Você está na página 1de 4

1

Actividade nº 1:

Localizar nos instrumentos propostos pelo MAABE para o Sub-


Domínio A2, questões ou itens que vão ao encontro dos
factores críticos definidos para cada um dos seus Indicadores.

Para a execução deste exercício, utilize a Tabela seguinte,


preenchendo a última coluna (Nota: algumas células podem ficar vazias
por o seu preenchimento exigir outro tipo de instrumentos).
Instrumento
Questões ou Itens dos Instrumentos
s propostos
propostos que ajudam a BE a obter
Indicadores Factores críticos de sucesso pelo MAABE
2 aos factores
evidências e situar-se face
para cada
críticos
Indicador
• O plano de trabalho da BE inclui Ex: QA1: Questão 7 – Já participaste em
actividades de formação de actividades para aprender a usar a BE…?
utilizadores com turmas/
grupos/ alunos e com docentes
• Questionár
no sentido de promover o valor
io aos
da BE, motivar para a sua
alunos
utilização, esclarecer sobre as
(QA1).
A.2.1 formas como está organizada e
ensinar a utilizar os diferentes • Questionár
Organização de io aos
serviços.
actividades de docentes
formação de • Alunos e docentes desenvolvem (QD1).
competências para o uso da BE
utilizadores. • Observaçã
revelando um maior nível de
autonomia na sua utilização o de
após as sessões de formação de utilização
utilizadores. da BE (O2).
• A BE produz materiais QD1: Questão 17
informativos e/ ou lúdicos de
apoio à formação dos
utilizadores.
• A BE procede, em ligação com QD1: Questão 3
as estruturas de coordenação
educativa e de supervisão
pedagógica, ao levantamento
nos currículos das competências
de informação inerentes a cada
área disciplinar/área de
conteúdo com vista à definição
de um currículo de
A.2.2 Promoção competências transversais
adequado a cada nível/ano de • Questionár
do ensino em io aos
escolaridade.
contexto de docentes
competências de • A BE promove, com as
(QD1)
estruturas de coordenação
informação.
educativa e supervisão
pedagógica e os docentes, a
integração de um plano para a
literacia da informação no
projecto educativo e curricular e
nos projectos curriculares dos
grupos/turmas.
• A BE propõe um modelo de QD1: Questão 8.1.1.
pesquisa de informação a ser
usado por toda a escola.

Instrumento
Questões ou Itens dos Instrumentos
s propostos
propostos que ajudam a BE a obter
Indicadores Factores críticos de sucesso pelo MAABE
evidências e situar-se face aos factores
para cada
críticos
Indicador
• A BE estimula a inserção nas QD1: Questão 17
unidades curriculares, ACND e
outras actividades, do ensino e
treino contextualizado de
competências de informação.
A.2.2 Promoção • A BE produz e divulga, em QD1: Questão 8.1.1.
do ensino em colaboração com os docentes, • Questionár
contexto de guiões de pesquisa e outros io aos
competências de materiais de apoio ao trabalho docentes
informação de exploração dos recursos de (QD1)
informação pelos alunos.
(cont.)
• A equipa da BE participa, em QD1: Questão 3
3

Actividade nº 2:

A partir da análise dos instrumentos que já realizou e da


compreensão do tipo de informações passíveis de ser obtidas
através da sua aplicação, seleccione um Indicador do Sub-
domínio A2 à sua escolha, e escreva livremente três
enunciados avaliativos que hipoteticamente pudesse formular
na Coluna das Evidências do respectivo Relatório de
Avaliação, a partir de dados supostamente recolhidos com
aqueles instrumentos.

Sub-domínio A.2.1. Organização de actividades de formação de utilizadores


(MABE de Novembro de 2009)

1) Do cruzamento dos resultados estatísticos do questionário QD1 (..%) com


o Plano de actividades da BE e com as estatísticas produzidas pelo sistema
da BE (ex: frequência/utilização da BE(..%), foi possível constatar que um
número significativo de docentes só frequenta a BE “ Muito raramente e de
forma irregular”.
Esta evidência poderá ter implicações negativas ao nível da
promoção/divulgação dos recursos/actividades da BE junto dos alunos.

2) Relativamente aos alunos (questionário QA1, estatísticas produzidas pelo


sistema da BE, registos de observação) verificou-se uma utilização bastante
regular da BE (todos os dias (…%) e uma ou duas vezes por semana (…%).
Destes …% participaram “em actividades para aprender a usar a BE”.
Assim, talvez seja possível concluir, que apesar dos docentes não
frequentarem regularmente a BE, acompanharam os alunos na actividade
promovida pela BE “Formação de Utilizadores”.

3) De acordo com o Plano de Actividades da BE, com os relatos da


actividade “formação de utilizadores” e com as actas das reuniões dos
conselhos das turmas, A “Formação de Utilizadores” decorreu
exclusivamente no 1º período do calendário escolar e teve como público-
alvo os alunos que frequentavam pela primeira vez esta escola. Os
resultados foram satisfatórios (actas das reuniões dos conselhos das turmas
e questionários).
No entanto, a programação/calendarização revelou-se insuficiente, pois
alguns concelhos de turma solicitaram mais acções de formação de
utilizadores e/ou actividades de apoio curricular.

Actividade nº 3:

Imagine que uma destas ideias do Sub-domínio A2, sobre o


qual temos vindo a concentrar o nosso olhar, a título
exemplificativo, se enquadra naquilo que deve ser a aposta
futura de melhoria da sua biblioteca num determinado tópico.
Identifique-a e procure operacionalizá-la de um modo mais
efectivo, de modo a que se possa constituir como uma
verdadeira proposta de melhoria.
4

Lembramos, contudo, que, integrando o relatório de auto-


avaliação, esta enunciação de propostas deve ser feita de
forma sintética, de modo a não sobrecarregar o Relatório.
Tente, por isso, ser o mais objectivo possível.

Proposta de melhoria (A.2.1. Organização de actividades de formação


de utilizadores):

Reforçar o papel da BE junto da comunidade escolar, principalmente,


junto dos professores:

- A BE promove “Encontro de Professores” no início do ano lectivo:


apresentação dos novos professores e levantamento das suas
expectativas e necessidades relativamente aos serviços da BE,
partilha das experiências realizadas nas escolas;

- Divulgar, no encontro anterior e nas reuniões dos Conselhos da


Turmas, as mais valias resultantes da formação de utilizadores,
nomeadamente o grau de autonomia na utilização dos recursos da BE
e o consequente progresso nas aprendizagens dos alunos que
frequentaram aquela formação. Facultar grelha de marcação da
formação de utilizadores para todo o ano lectivo;

- Programar e calendarizar trabalho colaborativo com os professores


dos 7º anos de escolaridade: produzir materiais de apoio à formação
de utilizadores e de apoio ao currículo com a finalidade de criar,
consolidar e manter a relação daqueles alunos com a BE.