Você está na página 1de 1

SOTEROLOGIA

A palavra ‘presciência’ (Usada somente em Atos 2:23 e I Pedro 1:2) não é idêntica à palavra
‘conhecer’ (Usada em Atos 26:5; Rom. 8:29; 11:2; I Pedro 1:20 e II Pedro 3:17) mesmo que é
relatada a ela. A palavra ‘presciência’ tem mais do que um mero conhecimento prévio de fatos
embutido nela. É claro que Deus conhece todas as coisas e todas as pessoas pois ele é
onisciente. Todavia a palavra ‘presciência’ também tem um entendimento de preordenação ou
uma preparação prévia (Thayer’s Léxico. Citado em Simmons, p. 211, Inglês). A presciência
de Deus não somente conhece tudo, mas determina tudo em relação à salvação: O nascimento
de Cristo (Gal 4:4), a morte de Cristo pelas mãos injustas (Atos 2:23; 4:28), as pessoas a
serem salvas (I Pedro 1:2, “os eleitos”), o envio da mensagem a estes (Atos 18:10) e a hora
que crêem (Atos 13:48). Tudo foi segunda a Sua ordenação explicita que, por sua vez, é
segundo a Sua vontade que é eterna (II Tess 2:13,14; Rom. 9:15,16). É nesse sentido que a
salvação é segundo a presciência de Deus.

PNEUMATOLOGIA

Pneumatologia é o estudo de seres espirituais e phenomena, especialmente as interações


entre os humanos e Deus.
Pneuma é a palavra grega para " respiração", que metaforicamente descreve um ser de
espírito ou influência.
Em Teologia Cristã, pneumatologia se refere ao estudo do Espírito Santo. Na doutrina Cristã
popular, o Espírito Santo é a terceira pessoa de Deus na Trindade. Algumas formas de
Cristianismo negam que o Espírito Santo seja pessoal, embora assegurando que pode, em
algumas ocasiões, influenciar as pessoas. No Evangelho de João, pneuma é unido a
renascimento em água e espírito que foram sugeridos para ser o batismo.

PARACLETOLOGIA

Paracletologia é uma palavra formada por duas palavras gregas: paracletos (que significa.
Ajudador, Consolador, advogado) e Logia (que significa estudo, doutrina). A Paracletologia
estuda de uma forma sistemática tudo o que se refere ao Espírito Santo (chamado por Jesus
de Consolador). A Paracletologia também é conhecida como Pnematologia.
A Paracletologia divide-se, na Bíblia em dois períodos: o do Antigo e do Novo Testamento. No
AT, as atividades e as manifestações do Espírito Santo eram esporádicas, específicas e em
tempos distintos. No N.T., começa no dia de Pentecostes, quando suas atividades se
concretizam de maneira direta e contínua através da Igreja. No AT, Ele se manifestava em
circunstâncias especiais. No N.T., veio para morar nos corações dos crentes e enche-los do
seu poder.
Porque a um, pelo Espírito, é dada a palavra da sabedoria; e a outro, pelo mesmo Espírito, a
palavra da ciência; e a outro, pelo mesmo Espírito, a fé; e a outro, pelo mesmo Espírito, os
dons de curar; e a outro, a operação de maravilhas; e a outro, a profecia; e a outro, o dom de
discernir os espíritos; e a outro, a variedade de línguas; e a outro, a interpretação das línguas.
Em 1Co 12.8-10, o apóstolo Paulo apresenta uma diversidade de dons que o Espírito Santo
concede aos crentes. Nesta passagem, ele não descreve as características desses dons, mas
noutros trechos das Escrituras temos ensino sobre os mesmos.

ESCATOLOGIA

Escatologia (do grego antigo εσχατος, "último", mais o sufixo -logia) é uma parte da teologia e
filosofia que trata dos últimos eventos na história do mundo ou do destino final do gênero
humano, comumente denominado como fim do mundo. Em muitas religiões, o fim do mundo é
um evento futuro profetizado no texto sagrado ou no folclore. De forma ampla, escatologia
costuma relacionar-se com conceitos tais como Messias ou Era Messiânica, a pós-vida, e a
alma.

Você também pode gostar