Você está na página 1de 60

ESTA OBRA PODE SER REPRODUZIDA E DISTRIBUÍDA

PARCIAL OU INTEGRALMENTE DESDE QUE CITADA A FONTE.

VENDA PROIBIDA

CID – COORDENADORIA DE INCLUSÃO DIGITAL


IDORT – INSTITUTO DE ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO
EQUIPE CAPACITAÇÃO – ÁREA TÉCNICA

DOUGLAS DINIZ ALVES


PAULO JORDÃO DA SILVA BOCCATTO
DANIEL PEREIRA MARTINS

Site: www.telecentros.sp.gov.br
Email: capacitatecnica@gmail.com
Índice

Objetivo .............................................................................. 01
Justificativa .......................................................................... 02
O computador ...................................................................... 03
Monitor ................................................................................ 03
Gabinete .............................................................................. 03
Teclado ............................................................................... 04
Mouse ................................................................................. 04
Ligando o computador ........................................................... 04
Ligando os clientes e os servidores .......................................... 06
Desligando os clientes e os servidores ..................................... 07
Conceitos ............................................................................. 08
Como tudo começou .............................................................. 08
O surgimento do Linux .......................................................... 09
O que é sistema operacional? ................................................. 10
O que é uma distribuição? ...................................................... 10
As principais distribuições ...................................................... 11
O que é software livre? .......................................................... 12
O que é GNU? ...................................................................... 13
O que é Linux? ..................................................................... 13
Iniciando ............................................................................. 14
Ícones - atalhos de aplicações ................................................ 14
Barra de tarefas – alterna as janelas abertas ............................ 15
Conhecendo o mouse ............................................................ 15
Botão esquerdo .................................................................... 15
Botão direito ........................................................................ 15
Botão de rolagem ................................................................. 15
Operações básicas ................................................................ 15
Abrir ................................................................................... 15
Fechar ................................................................................. 15
Maximizar ............................................................................ 15
Minimizar ............................................................................. 16
Desfazer maximizar ............................................................... 16
Redimensionar ..................................................................... 16
O que é arquivo? .................................................................. 17
Arquivo ............................................................................... 17
Extensão de arquivo .............................................................. 17
Tamanhos de arquivos ........................................................... 18
O que é diretório? ................................................................. 19
Diretório ou pasta ................................................................. 19
Diretório raiz ........................................................................ 19
Diretório home ..................................................................... 19
Como copiar e colar um arquivo .............................................. 20
Como mover um arquivo ........................................................ 20
Como apagar um arquivo ....................................................... 20
Como criar um diretório ......................................................... 21
Como renomear um diretório .................................................. 21
Recuperando arquivos apagados ............................................. 21
Procurando arquivos .............................................................. 22
Executando tarefas ............................................................... 22
Personalizando o Linux .......................................................... 23
Alterando o plano de fundo .................................................... 23
Personalizando a barra de tarefas ........................................... 24
Mover ................................................................................. 24
Inserir novo painel ................................................................ 24
Removendo o painel / Propriedades do Relógio ......................... 24
Compactação/descompactação de arquivos .............................. 24
Compactar arquivos com o File Roller ...................................... 25
Descompactar arquivos com o File Roller .................................. 26
Aplicativos livres ................................................................... 26
KolourPaint .......................................................................... 26
Ferramenta Preencher ........................................................... 27
Como salvar um arquivo ........................................................ 28
OpenOffice.org ..................................................................... 28
Editor de texto – Writer ......................................................... 29
Formatação de Páginas .......................................................... 29
Parágrafos / recuo e espaçamento .......................................... 30
Formatação de textos ............................................................ 31
Inserir imagens .................................................................... 32
Inserir tabelas ...................................................................... 32
Propriedades da tabela .......................................................... 33
Cabeçalho e rodapé ............................................................... 35
Editor de Planilhas – Calc ....................................................... 35
Formatação de textos ............................................................ 36
Formatação de células ........................................................... 36
Exercícios ............................................................................ 37
Fórmulas ............................................................................. 37
Barra de fórmulas …............................................................... 37
Funções ............................................................................... 38
Soma .................................................................................. 38
Média .................................................................................. 39
Máximo ............................................................................... 39
Mult .................................................................................... 39
Exercícios ............................................................................ 40
O que é Internet? ................................................................. 40
Como surgiu a Internet .......................................................... 41
O que é rede? ...................................................................... 42
O que é modem? .................................................................. 42
O que é site? ........................................................................ 43
Exemplo de endereço de site .................................................. 43
O que é e-mail ou correio eletrônico? ....................................... 44
Formato de um e-mail ........................................................... 44
Enviando uma mensagem ...................................................... 44
Pirataria na Internet .............................................................. 45
Propagação .......................................................................... 46
Site clonado ......................................................................... 46
Será que é falsa? .................................................................. 46
Solução de problemas nos Telecentros ..................................... 47
Bibliografia .......................................................................... 48
Plano de Aula ....................................................................... 54
Introdução à Informática – GNU Linux 1

Objetivo

Esta apostila auxilia os ingressantes no Programa Telecentros,


fornecendo-lhes conceitos básicos sobre o funcionamento do
computador e do sistema operacional GNU/Linux abrangente,
descrevendo itens de hardware, software e outros conceitos
complementares.
Introdução à Informática – GNU Linux 2

Justificativa

Este material atende as necessidades dos funcionários que


entram nos Telecentros, oferecendo-lhes embasamentos técnicos para
ministrarem o Curso de Introdução à Informática como base de outros
cursos e oficinas ministrados no Centro de Treinamento, preparando-
os para o trabalho nos Telecentros.
Introdução à Informática – GNU Linux 3

O computador

O computador é uma ferramenta utilizada para


nos auxiliar em nosso dia-a-dia. Está presente
em todos os lugares, desde onde trabalhamos
até em nossas residências, sua utilização
mostra-se de grande importância em nosso
cotidiano. Exemplos: banco, mercado,
farmácias, estacionamento.

Monitor
Equipamento responsável pela visualização do que
acontece no computador. “unidade utilizada para
exibir visualmente texto ou gráficos gerados por
computador; tela do computador”.

Gabinete
É onde ficam guardadas as peças que fazem o
computador funcionar. É o lugar onde ficam
localizados a memória, o disco rígido, o
processador, placas de vídeo, placa de som, placa
de rede etc.
Introdução à Informática – GNU Linux 4

Teclado
É onde ficam os caracteres que são inseridos no
computador, é composto de letras, números, sinais e
comandos. Alfanumérico significa que contem letras e
números. Ex.: pjb56.

Mouse
Equipamento responsável para mover o ponteiro
que visualisamos no monitor. O mouse se movimenta
em uma superfície plana em cima da mesa.

Ligando o computador
Para que o computador funcione, todos os seus componentes
devem estar corretamente conectados. Aqui ensinaremos como você
monta o seu computador:

(A) (B) (C) (D)


Introdução à Informática – GNU Linux 5

1º Passo
Conecte o cabo do monitor(A) no gabinete;

2º Passo
Conecte o cabo do teclado(B) no gabinete;

3º Passo
Conecte o cabo do mouse(C) no gabinete;

4º Passo
Conecte o cabo de energia(D) no gabinete;

5º Passo
Conecte o cabo de energia no monitor;

6º Passo
Conecte os cabos de energia do monitor e do gabinete no
estabilizador;

7º Passo
Conecte o estabilizador na tomada;

8º Passo
Aperte o botão de ligar de todos os componentes;

IMPORTANTE: Verifique se a tomada é 110 ou 220 V, e ajuste


corretamente o estabilizador e a fonte do gabinete.
Introdução à Informática – GNU Linux 6

Obs.: No Telecentro este processo é efetuado pelo Analista de


Suporte.

Ligando os clientes e os servidores


Para ligar o computador pressione o botão localizado em seu
painel frontal.
Imediatamente entrará em funcionamento um programa
residente na memória ROM (Read Only Memory - memória somente
para leitura) da placa mãe que fará os testes iniciais para verificar se
os principais dispositivos estão funcionando em seu computador
(memória RAM, discos, processador, portas de impressora, etc).
Quando a ROM termina os testes básicos, ela inicia a procura
do setor de boot nos discos do computador, que será carregado na
memória RAM (Random Acces Memory – onde se carregam algumas
informações do sistema) do computador. Após carregar o setor
Introdução à Informática – GNU Linux 7

de boot (iniciação), o sistema operacional será iniciado.


Caso a ROM não encontre o sistema operacional em nenhum
dos discos, ela pedirá que seja inserido uma mídia contendo o
Sistema Operacional.

Desligando os clientes e os servidores


Para desligar os clientes pressione o botão localizado em seu
painel frontal por alguns segundos. Veja a figura ao lado:

O desligamento do servidor requer maiores


cuidados. Siga o roteiro abaixo:

• No modo texto pressione <Ctrl> + <Alt> +


<Delete>.
• Pronto agora o servidor está sendo desligado
com segurança.
Introdução à Informática – GNU Linux 8

Conceitos
Como Tudo Começou
O passo inicial para a história do software livre foi dado em
1969, quando Ken Thompson, pesquisador do Bell Labs, criou a

primeira versão do Unix, que era um sistema operacional multitarefa.


Este sistema era utilizado em computadores de grande porte que
existiam em universidades e empresas.
O Unix era distribuído gratuitamente para as universidades e
centros de pesquisa, com seu código-fonte aberto. A sigla OSS (Open
Source Software) é a que designa esse tipo de programa, cuja
estrutura pode ser modificada por qualquer usuário. A partir daí foram
surgindo novas versões do Unix, igualmente abertas e compartilhadas
pelo meio acadêmico.

Em 1971, Richard Stallman, do


Massachusetts Institute of Technology
(MIT), inaugurou o movimento Open
Source. Ele produziu no Laboratório de
Inteligência Artificial do MIT diversos
programas com código-fonte aberto.

Em 1983, Stallman criou o projeto GNU, com o objetivo de


desenvolver uma versão do Unix com código-fonte aberto.

Em 1985, ele publicou o manifesto GNU e um tratado anti-


Introdução à Informática – GNU Linux 9

copyright intitulado General Public License. Esse tratado criava a


Free Software Foundation, explicando a filosofia do software livre.

O uso da palavra ''free'' não quer dizer que o software é


''gratuito'', mas indica que o usuário é livre para executar, estudar,
alterar e distribuir o programa.

O Surgimento do Linux
Em agosto de 1991, um jovem
estudante da Universidade de Helsinki na
Finlândia, Linus Torvalds, anunciou em
uma lista de discussão na Internet, que
estava criando um sistema operacional
livre.
Em 5 de outubro de 1991, Linus
anunciou a primeira versão ''oficial'' do Linux. Após alguns anos, ele
se tornou um dos mais populares sistemas operacionais disponíveis,
sendo continuamente desenvolvido pelo próprio Linus e por pessoas
do mundo inteiro.
Introdução à Informática – GNU Linux 10

O que é Sistema Operacional?


O Sistema Operacional é um conjunto de programas que faz
a comunicação entre o usuário e o computador. Ele é responsável pelo
gerenciamento de recursos e periféricos (como memória, discos,
arquivos, impressoras, CD-ROMs, etc.) e a execução de programas.
Um sistema operacional é composto pelo Kernel mais um
conjunto de ferramentas conhecidas como Aplicações. No
GNU/LINUX o Kernel se chama Linux e o conjunto de ferramentas se
chama GNU. O Kernel é responsável pelas funções vitais do sistema,
como gerenciamento de memória, gerenciamento de dispositivos e
controle de processos em execução.

O que é uma distribuição


Ao "kernel" é freqüentemente acrescentada uma série de
aplicações, formando um sistema ou distribuição Linux.
Distribuição nada mais é que um pacote do kernel do sistema
operacional mais os programas que o acompanham. Este pacote,
incluindo as ferramentas necessárias para sua instalação, é chamado
de distribuição.
Uma distribuição atende a uma determinada necessidade.
As distribuições podem ser produzidas em diferentes versões
do Kernel, podem incluir diferentes conjuntos de aplicativos,
utilitários, ferramentas e módulos de driver, e podem oferecer
diferentes programas de instalação e atualização para facilitar o
gerenciamento do sistema.
Introdução à Informática – GNU Linux 11

As principais distribuições
Red Hat – Famoso por suas ferramentas de instalação e
atualização do sistema operacional e por seu sistema bem projetado
de instalação, desinstalação e controle de pacotes de aplicativos de
software.
Slackware – Era a distribuição mais popular. Não vem com
RPM. Ganha em performance, mas peca na interatividade. Usado mais
para servidores de rede.
Caldera OpenLink – O OpenLink 1.3 inclui o “K” Desktop
Environment, uma licença não-comercial do StarOffice for Linux,
Suporte Netware, uma licença do DR-DOS para compatibilidade DOS.
S.u.S.E Linux – É uma conhecida distribuição de Linux,
disponível principalmente na Europa e oferecida nas versões em inglês
e alemão.
Debian / GNU – Não possui uma organização comercial
patrocinadora. É produzida por uma equipe de voluntários. Utiliza seu
próprio sistema de gerenciamento de pacotes.
O Debian é uma distribuição desenvolvida e atualizada através
do esforço de voluntários espalhados ao redor do mundo, seguindo o
estilo de desenvolvimento GNU/LINUX.
Introdução à Informática – GNU Linux 12

O que é Software Livre?


Software Livre é um programa que pode ser modificado e
redistribuído sem restrições. O software livre permite aos usuários a
liberdade de executar, estudar, copiar, alterar e distribuir, caso seja
necessário.
No início dos anos 80, Richard Stallman foi o primeiro a
formalizar esta maneira de pensar para o software sobre a forma de
quatro liberdades, que são:

 A liberdade de executar para qualquer uso;


 A liberdade de estudar o funcionamento de um programa e de
adaptá-lo às suas necessidades;
 A liberdade de redistribuir cópias do programa livremente;
 A liberdade de melhorar o programa e de tornar as
modificações públicas, de modo que todos se beneficiem das
melhorias.
O software que segue esses quatro princípios é chamado de
''Sofware Livre'' ou ''Free Software''.

A licença do projeto GNU é a General Public License


(GPL) ou seja, Licença Geral Pública. Esta licença não somente
concede as quatro liberdades descritas acima, mas também as
protege.
Introdução à Informática – GNU Linux 13

O que é GNU?
A sigla GNU significa ''GNU is Not Unix''
(GNU não é Unix). GNU é um projeto que tinha
como objetivo desenvolver um sistema operacional
Unix compatível completamente livre. Como na
época não existia nenhum Kernel Unix livre, foi
decidido que se deveria desenvolver um novo Kernel. O projeto GNU
também cria ferramentas para diferentes versões do Kernel.

O que é Linux?

O Linux, ou seja, o Kernel (componente vital do


sistema operacional) foi criado em 1991 por Linus
Torvalds. O Kernel de código aberto é distribuído
livremente pela Internet. Seu código fonte é liberado
como Free Software, sendo que o aviso de copyleft
do kernel, feito por Linus, descreve detalhadamente isto.

O GNU/LINUX é um sistema operacional com as seguintes


características:

 Multiusuário - Permite criar senhas de acesso e configurações


individuais para vários usuários.
 Multitarefa - Pode executar diversos programas ao mesmo
tempo.
Introdução à Informática – GNU Linux 14

 Multiprocessador - Pode ser executado em computadores


com mais de um processador.
 Multiplataforma - Pode ser executado numa grande
variedade de arquiteturas de computadores.

Iniciando
Ao ligar o computador, ele carregará o Sistema Operacional.
Quando o sistema concluir o carregamento do Linux, aparecerá a área
de trabalho:

ícones - atalhos de aplicações


Introdução à Informática – GNU Linux 15

Barra de tarefas – alterna as janelas abertas

Conhecendo o mouse
Ele possui, basicamente, 3 botões:

Botão esquerdo – responsável por


seleção e execução de tarefas. É o botão que
você realiza a maior parte das tarefas.

Botão direito – Ao pressionado ele abre uma menu de


opções.
Botão de rolagem – esse botão auxilia na movimentação da
página para cima ou para baixo.

Operações básicas
Abrir - Abrir programas e arquivos é uma tarefa simples.
Primeiramente devemos apontar com o ponteiro do mouse o ícone
que o representa a aplicação a ser aberta e efetuar o duplo clique com
o botão esquerdo.

Fechar – Utilizada para fecharmos os programas e arquivos


abertos. Após apontarmos, devemos clicar uma vez com o botão
esquerdo do mouse.

Maximizar - Maximizar janela é fazer com que ela obtenha


tamanho máximo no espaço de tela do monitor. Após apontarmos,
devemos clicar uma vez com o botão esquerdo do mouse.
Introdução à Informática – GNU Linux 16

Minimizar - Minimizar é o processo de tornar reduzidas as


dimensões do arquivo ou programa aberto. Toda vez que
minimizarmos um arquivo ou programa ele constará na barra de
tarefas. Após apontarmos, devemos clicar uma vez com o botão
esquerdo do mouse.

Desfazer Maximizar ou Restaurar - Esse comando serve

para reduzir um pouco o tamanho da janela. Após apontarmos,


devemos clicar uma vez com o botão esquerdo do mouse.

Redimensionar - Muitas vezes o usuário precisa trabalhar


com mais de uma janela aberta no espaço de tela do monitor. Para
redimensionarmos janelas a fim de que as mesmas dividam o espaço
de tela do monitor seguiremos os seguintes passos:
■ Verifique se a tela está maximizada (após termos
clicado no botão maximizar). Se estiver, clique no botão
Desfazer maximizar.
■ Com a seta do mouse, aponte alguma das bordas da
janela. Automaticamente, o ponteiro do mouse mudará,
e se transformará numa setinha apontando uma linha.
■ Com o botão esquerdo do mouse, clique e segure. Logo
após arraste, com o botão pressionado até alcançar o
tamanho desejado.
■ Repita o procedimento para as outras bordas até você
conseguir o tamanho pretendido.
Introdução à Informática – GNU Linux 17

O que é arquivo?
Arquivo é uma aplicação que pode ser um texto, uma
planilha, uma imagem, etc.
Os arquivos são identificados por nome e extensão, alguns
determinados pelo usuário outros não.
O GNU/LINUX diferencia letras maiúsculas e minúsculas
(case sensitive) nos arquivos. O arquivo "historia" é completamente
diferente de "Historia". Esta regra também é válida para os
comandos e diretórios. Prefira, sempre que possível, usar letras
minúsculas para identificar seus arquivos, pois quase todos os
comandos do sistema estão em minúsculas.

Extensão de arquivo
A extensão do arquivo serve para identificar o tipo do arquivo.
As extensões são declaradas após o nome de um arquivo e precedidas
por “.”, explicando melhor:

A extensão .txt indica que o conteúdo é um arquivo texto.


A extensão .sh indica que o arquivo é de Script.
A extensão .log indica que é um registro de algum programa
no sistema.
A extensão .gz indica que é um arquivo compactado.
A extensão .html indica que é uma página de Internet.
A extensão .xls serve para salvar um arquivo de planilha do
Windows ou Linux.
Introdução à Informática – GNU Linux 18

A extensão .doc serve para salvar um arquivo de editor de texto


do windows ou linux fazendo com que este arquivo abra no Linux
ou Windows.

Com a tabela abaixo podemos comparar os tipos de extensões


do pacote de Programas do Openoffice.org do Sistema Operacional
Linux e o pacote de programas Office do sistema operacional Windows
. Os arquivos são salvos no Office com a extensão padrão do
programa e no Openoffice.org também. Se o arquivo for salvo com a
extensão padrão do pacote de programas do linux ele não poderá ser
aberto no programa do Windows pois, não identifica o tipo de arquivo.

OpenOffice.org 2.0 Office


Editor de Texto – Writer .odt Word .doc
Editor de Planilha – Calc .ods Excel .xls
Editor de Apresentação – Impress .odp Power Point .ppt ou .pps

Tamanhos de arquivos
Cada arquivo/diretório possui um tamanho, que indica o
espaço que ele ocupa no disco e isto é medido em "bytes". O byte
representa uma letra. Assim, se você criar um arquivo vazio e
escrever o nome Linux e salvar o arquivo, este terá o tamanho de 5
bytes. Espaços em branco e novas linhas também ocupam bytes.
Além do byte existem as medidas KB (kilobytes), MB
(megabytes), GB (gigabytes). Estas medidas servem para facilitar a
leitura em arquivos de grande tamanho. Um arquivo de 1 Kb é a
mesma coisa de um arquivo de 1.024 bytes.
Introdução à Informática – GNU Linux 19

Da mesma forma:
1 MB é igual a um arquivo de 1.024 KB ou 1.048.576 bytes;
1 GB é igual a um arquivo de 1.024 Mb ou 1.048.576 KB ou
1.073.741.824 bytes;
1 TB (Terabyte) é igual a um arquivo de 1.024 GB;
1 PB (Petabyte) é igual a um arquivo de 1.024 TB;
1 EB (Exabyte) é igual a um arquivo de 1.024 PB;
1 ZB (Zetabyte) é igual a um arquivo de 1.024 EB;
1 YB (Yotabyte) é igual a um arquivo de 1.024 ZB.

O que é diretório?
Diretório ou Pasta é o local utilizado para armazenar
conjuntos arquivos para melhor organização e localização. Não podem
existir dois arquivos com o mesmo nome em um diretório, ou um sub-
diretório.

Diretório Raiz
Diretório Raiz é o diretório principal do sistema. Dentro dele
estão todos os outros diretórios do sistema. O diretório Raiz é
representado por uma "/".

Diretório Home
O Diretório Home é também chamado de diretório de usuário
onde, em sistemas GNU/Linux, cada usuário possui seu diretório
pessoal.
Introdução à Informática – GNU Linux 20

Como copiar e colar um arquivo - Na cópia de um arquivo,


você irá duplicar o arquivo.
Roteiro:
● Selecione um arquivo.
● Clique com o botão direito do mouse sobre o arquivo.
● Clique na opção Copiar Arquivo.
● Cole no local desejado clicando com o botão direito do mouse
escolhendo a opção colar arquivos.

Como mover um arquivo


Roteiro:
● Abra a janela do seu diretório de origem do arquivo.
● Abra a janela do diretório de destino do arquivo.
● Posicione as janelas lado a lado.
● Selecione o arquivo a ser movido.
● Arraste para a outra janela.

Como apagar um arquivo


Roteiro:
● Abra o diretório de origem do arquivo.
● Selecione o arquivo.
● Clique com o botão direito do mouse em cima do arquivo.
● Clique em Mover para a Lixeira.
Introdução à Informática – GNU Linux 21

Como criar um diretório


Roteiro:

● Clique no menu Arquivo e na opção Criar Pasta.


● Dê um nome para sua pasta.

Como renomear um diretório


Roteiro:

● Clique com o botão direito do mouse em cima do diretório


novo.
● Clique na opção Renomear.
● Digite o novo título.

Recuperando arquivos apagados


Roteiro:

● Clique com o botão direito do mouse no ícone da Lixeira da


Área de Trabalho.
● Clique na opção Abrir.
● Escolha o arquivo apagado.
● Arraste o arquivo desejado para sua pasta desejada.
Introdução à Informática – GNU Linux 22

Procurando arquivos
Roteiro:
● Clique no botão Menu Ações
● Clique em Procurar arquivos...
● Selecione a pasta onde você deseja procurar.
● Digite o nome do arquivo que deseja procurar.
● Clique em Procurar.

OBS: O asterisco “*” é muito importante no momento que você


deseja procurar algum arquivo. Se você deseja procurar o arquivo
pela extensão, digite *.extensão: *.txt; *.doc; *.jpg etc. Caso queira
restringir esta procura, você pode digitar a letra inicial do arquivo que
procura mais o asterisco: c*.bmp;

Executando tarefas
Esta é uma maneira fácil de executar um programa que não
ícone na área de trabalho. Siga os seguintes passos:

1. Clique no menu do Ações.


2. Clique em Executar Aplicação.
Introdução à Informática – GNU Linux 23

3. Após abrir a janela, clique em Aplicações Conhecidas.


4. Selecione o programa da lista que aparecerá.
5. Pressione Executar

Personalizando o Linux
Alterando o Plano de Fundo

● Clique com o botão direito do mouse sobre a área de trabalho.


● Clique na opção Alterar Fundo de tela.
● Aparecerá a janela Preferências do Fundo de Tela. Clique no
botão Adicionar Papel de parede.
● Escolha a figura que você deseja como plano de fundo.
● Feche a janela.
Introdução à Informática – GNU Linux 24

Personalizando a barra de tarefas


Mover
● Clique numa área vazia da barra de tarefas e arraste para o
canto desejado.

Inserir novo painel


● Clique com o botão direito sobre a barra de tarefas.
● Clique no menu Novo Painel

Removendo o Painel
● Clique o botão direito sobre o painel que será removido.
● Clique em Excluir Este Painel.

Propriedades do Relógio
● Clique com o botão direito sobre o relógio.
● Clique em Preferências:
● Escolha as opções desejadas e aperte OK.

Compactação / Descompactação de arquivos


A compactação reduz o tamanho dos arquivos. O File Roller é
uma aplicação gráfica que faz compactação e descompactação de
arquivos. Um arquivo compactado pode conter outros arquivos e
diretórios.
Introdução à Informática – GNU Linux 25

O File Roller suporta os seguintes formatos de arquivos:


− Arquivos zip (.zip)
− Arquivos tar (.tar)
− Arquivos gzip (.tar.gz e .tgz)
− Arquivos bzip (.tar.bz)
− Arquivos bzip2 (.tar.bz2)
− Arquivos compactados com compress (.tar.Z)

Compactar Arquivos com o File Roller


Roteiro:
● Clique no botão Aplicações
● Opção Outros.
● Clique no Gerenciador de Pacotes
● Clique no menu Arquivo e na opção Novo.
● No campo ''Tipo de arquivo'', escolha o formato Zip.
● Clique no menu Adicionar.

● Selecione os arquivos a serem compactados e clique no botão


Adicionar.
Introdução à Informática – GNU Linux 26

Descompactar arquivos com o File Roller


Roteiro:
● Dê um duplo-clique no arquivo compactado.
● Selecione o arquivo compactado e clique no botão Extrair.
● Selecione o diretório de destino do seu arquivo compactado e
clique em Extrair.

Aplicativos Livres

KolourPaint - Imagem digital


O KolourPaint é uma ferramenta para criação de desenhos
digitais simples e podem ser elaborados em preto e branco ou colorido
se podendo também ser salvos com vários formatos de arquivos.
O KolourPaint pode ainda ser usado para exibir e editar fotos
digitalizadas.
Roteiro
1. Pressionar as teclas Alt+f2
2. Escrever KolourPaint
Introdução à Informática – GNU Linux 27

Nesta parte da aula, sugerimos que o usuário faça na prática a


verificação de cada ferramenta, antes de se aplicar os exercícios.

Ferramenta Preencher
A ferramenta “Preencher”, é a última da Barra de Ferramentas.
Quando habilitada as ferramentas já aparecem totalmente
preenchidas ou vice-versa. Observe nas figuras abaixo:

Retângulo (Somente bordas)

Retângulo (Com bordas e preenchimento)

Retângulo (Somente preenchimento)

A ferramenta abaixo determina a espessura do retângulo,


círculo ou linha criados:

“Ressalte ao aluno que para cada ferramenta funcionar na área


da imagem, o botão esquerdo do mouse deve ser mantido
pressionado”.
Introdução à Informática – GNU Linux 28

Como salvar um arquivo


Roteiro: Clique no botão Salvar ou clique no menu Arquivo e na
opção Salvar.
 No campo ''nome:'', apague as palavras ''Sem título 1''.
 Digite o nome: linux.png
 Clique no botão Salvar.

Para salvar as imagens no Kolour Paint, devem ser


utilizadas as extenções .jpg ou .png.
Na janela do GNU Paint, existem as opções “Salvar” e “Salvar
Como” . Há uma diferenciação entre salvar e salvar como que são:
SALVAR COMO - Serve para alterar o local que o arquivo foi
salvo e/ou renomear o arquivo.
SALVAR – Inclui ao documento alguma alteração feita.

OpenOffice.org
OpenOffice.org – É um pacote de
programas. Nele está contido: Editor de
Textos – Writer, Editor de Planilhas – Calc, Editor de Apresentação –
Impress, Draw.

“Neste curso abordaremos uma introdução do Editor de Textos


– Writer e Editor de Planilhas - Calc”.
Introdução à Informática – GNU Linux 29

Editor de Textos – Writer


Um processador de textos é um programa utilizado para a
criação de textos e documentos eletrônicos.
Os modernos processadores de textos, como o Editor de Texto,
permitem inserir gráfico, imagens, fotos e tabelas para organizar os
elementos na página.

Formatação de Páginas

É utilizado para definir o layout (formato/disposição) da


página, além dos formatos de numeração e orientação do papel.

Formato do papel: Exibe


os formatos existentes
para escolha do tamanho
do papel. O tamanho
aparecerá nos campos
largura e altura. É possível
definir um tamanho
personalizado, onde esse
será definido como
“usuário”.

Orientação – Retrato / Paisagem: Define a posição da página.


Retrato (vertical) e Paisagem (horizontal).
Margens: Define a distância entre o texto e as margens do
Introdução à Informática – GNU Linux 30

documento. O valor padrão é de 2cm para cada lado. Este valor está,
em muitos casos, acima do mínimo do padrão dos modelos de
impressora, pois assim temos uma garantia de que o documento não
será cortado na hora da impressão.

Parágrafos / Recuo e espaçamento

Recuo: É onde definimos o espaço desejado antes, depois ou


somente na primeira linha do(s) parágrafo(s) selecionado(s).
Espaçamento: É onde definimos quantidade de espaço a ser deixada
entre linhas de texto em um parágrafo que podem ser acima ou
abaixo.
Introdução à Informática – GNU Linux 31

Formatação de textos

Nome da Fonte: Permite escolhermos um tipo


de letra.

Tamanho da Fonte: Permite aumentar ou


diminuir a fonte.

Essas ferramentas servem para aplicar: Negrito,


Itálico e Sublinhado respectivamente.
Essas ferramentas aplicam alinhamento à
esquerda, à direita, centralizado e justificado,
respecitivamente.

Essas ferramentas aplicam cor na fonte,


realçar, e cor no plano de fundo da página
respectivamente.

“Para treinar o uso das ferramentas do Writer pode ser


utilizado como proposta de exercício, um poema, uma letra de
música”.
Introdução à Informática – GNU Linux 32

Inserir Imagens
Insere imagens no documento a partir de imagens existentes
no computador. As imagens podem ser inseridas tanto na página do
documento quanto dentro de tabelas para melhor disposição.

Inserir Tabelas

Utilizar tabelas muitas vezes é a maneira mais fácil de


organizar dados para uma fácil visualização, onde além de textos,
podemos inserir imagens.
Introdução à Informática – GNU Linux 33

Propriedades da Tabela

Tabela: Permite inserir dentro de uma célula uma nova


tabela de acordo com as linhas e colunas selecionadas.

Estilho de Linha: Permite alterar o estilo de linha da tabela


/ células selecionada (as).

Cor da Linha (da borda): Permite alterar a cor da linha da


tabela / células selecionada (as).

Bordas: Permite inserir ou excluir bordas na tabela / células


selecionada (as) de acordo com o tipo da borda selecionado.

Cor do plano de fundo: Permite escolher a cor que ficará


no fundo da tabela / células selecionada (as).

Mesclar Células: Permite transformar todas as células


selecionadas de uma tabela em uma única célula.

Dividir Células: Permite multiplicar a quantidade de células


em linhas ou colunas de acordo com a quantidade
estabelecida.

Otimizar: Permite distribuir uniformemente as linhas /


colunas / largura / altura das células de acordo com a
seleção.
Introdução à Informática – GNU Linux 34

Superior: Alinha o conteúdo da tabela na parte superior da


tabela.

Centro (vertical): Centraliza o conteúdo da tabela.

Inferior: Alinha o conteúdo da tabela na parte superior da


tabela.

Inserir Linha: Insere uma linha abaixo da linha atual.

Inserir Coluna: Insere uma coluna à direita da atual.

Excluir Linha: Exclui as linhas selecionadas.

Excluir Coluna: Exclui as colunas selecionadas.

Auto Formatar: Formata a tabela / células selecionada (as)


de acordo com o estilo pré estabelecido.
Propriedades da Tabela: Abre uma caixa de diálogo
contendo as propriedades da tabela como: tamanho,
espaçamento, alinhamento bordas e cor de fundo podendo
alterá-las.
Classificar: Classifica em ordem crescente ou decrescente
as informações contidas nas células.

Soma: Trás a soma de um intervalo de células.


Introdução à Informática – GNU Linux 35

Cabeçalho e Rodapé

O cabeçalho insere um conteúdo no início da página - também


podendo ser imagem - onde este aparecerá em todas as páginas do
documento.
O rodapé funciona da mesma forma, sendo na parte inferior da
página. Para inserir uma numeração numeração nas páginas esta
deve acontecer no rodapé utilizando o seguinte roteiro:
– Já no rodapé posicionar o cursor onde o número da página será
inserido;
– Clicar no menu Inserir / Campos / Número da página;
– O número da página aparecerá em todas as páginas do documento
juntamente com o conteúdo do rodapé se assim houver.

Editor de Planilhas – Calc

O Editor de Planilhas é um programa que utilizamos para fazer


cálculos diversos como: contabilidade de uma empresa, lista de
compras, boletim, inserção de gráficos. Sua área de trabalho é
composta por linhas e colunas, as linhas são classificadas em números
(à direita) e as colunas por letras (acima). O local onde inserimos
todas as informações em uma planilha são denominadas células.
Introdução à Informática – GNU Linux 36

Formatação de Textos

Obs.: “As ferramentas básicas do programa Editor de Planilhas


- Calc são idênticas ao programa Editor de Textos – Writer ”.

Formatação de Células

Mesclar Células: Transforma todas as células selecionadas


em apenas uma. Para desfazer a mescla, seleciona-se a
célula e depois no botão de mesclar.
Formato de Número – Moeda: Insere os caracteres de
moeda configuradas no sistema (R$) nas células que
contém números.
Bordas: Permite inserir ou excluir bordas nas células
selecionadas de acordo com o tipo da borda selecionado.

Formato de Número – Adicionar Casa Decimal: A cada


clique, insere uma casa decimal nas células selecionadas
que contenham números.
Formato de Número – Excluir Casa Decimal: A cada
clique, exclui uma casa decimal nas células selecionadas
que contenham números.
Introdução à Informática – GNU Linux 37

Exercícios
Lista de Compras

Produtos Quantidade Valor Unitário Valor Total


Arroz 3 R$ 11,00 R$ 33,00
Feijão 5 R$ 4,75 R$ 23,75
Açúcar 4 R$ 1,28 R$ 5,12
Óleo 2 R$ 2,78 R$ 5,56
Biscoito 4 R$ 1,29 R$ 5,16
Leite 10 R$ 1,65 R$ 16,50
Sabão em pó 3 R$ 4,82 R$ 14,46
Alvejante 2 R$ 2,18 R$ 4,36
Detergente 3 R$ 0,85 R$ 2,55

Fórmulas
As fórmulas são recursos utilizados para retornar um resultado
e sempre inicia-se com o sinal de = (igual).

Exemplo: =B5+C5

Barra de Fórmulas

Caixa de Função Linha de Entrada


Nome Soma

Assitente de Funções
Introdução à Informática – GNU Linux 38

Caixa de Nome: Utilizada para selecionar uma ou mais células


bastando digitar na caixa.
Assistente de funções: Abre um assistente para auxiliar na criação
de uma função.
Soma: Ao clicar no botão aparecerá a soma das células em sequência
que estiverem acima.
Função: Aparecerá um sinal de = (igual) na linha de entrada para
criação de uma fórmula / função.
Linha de Entrada: Local onde também poderemos utilizar para
inserir dados de acordo com a célula selecionada.

Funções
São rotinas pré estabelecidas do programa para retornar um
resultado e também deve-se iniciar com o sinal de = (igual).
Exemplo: =soma(B5:B10)

SOMA: Soma um intervalo de células. Quando no intervalo for


descrito com : (dois pontos – significa “até”) será somado todas as
células do intervalo. Quando no intervalo for descrito com ; (ponto e
vírgula – significa “e”) será somado as células citadas.
Exemplos:
Sintaxe: =soma(A2:A21) Somará da célula A2 até a célula A21;
= soma(A2:A21) Somará somente as células A2 e a A21.
Introdução à Informática – GNU Linux 39

MÉDIA: Retorna a média em um intervalo de células.


Sintaxe: =média(A2:A21) Mostra a média da célula A2 até a célula
A21;
=média(A2:A21) Mostra a média somente das células A2 e da A21.

MÁXIMO: Retorna o valor máximo em um intervalo de células.


Sintaxe: =máximo(A2:A21) Mostra o valor máximo da célula A2 até a
célula A21;
=máximo(A2:A21) Mostra o valor máximo das células A2 e da A21.

MÍNIMO: Retorna o valor mínimo em um intervalo de células.


Sintaxe: =mínimo(A2:A21) Mostra o valor mínimo da célula A2 até a
célula A21;
=mínimo(A2:A21) Mostra o valor mínimo das células A2 e da A21.

MULT: Multiplica os valores em um intervalo de células.


Sintaxe: =mult(A2:A21) Multiplica os valores da célula A2 até a célula
A21;
=mult(A2:A21) Multiplica os valores da célula A2 e da A21;
Introdução à Informática – GNU Linux 40

Exercícios

Boletim Escolar

Matérias 1º BIM 2º BIM 3º BIM 4º BIM Média


Português 10,0 8,0 9,5 9,0 9,1
Matemática 8,0 3,0 1,5 2,0 3,6
História 8,5 10,0 9,5 7,5 8,9
Geografia 10,0 10,0 8,5 10,0 9,6
Biologia 8,0 8,5 7,5 6,5 7,6
Química 8,5 3,5 2,5 1,0 3,9
Física 8,0 7,5 3,5 8,0 6,8
Artes 10,0 10,0 10,0 9,0 9,8
Ed. Física 10,0 10,0 10,0 10,0 10,0

Maior Nota 10
Menor Nota 1

O que é internet?

A Internet é uma rede composta por


milhões de redes interconectadas
mundialmente, compreendendo redes
comerciais, acadêmicas,
governamentais e militares. Cada rede
individual conectada à Internet pode
ser administrada por uma entidade
governamental, uma empresa ou uma
instituição educacional. Mas a Internet,
como um todo, não tem um poder
centralizado.
Introdução à Informática – GNU Linux 41

Como Surgiu a Internet

A Internet surgiu em 1969. Vivia-se o auge da guerra fria e os


laboratórios militares americanos sentiam a necessidade de
compartilhar de forma segura informações sigilosas, armazenadas em
computadores espalhados pelo país. Foi criada então uma rede de
comunicação interligando esses computadores.

Para evitar interceptações de mensagens enviadas, foi


desenvolvida uma nova tecnologia para a transmissão. As
informações seriam divididas em pacotes que conteriam partes dos
dados. Estes pacotes tomariam rotas diferentes para chegar ao
mesmo local. Caso um trecho da comunicação fosse destruído, os
pacotes seguiriam outra rota.

Durante muitos anos, o acesso à Internet ficou restrito à


instituições de ensino e pesquisa. A partir da década de 80, os
microcomputadores passaram a custar menos e se tornaram mais
fáceis de usar.

“No início dos anos 90, a Internet ultrapassou a marca


de um milhão de usuários e teve início a utilização comercial
da rede”.
Introdução à Informática – GNU Linux 42

O que é Rede?

Dois ou mais computadores interligados entre si.

O que é Modem?

Ele é um dispositivo eletrônico que modula um sinal digital em


uma onda analógica, pronta a ser transmitida pela linha telefônica, e
que demodula o sinal analógico e o reconverte para o formato digital
original.
Introdução à Informática – GNU Linux 43

O que é Site?
Em português significa “sítio” no sentido de lugar, portanto site
significa o lugar na internet que será acessado.

Um site pode conter várias páginas que são acessadas através


de link's na página principal.

Link: Ao posicionar o ponteiro do mouse sobre determinado


texto/imagem esse mudará para a forma de uma “mão”. Ao clicar,

será levado a página correspondente fazendo assim a ligação.

Observação: Para que se tenha acesso a um site é necessário estar


conectado a internet com o navegador aberto, onde será digitado o
endereço desejado.

Exemplo de endereço de um site

http://www.nomedosite.com.br

http:// HyperText Transfer Protocol (Protocolo de Transferência de


Hipertexto) é um protocolo de comunicação utilizado para transferir
dados por intranets e pela World Wide Web.

www – World Wide Web (Grande Teia Mundial) e indica que estamos
na Web.

com – tipo de site (com - comercial)

br – país de origem (br – Brasil)


Introdução à Informática – GNU Linux 44

O que é E-mail ou Correio Eletrônico?


É uma forma de enviar mensagens de um computador
para o outro. Desde que os dois estejam conectados na
internet e que um saiba o endereço do outro.

Formato de um e-mail
usuario@provedor.com.br
usuário – Nome escolhido pela pessoa como
forma de identificação na rede.
@ (Arroba) – Significa “AT”, em português
significa “em”, separa o nome do usuário do provedor escolhido.
provedor.com.br – Nome do provedor que
gerencia muitas contas de e-mails, o tipo e o país de origem.

Enviando uma mensagem


Para – Este campo é utilizado
para colocar o e-mail do
destinatário.

Cc - “Com cópia: Este campo


serve para enviar uma cópia da
mensagem para outras pessoas.
Cco - “Com cópia oculta”: Este campo serve para colocar o e-mail de
outro destinatário sem que outras pessoas saibam que a mensagem
foi enviada para eles.
Introdução à Informática – GNU Linux 45

Assunto – Este campo serve para colocar o título do e-mail.


Anexar um arquivo – Serve para enviar um arquivo salvo no
computador por e-mail.

Pirataria na Internet
A pirataria na Internet aumentou proporcionalmente ao
crescimento do comércio eletrônico. Desta forma, pessoas se
aproveitam da ingenuidade de muitos internautas para clonar sites.
Isso vem ocorrendo principalmente com sites de bancos ou compras.

Outra forma de pirataria pe o internauta se apropriar de um


conteúdo que não foi elaborado por ele. Exemplo:
– copiar fotos ou textos;
– Baixar músicas ou vídeos sem a expressa autorização do
proprietário ou de um representante mesmo que o site pareça
oficial e seja gratuito, para tanto é preciso entrar no site oficial
onde o autor ou proprietário disponibilize o download.
– Alguns programas podem ser baixados sem problemas – os
proprietários disponibilizam através de “Freeware” (programa com
licença gratuita) ou “Shareware” (programa que pode ser utilizado
por um tempo determinado para teste)
Desta forma, nós precisamos abordar este tema, para termos
conhecimento e quais procedimentos podem ser adotados.
Introdução à Informática – GNU Linux 46

Propagação
Uma pessoa pode receber um e-mail informando que precisa
passar seus dados para um banco, Receita Federal, Cartório Eleitoral
onde nenhum destes órgãos solicita informações por e-mail. Não
clique em nenhum link e detele o e-mail.

Site Clonado

Geralmente os tipos de sites mais clonados são os sites de


banco.
Para identificarmos se o site é realmente do banco,
primeiramente teremos que saber se o site é seguro. O site
verdadeiro apresenta o domínio, não o endereço de IP:
Após isso, se você fizer o login, aparecerá na página o
endereço de página segura. Para identificar uma página segura,
aparecerá um cadeado fechado no canto inferior direito.
Além disso, aparecerá no endereço da página um “s” após o
“http”, que significa que é uma página segura.

Será que é falsa?

Em um site de banco, antes de colocar seu login e senha


corretos, coloque a senha errada, se o site aceitar significa que é
falso, se não aceitar, repita a operação com as informações corretas.
Introdução à Informática – GNU Linux 47

Solução de Problemas nos Telecentros

1. Todos os ícones da área de trabalho sumiram.


CTRL+ALT+BACKSPACE

2. Sumiu um ícone da área de trabalho ou da barra de tarefas.


Procure pelo ícone no menu principal, clicando no botão
Aplicações. Após encontrar o ícone, clique, segure e solte-o sobre a
área de trabalho ou sobre a barra de tarefas, que ele será copiado
para lá.

3. Sumiu a Barra de Tarefas.


Reinicialize a máquina ou CTRL+ALT+BACKSPACE.

4. O Tamanho da fonte do Mozilla Firefox está muito pequena.


Barra de Ferramentas, clique na palavra ”Ver”, em seguida vá
na opção “Ampliar”. Repita essa operação quantas vezes achar
necessária.
Para Reduzir o tamanho da fonte, o processo é o mesmo só na
segunda opção seria o item “ Reduzir”.
Introdução à Informática – GNU Linux 48

Plano de Aula

1ª Aula
- Apresentação Pessoal;
- Apresentação do curso e conteúdos;
- Dicas e regras de conduta no Telecentro;
- Partes do computador: Monitor, Gabinete, Teclado e Mouse
- Ligando o computador
- Conceitos
- Como tudo começou
- O surgimento do Linux
- O que é Sistema Operacional?
- O que é uma distribuição?
- As principais distribuições
- O que é software livremente
- O que é GNU?
- O que é Linux?

2ª Aula
- Iniciando
- Ícones – atalhos de aplicações
- Barra de tarefas – alterna as janelas abertas
- Conhecendo o mouse
- Botão esquerdo
- Botão direito
Introdução à Informática – GNU Linux 49

- Botão de rolagem
- Operações básicas
- Abrir
- Fechar
- Maximizar
- Minimizar
- Desfazer maximizar
- Redimensionar
- O que é arquivo?
- Arquivo

3ª Aula
- Extensão de arquivo
- Tamanhos de arquivos
- Diretório ou pasta
- Como copiar e colar um arquivo
- Como mover um arquivo
- Como apagar um arquivo
- Como criar um diretório
- Como renomear um diretório
- Recuperando arquivos apagados
- Procurando arquivos
- Executando tarefas
- Personalizando o Linux
Introdução à Informática – GNU Linux 50

4ª Aula
- Alterando o plano de fundo
- Personalizando a barra de tarefas
- Mover
- Inserir novo painel
- Removendo o painel / Propriedades do Relógio
- Compactação / descompactação de arquivos
- Compactar arquivos com o File Roller
- Descompactar arquivos com o File Roller
- Aplicativos livres
- KolourPaint
- Ferramenta Preencher
- Como salvar um arquivo
- Sugestões:
Exercício: Criar um campo de futebol
Exercício: Criar uma bandeira do Brasil
Exercício: Criar os componentes básicos monitor, gabinete,
teclado e mouse.

5ª Aula
- OpenOffice.org / Editor de Textos – Writer
- Formatação de Páginas
- Parágrafos / recuo e espaçamento
- Formatação de textos
- Exercício: Escolher um texto da apostila e digitá-lo.
Introdução à Informática – GNU Linux 51

6ª Aula
- Inserir imagens
- Inserir Tabelas
- Propriedades da tabela
- Cabeçalho e rodapé
- Exercício: Carregar uma imagem no Writer
- Exercício: Criar uma tabela

7ª Aula
- Editor de Planilhas – Calc
- Formatação de textos
- Formatação de células
- Fórmulas
- Funções
- Soma
- Média
- Máximo
- Mult
- Sugestões:
- Exercício: Criar uma lista de compras
- Exercício: Criar um boletim de notas escolares
Introdução à Informática – GNU Linux 52

8ª Aula
- O que é Internet?
- Como surgiu a Internet?
- O que é rede?
- O que é modem?
- O que é site?
- Exemplo de endereço de site
- O que é e-mail ou correio eletrônico?
- Formato de um e-mail
- Enviando uma mensagem
- Pirataria na Internet
- Propagação
- Site Clonado
- Será que é falsa?

9ª Aula
- (http://www.nomedosite.com.br);
- Apresentar um navegador e explorar suas ferramentas (Firefox);
- Exercício: Visitar diferentes sites. Acessar os links.
- O que é e-mail (Correio Eletrônico)?
- Formato de um e-mail: usuario@provedor.com.br
- Exercício: Preencher o cadastro para criar uma nova conta de
e-mail. Sugestão: BOL, Gmail, Hotmail e o Yahoo oferecem conta de
e-mail grátis.
Introdução à Informática – GNU Linux 53

10ª Aula
- Retomar e-mail;
- Conhecer a caixa postal: caixa de entrada, pastas, anexos, Cc, Cco,
outros;
- Exercício: Nesta aula, os alunos podem trocar e-mails entre si.
Dúvidas;
- Exercícios;
- Internet;

“O orientador ou instrutor tenha anotado todos os e-mails


criados e envie, antes da próxima aula, uma mensagem com
anexo para que eles abram”.

“Obs: Os 15 minutos finais de cada aula, a partir da segunda,


deverão ser reservados para o livre acesso à Internet”,
seguindo as diretrizes do Telecentro.
Introdução à Informática – GNU Linux 54

Bibliografia

http://pt.wikipedia.org/wiki/Comutador_(redes)
http://houaiss.uol.com.br/busca.jhtm?
verbete=monitor&stype=k&x=15&y=8 15:00h 1/09
Nova versão da apostila Introdução à Informática – GNU
Linux, material elaborado pela Coordenadoria do Portal e da
Inclusão Digital – PMSP 2002