P. 1
DISPOSITIVOS DE PROTEÇÃO

DISPOSITIVOS DE PROTEÇÃO

|Views: 1.773|Likes:
Publicado porKristy Fox
All about
All about

More info:

Categories:Types, School Work
Published by: Kristy Fox on Sep 05, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/22/2013

pdf

text

original

DISPOSITIVOS DE PROTEÇÃO

Normas da NBR5410 sobre Dispositivos de Proteção
‡ NBR IEC 61643-1 - Dispositivos de proteção contra surtos 61643em baixa tensão - Parte 1: Dispositivos de proteção conectados a sistemas de distribuição de energia de baixa tensão - Requisitos de desempenho e métodos de ensaio ‡ É aplicável aos dispositivos para proteção de surto contra efeitos diretos e indiretos de descargas atmosféricas ou outras sobtensões transitórias. Estes dispositivos são montados para serem conectados a circuitos de 50/60 Hz c.a. ou c.c., e equipamentos de tensão nominal eficaz (r.m.s.) até 1000V ou 1500V c.c. As características de desempenho, os métodos de ensaios e as características nominais são estabelecidos para estes dispositivos que contêm pelo menos um componente não linear destinado para limitar surtos de tensão e desviar surtos de corrente.

Normas da NBR5410 sobre Dispositivos de Proteção

‡ NBR 60335-2-76 - Aparelhos eletrodomésticos e aparelhos 60335-

elétricos similares - Segurança - Parte 2-76: Requisitos 2específicos para eletrificadores de cerca ‡ Trata da segurança de eletrificadores de cerca seja superior a 250 v e por meio dos quais os fios em cercas de propriedades agrícolas, cercam de controle de animais selvagens e domésticos e cercas de segurança possam ser eletrificados ou monitorados. conforme lei 8078/90, art. 39 - VIII, art. 12, art. 14. ‡ Características básicas Os Dispositivos DR, Módulos DR ou Disjuntores DR de corrente nominal residual até 30mA, são destinados fundamentalmente a proteção de pessoas, enquanto os de correntes nominais residuais de 100mA, 300mA, 500mA, 1000mA ou ainda superiores a estas, são destinados apenas a proteção patrimonial contra os efeitos causados pelas correntes de fuga a terra, tais como: consumo excessivo de energia elétrica ou ainda incêndios.

‡ NBR 5410 - Uso obrigatório em todo o território nacional

‡ Dispositivo DR ou Interruptor DR

Normas da NBR5410 sobre Dispositivos de Proteção
Dispositivo de seccionamento mecânico destinado a provocar a abertura dos próprios contatos quando ocorrer uma corrente de fuga à terra. O circuito protegido por este dispositivo necessita ainda de uma proteção contra sobrecarga e curto circuito que pode ser realizada por disjuntor ou fusível, devidamente coordenado com o Dispositivo DR. Disjuntor DR Dispositivo de seccionamento mecânico destinado a provocar a abertura dos próprios contatos quando ocorrer uma sobrecarga, curto circuito ou corrente de fuga à terra. Recomendado nos casos onde existe a limitação de espaço.

‡

‡ Módulos DR

Dispositivo destinado a ser associado a um disjuntor termomagnético adicionando a este a proteção diferencial residual, ou seja, esta associação permite a atuação do disjuntor quando ocorrer uma sobrecarga, curto circuito ou corrente de fuga à terra. Recomendado para instalações onde a corrente de curto circuito for elevada.

‡ Fique atento!

Normas da NBR5410 sobre Dispositivos de Proteção
Todo cuidado é pouco quando se trata de instalações elétricas. Um fio descascado, uma tomada ou um interruptor com defeito podem colocar em risco a saúde da sua família e até a sua residência. É sempre bom lembrar que todas as funções biológicas do organismo humano funcionam por meio de pequenos impulsos elétricos. Portanto, não é difícil imaginar o que poderá causar de dano à saúde uma corrente elétrica externa, mais conhecida como choque elétrico. O choque também tem como causa uma desatenção, um acidente. Muitas vezes ele também é causado de modo indireto por meio de um aparelho ou eletrodoméstico apresentando problemas de isolação. Um toque no registro do chuveiro, no painel de uma máquina de lavar, na porta da geladeira, nas microondas enfim, são inúmeras e perigosas as possibilidades de se ter contato com a corrente elétrica. É conveniente lembrar que o Dispositivo DR atua em quaisquer umas das situações que envolva fuga de corrente, que causam riscos à vida das pessoas.

‡ Riscos

Normas da NBR5410 sobre Dispositivos de Proteção

Veja o que pode acontecer com o ser humano quando ele sofre um choque elétrico: - paralisia total ou parcial dos movimentos durante a ocorrência; - queimaduras quase sempre graves; - parada respiratória com paralisia dos músculos torácicos responsáveis pela respiração (fatal caso o atendimento não seja feito com urgência); - fibrilação cardíaca (graves alterações do ritmo dos batimentos cardíacos podendo levar à morte); - parada cardíaca (quando a corrente elétrica externa paralisa o funcionamento do coração). ‡ Vale lembrar também que nas instalações elétricas podem ocorrer fugas de corrente causadas por falhas de isolação, podendo se transformar em focos de incêndios, curtos-circuitos e perdas de energia aumentando o curtosconsumo. ‡ Solução ideal com baixo custo O Dispositivo DR é facilmente instalado diretamente no quadro de distribuição de energia elétrica, seus benefícios são tão importantes que a Norma de Instalações Elétricas - NBR 5410* torna a sua instalação obrigatória nos circuitos elétrica alimentadores de áreas perigosas tais como: cozinhas, banheiros e áreas externas de residências, prédios públicos, supermercados, shoppings, hotéis e outras instalações.

Disjuntores

‡ A certificação INMETRO confirma que os produtos atuam dentro das

Certificação

conformidades técnicas e da lei, portanto é o mínimo necessário que um produto deve atender para garantir que os dados nele prescritos sejam verdadeiros. Entretanto, como no mercado existem produtos de tecnologias distintas, que oferecem níveis de segurança diferentes, aos quais projetistas e usuários devem dispor de informações adequadas para realizar uma seleção e decisão de compra consciente, o INMETRO promoveu alterações no processo de certificação, através da Portaria 348/2007: a) Considerando que o principal critério para dimensionamento dos disjuntores para proteção dos fios e cabos exigidos pela norma NBR 5410 (Instalações Elétricas de Baixa Tensão) é a análise das curvas I2t (Integral de Joule), o INMETRO determinou a obrigatoriedade de realizar os ensaios para confirmação das mesmas para cada uma das correntes nominais; b) Como as curvas ´tempo x correnteµ refletem, através das características de disparo, o grau de proteção e segurança que os disjuntores proporcionam à instalação, o INMETRO estabeleceu a seguinte classificação de proteção: - classe 1 = maior proteção - classe 2 = proteção intermediária - classe 3 = menor proteção O enquadramento nesta classificação é verificado por ensaios obrigatórios, e deve ser gravado diretamente no corpo do disjuntor para alertar o consumidor sobre O desempenho do produto, conforme selo abaixo:

Dispositivos de proteção contra surtos(DPS)

Dispositivos de proteção contra surtos(DPS)
‡ A causa mais freqüente da queima de equipamentos eletrônicos ²
como computadores, TVs e aparelhos de fax, por exemplo ² é a sobretensão causada por descargas atmosféricas ou manobras de circuito. Contudo, estes problemas estão com os dias contados. Os avanços da tecnologia já permitem a implementação de uma proteção eficaz contra estes efeitos. Instalados nos quadros de luz, os Dispositivos de Proteção contra surtos (DPS), são capazes de evitar qualquer tipo de dano, descarregando para a terra os pulsos de alta-tensão causados altapelos raios. Utilizado para limitar as sobretensões e descarregar os surtos de corrente originários de descargas atmosféricas nas redes de energia. Os dispositivos são aplicados na proteção de equipamentos conectados à redes de energia, informática, telecomunicações etc. Fixação rápida por engate em trilho, atendendo ao sistema N modular standard.

‡ ‡ ‡ ‡

‡ ‡

Vantagens e Dados para Dimensionamento
Principais vantagens - A mais completa e variada linha de DPS para aplicação em sistemas de energia do mercado nacional - Fabricação local dos modelos mais vendidos, da classe II - Disponibilidade de modelos com bases mono (só classe II), bi, tri e tetra polares, porém com modulo de reposição individual - Produzidos com a mais moderna tecnologia disponível atualmente no mundo, empregando componentes ativos (varistores e centelhadores) de altíssima qualidade e procedência idônea (Epcos/Siemens). - Ampla gama de acessórios para facilitar a montagem em conjunto com outros componentes (barramentos para ligação com disjuntores e DR·s e modulo de inversão de ligação) - Sinergia completa com os demais produtos Siemens ET, configurando-se no mais completo configurandoportfólio de produtos para instalações do país, com forte posição de liderança em minidisjuntores e DR·s. - Certificação Internacional KEMA (CENELEC) Dados básicos para dimensionamento: - Tensão nominal do DPS: Uc - Sobretensões temporárias suportáveis TOV: Ur - Nível de proteção de tensão: Up - Capacidade de descarga: - DPS classe I - Iimp - DPS classe II - In - DPS classe III - Uoc - Capacidade de descarga da corrente subseqüente Ifi (classe I) - Proteção de backup

‡ ‡

Fusíveis
‡ Fusíveis Diazed ‡ São utilizados na proteção de
curto-circuito em instalações curtoelétricas residenciais, comerciais e industriais quando corretamente instalados, permitem o seu manuseio sem riscos de toque acidental. ‡ Fusíveis Silized ‡ São utilizados na proteção de curto-circuito de semicurtosemicondutores, estão adaptados às curvas de carga dos tiristores e diodos de potência, permitindo manuseio sem riscos de toque acidental.

Fusíveis
‡ Fusíveis Neozed ‡ Possuem tamanho reduzido e

são aplicados na proteção de curto-circuito em instalações curtotípicas residenciais, comerciais e industriais ‡ Fusíveis NH ‡ São aplicados na proteção de curto-circuito e sobrecarga curtoem instalações elétricas industriais.

Fusíveis
‡ Fusíveis Sitor ‡ São fusíveis ultra-rápidos ultraapropriados em instalações industriais para a proteção de semicondutores, tiristores, GTO's e diodos. ‡ Fusíveis Cilíndricos ‡ Proteção contra curtoscurtoscircuitos e sobrecargas, combinando alta capacidade de interrupção (100 kA) a um formato compacto e aplicado em mini-seccionadoras em minitrilho DIN.

Sistema ar-lig arO sistema Ar-Lig é apropriado Arpara ligação e proteção individual de aparelhos como equipamentos de ar condicionado, copiadoras, computadores e eletrodomésticos (microondas, lavadoras de louças, lavadoras de roupas, secadoras etc.). O sistema pode ser aplicado também no setor industrial, como exemplo em pequenos compressores, máquinas específicas e outras cujo elevado nível de proteção é desejável. Disponíveis para montagem de embutir ou sobrepor, são compostos por um disjuntor para proteção de sobrecarga e curtocurtocircuito.

‡ O sistema Ar-Lig contém Ar-

‡

‡

disjuntores 5SX1 que atendem as atuais normas NBR NM IEC 60898 e a IEC 6094760947-2 e estão disponíveis nas curvas características de disparo B ou C. ‡ Com a finalidade de facilitar a conexão elétrica, o sistema ArAr-Lig está disponível no novo padrão de tomadas NBR 14136. Disponíveis nas correntes de 10A e 20A, as tomadas NBR 14136 garantem a perfeita conexão elétrica e segurança para o usuário.

Sistema ar-lig ar-

Seccionadora Minimized
‡ Compactas, mono, bi e tripolares, com os minifusíveis ‡ ‡ ‡ ‡ ‡
NEOZED são utilizados na manobra e proteção de circuitos elétricos. Podem ser encontrados nas seguintes correntes nominais: - até 63A AC-22 AC- até 50A AC-23 em 400VCA ACFornecem total segurança ao toque acidental na montagem ou substituição dos fusíveis e nos terminais de ligação. Possuem bloqueio mecânico que impede a manobra do seccionador sem fusíveis. Além de possuir uma durabilidade mecânica de 10.000 manobras apresentam uma fixação rápida por engate sobre trilho DIN.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->