P. 1
CAPÍTULO VII da Constituição art 37 a 41

CAPÍTULO VII da Constituição art 37 a 41

|Views: 6.811|Likes:
Publicado porMatiasNavarrete

More info:

Published by: MatiasNavarrete on Jan 16, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/31/2014

pdf

text

original

1

CAPÍTULO VII Seção I DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 37. A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito ederal e dos !unic"pios obedecer# aos princ"pios de le$alidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e e%ici&ncia e, tamb'm, ao se$uinte( (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 04/06/98) I ) os car$os, empre$os e %unç*es públicas são acess"+eis aos brasileiros que preenc,am os requisitos estabelecidos em lei, assim como aos estran$eiros, na %orma da lei- (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 04/06/98) II ) a in+estidura em car$o ou empre$o público depende de apro+ação pr'+ia em concurso público de pro+as ou de pro+as e t"tulos, de acordo com a nature.a e a comple/idade do car$o ou empre$o, na %orma pre+ista em lei, ressal+adas as nomeaç*es para car$o em comissão declarado em lei de li+re nomeação e e/oneração- (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 04/06/98) III ) o pra.o de +alidade do concurso público ser# de at' dois anos, prorro$#+el uma +e., por i$ual per"odoI0 ) durante o pra.o improrro$#+el pre+isto no edital de con+ocação, aquele apro+ado em concurso público de pro+as ou de pro+as e t"tulos ser# con+ocado com prioridade sobre no+os concursados para assumir car$o ou empre$o, na carreira0 ) as %unç*es de con%iança, e/ercidas e/clusi+amente por ser+idores ocupantes de car$o e%eti+o, e os car$os em comissão, a serem preenc,idos por ser+idores de carreira nos casos, condiç*es e percentuais m"nimos pre+istos em lei, destinam)se apenas 1s atribuiç*es de direção, c,e%ia e assessoramento- (Redação dada pela
Emenda Constitucional nº 19, de 04/06/98) 0I ) ' $arantido ao ser+idor público ci+il o direito 1 li+re associação sindical-

0II ) o direito de $re+e ser# e/ercido nos termos e nos limites de%inidos em lei espec"%ica- (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 04/06/98)
0III ) a lei reser+ar# percentual dos car$os e empre$os públicos para as pessoas portadoras de de%ici&ncia e de%inir# os crit'rios de sua admissão-

I2 ) a lei estabelecer# os casos de contratação por tempo determinado para atender a necessidade tempor#ria de e/cepcional interesse público2 ) a remuneração dos ser+idores públicos e o subs"dio de que trata o 3 45 do art. 36 somente poderão ser %i/ados ou alterados por lei espec"%ica, obser+ada a iniciati+a pri+ati+a em cada caso, asse$urada re+isão $eral anual, sempre na mesma data e sem distinção de "ndices-7 (Vide ei 10!!1/"001) (Redação dada pela Emenda
Constitucional nº 19, de 04/06/98)

2I ) a remuneração e o subs"dio dos ocupantes de car$os, %unç*es e empre$os públicos da administração direta, aut#rquica e %undacional, dos membros de qualquer

aplicando)se como li) mite. pelo poder públicoCRedação dada pela Emenda Constitucional nº 19. de 04/06/98) 2I0 ) os acr'scimos pecuni#rios percebidos por ser+idor público não serão computados nem acumulados para %ins de concessão de acr'scimos ulteriores(Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19. 36.(Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. preced&ncia sobre os demais setores administrati+os. direta ou indiretamente. 3 45. e >?3. dos !inistros do Supremo 9ribunal ederal. e/ceto. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19. dos detentores de mandato eleti+o e dos demais a$entes pol"ticos e os pro+entos.mbito do Poder <e$islati+o e o sub)s"dio dos Desembar$adores do 9ribunal de =ustiça. e sociedades controladas. com pro%iss*es re$ulamentadas. de 1!/1"/"001B 20II ) a proibição de acumular estende)se a empre$os e %unç*es e abran$e autarquias. de 04/06/98) 20III ) a administração %a. dentro de suas #reas de compet&ncia e Durisdição. III. de 04/06/98) aB a de dois car$os de pro%essorbB a de um car$o de pro%essor com outro t'cnico ou cient"%icocB a de dois car$os ou empre$os pri+ati+os de pro%issionais de saúde. não poderão e/ceder o subs"dio mensal. >?3.end#ria e seus ser+idores %iscais terão. neste último caso.(Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19. do Distrito ederal e dos !unic"pios. dos Estados. limitado a no+enta inteiros e +inte e cinco cent'simos por cento do subs"dio mensal. o subs"dio mensal do :o+ernador no . ressal+ado o disposto nos incisos 2I e 2I0 deste arti$o e nos arts. em esp'cie. inclu"das as +anta$ens pessoais ou de qualquer outra nature.mbito do Poder =udici#rio. de 04/06/98) . empresas públicas. de%inir as #reas de sua atuação. quando .(Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19. nos !unic"pios.a.or#rios. I. >?@.(Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19. sociedades de economia mista. cabendo 1 lei complementar. aplic#+el este limite aos membros do !inist'rio Público. de sociedade de economia mista e de %undação. %undaç*es. suas subsidi#rias.(Redação dada pela Emenda Constitucional nº !4. II.ada a instituição de empresa pública. pens*es ou outra esp'cie remunerat8ria. o subs"dio dos Deputados Es)taduais e Distritais no . em esp'cie. obser+ado em qualquer caso o disposto no inciso 2I. de 04/06/98) 20 ) o subs"dio e os +encimentos dos ocupantes de car$os e empre$os públicos são irredut"+eis. 3 A5. de 04/06/98) 20I ) ' +edada a acumulação remunerada de car$os públicos.2 dos Poderes da União. dos !inistros do Supremo 9ri) bunal ederal. percebidos cumulati+amente ou não.mbito do Poder E/ecuti+o. no . aos Procuradores e aos De%ensores Públicos.ou+er compatibilidade de . o subs"dio do Pre%eito. 19#1"#"00!) 2II ) os +encimentos dos car$os do Poder <e$islati+o e do Poder =udici#rio não poderão ser superiores aos pa$os pelo Poder E/ecuti+o- 2III ) ' +edada a +inculação ou equiparação de quaisquer esp'cies remunerat8rias para o e%eito de remuneração de pessoal do ser+iço público. e nos Estados e no Distrito ederal. na %orma da lei2I2 E somente por lei espec"%ica poder# ser criada autarquia e autori.

as obras. sem preDu". ati+idades essenciais ao %uncionamento do Estado.em promoção pessoal de autoridades ou ser+idores públicos. asse$uradas a manutenção de ser+iços de atendimento ao usu#rio e a a+aliação peri8dica. com cl#usulas que estabeleçam obri$aç*es de pa$amento. de 04/06/98) I ) as reclamaç*es relati+as 1 prestação dos ser+iços públicos em $eral. assim como a participação de qualquer delas em empresa pri+ada22I ) ressal+ados os casos especi%icados na le$islação.ncia do disposto nos incisos II e III implicar# a nulidade do ato e a punição da autoridade respons#+el. mantidas as condiç*es e%eti+as da proposta. e/terna e interna. empre$o ou %unção na administração pública. dela não podendo constar nomes. na %orma e $radação pre+istas em lei. ser+iços e campan. obser+ado o disposto no art. compras e alienaç*es serão contratados mediante processo de licitação pública que asse$ure i$ualdade de condiç*es a todos os concorrentes.ação le$islati+a. 3 A5 ) A não obser+. causarem a terceiros. ressal+adas as respecti+as aç*es de ressarcimento.7 3 45 ) Gs atos de improbidade administrati+a importarão a suspensão dos direitos pol"ticos. e/ercidas por ser+idores de carreiras espec"%icas. .os de prescrição para il"citos praticados por qualquer a$ente.ação de suas ati+idades e atuarão de %orma inte$rada. de 19#1"#"00!) 3 >5 ) A publicidade dos atos. re$ulando especialmente( CRedação dada pela Emenda Constitucional nº 19. na %orma da lei ou con+&nio. 22II ) as administraç*es tribut#rias da União. da qualidade dos ser+içosII ) o acesso dos usu#rios a re$istros administrati+os e a in%ormaç*es sobre atos de $o+erno. 2 e 222IIIIII ) a disciplina da representação contra o e/erc"cio ne$li$ente ou abusi+o de car$o. ($nclu%do pela Emenda Constitucional nº 4". nos termos da lei. ser+idor ou não. 3 35 A lei disciplinar# as %ormas de participação do usu#rio na administração pública direta e indireta.amento de cadastros e de in%ormaç*es %iscais. pro$ramas. dos Estados. nos termos da lei. ?5. asse$urado o direito de re$resso contra o respons#+el nos casos de dolo ou culpa. terão recursos priorit#rios para a reali. a perda da %unção pública. 3 H5 ) As pessoas Dur"dicas de direito público e as de direito pri+ado prestadoras de ser+iços públicos responderão pelos danos que seus a$entes. in%ormati+o ou de orientação social.o da ação penal cab"+el.as dos 8r$ãos públicos de+er# ter car#ter educati+o.os ao er#rio. do Distrito ederal e dos !unic"pios. ser+iços. que causem preDu". obras. o qual somente permitir# as e/i$&ncias de quali%icação t'cnica e econFmica indispens#+eis 1 $arantia do cumprimento das obri$aç*es. nessa qualidade. a criação de subsidi#rias das entidades mencionadas no inciso anterior. 3 ?5 ) A lei estabelecer# os pra. a indisponibilidade dos bens e o ressarcimento ao er#rio. inclusi+e com o compartil.3 22 ) depende de autori. s"mbolos ou ima$ens que caracteri. em cada caso.

de 04/"00+) 3 >A.E-. %ica %acultado aos Estados e ao Distrito ederal %i/ar. perceber# as +anta$ens de seu car$o. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº "0.4 3 75 A lei dispor# sobre os requisitos e as restriç*es ao ocupante de car$o ou empre$o da administração direta e indireta que possibilite o acesso a in%ormaç*es pri+ile$iadas. dos Estados. de 04/06/98) 3 >@. do Distrito ederal ou dos !unic"pios para pa$amento de despesas de pessoal ou de custeio em $eral. Lão serão computadas. não se aplicando o disposto neste par#$ra%o aos subs"dios dos Deputados Estaduais e Distritais e dos 0ereadores. que ten. que receberem recursos da União. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19. no e/erc"cio de mandato eleti+o. e suas subsidi#rias. em seu . (&a'()'a*o inclu%do pela E. orçament#ria e %inanceira dos 8r$ãos e entidades da administração direta e indireta poder# ser ampliada mediante contrato.o da . mediante emenda 1s respecti+as Konstituiç*es e <ei Gr $. empre$o ou %unção.nea de pro+entos de aposentadoria decorrentes do art. aut#rquica e %undacional.e %acultado optar pela sua remuneraçãoIII ) in+estido no mandato de 0ereador. J +edada a percepção simult. para e%eito dos limites remunerat8rios de que trata o inciso 2I do caput deste arti$o. empre$o ou %unção pública./ C0-12$23C$0-/ -º 44. obri$aç*es e responsabilidade dos diri$entesIII ) a remuneração do pessoal. limitado a no+enta inteiros e +inte e cinco cent'simos por cento do subs"dio mensal dos !inistros do Supremo 9ribunal ederal.mbito.a por obDeto a %i/ação de metas de desempen.o.o para o 8r$ão ou entidade. ressal+ados os car$os acumul#+eis na %orma desta Konstituição. Para os %ins do disposto no inciso 2I do caput deste arti$o. Ao ser+idor público da administração direta. %icar# a%astado de seu car$o.o de duração do contratoII ) os controles e crit'rios de a+aliação de desempen. 4@ ou dos arts. de 04/06/98) 3 I5 A autonomia $erencial./ C0-12$23C$0-/ -º 44. 3I. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19.at8rio pre+istas em lei. estadual ou distrital. ser# a%astado do car$o. C&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19. as parcelas de car#ter indeni. . de 04/06/98) 3 65 G disposto no inciso 2I aplica)se 1s empresas públicas e 1s sociedades de economia mista. de 1+/1"/98) Art. aplicam)se as se$uintes disposiç*es( CRedação dada pela Emenda Constitucional nº 19. como limite único. o subs"dio mensal dos Desembar$adores do respecti+o 9ribunal de =ustiça. de 04/06/98) 3 >>.E-. cabendo 1 lei dispor sobre( I ) o pra. sem preDu". ($nclu%do pela E. empre$o ou %unçãoII ) in+estido no mandato de Pre%eito. 4A e >4A com a remuneração de car$o.nica.or#rios. sendo)l.a+endo compatibilidade de . os car$os eleti+os e os car$os em comissão declarados em lei de li+re nomeação e e/oneração. de 04/"00+) I ) tratando)se de mandato eleti+o %ederal. a ser %irmado entre seus administradores e o poder público. direitos. empre$o ou %unção.

(&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19. dos Estados. I2. ser# aplicada a norma do inciso anteriorI0 ) em qualquer caso que e/iDa o a%astamento para o e/erc"cio de mandato eleti+o. 20III. constituindo)se a participação nos cursos um dos requisitos para a promoção na carreira. no caso de a%astamento. 75. e/ceto para promoção por merecimento0 ) para e%eito de bene%"cio pre+idenci#rio.a. e. o $rau de responsabilidade e a comple/idade dos car$os componentes de cada carreiraII ) os requisitos para a in+estiduraIII ) as peculiaridades dos car$os. 0III. para isso. o Distrito ederal e os !unic"pios instituirão consel.a+endo compatibilidade. 22II e 222. obedecido. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19. o disposto no art.o de pol"tica de administração e remuneração de pessoal. a celebração de con+&nios ou contratos entre os entes %ederados C Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19. 20I. 2II. de 04/06/98) § 3 Aplica)se aos ser+idores ocupantes de car$o público o disposto no art. 20II. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19. 2 e 2I. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19. abono.7 3 A5A União. de 04/06/98) § 1 A %i/ação dos padr*es de +encimento e dos demais componentes do sistema remunerat8rio obser+ar#( I ) a nature. os Estados e o Distrito ederal manterão escolas de $o+erno para a %ormação e o aper%eiçoamento dos ser+idores públicos. os +alores serão determinados como se no e/erc"cio esti+esse. do Distrito ederal e dos !unic"pios poder# estabelecer a relação entre a maior e a menor remuneração dos ser+idores públicos. 0II. adicional. em qualquer caso. Seção II DOS SERVIDORES PÚBLICOS (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 18. %acultada. +edado o acr'scimo de qualquer $rati%icação. podendo a lei estabelecer requisitos di%erenciados de admissão quando a nature. o detentor de mandato eleti+o. os !inistros de Estado e os Secret#rios Estaduais e !unicipais serão remunerados e/clusi+amente por subs"dio %i/ado em parcela única. 2I. A União. não . em qualquer caso. +erba de representação ou outra esp'cie remunerat8ria. de 04/06/98) . de 04/06/98) § " <ei da União.a do car$o o e/i$ir. obedecido. 2I2. os Estados. 37. 20. 37. 39. inte$rado por ser+idores desi$nados pelos respecti+os Poderes. 22. o disposto no art. seu tempo de ser+iço ser# contado para todos os e%eitos le$ais. I0. 2III. pr&mio.5 remuneração do car$o eleti+o. de 0+/0"/98) Art. de 04/06/98) § ! G membro de Poder.

' asse$urado re$ime de pre+id&ncia de car#ter contributi+o e solid#rio. na %orma da lei. com pro+entos proporcionais ao tempo de contribuição. calculados os seus pro+entos a partir dos +alores %i/ados na %orma dos 33 35 e >7( (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. conta$iosa ou incur#+el. inclusi+e sob a %orma de adicional ou pr&mio de produti+idade. aos setenta anos de idade. se mul. inclu"das suas autarquias e %undaç*es. se .ados em carreira poder# ser %i/ada nos termos do 3 45. se mul. obser+ados crit'rios que preser+em o equil"brio %inanceiro e atuarial e o disposto neste arti$o. serão consideradas as remuneraç*es utili. de 19#1"#"00!) . sendo os pro+entos proporcionais ao tempo de contribuição.ação do ser+iço público.6 § # Gs Poderes E/ecuti+o. do Distrito ederal e dos !unic"pios. anos de e%eti+o e/erc"cio no ser+iço público e cinco anos no car$o e%eti+o em que se dar# a aposentadoria. obser+adas as se$uintes condiç*es( aB sessenta anos de idade e trinta e cinco de contribuição. 19#1"#"00!) 3 >5 Gs ser+idores abran$idos pelo re$ime de pre+id&ncia de que trata este arti$o serão aposentados. de 04/06/98) § % A remuneração dos ser+idores públicos or$ani. e cinqMenta e cinco anos de idade e trinta de contribuição.amento e racionali. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. e sessenta anos de idade. mediante contribuição do respecti+o ente público. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19.omem. se .erbB sessenta e cinco anos de idade. no car$o e%eti+o em que se deu a aposentadoria ou que ser+iu de re%er&ncia para a concessão da pensão. 19#1"#"00!) II ) compulsoriamente. desde que cumprido tempo m"nimo de de. por ocasião da sua concessão. para aplicação no desen+ol+imento de pro$ramas de qualidade e produti+idade. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19. mol'stia pro%issional ou doença $ra+e. por ocasião de sua concessão. dos ser+idores ati+os e inati+os e dos pensionistas. moderni. A@>.er. na %orma da lei. 4@. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. 19#1"#"00!) I ) por in+alide. do Distrito ederal e dos !unic"pios disciplinar# a aplicação de recursos orçament#rios pro+enientes da economia com despesas correntes em cada 8r$ão. dos Estados. dos Estados. treinamento e desen+ol+imento. 3 35 Para o c#lculo dos pro+entos de aposentadoria.adas como base para as contribuiç*es do ser+idor aos re$imes de pre+id&ncia de que tratam este arti$o e o art. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19. Aos ser+idores titulares de car$os e%eti+os da União. de 04/06/98) § $ <ei da União.ação. § & Gs pro+entos de aposentadoria e as pens*es. <e$islati+o e =udici#rio publicarão anualmente os +alores do subs"dio e da remuneração dos car$os e empre$os públicos. permanente.omem.(Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. não poderão e/ceder a remuneração do respecti+o ser+idor. com pro+entos proporcionais ao tempo de contribuição- III ) +oluntariamente. de 04/06/98) Art. autarquia e %undação. e/ceto se decorrente de acidente em ser+iço. reaparel.

es.ou ($nclu%do pela Emenda Constitucional nº 41. caso aposentado 1 data do 8bito. e de car$o eleti+o.7 § ! J +edada a adoção de requisitos e crit'rios di%erenciados para a concessão de aposentadoria aos abran$idos pelo re$ime de que trata este arti$o. em car#ter permanente./ C0-12$23C$0-/ -º 44. acrescido de setenta por cento da parcela e/cedente a este limite. ($nclu%do pela Emenda Constitucional nº 41. de 19#1"#"00!) 3 I5 J asse$urado o reaDustamento dos bene%"cios para preser+ar)l. o +alor real. inclusi+e quando decorrentes da acumulação de car$os ou empre$os públicos. ($nclu%do pela E. at' o limite m#/imo estabelecido para os bene%"cios do re$ime $eral de pre+id&ncia social de que trata o art. nos termos de%inidos em leis complementares. Aplica)se o limite %i/ado no art. caso em ati+idade na data do 8bito./ C0-12$23C$0-/ -º 44.($nclu%do pela E. § 11. A@>. ' +edada a percepção de mais de uma aposentadoria 1 conta do re$ime de pre+id&ncia pre+isto neste arti$o. bem como de outras ati+idades suDeitas a contribuição para o re$ime $eral de pre+id&ncia social. ressal+ados. de 19#1"#"00!) II ) ao +alor da totalidade da remuneração do ser+idor no car$o e%eti+o em que se deu o %alecimento. de 04/"00+) III cuDas ati+idades seDam e/ercidas sob condiç*es especiais que preDudiquem a saúde ou a inte$ridade %"sica.idos em cinco anos. car$o em comissão declarado em lei de li+re nomeação e e/oneração. para o pro%essor que compro+e e/clusi+amente tempo de e%eti+o e/erc"cio das %unç*es de ma$ist'rio na educação in%antil e no ensino %undamental e m'dio. de II que e/erçam ati+idades de risco. . 3 75 <ei dispor# sobre a concessão do bene%"cio de pensão por morte. A@>.E-. A lei não poder# estabelecer qualquer %orma de conta$em de tempo de contribuição %ict"cio. con%orme crit'rios estabelecidos em lei. em relação ao disposto no 3 >N.E-. a. § 1'. 2I. at' o limite m#/imo estabelecido para os bene%"cios do re$ime $eral de pre+id&ncia social de que trata o art. 1 soma total dos pro+entos de inati+idade./ C0-12$23C$0-/ -º 44. estadual ou municipal ser# contado para e%eito de aposentadoria e o tempo de ser+iço correspondente para e%eito de disponibilidade. de 19#1"#"00!) § 9 G tempo de contribuição %ederal. os casos de ser+idores( (2e5to alte'ado pela E./ C0-12$23C$0-/ 04/"00+) -º 44.E-. de 04/"00+) I portadores de de%ici&ncia. e ao montante resultante da adição de pro+entos de inati+idade com remuneração de car$o acumul#+el na %orma desta Konstituição. 37.E-. que ser# i$ual( (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. de 04/"00+) § " Gs requisitos de idade e de tempo de contribuição serão redu. acrescido de setenta por cento da parcela e/cedente a este limite.($nclu%do pela E. § # Oessal+adas as aposentadorias decorrentes dos car$os acumul#+eis na %orma desta Konstituição. III. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. de 19#1"#"00!) I ) ao +alor da totalidade dos pro+entos do ser+idor %alecido.

ressal+ado o disposto no art. Incidir# contribuição sobre os pro+entos de aposentadorias e pens*es concedidas pelo re$ime de que trata este arti$o que superem o limite m#/imo estabelecido para os bene%"cios do re$ime $eral de pre+id&ncia social de que trata o art./ C0-12$23C$0-/ -º 44. o re$ime de pre+id&ncia dos ser+idores públicos titulares de car$o e%eti+o obser+ar#. Somente mediante sua pr'+ia e e/pressa opção. desde que instituam re$ime de pre+id&ncia complementar para os seus respecti+os ser+idores titulares de car$o e%eti+o. e/clusi+amente. III. 19#1"#"00!) . G re$ime de pre+id&ncia complementar de que trata o 3 >4 ser# institu"do por lei de iniciati+a do respecti+o Poder E/ecuti+o. 2. § 13. %or portador de doença incapacitante. Al'm do disposto neste arti$o. ($nclu%do pela Emenda Constitucional nº 41. que o%erecerão aos respecti+os participantes planos de bene%"cios somente na modalidade de contribuição de%inida. os requisitos e crit'rios %i/ados para o re$ime $eral de pre+id&ncia social. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. São est#+eis ap8s tr&s anos de e%eti+o e/erc"cio os ser+idores nomeados para car$o de pro+imento e%eti+o em +irtude de concurso público. obser+ado o disposto no art. 3 >?. ($nclu%do pela Emenda Constitucional nº 41. na %orma da lei. aplica)se o re$ime $eral de pre+id&ncia social. quando o bene%ici#rio. ($nclu%do pela Emenda Constitucional nº 41. § 1!. no que couber. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. >4A. A@>.a completado as e/i$&ncias para aposentadoria +olunt#ria estabelecidas no 3 >5. poderão %i/ar. de 19#1"#"00!) 3 >6. por interm'dio de entidades %ec. II. o disposto nos 33 >4 e >? poder# ser aplicado ao ser+idor que ti+er in$ressado no ser+iço público at' a data da publicação do ato de instituição do correspondente re$ime de pre+id&ncia complementar. de 19#1"#"00!) 3 >I. A@> desta Konstituição. G ser+idor de que trata este arti$o que ten.ados. A contribuição pre+ista no 3 >I deste arti$o incidir# apenas sobre as parcelas de pro+entos de aposentadoria e de pensão que superem o dobro do limite m#/imo estabelecido para os bene%"cios do re$ime $eral de pre+id&ncia social de que trata o art. de 04/"00+) Art. os Estados. de 19#1"#"00!) 3 A>. A@A e seus par#$ra%os. de nature. na %orma da lei. e de mais de uma unidade $estora do respecti+o re$ime em cada ente estatal. no que couber. o limite m#/imo estabelecido para os bene%"cios do re$ime $eral de pre+id&ncia social de que trata o art. de car$o em comissão declarado em lei de li+re nomeação e e/oneração bem como de outro car$o tempor#rio ou de empre$o público. o Distrito ederal e os !unic"pios. ($nclu%do pela Emenda Constitucional nº 41. 3 35. 9odos os +alores de remuneração considerados para o c#lculo do bene%"cio pre+isto no 3 3N serão de+idamente atuali.7 3 >7.adas de pre+id&ncia complementar.E-. e que opte por permanecer em ati+idade %ar# Dus a um abono de perman&ncia equi+alente ao +alor da sua contribuição pre+idenci#ria at' completar as e/i$&ncias para aposentadoria compuls8ria contidas no 3 >5. para o +alor das aposentadorias e pens*es a serem concedidas pelo re$ime de que trata este arti$o. de 19#1"#"00!) § 1#.8 § 1&. Ao ser+idor ocupante. !1. ica +edada a e/ist&ncia de mais de um re$ime pr8prio de pre+id&ncia social para os ser+idores titulares de car$os e%eti+os. de 19#1"#"00!) 3 A@. A União. a. ($nclu%do pela E.a pública. A@>. com percentual i$ual ao estabelecido para os ser+idores titulares de car$os e%eti+os.

com remuneração proporcional ao tempo de ser+iço. at' seu adequado apro+eitamento em outro car$o. 19#1"#"00!) 7§ ! Komo condição para a aquisição da estabilidade.ido ao car$o de ori$em. asse$urada ampla de%esa. e o e+entual ocupante da +a$a.e seDa asse$urada ampla de%esaIII E mediante procedimento de a+aliação peri8dica de desempen. ser# ele reinte$rado. recondu. 19#1"#"00!) § 3 E/tinto o car$o ou declarada a sua desnecessidade. o ser+idor est#+el %icar# em disponibilidade.9 § 1 G ser+idor público est#+el s8 perder# o car$o( (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. de 04/06/98) . ' obri$at8ria a a+aliação especial de desempen.o. apro+eitado em outro car$o ou posto em disponibilidade com remuneração proporcional ao tempo de ser+iço.ação. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 41. na %orma de lei complementar. se est#+el.7 § & In+alidada por sentença Dudicial a demissão do ser+idor est#+el. (&a'()'a*o inclu%do pela Emenda Constitucional nº 19. 19#1"#"00!) I ) em +irtude de sentença Dudicial transitada em Dul$adoII E mediante processo administrati+o em que l.o por comissão institu"da para essa %inalidade. sem direito a indeni.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->