Você está na página 1de 1

DIREITO DO TRABALHO - ATIVIDADE PRÁTICA – RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS

(RESPOSTAS)

1–

a) adicional de periculosidade: 30% = R$180,00

b) horas extras: R$360,60

c) DSR s/ HE: R$69,30

2–

a) horas extras: R$416,00

b) DSR s/ HE: R$80,00

3–

a) adicional de transferência: 25% = R$150,00

b) horas extras: R$108,80

4 – R$8800,00 (O problema não fala em aviso prévio, por isso não há


necessidade de somá-lo.)

5–

a) aviso prévio indenizado: R$600,00

b) 13º salário proporcional: R$450,00

c) férias proporcionais: 600,00

6–

a) aviso prévio indenizado: não tem direito

b) 13º salário: não tem direito

c) férias: R$800,00 (só tem direito às férias integrais)

7–

a) adicional noturno: R$75,52

b) DSR s/ NA: R$14,50

8 – A atitude de Tico se enquadra na alínea “h” do art. 482 da CLT: “ato de


indisciplina”.

Tico não pode ser despedido por justa causa, pois um dos critérios para
caracterizar a justa causa é a gravidade, e como Tico só foi flagrado
fumando uma vez ele poderia ter levado uma advertência ou no máximo
uma suspensão.