P. 1
A Nova Ortografia

A Nova Ortografia

|Views: 1.006|Likes:
Publicado porLaércio Lutibergue

More info:

Published by: Laércio Lutibergue on Dec 07, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPS, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/02/2013

pdf

text

original

1.

O retorno das letras ³k´, ³w´ e ³y´

É na verdade um retorno oficial, pois elas de fato nunca deixaram de fazer parte do nosso alfabeto. Basta consultar nossos principais dicionários e ver que todos registram verbetes com ³k´, ³w´ e ³y´.

E não há nenhuma mudança quanto ao emprego delas, que continuam a ser usadas: a) na grafia de símbolos de unidades de medida: km (quilômetro), kg (quilograma), W (watt); b) na grafia de palavras e nomes estrangeiros (e seus derivados): show, playboy, playground, yin, yang, Washington, William, Kennedy, Kafka, kafkiano, kardecista.

2. O fim do trema

O trema deixa de ser usado. Ele, porém, permanece nos nomes próprios estrangeiros e em seus derivados: Hübner, hübnerita.

3. Novas regras de acentuação
3.1. Algumas palavras paroxítonas com os ditongos abertos ³ei´ e "oi" perdem o acento. Antes: idéia, geléia, bóia, apóie, apóiem, apóio (verbo), asteróide, heróico, assembléia, estréia, Coréia, platéia. Agora: ideia, geleia, boia, apoie, apoiem, apoio, asteroide, heroico, assembleia, estreia, Coreia, plateia.

apesar de terem ditongo aberto e de serem paroxítonas.Observação (1) Palavras como ³destróier´ e ³Méier´ continuam sendo acentuadas porque. . como ³mártir´ e ³repórter´. o caso delas é outro: são paroxítonas terminadas em ³r´.

³éu(s)´ e ³ói(s)´: papéis. troféus.Observação (2) Permanece o acento das palavras oxítonas terminadas em ³éis´. céu. . dói. heróis.

maoista. Antes: baiúca. maoismo. maoísta. O acento do ³i´ e do ³u´ tônicos precedidos de ditongo.3. Observação: O acento permanece em palavras oxítonas e proparoxítonas: Piauí. deixa de ser usado. taoísmo. em palavras paroxítonas. Agora: baiuca.2. cauila. . feiura. tuiuiú. maoísmo. cauíla. taoismo. feiúra. feiíssimo.

3.3. creem. deem. abençoo. . O circunflexo das palavras terminadas ³oo´ e ³eem´ deixa de ser usado: usado: voo. leem e veem.

³pôde´. ³pelo´.3. O acento diferencial de ³pára´ (verbo). ³pêlo´. Atenção: o acento de ³pôr´. ³pélo´. ³têm´ e ³vêm´ permanece. ³pera´ e ³polo´. O correto passa a ser ³para´.4. ³pêra´ e ³pólo´ desaparece. ³pelo´. .

redargui. O acento no ³u´ tônico dos encontros ³-gue´.5. averiguem. averigúem. ³arguir´ e ³redarguir´ deixa de ser usado. . ³-que´ e ³-gui´ de verbos como ³³³apaziguar´. Antes: apazigúe. redargúi.3. Agora: apazigue. argúem. obliquem. obliqúem. arguem. ³obliquar´. ³averiguar´.

51).3. (Manuel Bandeira. Pode ser ³fôrma´ ou ³forma´ (utensílio que molda). Estrela da Vida Inteira. A recomendação é somente usar acento quando houver risco de ambiguidade: ³Vai por cinquenta anos / Que lhes dei a norma: / Reduzi sem danos / A fôrmas a forma´. . p.6.

Exceções: ³co-´. super-homem. macro-história. ³in-´ e ³re-´: coabitar.1. anti-histórico. ultrahumano. mini-hotel. Novas regras do hífen em prefixos 4. desumidificar. inábil. coerdeiro. reabilitar. subhepático. desumano. reidratar. sobre-humano. reaver. Prefixos e falsos prefixos se ligam com hífen a palavras iniciadas por ³h´: anti-higiênico. ³des-´. . sub-humano. proto-história. reidratação. inumano.4.

coocupante. Se o prefixo termina por vogal e o segundo elemento começa pela mesma vogal. semi-interno. antiusaimperialista. micro-ônibus. micro-ondas. auto-observação. reeleito.4. anti-inflacionário. reedição. Exceções: os prefixos ³co-´ e ³re-´: coobrigação. reenviar. coordenar. antiinflamatório. reestruturar. micro-organismo. contra-ataque. cooptar. .2. rescrever. semi-internato. para-atleta. cooperação. cooperar. contra-atacar. usa-se o hífen: anti-ibérico.

3. Se o prefixo termina em vogal diferente da vogal com que se inicia o segundo elemento. extraescolar.4. plurianual. infraestrutura. autoescola. antieducativo. agroindustrial. . não se usa o hífen: aeroespacial. autoaprendizagem. antiaéreo. coedição. autoestrada. coautor. autoinstrução.

microcomputador.4. seminovo. . geopolítica. ultramoderno. coparticipação. pseudomédico. autoproteção. autopeça. semideus. não se usa o hífen: anteprojeto. semicírculo. antipedagógico. Se o prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa por consoante diferente de ³r´ ou ³s´.4. coprodução.

dobram-se essas dobramletras: antirrábico. georreferência. minissaia. neorrealismo. contrassenso.4. contrarregra. ultrassom. antirrugas. cosseno. antirracismo. neossimbolista. antissocial. microssistema. ultrarresistente.5. biorritmo. microrregião. antirreligioso. semirreta. . Se o prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa por ³r´ ou ³s´. multissecular. além de não haver hífen. infrassom.

Se o primeiro elemento termina por consoante igual à que inicia o segundo. usausa-se o hífen: hiper-requintado. .4. irrequieto. superresistente. super-romântico. inter-racial. Exceção: o prefixo ³ir-´: irresponsável. super-reacionário. mal-limpo. sub-bibliotecário.6. inter-regional. super-racista.

superproteção. .7. não se usa o hífen: hipermercado. intermunicipal.4. subchefe. subsede. Se o prefixo termina em consoante diferente da que inicia o segundo elemento.

sobroda. subregião. sub-humano. ³ob-´. .³ob. ab-rupto. Os prefixos ³ab-´.8.4. sub-hepático. ob-rogar. sub-reino. ³h´ e ³r´: sub-bloco.³sob³sub³sub-´ se ligam com hífen a ³b´. ³sob-´ e ³ab.

adrenalite e adrenalinemia. .9. ³h´ e ³r´: ad-referendar. O prefixo ³ad-´ se liga com hífen a ³ad³d´.4. Exceções: adrenalina. ad-digital.

. circum-navegação. ³m´ e ³n´: circum-escolar.10. panamericano. pan-mágico.4. ³h´. Os prefixos ³circum-´ e ³pan-´ se ³circum³panligam com hífen a vogal. pan-negritude.

superotimismo. interestadual. supereconômico.4. superexigente. interestelar. interestudantil. Se o prefixo termina em consoante e o segundo elemento começa por vogal. superinteressante. superamigo. não se usa o hífen: hiperacidez. .11. hiperativo. superaquecimento. interescolar.

³além-´. vice-presidente.³pré. ³pró-´ e ³vice. ex.³pós. ³sem-´. sem-teto. aquém-mar. ex-prefeito. pré-vestibular. recém-casado.ligam³vice-´ ligam-se com hífen ao elemento seguinte: além-mar. Os prefixos ³ex-´. ex-presidente. ex-diretor. sem-terra.4.³pró³recém-´. ³aquém-´. pósgraduação. ³ex. .³além.³aquém³recém. próeuropeu. recémnascido. ³pós-´.³sem. pré-história. vice-governador. pró-reforma.aluno. ³pré-´.12.

anajámirim.13. ³-guaçu´ e ³tupi³³³mirim´ quando o primeiro elemento termina em vogal acentuada graficamente ou em tônica nasal: amoré-guaçu. capim-açu. Usa-se o hífen com os sufixos de Usaorigem tupi-guarani ³-açu´. Ceará-Mirim.4. . paranámirim.

4.14. . não engajado. Deixa de existir hífen nas formas em que a palavra "não" tem valor prefixal: não agressão. não violência. não participação. não fumante. não governamental.

bem-criado. benquerido. bem-sucedido. . bemeducado. benfeitor.1. Novas regras do hífen em nomes compostos 5. benfeito.5. Observação: Em algumas palavras ³bem´ se aglutina com o termo seguinte: benfazejo. benquerer. bemvindo. bem-humorado. bem-nascido. benquerença. ³Bem´ se agrega com hífen à palavra com que forma uma unidade semântica (adjetivo ou substantivo composto): bemaventurado. bem-visto (estimado). benquisto.

2. ³Mal´ se agrega com hífen a palavras iniciadas por vogal. mal-estar. malpago. quando forma uma unidade semântica. malvisto. mal-limpo. malhumorado.5. ³mal´ se une diretamente: malcolocado. mal-educado. ³h´ ou ³L´ e quando forma com elas uma unidade semântica (adjetivo ou substantivo composto): malafortunado. malnascido. malgrado. malpesado. . malcriado. Observação: Às demais letras. malsoante.

Entenda a diferença: Mariana é uma criança bem-educada (unidade semântica. adjetivo composto). O lance foi mal visto pelo árbitro da partida (não é uma unidade semântica). . Mariana foi bem educada pelos pais (não é uma unidade semântica). Pedro é malvisto pelos colegas (unidade semântica. adjetivo composto).

É muito ruim fazer serviços malremunerados (unidade semântica. Ele é mal remunerado pela empresa (não é uma unidade semântica). adjetivo composto). . não aceitam a inversão e. em geral. muitas vezes. formam um novo sentido. Macete: as formas com hífen. não estão na voz passiva.

anglo-saxão.5. euro-asiático). anglofalante. Formas como ³afro-´. ³euro´. francolatria. dispensam o hífen: afrodescendente. lusófono. ³indo-´. quando não entram na composição de adjetivos pátrios (como em afrobrasileiro. etc. eurodeputado. ³franco-´.3. ³luso-´ e ³sino-´. . ³anglo-´.

5. como girassol. malmequer. Não se usa o hífen em palavras que perderam a noção de composição. paraquedista e pontapé. . paraquedas. mandachuva.4. madressilva.

para-raios. com hífen. Os demais mantêm: manda-lua. só "paraquedas". mas ³bem-me-quer´. manda-tudo. Os demais mantêm: para-brisa. Observação (3): Escreve-se ³malmequer´. Observação (2): Dos compostos com a forma verbal "manda". parachoque. "paraquedismo" e "paraquedístico" perdem o hífen.Observação (1): Dos compostos com a forma verbal "para". sem hífen. só "mandachuva" perde o hífen. . para-lama. "paraquedista".

porto-alegrense. Exemplos: ano-luz. guarda-noturno. conta-gotas. má-fé. lusobrasileiro. tio-avô.5. .5. adjetivo. segunda-feira. porta-retratos. O hífen continua a ser usado nas palavras compostas cujos elementos são substantivo. boa-fé. primeiro-ministro. curto-circuito. numeral ou verbo. sul-americano. guarda-chuva. porta-aviões. mato-grossense. primeiro-sargento. norteamericano. tenente-coronel.

não me toques (melindres) um disse me disse. pé de moleque. etc. corpo a corpo (substantivo e advérbio). um maria vai com as outras. arco e flecha. . se houver um elemento de ligação entre os termos. ponto e vírgula. general de divisão. um deus nos acuda. mão de obra. um pega pra capar.No entanto. passo a passo (substantivo e advérbio). lua de mel. dia a dia (substantivo e advérbio). o hífen deixa de ser usado: à toa (adjetivo e advérbio).

. cor-de-rosa.Exceções: água-de-colônia. pé-de-meia (as economias de uma pessoa). à queima-roupa e os compostos entre cujos elementos há apóstrofo. mestre-d¶armas. como cobrad¶água. caixa-d¶água. mãed¶água e olho-d¶água. ao deusdará. arco-da-velha. mais-que-perfeito.

limão-taiti. mesmo que haja entre os termos um elemento de ligação: abóbora-menina. Nos nomes de espécies botânicas e zoológicas. mamão-havaí. joão-de-barro. feijão-verde.6. andorinha-do-mar. emprega-se o hífen sempre. feijão-carioca. . coco-da-baía. nãome-toques (planta). etc.5. bem-te-vi. dente-de-leão.

Passa-Quatro.5.7. . grão. Trinca-Fortes. QuebraDentes. Baía de Todos-os-Santos. Grafam-se com hífen os topônimos (nomes próprios geográficos) que tenham grã. Abre-Campo. Traga-Mouro. Montemoro-Novo. Trás-os-Montes. verbo ou nos segmentos cujos elementos estejam ligados por artigo: Grã-Bretanha. Entre-os-Rios. Grão-Pará. Quebra-Costas.

Cabo Verde.Observação: Os demais topônimos se escrevem sem hífen: América do Sul. Castelo Branco. . Exceções: Guiné-Bissau e Timor-Leste. Belo Horizonte. etc. Freixo de Espada à Cinta.

. matogrossense. santacruzense. inclusive os que contêm elemento de ligação: belo-horizontino. cruzeirense-do-sul.5.8. Escrevem-se com hífen os adjetivos pátrios derivados de topônimos compostos. etc. mato-grossense-do-sul. florentino-do-piauí.

nos nomes ³fulano´. dezembro. domingo. sudeste. meses e estações do ano: quinta-feira. norte.nos nomes dos dias. Minúsculas e maiúsculas 6.nos nomes dos pontos cardeais: sul.6.1 Emprega-se a inicial minúscula: . oeste. outono. ³sicrano´ e ³beltrano´. . . verão. janeiro. .

. Observação (2): Quando designarem nome de região. os pontos cardeais terão inicial maiúscula: ³Governo de Lula é mais bem avaliado no Nordeste´. SE (sudeste).Observação (1): As abreviaturas se escrevem com maiúscula: NE (nordeste).

Rapunzel. Guilherme. Portugal. Recife. Branca de Neve. .6. Dia das Mães. . Dia das Crianças. Semana Santa. Secretaria de Cultura.2 Emprega-se a inicial maiúscula: . Lilipute. . . reais ou fictícios: Maria Mariana.nos nomes próprios de pessoa.nos nomes que designam instituições: Ministério da Educação. Atlântida. Carnaval. reais ou fictícios: Brasil.nos nomes próprios de lugar.nos nomes de datas comemorativas: Natal. Fundação Padre Anchieta. Quarta-Feira de Cinzas.

nos nomes de cursos e disciplinas: professor de português (ou de Português).nos nomes de prédios ou espaços públicos: avenida (ou Avenida) Abdias de Carvalho. santo (ou Santo) Antônio.6. curso de direito (ou de Direito). edifício (ou Edifício) Duarte Coelho. igreja (ou Igreja) do Carmo. . rua (ou Rua) da Aurora. frei (ou Frei) Damião. prova de matemática (ou de Matemática). . dom (ou Dom) Hélder Câmara.nas formas de tratamento ou reverência: doutor (ou Doutor) Paulo Chaves.3 Emprega-se facultativamente maiúscula ou minúscula: . .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->