Você está na página 1de 30

AVALIAÇÃO DA APTIDÃO

FÍSICA:
projeto de elaboração de sistema
de informações

Leonardo de Arruda Delgado


Orientador: Vicente Calderoni Filho
INTRODUÇÃO
Hoje a Avaliação Física Computadorizada,
ou seja, avaliação com auxilio do
computador, tem se mostrado uma força
de apoio cientifico, de informação, de
marketing e de benefícios diretos para
alunos, familiares e escola.
META DO PROJETO
É produzir um Sistema de Informações,
que automatize os principais Testes,
Protocolos e Medidas utilizados na
Avaliação da Aptidão Física, nas
academias de São Luis-Ma.
OBJETIVO DA MONOGRAFIA
Apresentar um roteiro básico para o
desenvolvimento de um Sistema de
Informações Aplicado à Avaliação da
Aptidão Física, que forneçam variáveis de
condicionamento de forma rápida e
precisa.
JUSTIFICATIVA
A Informática (ciência que estuda o
tratamento automático e racional da
informação) é um instrumento agilizador
na execução de multitarefas, graças a sua
capacidade de registrar e processar
grande volume de informações de forma
ordenada.
PROBLEMA

 Tabelas, Fichas, Calculadora;


 Planilha no Excel;
 Banco de Dados Access;
 Visual Basic;
 Sistema de Informações.
HIPÓTESE
A qualidade e tempo médio das
avaliações, podem ser melhoradas,
através da utilização de um sistema de
computador, que forneça alternativas e
informações, relacionadas à Avaliação da
Aptidão Física, e, pode-se construir este
sistema utilizando-se apenas da Internet,
recursos de hardware e uma pesquisa
bibliografia.
ETAPAS DE
DESENVOLVIMENTO DO
SISTEMA
 Definição: esta associada à determinação do que vai
ser feito, corresponde a fase de analise e especificação
dos requisitos.

 Implementação: converte as especificações da fase de


definição em componentes do sistema de informações.

 Testagem: apresenta as alternativas que podem ser


utilizadas para testar o sistema proposto.
DEFINIÇÃO DO SISTEMA
CONCEPÇÃO DO SISTEMA

É um componente do sistema operacional (for


Windows) constituído por componentes que
devem:
Realizar interação com o usuário e coletar
informações(dados) sobre alunos;
Realizar tratamento específico dos dados;
Armazenar as informações coletadas em uma
base de dados;
Emitir relatórios relacionados ao não a base de
dados
CARACTERÍSTICAS GERAIS
 Nome: Physical
Evoluction Versão
1.0.0 for Windows;
 Tipo: Trialwere
 Limitação: 30 dias
 Plataforma: Windows
98, Milênio e Xp
LEVANTAMENTO DOS
REQUISITOS
 Entrevista com prováveis usuários;

 Pesquisa mercadológica de produtos


similares;

 Pesquisa bibliográfica sobre requisitos de


sistemas.
TÉCNICAS DE ANALISE DOS
REQUISITOS
 Utilização dos casos de uso

Antropométria A. Nutricional

A. Neuromuscular
Analise Postural

Usuário(Avaliador)
Anamnese A. Cardiorrespiratória
ESPECIFICAÇÃO DOS
REQUISITOS

Podem ser classificados em:

 Requisitos Funcionais
 Requisitos Não Funcionais ou de
Qualidade
 Requisitos de Interfaces
 Requisitos de Banco de Dados.
REQUISITOS FUNCIONAIS
 Obtenção e manutenção dos dados
relacionados à avaliação;
 Possua um sistema de ajuda, que forneça
informações sobre os testes e medidas
utilizados na avaliação;
 Ordenação prática das informações de forma
rápida e precisa;
 Localização fácil da informação;
 Uso instrutivo de recursos de mídia e
comunicação.
REQUISITOS NÃO FUNCIONAIS
 Manutenabilidade;
 Funcionalidade;
 Usabilidade;
 Confiabilidade;
 Eficiência;
 Segurança;
 Interatibilidade;
 Contabilização.
INTERFACES
 Acessar banco de dados;
 Apresentar recursos gráficos;
 Realizar cálculos matemáticos de
álgebra relacional;
 Apresentar funções de segurança;
 Relatórios associados a banco de
dados;
 Apresentar desempenho satisfatório;
BANCO DE DADOS
 Possuir uma base de dados;
 Permitir a inclusão de novo aluno;
 Realizar a exclusão de aluno já
cadastrado;
 Alterar dados de alunos cadastrados;
 Localizar qualquer aluno cadastrado;
 Emitir relatórios das avaliações dos alunos
cadastrados.
IMPLEMENTAÇÃO DO SISTEMA
 Desenvolvimento das
interfaces do sistema;
 Desenvolvimento da
base de dados;
 Testagem e
depuração do
sistema;
 Criação dos relatórios
e arquivos de ajuda;
 Criação de arquivos
de instalação;
DESENVOLVIMENTO DAS
INTERFACES

 Incluir controles (ou objetos) ao formulário;


 Definir as propriedades dos objetos;
 Codificar os eventos associados aos
objetos;
 Codificar funções associadas a eventos
 Inserir comentários sobre os códigos;
 Realizar testes de execução;
 Tratar erros de execução.
DESENVOLVIMENTO DO BANCO
DE DADOS

 Criação do arquivo do banco de dados;


 Inclusão das tabelas que irão compor o
banco de dados;
 Definição dos campos e suas
propriedades;
 Acrescentar índices às tabelas;
 Relacionar as tabelas.
FUNÇÕES DO SISTEMA
 Cadastro de alunos, com inclusão de novos
alunos, exclusão de alunos já cadastros e
alterações
FUNÇÕES DO SISTEMA
 Medidas Antropométricas
FUNÇÕES DO SISTEMA
 Protocolos de Composição Corporal
FUNÇÕES DO SISTEMA
FUNÇÕES DO SISTEMA
 Avaliação da
Flexibilidade
 RML
 Potencia Muscular
AJUDA DO SISTEMA
FASE DE TESTES
Os passos para avaliação do sistema são os
seguintes:
 Ter uma interface inicial, ainda que seja um
protótipo;
 Disponibilizar a interface para os usuários;
 Aplicar um questionário aos avaliadores do
sistema coletando assim informações sobre o
funcionamento e erros do sistema;
 Utilizando os dados coletados com os
avaliadores, para análise identificando problemas
de usabilidade;
 Solucionar os problemas de usabilidade
reprojetando a interface;
 Realizar avaliações periódicas e futuras
evoluções do sistema.
CONCLUSÃO
 Quanto a documentação;
 Quanto aos eventos iniciais;
 Quanto a analise dos requisitos;
 Quanto a analise do sistema;
 Quanto a fase de projeto;
 Quanto a fase de implementação;
 Quanto a fase de testes
Comentários Finais