P. 1
A MENINA QUE FEZ A AMÈRICA

A MENINA QUE FEZ A AMÈRICA

5.0

|Views: 5.871|Likes:
Publicado porEnsinarsempre

More info:

Published by: Ensinarsempre on Oct 08, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/11/2015

pdf

text

original

A MENINA QUE FEZ A AMÈRICA Eu vou morrer um dia, porque tudo que nasce também morre: bicho, planta

, mulher, homem. Mas histórias podem durar depois de nós. Basta que sejam postas em folhas de papel e que suas letras mortas sejam ressuscitadas por olhos que saibam ler. Por isso, aqui está para vocês o papel da minha história: uma vida-menina para as meninas-dos-seus-olhos. Vou contar… Eu nasci no ano de 1890, numa pequena aldeia da Calábria, ao sul da Itália. E onde fica a Itália?… É só olhar um mapa da Europa e procurar uma terra em forma de bota, que dá um pontapé no Mar Mediterrâneo e um chute de calcanhar no Mar Adriático. É lá. Lá, nessa terra entre mares, foi que eu nasci num dia de inverno, quando as flores silvestres que perfumavam o ar puro dos campos da minha aldeia estavam à espera do florescer da primavera. Saracema: este era o nome do lugar pequenino onde eu nasci. Eu disse “era”, embora o lugar ainda existia e tenha crescido, como eu também cresci. Mas, como nunca mais voltei para lá, acho que não pode se mais o mesmo que conheci e onde vivi até os dez anos de idade. A Saracena de 1890 era aquela sem a comunicação do telefone, os sons do rádio e as imagens da televisão nas casas; sem o eco dos carros e das motocicletas nas estradas ou o ronco dos aviões sobre telhados. A música que andava no ar, nos tempos da minha infância, vinha do canto dos pássaros, do chiar das rodas das carroças, das batidas dos cascos dos cavalos, do burburinho do risco das crianças e do lamento dos sinais das igrejas. Essa era a voz da terra onde começava a minha vida e terminava o meu mundo. Nunca cheguei a conhecer meu pai, Domenico Gallo. Só em retrato: um homem alto, bonito, de finos bigodes. Dizem que ele ficou muito feliz quando eu e meu irmãozinho Caetano nascemos. Ah, esqueci de dizer que meu nome é Fortunata e que, quando menina, me chamavam de Fortunatella. (Laurito, Ilka Brunhilde. A menina que fez a América. São Paulo, FTD)

encanta todas as platéias nos países em que se apresenta. quero que se levante e diga de onde veio. começou a ficar amarela.2) 3) 4) 5) 6) 7) 8) Quando e onde a menina nasceu? Até que idade ele viveu em Saracena? Como a menina se chamava? Como a menina era chamada quando pequena? Quem era Caetano e Domenico? De que modo Fortunata conhecia seu pai? Você acha que a menina teve uma infância feliz? Por quê? Se você tivesse de dar outro título ao texto. solista principal. mas nem sempre foi assim.etc. quando ela era criança as coisas eram bem diferentes. seu único problema era a timidez. qual seria? Por quê? MARCELA DA CARA AMARELA Marcela é a grande estrela de um coral. Infelizmente a timidez de Marcela... ou melhor.. vou fazer a chamada. -Luciano. ela era tão tímida. no primeiro dia de aula. dificilmente tirava uma nota vermelha.. Marcela começou a tremer ficar pálida. -Diogo. quando a professora disse: -Atenção turma. Marcela era uma linda garotinha de longos cabelos pretos e olhos de jabuticaba. mas tão tímida que seu rosto até mudava de cor quando alguém chamava seu nome. a idade e o que mais gosta de fazer. A primeira vez que isso aconteceu foi na terceira série. . vejamos como tudo aconteceu. E a chamada começou: -Aline.. não era assim uma timidez normal. aliás. -Beatriz. nem conseguiu ouvir quando a professora disse: -Marcela. mas quando eu chamar o nome de cada um. amarelinha feito uma gema.... Filha obediente e aluna dedicada.. -Marcela..etc.

tentou se esconder. quando uma voz gentil perguntou: . a escola ia promover um Recital de Natal. Seguindo a tradição de todos os finais de ano. queria ser um tatu como o Vítor de uma história que ela leu só que Marcela não era tatu e a única coisa que podia fazer era esconder o seu rosto abaixando a cabeça. vou ficar amarela. saiu da escola correndo e chorando. ela se acostumou. não conseguiu. mas com jeitinho a mãe dela conseguiu convencê-la e ela foi. No outro dia Marcela não queria ir para escola. . vai crescendo. amarelerrima! Há!Há!Há! Já até sei o apelido dela: Marcela da cara amarela! Todos caíram na gargalhada.Será que a Marcela não está presente? Marcela só conseguiu erguer um dedinho. mas saiu correndo. porém. Marcela quase explodindo contou toda sua história: a timidez. ela precisava de uma garota para fazer um solo. eu sou uma inútil! As lágrimas rolavam sem parar. mas. o amarelo. desbotando toda a amarelice de suas bochechas. amarelona. o coral. só depende de você enfrentar esse medo e tirar essas ferrugem da sua vida. Patrick o menino mais sarrista e gozador da turma logo disse: -Olhe! A cara dela está amarela. todos olharam para ela. a professora começou a fazer testes com todas as garotas depois de uma semana anunciou a sua escolhida: .Eu nunca vou conseguir. tremeu. Correu muito rápido. O ano letivo estava quase no fim e ela já nem ligava para o seu apelido. até travar todo seu corpo. crescendo. vou gaguejar. não o desperdice. Marcela da cara amarela! –Marcela da cara amarela empresta um lápis? Mas depois. até quando não agüentou mais.Quem fará o solo é a Marcela. Marcela só pensava: . No começo foi difícil ouvir: .Menina por que você está chorando? Era uma vovó muito simpática de um olhar bondoso e um sorriso feliz. Assim. Se a professora te escolheu. se você não tirar logo. a professora de música começou a ensaiar todos os alunos. é por que você tem talento. avistou um ponto de ônibus que tinha um banquinho e sentou ali.Oi. mas. o solo. Marcela só queria sumir. vou tremer. Como de costume Marcela ficou com a cara amarela. então a senhora disse: -Marcela todos temos nossos medos que são como ferrugem.

Marcela voltou para escola. então pensou: .Circule os substantivos da frase e grife os adjetivos a) .. nunca tinha pensado assim. Marcela saiu correndo.Quem é a protagonista dessa história? Faça uma descrição física dessa personagem: 3 . cantou no recital de natal e o resto da história você já sabe. mas.Angélica. você tem razão.Qual era o maior problema de Marcela? O que acontecia com ela quando ficava com vergonha? 4 . aliás. c) Era uma vovó muito simpática de olhar bondoso. queria ser um tatu como o Vítor.Quando foi à primeira vez em que Marcela ficou com a “cara amarela”? 5 .Classifique as palavras abaixo como oxítonas. Justifique: 7 . . Bem. b) Marcela ficou com a cara amarela.. paroxítonas ou proparoxítonas: a) Linda ___________________________ b) Platéia___________________________ c) Encanta_________________________ d) Vovó___________________________ e) Bondoso________________________ f) Amarela________________________ g) Timidez________________________ h) Pálida_________________________ i) Cabelos________________________ 14 .Encaixa as palavras do exercício acima na tabela correta.Puxa..como aquela senhora sabia seu nome? Deu uma olhadinha para trás para ver o rosto de Angélica uma ultima vez. d) Ela tinha um olhar bondoso e um sorriso feliz. 13 . de acordo com o número de sílabas: . como é seu nome? .Obrigada Angélica! Vou voltar para a escola.Com o que Angélica comparou os nossos “medos”. 2 .Quem ajudou Marcela? Descreva essa personagem? 6. misteriosamente ela não estava mais lá.

Pinte de amarelo a palavra que está grafada corretamente: Assado Asado Caixote Caichote Amassado Amaçado Xícara Chícara Vagem Vajem Ameixa Ameicha Amarrar Amarar Roxo Rocho Engraxate Engrachate Bússola Busola Sossegado Sosegado Gesso Jesso Xocolate Chocolate Graxa Gracha Girassol Giraçol Dezesseis Dezeseis .Polissílabas 15 .Monossílabas – Dissílabas – Trissílabas .

Leia com muita atenção o quadro e transcreva o que se pede: livro. qual a diferença de grafia (escrita) entre os substantivos próprios e os comuns? . peixe. Andréia.Quinze Quinse Passado Paçado Caçula Casula Barriga Bariga PRODUÇÃO TEXTUAL 16 . clube. raiva. rapidez. amor. Espanha. beleza. animais ou plantas: c) substantivos que nomeiam seres humanos: d) substantivos que designam seres imaginários: e) substantivos que nomeiam sentimentos: f) substantivos que dão nomes a qualidades ou características: g) substantivos que nomeiam sensações físicas: h) substantivos que designam ações: 18 .Transcreva do quadro do exercício anterior: a) dois substantivos próprios: b) dois substantivos comuns: 19 . dragão. coqueiro. Brasília.Marcela era muito tímida. fome. Marcelo. rapaz. anel a) substantivos que dão nomes a lugares: b) substantivos que dão nomes a objetos.No que diz respeito à primeira letra. e tinha medo de falar em público. fada. ataque. mas ela conseguiu vencer seu medo. E você? Quais são seus medos? O que você faz pra vencer esse medo? Escreva um texto de no mínimo 15 linhas: 17 . beijo. dor. motorista. maldade.

f) Encontrei um pobre cãozinho abandonado. h) Aquele garoto tem cabelos ruivos e longos. . g) As crianças pequenas estavam alegres. Teresa tinha umas idéias malucas. Se necessário.Sublinhe os adjetivos e indique. a) O velho usava um chapéu grande.20 . b) Copie a frase em que a palavra velho é adjetivo.Acrescente aos substantivos destacados as características indicadas nos parênteses. (esperto / alegre) 21 . Veja o exemplo: Ana colheu flores. com uma seta. modifique a forma da(s) palavra(s) que você vai acrescentar. d) O bom aluno consegue bons resultados. c) D. (florido) b) As crianças colheram laranjas. b) As crianças caminhavam felizes pelas ruas. 22 . c) Copie a frase em que a palavra estranho é adjetivo. b) Um homem velho apareceu na rua. b) Naquela fazenda as crianças comeram muitos doces. e) A garota ficou nervosa com o irmão. a) Maria entrou num jardim. b) Um estranho pediu-nos algumas informações. (vermelho) Ana colheu flores vermelhas. a) Um velho apareceu na rua. a) Copie a frase em que a palavra doces é adjetivo. (saboroso / maduro) c) Na praça havia muitas crianças.Faça o que se pede. a que substantivo eles se referem. a) As crianças chegaram a lugar estranho. a) As mangas doces eram colhidas pelas crianças.

Eu e tua mãe ficamos muito tristes vendo que o filhinho é assim. à hora do almoço. As Aventuras do Avião Vermelho. Travesso e brigão. Fernando não disse nada. -Então eu fico bem quietinho. Fernando deu um pulo. (Érico Veríssimo. 1983) . não sejas mau. brigão e malcriado? Fernando respondeu: -Porque sou valente! Rosnou como um leão que está começando a ficar zangado. Ele gostava de arranhar a cara da cozinheira e de botar a língua para os mais velhos. Gordo e travesso. Fungou. desobediente. Atirava pedras nas galinhas. Olhou para o pai com o rabo dos olhos e começou a cantar uma cantiga que nem ele mesmo sabia o que era. Fernando pisava no rabo do gato. Era um terror. te trago um livro de histórias. Não deu um pio. E ficou mesmo. quando eu vier da rua. Um dia. Era um menino muito gordo. Jogava água quente no cachorro. por que é que tu és tão travesso.. bom. obediente. Parecia até um bonequinho de açúcar. papai viu Fernando sentado num canto da varanda e perguntou: -Meu filho. Não mexeu em nada à hora do almoço. se tu te portares bem hoje. Papai riu e disse: -Fernandinho. Ninguém em casa podia com a vida dele.FERNANDO Chamava-se Fernando. O pai e a mãe de Fernando viviam muito tristes.. -Traz mesmo papai? -Trago. Queriam que ele fosse quietinho. Papai passou a mão pela cabeça de Fernando e disse: -Olha. Eles só tinham aquele filho.

resma.23 .Diga a quem se refere os pronomes abaixo: a) Dele (3ª linha)_________________________ b) Ele (4ª linha)_________________________ c) Eles (5ªlinha)_________________________ d) Tu (8ªlinha)___________________________ e) Eu (13ª linha)_________________________ 26 .Complete as orações com os coletivos do abaixo: Elenco. time. o que os pais devem fazer quando seus filhos têm um comportamento inadequado? 24 . orquestra. exército. vara.Complete com adjetivos de acordo com o texto: a) Fernando era_____________ b) Os pais de Fernando queriam que ele fosse___________________ 25 . ramalhete. Quadrilha. . enxame.INTERPRETAÇÃO DE TEXTO Descreva como era Fernando: Por que em casa ninguém podia com ele? Que travessuras Fernando fazia? Por que os pais de Fernando viviam tristes? O que o pai prometeu para que Fernando ficasse quieto? Seu plano funcionou? Justifique: Você acha que está certo o pai conseguir o bom comportamento do filho através de uma troca ou de um presente? Por quê? Na sua opinião. álbum. matilha.Retire do texto: a) Uma frase afirmativa: ____________________________________________ b) Uma frase interrogativa:__________________________________________ c) Uma frase exclamativa:__________________________________________ d) Uma frase que dá idéia de continuidade:_____________________________ 27 .

h) Minha mãe montou um ____________ de fotos de toda minha vida. i) O_____________ de abelhas me atacou. j) A ______________ de porcos debandou. b) O meu ___________ de futebol ganhou o campeonato. d) A _______________ tocou maravilhosamente bem.Conte a história do texto em forma de quadrinhos: . g) A _______________ de cães foi pega pela carrocinha. e) A _______________ foi pega pela polícia em flagrante. k) O ______________ americano voltará para casa no próximo ano. PRODUÇÃO DE TEXTO 28 .a) A professora recebeu um _____________ de rosas no seu aniversário. c) O ____________ da peça foi brilhante. f) A professora pediu uma ____________ de papel para cada aluno.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->