Você está na página 1de 1

Educar com o coração

Na educação das nossas crianças, todo o exagero é negativo. O texto abaixo, retirado do livro "Educar com o Coração" de Eugénia Puebla, é o puro exemplo de que "os filhos são flechas que lançamos ao mundo" (Kalil Gibran):

Responda-lhe, não o instrua.

Proteja-o, não o encubra.

Ajude-o, não o substitua.

Abrigue-o, não o esconda.

Ame-o, não o idolatre.

Acompanhe-o, não o leve.

Mostre-lhe o perigo, não o atemorize.

Inclua-o, não o isole.

Alimente as suas esperanças, não as descarte.

Não exija que seja o melhor, peça para ser bom e dê o exemplo.

Não o mime em demasia, rodeie-o de amor.

Não o mande estudar, prepare-lhe um bom clima de estudo.

Não construa um castelo para ele, vivam todos com naturalidade.

Não o ensine a ser, seja você como quer que ele seja.

Não lhe dedique a sua vida, vivam todos, cada um a sua.

Lembre-se de que o seu filho não o escuta, ele olha para si.

E, finalmente, quando a gaiola do canário se quebrar, não compre outra

Ensine-o a viver sem portas!

ele olha para si. E, finalmente, quando a gaiola do canário se quebrar, não compre outra