Você está na página 1de 1

c 

 

 

Ética (do grego ethos, que significa modo de ser, caráter, comportamento) é o
ramo da filosofia que busca estudar e indicar o melhor modo de viver no
cotidiano e na sociedade. Diferencia -se da moral, pois enquanto esta se
fundamenta na obediência a normas, tabus, costumes ou mandamentos
culturais, hierárquicos ou religiosos rec ebidos, a ética, ao contrário, busca
fundamentar o bom modo de viver pelo pensamento humano.

A visão descritiva da ética é moderna e, de muitas maneiras, mais empírica sob


a filosofia Grega clássica, especialmente Aristóteles .

Inicialmente, é necessário de finir uma sentença ética, também conhecido como


uma afirmativa normativa. Trata-se de um juízo positivo ou negativo (em
termos morais) de alguma coisa.

Para Platão a Beleza era dos três princípios que parecia mais visível ou
perceptível ao homem. Sim, pois você pode olhar para algo e dizer: Ơpoxa!
Como é beloơ. Os outros conceitos como Bondade e Justiça eram mais
complexos e eram difíceis de serem enxergados por uma alma comum . Porém,
a Beleza, para os gregos, estava representada no ser humano, eles eram
extremamente humanistas e em suas esculturas ou artes de uma forma geral o
homem era representado como uma divindade em traços perfeitos e em
harmonia com a natureza de uma forma geral.

Entretanto, o tempo passou e os conceitos foram modificados. No


Renascimento, por exemplo, a beleza das mulheres era representada de uma
forma generosa pelos artistas. Isto pelo fato de se acreditar que as formas mais
acima do peso eram uma representação da prosperidade e etc .

Hoje estamos no Séc. XXI e as gordinhas do Renasc imento deram lugar às


magricelas das passarelas de Milão e do mundo. Hoje, a mulher para ser bonita
(e o homem também) precisa ter o corpo delineado, Ơsaradoơ, e então foi
criada a indústria da beleza artificial.