P. 1
A Articulação do Joelho anatomia

A Articulação do Joelho anatomia

|Views: 7.119|Likes:
Publicado porneinha25

More info:

Published by: neinha25 on Oct 22, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/18/2013

pdf

text

original

A Articulação do Joelho

Anatomia

O complexo da articulação do joelho é extremamente elaborado e inclui três superfícies articulares que formam duas articulaçãoes distintas e contidas dentro de uma simples cápsula: a patelofemoral e a tibiofemoral. ‡ É uma das articulações mais lesionadas no corpo.Os tipos de lesões mais comuns nessas regiões são: ‡ ‡ ‡ Entorses; Contusões; Lesões de menisco ou de ligamentos.

A articulação tibiofemoral consiste da extremidade distal do fêmur e da extremidade proximal da tíbia.Sobre esta recaem grandes demandas de estabilidade e mobilidade.O fêmur representa 25% da altura de uma pessoa e é o maior osso do corpo humano. O aspecto distal do corpo humano é composto por dois côndilos femorais separados pela incisura intercondilar, a qual serve para receber o ligamento cruzado posterior e anterior (LCP/LCA). ‡ A articulação patelofemoral é complexa dependendo de restrições dinâmicas e estáticas para sua função e estabilidade. A patela é um osso sesamóide onipresente situado na inc isura intercondilar. ‡ A articulação Tibiofemoral proximal é uma articulação com uma leve convexidade sobre a faceta tibial oval e uma leve concavidade da cabeça fibular.Está localizada abaixo do platô tibial , sobre o côndilo lateral da tíbia.

Ligamentos Cruzados: situam-se ambos no centro da articulação . Ligamento Colateral Lateral:(LCL) ou ligamento ‡ Colateral fibular sua principal função é resistir às forças em varo. . além de limitar a rotação interna e externa excessiva.São os principais estabilizadores do joelho e restringem contra as translações anteriores (LCA) e posteriores (LCP) da tíbia no fêmur. Ligamentos colaterais ‡ Medial:é o estabilizador primário da p orção medial do joelho contra as forças valgas e a rotação externa da tíbia em especial quando o joelho está flexionado.A estabilidade estática do complexo do joelho depende de 4 ligamentos principais que providenciam restrição primária para o movimento anormal do joelho.

lubrificação a rticular e absorção de choques. entre os côndilos do fêmur e da tíbia.Servem para reduzira fricção e proteger o movimento da uma parte do corpo sobre a outra. Bolsa pré-patelar. . Bolsas Existe uma série de bolsas ou bursas situadas nos tecidos moles em volta da articulação do joelho . Os meniscos têm a função de diminuir o impacto e promover a adaptação (melhorar o encaixe) entre as faces articulares do fêmur e da tíbia. Bolsa Tibiofemoral. Bolsas infrapatelar profunda e superficial.Meniscos Medial e Lateral são cartilagens presentes na articulação fêmurotibial.

poplíteo e os adutores do quadril. isquiotibiais. gastrocnêmio. Quadríceps .Músculos Os principais músculos que atuam sobre o complexo da articulação do joelho são: o quadríceps.

Semimemb O: T berosi I: Cô e isquiá i ilo Medi l da Tíbia : Ex ensão da oxa Semi endinoso O:Tuberosidade Isquiati a I: Face medial do corpo da tíbia : Extensão da coxa íceps Femoral O: Tuberosidade Isquiática I: Cabeça da Fíbula : Extensão da coxa e flexão da perna .

I: tendão calcâneo A: le or plantar Poplíeto ‡ O:Cápsula i rosa do joelho ‡ I: ace posterior da tí ia .Gastrocnêmio ‡ ‡ ‡ O:Côndilo Lateral do êmur.

‡ A:fle ão do joelho. rotação e terna. .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->