P. 1
Formação de Acordes para guitarra

Formação de Acordes para guitarra

|Views: 2.101|Likes:
Publicado porKaiWhisher

More info:

Published by: KaiWhisher on Nov 14, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/24/2013

pdf

text

original

Léo Porto

Formação de Acordes para Guitarra
Quando se fala em construção de acordes, a guitarra não é como um piano, por exemplo, a disposição das notas que temos sob os dedos é diferente, isso se deve à forma da afinar o instrumento, em quartas(em terça de sol para si).Por isso nesse material estudaremos formas práticas de formar os acordes no braço do instrumento, já que não basta tocar os desenhos, é preciso entendê-los. Para isso, faremos uma revisão sobre como formar as 4 categorias básicas de acordes(tríades): Maiores, Menores, Diminutos e Aumentados. Maiores Acorde formado pela tônica, terça maior e quinta justa. T------------3-------------5 2T T+ST

Menores Acorde formado pela tônica, terça menor e quinta justa.

T------------b3------------5 T+ST 2T
Léo Porto

terça maior e quinta aumentada. terça menor e quinta diminuta. T------------b3-----------b5 T+ST T+ST Aumentados Acorde formado pela tônica. T------------3----------#5 2T 2T Localizando terças e quintas no braço da guitarra Para agrupar as terças e quintas montando assim um acorde de tríade é essencial que se saiba localizar esses graus em cordas diferentes para que soe como um acorde.Diminutos Acorde formado pela tônica. Acorde maior-Esquema de relação. Tônica na 6ª corda Léo Porto .

também conhecido como sistema 5. usando os cinco formatos de acordes mais conhecidos por guitarristas e violonistas. Léo Porto . basta alterar terças e quintas um semiton acima ou abaixo. aumentados e diminutos. usamos esquemas de distribuição das tensões pelas cordas. por isso para facilitar o empilhamento das tensões a partir da tônica.Tônica na 5ª corda Tônica na 4ª corda A partir dos esquemas do Acorde Maior é possível chegar aos menores. a guitarra tem uma maneira bem peculiar no que diz respeito à formação dos acordes. Formando os acordes Como já foi dito. de acordo com a tensão desejada. quer diminuta. quer aumentada.

Modelo de E(mi) No qual temos. da 6ª p/ 1ª corda T -5-T-3-5-T Modelo de A(Lá) Da 5ª p/ 1ª corda temos T-5-T-3-5 Modelo de C(Dó) Da 5ª p/ 1ª corda temos T-3-5-T-3 Modelo de D(Ré) Da 4ª p/ 1ª corda temos T-5-T-3 Léo Porto .

as tríades. agora acrescentando mais uma tensão ao acorde. Formação das Tétrades Estudamos a montagem dos acordes formados por 3 sons.Modelo de G(sol) da 6ª p/ 1ª corda temos T-3-5-T-3-T Exercício proposto Formar acordes de C A G E D nos cinco formatos vistos acima. as sétimas. daremos continuação ao assunto. dando origem ao acorde tétrade que pode ser: Maior com sétima maior T-3-5-7M Maior com sétima menor T-3-5-b7 Menor com sétima menor T-b3-5-b7 Léo Porto .

Menor com sétima maior T-b3-5-7M Menor com sétima menor e quinta diminuta T-b3-b5-b7 Menor com sétima maior e quinta diminuta T-b3-b5-7M Menor com sétima maior e quinta aumentada T-b3-#5-7M Maior com sétima maior e quinta aumentada T-3-#5-7M Maior com sétima menor e quinta aumentada T-3-#5-b7 Maior com sétima maior e quinta diminuta T-3-b5-7M Léo Porto .

Aplicando tétrades ao sistema 5 Modelo de C Maior com sétima maior Maior com sétima menor Menor com sétima menor Menor com sétima maior Léo Porto .

Menor com sétima menor e quinta diminuta Menor com sétima maior e quinta diminuta Menor com sétima maior e quinta aumentada Maior com sétima maior e quinta aumentada Léo Porto .

Maior com sétima menor e quinta aumentada Maior com sétima maior e quinta diminuta Modelo de E Maior com sétima maior Maior com sétima menor Léo Porto .

Menor com sétima menor Menor com sétima maior Menor com sétima menor e quinta diminuta Menor com sétima maior e quinta diminuta Léo Porto .

Menor com sétima maior e quinta aumentada Maior com sétima maior e quinta aumentada Maior com sétima menor e quinta aumentada Maior com sétima maior e quinta diminuta Léo Porto .

Modelo de A Maior com sétima maior Maior com sétima menor Menor com sétima menor Menor com sétima maior Léo Porto .

Menor com sétima menor e quinta diminuta Menor com sétima maior e quinta diminuta Menor com sétima maior e quinta aumentada Maior com sétima maior e quinta aumentada Léo Porto .

Maior com sétima menor e quinta aumentada Maior com sétima maior e quinta diminuta Modelo de D Maior com sétima maior Maior com sétima menor Léo Porto .

Menor com sétima menor Menor com sétima maior Menor com sétima menor e quinta diminuta Menor com sétima maior e quinta diminuta Léo Porto .

Menor com sétima maior e quinta aumentada Maior com sétima maior e quinta aumentada Maior com sétima menor e quinta aumentada Maior com sétima maior e quinta diminuta Léo Porto .

Bons Estudos! .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->