Você está na página 1de 3

DIREITO CONSTITUCIONAL – Prof.

Nathalia Masson
Turma: INSS
Aula 01 (Tema: Poder Legislativo e Processo Legislativo - emendas constitucionais)
Exercícios

01- (OAB-CESPE)
Na organização do Estado brasileiro, o Poder Legislativo bicameral, do tipo federativo, está presente
a) somente na União.
b) na União, nos Estados-membros e no Distrito Federal.
c) somente nos Municípios.
d) em todos os entes federativos.

02- (OAB-CESPE)
Assinale a alternativa correta:
a) A eleição para senador, na Constituição Federal, segue o sistema majoritário;
b) A eleição para senador, na Constituição Federal, segue o sistema proporcional;
c) A eleição para deputado federal, na Constituição Federal, segue o sistema majoritário;
d) A eleição para senador é feita em dois turnos.

03- (CESPE)
Afirma-se que o Poder Legislativo brasileiro é do tipo bicameral-federativo, pois:
a) é integrado exclusivamente por representantes dos Estados e do Distrito Federal, que são entes
federativos.
b) é integrado por duas Casas Legislativas, uma delas composta por representantes do povo brasileiro
e a outra por representantes dos Estados e do Distrito Federal.
c) é integrado pela Câmara dos Deputados, composta por representantes do povo brasileiro, e pelo
Senado Federal, composto por representantes dos Estados, dos Municípios e do Distrito Federal.
d) a União e os Estados têm Poderes Legislativos próprios.

04- (Tribunal-CESPE)
O Poder Legislativo Nacional é considerado do tipo bicameral-federativo porque é composto por duas
Casas Legislativas,
a) uma formada por representantes do povo brasileiro e a outra, por representantes dos Estados-
membros e do Distrito Federal.
b) uma Iniciadora e outra Revisora dos projetos de lei.
c) uma formada por representantes do povo brasileiro e a outra, por representantes dos Estados-
membros.
d) uma formada por representantes do povo brasileiro e a outra, por representantes dos Estados, do
Distrito Federal e dos Territórios, quando existirem.

05- A imunidade material do Deputado Federal


a) difere da imunidade material do Vereador, porque a responsabilização dos Vereadores por suas
opiniões, palavras e votos, restringe-se à circunscrição do respectivo Município.
b) é idêntica à imunidade material do Vereador, não permitindo que sejam responsabilizados, civil e
penalmente, por suas opiniões, palavras e votos, em todo o território nacional.
c) difere da imunidade material do Vereador, porque a licença para processamento é assegurada
somente aos Vereadores de Municípios com mais de duzentos mil habitantes.
d) é idêntica à imunidade material do Vereador, não permitindo que sejam processados sem a licença
prévia das respectivas Casas.

06- Os membros do Congresso Nacional


a) possuem imunidade, mas podem ser presos, desde a expedição do diploma, no caso de flagrante de
crime inafiançável.
b) possuem imunidade, não podendo ser presos, em qualquer hipótese.
c) possuem imunidade, mas podem ser presos, desde que não estejam no exercício de suas funções.
d) não possuem imunidade.

07- O Senado Federal compõe-se de representantes


a) dos Estados e do Distrito Federal, com mandato de oito anos, renovado de quatro em quatro anos,
alternadamente, por um e dois terços.
b) do povo, com mandato de quatro anos, renovado, integralmente, de quatro em quatro anos.
c) apenas dos Estados, com mandato de oito anos, renovado, integralmente, de oito em oito anos.
d) do povo, com mandato de oito anos, renovado, integralmente, de oito em oito anos.

08- Segundo as atuais regras de imunidade parlamentar, não poderá ser preso,
a) desde a expedição do diploma, o Senador, salvo em flagrante de crime inafiançável.
b) desde a posse, o Deputado Federal, salvo em flagrante delito.
c) desde a expedição do diploma, o Deputado Estadual, salvo em flagrante delito.
d) desde a posse, o Vereador, salvo em flagrante delito praticado na circunscrição do respectivo
Município.

09- A reunião anual do Congresso Nacional, na Capital Federal, é denominada


a) legislatura, que ocorre de 15 de fevereiro a 30 de junho e de 1.º de agosto a 15 de dezembro.
b) sessão ordinária, que ocorre de 15 de fevereiro a 15 de dezembro.
c) sessão legislativa, que ocorre de 02 de fevereiro a 17 de julho e de 1.º de agosto a 22 de dezembro.
d) convocação ordinária, que ocorre de 02 de fevereiro a 22 de dezembro.

10- (CESPE/AG. POLÍCIA FEDERAL/97): Os deputados federais são eleitos pelo sistema majoritário,
obedecendo-se às vagas estabelecidas, por meio de lei complementar, para cada Estado e para o
Distrito Federal.

11- (ESAF/PROCURADOR/FORTALEZA/2002) Segundo o modelo clássico do Estado federal, acolhido pelo


constituinte brasileiro, os Estados-membros participam da formação da vontade da União, por meio dos
seus representantes na Câmara dos Deputados e no Senado Federal.

12- (OAB-Cespe 2009)


Assinale a opção correta acerca do disciplinamento das emendas constitucionais.
A Há limitações implícitas ao poder reformador.
B As limitações expressas com relação às emendas à CF restringem-se às temporais e às materiais.
C As limitações materiais de emenda à CF relacionam-se à idéia de que a Constituição, documento mais
importante de um país, não pode ser alterada em regime de exceção.
D As emendas à CF podem ser definidas como uma espécie extraordinária e transitória do gênero das
reformas constitucionais.

13- Analista Judiciário – Área Administrativa – TRT 7ª Região 2003)


Assinale a opção, entre as assertivas abaixo, que não se relaciona ao processo legislativo constitucional
de emendas à Constituição nos termos da Constituição de 1988.
A) A emenda à Constituição será promulgada pelas Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado
Federal, com o respectivo número de ordem.
B) A Constituição não poderá ser emendada na vigência de intervenção federal ou de estado de defesa.
C) Não será objeto de deliberação a proposta de emenda tendente a abolir a forma federativa de
Estado.
D) A matéria constante de proposta de emenda rejeitada ou havida por prejudicada pode ser objeto de
nova proposta na mesma sessão legislativa.
E) A Constituição não poderá ser emendada na vigência de intervenção federal ou de estado de sítio.

14- (CESPE/PF/PAPILOSCOPISTA/1997) Um projeto de lei pode ser proposto à Câmara dos Deputados
por iniciativa popular; a Constituição, porém, não prevê a possibilidade de o Congresso Nacional ser
provocado a deliberar sobre proposta de Emenda à Constituição resultante diretamente de iniciativa
popular.

15- FCC - 2008 - TRT - 18ª Região (GO) - Analista Judiciário - Área Judiciária
Com relação ao Processo Legislativo, é correto afirmar que a Constituição poderá ser emendada
mediante proposta de, no mínimo,
a) dois terços dos membros da Câmara dos Deputados ou do Senado Federal.
b) um quarto dos membros da Câmara dos Deputados ou do Senado Federal.
c) um terço dos membros da Câmara dos Deputados ou do Senado Federal.
d) um quinto dos membros da Câmara dos Deputados ou do Senado Federal.
e) três quartos dos membros da Câmara dos Deputados ou do Senado Federal.

16- (ESAF/PFN/98) - A Emenda Constitucional poderá ser proposta pelo:


a) Presidente da República
b) Presidente do Senado Federal
c) Presidente da República, exclusivamente
d) Presidente da República e do Senado
e) Presidente do Senado e da Câmara dos Deputados

17- (OAB- Cespe-2009) Assinale a opção correta acerca do disciplinamento das emendas constitucionais.
A As emendas à CF podem ser definidas como uma espécie extraordinária e transitória do gênero das
reformas constitucionais.
B Há limitações implícitas ao poder reformador.
C As limitações expressas com relação às emendas à CF restringem-se às temporais e às materiais.
D As limitações materiais de emenda à CF relacionam-se à idéia de que a Constituição, documento mais
importante de um país, não pode ser alterada em regime de exceção.

18- Oficial de Chancelaria – MRE/2002) - Assinale a opção correta:


A) É inconstitucional a emenda à Constituição que venha a permitir a instituição da pena de morte para
crimes hediondos.
B) Emenda à Constituição pode transformar o Estado Federal brasileiro num Estado unitário.
C) Existem matérias que somente podem ser objeto de proposta de emenda à Constituição por iniciativa
do Presidente da República.
D) Uma proposta de emenda à Constituição que tenda a abolir uma cláusula pétrea somente pode ser
objeto de deliberação pelo Congresso Nacional se for apresentada por, no mínimo, um terço dos
membros da Câmara dos Deputados ou do Senado Federal.
E) A proposta de emenda à Constituição rejeitada no Congresso Nacional não pode, em nenhum tempo,
ser reapresentada.

19- (ANALISTA JUDICIÁRIO/TRT/9ª REGIÃO): As Emendas à Constituição são promulgadas:


a) pelo Presidente da República;
b) pelas Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal;
c) pela Mesa do Senado Federal;
d) pelo Presidente do Congresso Nacional;
e) pelo Presidente da Câmara dos Deputados.

20- Pode-se dizer que a intervenção federal, estadual, o estado de sítio e o estado de defesa são
circunstâncias que impedem que a constituição seja modificada.