P. 1
CURSO_BÁSICO_DE_VIOLA_CAIPIRA

CURSO_BÁSICO_DE_VIOLA_CAIPIRA

|Views: 1.661|Likes:
Publicado porMosnterkill1992
Curso viola caipira, Basico, com algumas cifras e acordes
Curso viola caipira, Basico, com algumas cifras e acordes

More info:

Categories:Types, Brochures
Published by: Mosnterkill1992 on Oct 07, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/08/2013

pdf

text

original

Sections

O Cateretê é um ritmo ternário ( conta-se 1...2...3...1...2...3...) e é muito usado em músicas
caipiras, principalmente aquelas músicas mais românticas e tristes. Segue alguns exemplos
de cateretê:

A MÃO DO TEMPO ( Tião Carreiro e Pardinho )

MODA DA MULA PRETA ( Raul Torres e Florêncio )

DUAS CARTAS ( Zé Carreiro e Carreirinho )

GARÇA BRANCA ( Vieira e Vieirinha )

AMOR E SAUDADE ( Tião Carreiro e Pardinho )

OI PAIXÃO! ( Tião Carreiro e Pardinho )

Vamos ao Ritmo:

Neste ritmo, o polegar desce duas vezes, o indicador sobe duas vezes e desce rasqueando.
Se tiver dúvidas ouça as músicas indicadas acima e segue algumas músicas cifradas para
você tocar.

- 21 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

PORTA DO MUNDO

( De Peão Carreiro e Zé Paulo )

TOM : E ( Mi Maior )

INTRO.: E E7 A Am E F# B7 E B7 E

RITMO: CATERETÊ

E A B7

O SOM DA VIOLA BATEU / NO MEU PEITO DOEU MEU IRMÃO

A E

ASSIM EU ME FIZ CANTADOR / SEM NENHUM PROFESSOR APRENDI A LIÇÃO

E7 A

SÃO COISAS DIVINAS DO MUNDO / QUE TEM UM SEGUNDO A SORTE MUDAR

E

F# B7

TRAZENDO PRÁ DENTRO DA GENTE / AS COISAS QUE A MENTE VAI LONGE
BUSCAR

A

E

B7 E

TRAZENDO PRÁ DENTRO DA GENTE / AS COISAS QUE A MENTE VAI LONGE
BUSCAR

E A B7

TEM VERSOS QUE FALA E CANTA / O MAL SE ESPANTA E A GENTE É FELIZ

A E

NO MUNDO DE RIMAS E TROVAS / EU SEMPRE DEI PROVA DAS COISAS QUE
FIZ

E7 A

POR MUITOS LUGARES PASSEI / MAS NUNCA PISEI EM FALSO NO CHÃO

E F# B7

CANTANDO INTERPRETO A POESIA / LEVANDO ALEGRIA ONDE HÁ SOLIDÃO

A

E B7 E (INTRO)

CANTANDO INTERPRETO A POESIA / LEVANDO ALEGRIA ONDE HÁ SOLIDÃO

E A B7

O DESTINO É O MEU CALENDÁRIO / O MEU DICIONÁRIO É A INSPIRAÇÃO

A E

A PORTA DO MUNDO É ABERTA / MINHA ALMA DESPERTA BUSCANDO A
CANÇÃO

- 22 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

E7

A

COM MINHA VIOLA NO PEITO / MEUS VERSOS SÃO FEITOS PRO MUNDO
CANTAR

E

F# B7

É A LUTA DE UM VELHO TALENTO / TININDO POR DENTRO SEM NUNCA
CANSAR

A E G B7 E (INTRO)

É A LUTA DE UM VELHO TALENTO / TININDO POR DENTRO SEM NUNCA
CANSAR

- 23 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

CARTEIRO

( De Tião Carreiro, Sebastião Vitor e Carreirinho )

TOM : E ( Mi Maior )

INTRO: F# B7 E B7 E

RITMO: CATERETÊ

E A B7 E

EU ESTAVA NO PORTÃO QUANDO O CARTEIRO PASSOU

E7

A B7 E

TIROU DA CORRESPONDENCIA UMA CARTA E ME ENTREGOU

F#

B7

ABRI A CARTA PRÁ LER OS ARES DIFERENCIOU

A E F# E F#

QUANDO LI O CABEÇALHO OS MEUS OLHOS SE ORVALHOU , AI...

E B7 E

LÁGRIMAS NO CHÃO PINGOU

A B7

E

DOIS AMIGOS QUE PASSAVAM ME VIU CHORANDO E PAROU

E7 A B7 E

O QUE TINHA ACONTECIDO UM DELES ME PERGUNTOU

F#

B7

A CAUSA DESSA TRISTEZA , MEU AMOR ME ABANDONOU

A E F# E F#

AMIGOS FIQUEM SABENDO PRIMEIRA VEZ POR AMOR , AI...

E B7 E

QUE ESTE CABOCLO CHOROU

A B7 E

O AMOR QUE EU TINHA NELA EM ÓDIO SE TRANSFORMOU

E7 A B7 E

POR SER UMA MULHER FALSA , NÃO CUMPRIU O QUE JUROU

F# B7

NÃO QUERO SABER ONDE ANDA NEM ELA ONDE ESTOU

- 24 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

A E F# E F#

VAI SER COMO O SOL E A LUA , QUANDO UM SAI O OUTRO JÁ ENTROU, AI...

E B7 E

NÃO QUERO TER MAIS AMOR

A B7 E

DAS MULHER QUE EU CONHECI SÓ UMA QUE CONFIRMOU

E7 A B7 E

UM AMOR SINCERO E PURO QUE NUNCA ME TRAIÇOOU

F# B7

EM MINHAS HORAS AMARGAS O QUANTO ME CONFORTOU

A E F# E F#

PRIMEIROS PASSOS DA VIDA FOI ELA QUEM ME ENSINOU, AI....

E B7 E

MINHA MÃE QUE ME CRIOU

- 25 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

PIRILUME

( De Roberto A Barbosa, Nil Bernardes,

Luiz Schiavon e Marcelo Barbosa )

TOM : E ( Mi Maior )

INTRO: E G#m B7

RITMO: CATERETÊ

E B7

E

PIRILAMPO VAGALUME / CABELOS PRO MEU CANTAR

B7

E

TANTA COISA ACONTECE / E CARECE MATUTAR

G#7

C#m

PIRILAMPO BOIADEIRO / TANGE O GADO SEM SABER

A

E B7

E

QUE O GADO É QUEM O LEVA / QUEM É BOI NÃO TEM QUERER

E

B7

E

VAGALUME NA BALÉIA / DO GARIMPO A ROLAR

B7

E

OH, PENEIRA RODA , RODA / ME AJUDA A ENCONTRAR

G#7

C#m

A PEPITA QUE PERMITA / DESSA LIDA REPOUSAR

A

E

B7

E E7

É DEBAIXO DESSA TERRA / QUE NOS DEIXAM DESCANSAR

B7

E

VOA , VAGALUME PIRILAMPO

B7

E E7

VOA , VEM MEU CANTO ILUMINAR

A

E

B7

VOA, ILUMINA MEU DESTINO / ILUMINA MEU CAMINHO

A B7 E

NESSA NOITE DE LUAR

- 26 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

E

B7

E

PIRILAMPO QUE BELEZA / QUE LINDEZA O TEU BRILHAR

B7

E

PISCA, PISCA PIRILUME / OH, FAÍSCA DE LUAR

G#7

TEU PISCAR TEU LUME INCERTO

C#m

A

E

É POEIRA DE ILUSÃO / É PRECISO ARMAR FOGUEIRA

B7 E E7

PRÁ ACENDER O MEU SERTÃO

- 27 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

TRISTEZA DO JECA

( De. Angelino de Oliveira )

TOM : E ( Mi Maior )

INTRO: A B7 E C#m F#m B7 E B7

RITMO. CATERETÊ

E A

E

B7 E B7

NESTES VERSOS TÃO SINGELOS MINHA BELA , MEU AMOR

E A E

B7 E E7

PRÁ VOCÊ QUERO CONTAR / O MEU SOFRER A MINHA DOR

A B7 E

C#m F#m

EU SOU COMO O SABIÁ / QUE QUANDO CANTA É SÓ TRISTEZA

B7 E

DESDE O GALHO ONDE ELE ESTÁ

B7

E

NESTA VIOLA EU CANTO E GEMO DE VERDADE

B7

E

CADA TOADA REPRESENTA UMA SAUDADE

E A E

B7 E B7

EU NASCI NAQUELA SERRA / NUM RANCHINHO BEIRA CHÃO

E A E B7 E E7

TODO CHEIO DE BURACO / DONDE A LUA FAZ CLARÃO

A B7 E C#m

F#m

E QUANDO CHEGA A MADRUGADA / LÁ NO MATO A PASSARADA

B7 E

PRINCIPIA UM BARULHÃO

E A E

B7 E B7

LÁ NO MATO TUDO É TRISTE / DESDE O JEITO DE FALAR

E

A

E

B7 E E7

QUANDO RISCAM A VIOLA / DÁ VONTADE DE CHORAR

A

B7 E C#m F#m

NÃO TEM UM QUE CANTE ALEGRE / TODOS VIVEM PADECENDO

- 28 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

B7

E

CANTANDO PRÁ SE ALIVIAR

E

A

E B7 E B7

VOU PARAR COM A MINHA VIOLA / JÁ NÃO POSSO MAIS CANTAR

E A E

B7 E E7

POIS O JECA QUANDO CANTA / TEM VONTADE DE CHORAR

A B7 E C#m

F#m

E O CHORO VAI CAINDO / DEVAGAR VAI SE SUMINDO

B7 E

COMO AS ÁGUAS VAO PRO MAR. ( NEGRITO 2 X )

- 29 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

Capítulo 5: Escala Menor

Olá pessoal, tudo bem?

Depois de passar pela escala maior em nossa aula passada, vamos agora conhecer outra
escala muito importante que é a ESCALA MENOR.

Esta escala possui uma estrutura diferente da maior. Observe o exemplo abaixo:

Na escala maior temos TOM-TOM-SEMITOM-TOM-TOM-TOM-SEMITOM

Na escala menor temos TOM-SEMITOM-TOM-TOM-SEMITOM-TOM-TOM

Vamos observar por exemplo a escala de Lá Menor

A – B – C – D – E – E – F – G – A

De Lá para Si temos 1 TOM

De Si para Dó temos 1 SEMITOM

De Dó para Ré temos 1 TOM

De Ré para Mi temos 1 TOM

De Mi para Fá temos 1 SEMITOM

De Fá para Sol temos 1 TOM

De Sol para Lá temos 1 TOM

Assim como na escala maior, você pode experimentar outras tonalidades, sempre atentando
para a estrutura da escala que deve ser mantida, para que ela tenha característica sonora de
uma escala menor. Por exemplo:

Escala de E menor

E – F# - G – A – B – C – D – E

De Mi para Fá sustenido temos 1 TOM ( Mi para Fá tem apenas 1 SEMITOM )

De Fá# para Sol temos 1 SEMITOM

De Sol para Lá temos 1 TOM

De Lá para Si temos 1 TOM

De Si para Dó temos 1 SEMITOM

De Dó para Ré temos 1 TOM

De Ré para Mi temos 1 TOM

Espero que você tenha compreendido bem nossa aula teórica de hoje.
Volto a relembrar que a ajuda de um bom professor de viola é fundamental
para um bom aprendizado. E temos muitos profissionais de altíssimo nível espalhado por
este país.

- 30 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

Na aula que vem veremos formação de escalas duetadas, que é o tipo de solo
característico do nosso amado instrumento.

TOADA

Vamos agora para a parte rítmica, com a toada.

A Toada é um dos ritmos mais bonitos da viola. Temos verdadeiros clássicos tocados
este ritmo como por exemplo "Chico Mineiro", "Cabocla Tereza", "Pingo d’Água, "
Tristezas do Jeca" entre muitas outras. Vamos ver como é o seu ritmo?

Neste ritmo deve-se reparar que ele começa com polegar e termina com polegar, ou seja,
colocado em seqüência, teremos dois polegares descendo um após o outro. há a mudança de
acorde, o mesmo entrará entre os polegares como no exemplo abaixo:

Segue abaixo algumas pérolas da nossa música caipira:

- 31 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

CHICO MINEIRO

( De Tonico e Francisco Ribeiro Barbosa )

TOM : E

INTRO.: A B7 E C#m F#m B7 E E7

RITMO: TOADA

E B7 E

FIZEMO A ÚLTIMA VIAGEM / FOI LÁ PRO SERTÃO DE GOIÁS

B7 E E7

FOI EU E O CHICO MINEIRO / TAMBÉM FOI O CAPATAZ

A

B7 E

VIAJEMO MUITOS DIA / PRÁ CHEGA EM OURO FINO

C#m F#m B7 E

AONDE NOIS PASSEMO A NOITE / NUMA FESTA DO DIVINO

B7

E

A FESTA TAVA TÃO BOA / MAS ANTES NÃO TIVESSE IDO

B7

E E7

O CHICO FOI BALEADO / POR UM HOMEM DESCONHECIDO

A

B7 E

LARGUEI DE COMPRÁ BOIADA / MATARAM MEU COMPANHEIRO

C#m F#m B7 E

ACABOU-SE O SOM DA VIOLA / ACABOU-SE O CHICO MINEIRO

B7

E

DEPOIS DAQUELA TRAGÉDIA / FIQUEI MAIS ABORRECIDO

B7

E E7

NÃO SABIA DA NOSSA AMIZADE / PORQUE NOIS DOIS ERA UNIDO

A

B7 E

QUANDO VI SEUS DOCUMENTOS / ME CORTOU O CORAÇÃO

C#m F#m B7 E

DE SABE QUE CHICO MINEIRO ERA MEU LEGÍTIMO IRMÃO

C#m F#m B7 E

DE SABE QUE CHICO MINEIRO ERA MEU LEGÍTIMO IRMÃO

- 32 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

BOIADEIRO ERRANTE

( De Teddy Vieira )

TOM : A

INTRO: E7 D A

RITMO: TOADA

A E7 A

EU VINHO VINDO DE UMA QUERENCIA DISTANTE

E7 A E7

SOU UM BOIADEIRO ERRANTE / QUE NASCEU NAQUELA SERRA

D E7

O MEU CAVALO CORRE MAIS QUE O PENSAMENTO

D E7 A

ELE VEM NO PASSO LENTO / PORQUE NINGUÉM ME ESPERA

E7

A

TOCANDO A BOIADA AUÊ, UÊ, UÊ BOI / EU VOU CORTANDO ESTRADA, UÊ
BOI (2x)

E7 A

TOQUE O BERRANTE COM CAPRICHO ZÉ VICENTE /

E7 A

E7

MOSTRE PARA ESSA GENTE / O CLARIM DAS ALTEROSAS

D E7

PEGUE NO LAÇO / NÃO SE ENTREGUE COMPANHEIRO

D E7

A

CHAME O CACHORRO CAMPEIRO/ QUE ESSA REZ É PERIGOSA

E7

A

OLHE NA JANELA AUÊ, UÊ, UÊ BOI / QUE LINDA DONZELA , UÊ BOI (2x)

E7

A

SOU BOIADEIRO MINHA GENTE O QUE É QUE HÁ

E7 A

E7

DEIXA O MEU GADO PASSAR / VOU CUMPRIR A MINHA SINA

D E7

LÁ NA BAIXADA QUERO OUVIR A SIRIEMA

- 33 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

D E7

A

PRÁ LEMBRAR DE UMA PEQUENA QUE EU DEXEI LÁ EM MINAS

E7

A

ELA É CULPADA AUÊ, UÊ, UÊ BOI / D´EU VIVER NAS ESTRADAS, UÊ BOI (2x)

E7 A

O RIO TÁ CALMO E A BOIADA VAI NADANDO

E7 A

E7

VEJA AQUELE BOI BERRANDO / CHICO BENTO CORRE LÁ

D E7

LACE O MESTIÇO / SALVE ELE DAS PIRANHAS

D E7 A

TIRE O GADO DA CAMPANA / PRÁ VIAGEM CONTINUAR

E7

A

COM DESTINO A GOIÁS AUÊ, UÊ , UÊ BOI / DEIXEI MINAS GERAIS , UÊ BOI (2x)

- 34 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

CABOCLA TEREZA

( De Raul Torres e João Pacífico )

TOM : E

INTRO: ( B7 A B7 E E7 ) 2X

RITMO: TOADA

FALADO:

Lá do alto da montanha, numa casinha bem estranha, toda feita de sapê

Parei uma noite o cavalo prá mor de dois estalos, que eu lá dentro batê.

Apeei com muito jeito, vi um gemido perfeito, e uma voz cheia de dó:

- Vancê Tereza, descansa, jurei de fazê vingança, pra mode de meu amor.

Pela réstia da janela, por uma luzinha amarela, dum lampião apagando.

Vi uma cabocla no chão, e um cabra tinha na mão

Uma arma alumiando.Virei meu cavalo a galope, risquei de espora e chicote

Sangrei a anca do talo, desci a montanha abaixo, galopando o meu macho

Seu dotô eu fui chama. Vortemo lá prá montanha, naquela casinha estranha

Eu e mais seu dotô, topemo um cabra assustado, que chamando nóis prum lado

A sua história contô :

E A E B7

HÁ TEMPO FIZ UM RANCHINHO / PRÁ MINHA CABOCLA MORAR

A B7 A B7 E

POIS ERA ALI NOSSO NINHO / BEM LONGE DESTE LUGAR

A E B7

NO ALTO LÁ DA MONTANHA / PERTO DA LUZ DO LUAR

A B7 A B7 E

VIVI UM ANO FELIZ / SEM NUNCA ISSO ESPERAR

A E B7

E MUITO TEMPO PASSOU / PENSANDO EM SER TÃO FELIZ

A B7 A B7 E

MAS A TEREZA, DOUTOR , / FELICIDADE NÃO QUIS

A E B7

OS MEUS SONHOS NESSE OLHAR / PAGUEI CARO MEU AMOR

- 35 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

A B7 A B7 E

PRÁ MODE DOUTRO CABOCLO / MEU RANCHO ELA ABANDONOU

A E B7

SENTI MEU SANGUE FERVER / JUREI A TEREZA MATAR

A B7 A B7 E

O MEU ALAZÃO ARRIEI / E ELA FUI PROCURAR

A E B7

AGORA , JÁ ME VINGUEI / É ESTE O FIM DE UM AMOR

A B7 A B7 E

ESSA CABOCLA MATEI / É A MINHA HISTÓRIA DOUTOR.

- 36 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

CHITÃOZINHO E XORORÓ

( De Serrinha e Athos Campos )

TOM : E

INTROD.: B7 E B7 E

RITMO: TOADA

E

B7

E

EU NÃO TROCO MEU RANCHINHO AMARRADINHO DE CIPÓ

B7

E

PRUMA CASA NA CIDADE / NEM QUE SEJA BANGALÓ

E7 A

E

EU MORO LÁ NO DESERTO / SEM VIZINHO EU VIVO SÓ

B7

E

SÓ ME ALEGRA QUANDO PIA / LÁ PRÁ AQUELES CAFUNDÓ

B7

E

É O INHAMBU-CHITÃ / E O XORORÓ

B7

E ( INTRODUÇÃO )

É O INHAMBU-CHITÃ / E O XORORÓ

E

B7

E

QUANDO ROMPE A MADRUGADA / CANTA O GALO CARIJÓ

B7

E

PIA TRISTE A CORUJA / NA CUMEIRA DO PAIÓ

E7

A E

QUANDO CHEGA O ENTARDECER / PIA TRISTE O JAÓ ( Refrão )

E

B7

E

NÃO ME DOU COM A TERRA ROXA / COM A SECA LARGA PÓ

B7

E

NA BAIXADA DO AREIÃO / EU SINTO PRAZER MAIÓ

E7

A

E

VER A ROLINHA NO ANDAR / NO AREIÃO FAZ CARACÓL ( Refrão )

E

B7

E

EU FAÇO MINHA CAÇADA / BEM ANTES DE SAIR O SOL

- 37 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

B7

E

ESPINGARDA DE CARTUCHO / PATRONA DE TIRACÓ

E7

A

E

TENHO BUZINA E CACHORRO / PRÁ FAZER FORROBODÓ ( Refrão )

E

B7

E

QUANDO SEI DE UMA NOTÍCIA / QUE UM OUTRO CANTA MIÓ

B7

E

MEU CORAÇÃO DÁ UM BALANÇO / FICA MEIO BANZARÓ

E7

A

E

SUSPIRO SAI DO MEU PEITO / QUE NEM BALA JEVELÓ ( Refrão )

- 38 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

PINGO D´ÁGUA

( De Raul Torres e João Pacífico )

TOM : E

INTRO: A B7 E F#m C#m B7 E

RITMO: TOADA

E B7

E

EU FIZ PROMESSA PRA QUE DEUS MANDASSE CHUVA

B7

E

PRÁ CRESCER A MINHA ROÇA / E VINGÁ AS CRIAÇÃO

B7

E

POIS VENHO A SECA / E MATOU MEU CAFEZÁ

B7

E

MATÔ TODO MEU ARROIS / E SECOU MEU ARGODÃO

B7

E

NESSA COLHEITA / MEU CARRO FICOU PARADO

B7

E

MINHA BOIADA CARRERA / QUASE MORRE SEM PASTAGEM

B7 E

EU FIZ PROMESSA / QUE O PRIMEIRO PINGO D ´ÁGUA

B7

E

EU MOIAVA AS FRÔ DA SANTA / QUE TAVA EM FRENTE DO ALTAR

B7

E

EU ESPEREI UMA SEMANA / UM MEIS INTEIRO

B7

E

A ROÇA TAVA TÃO SECA / DAVA PENA INTÉ DE VÊ

B7

E

OIAVA O CÉU / CADA NUVEM QUE PASSAVA

B7

E

EU DA SANTA ME ALEMBRAVA / PRÁ PROMESSA NÃO ESQUECER

B7

E

EM POUCO TEMPO / A ROÇA FICOU VIÇOSA

- 39 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

B7

E

AS CRIAÇÃO JÁ PASTAVA / FLORECEU MEU CAFEZAL

B7

E

FUI NA CAPELA E LEVEI / TRES PINGO D´ÁGUA

B7 E

UM FOI O PINGO DA CHUVA / DOIS CAIU DO MEU OLHAR

- 40 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

TRISTEZA DO JECA

( De. Angelino de Oliveira )

TOM : E

INTRO: A B7 E C#m F#m B7 E B7

RITMO. TOADA

E

A

E

B7

E B7

NESTES VERSOS TÃO SINGELOS MINHA BELA , MEU AMOR

E

A

E

B7

E E7

PRÁ VOCÊ QUERO CONTAR / O MEU SOFRER A MINHA DOR

A

B7 E

C#m

F#m

EU SOU COMO O SABIÁ / QUE QUANDO CANTA É SÓ TRISTEZA

B7

E

DESDE O GALHO ONDE ELE ESTÁ

B7

E

NESTA VIOLA EU CANTO E GEMO DE VERDADE

B7

E

CADA TOADA REPRESENTA UMA SAUDADE

E A

E

B7

E B7

EU NASCI NAQUELA SERRA / NUM RANCHINHO BEIRA CHÃO

E

A

E B7

E E7

TODO CHEIO DE BURACO / DONDE A LUA FAZ CLARÃO

A B7 E

C#m F#m

E QUANDO CHEGA A MADRUGADA / LÁ NO MATO A PASSARADA

B7 E

PRINCIPIA UM BARULHÃO

E

A

E

B7 E B7

LÁ NO MATO TUDO É TRISTE / DESDE O JEITO DE FALAR

E

A

E

B7

E E7

QUANDO RISCAM A VIOLA / DÁ VONTADE DE CHORAR

A

B7

E C#m

F#m

NÃO TEM UM QUE CANTE ALEGRE / TODOS VIVEM PADECENDO

- 41 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

B7

E

CANTANDO PRÁ SE ALIVIAR

E

A

E

B7

E

B7

VOU PARAR COM A MINHA VIOLA / JÁ NÃO POSSO MAIS CANTAR

E nnnnnnA

E

B7 E E7

POIS O JECA QUANDO CANTA / TEM VONTADE DE CHORAR

A

B7 E C#m

F#m

E O CHORO VAI CAINDO / DEVAGAR VAI SE SUMINDO

B7

E

COMO AS ÁGUAS VAO PRO MAR.

- 42 -

CURSO BÁSICO DE VIOLA CAIPIRA

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->