P. 1
Lista de Exercicios - 02 - Vigas

Lista de Exercicios - 02 - Vigas

|Views: 11.670|Likes:
Publicado porFabricio Henrique
Exercicios de Isostatica, esforços solicitantes em vigas
Exercicios de Isostatica, esforços solicitantes em vigas

More info:

Published by: Fabricio Henrique on Nov 12, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/15/2015

pdf

text

original

www.ueg.

br

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: ISOSTÁTICA - PROFa LIANA DE LUCCA JARDIM BORGES

2a LISTA DE EXERCÍCIOS - VIGAS ISOSTÁTICAS 1 – Calcular os esforços solicitantes (esforço normal, esforço cortante e momento fletor) atuantes em uma seção qualquer, obtê-los nos pontos definidos A, B, C e D, obter os esforços máximos de cortante e fletor, e traçar os diagrama dos esforços .
50 kN 240 kN/m 50 kN
10 kN/m

A

2m

B

8m

C

2m

D

A

1m

B

4m

C

1m

D

50 kN

240 kN/m

60 kN/m 30 kN/m

A

2m

B

8m

C

A

3m

B

3m

C

2m

D

100 kN 60 kN/m 30 kN/m 20 kN.m A 5m 5 kN.m B A 3m 60 kN/m

100 kN

200 kN

30 kN/m B C

A

3m

B

2m

C

2m

15 kN
10 kN 16 kN.m A 3m B 6m C

20 kN.m A 4m B 4m C

12 kN 10 kN.m A 3m B 2m C A 3m B

45 kN/m C

3m

2m

D

1

2 – Esboçar, sem efetuar cálculos, os diagramas de momentos fletores e esforços cortantes nas estruturas das figuras abaixo, mantendo a necessária coerência entre eles. Indicar com V os pontos angulosos, com T os pontos em que há concordância, assinalando o grau dos trechos curvos, caso existam.
P1 q P2 P3 q0 E

A M0 A q0

B

C q0 B q2 C P1

D

D P2

q1

A

B P

C

D

E

F

q A

q1

q

B

C

D

E

F

G

H

3 – Determine a expressão genérica (ou expressões) para os esforços simples (normal, cortante e momento fletor).
P θ a l C b B

4 – Segundo os diagramas abaixo, esquematize a estrutura e seu carregamento.
1 + 2

DEN

+ 2 -

1

DEC

5 – Baseado no diagrama de esforço cortante abaixo, determine o diagrama de momentos fletores e o valor máximo deste.

2

1,5

+
1 1m

1

_
2 2m

6 – O diagrama de momentos fletores de uma viga biapoiada é mostrado abaixo. Determinar o carregamento atuante com valores e traçar o diagrama de esforços cortantes.
A 2m B 2m C 2m D

2 tm _ + par. do 2o grau 2 tm

7 – A figura abaixo apresenta o diagrama de momento fletor (DMF) de uma viga Gerber (viga com rótula) de apoios simples em A, B e C, um dos quais é do 2 o gênero. Pede-se reconstituir o carregamento e as reações de apoio, e, traçar o diagrama de esforço cortante.
Parábola 2o grau 4

4 A D B E 2 2 2 3

F

C

G 4/3

2

1,5

8 – Dado o diagrama de esforço cortante de uma viga Gerber. Determine e esboce os carregamentos atuantes nesta viga e o diagrama de momento fletor, e obtenha o momento fletor máximo positivo e negativo. A rótula está no ponto D.
16

+
A 2,5 B

4 C D

4 E 4 F

DEC (tf)

17,5 5m 2,5 m

-

4

2,5 m

1,5 m

1,5 m

3

9 – Sabendo-se que os diagramas de força cortante são de barras biapoiadas, determinar o carregamento e do diagrama de momento fletor. (dado em kN)
11 17,5

+
7 2m

3

+

10 7,5 12,5

_
2m

7 1m

_
2m

12,5

1m

10 – Considere as vigas Gerber abaixo. Determine as reações de apoio, diagrama de momento fletor e o esforço cortante no ponto F (1a figura) e no ponto G (2a figura).
1 t/m 4 t.m 3 C 1 D 2 E 2 F 3 G 1 H 2 1 t.m I 1 J

4 2 A B

3

8 t.m A 1

4t 6 t.m B 1,5 C 1,5 D 1 E 3 F

4 t/m

G 1 2

H 2

I

11 – Traçar os diagramas de esforços solicitantes da viga biapoiada com dois balanços.
20 kN.m 20 kN 20 kN/m 25 kN/m 40 kN.m 10 kN/m A 3m B 5m C 5m D E 2m

12 – Fazer um esboço, sem efetuar cálculos, dos diagramas de momentos fletores e esforços cortantes das vigas abaixo, mantendo a necessária coerência entre os diagramas.
q2 q1 A
q1

P1 q1

P2

B

C

D

E

F
q1

M

q2

M

A

B

C

D

4

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->