Você está na página 1de 5
cS PEQUENA hy NOTAVEI A PLAYBOY selecionou e avaliow balla especiais das principais microcervejari Ee OICies SS CMOS USE Least ea 0 ea y CU EOE aod ELC ny + abe POR JARDEL SEBBA ‘0 Brasil j4 se produ- zem cervejas espe- ciais e artesanais de primeira linha e de (quase) to- dos os tipos. Por isso, seleciona- mos dez rétulos de microcerve- jarias nacionais perfeitas para o inverno e pedimos a opiniao de dois especialistas, donos de bares que sao referéncias na bebida em Sao Paulo: Edu Pas- sarelli, do Melograno, e Cassio Piccolo, do Frang6. Sem compa- ra-las, ja que elas sao bem di- ferentes entre si, mas avalian- do a proposta de cada uma, eles fazem suas observacoes. IDOSPELAS CERVEJARIAS OO GEO ‘CERVEJARIA: Backer ‘CIDADE DE ORIGEM: Beio Horizonte (MG) (GRADUAGAD ALCOOLICA: 4.83% RECO MEDIO*. RS 5 (garrafa de 356 m)) PALAVRA DO PRODUTOR “A Brown foi criada em 1998 pare ser a primeira cerveja brasileira com aroma ‘de checolate. Querfamos uma Porter no muito agressive paranaoafastar quem néo estava habituadocom cervejasespecials.” PAULALEBBOS, DIRETORA DE [MARKETING DA CERVEJARIA PALAVRA DOS ESPECIALISTAS 6 £ uma cerveja que usa esséncia de chocolate no lugar do chocola- te propriamente dito. E bem doce e nao muito alcoélica, mas, para meu paladar, acaba sendo uma cerveja um pouco enjoativa. 99 emu passaneuuiicovacso HHUt! 66 interessante para quem gosta de cerveja escura leve. A docura da Brown serve bem a quem nao est acostumado com as escuras mais amargas. Mas seu chocola- te é ligeiramente excessivo. 99 cassioprecouo|covecto HHH costo 2010 pLasoy 249 PEAR nae BAMBERG BOCK CCERVEIARIA: Baden Baden ‘CIDADE DE ORIGEM: Campos do Jorda0 (SP) ‘GRADUACAO ALCOOLICA: 9,22 PREGO MEDIO: RS 9,91 (garrate de 600 ml) PALAVRA DO PRODUTOR | mente eremosa, com nots tostadas, € que harmonica bem com pratosintnsos, como carnes de caga com mohos fortes e ques marcantes, como gorgonz02 | asazauara 2c SuNvEL | poGRUPOSCHINCARIOL PALAVRA DOS ESPECIALISTAS 66 Tem um dos maiores teores al- coélicos entre as cervejasnacionais eum amargor profundo no final. Uma cerveja robusta e extrema em. varios aspectos. Liipulo, malte, cool: tudo aqui é farto. 99 epupassanenuicovacto bali 660 aroma nao sobressai tan- to, mas o sabor é equilibrado: tem boa estrutura, corpo, alcool e harmonia. Ela combina muito bem com carne vermelha om com algum sabor picante. 99 cassiopiccto icenacko HAL CERVEIARIA: Samberg CIDADE DE ORIGEM: Vora (SP) (RADUACAO ALCODLICA: 8 REGO MEDIO: RS 1 (grroe de 355 mi) PALAVRA DO PRODUTOR riada em 2007 e inspirada nas Bocks feitas na Franconia, regio ao norte da Bavaria, ela é mais alcodlica (0 rétulo indica 7%, da produgao anterior, masa atual tem 8%; nfelizmente nao deu tem- pode mudar), ¢sua cor é mais escura.” | ALEXANDREBAZZO,SOCIODACERVELARIA PALAVRA DOS ESPECIALISTAS 66 Tem notas de caramelo e mal- te bem intenso. Comparada com uma Bock das grandes cervejarias, tem entre as semelhancas 0 cara- melo ¢ 0 Alcool intenso; como di- ferencial, ela tem mais corpo. 99 EDUPASSARELLI|covaczo HHALL G6Tem bela cor avermelhada, aro- maagradavel e uma cerveja mais estruturada e para ser aprecia- da numa temperatura nao muito gelada. O final é agradavel, nem muito seco nem muito doce. 99 tassinpreca.oicorczo Hi CCERVEJARIA: Colorado ‘CIDADE DE ORIGEM: Ribeirao Preto (SP) ‘GRADUAGAD ALCOOLICA: 6% ‘PRECO MEDIO: PS 11 (gartata de 600 mi) | PALAVRA Do PRODUTOR “Agente queria uma cerveja com ingre- dientes brasileiro. Foramériostestes com | café até acertarmos com infusdoa trio. Eu queria que fosse uma Porter, estilofortee alcodlico que estava esquecido no Brasil.” [MARCELO CARNEIRO, PRESIDENTE DACERVEIARIA PALAVRA DOS ESPECIALISTAS 66 A infusio a frio faz com que a nota de torrefacao nao seja ex- cessiva, embora 0 sabor predo- minante ainda seja odo café. Ela é uma cerveja mais densa, que tem algum amargor no final. 99 pupassaReucorscio HAHA 660 café é um pouco excessivo, mas nao me incomoda; eu gostode cerveja amarga. Por contraste, po- decombinar bem com sabores ado- cicados. Mas quem nao est acos- tumado vai estranhar o café. 99 eassiopiccto corto HHL Een EISENBAHN RAUCHBIER CERVEIARIA. D2Do Bier CIDADE DE ORIGEM: Porto lear ‘GRADUACAO ALCOOLICA: 5, PRECO MEDIO: RS5,90 (gerra 600m) paLavea po PRODUTOR “Pensamos em fazer uma Bock mais ci debeber sem radiealismes, Uma cera cessive, equibrada ena pudesse substtuira Pisen nur | mais tio comoodo Rio Grande doSul | eouanoose. sociounoAcoR | DACERVEJARIA PALAVRA DOS ESPECIALISTAS @6Eles so pioneiros entre as mi- crocervejarias. A Royal Black é menos encorpada, leve, facil de beber. Por ter étima relacio custo- beneficio, pode ser uma porta de entrada a cervejas especiais. 99 mupassaReuscovscto HHA 66 uma Bock adaptada. Ela nao 6 pesada, o que é uma qualidade Acho louvavel que se pense numa cerveja de acordo com a tempera- tura do local. Falta um pouco de pegada, masé agradavel. 99 eassio eco. corgi HAL 252 ruarnoy costo 2010 CERVEJARIA: Eikbier CIDADE DE ORIGEM: Tabozo da Sera (SP) GRADUAGKO ALCOBLICA: 67s REGO MEDIO: RS 11 (greta de 600 mi) PALAVRA DO PRODUTOR “Ela nasceuem 2007 como uma cerveja inspirada em rotulos ingleses ¢ belgas do estilo Red Ale. N40 é to amarga, e vocé | nao sentetantoa presengadodicool, sente | mais domatie. Ele também agrada bas- tante ao puiblicofeminino, LUCAS CARVALHO, SOCIODA CERVEIARIA PALAVRA DOS ESPECIALISTAS G6 £ uma novidade interessante, ainda que nao seja uma grande cerveja nem uma tipica Red Ale. E uma cerveja bem encorpada e que deve cair muito bem em dias mais frios. 99 EDU PRSSARELLI iil (66 Umacervejaum poucodiscreta. Elatem bastante acidez, mas falta um pouco de corpo. A cor é bonita, o sabor é diferenciado e pode ser uma boa porta de entrada para o umiverso das cervejas especiais. 99 eassioPtccoLo corcko Hii CCERVEJARIA: Eisenia ‘CIDADE DE ORIGEM: Biumerau (SC) GRADUAGAO ALCOOLICA: 6.5% RECO MEDIO: RS 4.46 (garrata de 2550) | PALAVRA DO PRODUTOR | *Destaca-se pelo sabor intenso, e sua | nota detumada é mais branda que a das alemas de Bamberg, de onde vem oestilo Rauchbier. Harmoniza bem com pratos que também tenham notas defumadas, | kara 2aNATTA. BEER SOMMELIE DO GRUPOSCHINCARIOL PALAVRADOS ESPECIALISTAS GGEla tem malte adocicado, no- tas de caramelo e Alcool sempre presente. Quem a bebe precisa es- tar ciente do defumado, raro em outras cervejas e que nao é para qualquer paladar. 99 epupassareutcorscso HAE) 66 Ela éumaboa representante do estilo Rauchbier. O defumado diz a que veio logo no aroma, Nao gosto desse tipo de cerveja, mas ela tem. a virtude de ser menos defumada do que as originais do estilo. 99 cassiopicca corso HAA ae tae Se ees eeu as CERVEIARIA: Falco Bior GRADUAGKO ALCOOLICA. 4.5% REGO MEDIO: RS 12 (garafe de 600 m)) | pasveao proouroR | “E uma cerveja que tem notas de cafée |chocaloteecujecferencialéatoretdo | comatte. Nos aocomprarnos mate tar | edo, mastorramos ra prpracerveaia | com um torrefador de café adaptado.” | nuscorucone socio se RODA FALE BIER PALAVRA DOS ESPECIALISTAS 66Ela traz notas de torrado e ca- f€ na boca, ou seja, sabores que remetem 3 torrefacao, Seu pala- dar inicial é doce, ¢ ela se revela uma Dunkel facil de beber, como corpo mais leve, Bem gostosa. $3 eoupassareutcorscao HHL QbEstilo de cerveja que melembra as alemis, ela 6 mais seca e tem corpo médio, sem muito amargor. E agradavel, facil de beber e fica mais interessante na boca do o aroma inicialmente indica. cassiortcom cowczo HALE CERVEIARIA: Schmit CIDADE DE ORIGEM: Porto Alegre (RS) GRADUAGAO ALCOOLICA: 2.5% PREQO MEDIO: ene RBS 7.5029,50 (garratade 350 mi) PALAVRA DO PRODUTOR “Adaplacso doestilo Barley Wine, no to ‘amargaquantoasinglesasnemodacequan- toasbelgas.Alcool podechegara 10%. Pode ser guardada e evoluir por atécincoanos.” GGUSTAVODAL RL MESTRE-CERVEJEIRO ESOCIODACERVEIARIA PALAVRADOS ESPECIALISTAS 16 Eu a considero uma das melho- res cervejas do Brasil. 0 alcool se destaca bastante, o que é coerente com seu estilo, E encorpada e tem pouca espuma. Tem notas de cara- meloeum gosto frutadointenso. 99 epupassareticorapic HHAAD 66 Barley Wine, o estilo inglés, remete a uma cerveja mais alcodlica e escura do que essa. Masela tem bom padrao. Tem bas- tante estrutura, alcool e hipulo. £ uma cerveja para iniciados.99 exssiopicco.o corto HAAti 254 riavsor Acosto 2050 ae CCERVEIARIA: Was CIDADE DE ORIGEN: Belo Horizonte (MG) ‘GRADUAGAO ALCOOLICA: 11% REO MEDIO: RS13 garafa de 360m) PALAVRADO PRODUTOR | "Ela term mais malte do quea Trippeleé feita nos moldes das cervejas tradicio- ais de monastério, Foi diretamente ins. pirada na holandesa La Trappe Quadru pel e€ maturada em lascas de carvalho que envelheceram cachagas mineiras. 10SE FELIPE CARNEIRO, CERVEJEIRO DA MARCA PALAVRA DOS ESPECIALISTAS 664 Quadruppel é a cerveja mais interessante da Wals. Ela é ex- tremamente alcoélica e bastante complexa. Suas notas doces so bem intensas. 99 ‘EDU PASSAREL |covacto HHAEL @6seu aroma, de mel, banana e frutas secas, émuito mais interes- sante do que seu sabor, cuja nota doce é um pouco exagerada, Har- monizaria muito bem com um foie gras. No gosto, odoce acaba domi- nando qualquer outro sabor. 99 cassiorcco.o covacko MALL FOTOS xleoBUNY