Você está na página 1de 4

Técnicas de Manipulação de Bonecos

por Tiago Almeida


Grupo Girino Teatro de Bonecos e Formas Animadas

Publicado em:
http://formasanimadas.wordpress.com/teatro-de-bonecos/tecnicas-de-manipulacao/

Diversas técnicas e mecanismos de manipulação foram desenvolvidos ao longo da


história do Teatro de Bonecos e, atualmente, uma série de outros métodos tem sido
incorporados na construção e manipulação, além de técnicas mistas e experimentais.
Suas especificidades envolvem tanto questões técnicas e práticas de funcionabilidade de
mecanismos quanto concepções estéticas e dramatúrgicas do Teatro de Bonecos.

Veja abaixo algumas técnicas básicas e tradicionais de manipulação:

Boneco de Luva [ Fantoche ]

Boneco que o manipulador calça na mão, como os mamulengos. Normalmente, possui


corpo de tecido onde o indicador manipula a cabeça e dedos polegar e médio
manipulam braços.

Cabeça e mãos podem ser esculpidas ou modeladas em diversos tipos de materiais, no


mamulengo é mais comum o uso de madeira e papel machê.

A principal característica da manipulação de bonecos de luva é a agilidade dos


movimentos, apesar das limitações de movimentos dos braços do boneco.

Outras variações de manipulação de luva são aquelas em que a mão do manipulador


articula a boca do boneco, além dos dedoches e a técnica de luva cruzada.

Boneco de Vara

Mecanismo de manipulação por varas ou hastes, pode ser um objeto acoplado às varas
ou bonecos projetados com mecanismos de boca e olhos. No caso de bonecos de figura
humana, normalmente, possui uma vara como eixo central e outras duas para os braços.

Na manipulação, pode se obter tanto movimentos bruscos quanto delicados, uma


dificuldade pode estar relacionada a sustentar o peso do boneco para que mantenha os
eixos, conciliando com a manipulação das varas. Em bonecos mais complexos e
pesados pode ser necessário mais de um manipulador para operar todos os mecanismos.

Uma variação do boneco de vara é o tringle, que se caracteriza por ser um boneco com
uma vara fixa, normalmente na cabeça e manipulado por cima do boneco. O boneco de
tringle possibilita movimentos extremamente rápidos, bruscos e pausados.
.

Marionete ou Boneco de Fio

Boneco de fio ou marionete , do termo francês “marionette”, tipo de boneco manipulado


por fios ou cabos, conectados a uma a uma estrutura de madeira [cruz]. A manipulação
é feita por movimentos e mecanismos da cruz ou manipulando diretamente os fios.

Uma característica da marionete é a possibilidade de coordenadar peso, eixo e pernas


do boneco em apenas uma mão que manipula a cruz, deixando livre a outra mão para
manipular outros fios e mecanismos. A manipulação de bonecos de fio é uma técnica
delicada que requer prática e apurado conhecimento do boneco, seus eixos, mecanismos
e possibilidades de movimentos.

Uma marionete simples pode chegar a ter nove fios: um em cada perna, um em cada
mão, um em cada ombro, um em cada orelha (eixo da cabeça) e um na base da coluna,
para inclinação do tronco do boneco. Movimentos mais detalhados podem exigir o
dobro ou o triplo desse número. As marionetes são capazes de representar praticamente
todos os movimentos humanos ou de animais, além de diversas outras possibilidades de
articulações específicas a cada boneco.

Boneco de Manipulação Direta [ Bunraku ]

Inspirado no Bunraku, uma técnica tradicional de Teatro Japonês, o boneco de


manipulação direta, originalmente, é manipulado sincronicamente por três pessoas, à
vista da platéia e a manipulação se dá pelo contato direto com o boneco.

Um manipulador controla e direciona a cabeça e seus mecanismos enquanto sustenta o


peso do boneco pelo quadril, um segundo manipulador manipula os braços e o terceiro
os pés. A coordenação entre esses três artistas exige um longo e rigoroso treinamento de
manipulação.

Boneco de Balcão

O boneco de balcão é uma variação da manipulação direta, porém, os manipuladores


não tocam diretamente no boneco. É manipulado em uma mesa, bancada ou balcão e,
normalmente, possui um mecanismo central em suas costas ou cabeça, o que possibilita
a coordenação de peso e eixo em apenas uma mão. Mãos e braços do boneco podem ter
mecanismos que são articulados pelo cotovelo.

Uma das grandes vantagens do boneco de balcão é a possibilidade de mecanismos da


cabeça e do pescoço serem manipulados no interior do boneco, além da manipulação
por apenas um ou dois manipuladores.

.
Boneco de Sombra [ Silhueta ]

Consiste em manipular figuras em focos de luz projetando suas sombras em uma tela.
As figuras de sombras são chamadas de silhuetas ou bonecos de sombra, podem ser
silhuetas chapadas ou tridimensionais, articuláveis ou não.

Nos teatros tradicionais da China, Índia, Turquia e Grécia as silhuetas são, comumente,
figuras planas, recortadas em couro, algum outro material opaco, ou ainda materiais
semi-transpartentes como pele de peixe.

Atualmente, diversos grupos desenvolvem pesquisas em Teatro de Sombras, bonecos


podem ser criados em acetato, acrílico, gelatinas, papel, etc e as fontes de iluminação
utilizadas são diversificadas como velas, lamparinas, lanternas, refletores, projetores de
vídeo, dentre outros.

A manipulação de silhuetas pode se dar através de varas perpendiculares como no teatro


javanês; com varas em ângulo reto com a tela, como nos teatros chinês e grego; ou por
meio de cordões escondidos atrás dos bonecos como nas sombras chinesas, além de
outras formas alternativas de manipulação.

Bonecos de sombra podem também serem figuras tridimensionais, com silhuetas planas
em ângulo a um eixo. Além da criação de sombras com o próprio corpo humano, o
sombrista pode utilizar máscaras e outros aparatos em seu próprio corpo para a projeção
de formas, volumes e silhuetas.

Mais textos e referências na página de Teatro de Sombras.

Teatro Negro

Se caracteriza com uma técnica de manipulação não aparente, ou seja, os


manipuladores não ficam visíveis para o público. Normalmente, consiste em um cenário
em câmara escura e fundo negro e os manipuladores com figurinos completamente em
preto, produzindo a ilusão de que bonecos e objetos nao estão sendo manipulados mas
sim possuem movimentos próprios.

Diversas técnicas e mecanismos podem ser usadas em conformidade com o Teatro


Negro, principalmente no que se refere às técnicas de trabalho com luz negra, à exemplo
do Teatro Negro de Praga.

Kuruma Ningyo

Kuruma Ningyo é um gênero japonês de teatro de bonecos. Diferentemente do Bunraku,


um único ator manipula o boneco, trabalhando sentado em uma estrutura em forma de
caixa com rodinhas. Esta técnica consiste na união do boneco com um único ator, que
manipula à vista do público. Esta caixa em que o ator se desloca é uma espécie de
carrinho, denominado Kuruma em japonês, originalmente, possui cerca de 20 x 25 x
15cm e três rodas. O ator trabalha sentado manipulando braços, tronco e cabeça do
boneco e seus próprios pés são encaixados no calcanhar do boneco.

Textos Relacionados:

Bonecos no Brasil
por Tiago Almeida
Girino Formas Animadas

Mamulengo: o Teatro de Bonecos Popular no Brasil


por Fernando Augusto
Grupo Mamulengo Só-Riso [PE]

Técnicas de Manipulação
por Tiago Almeida
Girino Formas Animadas

Do Teatro de Bonecos ao Teatro de Animação


por Ana Maria Amaral

Teatro de Bonecos pelo Mundo


por Tiago Almeida
Girino Formas Animadas