P. 1
Questões - Respiração e excreção

Questões - Respiração e excreção

|Views: 1.234|Likes:
Publicado porcb_penatrujillo

More info:

Published by: cb_penatrujillo on Nov 26, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/21/2012

pdf

text

original

Biologia Questões retiradas de Provas de Exames Nacionais Tema: Respiração e excreção

Prova Modelo 2000
Para investigar aspectos da fisiologia do rim humano fizeram-se algumas análises, cujos resultados se encontram registados no quadro seguinte.

1 - Refira em que local do nefrónio foram feitas as colheitas do filtrado glomerular. 2 - Como explica os valores das concentrações de glicose no filtrado glomerular e na urina? 3 - Considerando o controlo homeostático da osmorregulação, explique por que se apresenta a concentração de ureia mais elevada na urina do que no filtrado glomerular. 4 - Os dados do quadro permitem afirmar que, comparativamente aos iões de sódio, a ureia encontra-se muito mais concentrada na urina do que no filtrado glomerular. Esta diferença pode ser explicada, porque: A - nenhuma ureia e reabsorvida e perde-se menos sódio por filtração. B - nenhuma ureia e reabsorvida e algum sódio e reabsorvido. C - a ureia e reabsorvida e o sódio não e reabsorvido. D - a perda de ureia por filtração e maior do que a perda do sódio. (Transcreva a letra da opção correcta.)

Exame 1ª fase – 1ª chamada – 2000 – via Ensino
Analise o gráfico da figura 1, que mostra dados relativos à pressão osmótica no plasma depois da ingestão de um litro de água.

Figura 1

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 1

1 - Explique o que acontece à pressão osmótica, após a ingestão da água. 2 - Ao fim de algum tempo, a pressão osmótica do plasma retorna a valores normais. 2.1 - Identifique o órgão responsável por essa reposição. 2.2 - Explique de que modo as unidades estruturais desse órgão repõem o equilíbrio interno. 2.3 - Indique outra função executada pelo referido órgão.

Exame 1ª fase – 2ª chamada – 2000 – via Ensino
Os esquemas A. B e C da figura 2 representam os pulmões de três vertebrados pertencentes a classes diferentes.

Figura 2 1 - Faca as correspondências possíveis entre as letras A, B e C da figura 2 e os seguintes animais: - Homem - Tubarão - Pombo -Rã. 2 - Identifique as estruturas representadas pelos números 1 e 2 na figura 2. 3 - De entre as seguintes afirmações, transcreva a que não é verdadeira para os pulmões representados pela letra C. a) Os gases movem-se através das membranas por simples difusão. b) As paredes da estrutura representada pelo número 2 têm uma só camada de células. c) A área total para troca de gases é muito grande. d) A sua superfície é mantida húmida através da secreção de muco. e) A pressão de C02 é mais elevada no ar contido nos pulmões do que no sangue que os atravessa.

Exame 1ª fase – 2ª chamada – 2000 – Agrupamento 1
Nos animais existem diferentes tipos de transporte interno, que garantem às células condições de sobrevivência. 1. No gráfico da figura 3 estão representadas as curvas de dissociação da hemoglobina num sangue de pH 7,4 e num sangue de pH 7,2.

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 2

Figura 3 1.1. Tendo em atenção os dados do gráfico, faça corresponder a cada uma das letras das afirmações seguintes um dos números romanos da chave. Afirmações A - Ao nível dos alvéolos a dissociação da hemoglobina é mínima. B - A presença de mais dióxido de carbono no sangue faz aumentar a apetência da hemoglobina para o oxigénio. C - Ao nível dos tecidos, a presença de mais dióxido de carbono favorece a dissociação da hemoglobina. D - A percentagem de oxigénio libertado pela hemoglobina é maior para a pressão de oxigénio assinalada por X do que para a pressão de oxigénio assinalada por Y. E - Para uma pressão de oxigénio elevada, a percentagem de dióxido de carbono no sangue é de 50%. F - Ao nível dos tecidos, num pH 7,2, o sangue pode libertar cerca de 57% de oxigénio. Chave I - Está de acordo com os dados. II - É contrariada pelos dados. III - Não há dados suficientes. 2. Mencione duas características dos alvéolos pulmonares dos mamíferos que justifiquem a sua eficiência na hematose. 3. Relativamente aos mamíferos, refira os modos como o dióxido de carbono é transportado desde os tecidos até aos alvéolos pulmonares. 4. Dos animais a seguir mencionados, transcreva o nome daquele em que o sistema circulatório não está especialmente envolvido no transporte de gases respiratórios. - Minhoca - Mosquito - Truta - Pombo 4.1. Como explica que o animal referido na resposta à pergunta 4 apresente uma actividade metabólica elevada?

Exame 2ª fase – 2000 – Agrupamento 1
Os Anfíbios adultos podem realizar trocas gasosas ao nível dos pulmões e ao nível da pele. A rã apresenta na pele uma rede de capilares que transporta mais ou menos sangue consoante as necessidades. 1 - Se uma rã apresentar pele seca estabeleça uma comparação entre as quantidades relativas de oxigénio transportado pelo sangue das artérias pulmonares e das artérias cutâneas.

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 3

1.1 - Justifique a resposta dada à pergunta anterior. 2 - Uma rã imobilizada numa gaiola de arame foi imersa num banho de água de modo que só a boca e as narinas ficassem expostas ao ar. A água foi coberta com uma camada de óleo. Foi determinada a quantidade total do oxigénio consumido pela rã em duas situações diferentes (água agitada e água não agitada). Foram efectuados seis registos das concentrações de oxigénio na água do banho, os quais estão representados no gráfico da figura 4.

Figura 4 Com base nos dados do gráfico, indique: 2.1 - em que situação (água agitada e não agitada) a rã consumiu mais oxigénio. 2.2 - se a rede de capilares da rã transporta mais ou menos oxigénio quando a água está agitada. 3 - Sugira qual a importância que pode ter em termos respiratórios, o movimento do corpo dos anfíbios na água. 4 - Relacione a estrutura do coração da rã com a capacidade energética deste animal. 5 - Analise o quadro seguinte e os valores nele indicados, relativos às excreções azotadas da rã na forma larvar (girino) e na forma adulta.

5.1 - Como explica que o composto excretado em maior percentagem seja diferente consoante se trate de uma larva ou de um adulto? 5.2 - Ao contrário do que acontece na rã as excreções de alguns animais são essencialmente ricas em ácido úrico. Uma vantagem desta excreção é que o ácido úrico: A - é produzido sem gastos de energia. B - pode ser excretado de forma concentrada, possibilitando a retenção de água. C - é inofensivo para os rins e é excretado facilmente. D - é o produto mais tóxico obtido dos aminoácidos. (Transcreva a letra da opção correcta.)

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 4

Exame 1ª fase – 1ª chamada – 2001 – Via Ensino
Na função respiratória ocorrem trocas gasosas entre o organismo e o meio. Considere as superfícies respiratórias da minhoca e do rato representadas na figura 5.

Figura 5 1 - Identifique a superfície da hematose: - na minhoca; - no rato. 2 - Indique duas características da superfície da hematose na minhoca que facilitem a sua função. 3 - Refira uma característica estrutural do sistema respiratório do rato que traduza a sua adaptação ao meio terrestre. 4 - Identifique o tecido que se encontra nas paredes dos alvéolos. 5 - Os sistemas respiratórios do rato e da minhoca estão relacionados com o respectivo sistema de transporte. Indique um grupo de animais em que tal relação não se verifique.

Exame 1ª fase – 1ª chamada – 2001 – Agrupamento 1
Num ser vivo, a manutenção das características do meio interno resulta da cooperação interactiva dos diferentes sistemas de órgãos. 1 - Os esquemas I e II da figura 6 representam duas estruturas renais responsáveis pela regulação homeostática realizada em peixes ósseos de meios diferentes.

Figura 6 1.1. Transcreva as letras que identificam as duas expressões abaixo referidas que correspondem à actividade da estrutura II da figura 6. A - Produção reduzida de urina B - Produção abundante de urina C - Produção de urina hipotónica D - Intensa filtração glomerular E - Secreção tubular activa

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 5

1.2. Relacione as características glomerulares da estrutura representada no esquema I com a concentração do meio interno dos peixes que as possuem e com a sua regulação hídrica. 2. A filtração glomerular está relacionada tanto com a estrutura das paredes do glomérulo como com a pressão sanguínea no glomérulo. 2.1. Refira qual o tipo de tecido que forma as paredes dos glomérulos e mencione uma característica desse tecido. 2.2. Compare a pressão sanguínea glomerular com a pressão que se regista nos restantes capilares sanguíneos. 3. Os animais terrestres mantêm o equilíbrio osmótico, evitando perdas excessivas de água. Como explica que nos insectos não se verifiquem perdas de água significativas na urina

Exame 1ª fase – 1ª chamada – 2002 – Agrupamento 1
A figura 7 é relativa à estrutura renal de um mamífero, estando assinalados os quatro processos básicos da sua função.

Figura 7 1. Faça corresponder a cada uma das letras dos processos a seguir referidos um dos números das setas indicadas na figura. A – Reabsorção B – Excreção C – Filtração D - Secreção 2. Indique qual ou quais dos processes assinalados na pergunta anterior pelas letras A, B, C e D: 2.1. permite(m) a saída da urina do tubo colector para o bacinete. 2.2. permite(m) a formação de um fluido que difere do plasma por não ter proteínas. 2.3. permite(m) a formação de um fluido que deixa de ter glicose e aminoácidos. 2.4. permite(m) que algumas moléculas abandonem o sangue por transporte activo. 2.5. implica(m) um elevado gasto de energia. 3. Das características a seguir mencionadas, transcreva a letra da que não é comum ao nefrónio dos Vertebrados e ao metanefrídio dos Anelídeos. A - Ambos são túbulos. B - Ocorre reabsorção selectiva. C - Ocorre secreção selectiva. D - Ambos produzem urina com composição diferente do fluido corporal. E - O fluido celómico entra directamente na estrutura excretora. (Transcreva a letra da opção correcta.)

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 6

4 - Os gráficos da figura 8 representam, em volume, as trocas gasosas que ocorrem através das superfícies respiratórias das rãs de determinadas regiões, durante um ano

Figura 8 4.1. Interprete a diferença, registada no gráfico, entre a actividade respiratória destas rãs verificada nos meses de Abril/Maio e a actividade respiratória verificada nos meses de Dezembro/Janeiro. 4.2. De acordo com o gráfico, indique os 3 meses do ano em que os capilares pulmonares adquirem muito menos oxigénio do que os capilares cutâneos. 4.3. Sendo os actuais Anfíbios animais pulmonados, como explica a necessidade de estes animais realizarem uma intensa hematose através da pele? 5. Nos Vertebrados o transporte do oxigénio necessário às células é assegurado pelo sistema circulatório. 5.1. Relativamente à circulação de um anfíbio, faça corresponder V (de verdadeiro) ou F (de falso) a cada uma das afirmações que se seguem. A - Na aurícula esquerda entra uma mistura de sangue venoso e sangue arterial. B - O sangue que sai para a circulação sistémica tem oxigenação diferente do que o que sai para a circulação pulmonar. C - O sangue venoso que entra e o sangue venoso que sai do coração contem a mesma concentração de dióxido de carbono. D - Na circulação sistémica o sangue circula com a mesma pressão nas artérias e nas veias. E - O sangue sai do coração com alta pressão. 5.2. Justifique a resposta dada a pergunta 5.1. para a afirmação C.

Exame 1ª fase – 2ª chamada – 2002 – Agrupamento 1
Na figura 9 está representada esquematicamente uma superfície respiratória alveolar na qual se indicam valores das pressões dos gases respiratórios.

Figura 9

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 7

1. Tendo em atenção os dados da figura 9, faça corresponder a cada uma das letras que identificam as afirmações a seguir referidas um dos números da mesma figura. A – Transporta sangue venoso. B – Transporta sangue proveniente da artéria pulmonar. C – Transporta sangue após a hematose. D – Transporta sangue com maior concentração de hidrogenocarbonato. 1.1. Justifique as respostas dadas na pergunta 1., relativamente a C e D. 2. O tipo de estrutura esquematizada pode ser encontrado no(a): A – Aranha B – Grilo C – Golfinho D – Caracol E – Pombo (Transcreva a letra da opção correcta.) 3. Refira duas características da superfície respiratória esquematizada que justificam a sua eficiência. 4. De entre as características a seguir indicadas, transcreva as duas letras correspondentes às que permitem a alguns vertebrados a sua independência em relação às variações de temperatura do meio. A – Maior eficiência das superfícies respiratórias. B – Existência de uma circulação dupla e incompleta. C – Existência de uma circulação dupla e completa. D – Existência de uma circulação simples. E – Existência de hemoglobina no sangue. 4.1. Justifique a resposta dada à pergunta 4.

Exame 2ª fase – 2002 – Agrupamento 1
O oxigénio é utilizado a nível celular pelos seres vivos com respiração aeróbia. 1. No gráfico da figura 10 estão representadas as curvas de dissociação do oxigénio na hemoglobina de alguns mamíferos.

Figura 10 1.1. Tendo em atenção os dados do gráfico, faça corresponder a cada uma das letras das afirmações seguintes um dos números das curvas representadas. A - A hemoglobina manifesta maior afinidade para o oxigénio. B - Corresponde a um animal com maior taxa metabólica. C - A hemoglobina fixa mais facilmente oxigénio a baixa pressão. D - Para uma pressão parcial de oxigénio de 60 mm/Hg, o sangue liberta cerca de 15% de oxigénio. E - Corresponde a um animal adaptado a grandes altitudes (onde o ar é mais rarefeito).

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 8

1.2. Justifique a resposta dada à pergunta anterior, na afirmação B. 1.3. Se a curva 3 corresponder à curva de dissociação de oxigénio numa mulher grávida, a curva 2 corresponderá à curva de dissociação no feto. Explique a colocação da curva 2 à esquerda da curva 3. 1.4. Relativamente à curva 3 do gráfico, indique qual das letras, x ou y, poderá corresponder ao valor da tensão de oxigénio na: a) veia pulmonar. b) artéria pulmonar. c) artéria aorta. 1.5. Justifique a resposta dada à alínea a) da pergunta 1.4. 2. Nem todos os animais estudados possuem hemoglobina no sangue. Relativamente aos Insectos, refira como é feito o transporte do oxigénio para as suas células.

Exame 1ª fase – 1ª chamada – 2003 – Agrupamento 1
1. O quadro seguinte apresenta os produtos de excreção azotados de vários grupos de animais e o local onde ocorre o respectivo desenvolvimento embrionário.

1.1. Refira o nome dos órgãos responsáveis pela excreção dos produtos azotados: a) nos Insectos. b) nas planárias. 1.2. Coloque os três produtos de excreção referidos no quadro por ordem crescente de: a) solubilidade na água. b) toxicidade. 1.3. Apresente uma explicação para a eliminação de diferentes produtos de excreção pelos Vertebrados terrestres, referidos no quadro, baseando-se num dado relativo às condições em que ocorre o respectivo desenvolvimento embrionário.

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 9

1.4. Estabeleça a correspondência entre cada uma das letras das afirmações seguintes, relativas à actividade do nefrónio de Mamíferos, e um dos números da chave. Afirmações A – A glicose e os produtos de excreção azotados apresentam uma concentração semelhante à do plasma. B – Ocorre a secreção de iões H+ e K+. C – Ocorre a reabsorção de glicose e de aminoácidos. D – A pressão sanguínea força a entrada do fluido para o lúmen do tubo urinífero. Chave I – Tubo contornado proximal II – Cápsula de Bowman III – Tubo contornado distal

Exame 2ª fase – 2003 – Agrupamento 1
1. A figura 11 apresenta a estrutura do rim de três mamíferos e um gráfico relativo à concentração máxima da urina produzida por esses animais. Em cada rim, observam-se, esquematicamente, duas unidades excretoras ligadas a um tubo colector.

Figura 11 1. As afirmações seguintes referem-se à actividade excretora que ocorre no rim de mamíferos. Coloque por ordem as letras que as representam, de modo a reconstituir a sequência temporal dos acontecimentos. A - A urina proveniente dos tubos colectores acumula-se no bacinete. B - A maior parte dos nutrientes é reabsorvida para o meio interno. C - No tubo colector, a concentração de compostos azotados na urina aumenta em consequência da reabsorção de água. D - A pressão sanguínea força a passagem de fluido do meio interno para o meio externo. E - No tubo contornado distai, o transporte activo de H + para o meio externo permite manter o pH sanguíneo dentro de valores adequados. 2. Relacione as diferenças observadas nos tubos uriníferos dos três animais com a concentração da urina por eles produzida. 3. Refira o número que identifica o gráfico relativo ao animal que vive: a) em meio árido. b) num ambiente dulçaquícola.

Exames Nacionais de Biologia – Respiração e excreção

Pág. 10

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->