Você está na página 1de 17

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

CAPÍTULO 13 DÉBITO E CRÉDITO (Gabarito)

1) Explique o significado do Método das Partidas Dobradas:

“Não há devedor sem que haja credor e não há credor sem que haja devedor, sendo que cada débito corresponde um crédito de igual valor”.

2) O Gráfico em “T” ou conta em “T”, empregado para controlar o movimento individua- lizado das contas, é o mesmo que:

a)

Balanços Sucessivos

b)

Lançamento em partidas de Diário

c)

Razonetes

d)

Plano de Contas

e)

N.d.a.

3) Saldo da conta é:

a)

Diferença entre valores lançados a débito.

b)

Diferença entre valores lançados a crédito.

c)

Diferença entre débito e crédito.

d)

Soma entre débito e crédito.

e)

N.d.a.

4) Crédito em contabilidade pode significar:

a)

Lado esquerdo de uma conta.

b)

Lado direito de uma conta.

c)

Coisa desfavorável.

d)

Coisa favorável.

e)

N.d.a.

Capítulo 13 – Débito e Crédito

5) Saldo devedor significa:

a)

Crédito Débito.

b)

Débito > Crédito.

c)

Débito Crédito.

d)

Crédito > Débito.

e)

Débito = Crédito.

Prof. Moreira

6) A empresa comprou a vista equipamentos, portanto:

a)

Débito: Caixa; Crédito: Máquinas e Equipamentos.

b)

Débito: Máquinas e Equipamentos; Crédito: Contas a Pagar.

c)

Débito: Caixa; Crédito: Contas a Pagar.

d)

Débito: Máquinas e Equipamentos; Crédito: Caixa.

e)

Débito: Caixa; Crédito: Contas a Pagar.

7) Aumento de Patrimônio Líquido será:

a)

Debitado.

b)

Creditado.

c)

Debitado e Creditado.

d)

É imprevisível.

e)

N.d.a.

8) O Ativo está evidenciado no lado esquerdo (lado do débito), portanto:

a)

Aumenta o Ativo: creditando-se.

b)

Diminui o Ativo: debitando-se.

c)

Aumenta o Ativo: debitando-se.

d)

Aumenta o Passivo: debitando-se.

e)

N.d.a.

9) Débito significa, em contabilidade:

a)

Lado esquerdo de uma conta.

b)

Lado direito de uma conta.

c)

Coisa desfavorável.

Capítulo 13 – Débito e Crédito

d) Coisa favorável.

e) N.d.a.

10) Saldo credor significa:

a)

Crédito < Débito.

b)

Débito > Crédito.

c)

Débito Crédito.

d)

Crédito > Débito;

e)

N.d.a.

11) Toda conta de Passivo será:

Prof. Moreira

a)

Debitada pelo aumento e creditada pela diminuição.

b)

Debitada pela diminuição e creditada pelo aumento.

c)

Sempre debitada, pois é uma situação desfavorável.

d)

Sempre creditada, pois é uma situação favorável.

e)

N.d.a.

12) O registro do recebimento de uma nota promissória, mediante cheque, é feito debi- tando-se e creditando-se, respectivamente:

a)

Bancos conta movimento e Títulos a receber.

b)

Caixa e Títulos a receber.

c)

Títulos a receber e Bancos conta movimento.

d)

Títulos a receber e Caixa.

e)

N.d.a.

13) Uma empresa efetuou os gastos abaixo enumerados. Indique na relação de contas ao lado aquela que deve ser utilizada para receber o débito correspondente:

a) Um prédio residencial

(

d ) Instalações

b) Um armário

(

c ) Veículos

c) Um automóvel

(

b ) Móveis e Utensílios

d) Um letreiro luminoso

(

e ) Prêmios de Seguros a Vencer

e) Seguro do automóvel por 1 ano

( a ) Edifícios e Construções

Capítulo 13 – Débito e Crédito

14) Tem sempre saldo devedor:

a)

Capital Subscrito.

b)

Contas a Pagar.

c)

Fornecedores.

d)

Duplicatas a Receber.

e)

Adiantamentos de Clientes.

Prof. Moreira

15) Um débito numa conta do ativo e um crédito simultâneo de igual valor, numa conta de patrimônio líquido, pode indicar:

a)

Compra de um veículo.

b)

Acréscimo do imobilizado.

c)

Aumento do capital social.

d)

Pagamento de uma dívida.

e)

Obtenção de empréstimo bancário.

16) (TRT/ESAF) O saldo credor da conta Caixa:

a)

É inadmissível numa escrituração regular e correta.

b)

Pode ocorrer nos casos de fornecimento de vales a empregados.

c)

Pode ocorrer nos casos de omissão de escrituração de compras a vista.

d)

Pode ocorrer nos casos de lançamento em duplicidade de vendas a vista.

e)

Pode ocorrer nos casos de desfalque de dinheiro sofridos pela empresa.

17) (ESAF) Observe as seguintes contas:

Caixa:

R$ 18.000

Fornecedores:

R$ 40.000

Prêmios de Seguro a Vencer:

R$ 10.000

Capital Subscrito:

R$ 15.000

Contas a Pagar:

R$ 30.000

Duplicatas a Receber:

R$ 20.000

Assinale abaixo o total de saldos credores da relação das contas acima:

Capítulo 13 – Débito e Crédito

a) R$ 40.000

b) R$ 45.000

c) R$ 55.000

d) R$ 70.000

e) R$ 85.000

Prof. Moreira

18) Com base nos eventos a seguir, registre os lançamentos contábeis da Cia. Alfa e apure o Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (ao final do último evento):

a) Constituição da empresa Alfa em dinheiro, no valor de R$ 300;

b) Abertura de uma conta corrente no banco da Praça S/A, no valor de R$ 290;

c) Compra de uma loja à vista, conforme cheque 000.001, no valor de R$ 100;

d) Compra de móveis e utensílios à vista, conforme cheque 000.002, no valor de R$ 50;

e) Compra de mercadorias a prazo, no valor de R$ 500;

f) Aplicação de 50% da disponibilidade bancária em CDB.

Obs.: Todos os recebimentos e pagamentos foram efetuados através da conta cor- rente da empresa aberta no banco da Praça S/A.

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

Capítulo 13 – Débito e Crédito Prof. Moreira Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (em R$) ATIVO PASSIVO

Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (em R$)

ATIVO

PASSIVO

CIRCULANTE Caixa Bancos Conta Movimento Aplicações Financeiras Mercadorias p/ Revenda

 

CIRCULANTE

10

Fornecedores

500

70

 

70

500

NÃO-CIRCULANTE Imobilizado Edifícios e Construções Móveis e Utensílios

 

PATRIMÔNIO LÍQUIDO Capital Subscrito

300

100

 

50

Total do Ativo

800

Total do Passivo

800

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

19) Represente através de Razonetes, as operações da empresa Supermercado Bara- teiro Ltda., e monte o Balanço Patrimonial em 31/12/2006 ao final da apuração dos saldos devedores e credores:

a) Investimento inicial, em dinheiro, no valor de R$ 300.000,00.

b) Depósito em conta bancária, no valor de R$ 300.000,00, do dinheiro recebido dos sócios.

c) Compra de Móveis, a prazo, no valor de R$ 100.000,00.

d) Aquisição de Mercadorias para Revenda, no valor de R$ 50.000,00, pago atra- vés de cheque.

e) Compra de Máquinas e Equipamentos, a prazo, no valor de R$ 80.000,00.

f) Empréstimo obtido junto ao Banco Safra S/A, mediante emissão de Nota Pro- missória, no valor de R$ 80.000,00, para pagamento após 2 meses (o dinheiro foi depositado em conta bancária);

g) Saque, no valor de R$ 30.000,00 para reforço do caixa.

h) Aumento de capital, no valor de R$ 100.000,00, em dinheiro.

i) Depósito em conta bancária, no valor de R$ 50.000,00, do dinheiro recebido dos sócios.

j) Aquisição de Mercadorias para Revenda, no valor de R$ 60.000,00, pago em di- nheiro.

k) Pagamento a fornecedor de Móveis, no valor de R$ 50.000,00, através de che- que.

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

Capítulo 13 – Débito e Crédito Prof. Moreira Balanço Patrimonial em 31/12/2006 (em R$) ATIVO PASSIVO

Balanço Patrimonial em 31/12/2006 (em R$)

ATIVO

PASSIVO

CIRCULANTE Caixa Bancos Conta Movimento Mercadorias p/ Revenda

20.000

CIRCULANTE Empréstimos Bancários Fornecedores

80.000

300.000

130.000

110.000

 

NÃO-CIRCULANTE Imobilizado Móveis e Utensílios Máquinas e Equipamentos

 

PATRIMÔNIO LÍQUIDO Capital Subscrito

400.000

100.000

 

80.000

Total do Ativo

610.000

Total do Passivo

610.000

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

20) Com base nos eventos a seguir, registre os lançamentos contábeis da Cia. Beta e apure o Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (ao final do último evento):

a) José da Silva constitui uma empresa para explorar o comércio de tintas, com um Capital em dinheiro, de R$ 50.000,00;

b) Compra de Móveis e Utensílios, à vista, por R$ 5.000,00;

c) Compra de um Automóvel, à vista, por R$ 30.000,00;

d) Compra de tintas (mercadorias para revenda), a prazo, no valor de R$ 20.000,00, da Casa de Tintas Colorida, conforme Nota Fiscal n.º 123, com aceite de quatro Duplicatas no valor de R$ 5.000,00 cada uma, vencíveis de 30 em 30 dias;

e) A empresa de José da Silva efetua o pagamento de uma Duplicata, em dinheiro, no valor de R$ 5.000,00;

f) É feito um depósito com dinheiro do caixa no valor de R$ 5.000,00 na conta bancária da empresa, conforme Recibo de Depósito do Banco Itaú S.A.

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

Capítulo 13 – Débito e Crédito Prof. Moreira Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (em R$) ATIVO PASSIVO

Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (em R$)

ATIVO

PASSIVO

CIRCULANTE Caixa Bancos Conta Movimento Mercadorias para Revenda

 

CIRCULANTE

5.000

Fornecedores

15.000

5.000

 

20.000

NÃO-CIRCULANTE Imobilizado Móveis e Utensílios Veículos

 

PATRIMÔNIO LÍQUIDO Capital Subscrito

50.000

5.000

 

30.000

Total do Ativo

65.000

Total do Passivo

65.000

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

21) Represente, mediante Balanço Patrimonial, a situação do Patrimônio da empresa Ômega Ltda., após cada fato ocorrido:

a) Constituição da Sociedade conforme Contrato Social devidamente registrado na Junta Comercial, com um Capital no valor de R$ 80.000,00 em dinheiro:

b) Compras à vista (em dinheiro) de Móveis e Utensílios no valor de R$ 3.000,00;

c) Compra à vista (em dinheiro) de Automóveis no valor de R$ 25.000,00;

d) Compra à vista (em dinheiro) de Mercadorias para Revenda no valor de R$

20.000,00;

e) Compras de Mercadorias a prazo, mediante aceite de Duplicatas, no valor de R$

30.000,00;

f) Compra de um imóvel, a prazo, no valor de R$ 100.000,00, mediante emissão de Notas Promissórias;

g) Pagamento de uma Duplicata, em dinheiro, no valor de R$ 10.000,00;

h) Empréstimo obtido junto ao Banco Safra S/A, mediante emissão de Nota Pro- missória, no valor de R$ 80.000,00 (obs.: foi efetuado depósito em conta bancá- ria da empresa);

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

Capítulo 13 – Débito e Crédito Prof. Moreira Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (em R$) ATIVO PASSIVO

Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (em R$)

ATIVO

PASSIVO

CIRCULANTE Caixa Bancos Conta Movimento Mercadorias para Revenda

22.000

CIRCULANTE Fornecedores

20.000

80.000

Promissórias a Pagar

180.000

50.000

 

NÃO-CIRCULANTE Imobilizado Edifícios e Construções Móveis e Utensílios Veículos

 

PATRIMÔNIO LÍQUIDO Capital Subscrito

80.000

100.000

 

3.000

25.000

Total do Ativo

280.000

Total do Passivo

280.000

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

22) Elaborar os balanços sucessivos para cada transação da Cia. Moreira:

a) Aporte de capital dos sócios, em dinheiro, no valor de R$ 150.000:

b) Compras à vista (em dinheiro) de Veículo para uso da empresa, no valor de R$

40.000

c) Compra à vista (em dinheiro) de Máquinas e equipamentos, no valor de R$

25.000;

d) Aquisição de Mercadorias para revenda, no valor de R$ 60.000, em dinheiro;

e) Aquisição de Móveis, para uso da empresa, no valor de R$ 15.000, a prazo;

f) Compra de Mercadorias para revenda, no valor de R$ 100.000, a prazo;

g) Compra de um Imóvel (através de Nota Promissória), a prazo, no valor de R$

70.000;

h) Depósito de R$ 23.000 (do caixa) em conta bancária da empresa;

i) Empréstimo obtido junto ao Banco ABC, para pagamento em 60 dias, no valor de R$ 65.000, sendo o valor depositado na conta da empresa;

j) Empréstimo a diretores da empresa, no valor de R$ 25.000, através de TED;

k) Pagamento da 1.ª parcela de fornecedores, em cheque, no valor de R$ 20.000;

l) Aumento de capital, pelos sócios, no valor de R$ 50.000, sendo R$ 30.000 em dinheiro e R$ 20.000 em bens (equipamentos de informática).

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

Capítulo 13 – Débito e Crédito Prof. Moreira 14

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

Balanço Patrimonial em 31/12/2005 (em R$)

ATIVO

PASSIVO

CIRCULANTE Caixa Bancos Conta Movimento Mercadorias para Revenda

32.000

CIRCULANTE Empréstimos Bancários Fornecedores Promissórias a Pagar

65.000

43.000

95.000

160.000

70.000

NÃO-CIRCULANTE Realizável a Longo Prazo Empréstimos a Adm. Imobilizado Edifícios e Construções Móveis e Utensílios Máquinas e Equipam. Veículos

25.000

 

70.000

PATRIMÔNIO LÍQUIDO Capital Subscrito

200.000

15.000

 

45.000

40.000

Total do Ativo

430.000

Total do Passivo

430.000

23) Com base nos eventos a seguir, registre os lançamentos contábeis e apure o Balanço

Patrimonial em 31/01/X4 (ao final do último evento):

a) 15/01/X4: Constituição da empresa Irmãos Silva & Cia Ltda., com um capital social

integralizado (total), no ato, em moeda corrente, de R$ 35.000;

b) 18/01/X4: Compra de um imóvel por R$ 30.000, sendo R$ 3.000 pagos em dinheiro

e o restante mediante uma promissória com vencimento em 18/03/X4;

c) 19/01/X4: Compra à vista de móveis por R$ 3.000;

d) 20/01/X4: Foram comprados de A & Cia, a prazo, R$ 8.500 em Mercadorias;

e) 23/01/X4: Foi obtido um empréstimo para a empresa, junto ao Banco do Sul S.A,

de R$ 15.000, com vencimento em 31/10/X8;

f) 25/01/X4: Foram pagos R$ 5.000 à A & Cia para liquidação da parte da dívida con-

traída pela compra efetuada em 20/01/X4;

g) 27/01/X4: Os três sócios aumentaram o capital social da empresa em R$ 10.000

(valor total) em dinheiro;

h) 31/01/X4: Compra, à vista, da Cia B, de R$ 17.000 de Mercadorias para Revenda.

Capítulo 13 – Débito e Crédito

Prof. Moreira

Capítulo 13 – Débito e Crédito Prof. Moreira 16

Capítulo 13 – Escrituração Contábil

Prof. Moreira

Balanço Patrimonial em 31/12/2004 (em R$)

ATIVO

PASSIVO

CIRCULANTE Caixa Mercadorias para Revenda

32.000

CIRCULANTE Fornecedores

3.500

25.500

Promissórias a Pagar

27.000

NÃO-CIRCULANTE Imobilizado Edifícios e Construções Móveis e Utensílios

 

NÃO-CIRCULANTE Empréstimos Bancários

15.000

30.000

PATRIMÔNIO LÍQUIDO Capital Subscrito

 

3.000

45.000

Total do Ativo

90.500

Total do Passivo

90.500