Você está na página 1de 8

Realizado por:

,

I



I



Capa '1

In trodu C:cio 2

Lou is D a 9 u err e . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .. :3

Dog uerreotlpo ,5

Cronoloqlo 6

I

tr



Neste trabalho vornos toler de Louis DoguerreJ' do infcio do totoqroflo e vornos tornbern toler sobre 0 Doguerre6tipoJ' para que serve e em que conslste.

"Nome: Louis Jacques Mande

Daguerre.

* Nascimento: 18 de Novembro de 1787 em Cormellles-Fronco.

" Falecido: '10 de Julho de185'1 em Brysur-Morne. Franca.

" Ocupar;Cio: Inventor fotogr6fico.

" filho de: Louis Jacques Doguerre e Anne Antoinette Hauterre.



(I

.' .' .......

onuncio a sua rrvencoo -

o Daguerre6tipoJ 0 partir dos estudos de Niepce. 0 governo frances compra a patente e torna-a domlnlo publico.

• Em 1832 Hercule Florence I ~

• " t+ h

JO inno

processo tlnho

• Em 1839 Louis Daguerre

inventado um similar a que chamado

Ii Fotografia"-

Para que serve?

• 0 daguerre6tipo utlllzo-se na

proprledode do proto, tornor-se enegrecida quando e exposto a luz, clnzento onde recebe media intensidade e bronco onde nenhuma !uz a atinge e osslm forme-sa umo Imagem.

No que consiste?

• A tecnlco do daguerre6tipo conslstlo em user como material sensfvel a luz urno ploco revestldo de proto e senslblllzodo com a lodeto de proto, que depots de exposto era revelada com vapor de mercurlo aquecido. E finalmente flxodo com tiossulfoto de sodio.

Daniel Barbaro descreve um diagframa

Joseph Niepce (primeira fotografia)

John

Louis Herschel

Daguerre (fixador e 0 (Daguerre negativo) otipo)

1

1

1826

1568

1760

1832

Tiphaigne de 10 Roche

Hercule Florence (fotografia)

escreve

"Giphantie" (novela do processo fotografico)

Willard Boyle e George S m'i th (CCD)

1839

1907

1969

18,61

James Maxvvell (10 fotografia a cores)

Autochrome

lu

Com este trabalha oprendernos mais sabre a vida de Louis Dog uerre e a perceber melhor 0 Dog uerreotlpo, Tornbern consequlmos perceber que para a fotografia chegar ate onde chegou hoje foi preciso multo estudo, E agora sobernos que a fotografia nao e tao simples como pens6vamos.