P. 1
propostaItaucard

propostaItaucard

|Views: 930|Likes:
Publicado pormaykondiego

More info:

Published by: maykondiego on Sep 10, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/30/2012

pdf

text

original

FAI - Financeira Americanas Itaú S.A.

Crédito, Financiamento e Investimento, com sede na Praça Alfredo Egydio de Souza Aranha, 100, Torre Conceição – 7º andar – Jabaquara – São Paulo / SP, inscrita no CNPJ sob o nº 07.221.678/0001-43, designada FAI. INFORMAÇÕES PRÉVIAS a) Cartão - é o Cartão de crédito ou cada Cartão de crédito adicional a ele vinculado, administrado pela FAI. b) Titular - é a pessoa que propôs a sua associação à FAI ou que aceitou oferta de associação feita pela FAI. O Titular é o responsável pelas despesas com o uso do Cartão. c) Cash - é a utilização do crédito aberto pela FAI, feita pelo Titular, com o Cartão por meio de saque em dinheiro nos terminais eletrônicos no Brasil ou no Exterior. d) Encargos pela utilização do crédito aberto - são os acréscimos que o Titular pagará à FAI, sempre que fizer Cash, optar pela compra com financiamento ou pelo financiamento de parte do valor do saldo devedor da fatura mensal. e) Sistema de cartões de crédito - é a organização à qual o Cartão está vinculado (por exemplo: MasterCard, Visa, Diners etc.), escolhida pelo Titular no ato da contratação, entre aquelas que tiverem contrato com a FAI. f ) Estabelecimentos credenciados - são os fornecedores de bens ou serviços aos quais o Titular pode efetuar pagamento com o Cartão, e que foram credenciados pela FAI ou pelo sistema a que se vincula o Cartão. g) Instituições financeiras conveniadas - são instituições financeiras conveniadas à FAI para aceitar pagamento das faturas do Cartão, cujos nomes a FAI informará ao Titular. h) Comissão de permanência - é um encargo cobrado pelas instituições financeiras na hipótese de atraso no pagamento. i) Atraso - é a situação em que o Titular se encontrará se, no vencimento da fatura mensal, não efetuar o pagamento mínimo obrigatório nela indicado. j) Lojas do Grupo - são as Lojas Americanas S.A., ou quaisquer parceiros ou sociedades sob controle direto ou indireto desta. 1. VÍNCULO COM A PROPOSTA - O TITULAR DECLARA-SE CIENTE DE QUE ESTAS CONDIÇÕES GERAIS SÃO COMPLEMENTADAS PELOS DADOS DA PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO, PELAS COMUNICAÇÕES DE ACEITAÇÃO E PELAS COMUNICAÇÕES RELATIVAS AOS PRODUTOS E SERVIÇOS QUE A FAI ENVIARÁ AO TITULAR, INCLUSIVE POR MEIO DE FATURA MENSAL. 1.1. O DESBLOQUEIO OU A UTILIZAÇÃO DO CARTÃO CONFIGURARÁ A ACEITAÇÃO DO TITULAR E VÍNCULOS ÀS DISPOSIÇÕES CONTIDAS NAS REFERIDAS COMUNICAÇÕES ENVIADAS PELA FAI, QUE PASSARÃO A INTEGRAR A PROPOSTA. 1.2. O Titular declara que os dados por ele fornecidos à FAI e às Lojas do Grupo são verdadeiros e se obriga a comunicar à FAI qualquer alteração naqueles dados. 1.3. O Titular autoriza a FAI a: a) verificar qualquer informação a seu respeito que possa afetar a relação de confiança necessária à manutenção deste contrato; b) consultar a qualquer tempo, mesmo após o término deste contrato, o SISTEMA DE INFORMAÇÕES DE CRÉDITO, organizado pelo Banco Central do Brasil, sobre eventuais informações a seu respeito existentes naquele SISTEMA, e declara que as consultas efetuadas

MEDIANTE AVISO PRÉVIO DE 10 (DEZ) DIAS.2. e das Lojas do Grupo a trocarem entre si e sobre eles informações cadastrais. informações sobre o montante de suas dívidas a vencer e vencidas. SE. 2. verbal. 1.4.A FAI concede ao Titular o direito de. no mínimo.6. 1. utilizar. As transações nacionais serão faturadas pelo seu valor em moeda nacional e as internacionais pelo seu valor na moeda do local da aquisição.1.5. A FAI enviará ao Titular fatura mensal para pagamento. O Titular e os portadores de Cartões adicionais autorizam a FAI e quaisquer sociedades sob controle do Banco Itaú Holding Financeira S.1. O Titular e os portadores de Cartões adicionais autorizam a FAI e quaisquer sociedades sob o controle do Banco Itaú Holding Financeira S.pela FAI para esta contratação contaram com a sua autorização.2. O Titular está ciente de que a utilização do Cartão no Exterior restringe-se a saques e pagamentos de gastos com sua viagem e manutenção pessoal ou de pessoa autorizada pelo Titular a usar Cartão adicional para despesas correlatas. 2. 2. Estas despesas permanecerão em moeda nacional após a data do vencimento. 2. convertido. no Brasil ou no Exterior. A FAI colocará à disposição do Titular a fatura mensal por meio dos serviços do Itaú Bankline Internet na hipótese de ele optar expressamente por essa forma de envio da fatura. 2. c) fornecer ao Banco Central do Brasil.3. PODENDO REVOGAR ESTA AUTORIZAÇÃO A QUALQUER TEMPO. bem como o valor das coobrigações por ele assumidas e das garantias por ele prestadas.5. Os valores utilizados no pagamento à vista de bens e serviços serão faturados sem acréscimo de encargos no período entre a data da utilização do Cartão e a data de vencimento da próxima fatura. para Dólar dos Estados Unidos da América.4. A FAI DESTACAR O LIMITE INTERNACIONAL. 1.3. 2.A. 1. PARA OFERTA DE PRODUTOS OU SERVIÇOS QUE POSSAM SER ADQUIRIDOS COM O USO DO CARTÃO. apurado com base na taxa de câmbio do dólar norteamericano do dia do pagamento. na data do processamento. e serão pagas em moeda nacional pelo valor correspondente ao faturado. A opção pelo envio da fatura mensal por meio do Itaú Bankline Internet significará a não-obrigação de a FAI enviá-la pelo correio. o Cartão para pagamento de bens ou serviços em estabelecimentos credenciados pela FAI ou pelo sistema de cartões de crédito ao qual seja vinculado o Cartão e para efetuar o Cash. NAS INFORMAÇÕES DOS LIMITES.1.1. dentro do limite de crédito concedido. 2. a trocarem entre si e sobre eles informações creditícias e financeiras existentes em seus registros. O Titular declara-se ciente de que a FAI poderá solicitar atualização dos seus dados cadastrais. ESTE SERÁ REFERENTE A AQUISIÇÕES E .A. O TITULAR DECLARA QUE NÃO UTILIZARÁ O CARTÃO PARA COMPRA DE BENS QUE POSSAM CARACTERIZAR INVESTIMENTO NO EXTERIOR OU IMPORTAÇÃO BRASILEIRA. para integrar o SISTEMA DE INFORMAÇÕES DE CRÉDITO. ADMINISTRAÇÃO DO CARTÃO DE CRÉDITO . INCLUSIVE ELETRÔNICO. O TITULAR AUTORIZA A FAI A UTILIZAR SEU ENDEREÇO.

utilizando o Cartão como meio de pagamento. 3.1. Sempre que o Titular contratar financiamento com juros. mediante a digitação da senha. o Titular será informado. A FAI PODERÁ.2. O TITULAR RESPONDERÁ PELO VALOR TOTAL UTILIZADO E PELA TARIFA DE UTILIZAÇÃO DE VALOR EXCEDENTE AO LIMITE. nos termos que seguem.3) ou em parcelas (subitem 4. A obrigação será liquidada pela FAI.2.2. até o valor do limite total de crédito disponível. de uso exclusivo. que é de seu uso exclusivo. calculados na forma e às taxas em vigor na data do saque. O Titular poderá obter informação sobre o seu limite disponível. A FAI concederá crédito ao Titular. de acordo com a data de vencimento da obrigação.1.1. na data de vencimento da obrigação. com vencimento à vista. 2.2. para financiar o montante da fatura mensal não liquidado no respectivo vencimento e.1.A FAI abre crédito pelo prazo de 30 (trinta) dias e promete conceder financiamentos ao Titular.2. 4. às taxas de juros informadas na fatura. 2. No momento da contratação. 4. LINHA DE CRÉDITO .1). por conta e ordem do Titular. serviços Itaú Bankfone. 2. a qualquer momento. Os limites de crédito serão reduzidos pelos valores utilizados e pelos encargos sobre esses valores e recompostos nos valores dos respectivos pagamentos. O LIMITE DE CRÉDITO O ENGLOBARÁ.6. sempre que fizer saques nos terminais eletrônicos do Itaú. 3. respeitado o limite indicado na fatura como Limite Cash.2. O limite de crédito engloba o Limite Cash.3.5.3. NÃO CARACTERIZANDO AUMENTO DE LIMITE.SAQUES NO EXTERIOR. SE O LIMITE INTERNACIONAL NÃO FOR INFORMADO DESTACADAMENTE.2. 4. Caso o Titular não pague integralmente o valor da fatura mensal na data do seu vencimento. Itaú Bankline Internet e na Central de Atendimento FAI. Sobre os valores do Cash incidirão encargos.2. de quantos dias pagará juros e o valor total desses juros e pagará a tarifa de concessão de crédito prevista no item 5. 4. a abertura de crédito aqui referida será liquidada pela abertura de crédito referida na cláusula “Linha de Crédito” deste contrato.1. O Titular deverá controlar a utilização do Cartão até o limite total disponível.7. AUTORIZAR A TRANSAÇÃO. 2. 4. 3.O Titular utilizará o crédito aberto de uma só vez (subitem 4. 4.A FAI poderá oferecer ao Titular a liquidação de obrigações. letra “n”. LIQUIDAÇÃO DE OBRIGAÇÕES EM DATA CERTA . Abertura de crédito . em data certa e determinada. EXCEPCIONALMENTE E A SEU CRITÉRIO. computados desde essa . 3.5. O Titular utilizará o Cartão nos terminais eletrônicos do Itaú. o limite será reduzido pelo total financiado mais os respectivos encargos e recomposto no montante dos pagamentos efetuados. por meio dos terminais eletrônicos Itaú. As pessoas autorizadas pelo Titular a usar os Cartões adicionais disporão de senhas próprias. A TENTATIVA DE UTILIZAÇÃO DO CARTÃO ALÉM DO LIMITE DISPONÍVEL CARACTERIZARÁ PEDIDO DE AUTORIZAÇÃO DO TITULAR À FAI PARA UTILIZAÇÃO ACIMA DO SEU LIMITE DE CRÉDITO DISPONÍVEL. 3. AS DESPESAS E OS SAQUES EFETUADOS COM O(S) CARTÃO(ÕES) ADICIONAL(IS) SÃO DE RESPONSABILIDADE DO TITULAR.1.1. desde o dia da liquidação da obrigação até o dia do vencimento da fatura em que constar o pagamento.

4.3. ao pagamento mínimo obrigatório dessa fatura.2. O TITULAR CONCORDARÁ COM TODAS AS CONDIÇÕES DO FINANCIAMENTO INFORMADAS NA FATURA MENSAL. 4. o qual corresponderá. 4.3.2.4. podendo solicitar essas informações à FAI. para todos os fins.2. designado parcelamento com juros.2.Ao utilizar o Cartão para pagamento de bens ou serviços. A taxa de juros.1.2. 4.data até a do efetivo pagamento pelo Titular.4.3.2.1. Os encargos sobre as utilizações do crédito aberto serão debitados na fatura mensal. mediante dedução do respectivo valor no momento do saque. o valor da primeira parcela do financiamento. 4. 4. AO EFETUAR O PAGAMENTO DA PRIMEIRA PARCELA DO FINANCIAMENTO. 4. Durante o prazo do financiamento. o Titular pagará. O Titular declara-se ciente de que.3. .3.3. sendo o limite de crédito reduzido pelo montante financiado e pelo valor dos respectivos encargos e recomposto nos valores das parcelas do financiamento liquidadas. o Titular poderá financiar o saldo devedor da fatura em parcelas mensais.3. No vencimento da fatura mensal. No parcelamento com juros.2. OBSERVADA A OBRIGAÇÃO DE O TITULAR EFETUAR O PAGAMENTO MÍNIMO OBRIGATÓRIO. UTILIZARÁ O CRÉDITO ABERTO PELA FAI PARA FINANCIAMENTO DO SALDO DEVEDOR E CONCORDARÁ COM TODAS AS CONDIÇÕES DESSA OPERAÇÃO DE CRÉDITO. NA HIPÓTESE DE. 4. o Titular pagará os encargos em vigor no momento da opção.1. o Cartão continuará ativo.2. o número e o valor das parcelas serão acordados em cada operação e as parcelas serão debitadas consecutivamente nas faturas imediatamente seguintes. Antes de efetuar o saque.2. inclusive as tarifas associadas ao saque. sob pena de incorrer em atraso. ENQUANTO HOUVER UMA OPERAÇÃO DE PARCELAMENTO COM JUROS EM ANDAMENTO. desde que prevista a possibilidade na fatura mensal.3. O TITULAR EFETUAR PAGAMENTO INFERIOR AO TOTAL DO DÉBITO NELA INDICADO. o Titular poderá optar pelo financiamento do respectivo valor. 4. As demais parcelas vencerão no dia de vencimento das faturas subseqüentes e seu pagamento será independente da obrigação de o Titular efetuar o pagamento do valor total ou do valor mínimo dessas faturas. Nessa hipótese e. O TITULAR DECLARA-SE CIENTE DE QUE. 4. sempre que a FAI houver convencionado esse tipo de operação. o Titular deverá estar ciente dos encargos incidentes sobre o valor sacado. pagará a CPMF conforme a legislação em vigor. O TITULAR NÃO PODERÁ SOLICITAR ALTERAÇÃO NA DATA DE VENCIMENTO DA FATURA DO CARTÃO.3. no Cash. 4. 4. O TITULAR CONCORDARÁ COM OS ENCARGOS E A SUA FORMA DE CÁLCULO.2.2.3.2.2.2.2. AO EFETUAR O SAQUE. Promessa de concessão de financiamento para aquisição de bens ou serviços . O prazo do financiamento será determinado pelo respectivo número de parcelas mensais. NO VENCIMENTO DA FATURA.

Na hipótese de rescisão. DESIGNADO PARCELADO SEM JUROS. 4. 4.1.3. COM DÉBITO DE PARCELAS NA FATURA DO CARTÃO.6. conforme a legislação em vigor.1) se este contrato for rescindido por iniciativa do Titular.5. c. O TITULAR CONCORDARÁ COM AS TAXAS E A FORMA DE CÁLCULO DOS ENCARGOS. TARIFA DE INGRESSO. a título de concessão de desconto em favor do Titular. as despesas de IOF e CPMF. A FAI poderá renovar o crédito por iguais períodos. DA TARIFA INDICADA NO ITEM 5. em todas as operações de crédito. também na fatura imediatamente anterior ao evento.6.3. podendo consultar a FAI sobre essas informações. incidirá IOF.2. A FAI somente assumirá o pagamento de tributos se o Titular estiver em dia com as suas obrigações perante a FAI. no valor que a FAI vier a informar ao Titular quando este solicitar. 5. 4. a tarifa informada pela FAI no ato da solicitação. O Titular declara-se ciente de que sobre o Cash incidirá CPMF e. O Titular é o contribuinte desses tributos. 4.1. os valores financiados.1.5. 4. SEMPRE QUE A RENOVAÇÃO OCORRER COM ALTERAÇÃO DE LIMITE DE CRÉDITO. AO OPTAR PELO PARCELAMENTO COM JUROS. O TITULAR DECLARA-SE CIENTE DE QUE O PARCELAMENTO COM JUROS NÃO SE CONFUNDE COM O FINANCIAMENTO DO PREÇO DIRETAMENTE CONCEDIDO PELO FORNECEDOR DOS BENS OU SERVIÇOS. PELA FAI. a anuidade. significará que o crédito foi renovado nas condições indicadas. no número de parcelas que a FAI estiver praticando no momento.4. e as tarifas associadas. a FAI devolverá ao Titular a anuidade . a tarifa prevista na Proposta. A FAI informará. informará o fato na fatura imediatamente anterior. os encargos às taxas em vigor no dia da operação. 4.5. respeitado o percentual máximo informado na fatura relativamente ao período anterior.4. 4. A UTILIZAÇÃO DO CARTÃO OU DE QUALQUER DOS CARTÕES ADICIONAIS APÓS A RENOVAÇÃO SIGNIFICARÁ QUE O TITULAR CONCORDOU COM A ALTERAÇÃO. o Titular deverá estar ciente dos encargos a que o valor da parcela estará sujeito.6.O Titular pagará à FAI: a) pelo ingresso no quadro de titulares de Cartão.1. O Titular pagará à FAI os valores utilizados do crédito aberto. mediante débito do respectivo valor nas faturas do Cartão. Na hipótese de a FAI assumir.4. Sempre que a fatura mensal indicar os limites de crédito. O PARCELADO SEM JUROS TERÁ OS ENCARGOS QUE FOREM NEGOCIADOS ENTRE O TITULAR E O FORNECEDOR. b) pela emissão de cada Cartão adicional. ANUIDADE E SERVIÇOS . ou pela FAI sem motivo justificado. O TITULAR DECLARA-SE CIENTE DE QUE. LETRA “M”. AS PARCELAS ESTARÃO SUJEITAS À COBRANÇA. c) pelo direito de utilizar o Cartão durante os 12 (doze) meses seguintes ao pagamento. 4. as obrigações do Titular persistirão até a liquidação total de seus débitos. Antes de utilizar a opção do parcelamento com juros.3. mediante liquidação da fatura mensal do Cartão. em que data deixará de assumir o pagamento dos referidos tributos.

. no Brasil ou no Exterior. d) pela utilização dos terminais eletrônicos. f) os pagamentos efetuados no período. 6. afixada nas agências do Banco Itaú. a tarifa correspondente. h) pela utilização do Cartão ou dos Cartões adicionais em valor excedente ao limite. a tarifa de agendamento de cada parcela. o valor da liquidação das obrigações à vista. (b. A FAI informará o(s) valor(es) da(s) tarifa(s) no ato da solicitação do(s) serviço(s) e comunicará que o débito constará na próxima fatura mensal. solicitar à FAI o valor atualizado de qualquer tarifa. no endereço por este indicado (ou disponibilizará pelo Itaú Bankline Internet. e seus respectivos credores e o valor das tarifas. 5. k) pela inclusão do número do Cartão no Boletim de Proteção. a tarifa de conversão na data do processamento. i) pela emissão e envio de segunda via de fatura mensal. 5. EMISSÃO E PAGAMENTO DA FATURA . fatura contendo. quando disponível. corrigida monetariamente com base nos índices referidos no subitem 8.1.2. l) pelos serviços prestados por meio da Central de Atendimento FAI. o valor de cada parcela e demais condições do financiamento. no mínimo. d) o saldo devedor anterior. a tarifa correspondente em vigor no momento da solicitação de substituição de senha ou de Cartão. o) pela contratação de financiamento para liquidação em parcelas de saldo devedor da fatura mensal. as seguintes informações: a) o número do Cartão. decorrente do cancelamento ou bloqueio do Cartão. e. na fatura mensal. mesmo na hipótese de alteração de senha. n) pela concessão de crédito para pagamento de obrigações à vista. a tarifa de via adicional. e) por saque no Brasil ou no Exterior. quando contratadas. f) por conversão de valores utilizados em qualquer outra moeda diferente de dólares norte-americanos para dólares norte-americanos.A FAI enviará mensalmente ao Titular. g) pela elaboração ou atualização do cadastro do Titular. j) pela substituição do Cartão. sempre que o Cartão for utilizado no Exterior. as correspondentes tarifas. a tarifa correspondente em vigor no dia da utilização.2). O Titular poderá. sempre que desejar. se o Titular tiver feito essa opção). b) o limite de crédito. e) a relação dos valores utilizados no período e os respectivos estabelecimentos credores. c) o limite dos saques em dinheiro (Cash). m)pela utilização do parcelado sem juros. As tarifas cobradas serão as constantes da Tabela Geral de Tarifas. a tarifa de inclusão no Boletim de Proteção. a tarifa de cadastro em vigor no dia da confecção. no prazo de 60 (sessenta) dias a partir da rescisão. a tarifa respectiva. o prazo máximo de financiamento do saldo devedor da fatura. a tarifa correspondente indicada na fatura. em vigor na data da prestação dos serviços. a correspondente tarifa de saque em vigor no dia do saque.proporcional ao tempo não decorrido.

a FAI poderá deixar de emitir a fatura mensal ao Titular e cobrar aqueles valores em fatura mensal posterior. 6. os dados da fatura para pagamento. O TITULAR DECLARA-SE CIENTE DE QUE O PAGAMENTO DA FATURA MENSAL SERÁ PROCESSADO VIA SISTEMA E/OU . inclusive a taxa e o valor dos encargos devidos pela liquidação de obrigações à vista e pela contratação de financiamento do saldo devedor da fatura. SE OPTAR PELO FINANCIAMENTO DE. SOB PENA DE INCORRER EM ATRASO NO PAGAMENTO. a FAI comunicará as conclusões ao Titular e: a) se a reclamação do Titular estiver correta.6.3. os valores questionados não deverão ser pagos.g) a taxa e o valor dos encargos totais devidos pelo Titular. segunda via da fatura mensal. k) a data de vencimento da fatura mensal. 6. OU. 6. i) o valor do pagamento mínimo obrigatório. b) SE A RECLAMAÇÃO DO TITULAR ESTIVER INCORRETA. 6. j) o valor total devido pelo Titular. SOB PENA DE INCORRER EM ATRASO NO PAGAMENTO.3. 6. O VALOR MÍNIMO OBRIGATÓRIO DELA CONSTANTE. Enquanto a FAI estiver apurando os fatos informados pelo Titular na reclamação. verbalmente ou por meios eletrônicos. Na hipótese em que o valor total devido for. PELO MENOS. 6. REMETENDO NA HIPÓTESE DE CONTESTAÇÃO DE DESPESA COMUNICAÇÃO ESCRITA À FAI PARA APURAÇÃO. OU POR MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO OFERECIDOS POR ESSES BANCOS. a FAI demonstrará o estorno dos valores questionados na fatura mensal imediatamente seguinte à apuração final. a critério da FAI.3.2. deverá informar o fato à FAI. ESTE DEVERÁ EFETUAR O PAGAMENTO DOS VALORES NÃO QUESTIONADOS. COMUNICAR À FAI QUALQUER EVENTUAL IRREGULARIDADE VERIFICADA.4. de pequena monta. NO PRAZO MÁXIMO DE 90 (NOVENTA) DIAS APÓS O VENCIMENTO DA FATURA. que lhe fornecerá.1. O TITULAR OBRIGA-SE A COMUNICAR À FAI. para controle.2. EFETUARÁ O PAGAMENTO DA FATURA MENSAL EM QUALQUER AGÊNCIA DO ITAÚ OU DE BANCOS A ELE CONVENIADOS. Se o Titular não receber a fatura mensal até 3 (três) dias antes do vencimento (dia escolhido pelo Titular na Proposta de Associação). sua forma de cálculo.1. NO VENCIMENTO DA FATURA QUE CONTIVER DADOS QUESTIONADOS PELO TITULAR. O fato de a FAI não enviar fatura ao Titular não significará que o valor devido por ele seja zero. b. 6.5. ELE PAGARÁ OS VALORES QUESTIONADOS MAIS OS ENCARGOS DEVIDOS PELO ATRASO E AS DESPESAS DA FAI COM A APURAÇÃO. DE IMEDIATO E POR ESCRITO. QUALQUER ALTERAÇÃO NO SEU ENDEREÇO. NO VENCIMENTO DA FATURA. h) a taxa máxima de encargos a vigorar para o período seguinte e. se não for prefixada. O TITULAR FARÁ O PAGAMENTO À FAI DO VALOR TOTAL NELA INDICADO. O TITULAR DEVERÁ CONFERIR OS DADOS CONSTANTES DAS FATURAS E. a FAI lhe enviará. Após a apuração final. 6. A pedido do Titular.1) A FAI lançará os valores devidos na fatura mensal seguinte à apuração final.

mediante aviso que a FAI enviará ao Titular com antecedência mínima de 10 (dez) dias. do IGP-DI (Índice Geral de Preços Disponibilidade Interna). ambos publicados pela FGV (Fundação Getúlio Vargas). INTEGRAL OU PARCIAL. na sua falta. ou.Se houver atraso no pagamento ou vencimento antecipado. b. E TODOS OS MEIOS ELETRÔNICOS DISPONIBILIZADOS PELO ITAÚ. SE CORRENTISTA DO BANCO ITAÚ S. AUTORIZA A FAI A INFORMAR ÀQUELE BANCO. b) NAS AGÊNCIAS ITAÚ. incidente sobre o saldo devedor. 6.. A REALIZAÇÃO DE COMPRAS PODERÁ DEPENDER DE CONSULTA PRÉVIA À FINANCEIRA. O SALDO DEVEDOR APURADO COM A RESOLUÇÃO DESTE CONTRATO. HIPÓTESE EM QUE O TITULAR PODERÁ OBTER ORIENTAÇÃO ADEQUADA NA CENTRAL DE ATENDIMENTO FAI. POR CHEQUE SACADO CONTRA O BANCO ITAÚ S. d) houver medida ou evento que afete as garantias ou os direitos creditórios da FAI. a FAI poderá optar pela cobrança de correção monetária com base no percentual de variação do IGPM (Índice Geral de Preços de Mercado). VENCIMENTO ANTECIPADO . em lugar da comissão de permanência. do IPC (Índice de Preços ao Consumidor).A FAI cancelará todos os Cartões e exigirá de imediato o pagamento antecipado total da dívida. A.1) a taxa de mercado será a maior taxa efetivamente praticada pelo mercado em contrato de abertura de crédito em conta corrente. b) juros moratórios de 12% (doze por cento) ao ano mais comissão de permanência à taxa de mercado do dia do pagamento. na sua falta.2. NO CASO DE PAGAMENTO EFETUADO POR OUTROS MEIOS EM OUTROS BANCOS.. sofrer legítimo protesto de título. 7.1.6. E DE ACORDO COM O MONTANTE DO LIMITE DE CRÉDITO UTILIZADO PELO TITULAR. DURANTE OS PRAZOS INDICADOS NOS SUBITENS 6. ou tiver a sua insolvência decretada. o Titular pagará: a) multa de 2% (dois por cento) ou até o limite permitido pela legislação.6. EM DINHEIRO. não podendo esta ser inferior à maior taxa de encargos cobrada na vigência da operação de crédito.1 E 6.A. 6. ATRASO DE PAGAMENTO E MULTAS .7. E AUTORIZA O REFERIDO BANCO A PROCEDER AO DÉBITO DO VALOR. . c) a FAI constatar não ser verdadeira qualquer informação que o Titular lhe tenha fornecido na ficha cadastral ou na Proposta. NOS CASOS DE PAGAMENTOS REALIZADOS: a) POR DÉBITO AUTOMÁTICO NO ITAÚ. A. O TITULAR.1.6.2. COM O QUAL ELA POSSUI CONVÊNIO.2) no caso de processo judicial.6. 5 (CINCO) DIAS. 2 (DOIS) DIAS. b. se: a) o Titular deixar de cumprir qualquer de suas obrigações advindas deste contrato. 7. publicado pela FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas da USP). ou. b) o Titular descumprir qualquer obrigação assumida em outros contratos com a FAI e/ou quaisquer sociedades sob o controle do Banco Itaú Holding Financeira S.COMPENSAÇÃO BANCÁRIA E SERÁ LIQUIDADO JUNTO À FAI EM ATÉ: 6. 8. EM SUA CONTA CORRENTE DE DEPÓSITO.

1. confirmando a seguir por escrito o furto. o Titular obriga-se a devolver à FAI os Cartões recebidos. sob pena de a FAI cancelá-los imediatamente. inclusive multas contratuais. 8.. SENDO QUE A PRIMEIRA TENTATIVA DE DÉBITO OCORRERÁ NA CONTA CORRENTE DE DEPÓSITO MAIS ANTIGA. de modo a assegurar que os Cartões não mais sejam aceitos. No ato do cancelamento.O Titular obriga-se a comunicar imediatamente à FAI.2. Uma vez cancelados.1. quebrados. NA HIPÓTESE DE SEREM ENCONTRADOS. UMA VEZ CARACTERIZADO O ATRASO DE PAGAMENTO DA FATURA DO CARTÃO E APÓS 10 DIAS DA DATA DE VENCIMENTO DESTA.A.1. nos termos do subitem 8. O TITULAR.O Cartão e os Cartões adicionais somente poderão ser utilizados pelas pessoas neles indicadas após terem sido assinados por elas. os Cartões não mais poderão ser utilizados pelo Titular ou pelas pessoas indicadas nos Cartões adicionais. ela pagará. 9.1.1. 9. O TITULAR DECLARA-SE CIENTE DE QUE A SENHA É SUA ASSINATURA ELETRÔNICA PESSOAL. 10. 9. despesas de cobrança... também. inclusive custas e honorários advocatícios e multa no percentual aplicável ao Titular.2. 9. 8. A partir do recebimento da comunicação. PERDA. 8.8. O RECEBIMENTO DO PRINCIPAL PELA FAI NÃO SIGNIFICARÁ A QUITAÇÃO DOS ENCARGOS PREVISTOS NESTE CONTRATO OU NAS OPERAÇÕES DE CRÉDITO.3. FURTO OU EXTRAVIO DO CARTÃO .A. O Titular pagará.2. DE USO EXCLUSIVO E . despesas de cobrança. ROUBO. e em obediência a este contrato e às regras estabelecidas pelas autoridades competentes.1. 8. CASO EXISTA SALDO DISPONÍVEL SUFICIENTE PARA TANTO. A EFETUAR O DÉBITO EM CONTA CORRENTE DE DEPÓSITO DO VALOR CORRESPONDENTE AO MÍNIMO CONSTANTE DA FATURA. O TITULAR AUTORIZA O BANCO ITAÚ S. inclusive custas e honorários advocatícios e multa no percentual máximo permitido pela legislação aplicável sobre o total em atraso. OS CARTÕES DEVERÃO SER IMEDIATAMENTE QUEBRADOS E DEVOLVIDOS À FAI. por telefone.4.A. tanto na cobrança judicial como na extrajudicial. Toda compra ou Cash que acontecer antes do comunicado é de responsabilidade do Titular. QUANDO TAMBÉM TITULAR DE CONTA CORRENTE DE DEPÓSITO JUNTO AO BANCO ITAÚ S.4. CASO O TITULAR TENHA MAIS DE 1 (UMA) CONTA CORRENTE DE DEPÓSITO NA CONDIÇÃO DE TITULAR JUNTO AO BANCO ITAÚ S. e a liquidar o total de seu débito. UTILIZAÇÃO INDEVIDA . tanto na cobrança judicial como na extrajudicial. ou qualquer meio de comunicação que a FAI colocar à disposição do Titular. O DÉBITO DO VALOR CORRESPONDENTE AO MÍNIMO CONSTANTE DA FATURA INCIDIRÁ SOBRE A CONTA CORRENTE DE DEPÓSITO QUE TIVER SALDO DISPONÍVEL SUFICIENTE. DECLARA-SE CIENTE DE QUE A FAI POSSUI CONVÊNIO COM ESTE BANCO PARA DÉBITO EM CONTA CORRENTE DE DEPÓSITO DE PELO MENOS O VALOR MÍNIMO OBRIGATÓRIO INDICADO NA FATURA. roubo ou extravio de seu Cartão ou de qualquer dos Cartões adicionais sob sua responsabilidade. Se o Titular tiver que cobrar da FAI qualquer quantia em atraso. 10. a FAI cancelará os Cartões e informará o cancelamento às empresas que participam do sistema de cartões de crédito vinculado aos Cartões.

O Titular declara-se ciente de que o Banco Central do Brasil poderá comunicar à Secretaria da Receita Federal do Ministério da Fazenda qualquer irregularidade verificada na utilização do Cartão. quebrados. para cobrança. TOLERÂNCIA . 15. 15.Este contrato tem prazo indeterminado. 10. ALTERAÇÕES CONTRATUAIS – A FAI poderá alterar este contrato mediante prévia comunicação enviada ao Titular. hipótese em que o Titular devolverá à FAI o Cartão e os Cartões adicionais.1. As Condições Gerais. recusar o recebimento de sua senha ou do Cartão se o envelope que os contiver apresentar qualquer tipo de rasura ou sinal de violação. poderá. PRAZO . do SPC. serão registradas perante o competente Cartório de Registro de Títulos e Documentos.1. com as alterações comunicadas ao Titular.O Titular autoriza a FAI a sacar. sem prejuízo das medidas punitivas do próprio Banco Central do Brasil. a seu critério.INTRANSFERÍVEL.Se o Titular pagar antecipadamente valores devidos por conta de Cash ou financiamento. Em qualquer caso de término deste contrato. 15. À FAI NO PRAZO DE 10 (DEZ) DIAS CONTADOS DA DATA DO RECEBIMENTO DA COMUNICAÇÃO. O Titular deverá informar à FAI o pagamento antecipado de valores especificamente relativos ao Cash. PODERÁ EXTINGUIR O CONTRATO. DIVULGAÇÃO DE ATRASO DE PAGAMENTO . por meio de carta ou aviso inserido na fatura. SE O TITULAR NÃO CONCORDAR COM AS ALTERAÇÕES. a FAI comunicará o fato à SERASA. e de que deverá comunicar o fato imediatamente à FAI. na hipótese de ocorrer descumprimento de qualquer obrigação ou atraso no pagamento. ao SPC (Serviço de Proteção ao Crédito). letras de câmbio representativas de qualquer quantia em atraso. bloquear o limite do Cartão de crédito. por meio da SERASA. 14.2.O Titular declara-se ciente de que. E QUE SUA UTILIZAÇÃO INDEVIDA É DE RESPONSABILIDADE DO TITULAR. QUEBRADOS.1. Se a FAI tomar conhecimento de qualquer restrição de crédito ou de descumprimento de qualquer obrigação em nome do Titular.2. do CCF (Cadastro de Emitentes de Cheques sem Fundo) ou por meio de quaisquer órgãos encarregados de cadastrar atrasos de pagamento e descumprimento de obrigações contratuais. ELE SUSPENDERÁ IMEDIATAMENTE O USO DO CARTÃO E DOS CARTÕES ADICIONAIS E OS DEVOLVERÁ. 13. 12. o Titular deverá pagar o total de seu débito até o último dia do prazo de aviso de rescisão. 16. O Titular declara-se ciente de que deverá. SAQUE DE LETRAS DE CÂMBIO . 14.3. mediante aviso ao Titular. 13. NESSE CASO. serão devidos encargos proporcionais aos dias decorridos.1. PAGAMENTO ANTECIPADO . imediatamente. bem como a qualquer outro órgão encarregado de cadastrar atrasos de pagamento e descumprimento de obrigações contratuais. 11. 10. podendo ser rescindido por qualquer das Partes. o pagamento antecipado será considerado relativamente ao total do débito existente. e suas obrigações persistirão até a liquidação de seu débito. com antecedência mínima de 10 (dez) dias do início de sua vigência. 12. caso contrário. mediante comunicação por escrito com antecedência mínima de 30 (trinta) dias. QUE TEM A OBRIGAÇÃO DE NÃO A DIVULGAR A TERCEIROS.A tolerância de uma das Partes quanto ao descumprimento de qualquer obrigação pela outra Parte não significará renúncia ao direito de .

MOTIM. GUERRA REVOLUCIONÁRIA. Atualização monetária: os Capitais Segurados e os prêmios serão atualizados anualmente com base na variação do IPCA (índice de Preços ao Consumidor Amplo). 2. Garantias Adicionais: Morte em conseqüência de crime: garante ao Beneficiário o pagamento do Capital Segurado. ATOS DOLOSOS DO SEGURADO E SAQUES ACIMA DO VALOR LIMITE DIÁRIO DO CARTÃO. Roubo. REVOLUÇÃO.000.exigir o cumprimento da obrigação. FRAUDAR OU TENTAR FRAUDAR. A SEGURADORA RESERVA-SE O DIREITO DE SUBMETER 1. CONFISCO. no silêncio. após o recebimento da proposta. Furto e Coação: cobre as despesas realizadas de maneira irregular.000. C) A APÓLICE COLETIVA NÃO FOR RENOVADA OU FOR CANCELADA. terá aceitado a proposta.Vigência e cancelamento da cobertura individual: a vigência inicia-se à 0 (zero) hora do dia da contratação do seguro E SERÁ CANCELADA DE PLENO DIREITO SE: A) O CARTÃO FOR CANCELADO. 2.. . OU AINDA. comprovada por laudo médico e DESDE QUE NÃO SEJA SUSCETÍVEL DE REABILITAÇÃO OU RECUPERAÇÃO PELOS MEIOS TERAPÊUTICOS DISPONÍVEIS NO MOMENTO DE SUA CONSTATAÇÃO.1. cause a morte ou dano corporal ao segurado. EXCLUSIVAMENTE NOS EVENTOS DISCRIMINADOS NA TABELA do item 2. 2. DESTRUIÇÃO OU REQUISIÇÃO DECORRENTES DE ATO DE AUTORIDADE DE FATO OU DE DIREITO.200. e Itausaga Corretora de Seguros Ltda.1B) TRANSAÇÕES OCORRIDAS EM TERMINAIS ELETRÔNICOS CUJO ACESSO SEJA FEITO POR MEIO DE SENHA. A MENOS QUE SEJAM EFETUADAS SOB COAÇÃO. 1. datado de 12 de abril de 2006. e comprovada a cobertura do evento. PELA PERTURBAÇÃO DE ORDEM POLÍTICA E SOCIAL DO PAÍS.2 será paga metade ao cônjuge não separado judicialmente e o restante aos herdeiros do segurado. Este contrato encontra-se registrado no 5º Ofício de Registro de Títulos e Documentos de São Paulo. de um membro ou órgão. 2. NACIONALIZAÇÃO.Para fins desse seguro. OU DEIXAR DE TOMAR AS PROVIDÊNCIAS IMEDIATAS PARA REDUZIR AS CONSEQÜÊNCIAS.00 R$ 7.1. Disposições Gerais: 2.200. 1. O PERÍODO DE COBERTURA DO SEGURO SERÁ OS 3 DIAS ANTERIORES À DATA DA COMUNICAÇÃO À ITAUCARD E O DIA DA COMUNICAÇÃO ATÉ O HORÁRIO DA COMUNICAÇÃO.00 R$ 3.2. manifestará a recusa ou. LIMITADA AO CAPITAL SEGURADO PARA ESTA GARANTIA. A INDENIZAÇÃO PARA A COBERTURA DE MORTE EM CONSEQÜÊNCIA DE CRIME DESTINA-SE APENAS AO REEMBOLSO DAS DESPESAS COMPROVADAS COM FUNERAL. a Seguradora terá o prazo de 30 (trinta) dias para efetuar o pagamento da indenização.50 Nacional Esta é a proposta de seguro garantido pela Itaú Seguros S. DESPESAS PARA COBRIR A INADIMPLÊNCIA DO SEGURADO NO PAGAMENTO DAS DÍVIDAS DO CARTÃO. Após a apresentação dos documentos previstos no item 6 do Manual do Segurado.1.00 R$ 16.3.3. Pagamento do prêmio : A INDENIZAÇÃO SOMENTE É DEVIDA SE O PRÊMIO DO SEGURO HOUVER SIDO PAGO ATÉ A DATA LIMITE PREVISTA NA FATURA.500. CASO O PAGAMENTO DA PARCELA NÃO SEJA EFETUADO. SIMULAR SINISTRO OU AGRAVAR SUAS CONSEQÜÊNCIAS.Morte em Conseqüência de Crime .2.000. Informações Gerais 1. máximo de . REBELIÃO.00 R$ 8. EM GERAL.Perda.Invalidez Permanente Total em Conseqüência de Crime . AS COBERTURAS DO SEGURO SERÃO SUSPENSAS ATÉ QUE HAJA O PAGAMENTO. Beneficiários: no caso de morte do Segurado decorrente de crime coberto.Renda única por Hospitalização em Conseqüência de Crime . nem perdão.1. quando da ocorrência de perda.. A reintegração do capital segurado é automática e sem cobrança de prêmio adicional quando da ocorrência do sinistro. TODO E QUALQUER ATO OU CONSEQUÊNCIA DESSAS OCORRÊNCIAS. SEGURO MAXI PROTEÇÃO Garantias / Capitais Segurados: Eletrônico/Brasil /Internacional . sob o nº 01040795. no prazo de 15 dias.1. 2. Roubo. D) CARTÕES PERDIDOS. O CAPITAL SERÁ REINTEGRADO APENAS NOS 3 PRIMEIROS SINISTROS INDENIZADOS AO SEGURADO. 1. A COBERTURA DESSA GARANTIA SERÁ ATÉ O VALOR DO LIMITE DE CRÉDITO OU DE SAQUE DO CARTÃO.Garantias básicas: Perda.1. Garantias do Seguro: 1. Tem por objetivo garantir o pagamento de uma indenização ao Segurado ou aos seus beneficiários na ocorrência de um dos eventos cobertos pelas garantias contratadas. ROUBADOS OU EXTRAVIADOS ENQUANTO ESTIVEREM SOB A RESPONSABILIDADE DO CORREIO. AMBAS EM CONSEQÜÊNCIA DE CRIME.6. FORO .A.1.A. se feita essa opção. Autorizo a Itaucard a lançar na fatura do cartão acima as parcelas mensais do(s) seguro(s) contratado(s). CIVIL OU MILITAR E. 17. opcional e relativo ao cartão Itaucard.Fica eleito o Foro do local da assinatura da Proposta. obedecida a ordem de vocação hereditária. D) OCORRER A MORTE DO SEGURADO. nem alteração do que foi aqui contratado.1.A.00 R$ 820.00 R$ 8.1. que acarrete sua invalidez permanente e total ou a necessidade de sua internação hospitalar e que se enquadre no conceito de acidente pessoal.1. BEM COMO ATOS PRATICADOS POR QUALQUER PESSOA AGINDO POR PARTE E. DEVERÁ CONTRATAR UM SEGURO PARA CADA CARTÃO.3 do Manual do Segurado Caso haja a perda definitiva.4. CONSTANTE DO CERTIFICADO.00 R$ 700. em virtude de lesão física causada por crime coberto praticado contra o Segurado. EXCETO SE DECORRENTES DE RISCOS EXCLUÍDOS E DESDE QUE RESPEITADAS AS CONDIÇÕES CONTRATUAIS.2. SUBVERSÃO OU GUERRILHAS.2. RISCOS EXCLUÍDOS: A) TRANSAÇÕES NÃO RECONHECIDAS PELO SEGURADO COMO SINISTRO OU EFETUADAS FORA DO PERÍODO DE COBERTURA PREVISTO NO SUBITEM 1. SE O SEGURADO DESEJAR TER ESTAS COBERTURAS PARA OUTROS CARTÕES DE CRÉDITO QUE POSSUIR COM A ITAUCARD. C) USO DE CLONAGENS DE CARTÕES.Parcela mensal por cartão (pagamento do prêmio através da fatura do cartão R$ 15. A CADA ANO DE VIGÊNCIA DO CERTIFICADO INDIVIDUAL. OU EMPREGO DE QUAISQUER MEIOS ILÍCITOS PARA OBTER INDENIZAÇÃO. ESTE SEGURO É INDIVIDUAL POR CARTÃO E VISA GARANTIR CADA UM DOS CARTÕES INDICADOS NO CERTIFICADO INDIVIDUAL. Perda de Indenização: O SEGURADO PERDERÁ O DIRETO À INDENIZAÇÃO QUANDO: A) AGIR COM CULPA GRAVE. furto ou roubo do cartão e saques feitos sob coação no cartão de crédito do Segurado. 1. OBSERVADAS AS CONDIÇÕES DESTE SEGURO. a indenização contratada para a garantia prevista no subitem 1. crime coberto é a violação à lei penal que. 2. 1.00 R$ 3. 1.. OS SEGURADOS MENORES DE 14 ANOS NÃO TÊM DIREITO ÀS GARANTIAS ADICIONAIS DE INVALIDEZ PERMANENTE TOTAL POR ACIDENTE E DE RENDA POR HOSPITALIZAÇÃO. e dos adicionais. B) HOUVER RECLAMAÇÃO DOLOSA.3. publicado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). para a Itaú Seguros S. C) DEIXAR DE COMUNICAR O EVENTO PASSÍVEL DE INDENIZAÇÃO LOGO QUE O SAIBA. PREVALECENDO SEMPRE O MENOR VALOR. POR MEIO DE ATOS DE TERRORISMO. e a fornecer os meus dados cadastrais.5. OS CARTÕES QUE NÃO FORAM DISTRIBUÍDOS PELA ADMINISTRADORA DO CARTÃO.7. transferindo os valores para a Itaú Seguros S. Sinistros e pagamento da indenização: qualquer fato capaz de acarretar o dever de indenizar por parte da Seguradora deve ser comunicado imediatamente pelo Segurado à Itaucard.4. 1. A aceitação do seguro está sujeita à análise do risco que será avaliado pela Itaú Seguros que. podendo a Parte que promover a ação optar pelo Foro do domicílio do Titular. EMPRESAS TRANSPORTADORAS.2.00 R$ 7. OU EM LIGAÇÃO COM QUALQUER ORGANIZAÇÃO CUJAS ATIVIDADES VISEM A DERRUBAR PELA FORÇA O GOVERNO OU INSTIGAR A QUEDA. de obrigatória comunicação à autoridade policial.1. e total. Furto ou Saques / Compras sob coação até o limite de crédito.1 Invalidez permanente e total por acidente em conseqüência de crime: garante ao Segurado o pagamento de indenização do Capital Segurado. INSURREIÇÃO. E) ATOS DE HOSTILIDADE OU DE GUERRA.2. OU BASEADA EM DECLARAÇÕES FALSAS. GREVE.2. 2. 2. em caso de morte do Segurado causada por crime coberto. B) O SEGURADO ATRASAR O PAGAMENTO DO PRÊMIO POR MAIS DE 60 DIAS.

Para solicitar os serviços:a) transferência inter-hospitalar.7. AUTORIZAÇÃO PARA CRÉDITO EM CONTA CORRENTE E OUTROS DOCUMENTOS PREVISTOS NO MANUAL DO SEGURADO.907/0001-27 Processo SUSEP – Perda e Roubo do Cartão 15414.021510-4 . AS COBERTURAS DE MORTE E INVALIDEZ TOTAL E PERMANENTE POR CRIME NÃO SE ACUMULAM. Seguradora: Itaú Seguros S. 2. CARTA DE AVISO DE SINISTRO . DECLARO QUE LI E RECEBI AS INFORMAÇÕES GERIAS DO SEGURO E NÃO TENHO DÚVIDA QUANTO AO SEU TEOR. por parte da Autarquia. e) Serviços de registro do veículo roubado no Cadastro Nacional de Veículos Roubados. FICANDO RESERVADO O DIREITO DE SOLICITAR DOCUMENTOS ADICIONAIS PARA ESCLARECER DÚVIDAS.8. poderei solicitar seu cancelamento dentro do prazo de até 07 (sete) dias contados da data do recebimento do Manual do Segurado e do Certificado Individual. Para obter informações sobre o Seguro Multi Proteção Itaú.2.A – CNPJ nº 61. .1. Caso eu não concorde com as condições desse seguro e pretenda desistir do contrato. Garante o pagamento do capital segurado na hipótese de hospitalização do Segurado em decorrência de crime coberto.br .897. b) Serviços de transmissão de mensagens. 1. Renda por hospitalização em conseqüência de crime. c) transporte do Segurado até R$ 100.039/0001-07 Corretora: Itausaga Corretora de Seguros Ltda.. período em que o segurado não tem direito a cobertura.2. SOB PENA DE NÃO PAGAMENTO DA INDENIZAÇÃO 1.2. entre em contato com a Central de Atendimento Itaucard: 4001 4837 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 724 4837 (outras localidades).001632/2005-19.2. CNPJ ou CPF.00 por evento.O SEGURADO A EXAME PARA COMPROVAÇÃO DA INVALIDEZ E/OU AVALIAÇÃO DO NÍVEL DE INCAPACIDADE. TEREI DIREITO A DEVOLUÇÃO DA PARCELA DO PRÊMIO JÁ PAGA.susep. ligue para 4001 4837 (Capitais e regiões metropolitanas) e 0800 724 4837 (outras localidades). incentivo ou recomendação à sua comercialização. Processo SUSEP – Acidentes Pessoais Vítimas de Crime 15414.1. PARA ANÁLISE DO SINISTRO. SERÁ SUSPENSA E REINICIADA A CONTAGEM DESTE PRAZO. NESTE CASO. O registro deste plano na SUSEP não implica. Serviços Emergenciais de Assistência. BOLETIM DE OCORRÊNCIA. ATUALIZADA PELA VARIAÇÃO POSITIVA DO IPCA DESDE A DATA DO RECEBIMENTO DA SOLICITAÇÃO DE CANCELAMENTO.001073/2006-28. Estou ciente de que receberei em minha residência O CERTIFICADO e O MANUAL DO SEGURADO. O segurado poderá consultar a situação cadastral do corretor de seguros no site www.gov.1. SOMENTE SE O CANCELAMENTO FOR REQUERIDO DENTRO DESSE PRAZO.557. 2. Serviços de despachante. – Registro SUSEP 059526. detalhados no Manual do Segurado. a partir da data da hospitalização.CNPJ 60. por meio de seu registro na SUSEP. nome completo. SÃO EXIGÍVEIS O COMPROVANTE DO PAGAMENTO DO PRÊMIO. Essa garantia tem franquia de 3 dias.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->