P. 1
Analise Do Filme - A Primeira Vista

Analise Do Filme - A Primeira Vista

|Views: 9.092|Likes:
Publicado porLuciano Shinoda

More info:

Categories:Types, Resumes & CVs
Published by: Luciano Shinoda on Aug 22, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/06/2013

pdf

text

original

ANÁLISE DO FILME: “A PRIMEIRA VISTA”

1. Relacione com cenas quatro dos conteúdos ou conceitos do desenvolvimento psicomotor relacionados abaixo: A) Percepção espacial - Virgil conta a distância pelo número de passos, e as direções são seguidas a partir das “horas do relógio”. Algumas cenas que mostram o seu conhecimento sobre onde está são: durante o passeio com Amy, Virgil mostra onde fica a escola em que sua irmã trabalha; ao final do passeio, durante a chuva, ele descreve a casa como sendo alta e sem paredes, através da sua percepção do local usando a audição; quando Virgil vai ensinar Amy a patinar no gelo, ele pede que ela coloque a sua bengala em um galho na margem do lago; ele precisa do tato para perceber formas como a lata de refrigerante e a maçã. B) Percepção temporal - ao final do passeio com Amy, durante a chuva, Virgil diz: “tem seu próprio ritmo, ouve esse ping, ping, ping?” C) Coordenação motora fina - no início do filme, Virgil aparece amarrando o tênis. Em outra cena, ele está cortando o pimentão para o jantar (que depois é adiado) com Amy. E) Consciência corporal - após a massagem em Amy, ele utiliza o tato para sentir o calor da vela e, assim, poder apagar o fogo. F) Imagem corporal - a princípio, ele não possui uma imagem de si mesmo, ele não se reconhece após se olhar no espelho. 2. Descreva o processo de aprendizagem e adaptação do portador de necessidades especiais (visual), que você detectou no filme. O portador de deficiência visual precisa aprender a utilizar melhor os seus outros sentidos. Utilizam, principalmente, o tato para reconhecer objetos, mas também se utilizam dos outros sentidos e “aparelhos”, como o cão-guia ou a bengala para auxiliá-los nos deslocamentos, e a audição para perceber o local. Para facilitar os deslocamentos, contam as distâncias através da quantidade de passos, e as direções como os ponteiros de um relógio. A mudança de local dos

objetos é um problema para os cegos, umas vez que eles não podem perceber essas mudanças, se guiam através de mapas mentais, ou seja, eles memorizam onde fica cada objeto para criar um “mapa” e poderem se localizar melhor. Virgil, quando começa a ver, precisa aprender a associar a imagem do que vê com o objeto. Apenas com a visão, ele não consegue reconhecer pessoas nem objetos, mas os reconhece através do tato, então, ele começa associando o seu conhecimento tátil ao visual. 3. Analise as seguinte cenas: - Quando Virgil se refere ao horizonte ainda portando a deficiência. Ele não era capaz de compreender “horizonte” por não ser algo tocável, mas a explicação da Amy pôde fazer com que ele visualizasse mentalmente como seria o horizonte. - Recepção na casa de Amy após a cirurgia. O excesso de cores dos balões se tornou um problema para Virgil que ainda não era capaz de assimilar muita informação visual, além dele ainda não compreender as cores, o que apenas ocorre mais tarde. - Virgil colocando o líquido no copo após a cirurgia. Ele ainda usa a mesma estratégia de quando era cego, colocando a ponta do dedo na borda do copo para sentir quando este estiver cheio, ao invés de usar a visão para isso. - Virgil diante do espelho pela primeira vez após a cirurgia. Ele não era capaz de se identificar, nem compreendia o espelho. Não sabia diferenciar a imagem refletida no espelho dos objetos reais, chegando a pensar que outra pessoa estava no quarto. - Nos primeiros momentos em que recupera a visão. Se sente completamente desorientado, e é necessário usar o tato para reconhecer os objetos e pessoas, associando a sua forma, pelo tato, à imagem vista do objeto. - Quando abre a porta para a irmã após a cirurgia.

Não é capaz de identificar a irmã apenas com a visão, precisar da audição e tato para confirmar que aquela é a sua irmã. 4. Comente o filme, a partir do seu conhecimento em desenvolvimento psicomotor, abordando cenas ou características que tenha julgado importantes para construção do nosso conhecimento nesta área, relacionando-as com os conceitos psicomotores. O filme nos mostra que um cego não é alguém totalmente depende de terceiros. Com o devido treino, é possível aprender a fazer praticamente tudo o que uma pessoa com visão normal é capaz. É muito perceptível que Virgil possui uma ótima percepção espacial, ele consegue patinar no gelo, andar pelas ruas, consegue distinguir o formato de objetos e dizer onde fica cada lugar com bastante precisão. A sua coordenação motora fina e seu tato também são bastante aguçados, ele consegue amarrar cadarço e cozinhar sozinho.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->