia, como estradas de ferro, Formatado ... [1744]

bancos, fábricas, comércio de exportação e importação. Tais investimentos Excluído: o


Formatado ... [1745]
eram maiores ou menores dependendo da demanda do café no mercado Excluído: a
internacional, pois foram nos momentos de crise, de retração, ou de procura do Formatado ... [1746]
Excluído: , …que é ... [1747]
café no exterior, que os investimentos da burguesia nacional tornaram-se mais
Formatado ... [1748]
ou menos intensos no setor industrial. Excluído: a qual chega
...ao
[1749]
Formatado ... [1750]
Excluído: relacionada ao
Outro fator também de origem externa e associado à conjuntura do café foi a
Formatado ... [1751]
imigração estrangeira, substituta da mão-de-obra escrava. Sob esse aspecto, Excluído: Será

fica nítida a dependência da economia brasileira do exterior, não só em relação Formatado ... [1752]
Excluído: e
ao capital, mas também, em relação à força de trabalho. Esse contingente
Formatado ... [1753]
humano que veio para o Brasil em busca de trabalho e de uma vida melhor Excluído: chegará

constituiu a mão-de-obra necessária à indústria, visto que o trabalhador Formatado ... [1754]
Excluído: a
nacional era preterido ao imigrante.
Formatado ... [1755]
Excluído: que se buscará a
Formatado ... [1756]
Ao longo da Primeira República, grande parte da população brasileira era
Excluído: a mão-de-obra
composta por afros-descendentes. Sendo corrente no pensamento da época Formatado ... [1757]
associar o trabalho manual ao trabalho escravo e, ainda, permanecendo a Excluído: pouco valorizada
... [1758]
Formatado ... [1759]
crença de que o trabalhador nacional não era apto para o trabalho, podemos
Excluído: – e ,
entender a preferência pelo imigrante europeu, tanto nas fazendas de café, Formatado ... [1760]
como na nascente indústria. No entender de Kowarick (1994, p. 107-108), Excluído: República…,
... [1761]
Formatado ... [1762]
Excluído: ,
A discussão referente à relegação do braço nacional, portanto, não Formatado ... [1763]
deve se apoiar na maior experiência urbana ou fabril do estrangeiro, Excluído: que
pois dela a indústria não necessitava. A questão central reside na Formatado ... [1764]
secular descrença que sempre pairou sobre o segmento nacional, Excluído: e

que continuou sendo considerado inapto e indisciplinado para o Formatado ... [1765]
Excluído: po
trabalho, na medida em que a indústria paulista contou com vasta
Formatado ... [1766]
oferta de braços estrangeiros.
Excluído: ,
Formatado ... [1767]
Excluído: ,
Formatado ... [1768]
Excluído: Segundo
Formatado ... [1769]
Excluído: :
Formatado ... [1770]
Excluído: .
Formatado ... [1771]
Formatado ... [1772]
Excluído: formando

62 Excluído:
Formatado ... [1774]
Formatado ... [1775]
Excluído: o
Excluído: o nascimento
Houve uma peculiaridade no Brasil em relação à industrialização nas três Formatado ... [1776]
primeiras décadas republicanas: a burguesia brasileira foi se formando Formatado ... [1777]
Formatado ... [1778]
paralelamente à gestação do operariado e ambos se articularam no sentido de
Excluído: ,
se organizarem enquanto classe na defesa de seus interesses. Formatado ... [1779]
Excluído: notória
Formatado ... [1780]
Não é nenhuma novidade afirmar que a imigração, a princípio direcionada para Excluído: Neste contexto,
as fazendas de café, contribuiu com suas reservas de mão-de-obra para Formatado ... [1781]
Excluído: teve a peculiaridade
... [1782]
incorporar as fileiras das indústrias, como também, foi responsável pelas
Formatado ... [1783]
alterações que se fizeram sentir no quadro social e ideológico do país, Excluído: e seu
especialmente no Rio de Janeiro e São Paulo, onde a industrialização se fez Formatado ... [1784]
Excluído: com
mais presente.
Formatado ... [1785]
Excluído: com

No Brasil, onde a formação do operariado apresentou, em suas bases, vários Formatado ... [1786]
Excluído: bastantes
grupos étnicos e culturas multifacetadas, coexistiram pensamentos e ideologias
Formatado ... [1787]
políticas bastante diversas no interior do movimento operário, dificultando, em Excluído: versas

algumas ocasiões, a organização desse movimento. A diversidade étnica foi Formatado ... [1788]
Excluído: , ocasio
muitas vezes usada pelos patrões com o objetivo de desmobilizar
Formatado ... [1789]
manifestações operárias. Segundo Andreus (1998, p. 115), Excluído: nando o ... [1790]
Formatado ... [1791]
Excluído: Essa
Os patrões usavam a tática de explorar as divisões raciais dentro da
Formatado ... [1792]
força de trabalho. Apenas três anos após a abolição, durante a greve Excluído:
dos trabalhadores das docas em 1891, em Santos, (...) empregou os Formatado ... [1793]
libertos que haviam fugido para a cidade em 1887 e 1888 e os usou Excluído: era

como fura greves para derrotar os grevistas, em sua maioria Formatado ... [1794]
imigrantes. Excluído:
Formatado ... [1795]
Excluído: o
Em contrapartida, Hardman (1982, p. 229) ressalta o lado positivo do Formatado ... [1796]
intercâmbio cultural e da convivência entre os vários grupos étnicos, Excluído: obre esse aspecto,
... [1797]
Formatado ... [1798]
argumentando que o imigrante muito contribuiu para a formação política e
Excluído: :
ideológica do operariado brasileiro enquanto classe, colocando-o também em Formatado ... [1799]
Excluído: :
contato com o contexto do movimento operário internacional.
Formatado ... [1800]
Formatado ... [1801]
Excluído: No entanto,
Formatado ... [1802]
Excluído: ,
Formatado ... [1803]
Excluído: enfoca
Formatado ... [1804]
Excluído: tendências

63 Formatado ... [1805]


Excluído: ,
Formatado ... [1806]
Formatado ... [1807]
Entre as várias correntes que figuraram no movimento operário até 1920, a que
Excluído: o
mais se destacou foi a anarquista, cuja tendência se voltou para o anarco- Formatado ... [1808]
sindicalismo. Fausto (1996, p. 298) acrescenta que: Excluído: e que orientou o
... [1809]
Formatado ... [1810]
Excluído: smo
Os anarco-sindicalistas acreditavam que seu objetivo seria atingido Formatado ... [1811]
com a derrubada da burguesia do poder (...). Isso seria alcançado Excluído: . Segundo
através de um grande ato: a greve geral revolucionária. O sindicato Formatado ... [1812]
anarquista (...) deveria expressar a vontade dos sindicalizados e não Excluído: :
Formatado ... [1813]
sua vontade própria, representava um esboço da sociedade que
Excluído: ,
pretendiam instaurar Uma sociedade sem Estado, sem desigualdade,
Formatado ... [1814]
organizada em uma federação livre de trabalhadores.
Formatado ... [1815]
Excluído: , represen…tava
... [1816]
Grande parte da organização e do direcionamento dado ao movimento operário Formatado ... [1817]
Excluído: Nesse contexto,
... [1818]
brasileiro deve-se à participação desses imigrantes. Muitos dirigentes do
Formatado ... [1819]
movimento operário, devido a sua militância, eram considerados perigosos Excluído: o

para a ordem social, sendo por isso, deportados de seus países de origem. Formatado ... [1820]
Excluído: ,
Chegando ao Brasil, tornavam-se operários da nascente indústria, passando a Formatado ... [1821]
militar juntamente com o trabalhador nacional por condições mais dignas de Excluído: que se dirigiam
... [1822]
Formatado ... [1823]
trabalho e de salário. Ao tratar dessa questão, Menezes (1996, p. 91) ressalta
Excluído: m deportados
... [1824]
que: Excluído: para cá vieram,
... [1825]
Formatado ... [1826]
Formatado ... [1827]
Considerados hóspedes perigosos, estes estrangeiros definiram-se
Excluído: no país,…,... [1828]
como inimigos cotidianos das forças encarregadas da manutenção
Formatado ... [1829]
da ordem pública que, a partir de uma visão de mundo elaborada do
Formatado ... [1830]
alto, buscavam universalizar novos valores e comportamentos, ao Formatado ... [1831]
mesmo tempo em que buscavam deter a explosão das contradições. Formatado ... [1832]
Formatado ... [1833]
Formatado ... [1834]
Devido a sua conjuntura econômica, o Brasil era bastante dependente do
Excluído: n…, ... [1835]
mercado, do capital e da mão-de-obra internacional e o seu quadro social e Formatado ... [1836]
ideológico foi se organizando devido a essa dependência externa. No caso da Excluído: e
Formatado ... [1837]
elite, disseminou-se o positivismo, que muito influenciou na instalação da
Excluído: externo
República, como também o liberalismo, que norteou os setores econômicos, Formatado ... [1838]

políticos e sociais do país. Excluído: , aliado também à


... [1839]
Formatado ... [1840]
Excluído: do país,
Formatado ... [1841]
Excluído: i
Formatado ... [1842]
Excluído: do
Formatado ... [1843]
Excluído: também…tais
... [1844]
Formatado ... [1845]
Excluído: influências
Formatado ... [1846]

Formatado ... [1847]


... [1848]
Formatado ... [1849]
Formatado ... [1852]
Excluído: serão
64
Formatado ... [1853]
Excluído: ,
Formatado ... [1854]
Por outro lado, foram as idéias anarquistas e socialistas trazidas ao Brasil pelos Excluído: rão
imigrantes europeus que direcionaram as reivindicações dos trabalhadores, Formatado ... [1855]
Excluído: :
norteando o movimento operário nas primeiras décadas republicanas. Sob
Formatado ... [1856]
esse aspecto, Vangelista (2004, p. 45) afirma que: Formatado ... [1857]
Formatado ... [1858]

A consolidação do movimento operário ocorre, sobretudo, através da Formatado ... [1859]


Formatado ... [1860]
imigração de expoentes do movimento anárquico e socialista
Formatado ... [1861]
europeu, os quais animaram o debate político, com o
Excluído: ¶
associacionismo e com a publicação de numerosos jornais.
Formatado ... [1862]
Formatado ... [1863]
Essas ideologias opostas de cada segmento social entraram em conflitos Formatado ... [1864]
Excluído: ,… ... [1865]
quando se apresentaram à sociedade urbana questões sociais decorrentes da
Formatado ... [1866]
implantação de indústrias, do crescimento demográfico e do processo de Excluído: Em relação ao

urbanização vivido por algumas capitais do país. O pensamento liberal não deu Formatado ... [1867]
Excluído: , este…ará ... [1868]
conta de encontrar soluções para as desigualdades sociais em que se
Formatado ... [1869]
encontrava a maioria da população brasileira. No que diz respeito à corrente Excluído: nos setores...
político,
[1870]
Formatado ... [1871]
ideológica que se apresentou ao movimento operário, Menezes (1996, p. 97)
Excluído: rá
diz que: Formatado ... [1872]
Excluído: afirma Menezes
... [1873]
Excluído:
(...) o anarquismo cresceu com a República e alimentou-se da
Formatado ... [1874]
urbanização e da exclusão, tornando-se a força de contestação mais
Formatado ... [1875]
permanente e ampla ao longo das primeiras décadas do século XX.
Excluído:
Formatado ... [1876]
A formação do movimento operário e suas lutas relacionaram-se com as Formatado ... [1877]
Formatado ... [1878]
precárias condições de vida e de trabalho a que os trabalhadores estavam
Formatado ... [1879]
submetidos. Na realidade, durante a Primeira República havia uma carência Excluído: , está relacionado
em relação à legislação trabalhista, pois se sentia falta de itens que Formatado ... [1880]
Excluído: péssimas
beneficiassem os trabalhadores. Entre outras arbitrariedades, era comum a
Formatado ... [1881]
jornada de trabalho de catorze horas, o não pagamento de indenizações em Excluído: operários

casos de acidentes de trabalho ou de dispensa do trabalhador, o descanso Formatado ... [1882]


Excluído: ,…a ... [1883]
semanal não remunerado e o trabalho de crianças. Dessa forma, o trabalhador
Formatado ... [1884]
estava constantemente exposto aos mandos e desmandos dos patrões, fato Excluído: Assim, entre
... outras
[1885]
esse agravado pela enorme reserva de mão-de-obra que se encontrava nas Formatado ... [1886]
Excluído: azia
cidades, podendo a mesma ser acionada quando se fizesse necessário.
Formatado ... [1887]
Formatado ... [1889]
65 Excluído: a
Formatado ... [1890]
Excluído: a qual resultava
Formatado ... [1891]
Excluído: ,… ... [1892]
Devido à grande reserva de mão-de-obra, resultante do êxodo rural e da Formatado ... [1893]
incapacidade do processo produtivo industrial e comercial absorver a mão-de- Excluído: de…toda ... [1894]
Formatado ... [1895]
obra urbana disponível, o trabalhador era levado a uma constante disputa por
Excluído: a qual
empregos. Essa questão era agravada pela chegada de imigrantes europeus Formatado ... [1896]

às cidades e a pela quase total ausência de leis que protegessem o Excluído: a


Formatado ... [1897]
trabalhador. Excluído: mesmo
Formatado ... [1898]
Formatado ... [1899]
O medo do desemprego fazia parte do cotidiano dos trabalhadores. Isso
Excluído: Assim, o… ...
era[1900]
uma
porque, além da falta de condições materiais que o desemprego ocasionava, Formatado ... [1901]
havia o fator ideológico que afetava o imaginário do trabalhador Excluído: Isso também
Formatado ... [1902]
desempregado, associado que era ao vadio e ao perigoso. Sendo esse um
Excluído: também
estereótipo comum aos que não possuíam emprego fixo, fugir dele, muitas Formatado ... [1903]
vezes seria se sujeitar, ou não se manifestar diante da opressão trabalhista, Excluído: o qual era
Formatado ... [1904]
para não se encontrar o trabalhador numa situação de desemprego.
Excluído: ,
Formatado ... [1905]
Não obstante essas restrições intimidar o movimento operário, os Excluído: e,…, ... [1906]
Formatado ... [1907]
trabalhadores das indústrias não deixaram de se organizar e de lutar por seus
Excluído: ver
direitos. Apesar da greve ser considerada crime pelo Código Penal Brasileiro Formatado ... [1908]
Excluído: Apesar dessas
... [1909]
de 1890, ela sempre foi um artifício utilizado pelo trabalhador na reivindicação
Formatado ... [1910]
de seus direitos trabalhistas e na luta por melhores condições de vida, Excluído: pesar da greve ser
incluindo-se aí, a carestia do custo de vida e dos aluguéis. Essa questão é Formatado ... [1911]
Excluído: b
satirizada pelo jornal O Tribofe em 1892 (apud CARVALHO, 1987, p. 21):
Formatado ... [1912]
Excluído: esta
Das algibeiras some-se o cobre, Formatado ... [1913]
Como levado por um tufão: Excluído: sado

Carne de vaca não come o pobre, Formatado ... [1914]

Qualquer dia não come pão. Excluído: , como a jornada de


... [1915]
Formatado ... [1916]
Fósforos, velas, couve, quiabos,
Excluído: elas
Vinho, aguardente, milho, feijão,
Formatado ... [1917]
Frutas, conservas, cenouras, nabos...
Excluído: os altos preços…
... [1918]
Tudo se vende pr’um dinheirão! Formatado ... [1919]
Excluído: o …,…. ... [1920]
Formatado ... [1921]
Excluído: In
Formatado ... [1922]
Excluído:
Formatado ... [1923]
Excluído: arvalho
Formatado ... [1924]
Excluído: :
Formatado ... [1925]

Formatado ... [1926]


Formatado ... [1927]
Formatado ... [1928]
Formatado ... [1929]
Formatado ... [1930]
Excluído: s, eram postas em
... [1937]
66 Formatado ... [1938]
Excluído: da classe operária
Excluído: operários
Excluído: ,
Além das greves, outras formas de mobilização foram colocadas em prática
Formatado ... [1939]
pelo movimento operário. Assim sendo, a formação de partidos operários foi Excluído: , como a

responsável pela orientação política do movimento, assim como a criação de Formatado ... [1940]
Formatado ... [1941]
vários jornais teve a função de expor publicamente as precárias condições em
Formatado ... [1942]
que viviam os trabalhadores. Entre as muitas reivindicações dos operários, Excluído: os quais orientavam

estavam: Formatado ... [1943]


Excluído: i
Excluído: mente
O direito a organização, liberdade de expressão, ensino gratuito, Formatado ... [1944]
proibição do trabalho para menores de 12 anos, salário mínimo vital Excluído:

fixado por comissão eleita pelos operários em cada empresa, fixação Formatado ... [1945]

da jornada de trabalho em oito horas”. (HARDMAN 1982:247). Excluído: os


Formatado ... [1946]
Formatado ... [1947]
Paralelamente à formação desses veículos de luta, os trabalhadores foram se Excluído: vinculados ...
a ele…,
[1948]

constituindo enquanto classe, sendo as ruas o espaço dessas manifestações. Formatado ... [1949]
Excluído: que …unham
... [1950]
Diante das manifestações e lutas dos trabalhadores, algumas conquistas
Formatado ... [1951]
tornaram-se viáveis, como foi o caso dos trabalhadores da construção de Excluído: segundo Hardman
... [1952]
Formatado ... [1953]
ferrovias em São Paulo, que adquiriram em 1907, o direito a jornada de
Excluído: o
trabalho de oito horas diárias, além de aumentos salariais (BORGES, 1994, p. Formatado ... [1954]
88). Excluído: “…12 anos,...
salário
[1955]
Formatado ... [1956]
Formatado ... [1957]
Por outro lado, a elite burguesa, tendo como aparato o Estado, também foi se Formatado ... [1958]
organizando enquanto classe e, paralelamente, buscava consolidar seu poder Excluído: Podemos pensar
... [1959]
Formatado ... [1960]
através da repressão ao movimento operário. Repressão essa, que se
Excluído: os quais
direcionou principalmente para os imigrantes europeus engajados no Formatado ... [1961]
movimento operário que, sob a influência das idéias anarquistas e socialistas, Excluído: orges
Formatado ... [1962]
podiam colocar a ordem social em risco e, por isso mesmo, muitos foram
Excluído: (
expulsos do Brasil. Estavam também sobre a mira da expulsão, os estrangeiros Formatado ... [1963]

que viviam sob o estigma da vadiagem, ou seja, aqueles indivíduos que não Formatado ... [1964]
Excluído: i…, ... [1965]
incorporavam o valor social do trabalho em sua vida cotidiana. Sob esse Formatado ... [1966]
aspecto, foi se estruturando o estereótipo do imigrante útil e do imigrante Excluído: , também
Formatado ... [1967]
nocivo à sociedade brasileira, de acordo com o papel social desempenhado
Excluído: ,
pelo mesmo (MENEZES, 1996). Formatado ... [1968]
Excluído: também…ava
... [1969]
Formatado ... [1970]
Excluído: .
Formatado ... [1971]
Excluído: também
Formatado ... [1972]
Excluído: aqueles indivíduos
Formatado ... [1973]
Excluído: …, segundo
... [1974]
Formatado ... [1975]

Formatado ... [1976]


67

Excluído: ,… …era ... [1977]


Em 1907 foi decretada uma lei em que legitimada a expulsão desses
Formatado: Fonte: (Padrão)
agitadores estrangeiros. Sob esse aspecto, nos diz Carvalho (1984, p. 23-24): Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: mada

(...) não houve tolerância alguma para com os anarquistas Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
estrangeiros que pela primeira vez aportaram às praias fluminenses. Subscrito

Para eles, a República mostrou logo sua face violenta, expulsando-os Formatado ... [1978]
Excluído: :
sem maiores delongas. Durante o governo de Floriano Peixoto foram
Formatado ... [1979]
expulsos 76 estrangeiros. Desses, 36 por crimes políticos, 19
Formatado: Fonte: (Padrão)
expressamente sob acusação de anarquismo. As deportações Arial, 12 pt

faziam-se por simples decreto presidencial, precedendo solicitação Formatado ... [1980]
do chefe de polícia. O primeiro decreto data de 14 de agosto de 1893. Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Fica claro o caráter autoritário de que se revestiu a primeira fase republicana Excluído: a

no Brasil (1889-1930), onde a expulsão do país de elementos estrangeiros Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
considerados perniciosos à sociedade foi um instrumento político usado pela Subscrito
Excluído: ,…, ... [1981]
elite dirigente na sua ânsia de conter a desordem social, que também pode ser
Formatado ... [1982]
entendida, entre outras leituras, como uma desarticulação do movimento Excluído: Sob esse aspecto…:
... [1983]
Formatado ... [1984]
operário. Nesse caso, ressalta Menezes (1996, p. 185):
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, 10 pt
A prática da expulsão deixou de se caracterizar pela Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
excepcionalidade para assumir a conotação de fato cotidiano, Subscrito
destinado a assegurar a ordem pública e a segurança nacional Formatado: Recuo: À
esquerda: 4,02 cm
através da estratégica de combate aos indesejáveis. Tornou-se,
Formatado ... [1985]
nesta dimensão, uma solução cirúrgica destinada a garantir a saúde
Formatado ... [1986]
social, ameaçada por agentes patológicos que chegavam por Formatado ... [1987]
importação. Excluído: a
Formatado ... [1988]
Excluído: podiam
Na perspectiva dessas questões, percebemos que o regime republicano seguia
Formatado ... [1989]
a risca o que estava escrito em sua bandeira: Ordem e Progresso. Num regime Excluído: ,

em que a maioria das pessoas não podia exercer a sua cidadania política e, Formatado ... [1990]
Excluído: ,
conseqüentemente, expressar livremente suas posições, a ordem deveria ser
Formatado ... [1991]
estabelecida a todo custo para que o progresso fosse garantido. Entende-se Excluído: políticas

por progresso nesse caso, o afastamento da vida política de determinados Formatado ... [1992]
Excluído: indicações, ... [1993]
segmentos da população, assim como, suas reivindicações. Nessa direção,
Formatado ... [1994]
entendemos porque muitas das manifestações articuladas pelos operários, Excluído: emos
Formatado ... [1995]
Formatado ... [1996]
68 Excluído: o
Formatado ... [1997]
Excluído: onde
Formatado ... [1998]
como greves, congressos e manifestações de rua, eram dissolvidas pela polícia
Excluído: seus
(força repressora a serviço do regime republicano da época ) e também, Formatado ... [1999]
porque muitos de seus líderes ou militantes eram presos ou expulsos do país. Excluído:
Formatado ... [2000]
Formatado ... [2001]
Desarticular o movimento operário seria de fundamental importância para se Excluído: a se evitar a... [2002]

manter a ordem na sociedade brasileira, principalmente nesse momento em Formatado ... [2003]
Excluído: ,
que a elite aspirava à modernidade. Modernidade essa que se impôs de cima
Formatado ... [2004]
para baixo, intervindo no cotidiano da população. Formatado ... [2005]
Formatado ... [2006]
Excluído: o ao movimento
Apesar de toda repressão aos trabalhadores, estes se fizeram presentes na Formatado ... [2007]
vida social e política do país, lutando e se organizando por melhores condições Excluído: d
Formatado ... [2008]
de trabalho, de moradia e de vida. Nesse quadro, em que a cidade no Brasil
Excluído: ,
emergia enquanto lócus dos movimentos sociais, políticos e ideológicos, Formatado ... [2009]
reproduzindo as relações capitalistas de produção, a sociedade liberal exaltava Excluído: s
Formatado ... [2010]
a igualdade de oportunidades e chamava seus filhos de cidadãos. Ao mesmo
Excluído: aziam
tempo, negava-lhes, na prática, o direito a essas oportunidades, pois nem Formatado ... [2011]
todos tinham acesso à moradia, à educação, à saúde, à livre expressão de Excluído: ,
Formatado ... [2012]
pensamento e ao trabalho, além de não exercerem sua plena cidadania
Excluído: ,
política. Formatado ... [2013]
Excluído: , ao
Formatado ... [2014]
Excluído: 2
3.2 - O CRESCIMENTO DAS CIDADES E A MODERNIZAÇÃO URBANA Formatado ... [2015]
Excluído: .
Formatado ... [2016]
Formatado ... [2017]
O ano de 1889 foi considerado pela elite brasileira um divisor entre o passado e Formatado ... [2018]
Excluído: ,…con ... [2019]
o futuro. O passado era associado ao regime monárquico, com instituições
Formatado ... [2020]
ultrapassadas como a escravidão. Lamentava-se o atraso econômico e cultural Excluído: encarnado no

proporcionado pela colonização portuguesa. Esse atraso materializava-se nas Formatado ... [2021]
Excluído: e também,
cidades através da arquitetura colonial, de ruas desalinhadas e dos vários
Formatado ... [2022]
surtos de epidemias que assolavam a população. Excluído: , refletindo-se
Formatado ... [2023]
Excluído: , a
Formatado ... [2024]
Excluído: l que se expressava
... [2025]
Formatado ... [2026]
Excluído: , com
Formatado ... [2027]
Formatado ... [2029]
69 Excluído: a qual traria...novas
[2030]
Formatado ... [2031]
Formatado ... [2032]
Excluído: , ... [2033]
O futuro era representado pela República, veículo das novas expectativas
Excluído: nfim, e…, ... [2034]
políticas, econômicas, sociais e urbanísticas. Eram expectativas de Formatado ... [2035]
modernidade respaldadas pelo saber científico. No entanto, essa modernidade Formatado ... [2036]
Excluído: Progresso
caracterizou-se ao longo da Primeira República por vários antagonismos: de
Formatado ... [2037]
um lado estava o luxo, o avanço da ciência beneficiando uns poucos e o Excluído: este,

remodelamento do espaço urbano e, de outro, o aumento da pobreza urbana, Formatado ... [2038]
Excluído: que
que se refletia no desemprego, na falta de moradias, nos processos de
Formatado ... [2039]
demolições, na morte por epidemias e na expansão das periferias. Dessa Excluído: a…, ... [2040]
Formatado ... [2041]
forma, podemos pensar num progresso unilateral, imposto à determinados
Excluído: a
segmentos da população em benefício de uma elite assimiladora de modelos Formatado ... [2042]
europeus. Excluído: Essa
Formatado ... [2043]
Excluído: ,…s, se não... [2044]
A elite brasileira espelhava-se nos padrões europeus e ambicionava igualar-se Formatado ... [2045]
ou assemelhar-se a eles no comportamento, nos valores morais, na cultura e Excluído: ,
Formatado ... [2046]
até mesmo na forma de se vestir. Tudo deveria ser importado e consumido do
Excluído: , seja
exterior, pois “(...) o que se declara, literalmente, é o desejo de fazer a Formatado ... [2047]
civilização européia nos trópicos(...)” (CHALHUB, 1996, p. 35). Dentro dessa Excluído: comportamento,…
... [2048]
Formatado ... [2049]
ótica, a civilização européia deveria servir de exemplo neste momento tão
Excluído:
glorioso em que estava vivendo o país e sua elite: a República e o que ela Formatado ... [2050]
Excluído: .
poderia trazer de benefícios para o Brasil. Entretanto, o plano de integração do
Formatado ... [2051]
país à civilidade excluiu uma enorme parcela da população. Tal exclusão deu- Excluído: h
se no nível político, econômico, social e cultural. Formatado ... [2052]
Excluído: a
Formatado ... [2053]
A elite precisava reconstruir a imagem negativa que o Brasil tinha no exterior. Excluído: l

Imagem essa transmitida por viajantes europeus em suas passagens pelo país, Formatado ... [2054]
Excluído: ho
ou mesmo por representantes estrangeiros que aqui viviam: país assolado por
Formatado ... [2055]
epidemias, com uma população elevada de negros e sem identidade nacional. Excluído: u

Portanto, foi na reconstrução interna do Brasil e de sua imagem no exterior que Formatado ... [2056]
Excluído: b
se acentuou a exclusão das camadas pobres da população.
Formatado ... [2057]
Excluído: ,

A República foi o veículo político no qual se respaldou o grupo elitista para Formatado ... [2058]
Excluído: :
ingressar o Brasil na era da modernidade. Para que isso ocorresse, necessário Formatado ... [2059]
Excluído:
Formatado ... [2060]
Excluído: ,…deveria servir
... [2061]
Formatado ... [2062]
Excluído: ,
Formatado ... [2063]
Excluído:
Formatado ... [2064]

Formatado ... [2065]

Formatado ... [2066]


Excluído: -

70 Formatado ... [2070]


Formatado ... [2071]
Excluído: ,
Formatado ... [2072]
seria deixar determinadas situações como estavam (a exclusão política e social
Excluído: –
da maioria da população) e mudar outras (a imagem de cidade colonial, o Formatado ... [2073]
atraso do país e a construção de uma nova identidade nacional), deixando para Excluído: a
Formatado ... [2074]
trás todo um mundo incivilizado.
Excluído: existente nas
... [2075]
Formatado ... [2076]

Uma das primeiras tarefas nesse sentido foi legitimar o novo regime, que ainda Excluído: proporcionado pela
... [2077]
Formatado ... [2078]
não era bem visto por determinados segmentos da população. Uma Excluído: No entanto,
significativa parcela da população, composta por ex-escravos, via a monarquia Formatado ... [2079]
Excluído: u
como a responsável pela derrubada da escravidão e, assim, uma grande
Excluído: a ser posta...em
[2080]
benfeitora. Sob esse aspecto, “(...) permanece o fato de que os republicanos Formatado ... [2081]
não conseguiram a adesão do setor pobre da população, sobretudo dos Excluído: seria
Formatado ... [2082]
negros” (CARVALHO, 1987, p. 30).
Excluído:
Formatado ... [2083]
A adesão à causa republicana foi um caso ambíguo. Se por um lado, havia a Excluído: o qual
Formatado ... [2084]
necessidade de se cooptar a massa popular para o Estado republicano, por
Formatado ... [2085]
outro, essa mesma massa popular foi alijada de sua plena cidadania, pois a Excluído: Para exemplificar o
... [2086]
República não proporcionou condições para que o cidadão colocasse Formatado ... [2087]
Excluído: grande
totalmente em prática seus direitos políticos e civis.
Formatado ... [2088]
Excluído: ,
Formatado ... [2089]
Uma grande parcela da população ficou à margem da política nacional nessa
Excluído: , na figura do
... [2090]
primeira fase republicana. De fato, aproximadamente 2% da população poderia Formatado ... [2091]
exercer seus direitos políticos, na medida em que estavam excluídos os Excluído: ,
Formatado ... [2092]
analfabetos, as mulheres, os mendigos, os soldados, os cabos e os religiosos
Excluído: Assim
de ordens que impunham a renúncia à liberdade individual. Dessa forma, “(...) Formatado ... [2093]
diante das limitações de sexo, idade e educação, o número de brasileiros que Excluído: ”
Formatado ... [2094]
podia exercer sua cidadania política continuava reduzido” (PANDOLFI, 2002, p.
Excluído: .
68). Formatado ... [2095]
Excluído: arvalho
Formatado ... [2096]
Podemos pensar que os obstáculos apresentados à população brasileira em
Excluído: :
relação ao exercício de seus direitos políticos (as restrições ao voto e as Formatado ... [2097]

fraudes eleitorais), diminuíam o seu interesse em relação à política vigente. Formatado ... [2098]
Excluído: q
Essa questão era reforçada pela não obrigatoriedade do voto e pelo mesmo Formatado ... [2099]
Excluído: uma lado
Formatado ... [2100]
Excluído: lado,
Formatado ... [2101]
Excluído: em todos os
... [2102]
Formatado ... [2103]
Excluído: Na verdade,
Formatado ... [2104]

Formatado ... [2105]


... [2106]
Formatado ... [2107]

Formatado ... [2108]


Excluído: m

71 Formatado ... [2112]


Formatado ... [2113]
Excluído: ,
Formatado ... [2114]
não ser secreto. Além disso, em diversas situações o voto era encarado por
Excluído: elor algo de...maior
[2115]
muitos como uma mercadoria, visto que, o reduzido eleitorado poderia trocá-lo Formatado ... [2116]
por algo mais valioso. Na verdade, era prática corrente nas primeiras décadas Excluído:
Formatado ... [2117]
republicanas, as eleições serem manipuladas. Segundo Fausto (1996, p. 262),
Excluído: era
Formatado ... [2118]
(...) os resultados eleitorais não espelhavam a realidade. O voto não Excluído: nessas

era secreto e a maioria dos eleitores estava sujeita à pressão dos Formatado ... [2119]
Excluído: :
chefes políticos, a quem tratava também de agradar. Como se isso
Formatado ... [2120]
não bastasse, havia a fraude eleitoral através da falsificação de atas,
Formatado ... [2121]
do voto dos mortos, dos estrangeiros etc. Essas distorções não eram,
Formatado ... [2122]
aliás, novidade, representando o prolongamento de um quadro que Formatado ... [2123]
vinha da monarquia. Excluído: Fica evidente, que
Formatado ... [2124]
Excluído: d
Diante de tantos argumentos em favor da não participação popular na vida
Formatado ... [2125]
política brasileira, não poderíamos esperar uma sólida organização da Excluído: brasileira,…...nã[2126]
população pobre em benefício de seus direitos, sendo que, até aqueles que Formatado ... [2127]
Excluído: voluntária
podiam votar, abstinham-se muitas vezes de seu direito diante de tamanha
Formatado ... [2128]
fraude eleitoral. Excluído: Nesse contexto, não
Formatado ... [2129]
Excluído: exagerado
Não é incorreto afirmar que a República trouxe certo desencanto para
Excluído: um certo
determinados segmentos da população. Entretanto, não podemos exagerar Formatado ... [2130]
essa apatia, pois muitas formas de lutas foram encontradas pelos Formatado ... [2131]
Excluído: Podemos perceber
... [2132]
trabalhadores na defesa de seus interesses. Na verdade, em algumas
Formatado ... [2133]
ocasiões, a população socialmente menos favorecida encontrava meios não Excluído: ,
Formatado ... [2134]
lícitos para demonstrar seu descontentamento com o governo. A esse respeito,
Excluído: :
Carvalho (1987, p. 80) relata que: Formatado ... [2135]
Excluído: ,…nos ... [2136]
(...) em 1900, um português, Borlido, proprietário de grande parte das Formatado ... [2137]
carroças da cidade, envolveu-se no planejado golpe para derrubar Formatado ... [2138]
Excluído: “
Campos Sales, arquitetado pelos tenentes Vinhaes e Costa Mendes,
Formatado ... [2139]
com o apoio dos monarquistas.
Excluído: e
Formatado ... [2140]
Construir a República sem a participação política da maioria da população foi Excluído: …” ... [2141]
Formatado ... [2142]
uma necessidade da elite brasileira. Nesse aspecto, a extensão da cidadania a
Formatado ... [2143]
Excluído: ,
Formatado ... [2144]
Excluído: e seu povo,
Formatado ... [2145]
Excluído: f
Formatado ... [2146]
Excluído:
Formatado ... [2147]

Formatado ... [2148]


Formatado ... [2150]
72 Excluído: r
Formatado ... [2151]
Excluído: perigoso
Formatado ... [2152]
todos seria imprudente, na medida em que poderiam ocorrer obstáculos para o
Excluído: na medida em que
projeto de modernidade. Formatado ... [2153]
Excluído: se criariam
Formatado ... [2154]
Também a elite, cooptadora do poder do Estado, buscou criar uma identidade
Excluído: seu
nacional que legitimasse o regime republicano, enfatizando o poder da nação Formatado ... [2155]

enquanto propulsor do progresso. Assim, a identidade nacional ligada ao Excluído: ,


Formatado ... [2156]
regime republicano foi sendo construída paralelamente à representação do Excluído: Diante dessa
... [2157]
povo que se queria, pois o mesmo “(...) não se enquadrava nos padrões Formatado ... [2158]
Excluído: ,
europeus nem pelo comportamento político, nem pela cultura, nem pela
Formatado ... [2159]
maneira de morar, nem pela cara” (CARVALHO, 1987, p. 162). Sob tal Excluído: , segundo Carvalho
... [2160]
circunstância, predominava a noção de que tudo que dizia respeito à Europa Formatado ... [2161]
Excluído:
era melhor, inclusive seu povo.
Formatado ... [2162]
Excluído: .

Dar uma nova roupagem ao Brasil, o que seria feito através de um Formatado ... [2163]
Excluído: E como já foi
... [2164]
remodelamento e ordenamento do espaço urbano, e ao seu povo, no que diz
Formatado ... [2165]
respeito à cultura, a normas de comportamentos e ao valor que se queria dar à Formatado ... [2166]
noção de trabalho como forma de redenção social, seriam compromissos da Excluído: Brasil… ... [2167]
Formatado ... [2168]
elite com o Brasil que se queria ter.
Excluído: -
Excluído: e a
Formatado ... [2169]
Essa nova roupagem deveria ser demonstrada dentro e fora do país. Dentro do
Excluído:
país, exaltando-se a República através da criação de símbolos nacionais e de Formatado ... [2170]
uma identidade inerente ao seu povo, ao qual deveria ser incentivado um Formatado ... [2171]
Excluído: assim como,
sentimento de pertencimento à nação. Essa questão se viabilizaria através da
Formatado ... [2172]
busca de certa homogeneidade cultural do povo brasileiro. Excluído: sua
Formatado ... [2173]
Excluído: o seu ... [2174]
Diante da grande diversidade étnica e cultural da população brasileira, a
Formatado ... [2175]
homogeneidade cultural deveria se operar de uma forma que atingisse Excluído: direcionamento

igualmente a todos. Assim, os valores morais, comportamentais e ideológicos Formatado ... [2176]
Excluído: ao trabalho
da burguesia uniriam a nação e o seu povo. Segundo a elite, a população era
Formatado ... [2177]
carente de valores, necessitando ser guiada no sentido de apurar seus Formatado ... [2178]
Excluído: que se queria impor
... [2179]
sentimentos e suas condutas, objetivando o progresso moral. Nessa ótica,
Formatado ... [2180]
Naxara (1998, p. 42), argumenta que: Excluído: o
Formatado ... [2181]
Excluído: ,…própria ... [2182]
Formatado ... [2183]
Excluído: na qual deveria ser
Formatado ... [2184]
Excluído: à
Formatado ... [2185]
Excluído: nação…, de...uma
[2186]
Formatado ... [2187]

Formatado ... [2188]

Formatado ... [2189]


Formatado ... [2194]
73 Formatado ... [2195]
Formatado ... [2196]
Excluído: Assim, fica claro que
Formatado ... [2197]
Excluído: ,
A maior parte do Brasil estava identificada ao campo e ao atraso e
Formatado ... [2198]
somente uma minoria vivia nos centros urbanos e, ainda assim, Excluído: segundo a ...
por[2199]
ela
apenas uma parcela dessa minoria poderia ser identificada à luz e ao Formatado ... [2200]
progresso, como gente capaz de caminhar ao lado do mundo, de ser Excluído: a qual possuía

cidadão do mundo, transpondo as fronteiras da barbárie e da miséria Formatado ... [2201]


Excluído: morais
humana.
Formatado ... [2202]
Formatado ... [2203]
Assim, fica claro que a modernidade que se queria auferir ao Brasil, só poderia Excluído: A

ser direcionada segundo a elite, por ela mesma, possuidora de todas as Formatado ... [2204]
Excluído: , será
características e valores morais capazes de conduzir esse processo.
Formatado ... [2205]
Excluído: usada sobre

Nesse contexto, a ideologia do trabalho deveria ser veiculada às populações Formatado ... [2206]
Excluído: a
socialmente menos favorecidas. Sendo o trabalho aquele que redime e
Formatado ... [2207]
recupera o ser humano de seus vícios, precisava ser um valor agregado ao Excluído: , sendo o trabalho
... [2208]

homem de bem. Segundo o pensamento elitista, quem a ele não se rendia era Formatado ... [2209]
Excluído: pois o mesmo
associado à vadiagem, cabendo à sociedade, através de suas instituições e ao
Formatado ... [2210]
Estado, recuperar esse não trabalhador. Excluído: era visto como
Formatado ... [2211]
Excluído: , trazendo-lhe
... [2212]
Havia todo um aparato ideológico veiculado através de jornais favoráveis ao Excluído: Q

ideário da modernidade, que reproduzia uma imagem negativa do trabalhador Formatado ... [2213]
Excluído: ,…ao vadio,... [2214]
desempregado, ou mesmo, daquele que sem recursos, buscava em
Formatado ... [2215]
determinadas contravenções, como jogos de azar, prostituição e mendicância, Formatado ... [2216]
condições de se manter. Sobre essa questão, uma reportagem publicada no Excluído: dimir
Formatado ... [2217]
jornal Correio da Manhã em 1917 (apud MENEZES, 1996, p.135) relatava:
Excluído: Como cabia
...ao
[2218]
Formatado ... [2219]
Nós queremos falar agora da legião de mendigos, na maior parte Excluído: ideológico,…
... que
[2220]

estrangeiros, que vivem nas nossas praças públicas, nos pontos de Formatado ... [2221]
Excluído: reproduzido
bonde, ou nas vizinhanças de certos estabelecimentos, pedindo
Formatado ... [2222]
esmola e exibindo as suas mazelas por vezes, asquerosas chagas
Excluído: éia
repugnantes que provocam náuseas.
Formatado ... [2223]
Parece que a polícia deveria obrigar a recolherem-se aos hospitais Excluído: e
esses doentes, ou, pelo menos, a proibir severamente que eles Formatado ... [2224]
importunem o público, com a exibição de seu asco. Excluído: associada a
... [2225]
Formatado ... [2226]
Excluído: criar
Formatado ... [2227]
Excluído: ,
Formatado ... [2228]
Excluído: ou ... [2229]
Formatado ... [2230]
Excluído: (j
Formatado ... [2231]

Formatado ... [2232]


... [2233]
Formatado ... [2234]
Formatado ... [2240]
74 Excluído: ¶ ... [2241]
Formatado ... [2242]
Excluído: O
Formatado ... [2243]
Parece também que deveriam ser remetidos para seus países os
Excluído: –
mendigos estrangeiros que para aqui se encaminharam, e que
Formatado ... [2244]
transformam a nossa capital em nova corte dos milagres de
Excluído: -
repugnantes tradições. Formatado ... [2245]
Excluído: próprio

O aparato repressivo (prisões, expulsões de estrangeiros e deportações de Formatado ... [2246]


Excluído: ,
nacionais) associado à legislação da época também auferiu aos desocupados
Excluído: , ao definir vadiagem
... [2247]
e aos acusados de praticar contravenções uma imagem negativa perante a Formatado ... [2248]
sociedade, respaldando, assim, toda uma atitude repressiva do poder público Formatado ... [2249]
Excluído: .
em relação a esses contraventores sociais. O Código Penal brasileiro de 1890
Formatado ... [2250]
associava a vadiagem ao desemprego e a falta de moradia fixa, requisitos Formatado ... [2251]
Excluído: Por outro lado, a
básicos de um bom trabalhador. Segundo essa legislação, vadiagem era:
Formatado ... [2252]
Excluído: ,…ria também
... [2253]
Deixar de exercitar profissão, ofício ou qualquer mister em que ganhe Formatado ... [2254]
a vida, não possuindo meios de subsistência e domicílio certo em que Excluído: o Brasil também
... [2255]
habite; prover a subsistência por meio de ocupação proibida por lei, Formatado ... [2256]
Excluído: …na ... [2257]
ou manifestamente ofensiva da moral e dos bons costumes (apud
Formatado ... [2258]
MENEZES, 1996, p. 132).
Excluído: , e que também o
... [2259]
Formatado ... [2260]
Por outro lado, a elite precisava mostrar no exterior que o Brasil era capaz de Excluído: .

ingressar na civilidade e que aqui existiam segmentos populacionais capazes Excluído: t


Formatado ... [2261]
de assim o fazer, podendo o país oferecer magníficos espetáculos ao mundo
Excluído: ,
exterior como prova de seu desenvolvimento. Formatado ... [2262]
Formatado ... [2263]
Excluído: , agora
Esse foi o caso das exposições universais que já vinham acontecendo desde
Formatado ... [2264]
meados do século XIX, e que delas o Brasil participou a princípio sob os Excluído: o impulso
Formatado ... [2265]
auspícios da monarquia, e no início do século XX, sob a orientação da
Excluído: , pois ali também
República. Tais eventos seriam o ambiente propício para demonstrar produtos Formatado ... [2266]
e mercadorias exóticas criadas pelo povo brasileiro, com sua peculiar Excluído: seria
Formatado ... [2267]
identidade nacional. As exposições também estavam relacionadas com a
Excluído: espetáculos e
demonstração de riqueza e poder político das nações envolvidas, assim como Formatado ... [2268]
a uma ideologia que se baseava no etnocentrismo europeu, dando aos países Excluído: ,…o seu povo
... [2269]
Formatado ... [2270]
que delas participavam a sensação de estarem adentrando no mundo da
Excluído:
modernidade. Segundo Hardman (1991, p. 50), Formatado ... [2271]
Excluído: Essas
Formatado ... [2272]
Excluído: .
Formatado ... [2273]
Excluído: Essas exposições
... [2274]
Formatado ... [2275]
Excluído: vam
Formatado ... [2276]

Formatado ... [2277]

Formatado ... [2278]

Formatado ... [2279]


Formatado ... [2281]
75 Formatado ... [2282]
Formatado ... [2283]
Formatado ... [2284]
Excluído: Em solo brasileiro
Formatado ... [2285]
Tais exibições significaram também uma das primeiras amostras bem Excluído: mudar
sucedidas da cultura de massas, com a montagem de espetáculos Formatado ... [2286]
populares em que se alternam fascinantemente o mistério de Excluído: do país,

territórios exóticos, a magia das artes mecânicas – de suas criaturas Formatado ... [2287]
que se põem em movimento -, os símbolos do orgulho nacional e da Excluído: e… proporcionar um
... [2288]
Formatado ... [2289]
adoração da pátria, o simples desejo de entretenimento e, sobretudo,
Excluído: , aliado a um
o transe lúdico do feitiche-mercadoria.
Formatado ... [2290]
Excluído:

Internamente, mudar as características e as instituições coloniais brasileiras, Formatado ... [2291]


Excluído: reordemamento
proporcionando um reordemamento do espaço urbano e dando um novo
Formatado ... [2292]
direcionamento ao comportamento moral das camadas pobres da população, Excluído: l da população

seriam, segundo a elite, importantes veículos que conduziriam o Brasil ao tão Formatado ... [2293]
Excluído: ,
almejado mundo civilizado.
Formatado ... [2294]
Excluído: Nas primeiras
... [2295]

Ao iniciar o século XX, determinados países europeus estavam passando por Formatado ... [2296]
Excluído: ,
fases de desenvolvimento impressionantes que se refletiam nos aspectos
Formatado ... [2297]
3
econômico, científico, cultural e material. Era a Belle Époque que a Europa Excluído: que se
Formatado ... [2298]
estava vivendo, época em que tudo poderia acontecer, inventar e progredir. A
Excluído: refletiam… ...
em[2299]
seu
crença na capacidade da humanidade tornou-se imensurável. Novas invenções Formatado ... [2300]
surgiam (o telefone, o automóvel, o cinema) proporcionando um aumento dos Excluído: desenvolvimento
Formatado ... [2301]
meios de comunicação e a diminuição das distâncias entre as pessoas e os
Excluído: científico… ...
e [2302]
lugares. Esse desabrochar do mundo europeu era exemplo a ser seguido por Formatado ... [2303]
outros países, inclusive Brasil. Excluído: , as quais ... [2304]
Formatado ... [2305]
Excluído: È
No imaginário da elite européia e por extensão da elite brasileira - com base no Formatado ... [2306]

desenvolvimento industrial, tecnológico e científico - , o mundo era entendido Excluído: (1)


Formatado ... [2307]
como sendo dividido entre sociedades civilizadas e sociedades atrasadas. A
Excluído: em
humanidade - lê-se aí a Europa - , seguia em direção ao progresso e o Brasil Formatado ... [2308]
Excluído: acontecer,…
...se
[2309]
precisava ir ao encontro desse progresso.
Formatado ... [2310]
Excluído: ,
3 Formatado ... [2311]
Esse período (compreendido entre final do século XIX até o início da primeira Guerra em 1914), é
caracterizado por uma nova maneira do homem enxergar o mundo, devido ao grande avanço cientifico e Excluído: a
tecnológico pelo qual estava passando a Europa. Formatado ... [2312]
Excluído: ,
Formatado ... [2313]
Excluído: : o cinema, ...
o [2314]
Formatado ... [2315]
Excluído: deveria
Formatado ... [2316]
Excluído:
Formatado ... [2317]

Formatado ... [2318]


... [2319]
Formatado ... [2320]

Formatado ... [2321]


Formatado ... [2328]
76 Excluído: trouxeram
Formatado ... [2329]
Formatado ... [2330]
Excluído: , fazendo surgir
Excluído: expressões...
do[2331]
O mundo já não era mais o mesmo desde a Revolução industrial. O século XIX Formatado ... [2332]
e as décadas iniciais do século XX trouxeram profundas mudanças políticas, Excluído: a qual se refletia no
Formatado ... [2333]
econômicas, sociais e ideológicas para as cidades européias. Essas mudanças
Formatado ... [2334]
foram acompanhadas por uma nova problemática urbana, visualizada no Excluído: , de empregos

crescimento da população, na falta de moradias, no desemprego, mas, Formatado ... [2335]


Excluído: refletindo-se
também, materializada na urbanização e no reordenamento do espaço urbano.
Formatado ... [2336]
Formatado ... [2337]
Excluído:
Como nesse momento, a Europa e a América estavam se integrando
Formatado ... [2338]
economicamente em razão do desenvolvimento do sistema capitalista - com Excluído: a
uma clara divisão internacional do trabalho -, as transformações que estavam Formatado ... [2339]
Excluído: os países
ocorrendo nas grandes cidades européias como Paris e Londres acabaram se
Formatado ... [2340]
estendendo às cidades americanas e, no nosso caso, às cidades brasileiras. Excluído: american…os
... [2341]
No entanto, sob contextos diferentes. Formatado ... [2342]
Excluído: o Brasil
Formatado ... [2343]
No Brasil, as transformações urbanas (estéticas e sócio-culturais) viabilizaram- Excluído: Aqui

se seguindo modelos e padrões europeus. Todas elas foram direcionadas no Formatado ... [2344]
Excluído: , sejam
sentido de inserir o Brasil no ideário da modernidade, trazendo o progresso até
Formatado ... [2345]
os trópicos. Excluído: ou
Formatado ... [2346]
Excluído: ,
As cidades brasileiras tiveram seu ritmo próprio de crescimento e de Formatado ... [2347]
urbanização. Umas se respaldaram no setor cafeeiro, na industrialização e no Excluído: …as ... [2348]
Formatado ... [2349]
surto imigratório europeu, como foi o caso do Rio de Janeiro e São Paulo.
Formatado ... [2350]
Outras se urbanizaram devido ao setor cafeeiro e ao comércio de exportação e Excluído: ,

importação, sem necessariamente passar por uma expansão industrial e nem Formatado ... [2351]
Excluído: o
por uma grande demanda de imigrantes no meio urbano, como foi o caso da
Formatado ... [2352]
cidade de Vitória. Contudo, um dado foi comum a todas elas: a exclusão das Excluído: , notadamente

camadas socialmente menos favorecidas da população diante do projeto Formatado ... [2353]
Excluído: e o
modernizador.
Formatado ... [2354]
Excluído: exportado

A Europa representava o pólo irradiador da modernidade e as reformas Formatado ... [2355]


Excluído: dor
urbanas que ocorreram em suas capitais estimularam o desejo da elite Formatado ... [2356]
Excluído: , ao buscar ... [2357]
a elite
Formatado ... [2358]
Formatado ... [2359]
Excluído: ,…o…,… ... [2360]
Formatado ... [2361]
Excluído: iam
Formatado ... [2362]
Excluído: nas capitais... [2363]
Formatado ... [2364]
Formatado ... [2366]
77 Excluído: a mesma
Formatado ... [2367]
Excluído: buscasse…a
... [2368]
Formatado ... [2369]
brasileira de igualar o país a esses centros civilizados, fazendo com que as
Excluído: mais…Necessário
... [2370]
suas capitais também passassem por transformações estéticas. Entretanto, Formatado ... [2371]
para que o Brasil se tornasse moderno, seria necessário mais que uma Excluído: de determinados
... [2372]
Formatado ... [2373]
mudança material. Indispensável seria mudar a mentalidade e o
Excluído: estavam
comportamento das camadas menos favorecidas da população, as quais Formatado ... [2374]

segundo o conceito elitista, estavam associadas aos males sociais existentes Excluído: associadas,…
... [2375]
Formatado ... [2376]
na época. Um povo que para a classe dirigente do Brasil não passava do Excluído: ,…os quais ... [2377]
estereótipo de Zé Povinho, de subalternos, de incultos, de culturalmente e Formatado ... [2378]
Excluído: Segundo…:... [2379]
moralmente atrasados e, por isso, precisava ser rapidamente conduzido a outro
Formatado ... [2380]
patamar de valores e condutas morais. Pesavento (1998, p. 70-71) menciona Excluído: :
que: Formatado ... [2381]
Formatado ... [2382]
Formatado ... [2383]
Magro, enfezado, de pele escura, com falta de dentes e cabelos em
Excluído:
desalinho, mal vestido, Zé Povinho compunha o tipo do pobre: Formatado ... [2384]
sofredor, desassistido pelas autoridades, deserdado pelo sistema, Excluído:
lubridiado pelos comerciantes, mero joquete nas mãos dos políticos. Formatado ... [2385]
Seu tipo racial é um tanto indefinido e talvez pudesse ser associado a Excluído: verdade,… ...
no[2386]
Formatado ... [2387]
um mulato. É sobretudo um pobre coitado que só tem deveres –
Excluído: em
trabalhar, pagar impostos – e poucos direitos. Reclamando sempre
Formatado ... [2388]
das autoridades, sem que suas queixas sejam levadas em conta, Zé
Excluído: , segundo Naxara
... [2389]
Povinho se situa no centro da questão da cidadania. Habitante da Formatado ... [2390]
cidade era, contudo, um cidadão de segunda classe. Excluído: “
Formatado ... [2391]
Excluído: ”
Na verdade, reproduzia-se no interior do país o que se via em nível mundial,
Formatado ... [2392]
isto é, a divisão entre países civilizados e países atrasados sob a ótica do Excluído: “

etnocentrismo. No Brasil, essa relação se dava no mesmo âmbito, na medida Formatado ... [2393]
Excluído: ”.
em que “(...) havia uma elite ilustrada, ‘civilizada’ (ao menos parcialmente),
Formatado ... [2394]
contraposta a uma população pobre, ignorante, ‘bárbara’ “ (NAXARA, 1998, p. Formatado ... [2395]
Excluído: E
42).
Formatado ... [2396]
Excluído: poucos ou nenhum
... [2397]
Segundo o imaginário da elite, era essa população pobre, ignorante, com Formatado ... [2398]
Excluído: segundo o ... [2399]
pouco ou nenhum valor moral, que se precisaria disciplinar, impondo,
Formatado ... [2400]
ideologicamente e também por meios coercitivos, os seus pressupostos de Excluído: .

civilidade. Esse pensamento inerente à elite brasileira era respaldado pelas Formatado ... [2401]
Excluído: Esse
Formatado ... [2402]
Excluído: a respeito da
... [2403]
Formatado ... [2404]
78 Excluído: a
Formatado ... [2405]
Excluído: vadiagem…,
... [2406]
Formatado ... [2407]
teorias cientificas, as quais buscavam entender as questões relativas à
Excluído: ess…Enfim,...a [2408]
sociedade, como a miséria urbana, o desemprego, os delitos que se Formatado ... [2409]
expressavam na prostituição, nos jogos de azar, na vadiagem e no alcoolismo, Excluído: xplicadas
Formatado ... [2410]
através do fator biológico e étnico das populações. Sob essa orientação, as
Excluído: e
mazelas sociais e a criminalidade não eram entendidas pelos aspectos Formatado ... [2411]

políticos ou econômicos do país, mas sim, pela deformação genética e cultural Excluído: ,
Formatado ... [2412]
de cada indivíduo. Com tais explicações, isentava-se em grande parte o poder Excluído: sim
público das responsabilidades sociais. Formatado ... [2413]
Excluído:
Formatado ... [2414]
A população que se queria disciplinar com o objetivo de manter a saúde social Excluído: Assim, ... [2415]
abrigava-se nas capitais brasileiras. Formatado ... [2416]
Excluído: Toda essa
Formatado ... [2417]
A corrente imigratória européia e o êxodo rural, ambos estimulados pelo fim do Excluído: era preciso

trabalho escravo, fizeram com que a população urbana de algumas capitais Formatado ... [2418]
Excluído: , para
brasileiras, como Rio de Janeiro e São Paulo, crescesse de forma muito
Formatado ... [2419]
elevada para os padrões urbanos da época. Esse crescimento demográfico Excluído: ,

não foi acompanhado de uma infra-estrutura que pudesse abrigar a população Formatado ... [2420]
Excluído: Estas devido a
que chegava às cidades em busca de melhores condições de vida, pois havia
Formatado ... [2421]
carência de habitações populares, de escolas, de atendimento na área de Excluído: a que se acelerou
... [2422]
Formatado ... [2423]
saúde e de empregos. Enfim, não havia políticas públicas voltadas para a
Excluído: a escravidão
população pobre das cidades brasileiras. Wissenbanch (1998, p. 91) ressalta Formatado ... [2424]
que: Excluído: em conseqüência da
... [2425]
Formatado ... [2426]
Excluído: m…época…,
... [2427]
Nessa época o adensamento da população nas grandes cidades
Formatado ... [2428]
ocorreu sem que houvesse uma correspondência da infra-estrutura Excluído: Tal
citadina e na oferta de empregos e de moradias, transformando esse Formatado ... [2429]
avolumar menos num desenvolvimento e mais num inchaço, o que Excluído: . Assim

acentuou o contraste entre as desigualdades sociais que aí se Formatado ... [2430]


Excluído: de
fizeram presentes.
Formatado ... [2431]
Excluído: uma
A ausência de uma infra-estrutura e a carência de políticas públicas que Formatado ... [2432]
Excluído:
sanassem ou diminuíssem as dificuldades de vida das populações pobres,
Formatado ... [2433]
Excluído: Sobre esse...
aspecto
[2434]
Formatado ... [2435]
Excluído: :
Formatado ... [2436]
Formatado ... [2437]
Formatado ... [2438]
Formatado ... [2439]
Excluído: ... [2440]
Formatado ... [2441]
... [2442]
Excluído: grande

79 Formatado ... [2443]


Formatado ... [2444]
Formatado ... [2445]
Excluído: , o que levava a
... [2446]
davam à elite a impressão de desordem, levando-a ao temor de revoltas
Excluído: … enxergar... [2447]
sociais e a olhar o pobre como um indivíduo perigoso. Formatado ... [2448]
Formatado ... [2449]
Excluído: Na verdade,...no
[2450]
Perigoso era aquele indivíduo que não trabalhava, ou melhor, que não queria
Formatado ... [2451]
trabalhar. Na ideologia liberal, o trabalho é acessível a todos que estão Excluído:

dispostos a ter uma atividade remunerada, sendo, o mesmo, responsável pelo Formatado ... [2452]
Excluído: ser …aótica...elitista,
[2453]
progresso material e moral do homem em uma sociedade. Dessa maneira, o Excluído: quem
trabalho deveria ser incentivado e o seu valor moral incorporado pelos Formatado ... [2454]
Formatado ... [2455]
trabalhadores. Ao contrário, o indivíduo que não exercesse uma atividade
Excluído: ,…seria ... [2456]
formal remunerada era associado à ociosidade, e a mesma no sistema Formatado ... [2457]
capitalista deveria ser combatida, pois era um obstáculo ao desenvolvimento Excluído: ociosidade
Formatado ... [2458]
da produção. Essa versão que figurava no imaginário da elite foi responsável
Excluído: , foi
pela criação e perpetuação da ideologia da vadiagem. Formatado ... [2459]
Excluído: em, a qual precisaria
... [2460]
Formatado ... [2461]
Essa ideologia associou o pobre ao malfeitor, ao perigoso, ao marginal e à
Excluído: A
criminalidade. Sua construção acarretou uma série de repressões aos Formatado ... [2462]
indivíduos que não se enquadravam socialmente ao trabalho e às normas Excluído: construção ...
da[2463]
Formatado ... [2464]
burguesas. As relações que permeavam essas questões, para Chalhoub (1998,
Excluído: , ao não trabalhador
p. 23) eram determinantes no quadro social. Formatado ... [2465]
Excluído: , o que
Formatado ... [2466]
Assim é que a noção de que a pobreza de um indivíduo era fato
Excluído: irá acarretar
suficiente para torná-lo um malfeitor em potencial teve enormes
Formatado ... [2467]
conseqüências para a história subseqüente de nosso país. Este é, por Excluído: esse
exemplo, um dos fundamentos teóricos da estratégia de atuação da Formatado ... [2468]
polícia nas grandes cidades brasileiras desde pelo menos as Excluído: corretamente

primeiras décadas do século XX. A polícia age a partir do pressuposto Formatado ... [2469]
Excluído: à sociedade
da suspeição generalizada, da premissa de que todo cidadão é
Formatado ... [2470]
suspeito de alguma coisa até prova em contrário e, é lógico, alguns
Excluído: Segundo…:... [2471]
cidadãos mais suspeitos do que outros.
Formatado ... [2472]
Excluído: :

Ser pobre no Brasil de então não era resultado de um sistema de produção que Formatado ... [2473]
Formatado ... [2474]
negava oportunidades políticas, econômicas e sociais a um determinado
Formatado ... [2475]
segmento populacional. Ser pobre era conseqüência de um vício, de uma Excluído: torna-lo
Formatado ... [2476]
degeneração moral ou de uma não aptidão para o trabalho. Entretanto, os
Formatado ... [2477]
Excluído: ra visto como
Formatado ... [2478]
Excluído: ,
Formatado ... [2479]
Excluído:
Formatado ... [2480]
80
Excluído: eria
Formatado ... [2481]
Excluído: honesto…, ...
que[2482]
era
pobres seriam encarados de acordo com a sua ocupação no mercado de Formatado ... [2483]
trabalho: havia o pobre honesto, possuidor de um trabalho formal, e havia o Excluído: a
Formatado ... [2484]
pobre chegado aos vícios em razão de sua condição de não trabalhador. Esse
Excluído: s
último deveria ser combatido e disciplinado para a manutenção da ordem no Formatado ... [2485]
país. Seguindo essa orientação, o poder público passou a exercer um rígido Excluído: Nesse contexto,
Formatado ... [2486]
controle social sobre a vida do trabalhador. Esse controle foi efetuado pelo
Excluído: Estado
aparato policial. Formatado ... [2487]
Excluído: a
Formatado ... [2488]
Ao mesmo tempo, o patronato buscou colocar em prática uma efetiva vigilância
Excluído: agir no sentido
... [2489]
no interior das fábricas. Assim, a fábrica passou a ser vista “(...) como centro Formatado ... [2490]
Excluído: a
de um conjunto de operações de disciplina e regulamentação da vida, o que
Excluído: ícia
implica dizer, de adestramento de corpos e mentes” (PESAVENTO, 1998, p. Formatado ... [2491]
30). Excluído: e por u…m ...
rígido
[2492]
Formatado ... [2493]
Excluído: é a fábrica
A relação que se fazia entre trabalho/dignidade/progresso estava também Formatado ... [2494]
associada a questões étnicas. Como havia uma preferência pelo trabalhador Excluído: .
Formatado ... [2495]
europeu nas indústrias e mesmo no setor rural, o trabalhador nacional, em
Formatado ... [2496]
grande parte composto por negros e mulatos, ficava de certa forma quase que Excluído: Essa

excluído do mercado formal de trabalho, resultando na sua associação à Formatado ... [2497]
Excluído: ,…clara preferência
... [2498]
vadiagem. Enquanto o imigrante com um papel social bem definido era
Formatado ... [2499]
associado ao trabalhador honesto. De acordo com Borges (1994, p. 70): Excluído: quase que
Formatado ... [2500]
Excluído: o que resultava
O censo de 1893 realizado na capital de São Paulo aponta que os
Formatado ... [2501]
estrangeiros constituíam 54,6% da população total e um índice ainda
Excluído: à
maior da força de trabalho. Dos 10.241 trabalhadores classificados Formatado ... [2502]
como artesãos (os operários da construção civil devem ter sido Excluído: e ao gosto ...
pelo não
[2503]
incluídos nessa categoria), 85,5% nasceram no exterior. Na Formatado ... [2504]
manufatura, 79,6% eram imigrantes; nos transportes e setores afins, Excluído: Sobre este ...
contexto,
[2505]
Formatado ... [2506]
81%; no comércio, 71,6%.
Formatado ... [2507]
Formatado ... [2508]
A busca por empregos foi uma constante na vida do trabalhador urbano. Excluído: comércio,
Formatado ... [2509]
Aquele que não encontrava um trabalho regular ou encontrava-se
Formatado ... [2510]
momentaneamente desempregado, via-se obrigado a sobreviver do trabalho Excluído: , era
Formatado ... [2511]
Formatado ... [2512]
81 Excluído: o qual não era bem
... [2513]
Formatado ... [2514]
Excluído: pois, por não ser
... [2515]
Formatado ... [2516]
informal e temporário. Esse era um tipo de atividade discriminada pelas
Excluído: ,
autoridades citadinas, pois não enquadrava o indivíduo ao mercado de trabalho Formatado ... [2517]
regular e não o colocava na condição de homem de bem perante a sociedade. Excluído:
Formatado ... [2518]
Dessa maneira, nas capitais brasileiras durante a Primeira República era
Excluído: ria os seus ... [2519]
comum encontrar nas ruas os mais variados tipos de pessoas que viviam do Formatado ... [2520]

trabalho informal: vendedores ambulantes, catraieiros, lavadeiras, quituteiras, Excluído: ns


Formatado ... [2521]
jardineiros, capinadores de quintais e empregadas domésticas, sendo que Excluído: no início do...
século
[2522]
essas últimas, durante boa parte do século XX, ainda seriam tratadas na Formatado ... [2523]
Excluído: das grandes
... [2524]
condição similar a de escravas. Sobre essa questão, Andreus (1998, p. 115)
Formatado ... [2525]
nos conta que: Excluído: ,
Formatado ... [2526]
Excluído: t
Dona Risoleta, uma mulher afro-brasileira, que trabalhou como
Formatado ... [2527]
empregada doméstica durante as décadas de 1910 a 1920, recorda
Excluído: tratadas na ...
condição
[2528]
que começava às 4h da manhã e só terminava tarde da noite. O
Formatado ... [2529]
controle de seus patrões sobre sua vida era quase total: “Nunca pude Excluído: :
acompanhar as notícias, assistir às festas e movimentos da cidade Formatado ... [2530]
quando trabalhava. A gente ficava seis meses sem ver a cara da rua! Excluído: nos…mostra
...que:
[2531]
Sempre tinha serviço e sábado, e domingo era o dia em que se Formatado ... [2532]

trabalhava mais; ia fazer doces, biscoitinhos, sequilhos, porque Formatado ... [2533]
Excluído: O trabalhador
... [2534]
domingo a família toda reunia.”
Formatado ... [2535]
Excluído: instabilidade...em que
[2536]
Na ausência de uma qualificação profissional e devido à instabilidade em que Formatado ... [2537]
vivia, não podia o trabalhador informal contar sempre com a remuneração de Excluído: S
Formatado ... [2538]
seu trabalho. Portanto, a incerteza quanto a esse tipo de ganho era imensa, e
Excluído: por
sua sobrevivência se fazia dia a dia, na busca de um retorno financeiro. Formatado ... [2539]
Excluído:
Formatado ... [2540]
Em determinadas funções como as de capinadores de quintais e lavadores de
Excluído: muitos casos,
casas, o trabalho dava-se em troca da comida diária. Nesse quadro, a busca Formatado ... [2541]
Excluído:
pela sobrevivência levava esses trabalhadores a percorrerem grandes
Formatado ... [2542]
distâncias nas cidades, perambulando pelas ruas com suas aparências Excluído: , muitas das... [2543]
famintas e mal trajadas, levando a quem os observava um sentimento de medo Formatado ... [2544]
Excluído: Sobre esse assunto,
ou de caridade. Segundo Borges (1994, p. 155-156),
Formatado ... [2545]
Excluído: :
Formatado ... [2546]
Excluído: 3
Formatado ... [2547]
Excluído: 3
Formatado ... [2548]
Excluído: ressalta a seguinte
... [2549]
Formatado ... [2550]
82

Formatado: Fonte: (Padrão)


A imposição vital de gerar um mercado que remunerasse, mesmo
Arial, Não Sobrescrito/
que parcamente, a sua força de trabalho e lhe propiciasse sobreviver, Subscrito
Formatado: Recuo: À
já que, se permanecesse inativo e desempregado, morreria de fome,
esquerda: 4,02 cm
fez com que o trabalhador pobre procurasse explorar, introduzindo a
Formatado: Fonte: (Padrão)
cada dia novos produtos, um amplo comércio de “tostões” (...). A Arial
capacidade de criar novos meios informais de ganho não deixa de Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, 12 pt
constituir a cultura de resistência do homem marginalizado pela
Formatado ... [2551]
barbárie de um capitalismo selvagem que o condenava a perecer no
Formatado ... [2552]
desemprego crônico.
Formatado ... [2553]
Excluído:

Muitos indivíduos que viviam dos trabalhos temporários eram alvos da caridade Formatado ... [2554]
Formatado ... [2555]
alheia. Retirar esses pobres das ruas e muitas vezes da mendicância, foi tarefa Excluído: /ou
de entidades públicas e particulares com objetivos filantrópicos. Essas Formatado ... [2556]
Excluído: e tirar das ruas
entidades buscavam socorrer pessoas que não tinham condições de ter uma
Formatado ... [2557]
vida digna nas ruas. Ainda no entendimento de Borges (1994, p. 233-234), Excluído: Segundo
Excluído: :
Formatado ... [2558]
Inúmeras associações de socorro e beneficência ligadas a
Excluído: :
repartições de paróquias e vinculadas à Igreja, outras criadas por
Formatado ... [2559]
grupos de operários da mesma nacionalidade ou de bairro prestavam
Formatado ... [2560]
assistência aos indigentes, aos desempregados e aos trabalhadores Formatado ... [2561]
famintos em sérias dificuldades financeiras. Distribuíam víveres, Formatado ... [2562]
vestuário, recolhiam crianças, velhos para a hospitalização gratuita Formatado ... [2563]
(...). A intensa proliferação de entidades privadas e estatais de cunho Formatado ... [2564]

assistencial fora insuficiente para abrigar e dar auxílio ao número Formatado ... [2565]
Excluído: ,
assustador de mendigos que batiam as suas portas. As instituições
Formatado ... [2566]
beneficentes: albergues, asilos, hospícios, hospitais, instrumentos
Formatado ... [2567]
formais da caridade burguesa, eram incapazes de atender a uma
Formatado ... [2568]
população de indigentes que se multiplicava periodicamente. Formatado ... [2569]
Formatado ... [2570]
Excluído:
Nas primeiras décadas republicanas, presenciou-se nas cidades um
Formatado ... [2571]
crescimento populacional, que além de gerar grande desemprego, fez com que Excluído: es empregados

emergissem algumas questões sociais nunca vistas em tão grande dimensão. Formatado ... [2572]
Formatado ... [2573]
Formatado ... [2574]
A questão habitacional foi um dos mais graves problemas enfrentados pelos Excluído: ao mercado

trabalhadores urbanos, sejam eles, empregados regularmente no mercado de Formatado ... [2575]
Excluído: de trabalho
trabalho, sejam eles, integrados de forma informal a esse mercado.
Formatado ... [2576]
Formatado ... [2578]
83 Formatado ... [2579]
Excluído: devido a alta
... dos
[2580]
Formatado ... [2581]
Excluído: a carestia
Formatado ... [2582]
Muitas das reivindicações feitas pelos operários em prol de melhorias salariais Excluído: , pois n

estavam relacionadas à alta dos preços dos alimentos, e principalmente, dos Formatado ... [2583]
Excluído: ,… ... [2584]
aluguéis. Isso porque, nesse período não havia um efetivo mercado imobiliário
Formatado ... [2585]
voltado para a construção de habitações populares e nem os trabalhadores Excluído: Isso quer dizer que,
... [2586]

tinham recursos financeiros para comprar a casa própria. Nesse contexto, o Formatado ... [2587]
Excluído: A habitação,...será
[2588]
crescimento demográfico verificado nas grandes cidades não encontrou
Formatado ... [2589]
ressonância no mercado imobiliário. Formatado ... [2590]
Excluído: res nas
Formatado ... [2591]
As precárias condições de moradias das populações pobres nas capitais Excluído:
brasileiras estavam atreladas aos baixos salários e aos subempregos a que Formatado ... [2592]
Excluído: s – as quais...eram
[2593]
estavam submetidas, sendo que os custos das moradias absorviam grande
Formatado ... [2594]
parte do salário do trabalhador. Excluído: estavam ... [2595]
Formatado ... [2596]
Formatado ... [2597]
Eram características das moradias populares: o viver aglomerado e o viver
Excluído: ,
compartilhado de seus habitantes. Ai, as pessoas participavam de um mundo Formatado ... [2598]
comum, sendo cúmplices do cotidiano. Formatado ... [2599]
Excluído: esse locais ...
de[2600]
Formatado ... [2601]
Nas habitações compartilhadas conviviam os mais diferentes grupos étnicos, Excluído: ,…Aí se ... [2602]
Formatado ... [2603]
desde os imigrantes de várias nacionalidades até o nacional branco, mulato ou
Excluído: compartilhavam
negro. Nesses locais dividiam-se infortúnios, alegrias, tristezas, crenças e lutas Formatado ... [2604]
cotidianas, sendo que, o universo cultural dessa população não era aceito pela Excluído: lutas cotidianas e …,
... [2605]
Formatado ... [2606]
moral burguesa e nem pelo poder público. Dessa maneira, muitas vezes era
Excluído: s…is, ... [2607]
colocada em prática uma repressão contra os capoeiras e os curandeiros, Formatado ... [2608]
considerados perigosos à sociedade. Nesse ideário Chalhoub (1996, p. 181) Excluído: ao quais
Formatado ... [2609]
faz a seguinte observação:
Excluído: m…s…, ... [2610]
Formatado ... [2611]
O mundo das “classes perigosas” estava repleto de sobrevivências Excluído: o qual… punha
... [2612]
culturais que precisavam ser erradicadas para abrir caminho ao Formatado ... [2613]
Excluído: Segundo…:... [2614]
progresso e à civilização – havia hábitos condenáveis nas formas de
Formatado ... [2615]
morar, de vestir, de trabalhar, de se divertir, de curar, etc., muitos
Excluído: :
deles mais abomináveis ainda porque manifestações das raízes
Formatado ... [2616]
culturais negras disseminadas nas classes populares. Formatado ... [2617]
Excluído: das classes
Formatado ... [2618]
Excluído:

84 Excluído: , que tanto ... [2620]


Excluído: s…is pela mesma
... [2621]
Excluído: ,
Formatado ... [2622]
Formatado ... [2623]
Esse viver coletivo em oposição ao privado era considerado amoral pela elite e
Formatado ... [2624]
acabava se chocando com os seus valores morais. Formatado ... [2625]
Excluído: m
Formatado ... [2626]
As habitações coletivas abrigavam os mais variados tipos de pessoas, desde o Excluído: s burgueses...da
[2627]
trabalhador honesto, até aquele considerado pernicioso ao convívio social. De Formatado ... [2628]
Excluído: modo de vid
acordo com Backheuser (apud Wissenbach, 1998, p. 103),
Excluído: , abrigavam
Formatado ... [2629]
Trabalhadores, carroceiros, homens ao ganho, catraieiros, caixeiros Excluído: s mai
de bodegas, lavadeiras, costureiras de baixa freguesia, mulheres de Formatado ... [2630]
vida reles, entopem as casa de cômodos (...) velhos casarões de Formatado ... [2631]
muitos andares, divididos e subdivididos por um sem número de Excluído: , por se enquadrar
... [2632]
Formatado ... [2633]
tapumes de madeira, até nos vãos dos telhados entre a cobertura
Excluído: :
carcomida e o forro carunchoso. Às vezes, nem as divisões de
Formatado ... [2634]
madeira, nada mais que sacos de aniagem estendidos verticalmente
Formatado ... [2635]
em septos permitindo quase a vida em comum (...).
Formatado ... [2636]
Formatado ... [2637]
Os cortiços foram a maior representação do viver coletivo no Brasil. Desde a Excluído: catraeiros
Formatado ... [2638]
época do Império reproduziam-se no Rio de Janeiro, tornando-se local de
Formatado ... [2639]
moradias de negros alforriados. A partir da segunda metade do século XIX, Formatado ... [2640]
sua proliferação se deu de forma mais intensa, isso porque passou a se Excluído: , eram
Formatado ... [2641]
constituir em moradias de imigrantes europeus e de escravos libertos que
Excluído: a
migravam do campo para as cidades. Com o aumento do número de operários, Formatado ... [2642]

devido ao incentivo à industrialização, houve uma maior expansão desse tipo Excluído: Estes, d
Formatado ... [2643]
de habitação popular. Excluído: se…m ... [2644]
Formatado ... [2645]
Excluído: também…is... [2646]
No imaginário da elite, o viver compartilhado das camadas socialmente menos
Formatado ... [2647]
favorecidas era responsável por uma série de vícios e degenerações morais, Excluído:
as quais só poderiam ser vencidas por meios coercitivos, o que foi feito através Formatado ... [2648]
Excluído: ,
das várias demolições de cortiços. O exemplo mais típico da violência usada
Formatado ... [2649]
pelo poder público no combate ao viver coletivo foi a demolição do cortiço Excluído: …será ... [2650]
Cabeça de Porco no ano de 1893 na cidade do Rio de Janeiro, deixando Formatado ... [2651]
Excluído: que chegavam ao
... [2652]
mulheres, homens e crianças desalojadas e sem nenhum tipo de ajuda por
Formatado ... [2653]
parte do governo estadual. Excluído: cidades…, os quais
... [2654]
Formatado ... [2655]
Excluído: um maior ... [2656]
Formatado ... [2657]
Excluído: do número de
... [2658]
Formatado ... [2659]
Excluído:
Formatado ... [2660]
Excluído: O
Formatado ... [2661]
... [2662]
Formatado ... [2663]
... [2664]
Formatado ... [2665]
Formatado ... [2672]
85 Excluído: as
Excluído: primeiras,
Formatado ... [2673]
Formatado ... [2674]
Formatado ... [2675]
As habitações coletivas contrastavam com os palacetes em que vivia a elite Excluído: ,

brasileira. No viver compartilhado das habitações coletivas, o público se Formatado ... [2676]
Excluído: seria
impunha ao privado, pois eram nos afazeres diários, como nas lavagens de
Formatado ... [2677]
roupas nos tanques dos cortiços, que o privado se tornava público devido a Excluído: coletivos…...
por[2678]

grande proximidade que se estabelecia entre as pessoas. Eram nesses Formatado ... [2679]
Excluído: pelas lavadeiras…,
... [2680]
ambientes que provavelmente se trocavam receitas, confidências, que se Excluído: ,…a ... [2681]
chorava a morte de um filho, que se reclamava das traições dos maridos ou da Formatado ... [2682]
Formatado ... [2683]
carestia do custo de vida. No entanto, outra realidade expressava a forma de
Excluído: dava
habitar da elite: o palacete era o “(...) reduto da intimidade, regido pelos laços Formatado ... [2684]
de afeto e das leis da família” (PESAVENTO, 1998, p. 84). Excluído: Eram n
Formatado ... [2685]
Excluído: que
Em oposição à forma coletiva de habitar das camadas menos favorecidas da Formatado ... [2686]
população encontravam-se a elite e o poder público. De fato, esse tipo de Excluído: m…vida.… ... [2687]
Formatado ... [2688]
moradia dificultava um maior controle que se queria exercer sobre esse
Excluído: O
segmento social, além da mesma ser considerada um ambiente propício para a Formatado ... [2689]
proliferação de vícios e epidemias. Sob essa ótica, “(...) os cortiços são vistos Excluído: segundo de...acordo
[2690]
Formatado ... [2691]
tanto como um problema para o controle social dos pobres quanto como uma
Excluído: “
ameaça para as condições higiênicas da cidade” (CHALHOUB, 1996, p. 31). Formatado ... [2692]
Excluído: .
Formatado ... [2693]
A construção das vilas operárias iniciadas no final do século XIX foi uma Formatado ... [2694]
iniciativa que se contrapôs ao viver aglomerado nos cortiços e nos casarões de Excluído:
Formatado ... [2695]
cômodos. Nessa forma de habitação efetivou-se um maior controle sobre a
Excluído: a essa
vida social e trabalhista do operário, na medida em que as casas eram Formatado ... [2696]
individualizadas para cada família e dentro de um padrão de higiene e de Excluído: viver…,…stavam
... [2697]
Formatado ... [2698]
disciplina que se queria impor aos trabalhadores. Nesse contexto, privilegiou-
Excluído: social…dessa
... [2699]
se o ambiente privado e o viver em família, que para a moral burguesa era Formatado ... [2700]
considerada a célula essencial da sociedade, responsável pela formação do Excluído: e
Formatado ... [2701]
caráter de um indivíduo. A esse respeito, Siqueira (2004, p. 5) faz a seguinte
Excluído: . Segundo Chalhoub
... [2702]
observação: Formatado ... [2703]
Excluído: .
Formatado ... [2704]
Um dos mais evidentes exemplos da República Velha nas tentativas
Formatado ... [2705]
de controle e disciplina do cotidiano operário é representado pelo
Excluído: s…ões…e ... [2706]
Formatado ... [2707]
Excluído: ,…XIX…, ... [2708]
Formatado ... [2709]
Excluído: podem ser ... [2710]
Formatado ... [2711]
Excluído: d
Formatado ... [2712]

Formatado ... [2713]

Formatado ... [2714]


... [2715]
Excluído: A construção
... de
[2720]
86 Excluído: ,
Excluído: será
Formatado ... [2721]
Formatado ... [2722]
modelo de vila operária, se opondo (no discurso oficial) à desordem
Formatado ... [2723]
estabelecida nos cortiços (...).
Excluído: os quais…ão
... [2724]
Formatado ... [2725]
Esse tipo de construção em cidades como São Paulo foi uma iniciativa dos Excluído: locais
Formatado ... [2726]
industriais, que passaram a construir suas fábricas em regiões mais afastadas
Excluído: o
dos centros urbanos, como forma de trazer os operários para perto de seu Formatado ... [2727]
trabalho. Ao mesmo tempo, buscou-se afastar as camadas pobres dos centros Excluído: e, ... [2728]
Excluído: trabalhadores
urbanos das grandes capitais. Isso porque, esses locais estavam se tornando
Formatado ... [2729]
pólos administrativos, políticos e comerciais. Siqueira (2004, p. 5), analisa a Formatado ... [2730]

construção das vilas operárias sobre o seguinte aspecto: Excluído: as


Formatado ... [2731]
Excluído: fábricas, já...
que a
[2732]
Na verdade, essas vilas não se estabeleciam com o intuito humanista Formatado ... [2733]
ou altruísta, sendo as casas alugadas, não havia ônus para o Excluído: ao mesmo tempo

industrial, pois normalmente o aluguel era descontado nos salários, Formatado ... [2734]

representando assim um investimento lucrativo (...). Excluído: em que se buscava


Formatado ... [2735]
Excluído: na medida em que,
Formatado ... [2736]
Por outro lado, morar em uma vila operária tirava do trabalhador a constante
Excluído: os mesmos
preocupação com a questão habitacional, pois nas primeiras décadas do Formatado ... [2737]
século XX havia uma carência muito grande de moradias populares e os Excluído:
Excluído: :
aluguéis eram muito caros. Segundo Blay (1985, p. 145),
Formatado ... [2738]
Excluído:

Para o operário, esta casa era um favor especial, desejado, Formatado ... [2739]

esperado. Significava morar perto do trabalho, ter casa e emprego Formatado ... [2740]
Excluído: enfoca essa...questão
[2741]
garantido, ter salário certo. Significava, portanto, livrar-se da
Formatado ... [2742]
insegurança econômica, dos cortiços, das moradias em cômodos ou
Excluído: ¶
da convivência forçada com muitas famílias. Significava compartilhar
Formatado ... [2743]
da propriedade privada sem ser proprietário. Formatado ... [2744]
Excluído: Morar
Formatado ... [2745]
Trabalhar numa fábrica e morar perto dela trazia por parte do empregador e
Excluído: nas
locatário um controle sobre a vida do operário, na medida em que o mesmo era Formatado ... [2746]
supervisionado dentro e fora de seu ambiente de trabalho. No primeiro caso, o Excluído: s…s …tirava
... [2747]
Formatado ... [2748]
controle se efetuava através de uma rígida disciplina de horários, de
Excluído: d
regulamentos a cumprir e de uma organização da produção. No segundo, o Formatado ... [2749]
Excluído: da moradia…, pois,
... [2750]
Formatado ... [2751]
Excluído: ,…,… mesmo
... [2752]
Formatado ... [2753]
Excluído: :
Formatado ... [2754]
Formatado ... [2755]
Excluído:
Formatado ... [2756]
Formatado ... [2757]
... [2758]
Formatado ... [2759]

Formatado ... [2760]


Formatado ... [2765]
87 Excluído: , pois muitas
...das
[2766]
Formatado ... [2767]
Excluído: segundo…:... [2768]
Formatado ... [2769]
controle se dava através de toda uma postura de comportamentos imposta aos
Excluído:
moradores de uma vila operária. Na análise de Hardman (1991, p. 199): Formatado ... [2770]
Formatado ... [2771]
Excluído: O
Os terrenos desses domínios agro-industriais (em sua grande parte do
Formatado ... [2772]
setor têxtil) eram cercados por muros e tinham suas entradas
Excluído: sua
guardadas; havia estrito controle de movimentação de pessoas, com
Formatado ... [2773]
horários fixos para ir e vir. Excluído: ter…, podemos
... [2774]
Excluído: se submetia...a [2775]
um

Em determinadas ocasiões, o preço que o operário pagava por uma moradia e Formatado ... [2776]
Excluído: , pois, precisava ele
... [2777]
por um trabalho era a quase perda de sua liberdade de escolha. Numa época
Formatado ... [2778]
em que o não trabalhador recebia o estereótipo de vadio e, sendo por isso, alvo Formatado ... [2779]
Excluído: não trabalhador
de uma grande repressão por parte da polícia, não podemos deixar de pensar
Formatado ... [2780]
que de certa maneira seu poder de reivindicação era limitado. Atrelada a essa Excluído: e por isso,
questão, havia o constante receio do desemprego e da falta de moradia. Esse Formatado ... [2781]
Excluído: -, sem querer dizer
... [2782]
controle fabril e ideológico, não destoava do controle a que o operário estava
Formatado ... [2783]
submetido na sociedade, o qual se dava através de rígidas e padronizadas Excluído: ,… ... [2784]
regras de comportamento. Formatado ... [2785]
Excluído: as
Formatado ... [2786]
As dificuldades pelas quais passavam as camadas pobres da população eram Excluído: va

ainda mais agravadas pelo fato de que as cidades não ofereciam uma infra- Excluído: .
Formatado ... [2787]
estrutura que correspondesse à demanda populacional que crescia em grandes
Formatado ... [2788]
proporções. Excluído: Este
Formatado ... [2789]
Excluído: ,
As populações que se amontoavam pelas grandes cidades tinham nas ruas o
Formatado ... [2790]
seu espaço de expressão e de sociabilidade. Era nas ruas que suas crenças, Excluído: …stava sendo
... [2791]
Formatado ... [2792]
suas culturas, suas manifestações se encontravam. Era também nas ruas que
Formatado ... [2793]
os famintos urbanos buscavam saciar a sua fome e buscar refúgio, pois,as Formatado ... [2794]
mesmas serviam de moradias aos desabrigados. Enfim, era nas ruas que os Excluído: como já foi... [2795]
Formatado ... [2796]
desfavorecidos sociais buscavam socorro. Segundo Borges (1994, p. 222-223),
Excluído: ,…a qual ... [2797]
Formatado ... [2798]
A rua, muitas vezes, além de ser o local para ganhar o pão de cada Excluído: Essas

dia, era o espaço de moradia dos indigentes sem família e sem Formatado ... [2799]
Excluído: ,…, ... [2800]
domicílio, quando estes não recorriam aos albergues noturnos
Formatado ... [2801]
existentes na capital, pois apesar do grande número destas entidades
Excluído: s… …e. Era... [2802]
Formatado ... [2803]
Excluído: , ou seja,
Formatado ... [2804]
Excluído: se buscava...
o [2805]
Formatado ... [2806]
Excluído: :
Formatado ... [2807]

Formatado ... [2808]


Formatado ... [2809]
Formatado ... [2810]
Formatado ... [2811]
Formatado ... [2813]
88 Excluído: as mais diversas
... [2814]
Excluído: ,… …– ... [2815]
Formatado ... [2816]
Excluído: . N
assistenciais elas eram incapazes de comportar todos os
Formatado ... [2817]
desabrigados.
Formatado ... [2818]
Formatado ... [2819]
Excluído: s,
As ruas acolhiam uma grande diversidade étnica e cultural. Nelas transitavam Formatado ... [2820]

os nacionais (ex-escravos, mulatos, brancos) e os imigrantes europeus, Excluído: - …. Enfim, ...


as[2821]
ruas
Formatado ... [2822]
constituindo-se em espaços de sociabilidade dessa população, que “(...) as
Excluído: os
usam para criar uma rede de relações, uma estrutura de sociabilidade, que Excluído: locais
Formatado ... [2823]
será vital na sua luta por um lugar na cidade” (PECHMAN, 1994, p. 30).
Excluído:
Formatado ... [2824]
Durante as primeiras décadas republicanas era nas ruas que as camadas Excluído: de acordo com
... [2825]
Formatado ... [2826]
populares exerciam sua liberdade e onde a cultura popular manifestava-se,
Formatado ... [2827]
mesmo que vigiada e reprimida pelo poder público. Contudo, diz Chalhoub Excluído: .

(1996, p. 181): Formatado ... [2828]


Formatado ... [2829]
Excluído: Na verdade, a rua
O mundo das “classes perigosas” estava repleto de sobrevivências Formatado ... [2830]
culturais que precisavam ser erradicadas para abrir caminho ao Excluído: n
progresso e à civilização – havia hábitos condenáveis nas formas de Formatado ... [2831]
morar, de vestir, de trabalhar, de se divertir, de curar etc., muitos Excluído: ,…onde ... [2832]

deles mais abomináveis ainda porque manifestações das raízes Formatado ... [2833]
Excluído: , era também
culturais negras disseminadas nas classes populares.
Formatado ... [2834]
Excluído: –
Viver nas ruas oferecia também grandes perigos para as camadas populares. Formatado ... [2835]
Excluído: :
Sobre essa questão, Wissenbanch (1998, p. 127) descreve que,
Formatado ... [2836]
Excluído: ,
Viver nas precárias condições das cidades, cercados por ameaças de Formatado ... [2837]
diferentes proveniências, epidemias, inimigos e rivais, intimidação Formatado ... [2838]
constante de ser preso como desclassificado eram, entre outros, Formatado ... [2839]
Formatado ... [2840]
desafios freqüentes que demandavam proteção regular que se
Formatado ... [2841]
buscava por meio do “fechamento do corpo”, da posse de amuletos e
Formatado ... [2842]
patuás, nos quais traziam suas orações, muitas delas quase iguais,
Excluído: nos diz…: ... [2843]
aquelas que usavam os homens do interior ou ainda similares às que Formatado ... [2844]
portavam as populações desde as longínquas épocas da colônia. Excluído: :
Formatado ... [2845]

Para coibir comportamentos perigosos foram criados mecanismos sociais que Formatado ... [2846]
Formatado ... [2847]
buscavam frear atitudes consideradas desviantes pela elite e pela ciência. Tais Excluído: n
Formatado ... [2848]
Excluído: l…ongíquas... [2849]
Formatado ... [2850]
Formatado ... [2851]
Excluído:
Formatado ... [2852]
Excluído: perigosos…,
... [2853]
Formatado ... [2854]
... [2855]
Formatado ... [2856]
Formatado ... [2857]
89 Excluído: os
Formatado ... [2858]
Excluído: proibia-se
Formatado ... [2859]
mecanismos de controle também podiam ser verificados nos Códigos de
Excluído: punia-se
Posturas Municipais, os quais regulamentavam comportamentos, atitudes e Formatado ... [2860]
normas de convívio social. Assim, combatia-se a mendicância, punia-se quem Formatado ... [2861]
Excluído: considerada... [2862]
praticasse os jogos de azar, repreendia-se a prostituição e estabelecia-se
Formatado ... [2863]
horários para o funcionamento de bares, restaurantes e casas noturnas. Formatado ... [2864]

Nesses casos, a polícia era o agente legitimador da ordem. Excluído: Na verdade,


Formatado ... [2865]
Excluído: t
Era essa cidade e seus agentes que o ideário modernizador dos primeiros Formatado ... [2866]
Excluído: à
tempos republicanos queria substituir por outra mais civilizada.
Formatado ... [2867]
Excluído: , seria
Trazer a modernidade e o progresso às capitais brasileiras seria também Formatado ... [2868]
Excluído: ,
reconstruir esteticamente a paisagem urbana com o objetivo de ser projetada
Formatado ... [2869]
uma nova cidade: limpa, higiênica, sem epidemias, com paisagens arborizadas Excluído: , …com um... [2870]

e, principalmente ordeira. Sob essa orientação, Paris e Londres seriam os Formatado ... [2871]
Excluído: ,
modelos copiados.
Formatado ... [2872]
Excluído: e

Para promover a urbanização das cidades, a elite buscou respaldo no poder Formatado ... [2873]
Excluído: , com sua população
... [2874]
público e no ideário higienista, o qual era legitimado pelo saber médico e pelo
Formatado ... [2875]
saber técnico. Esse ideário também foi incorporado pelos engenheiros Excluído: Aliás,
Formatado ... [2876]
sanitaristas, que não raro, se tornavam chefes de governos municipais. De
Excluído: seriam
acordo com Chalhoub (1996, p. 35), Formatado ... [2877]
Excluído: s a serem

O resultado dessas duas operações mentais é o processo de Formatado ... [2878]


Excluído: . Assim, atingir o
... [2879]
configuração dos pressupostos da Higiene como uma ideologia: ou
Formatado ... [2880]
seja, como um conjunto de princípios que, estando destinados a
Formatado ... [2881]
conduzir o país ao “verdadeiro”, à “civilização”, implicam a
Excluído: se atingir esse
... [2882]
despolitização da realidade histórica, a legitimização apriorística das Formatado ... [2883]
decisões quanto às políticas públicas a serem aplicadas no meio Excluído:

urbano. Esses princípios gerais se traduzem em técnicas específicas, Formatado ... [2884]
e somente a submissão da política à técnica poderia colocar o Brasil Excluído: pensamento
Formatado ... [2885]
no “caminho da civilização”. Em suma, tornava-se possível imaginar
Excluído: …amparados
... [2886]
que haveria uma forma “científica” – isto é, “neutra”, supostamente
Formatado ... [2887]
acima dos interesses particulares e dos conflitos sociais em geral – de
Excluído: pelo
Formatado ... [2888]
Excluído: , incorporado
Formatado ... [2889]
Excluído: ,
Formatado ... [2890]
Excluído: os quais
Formatado ... [2891]
Excluído: ,
Formatado ... [2892]
... [2893]
Formatado ... [2894]

Formatado ... [2895]


Formatado ... [2896]
... [2897]
Formatado ... [2900]
90 Excluído: e tal
Excluído: Estado brasileiro
... [2901]
Excluído: postas
Formatado ... [2902]
gestão dos problemas da cidade e das diferenças sociais nelas
Formatado ... [2903]
existentes.
Formatado ... [2904]
Formatado ... [2905]
Diante da ideologia incorporada pela elite e pelo poder público foram colocadas Excluído: , o qual se deu
Formatado ... [2906]
em prática medidas que visavam o remodelamento do espaço urbano. Esse
Excluído: as
reordenamento espacial concretizou-se através das demolições em massa de Formatado ... [2907]
habitações populares e da construção de prédios públicos, praças, ruas, Excluído: s, para em seus
... [2908]
Excluído: ídos
avenidas e grandes boulevards.
Formatado ... [2909]
Excluído: palacetes,

A urbanização estava relacionada com a nova estética que se queria dar às Formatado ... [2910]
Formatado ... [2911]
capitais brasileiras. Porém, reconstruir as cidades passava também pelo
Excluído: ,
combate a determinadas sociabilidades das camadas populares, e por isso, a Formatado ... [2912]
Excluído: Na verdade,
elite e as autoridades públicas voltaram-se para a defesa da moral, dos bons
Formatado ... [2913]
costumes e da família. Assim, o poder público buscou eliminar do convívio Excluído: d
social estabelecimentos considerados prejudiciais à moral e à conduta dos Formatado ... [2914]
Excluído: Entretanto
indivíduos, pois, de acordo com o ideário de ciência da época, o ambiente
Formatado ... [2915]
exercia forte influência sobre a personalidade e sobre o modo de vida do Excluído:

indivíduo. Nesse contexto, os cortiços, os bordéis, os botequins e as casas de Formatado ... [2916]
Excluído: a
jogos deveriam ser banidos da sociedade.
Formatado ... [2917]
Excluído: noção de reconstruir

Sobre a influência da teoria higienista o saber médico foi privilegiado, tendo o Formatado ... [2918]
Excluído: sociabilidades,
... [2919]
mesmo, a missão de curar os indivíduos e os males sociais que atingiam as
Formatado ... [2920]
cidades. Dessa forma, o Estado efetivou medidas saneadoras que buscavam Excluído: pelas
Formatado ... [2921]
promover o bem comum da população. Com esse objetivo, teve início o
Excluído: , as quais não
... [2922]
se
processo de demolições de habitações populares em várias capitais brasileiras, Formatado ... [2923]
na medida em que as mesmas eram consideradas focos de epidemias, de Excluído:
Formatado ... [2924]
insalubridade e de degeneração moral. Segundo Bertucci (1994, p. 78),
Excluído: estaduais
Formatado ... [2925]
A ocorrência das epidemias, colocando em xeque a salubridade, a Excluído: irão se voltar

organização da cidade e a própria validade dos conhecimentos Formatado ... [2926]

científicos ligados à saúde, motivando críticas principalmente quanto Excluído: a, base da ... [2927]
Formatado ... [2928]
a ordem sanitária, acabará justificando a implementação de projetos
Excluído: a sociedade
variados que incidiam diretamente sobre a vida dos trabalhadores
Formatado ... [2929]
Excluído: locais
Formatado ... [2930]
Excluído: à
Formatado ... [2931]
Excluído: a idéia de
Formatado ... [2932]
Excluído: :
Formatado ... [2933]

Formatado ... [2934]

Formatado ... [2935]


Formatado ... [2936]
91

Formatado ... [2941]


urbanos que a eles reagiam de diferentes maneiras, o que aparece
em vários momentos em jornais operários da época. Excluído: Contudo, p
Excluído: as questões sociais
Excluído: preocupassem
Por mais que a problemática urbana preocupasse as autoridades públicas,
Formatado: Fonte: (Padrão)
visto que as mesmas se refletiam na falta de moradias, no acentuado Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
empobrecimento da população, na falta de uma infra-estrutura de saneamento Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
e nas manifestações por parte das camadas pobres, não houve uma política Subscrito
Excluído: m
pública satisfatória que sanasse tais problemas. O que se visava era a uma
Formatado ... [2942]
forma de conter e repreender seus agentes. Wissenbach (1998, p. 92) Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
referencia que: Subscrito
Excluído: , gerando
Formatado ... [2943]
O temor social que nas épocas anteriores à abolição provinha dos
Excluído: Sobre esse aspecto
escravos, em suas rebeldias domésticas, suas revoltas coletivas e ressalta
ligações pontuais com a plebe urbana, espraiava-se agora na direção Formatado ... [2944]
de figuras multifacetadas de diferentes etnias e composições de Excluído: ,
Formatado ... [2945]
mestiçagem que iam do branco estrangeiro ou nacional pobre,
Formatado: Fonte: (Padrão)
passando pelo mulato e chegando ao negro retinto (...), livres de Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
tutelas diretas, vistas como multidão indisciplinada em seus meios de
Formatado: Recuo: À
vida e expressões culturais, o impacto ocasionado por essas esquerda: 4,02 cm
populações era mais acentuado ainda porque estas irrompiam num Formatado ... [2946]
momento em que se buscava, nas cidades bem alimentadas pela Excluído: Esse

expansão da agricultura comercial e da exploração da borracha e Formatado ... [2947]


Excluído: ,
pela consolidação de suas elites políticas, viabilizar projetos de
Formatado ... [2948]
modernização, embelezamento e europeização dos cenários centrais.
Excluído:
Formatado ... [2949]
O temor sentido pela elite não era sem fundamento. Apesar do regime Excluído: civil

republicano inviabilizar o exercício da plena cidadania política e civil, as Formatado ... [2950]
Excluído: , na medida em que,
camadas populares não deixaram de exercer seu direito de contestação.
Formatado ... [2951]
Assim, em várias ocasiões mostraram seu descontentamento com o poder Excluído: , quando se...sentiam
[2952]
Formatado ... [2953]
público: através de greves, organização de partidos operários e de revoltas.
Excluído: ,
Essas manifestações populares não eram vistas pela elite e pelo poder público Formatado ... [2954]
como reivindicações de direitos civis ou políticos, mas como promoção da Excluído: público… ou...por
[2955]
Formatado ... [2956]
desordem urbana. Como destaca Carvalho (1987, p. 72):
Excluído: …No entendimento
... [2957]
Formatado ... [2958]
Excluído: .
Formatado ... [2959]
Formatado ... [2961]
92 Excluído:
Formatado ... [2962]
Excluído: Um e
Formatado ... [2963]
Não eram cidadãos. Era a “mob” ou “dregs” (“escória”) para o
Excluído: e organização…,…
... [2964]
representante inglês; a “foule” para o francês; a “canalha”, a “escuma
Formatado ... [2965]
social” para o português, quando não eram simplesmente bandos de
Excluído: no ano de
negros e mestiços. Formatado ... [2966]
Excluído: se revoltou...
contra o
[2967]
Exemplo de uma grande manifestação popular foi a Revolta da Vacina, Formatado ... [2968]
Excluído: rando
ocorrida na cidade do Rio de janeiro em 1904, onde a população se voltou
Formatado ... [2969]
contra o poder público, demonstrando o seu descontentamento diante da Excluído:

profanação de seus corpos pela obrigatoriedade da vacinação, como também, Formatado ... [2970]
Excluído:
pelas demolições de habitações apontadas como focos de epidemias.
Formatado ... [2971]
Excluído:

A resistência à vacinação obrigatória, expressa nos vários conflitos com a Formatado ... [2972]
Excluído: e da
polícia nas ruas da cidade, deve ser entendida também pela ótica cultural e Excluído: ão
moral dos segmentos da população envolvidos nesse conflito. Existiam várias Formatado ... [2973]
Formatado ... [2974]
crenças entranhadas no universo cultural popular. Dessa forma, era comum
Excluído: de suas casas,
... [2975]
acreditar que determinadas doenças poderiam ser curadas por ervas Formatado ... [2976]
medicinais, ou então, pela ação de um curandeiro, sem a necessidade de Excluído: epidemias…,
... [2977]
Formatado ... [2978]
impor um determinado medicamento ao corpo de um indivíduo. Aliada a essa
Excluído: assim como...a [2979]
questão, estava a honra da família, na qual esposas e filhas não deveriam ser Formatado ... [2980]
intimidadas a mostrarem parte de seus corpos no ato da vacinação. Essa Formatado ... [2981]
Formatado ... [2982]
violação por parte do Estado às residências e às famílias se chocou com
Excluído: …das camadas
... [2983]
percepções culturais entranhadas no imaginário popular. Formatado ... [2984]
Excluído: obrigat…ória,
... [2985]
Formatado ... [2986]
Nesse contexto, o poder público foi muito além da invasão da privacidade da Excluído: que se expressou
população. Igualmente, interferiu na vida trabalhista civil e política dessa Formatado ... [2987]
Excluído: em …, deve... [2988]
população, na medida em que o projeto de regulamentação da vacina
Formatado ... [2989]
obrigatória, Excluído: como uma questão
Formatado ... [2990]
Excluído: desta população
(...) cercava de tal modo o cidadão que dificilmente alguém poderia
Formatado ... [2991]
escapar. O atestado de vacina era exigido para tudo: matrícula em
Excluído: , aliada ao poder
... [2992]
escolas, emprego doméstico, empregos nas fábricas, hospedagem
Formatado ... [2993]
em hotéis e casas de cômodos, viagem, casamento, voto,etc. Multas Excluído: por parte dos
... [2994]
eram previstas para os recalcitrantes (CARVALHO, 1987, p. 99). Formatado ... [2995]
Excluído: , a questão de
Formatado ... [2996]
Excluído: populares
Formatado ... [2997]
Excluído: ,
Formatado ... [2998]
Excluído: onde
Formatado ... [2999]
Excluído: através de
Formatado ... [3000]

Formatado ... [3001]

Formatado ... [3002]


Excluído: , intervinham

93 Formatado ... [3007]


Excluído: socialmente...menos
[3008]
Formatado ... [3009]
Excluído: habitações
Os vários projetos colocados em práticas com o objetivo de ingressar o Brasil
Formatado ... [3010]
na modernidade interferiram diretamente na vida privada das camadas de Excluído: do

baixa renda. Nesse entender, as demolições de suas moradias e as Formatado ... [3011]
Excluído: Tal
intervenções profiláticas em seus corpos e em seus comportamentos foram
Formatado ... [3012]
alvos do poder público, na ânsia de conter epidemias e promover o Excluído: , expressou-se

saneamento, a higienização e a urbanização das capitais brasileiras. Formatado ... [3013]


Excluído:
Formatado ... [3014]
O projeto de modernidade expressou-se na exclusão política, social, Excluído: , ocorridas durante o
... [3015]
Excluído: As camadas...pobres
[3016]
econômica e na segregação espacial das camadas desprovidas de fortuna.
Formatado ... [3017]
Essas camadas sociais ao serem expulsas do centro das cidades pelo Excluído: s…s…,…através
... [3018]
processo de demolições viram-se obrigadas a reconstruir, em locais mais Formatado ... [3019]
Formatado ... [3020]
afastados desses centros, as suas habitações. Tais habitações não possuíam
Excluído: de suas moradias
nenhuma infra-estrutura de saneamento e higiene, o que contribuiu ainda mais Formatado ... [3021]
para agravar a situação de extrema pobreza na qual essa população vivia. Excluído: o
Formatado ... [3022]
Excluído: r
O crescimento desordenado das capitais brasileiras em conseqüência do Formatado ... [3023]
projeto modernizador foi legitimado pelas demolições de habitações populares. Excluído: esses
Formatado ... [3024]
No entanto, essa expansão não foi acompanhada de uma política pública
Excluído: ,
habitacional dirigida às camadas pobres. Esse direcionamento dado pelo poder Excluído: moradias…,... [3025]
Formatado ... [3026]
público à questão habitacional resultou num processo de formação de
Excluído: os quais
periferias, das quais as favelas do Rio de Janeiro são sua máxima expressão. Formatado ... [3027]
Formatado ... [3028]
Excluído: ía
A expansão das periferias nas grandes cidades foi a expressão da
Formatado ... [3029]
consolidação de um projeto de modernidade imposto de cima para baixo. Foi Excluído: A expansão

também o retrato da pauperização de uma população excluída dos benefícios Formatado ... [3030]
Excluído: a
sociais trazidos pela modernidade elitista.
Formatado ... [3031]
Excluído: , que se legitimou
... [3032]
O projeto modernizador afastou da cidade reconstruída uma grande parcela da Formatado ... [3033]
Excluído: através das
população e a mesma foi alojar-se na periferia. Ali se formou outra cidade, à
Formatado ... [3034]
margem do progresso e, por isso mesmo, cidade marginalizada. Seus cidadãos Excluído: , ocorridas nas
... [3035]

tornaram-se sub-cidadãos. Foi na periferia que a elite urbana buscou esconder Formatado ... [3036]
Excluído: acompanhada de
... [3037]
a pobreza e os vícios da cidade (MENEZES, 1996, p. 29). Formatado ... [3038]
Excluído: público dirigida
... [3039]
…as
Formatado ... [3040]
Excluído: ando
Formatado ... [3041]
Excluído: ,
Formatado ... [3042]
Formatado ... [3043]
Excluído: , foi
Formatado ... [3044]

Formatado ... [3045]


... [3046]
Formatado ... [3047]
Excluído: 2

94 Excluído: Ô
Formatado ... [3052]
Formatado ... [3053]
Excluído: com a implantação
... [3054]
3.3 - O ESPÍRITO SANTO NO QUADRO SOCIO-ECONÔMICO NACIONAL
Formatado ... [3055]
Formatado ... [3056]
Excluído: para o… …...
e para
[3057]
Formatado ... [3058]
Em 1889, o modelo republicano mudou as estruturas políticas e jurídicas do
Formatado ... [3059]
país. O centralismo político dos tempos monárquicos, onde as decisões Excluído: , ou seja, a ... [3060]

estavam centradas na figura do imperador, cedeu lugar ao presidencialismo, ao Formatado ... [3061]
Excluído: rá
federalismo e a democracia representativa. Excluído: dando
Formatado ... [3062]
Formatado ... [3063]
O novo regime político teve na constituição de 1891 o respaldo jurídico que
Excluído: Segundo Silva
... [3064]
conduziu o jogo político e econômico do país, dando a cada estado da Formatado ... [3065]
federação, autonomia administrativa para gerir os seus negócios internos. Formatado ... [3066]
Excluído: “
Assim, a constituição
Formatado ... [3067]
Excluído: ”
(...) assegurava a cada estado, o direito de contrair empréstimos no Formatado ... [3068]
exterior, decretar impostos de exportação, reger-se por suas próprias Excluído:
constituições, ter corpos militares próprios, bem como códigos Formatado ... [3069]
eleitorais e judiciários (SILVA, 1995, p. 43). Formatado ... [3070]
Excluído: à
Formatado ... [3071]
A autonomia dos estados foi uma conquista da elite agrária ligada à produção Excluído: a

cafeeira. Dessa maneira, obteve, esse segmento social, liberdade para a Formatado ... [3072]
Formatado ... [3073]
tomada de decisões econômicas sobre a sua região produtora.
Excluído: brasileira, apesar
... [3074]
Formatado ... [3075]

Apesar da mudança nos rumos políticos do Brasil, a economia continuou como Excluído: e pelo menos até
Formatado ... [3076]
na colônia e no império, baseada no modelo agrário-exportador. Até 1930 Excluído: –
(quando a partir de então se observará um incremento maior a Formatado ... [3077]
Excluído: onde
industrialização), o café foi o maior provedor das receitas e da conseqüente
Formatado ... [3078]
modernização do país. Nesse período, São Paulo se destacou como o maior Excluído:
produtor nacional, tornando-se um estado politicamente forte, seguido por Formatado ... [3079]
Excluído: verá
Minas Gerais e Rio de Janeiro.
Formatado ... [3080]
Excluído: – será

O Espírito Santo, seguindo a orientação econômica nacional, se dedicou à Formatado ... [3081]
Excluído: ,
produção cafeeira com vistas ao mercado internacional. Assim, desde meados
Formatado ... [3082]
Excluído: que desde o...final do
[3083]
Formatado ... [3084]
Excluído: ará
Formatado ... [3085]
Excluído: e
Formatado ... [3086]
Excluído: rá
Formatado ... [3087]
Formatado ... [3088]
... [3089]
Formatado ... [3090]

Formatado ... [3091]


Formatado ... [3093]
95 Excluído: ará
Formatado ... [3094]
Excluído: Será o
Formatado ... [3095]
do século XIX, o café passou a integrar a economia do estado, sendo que o
Excluído: erá
boom dessa cultura se deu a partir de 1894. Formatado ... [3096]
Excluído: E
Formatado ... [3097]
O café foi o grande impulsionador da economia capixaba e dele dependeram
Excluído: o
totalmente as receitas e recursos do estado. Já no ano de 1903, 95% da Formatado ... [3098]

receita estadual provinha do café. Portanto, esse produto proporcionou as Excluído: –


Formatado ... [3099]
bases para o crescimento sócio-econômico do Espírito Santo e, em especial de Excluído: no
Vitória, sua capital. Campos (2002, p. 46) ressalta que: Formatado ... [3100]
Excluído: sua…, ... [3101]
Formatado ... [3102]
A condição de porto natural da capital capixaba permitia
Excluído:
acessibilidade do café, (...), a outras regiões do país e ao mercado Formatado ... [3103]
externo. Tal condição dava a Vitória a especificidade para Excluído: será…a produção
... [3104]
desenvolver os serviços portuários atrelados à função comercial. Formatado ... [3105]
Excluído: que proporcionará
Formatado ... [3106]
Devido à peculiaridade da produção nacional e estadual (monocultura para
Excluído: ,
exportação), ficava a economia capixaba dependente da demanda do mercado Formatado ... [3107]
Formatado ... [3108]
externo e das oscilações das safras. Dessa forma, as receitas do estado
Formatado ... [3109]
dependeriam desses dois fatores. Formatado ... [3110]
Formatado ... [3111]
Excluído: às
Entre os anos de 1907 e 1911, houve uma diminuição das receitas do Espírito
Formatado ... [3112]
Santo devido à queda das exportações do café. Isso porque, de 1907 a 1908, Excluído: s…- ... [3113]
ocorreu uma baixa no preço internacional desse produto. Aliado a esse fator, Formatado ... [3114]
Formatado ... [3115]
acrescentamos a seca que ocorreu nas áreas produtoras do estado entre os
Excluído: –
anos de 1909 e 1910, prejudicando as safras cafeeiras até 1911. Apesar das Formatado ... [3116]
oscilações da produção e exportação, Siqueira (1984, p. 65) nos diz que: Excluído: E
Formatado ... [3117]
Formatado ... [3118]
Até o final da segunda década do século XX, a lavoura cafeeira Excluído: a
capixaba desenvolveu-se para colocar o Espírito Santo na esfera Formatado ... [3119]
nacional, como o quarto produtor brasileiro de café. Apesar das crises Excluído: o Espírito Santo,
... [3120]
viu

periódicas que desorganizavam as rendas do Estado, sua produção Formatado ... [3121]
Excluído: entre os anos
foi suficiente para provocar modificações no quadro sócio-econômico
Formatado ... [3122]
capixaba, procurando racionalizar a economia estadual, dando
Excluído: e
oportunidade ao desenvolvimento econômico de Vitória, que através
Formatado ... [3123]
de seu porto estava absorvendo cada vez mais o comércio estadual. Excluído: o mesmo
Formatado ... [3124]
Excluído:
Formatado ... [3125]
Excluído: e, aliado
Formatado ... [3126]
Excluído: E
Formatado ... [3127]
Excluído: segundo…:... [3128]
Formatado ... [3129]

Formatado ... [3130]


Formatado ... [3131]
Formatado ... [3132]
Formatado ... [3133]
96

Formatado: Fonte: (Padrão)


Arial, 11 pt

Apesar de estar inserido no contexto da produção nacional e garantir o Excluído: ¶


Formatado ... [3135]
desenvolvimento capixaba e, especialmente o de Vitória, até a década de
Excluído: ,
sessenta do século XX, o café no Espírito Santo não excederá a 10% da Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
produção nacional. Subscrito
Excluído: de sessenta
Excluído: d
Até 1910, o café foi o único produto agrícola exportado para o exterior.
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Somente partir de então, veremos timidamente outros produtos agrícolas se Subscrito
voltarem para a exportação: feijão, tecidos de algodão, couro e farinha de Formatado ... [3136]
Formatado: Fonte: (Padrão)
mandioca. Isso, porque houve por parte dos governos estaduais a preocupação Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
de se incentivar a produção de outras culturas, devido à dependência da
Excluído: era
economia capixaba à monocultura cafeeira e às conseqüentes oscilações de Formatado ... [3137]

suas receitas, ocasionando prejuízos para a nossa economia. Dessa forma, a Excluído: à
Formatado ... [3138]
partir de 1910, o governo estadual efetivou medidas no sentido de favorecer o
Excluído: Entre tais medidas,
cultivo de outros gêneros agrícolas. Essas medidas direcionam-se para “(...) a Siqueira (1984:64) destaca:

organização de créditos agrícolas, a divulgação de modernos processos de Formatado ... [3139]


Excluído: .
cultivo e o estabelecimento de pequenas indústrias agrícolas” (SIQUEIRA,
Formatado ... [3140]
1984, p. 64).
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial

A região produtora de café mais dinâmica estava localizada no sul do Espírito Formatado ... [3141]

Santo, no Vale do Itapemirim, sendo Cachoeiro de Itapemirim, a região de


Excluído:
maior produção. Aí predominaram as grandes propriedades agrícolas. Isso
Formatado ... [3142]
ocorreu devido também à expansão da lavoura cafeeira do Rio de Janeiro e
Excluído: ,
Minas Gerais em direção ao estado durante a segunda metade do século XIX,
fazendo com que fazendeiros fluminenses e mineiros se estabelecessem nessa
região.

Formatado ... [3143]


Na região sul, o colono europeu atuou como mão-de-obra assalariada. Esse
Excluído:
colono, como acontecia em outras regiões brasileiras, tinha um baixo Formatado ... [3144]

rendimento em termos de salário, obrigando-o a se manter na dependência Excluído: o que o…va... [3145]
Formatado ... [3146]
econômica e política do grande fazendeiro. Dependência essa que se fazia
notar através do seu endividamento no armazém da fazenda, ou então nos
97

Formatado ... [3147]


vários favores pessoais concedidos pelo fazendeiro, como por exemplo,
dinheiro para cuidar de doença familiar. Excluído: A região sul,
Formatado ... [3148]
Excluído: Essa ligação
Essa região, polarizada por Cachoeiro de Itapemirim, tinha sua economia
Formatado: Fonte: (Padrão)
vinculada ao Rio de Janeiro através da exportação do café para os seus portos. Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Tal ligação se fazia através da Estrada de Ferro Sul do Espírito Santo, mais Excluído: estado

tarde chamada de Leopoldina Railway. A relação comercial que se fazia entre Formatado ... [3149]
Excluído: sua capital..…Essa
... [3150]
o sul do Espírito Santo e o Rio de Janeiro foi responsável pela evasão de parte
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
dos recursos que deveriam permanecer no estado e, principalmente em Vitória. Subscrito
Essa situação só foi alterada a partir da década de 1910, quando Vitória Excluído: s
Formatado ... [3151]
conseguiu canalizar para o seu porto grande parte da produção do estado.
Formatado ... [3152]
Excluído: “t

A preocupação de trazer para Vitória e para o seu porto o comércio e as Formatado ... [3153]
Excluído: ampos
exportações de café do sul do estado já era uma proposta do então governador
Formatado: Fonte: (Padrão)
Moniz Freire (1892-1896), o qual queria “tornar Vitória o grande centro Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
comercial do estado e, quiçá, levá-la a exercer também alguma polarização Excluído: (
Formatado: Fonte: (Padrão)
sobre regiões mineiras” (CAMPOS, 1996, p. 149). Nota-se aí a grande relação Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
entre o desenvolvimento de Vitória com o seu porto. Moniz Freire (apud.
Excluído: :
SIQUEIRA, 1995, p. 78) sobre essa questão dizia que: Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Vitória, cidade velha de aspecto colonial, pessimamente construída, Excluído: . Assim, se referia

sem alinhamento, sem esgoto, sem arquitetura, seguindo os Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
caprichos do território, apertada entre a baía e um grupo de Subscrito

montanhas, não tem como se desenvolver sem a dependência de Excluído:


Formatado ... [3154]
grandes despesas. Entretanto possui um porto em condições
Excluído: In
admiráveis, indiscutivelmente muito superior a todos os outros do
Formatado ... [3155]
Estado e um dos quatros melhores do Brasil.
Excluído: iqueira
Formatado ... [3156]
Para que esse desenvolvimento realmente se efetivasse, seria necessário Excluído: :
Formatado ... [3157]
também dotar o estado de uma vasta rede ferroviária, interligando as regiões
Excluído: :
produtoras à Vitória. No seu governo, Moniz Freire contraiu o primeiro Formatado ... [3158]
empréstimo externo capixaba - já que a constituição republicana de 1891 Formatado ... [3159]
Formatado ... [3160]
concedia esta autonomia para os estados - no valor de 17.500 mil francos
Excluído:
franceses para investir no setor de transporte ferroviário do Espírito Santo, com Formatado ... [3161]
98
Formatado ... [3162]
Excluído: Em relação...
a essa
[3163]
Excluído: “no dia 13 de
... julho
[3164]
a construção da Estrada de Ferro Sul do Espírito Santo. Essa ferrovia teve Formatado ... [3165]
inaugurado seu primeiro trecho entre o Porto de Argolas, situado no continente Formatado ... [3166]
Formatado ... [3167]
em frente a capital, e a Vila de Viana em 13 de julho de 1895 (FRANCO, 2001,
Formatado ... [3168]
p. 51). Formatado ... [3169]
Formatado ... [3170]
Formatado ... [3171]
Na região central do Espírito Santo sobressaiu-se também a produção de café.
Formatado ... [3172]
Ali, o que predominou foram as pequenas e médias propriedades para Formatado ... [3173]
exportação, que foram loteadas e vendidas a imigrantes italianos e alemães. Formatado ... [3174]
Excluído:
Muitos desses imigrantes deixaram seus países de origem devido à situação
Formatado ... [3175]
de pobreza em que viviam, esperando, no novo país, trabalhar e se tornar Excluído: Vieram para cá
Formatado ... [3176]
proprietários de terras.
Excluído: à
Formatado ... [3177]
A maior parte dos imigrantes que se dirigiram para o Espírito Santo tinha pouca Formatado ... [3178]
Formatado ... [3179]
ou nenhuma qualificação, além de muitos deles não serem alfabetizados.
Excluído: ndo
Formatado ... [3180]
No Espírito Santo incentivou-se a presença desses imigrantes também para Excluído: aqui,
Formatado ... [3181]
promover o povoamento de certas regiões capixabas, principalmente a região
Excluído: .
central. O incentivo dado à imigração estrangeira foi responsável por alterações Formatado ... [3182]
no quadro populacional e no setor econômico do estado. Castiglione (2004, p. Formatado ... [3183]
Excluído: cá vieram
165) registra que,
Formatado ... [3184]
Excluído:

A transferência da população européia para o Espírito Santo, ocorrida Formatado ... [3185]

na segunda metade do século XIX, foi responsável pelo maior Formatado ... [3186]
Excluído: na
crescimento registrado na história demográfica do estado e por
Formatado ... [3187]
importantes transformações sócio-econômicas na sociedade
Formatado ... [3188]
capixaba. Atraídos por perspectivas promissoras de melhorias de
Formatado ... [3189]
vida nas terras de destino e, por outro lado, expulsos pela crise que Excluído: Segundo
assolava suas terras natais, dirigiam-se para o Espírito Santo Formatado ... [3190]
imigrantes de diversas nacionalidades: italianos, alemães, tiroleses, Excluído: e

austríacos, portugueses, poloneses, suíços, espanhóis, san- Formatado ... [3191]


Excluído: :
marinenses, franceses e outros. Aos imigrantes cabia ocupar e
Formatado ... [3192]
colonizar os grandes vazios demográficos do Espírito Santo, que
Excluído: :
apresentava na metade do século XIX uma economia frágil e
Formatado ... [3193]
inexpressiva no contexto nacional, decorrente principalmente da Formatado ... [3194]
Formatado ... [3195]
99

escassez de mão-de-obra para ocupar seu território e viabilizar o


Formatado: Fonte: (Padrão)
desenvolvimento da região.
Arial

Formatado: Fonte: (Padrão)


Arial, Não Sobrescrito/
O povoamento foi uma das questões que preocupavam o governador Moniz Subscrito

Freire (1892-1896), pois grande parte do território do Espírito Santo era Excluído: 8
Formatado: Fonte: (Padrão)
despovoado. Por outro lado, o povoamento também incentivaria a produção Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
agrária do estado, a qual se voltaria para o mercado externo. Sobre essa Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
questão, ressalta Castiglione (2004, p. 181) Subscrito
Formatado ... [3196]
Para realizar essas metas, o Presidente procurou atrair o capital Formatado ... [3197]

necessário e tomou medidas para intensificar as entradas de Formatado ... [3198]


Formatado ... [3199]
imigrantes, dentre elas a elaboração de um programa próprio para
Excluído: e
assegurar a vinda de agricultores europeus para o estado. (...)
Formatado ... [3200]
Paralelamente. O governo promoveu a Regulamentação do Serviço
Excluído: :
de Terras e Colonização, pelo Decreto nº 4, de 4 de junho de 1892, Formatado ... [3201]
que estruturava o órgão, estabelecendo, também, regras relativas ao Excluído: :

recrutamento e acolhimento dos imigrantes. (...) os benefícios que Formatado ... [3202]
seriam concedidos aos imigrantes encontram-se enumerados no Art. Formatado ... [3203]
Formatado ... [3204]
73: pagamento das passagens, hospedagem na capital, transporte,
Formatado ... [3205]
agasalho e alimentação durante o trajeto até o lugar de destino,
Formatado ... [3206]
tratamento médico gratuito no período de dois anos,terreno de 25
Formatado ... [3207]
hectares em núcleo de sua escolha, adiantamento de montante para Excluído:
as despesas iniciais, gastos para manutenção durante a construção Formatado ... [3208]
da casa, dentre outros. Formatado ... [3209]
Formatado ... [3210]
Formatado ... [3211]
A região central do estado recebeu grande parte desses imigrantes, os quais
Formatado ... [3212]
desembarcavam em Vitória, dirigindo-se em seguida à hospedaria dos Excluído:

imigrantes conhecida pelo nome de Pedra d´Água, construída próxima ao porto Formatado ... [3213]
Excluído: a. Sobre esse
... [3214]
da capital. De onde então, eram encaminhados para as regiões em que
Formatado ... [3215]
receberiam seus lotes de terras. Entretanto, tais regiões por serem Excluído: ,

despovoadas, eram carentes de infra-estrutura. Situação essa que Silva (1995, Excluído: :
Formatado ... [3216]
p. 82) comenta:
Formatado ... [3217]
Formatado ... [3218]
(...) as carências se faziam presentes, em toda a sua plenitude, em Excluído: ¶

quase todos os aspectos da sobrevivência humana. Estas iam desde Formatado ... [3219]
as condições materiais da produção (métodos arcaicos de plantio do Formatado ... [3220]
Excluído: Nessa situação
100

café e de beneficiamento do produto, falta de estradas, meios de


Formatado: Fonte: (Padrão)
transportes, meios de trabalho, etc.) passando pelas condições de Arial
bem estar social (saúde, educação, habitação, meios de Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, 10 pt
comunicação, etc.) até as condições de exposição do produto no
Formatado: Recuo: À
mercado (submetidos a uma rede de pequenos comerciantes esquerda: 2,21 cm
atrelados a oligopólios exportadores) o que resultava na realização Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
de uma produção em (...) condições bastante precárias e de baixa Subscrito
produtividade. Excluído: Nesse contexto, f
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Ficava a cargo dos imigrantes edificarem o local, pois muitas das promessas
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
feitas pelo governo estadual com o objetivo de promover a vinda de imigrantes Subscrito
europeus não foram cumpridas. Ao tratar desse tema Colbari (1998, p. 136) Formatado ... [3221]
Excluído: :
menciona que:
Formatado ... [3222]
Excluído: 6) ressalta
A marca do espírito empreendedor do imigrante revelou-se no Formatado ... [3223]
desbravamento de matas, formação de lavouras, na construção de Excluído: :

estradas, escolas, capelas e cemitérios, na constituição de povoados Formatado ... [3224]


Formatado ... [3225]
que depois se transformaram em vilas, e em outras manifestações,
Formatado ... [3226]
por exemplo, a fundação de times de futebol.
Excluído:
Formatado ... [3227]
Para esses imigrantes, o recomeço da vida em um ambiente estranho foi de Formatado ... [3228]
Formatado ... [3229]
difícil adaptação. De fato, muitos desafios estavam por vencer: a dificuldade de
Excluído:
comunicação com uma língua estranha, as sociabilidades que deveriam se Formatado ... [3230]
fazer e os obstáculos para se adaptarem em um local diferente de seu habitat. Excluído: ,
Formatado ... [3231]
Ao descrever a complexidade do cotidiano desses imigrantes, Colbari (1998,
Excluído: não devia ter
... sido
[3232]
p.136) também nos dá uma idéia dos problemas enfrentados pelos mesmos. Formatado ... [3233]
Formatado ... [3234]
Dessa forma,
Excluído: ,
Formatado ... [3235]
Os relatos dos imigrantes, descrevendo seu cotidiano de trabalho, Formatado ... [3236]
evidenciam as difíceis condições de vida: o trabalho era árduo, Formatado ... [3237]
iniciado desde a madrugada e se estendendo até o pôr do sol. Excluído: :
Formatado ... [3238]
Plantavam café, milho, feijão e para manter a família eram obrigados
Excluído: :
a trabalhar em outras propriedades até o início da produção dos
Formatado ... [3239]
cafezais. Quando o cafezal estava formado, as atividades
Formatado ... [3240]
aumentavam e a família toda, inclusive mulheres e filhos, era Formatado ... [3241]
mobilizada. As mulheres ajudavam na roça e assumiam as funções Formatado ... [3242]
101

de casa, que incluíam a formação de hortas e a criação de galinhas. Formatado: Fonte: (Padrão)
Muitos dos imigrantes, por serem portadores de habilidades Arial
Formatado ... [3243]
artesanais, efetuavam tarefas de pedreiro, marceneiro, carpinteiro – o
Excluído: à
que explica a construção de igrejas nos núcleos coloniais e até de
Formatado: Fonte: (Padrão)
pontes – e fabricavam acessórios de couro. Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: … da região
...central
[3244]
Devido às dificuldades impostas aos imigrantes europeus em sua adaptação a Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
nova terra, não é difícil de entender a dependência que se fazia entre esses Subscrito
Formatado ... [3245]
colonos e o vendeiro, proprietário do armazém da região.
Excluído: o pico era…o
... [3246]
Formatado ... [3247]
Esse pequeno agricultor estava ligado a um esquema comercial, onde a base Excluído: o qual
Formatado ... [3248]
da negociação era dominada pelo grande comerciante ligado ao setor de
Excluído: ¶ ... [3249]
exportação e importação. Com isso, o imigrante não vendia o café diretamente Formatado ... [3250]

para o comerciante exportador. Essa transação era intermediada pelo vendeiro, Excluído: precisava…gêneros
... [3251]
Excluído: (…m ... [3252]
que também se beneficiava do café comprado.
Formatado ... [3253]
Formatado ... [3254]
Excluído: s
Havia uma ligação entre o vendeiro e o pequeno agricultor que ia além do
Formatado ... [3255]
simples esquema de comércio. Até a colheita do café e a sua posterior venda, Excluído: propriedade…)
... [3256]
necessitava o pequeno agricultor e sua família de artigos e produtos para a sua Formatado ... [3257]
Excluído: e o vendeiro… –
... [3258]
sobrevivência, uma vez que a maioria dos gêneros alimentícios eram
Formatado ... [3259]
produzidos na pequena propriedade. Assim, o vendeiro fornecia essas Excluído: tendo apenas como
... [3260]
mercadorias fiado e tudo era anotado em uma caderneta. O pagamento viria Formatado ... [3261]
Excluído: Neste caso,...o [3262]
posteriormente com parte da colheita do café.
Formatado ... [3263]
Excluído: Esta

A relação entre o vendeiro e o pequeno proprietário estava solidificada sobre Formatado ... [3264]
Excluído: ,… ... [3265]
outro aspecto. Sendo o agricultor, um imigrante, era natural que tivesse
Excluído: s…segundo... [3266]
dificuldades em se comunicar com os habitantes da região, ficando muitas Formatado ... [3267]
Formatado ... [3268]
vezes o vendeiro como intérprete e conselheiro, pois conhecia a fundo a vida
Excluído: primeiro
das pessoas daquela comunidade. Era comum o vendeiro batizar os filhos dos Formatado ... [3269]
agricultores e assumir a guarda da criança com a morte dos pais. Dessa Excluído: A
Formatado ... [3270]
maneira, sua figura era de suma importância para a hegemonia dos
Excluído: figura do vendeiro
... [3271]
comerciantes exportadores, a medida que eles eram verdadeiros líderes rurais Formatado ... [3272]
e exerciam forte influência sobre os moradores da região. Excluído: , portanto
Formatado ... [3273]
102

Formatado: Fonte: (Padrão)


Arial, Não Sobrescrito/
A venda, além de servir de contrapondo econômico para os imigrantes locais, Subscrito

tinha também a função de sociabilizar as vizinhanças. Sob esse aspecto, “(...) Excluído: venda ,
Formatado ... [3274]
a venda era um espaço social importante, ponto de encontro de uma população
Excluído: , pois…segundo
dispersa” (SALETO, 1996, p. 144-145). Assim, muitas vezes depois de um dia Saleto (1996:144-145),... [3275]
Formatado: Fonte: (Padrão)
de trabalho, os colonos reuniam-se no estabelecimento do vendeiro para Arial, Não Itálico, Não
Sobrescrito/ Subscrito
prosear. Contudo, as formas de sociabilidades iam mais além: faziam-se nas Excluído: espaço social
importante,…. ... [3276]
missas aos domingos, onde a figura do padre se fazia presente não só nos
Formatado ... [3277]
sermões, mas também, no cotidiano dos colonos, dando-lhes conselhos, Excluído:

batizando os seus filhos, enfim, cuidando do lado espiritual dos imigrantes. Formatado ... [3278]
Excluído:
Formatado ... [3279]
As sociabilidades entre os colonos imigrantes eram formas de preservação da Excluído: l

cultura, pois os mesmos se encontravam em um ambiente estranho a sua terra Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
natal. A solidificação cultural do grupo se dava através do compadrio, dos Excluído: Esses
Formatado ... [3280]
casamentos, dos mutirões, da preservação da língua e dos costumes étnicos
Formatado ... [3281]
de cada grupo. Excluído: sendo
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Os colonos da região central, ao cultivarem o café em pequenas propriedades, Subscrito
Excluído: o
onde o trabalho familiar foi uma característica, deram uma grande contribuição
Formatado: Fonte: (Padrão)
para o desenvolvimento econômico da cidade de Vitória, pois era para essa Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
cidade que se dirigia toda a produção cafeeira dessa região. Excluído: do mesmo…,
... [3282]
Formatado ... [3283]
Excluído:
Vitória passou a polarizar através de seu porto, não só a produção da região
Formatado ... [3284]
central, mas também, toda a produção agrícola e comercial do estado, Excluído: ,…eremos ... [3285]
Formatado ... [3286]
tornando-se um centro político e administrativo. Dessa forma, era para ela que
Excluído: ,
se dirigiam os grandes proprietários do sul, dominando a política local e Formatado ... [3287]
estadual, como também, defendendo os interesses do café e da agricultura. Excluído: ará
Formatado ... [3288]
Excluído: ,
Paralelo aos grandes fazendeiros que representavam a elite rural, tivemos uma Formatado ... [3289]
elite em Vitória ligada ao comércio de exportação e importação, que também Excluído: rá seus
Formatado ... [3290]
ingressou na vida pública e política, ou, então, elegeu representantes para
Excluído: .
defender seus interesses comerciais. Parte dessa elite era composta por Formatado ... [3291]
Excluído: ,
103

imigrantes europeus, que ao contrário da maioria dos colonos que se tornaram


Excluído: ,
pequenos proprietários na região central, ou então, dos colonos que se
Formatado ... [3292]
tornaram assalariados na região de Itapemirim, estabeleceram-se em Vitória
como proprietários de firmas e casas comerciais. Segundo Campos (2002, p.
Excluído: :
53-54), esses imigrantes,
Formatado ... [3293]

Formatado: Fonte: (Padrão)


Trouxeram consigo experiências de todos os matizes: no comércio,
Arial, Não Sobrescrito/
nos costumes culturais, no consumo e na construção. Novos Subscrito
Excluído: ¶
costumes com outros padrões de consumo serviam inclusive para
Formatado ... [3294]
alimentar o comércio no sentido da importação de produtos dos
países de origem daqueles estrangeiros.

Formatado ... [3295]


Essas duas forças, econômica e política, conjugaram esforços no sentido de
Excluído: ão
proporcionar melhorias urbanas à capital para que seus negócios se Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
desenvolvessem e também para que pudessem desfrutar de todas as Subscrito
Excluído: à
comodidades materiais e culturais à altura de sua posição social.
Formatado ... [3296]
Excluído: vam
Santa Leopoldina foi a principal cidade da região central, devido, em grande Formatado ... [3297]
Excluído: ossam
parte, a sua posição geográfica, situada às margens do rio Santa Maria, que
Formatado ... [3298]
era na época a principal via de transporte que dava acesso ao porto de Vitória. Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Dessa forma, toda a produção da região central dirigia-se a Santa Leopoldina e Subscrito

daí era transportada para Vitória em canoas através do rio Santa Maria, onde Excluído: , foi
Formatado ... [3299]
seria exportado diretamente para o exterior através de seu porto, ou então,
Excluído: à
para o porto do Rio de Janeiro. Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: ,
Já na região norte do estado, onde se destacava a produção de farinha de
Formatado ... [3300]
mandioca em São Mateus e a produção de café em Colatina, a exportação Excluído: ,

também se dava via Rio de Janeiro, sem no entanto, passar pelo porto de Formatado ... [3301]
Formatado: Fonte: (Padrão)
Vitória. Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: no entant
Todas essas regiões até o final do século XIX e início do século XX eram mal Formatado ... [3302]

servidas em relação ao transporte ferroviário. Essa precariedade nos meios de Formatado ... [3303]
Excluído: t
transportes dificultava seus contatos comerciais, não havendo nesse período
Formatado ... [3304]
104

Formatado: Fonte: (Padrão)


ligações econômicas entre tais regiões, o que impossibilitava um maior Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
desenvolvimento do mercado interno. Assim,
Excluído: Segundo Campos
(1996:92):
Formatado ... [3305]
(...) toda a produção cafeeira do sul, a mais importante do estado, era
Formatado: Fonte: (Padrão)
diretamente transportada para o Rio de Janeiro por ferrovia, sem que Arial, 10 pt
passasse por Vitória. Fato semelhante ocorre na região norte, Formatado ... [3306]
polarizada por São Mateus, onde a produção apesar de não ter muita Excluído: Deste modo,

importância, era levada em pequenos navios para o Rio de Janeiro. Formatado ... [3307]

(CAMPOS, 1996, p. 92). Formatado ... [3308]


Excluído: A
Formatado ... [3309]
Inicialmente a cidade de Vitória ficou à parte do comércio de exportação das Excluído: ,… portanto...a [3310]
Formatado ... [3311]
regiões norte e sul, restando-lhe apenas o recebimento em seu porto da
Excluído: esse
produção de café da região serrana. Formatado ... [3312]
Excluído:
Formatado ... [3313]
A falta de contatos comerciais entre as regiões do Espírito Santo se devia às
Formatado ... [3314]
precárias condições de transportes no início do século XX e à inexistência de Excluído: no estado

boas estradas que ligassem essas regiões. Formatado ... [3315]


Excluído: tais
Formatado ... [3316]
Havia nessa época apenas duas ferrovias no Espírito Santo: a Estrada de Excluído:
Formatado ... [3317]
Ferro Sul do Espírito Santo, ligando Vitória ao Sul do estado e ao Rio de
Excluído: estado
Janeiro e a Estrada de Ferro Vitória – Minas, ligando Vitória ao norte do estado Formatado ... [3318]
e a Minas Gerais. Posteriormente, no governo Nestor Gomes, outras estradas Excluído: ,
Formatado ... [3319]
de ferro foram sendo construídas, ligando Anchieta a Alfredo Chaves, São
Excluído: ,
Mateus a Nova Venécia. Todos esses melhoramentos na rede de transporte Formatado ... [3320]
ferroviário direcionaram-se para um melhor escoamento da produção do café Excluído: de
Formatado ... [3321]
de suas regiões produtoras até o porto de Vitória.
Excluído:
Formatado ... [3322]

Muitas estradas rodoviárias no estado também foram abertas para facilitar o Formatado ... [3323]
Excluído: Segundo
transporte do café, ligando Castelo a Muniz Freire e Santa Leopoldina a Santa
Formatado ... [3324]
Tereza. Em relação à questão de infra-estrutura nos transportes, Franco (2001, Excluído: ranco
Formatado ... [3325]
p. 46) diz que:
Excluído: :
Formatado ... [3326]
Excluído: )
Formatado ... [3327]
Excluído: , “
105
Formatado ... [3328]
Excluído: d
Formatado ... [3329]
Durante o governo Florentino Avidos (23/5/1924 a 30/06/1928), foram
Formatado ... [3330]
abertas as estradas de Colatina a Nova Venécia, de Vitória a Afonso Excluído: ”.
Cláudio, de Cariacica a Santa Leopoldina, de Santa Tereza a Formatado ... [3331]
Colatina, passando por São João de Petrópolis. Formatado ... [3332]
Formatado ... [3333]
Formatado ... [3334]
Com o crescimento da produção de café e devido às precárias condições de
Excluído: ,
transportes, de grande importância foi o transporte do café feito pelos tropeiros Excluído: à
Formatado ... [3335]
nos lombos de burros. Esse meio de locomoção foi de grande importância até
Formatado ... [3336]
a década de 1940, quando foi substituído pelos caminhões a motor. Excluído: ,
Formatado ... [3337]
Excluído: ,
Os tropeiros venciam longas distâncias de um lugar a outro, percorrendo
Excluído: 40
diariamente de 15 a 20 quilômetros, ou, às vezes, até mais. Vários obstáculos Formatado ... [3338]
eram enfrentados por esses homens devido às péssimas condições das Excluído:
Formatado ... [3339]
estradas e caminhos por onde a tropa passava. Muitos eram os perigos a
Formatado ... [3340]
vencer, como atravessar picadas de apenas um metro de largura nas moitas, Excluído: ,

ou então, atravessar precipícios e pirambeiras nas serras, não sendo raro o Formatado ... [3341]
Formatado ... [3342]
despencar de vários animais e a perda das mercadorias.
Formatado ... [3343]
Excluído: elos tropeiros

Os tropeiros não apenas faziam os serviços de transporte, iam muito mais além Formatado ... [3344]
Formatado ... [3345]
das funções comerciais. Sobre o comércio viabilizado pelos tropeiros, Morais Formatado ... [3346]
(1989, p. 36) faz a seguinte referência: Formatado ... [3347]
Excluído: Segundo
Excluído: :
Atendiam a toda sorte de encomendas dos conhecidos e amigos,
Formatado ... [3348]
faziam compras, inclusive de medicamentos, transportavam Excluído: :
numerário e valores, porque não havia bancos no interior, levavam Formatado ... [3349]
cartas e recados, carregavam malas de correio e traziam as notícias Formatado ... [3350]
mais fresquinhas dos lugares por onde passavam, inclusive das Formatado ... [3351]

cotações do café e de outros produtos na capital, tudo sem cobrar Formatado ... [3352]
Excluído: ¶
qualquer taxa de comissão, com uma seriedade irrepreensível, daí a
Formatado ... [3353]
confiança de que desfrutavam.
Excluído: ¶
Formatado ... [3354]
Formatado ... [3355]
O transporte da produção cafeeira da região central (Santa Leopoldina, Afonso Formatado ... [3356]
Cláudio, Santa Tereza) era feito nos lombos de burros, descendo a serra até o Formatado ... [3357]
Excluído: ,
porto de Santa Leopoldina, e daí atravessava o rio Santa Maria em canoas,
Formatado ... [3358]
106

Excluído: A
chegando até o porto de Vitória. Essa região era a única que no início do
Excluído: central …X ... [3359]
século XX comercializava e exportava o café através do porto de Vitória. Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Formatado ... [3360]
Na comercialização do café produzido na região central, havia vários
Excluído:
intermediários, sendo os comerciantes das firmas importadoras e exportadoras, Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
os que concentravam os maiores lucros nessa transação. Entre as firmas que Subscrito

atuaram em Vitória durante as primeiras décadas do século XX, podemos Excluído: ,…al ... [3361]
Formatado: Fonte: (Padrão)
destacar: Hard Rand Cia (americana), Cruz Duarte Cia (luso-brasileira), Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Arbuckle Cia (americana).
Excluído: e que entre tais
intermediários,
Formatado: Fonte: (Padrão)
Essas casas comerciais tinham a parte dos fundos voltada para o mar e a sua Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
parte da frente voltada para a rua da Alfândega, atual Jerônimo Monteiro. Essa Excluído: eram

posição era estratégica, pois favorecia o embarque e desembarque do café. Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Assim, “(...) havia sempre barcas atracadas em trapiches nos fundos das casas Subscrito
Excluído:
de comércio, prontas para levar a mercadoria ao navio” (CAMPOS, 1996, p.
Formatado ... [3362]
132). Excluído: as
Formatado ... [3363]
Excluído: de importação e
... [3364]
De fato, a partir da primeira década do século XX, devido à dinâmica do café, Formatado ... [3365]
novas atividades foram incrementadas, surgindo em Vitória várias lojas Formatado ... [3366]
Excluído: ta… das casas
... [3367]
comerciais onde se vendiam artigos importados. Tais lojas eram filiais de casas
Formatado ... [3368]
de comércio do exterior. Geralmente as de origem italianas ou alemãs eram as Excluído: , pois de acordo com
... [3369]
de maior número. Citaremos apenas duas delas: Fiorita e Pisone. Formatado ... [3370]
Excluído: .… ... [3371]
Formatado ... [3372]
O desenvolvimento do comércio na capital estava diretamente atrelado ao Formatado ... [3373]
desenvolvimento do seu porto. Dentro dessa ótica, ele era imprescindível para Excluído: a
Formatado ... [3374]
o escoamento da produção do estado e para importação de produtos de que os
Excluído: Essas
consumidores necessitavam: seja para o luxo de seus hábitos, seja para o seu Formatado ... [3375]
Excluído:
consumo diário, como gêneros alimentícios.
Formatado ... [3376]
Formatado ... [3377]
A construção do porto seria de fundamental importância para o Formatado ... [3378]
Excluído: ,…,… ... [3379]
desenvolvimento do Espírito Santo, pois polarizaria a produção de café do sul e
Formatado ... [3380]
do norte, concretizando também a ambição de fazer do estado o exportador da
Excluído:
107

Excluído: , aspiravam
Formatado ... [3381]
produção mineira. Além disso, o governo estadual e a elite política aspiravam Formatado ... [3382]
transformar Vitória em um grande centro de comércio, e isso só se tornaria Excluído: ,
Formatado ... [3383]
possível através da construção de um porto em seu território. O porto, segundo
Formatado ... [3384]
a elite dirigente, traria o progresso ao Espírito Santo. Sobre a importância do Formatado ... [3385]
desenvolvimento de Vitória a partir do porto, dizia Jerônimo Monteiro em Excluído: ob esse aspecto
Formatado ... [3386]
mensagem de governo (1912, p. 6).
Formatado ... [3387]
Formatado ... [3388]
A impressão que recebem os innumeros visitantes de nosso porto é Formatado ... [3389]
de triste repercussão fora dos limites de nosso território, e impede a Formatado ... [3390]
entrada de elementos novos que comnosco venham colaborar, Excluído: ã

afastando capitaes e difficultando o progresso. Formatado ... [3391]


Formatado ... [3392]
Excluído: ¶
No ano de 1881 foi encomendado ao engenheiro Milnor Roberts o estudo para Formatado ... [3393]
a construção do porto. Ficou atestado que o continente seria o local apropriado Formatado ... [3394]
Excluído:
para a sua instalação, devido à maior profundidade da bacia marítima. Tal
Formatado ... [3395]
conclusão não foi satisfatória para o governo estadual e nem para a elite Excluído: Este atestou

dirigente de Vitória. De fato, se o porto ficasse no continente, Formatado ... [3396]


Formatado ... [3397]
conseqüentemente lá também ficaria o controle sócio-político e o
Excluído: a qual sabia que
desenvolvimento econômico da região. Formatado ... [3398]
Formatado ... [3399]
Formatado ... [3400]
Antes de ter início os trabalhos de construção do porto, não havia atracadouro
Formatado ... [3401]
para navios, sendo que os mesmos ficavam a certa distância do cais, onde Excluído: perto dos navios

pequenas embarcações atracavam para embarque e desembarque de cargas Excluído: , se dirigiam


Excluído: ora para o cais
ou de passageiros. Essas pequenas embarcações dirigiam-se para o Cais do
Formatado ... [3402]
Imperador (localizado em frente ao Palácio Anchieta) ou para o Cais da Excluído: do Edem Parque,
... [3403]
Formatado ... [3404]
Alfândega (localizado nas proximidades da atual Praça Oito de Setembro).
Formatado ... [3405]
Vários estudos e projetos para a construção e aparelhamento do porto, assim Formatado ... [3406]
como a sua localização, foram apresentados ao governo estadual, sendo todos Excluído: -Gran
Excluído: de da Praça...Santos
[3407]
rejeitados.
Formatado ... [3408]
Formatado ... [3409]
Somente no governo Jerônimo Monteiro (1908-1912), chegou-se ao fim deste Excluído: ,
Excluído: :
embate, com a assinatura em 1910 de um decreto para a construção do porto
Formatado ... [3410]
na cidade de Vitória. Segundo Franco (2001, p. 49), Excluído: ,
Formatado ... [3411]
108

Excluído: “

O projeto para a construção do porto (...) determinava a construção Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, 10 pt, Não Sobrescrito/
de 885 metros de cais e de uma ponte de 199 metros de Subscrito
Excluído: o…” ... [3412]
comprimento, a dragagem da barra para receber navios de maior
Formatado: Recuo: À
calado e outros serviços. esquerda: 4,02 cm
Excluído:

Em 1911 tiveram início as obras de construção do porto. No entanto, as Formatado ... [3413]
Excluído:
mesmas foram paralisadas em 1914 por ocasião da Primeira Grande Guerra Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Mundial. Somente no ano de 1923, durante o governo de Nestor Gomes (1920- Subscrito

1924), voltou-se a cogitar o reinício das obras. Contudo, foi no governo de Excluído: e …só em 1925,
... [3414]
Formatado ... [3415]
Florentino Avidos (1924-1928) que as obras recomeçaram, tendo início a
Excluído: .
primeira seção do cais, onde deveriam ser construídos três armazéns, Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
calçamentos, linhas férreas, esgotos de águas pluviais, iluminação, Subscrito

abastecimento e distribuição d’água e aparelhamento técnico do porto. Excluído: No governo


Florentino Ávidos…, teve
... [3416]
Formatado ... [3417]
Excluído: à
A construção de uma ponte ligando o continente a Vitória seria uma obra de
Formatado: Fonte: (Padrão)
ação conjunta com o porto, na medida em que, a ponte facilitaria o transporte Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
de cargas diretamente para o porto. No ano de 1928, esta ponte foi inaugurada, Formatado ... [3418]
ficando conhecida como as Cinco Pontes. Formatado ... [3419]
Excluído: a qual
Formatado ... [3420]
A partir de 1925 as obras do porto não seriam mais paralisadas. Em 1929 já Excluído: va

estavam concluídos os armazéns I e II e a iluminação elétrica. O armazém III Formatado ... [3421]
Formatado ... [3422]
só ficou pronto em 1932. Em seguida, o aterro do lado externo do porto deu
Excluído: ,
lugar a linha férrea, atravessando a Vila Rubim para chegar até o porto. Formatado ... [3423]
Excluído: Contudo
Formatado ... [3424]
Em 1937 foi concluída a primeira seção e, a partir daí, os navios puderam Excluído: ó
atracar diretamente no porto. No entanto, somente três anos mais tarde a Formatado ... [3425]
Excluído:
conclusão das obras foi total, sendo inaugurado o Cais Comercial de Vitória.
Formatado ... [3426]
Formatado ... [3427]
Mesmo antes de finalizadas as obras de construção do porto, já se fazia sentir Excluído: as obras de... [3428]
Formatado ... [3429]
em Vitória, principalmente na década de 1920, as vantagens nos setores
Excluído: ressalta…: ... [3430]
econômico, político-social e urbanístico pelo qual passava a cidade. Sobre Formatado ... [3431]
esse aspecto, Siqueira (1984, p. 94) faz a seguinte menção: Excluído: :
Formatado ... [3432]
Formatado ... [3433]
109
Formatado ... [3434]
Formatado ... [3435]
Formatado ... [3436]
Excluído: ¶
A década de 1920 foi decisiva para o posicionamento do porto de Formatado ... [3437]
Vitória na economia do Espírito Santo. O crescimento das vias de Formatado ... [3438]
comunicação no Estado e a atuação das estradas de ferro Formatado ... [3439]
proporcionaram melhores condições de transporte até Vitória, Excluído: .

favorecendo o desenvolvimento do porto que centralizava Formatado ... [3440]


Formatado ... [3441]
acentuadamente o movimento comercial estadual.
Excluído: iqueira
Formatado ... [3442]
Excluído: (
No ano de 1922, o porto de Vitória contribuiu com 57% do valor das
Excluído: :
exportações do estado e a maior parte desse valor era referente à exportação Formatado ... [3443]
do café (SIQUEIRA, 1984, p. 88). Formatado ... [3444]
Excluído: Uma outra
Formatado ... [3445]
Outra via de exportação dos produtos capixabas foi a Estrada de Ferro Formatado ... [3446]
Leopoldina, que na década de 1920 superou o porto nas exportações de outros Excluído: via
Formatado ... [3447]
produtos que não o café, confirmando a ligação do porto com as exportações
Formatado ... [3448]
para o exterior. Excluído: ,
Formatado ... [3449]
Formatado ... [3450]
Apesar da importância e da predominância do setor agrícola capixaba, o Formatado ... [3451]
governo Jerônimo Monteiro se empenhou nos esforços para promover a Excluído: . Segundo ... [3452]
Formatado ... [3453]
industrialização no Espírito Santo. Em favor da industrialização,
Excluído: “
Formatado ... [3454]
(...) este governante argumentava que havia um movimento geral de Formatado ... [3455]
progresso no país do qual o Espírito Santo ainda não participava e, Excluído: ”

por isso, embora professasse o liberalismo econômico, decidira Excluído: .


Formatado ... [3456]
intervir diretamente na economia local (BITTENCOURT, 1989, p. 69).
Formatado ... [3457]
Formatado ... [3458]
Na verdade, ao iniciar o século XX, o Espírito Santo não compartilhava como Formatado ... [3459]
Formatado ... [3460]
no nível nacional, do investimento privativo de indústrias em seu território. Na
Formatado ... [3461]
análise de Campos (2002, p. 39), Excluído: :
Formatado ... [3462]
Por volta da primeira década do século a atividade industrial em Excluído: :

Vitória resumia-se a cinco unidades produtivas de reduzidas Formatado ... [3463]


Formatado ... [3464]
dimensões: uma fábrica de cerveja e águas gasosas, uma fábrica de
Formatado ... [3465]
cal e ferraduras e uma fábrica de gelo, que posteriormente veio
Formatado ... [3466]
Formatado ... [3467]
110

também a produzir sorvetes. Seus proprietários não tinham relação Formatado: Fonte: (Padrão)
com o comércio de café. Arial
Formatado ... [3468]
Excluído: tal

O governo Jerônimo Monteiro obteve o respaldo da elite política e da elite Formatado ... [3469]
Excluído: e nosso
agrária do estado para o seu projeto industrializante, pois havia certa
Formatado ... [3470]
preocupação com a dependência que a monocultura cafeeira tinha ao mercado Excluído: este
Formatado: Fonte: (Padrão)
internacional. Portanto, ficavam as receitas do estado sujeitas às oscilações Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
desse mercado e, nesse sentido, a dependência do desenvolvimento capixaba
Formatado: Fonte: (Padrão)
também. Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: o qual
Formatado ... [3471]
Para a concretização desse projeto, de grande importância foi o governo de Excluído: ta
Formatado ... [3472]
Henrique da Silva Coutinho (1904-1908). Esse governante, devido à precária
Excluído: Estas vendas
situação em que se encontravam as finanças do estado, oriundas da queda do proporcionavam ao estado, o
valor de RS. 1.500:000$000.
preço do café e das dívidas assumidas para a construção da Estrada de Ferro Excluído:

Sul do Espírito Santo, resolve privatizar essa ferrovia, assim como a Estrada de Formatado ... [3473]
Excluído: esta,
Ferro Caravelas.
Formatado ... [3474]
Excluído: do governo,
Formatado ... [3475]
Com esse respaldo financeiro, Jerônimo Monteiro obteve a tranqüilidade para Excluído: .
Formatado ... [3476]
empreender o seu projeto industrializante. Coube ao governo estadual financiar
Excluído: ¶
esse projeto. Porém, era sua intenção repassá-lo à iniciativa particular, o que Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
realmente foi feito com algumas indústrias em anos posteriores. Subscrito
Excluído: ,…na medida em
que havia o interesse da
mesma ... [3477]
Na verdade, esse esforço de industrialização tinha o respaldo da elite agrária, Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
por causa de seu interesse em fomentar a agricultura, o que ocorreria através
Excluído: ual se daria
da diversificação de culturas, com o objetivo de fornecer matérias-primas para Formatado ... [3478]
as nascentes indústrias. Podemos pensar nesse aspecto, em uma Excluído: a
Formatado ... [3479]
dependência da indústria em relação à agricultura, reforçando a tendência
Excluído: nossa
agrária do Espírito Santo. Bittencout (1982, p. 81) esclarece nosso Formatado ... [3480]
entendimento dizendo que: Excluído: Segundo
Formatado ... [3481]
Excluído: :
Formatado ... [3482]
111

Formatado: Fonte: (Padrão)


Não havia uma aspiração em promover uma sociedade urbano-
Arial, Não Sobrescrito/
tecnológica gerada pela indústria, mas sim a criar meios para uma Subscrito

agricultura diversificada e aumentar a renda pública com a saída de


produtos manufaturados resultantes da matéria-prima local, Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
promovendo-se, também, o aumento da renda per capta eliminando a
Formatado: Fonte: (Padrão)
dependência exclusiva do café. Arial, 12 pt
Excluído:
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Com essa orientação, o governo assinou vários contratos com empresas, Subscrito
Formatado: Fonte: (Padrão)
garantindo às mesmas, incentivos para a construção de indústrias. Tais Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
incentivos giravam em torno da garantia de juros a empréstimos, doações de Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
terras, fornecimento gratuito de energia elétrica e isenções de impostos Subscrito

estaduais. Excluído: eram:


Formatado ... [3483]
Excluído:
Formatado ... [3484]
No Vale do Itapemirim seriam implantados vários estabelecimentos industriais,
Formatado ... [3485]
criando assim, um parque industrial nessa região. Com esse propósito, várias Excluído: ¶
Formatado ... [3486]
indústrias foram construídas, como a fábrica de cimento, a fábrica de papel, a
Excluído: Assim,
fábrica de óleo vegetal, a serraria industrial e a usina Fruteiras, que forneceria Formatado ... [3487]
energia elétrica às indústrias. Em Vitória, instalou-se uma fábrica de tecidos, Formatado ... [3488]
Excluído: nessa região
localizada em Jucutuquara.
Excluído: :
Formatado ... [3489]
Formatado ... [3490]
Como o governo estadual tinha o interesse de privatizar essas instalações Formatado ... [3491]

industriais, foi criado em 1911 o Banco Hipotecário e Agrícola do Espírito Formatado ... [3492]
Formatado ... [3493]
Santo, o qual forneceria crédito financeiro aos interessados na compra das Excluído: o qual forneceria
indústrias do governo. Formatado ... [3494]
Formatado ... [3495]
Formatado ... [3496]
Formatado ... [3497]
De um modo geral, todo esse empreendimento industrial não obteve os
Formatado ... [3498]
resultados desejados pelo governo. Vários foram os obstáculos que se Excluído: à

impuseram à frente de tal projeto: dificuldades de transporte, de falta de mão- Formatado ... [3499]
Excluído: questões
de-obra especializada, de mercado interno, de matéria-prima, de capital e da
Formatado ... [3500]
concorrência dos grandes centros como Rio de Janeiro e São Paulo, já que tal Excluído: almejava
Formatado ... [3501]
empreendimento visava o mercado nacional.
Formatado ... [3502]
112

Formatado ... [3503]


Excluído: izante
Todos esses obstáculos ao desenvolvimento industrial no estado foram
Formatado ... [3504]
agravados com a Primeira Guerra (1914-1918), pois com o fechamento dos Excluído: Mundial

portos europeus ao país, o estado deixou de receber bens de capitais Formatado ... [3505]
Formatado ... [3506]
industriais exportados pelos países em guerra. Dessa forma, as fábricas de
Formatado ... [3507]
papel e cimento deixavam de receber equipamentos, impedindo o Excluído:

funcionamento das mesmas. A Serraria Industrial teve seus trabalhos Formatado ... [3508]
Excluído: a
paralisados devido à queda do preço da madeira industrializada e a fábrica de
Formatado ... [3509]
óleo deixou de funcionar por falta de matéria-prima. Formatado ... [3510]
Formatado ... [3511]
Excluído: e
Formatado ... [3512]
O mesmo não ocorreu com outros setores da indústria, como no caso têxtil, do
Excluído: os quais
açúcar e álcool, pois devido ao consumo local, puderam se manter e gerar Formatado ... [3513]
algum lucro para o estado. Tanto é verdade, que duas novas usinas de açúcar Formatado ... [3514]
Formatado ... [3515]
surgiram no estado: a Usina Cascata e a Usina Jabaquara, inauguradas
Formatado ... [3516]
respectivamente em 1918 e 1919. Formatado ... [3517]
Excluído: ,
Formatado ... [3518]
Formatado ... [3519]
Durante a década de 1920, o governo estadual tomou algumas medidas para
Excluído: tomará a
tirar da estagnação os projetos industriais. Assim, tomou a decisão de arrendar Formatado ... [3520]
as fábricas que estavam em prejuízo, como também comprar a produção de Formatado ... [3521]
Formatado ... [3522]
algumas delas. Esse foi o caso da fábrica de cimento, que mesmo arrendada,
Excluído: fábricas
teve parte de sua produção comprada pelo governo em 1926 com o objetivo de Formatado ... [3523]

ajudar no seu funcionamento. Entretanto, apesar desses esforços, os projetos Formatado ... [3524]
Formatado ... [3525]
industriais encontram-se na década de 1920 paralisados.
Excluído: Rs 240:000$000
... [3526]
de
Formatado ... [3527]
Formatado ... [3528]
No governo de Nestor Gomes (1920-1924) é desativada a fábrica de papel de Excluído:
Excluído: lizantes
Cachoeiro de Itapemirim, sendo desmontado e vendido o seu maquinário. O
Excluído: paralisados
espaço ocupado por essa fábrica foi cedido para a instalação de um Excluído: .

estabelecimento de ensino: o Liceu Muniz Freire. A fábrica de óleos, sem Formatado ... [3529]
Formatado ... [3530]
funcionar por treze anos foi desmembrada da Serraria Industrial de Cachoeiro
Formatado ... [3531]
de Itapemirim. Formatado ... [3532]
Formatado ... [3533]
113

Formatado ... [3534]


Excluído: à
Apesar desses insucessos, houve por parte do governo estadual, também na
Formatado ... [3535]
década de 1920, o estímulo à exportação de areia monazítica, paralisada Excluído: de acordo com
Bittencourt (1987:157-158),
desde a Primeira Guerra Mundial. As principais usinas do estado encontravam-
Formatado ... [3536]
se entre o litoral de Guarapari e Itapemirim, sendo que “(...) a exploração desse Excluído: um cer…to ... [3537]
Excluído: .
material, na década de 1920, visava ao aprofundamento de minerais metálicos,
Formatado ... [3538]
cuja produção requeria um certo grau de beneficiamento local” Formatado ... [3539]
(BITTENCOURT, 1987, p. 157-158). Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: izante
Formatado: Fonte: (Padrão)
O projeto industrial do governo não surtiu o efeito desejado. O café ainda seria Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
o grande gerador de receitas para o Espírito Santo e o grande impulsionador
Excluído: estado
do projeto modernizador e urbanístico de sua capital. Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Excluído: a capital do Espírito
Santo.
Florentino Avidos (1924-1928) sucedeu a Nestor Gomes. Esse governante,
Formatado ... [3540]
além de querer tornar Vitória uma cidade urbanizada de acordo com os Excluído: A cidade de Vitória
só voltará efetivamente a sofrer
padrões higiênicos e saneadores da época, reafirmou em suas ações mudanças em seu espaço
urbano no governo do
governamentais o caráter agrário-exportador do Espírito Santo e a vocação engenheiro Florentino Ávidos
(1924-1928).
política, administrativa e comercial de sua capital. Segundo Bittencourt (1982, Formatado ... [3541]
p. 128), eram metas do governo Avidos: Excluído: ste
Formatado ... [3542]
Excluído: a
Formatado ... [3543]
1) Melhoramentos e remodelação da capital;
Excluído: :

2) Serviços e obras do Porto de Vitória e ponte de ligação ao Formatado ... [3544]


continente; Formatado ... [3545]
Formatado ... [3546]
3) Ampliação dos serviços de água e esgotos; Formatado ... [3547]
Formatado ... [3548]
4) Ponte sobre o Rio Doce e Estrada de Ferro Rio Doce a São
Formatado ... [3549]
Mateus.
Formatado ... [3550]
Excluído: Fica claro então,
Formatado ... [3551]
Havia o interesse do governo estadual em incrementar a economia agrária Excluído: esse governante
Formatado ... [3552]
capixaba através de um aumento das exportações pelo porto de Vitória, e
Excluído: t
conseqüentemente, promover o desenvolvimento material dessa capital. Formatado ... [3553]
Formatado ... [3554]
114 Excluído: ará
Formatado ... [3555]
Excluído: vinha
Formatado ... [3556]
Entretanto, buscou outras alternativas orçamentárias para atingir suas metas:
Excluído: a questão
privatizou alguns serviços estatais, como o setor de energia elétrica, que nessa Formatado ... [3557]
época já vinha sendo foco de investimentos por parte do capital estrangeiro, Formatado ... [3558]
Excluído: G
principalmente em São Paulo, onde o setor industrial estava se incrementando.
Formatado ... [3559]
Sob esse aspecto, nos diz Bittencourt (1982, p. 133-134): Formatado ... [3560]
Formatado ... [3561]
Excluído: Assim,
Excluído: buscou
No Espírito Santo, (...) o serviço de energia elétrica estava apenas
Formatado ... [3562]
arrendado. A extensão do capital estrangeiro no setor encontrava
Formatado ... [3563]
receptividade no governo local que vende os serviços completos de
Excluído: assim,
produção, transmissão e distribuição de energia das áreas de
Formatado ... [3564]
concessão dos ‘Serviços Reunidos de Vitória e Itapemirim”, os únicos Excluído: i
operacionais do estado, à recém-criada Companhia Central Brasileira Formatado ... [3565]
de Força Elétrica, do grupo “American Foreign Power Company” por Excluído: a

rs 12.000:000$000. Dessa maneira, consegue Ávidos desvencilhar-se Formatado ... [3566]


Excluído: r esta cidade
de um setor industrial vital que drenava recursos públicos e ainda
Formatado ... [3567]
obtém, por essa operação, formidáveis recursos a serem alocados
Excluído: ¶ ... [3568]
em suas obras prioritárias.
Formatado ... [3569]
Excluído:
Formatado ... [3570]
Dessa forma, o governo Avidos canalizou recursos para colocar em prática seu Excluído: à
Formatado ... [3571]
projeto político de transformar Vitória em uma capital moderna e higiênica,
Excluído:
buscando assim, integrá-la ao contexto nacional de remodelamento e Formatado ... [3572]
saneamento urbano. Sob esse aspecto, o quadriênio Florentino Avidos Excluído: de …e ... [3573]
Formatado ... [3574]
proporcionou à capital capixaba um remodelamento do espaço urbano ainda
Excluído: , assim como,
não visto em governos anteriores. O centro de Vitória transformou-se e se Formatado ... [3575]
ampliou através de demolições, da abertura de avenidas e ruas, da construção Excluído: e
Formatado ... [3576]
de edifícios públicos e da expansão dos serviços de água e esgoto.
Formatado ... [3577]
Excluído:
Formatado ... [3578]
Vitória ao longo da Primeira República remodelou-se e se modernizou através Excluído: durante o período
... [3579]
Formatado ... [3580]
de mudanças arquitetônicas e de saneamento urbano. Os benefícios dessas
Excluído: irá …ar ... [3581]
mudanças foram sentidos também no seu aspecto cultural e paisagístico, Formatado ... [3582]
proporcionando condições materiais e de lazer para os setores mais abastados Excluído: ar
Formatado ... [3583]
da população.
Excluído: tais
Formatado ... [3584]
Excluído: serão
Formatado ... [3585]
Excluído: édios da população
... [3586]
Formatado ... [3587]
Excluído: ainda

115 Formatado ... [3588]


Formatado ... [3589]
Excluído: aqui ainda
Formatado ... [3590]
Excluído:
Se comparada aos grandes centros urbanos, a capital capixaba ainda deixava Formatado ... [3591]
muito a desejar. A vida na cidade era pacata, sem muitos estímulos a cultura. Excluído: à
Formatado ... [3592]
Porém, aos poucos vai se modificando e proporcionando à população novas
Formatado ... [3593]
formas de lazer. Excluído: da população,
... [3594]
Formatado ... [3595]
Excluído: e se …vam... [3596]
A população de Vitória era em sua maioria composta por brancos, não Excluído: grande… ... [3597]
descartando aí a miscigenação. O restante era composto por negros e pardos Formatado ... [3598]
Formatado ... [3599]
que raramente conseguiam ascender socialmente. Esses segmentos sociais
Excluído: m
integravam as camadas menos favorecidas da sociedade capixaba, dedicando- Formatado ... [3600]
se, em sua maioria, a trabalhos considerados informais. Eram pescadores, Excluído: podemos pensar
... [3601]
Formatado ... [3602]
empregadas domésticas, vendedores ambulantes, lavadeiras, coveiros,
Excluído:
estivadores, catraieiros. Havia também os operários da construção civil, visto Formatado ... [3603]
que, com o processo de remodelação do espaço urbano de Vitória, houve uma Formatado ... [3604]
Excluído: n
significativa demanda para esse tipo de trabalho.
Formatado ... [3605]
Excluído: as

A população socialmente menos favorecida habitava as áreas baixas do centro Formatado ... [3606]
Excluído: ,
da cidade e em regiões mais pobres, como a Cidade de Palha, atual Vila
Formatado ... [3607]
Rubim. Os arrabaldes de Vitória (Santo Antônio, Jucutuquara, Praia Comprida, Excluído: …, ... [3608]
Formatado ... [3609]
Suá e Ilha de Santa Maria) também constituíam espaços de moradias dos
Excluído: em
pobres. As sociabilidades dessas camadas sociais se faziam nos quiosques, Formatado ... [3610]
nos botequins, nos mercados, nas festas religiosas e nos carnavais. Excluído: .
Formatado ... [3611]
Excluído: t
Em Vitória, ao contrário do Rio de Janeiro e São Paulo, não se observou um Formatado ... [3612]
incremento à industrialização. Dessa maneira, não houve, durante a Primeira Excluído: ,…, ... [3613]
Formatado ... [3614]
República, canalização de investimentos provenientes do café no setor
Excluído: .
industrial. Nesse contexto, podemos entender a ausência de um movimento Formatado ... [3615]
operário urbano. Excluído:
Formatado ... [3616]
Excluído: mente
A elite de Vitória era composta por políticos, altos funcionários do governo, Formatado ... [3617]
Excluído: - onde veremos
... [3618]
juristas e proprietários de firmas comerciais. Seus espaços de sociabilidades se
Formatado ... [3619]
faziam nos cafés, bares, restaurantes e nos clubes de recreação, que também Excluído: florescimento de
... [3620]
Formatado ... [3621]
Excluído: , por falta de
... [3622]
Formatado ... [3623]
Excluído: houve
Formatado ... [3624]
Excluído: na
Formatado ... [3625]
Excluído: .
Formatado ... [3626]
Formatado ... [3627]

Formatado ... [3628]


... [3629]
Formatado ... [3630]
116

eram pontos de encontro de pessoas ilustres da sociedade, como jornalistas e Excluído: os quais eram os
pontos de encontro das
escritores. Os locais mais freqüentados eram o Café Globo, o Petrópolis, o bar pessoas mais ilustres da
sociedade, como também de
do Hotel Universo, o restaurante Brasil, o clube Vitória, entre outros. jornalistas, políticos e
escritores.
Formatado ... [3633]

A camada média da população era formada por funcionários públicos, Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial
profissionais liberais e pequenos comerciantes. Sendo que, as camadas Formatado ... [3634]
Formatado ... [3635]
médias e a elite habitavam muitas vezes no mesmo espaço social.
Excluído: entre outras
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Em relação aos espaços de moradia também não era diferente. As pessoas de Subscrito

posse habitavam em áreas nobres da cidade, privilegiadas com a construção Excluído: serão
Formatado: Fonte: (Padrão)
de residências suntuosas, consideradas na época como palacetes, Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
expressando luxo e o status social do proprietário. Ruas como, Sete de
Excluído: esta
Setembro, Barão de Monjardim, Vinte e Três de Maio e Avenida Capixaba, Formatado ... [3636]
Formatado: Fonte: (Padrão)
eram os espaços prediletos do habitar da elite. Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Formatado: Recuo: À
Vitória nas primeiras décadas republicanas não possuía uma grande estrutura esquerda: 0 cm
Excluído: republicanas,… se
... [3637]
de lazer. Entretanto, o processo de remodelamento do espaço urbano foi
Formatado ... [3638]
acompanhado de uma expansão do espaço cultural, que se fez notar através Excluído: , ocorrido na capital,

da construção de teatros, cinemas, clubes e locais abertos de lazer, como Formatado ... [3639]
Excluído: como
praças e o Parque Moscoso.
Formatado ... [3640]
Excluído: a construção…d
... [3641]

Em 1907 foi inaugurado o primeiro cinema de Vitória: o Édem Cinema. Formatado ... [3642]
Excluído: É
Posteriormente, outros cinemas surgiram, como o Cine Rio Branco, localizado Formatado ... [3643]
nas proximidades da Praça Oito e o Cine Central, sobre o qual Franco (2001, p. Excluído: ão…. Segundo… …:
... [3644]
Formatado ... [3645]
67), se refere:
Excluído: :…¶ ... [3646]
Formatado ... [3647]
Este foi inaugurado em 1921 com capacidade para 600 pessoas. Na Formatado ... [3648]
década de 20, era o único existente na capital do estado. Possuía a Formatado ... [3649]
maior Orquestra de Câmara da cidade e uma sala especial para Formatado ... [3650]
fumantes. Excluído:
Formatado ... [3651]
Excluído:
O cine Politeama, inaugurado no dia 21/10/1926, estava localizado na Avenida
Formatado ... [3652]
República. Era um barracão de madeira, coberto com folhas de zinco. Por ser o Excluído: tampado
Formatado ... [3653]
Formatado ... [3655]
117 Excluído: passando por
Formatado ... [3656]
Excluído: ,
Formatado ... [3657]
preço do ingresso bastante popular, tinha uma clientela bastante eclética.
Excluído: etc.
Freqüentavam as suas sessões os mais variados tipos humanos: a família que Formatado ... [3658]
levava seus filhos a matinê, os operários, as empregadas domésticas, as Excluído: ,
Formatado ... [3659]
prostitutas. Nas segundas-feiras era comum repetir a matinê do domingo, por
Excluído: t
isso, essa sessão era conhecida por feijoada. Além de exibirem filmes, os Formatado ... [3660]

cinemas também faziam apresentações musicais ou teatrais com artistas Excluído: algumas vezes …s,
... [3661]
Formatado ... [3662]
vindos de fora do estado. Excluído: faziam
Excluído: ,
Formatado ... [3663]
Os clubes também eram locais de divertimentos e de sociabilidades da elite e
Formatado ... [3664]
das camadas médias da população, com suas famosas domingueiras, suas Excluído: Um outro ponto
festas de debutantes, seus carnavais e concursos de rainha. O mais Formatado ... [3665]
Excluído: s
freqüentado era o Clube Vitória, conhecido como o aristocrático do Moscoso.
Formatado ... [3666]
Pacheco (1998, p. 17) visualiza a sociedade da época, dizendo que: Excluído: , eram os clubes
Formatado ... [3667]
Ali se reuniam para as festas de gala, as moiçolas casadouras, os Excluído: com
Formatado ... [3668]
rapazes de boa família, os bons partidos, os apaixonados assumidos,
Excluído: pela elite local e
... [3669]
os que namoravam escondido. E os pais e as mães a vigiar a prole e
Formatado ... [3670]
a cuidar das boas maneiras e dos bons costumes, a se
Excluído: Segundo
cumprimentarem nas ocasiões solenes, como o réveillon.
Formatado ... [3671]
Excluído: :

Nas áreas abertas da cidade, as sociabilidades também se faziam presentes e Formatado ... [3672]
Excluído: :
nelas transitavam pessoas de várias origens sociais. A região do Parque
Formatado ... [3673]
Moscoso confirma essa afirmativa, pois era um local onde residia grande parte Formatado ... [3674]
da elite de Vitória. Porém, ali existia uma singularidade: durante o dia Formatado ... [3675]
Excluído: A
transitavam e se reuniam famílias e estudantes e, à noite, tornava-se local de
Formatado ... [3676]
sociabilidade das camadas mais populares, sendo o ponto de encontro de Excluído: também eram locais
... [3677]

militares e empregadas domésticas. Formatado ... [3678]


Excluído: ,
Formatado ... [3679]
Vitória tinha algumas peculiaridades. Por ser uma cidade bastante pequena, Excluído: .
Formatado ... [3680]
espremida entre o mar e a montanha, acomodou em seu centro urbano várias
Excluído: Comopor exemplo o
camadas sociais. As separações espaciais configuraram-se mais efetivamente, Formatado ... [3681]
a partir do projeto de modernização pelo qual passou a capital, principalmente Excluído: . Este
Formatado ... [3682]
no governo Florentino Avidos.
Excluído: o
Formatado ... [3683]
Excluído: …Porém ... [3684]
Formatado ... [3685]
Excluído: ,
Formatado ... [3686]
Excluído: , pois,
Formatado ... [3687]
Excluído: e à noite,…tornava-
... [3688]
Formatado ... [3689]

Formatado ... [3690]


Formatado ... [3691]

... [3692]
118

Formatado: Fonte: (Padrão)


A urbanização se assentou em aterros de mangues, de mar e também em Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
demolições. Nessa direção, Vitória avançou em seu processo de Excluído: ará
modernização, modificando-se de forma gradativa, configurando um novo perfil Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
urbano à cidade. Subscrito
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Formatado: Não Sobrescrito/
Subscrito
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial, Não Sobrescrito/
Subscrito
Formatado: Fonte: (Padrão)
Arial

Formatado: Fonte: (Padrão)


Arial
119

Excluído: Se comparada aos


IV - A CIDADE TRADICIONAL E O PROCESSO DE MODERNIZAÇÃO E grandes centros, a capital ainda
deixava muito a desejar. A vida
URBANIZAÇÃO aqui ainda era pacata, sem
muitos estímulos a cultura.
Porém aos poucos vai ...
se[3696]
Formatado ... [3697]
Excluído: apIII
4.1 - O PROJETO POLÍTICO URBANIZADOR E A REMODELAÇÃO DE Formatado ... [3698]
Excluído: .
VITÓRIA
Formatado ... [3699]
Excluído: -
Formatado ... [3700]
Excluído:
Nos primeiros anos do século XX, a capital capixaba não era dotada de
Formatado ... [3701]
nenhum tipo de infra-estrutura de saneamento e higiene, como rede de água e Formatado ... [3702]
Formatado ... [3703]
esgoto, energia elétrica ou limpeza pública e domiciliar. O transporte era
Excluído: ,
extremamente precário, inexistindo até a primeira década republicana linhas de Formatado ... [3704]
bonde que servissem aos habitantes da cidade. As ruas eram todas mal Excluído: ou… particular
... [3705]
Formatado ... [3706]
traçadas, tortuosas e estreitas, sendo que, em muitos locais do centro,
Excluído: .
inexistiam ruas que ligassem um ponto a outro da cidade. Essas ruas Formatado ... [3707]
abrigavam um casario de estilo colonial e, muitos deles, em péssimas Excluído:
Formatado ... [3708]
condições de conservação.
Excluído: l
Formatado ... [3709]
Sendo uma ilha montanhosa, a característica urbana delimitava a parte alta e a Excluído: ¶
Excluído:
parte baixa da cidade. Nessa cidade de dimensões pequenas, coexistiram no
Formatado ... [3710]
centro, espaços de moradias das camadas socialmente menos favorecidas e Excluído: Existia
Formatado ... [3711]
também da elite local. As camadas pobres habitavam em sua maioria nas
Excluído: Por ser uma…os
... [3712]
partes baixas da cidade, como a rua do Piolho (atual Treze de Maio), a rua do Formatado ... [3713]
Fogo (atual Caramuru), a Ladeira Pernambuco (atual Wilson Freitas), a rua da Excluído:

Lapa (atual Thiers Velloso), a região dos Pelames (região próxima a Igreja do
Formatado ... [3714]
Carmo), entre outras. A maior parte da elite habitava a parte alta da cidade. Excluído:
Formatado ... [3715]
Excluído: e observássemos
... [3716]
Sob o ponto de vista higienista, Vitória estava longe de ser considerada uma Formatado ... [3717]
cidade saudável e dentro dos padrões modernos de higiene. Havia vários Excluído: ria
Formatado ... [3718]
locais no centro da cidade onde a presença de mangues e pântanos atestavam
Excluído: m… ... [3719]
a sua insalubridade. O lameirão do Campinho, como era conhecido o atual Formatado ... [3720]
Parque Moscoso, era um desses locais. O Largo da Conceição, atual Praça Excluído: atestavam
Formatado ... [3721]
Formatado ... [3722]
120 Excluído: :
Formatado ... [3723]
Excluído: :
Formatado ... [3724]
Costa Pereira, também era um lugar onde inexistiam condições de salubridade.
Formatado ... [3725]
Derenzi (1965, p. 181) descreve assim essa parte do centro da cidade: Formatado ... [3726]
Excluído: à
Formatado ... [3727]
O Largo da Conceição não tem forma geométrica; mal nivelado
Excluído: e
guarda poças de águas verdoengas, viveiros de mosquitos
Formatado ... [3728]
ensurdecedores. Os urubus, empoleirados (...) espreitam o lixo Excluído: sta cidade
exposto à vista, nas marés baixas (...). Formatado ... [3729]
Excluído: Esta cidade
Formatado ... [3730]
Todos esses locais insalubres existentes em Vitória, associados à falta de
Excluído: de…, ... [3731]
saneamento, faziam com que a cidade fosse palco de constantes epidemias Formatado ... [3732]
que atacavam e matavam seus habitantes. Excluído: á
Formatado ... [3733]
Excluído: pensada
O aspecto tradicional da capital capixaba só começaria a ser pensado em Formatado ... [3734]

termos de mudanças estruturais a partir da República. Seguindo a orientação Excluído: República…,


...onde,
[3735]
Formatado ... [3736]
nacional, baseada nos preceitos higienistas, seus governantes procuraram
Excluído: s
dotá-la de condições de higiene, de saneamento e de remodelamento urbano. Formatado ... [3737]
Excluído: buscarão
Formatado ... [3738]
No início do século XX, o Espírito Santo não tinha grande representatividade no Excluído: a
contexto nacional, embora a economia cafeeira já estivesse demonstrando Formatado ... [3739]
Excluído:
desde o século anterior, que sua produção e expansão constituíam sem
Formatado ... [3740]
dúvida, um dos principais fatores do crescimento econômico do estado, sendo Excluído: no território... [3741]

Vitória, o reflexo dessa realidade. Formatado ... [3742]


Excluído: e, sua capital,
... [3743]
Formatado ... [3744]
Até o início do governo Jerônimo Monteiro (1908), Vitória mantinha o tradicional Excluído: Se comparada à
... [3745]
aspecto colonial sem alteração. Somente a partir da primeira década do século Formatado ... [3746]
Excluído: . È
XX, perceberemos visíveis modificações econômicas e estruturais na capital
Formatado ... [3747]
capixaba, despontando como principal cidade portuária do Espírito Santo. Excluído: s

Essa situação tornou-se possível devido à construção da ferrovia Sul do Formatado ... [3748]
Excluído: que…em ... [3749]
Espírito Santo, que canalizou a exportação da produção de café da região sul, Formatado ... [3750]
juntando-se à produção da região central que já exportava. Excluído: ,
Formatado ... [3751]
Excluído: conseqüência d
Formatado ... [3752]
Excluído: a qual…a ... [3753]
Formatado ... [3754]
Formatado ... [3756]
121 Excluído: a
Excluído: e, irá
Excluído: se…r… comércio
... [3757]
Formatado ... [3758]
Vitória se desenvolveu devido à produção e à expansão da lavoura cafeeira,
Formatado ... [3759]
transformando-se num centro comercial ligado aos negócios de exportação e Formatado ... [3760]
importação, sendo o seu porto, o lócus dessas atividades. Formatado ... [3761]
Excluído: através de seu
... [3762]
Formatado ... [3763]
As atividades ligadas ao comércio do café foram responsáveis pelas mudanças Excluído: A dinâmica ...
do[3764]

de infra-estrutura ocorridas em Vitória: urbanização, rede de esgoto, Formatado ... [3765]


Excluído: , serão
canalização de água, energia elétrica e transporte. Siqueira (1995, p. 79)
Formatado ... [3766]
retrata essa situação: Excluído: –
Formatado ... [3767]
Excluído: ,
A cidade só perdeu este aspecto colonial ao iniciar o governo de
Formatado ... [3768]
Jerônimo Monteiro (1908 – 1912), que teve como meta a urbanização Excluído: Segundo…:... [3769]
de Vitória, incluindo as obras de melhoramento do porto. Formatado ... [3770]
Preliminarmente foram iniciadas as obras de saneamento público da Excluído: :

capital, que era uma necessidade urgente, dando-lhes serviços de Formatado ... [3771]

água, esgotos, luz e inclusive bondes elétricos, aterro de mangues, Formatado ... [3772]
Formatado ... [3773]
construção de parques, construção, alargamento e calçamento de
Excluído: , …será ... [3774]
novas ruas da cidade. Realizou-se também a reconstrução dos
Formatado ... [3775]
primeiros edifícios públicos e a construção do Hospital de
Excluído: tais
Misericórdia. Monteiro elaborou os primeiros processos urbanos Formatado ... [3776]
ocorridos em Vitória e preparou a cidade para a urbanização Excluído: para poder
moderna ocorrida posteriormente no governo de Florentino Ávidos Formatado ... [3777]
(1924-1928). Formatado ... [3778]
Excluído: a capital capixaba,…
... [3779]
Formatado ... [3780]
A preocupação do governo estadual era dotar Vitória de uma infra-estrutura, Excluído: não ultrapassava os
... [3781]
com o objetivo de torná-la um grande centro comercial e urbano. Formatado ... [3782]
Excluído: os…a de suas casas
... [3783]
Formatado ... [3784]
Em 1910, a população de Vitória era de 11.850 habitantes. A cidade era o Excluído:

retrato de uma vila colonial, demonstrada claramente na arquitetura de suas Formatado ... [3785]
Excluído: Segundo ... [3786]
casas e nas ruas estreitas e desalinhadas.
Formatado ... [3787]
Excluído: Localizada entre
... [3788]
a
Formatado ... [3789]
O centro da cidade, representado pela região do cais do porto, era o centro
Excluído: o ... [3790]
dinâmico de Vitória, onde se concentrava o comércio, principalmente na rua Formatado ... [3791]
Duque de Caxias, na rua do Comércio (atual Florentino Avidos) e na rua da Excluído: Duque de Caxias,
Formatado ... [3792]
Alfândega (parte da atual Av. Jerônimo Monteiro), sendo que, na altura da
Excluído:
Formatado ... [3793]
Excluído: :

122 Formatado ... [3794]


Formatado ... [3795]
Formatado ... [3796]
Excluído: ¶
praça Santos Dumont (atual praça Oito de Setembro), o comércio intensificava-
Formatado ... [3797]
se. Derenzi (1965, p. 180), sobre o centro comercial mais dinâmico de Vitória, Excluído: ¶

menciona: Formatado ... [3798]


Formatado ... [3799]
Formatado ... [3800]
Era rua de futuro, central, plana, com a Praça Santos Dumont a Excluído: Existia n
dividi-la ao meio. As firmas importadoras, Manoel Evaristo Pessoa, Formatado ... [3801]
Viana leal, “Casa Garantia” e representantes comerciais preferiam-na Excluído: localidades…p
... [3802]
por ter o mar a bater-lhe nas portas dos fundos, por onde recebiam Excluído: c…t ... [3803]
Formatado ... [3804]
as cargas desembarcadas dos saveiros e alvarengas. J. Zinzen,
Formatado ... [3805]
principalmente, com sua casa de café e artigos europeus, ocupava
Excluído: os quais
grande frente, com edifício majestoso anexo ao armazém.
Formatado ... [3806]
Formatado ... [3807]
Nas proximidades da Praça Santos Dumont havia o Cais da Alfândega. Nesse Excluído: Parque Moscoso
Formatado ... [3808]
local ficavam os botes de tostão, que receberam essa denominação por ser o
Excluído: ,
valor cobrado para transportar passageiros de Vitória até o continente. Formatado ... [3809]
Excluído: existia
Formatado ... [3810]
Havia ta