Você está na página 1de 1

O filme conta a história real de Olga Benário, uma das mulheres mais batalhadoras de

seu tempo. Olga é uma militante comunista desde jovem, que é perseguida pela polícia
e foge para Moscou, onde faz treinamento militar. Lá ela é encarregada de acompanhar
Luís Carlos Prestes que viria a se tornar um dos principais líderes comunistas do B
rasil e foi o idealizador da revolução Comunista de 1935, se apaixonando por ele na
viagem. Com o fracasso da revolução, Olga é presa com Prestes. Grávida, é deportada pelo g
overno Vargas para a Alemanha nazista e tem sua filha Anita Leocádia na prisão. Afas
tada da filha, Olga é então enviada para o campo de concentração de Ravensbrück.
Há uma semelhança com nossa realidade política atual, a nível nacional podemos ver que a
penas dois partidos políticos dominam esse cenário alternando seu poder. Isto fica e
vidente nas eleições atuais visto que a candidata eleita para ocupar o cargo de maio
r poder e responsabilidade é uma total desconhecida, isto me faz pensar que se fos
se escolhido um morador de rua por este partido e fizesse que ele decorasse inum
aras frases prontas também seria eleito.
No âmbito estadual não é diferente, temos duas famílias que decidem os rumos trilhados p
elo estado, essa é uma ditadura diferente da vivida por Olga e Prestes já que nesse
caso os ditadores são eleitos e reeleitos por vontade do povo que não tem idéias criti
cas sobre a política entre muitas outras coisas. Em suas campanhas eleitorais os p
olíticos prometem o mesmo sempre, educação, segurança e saúde, mas a verdade é que e melhor
ter eleitores que não deglutem o que lhes é empurrado aceitando de primeira, já esta m
assificado na mente da maioria dos brasileiros já se tornou uma questão cultural gan
ha às eleições que tem mais dinheiro pra gastar e não quem tem as melhores propostas, a
verdade é que o povo necessita exercer o voto ético que enriquece o país e fortalece a
democracia.