P. 1
Evolução das Telecomunicações

Evolução das Telecomunicações

|Views: 3.446|Likes:
Publicado porSilva Miguel

More info:

Published by: Silva Miguel on Jan 18, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/13/2013

pdf

text

original

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA

HISTÓRIA DO DESIGN EVOLUÇÃO DAS TELECOMUNICAÇÕES

Nome do Aluno Data
DIRC.009.02

Pedro Gonçalves nº9874 & Ruben Duarte nº 9975 onçalves 10.01.2011 Semestre

1º semestre º

2020 .Klaus Krippendorff Proposta do Produto .Índice Introdução Evolução das telecomunicações – Realidade histórica Evolução do telefone Evolução do design dos telemóveis – “Do tijolo ao Iphone” Análise do objecto – Teoria segundo “The semantic Turn” .

por outro lado analisaremos o objecto segundo a teoria “The semantic Turn” .Introdução No âmbito da disciplina de historia do design foi nos proposto que elaborássemos um trabalho de reflexão critica sobre a evolução histórica das telecomunicações . Neste trabalho vamos abordar a evolução das telecomunicações aliada á realidade histórica. .Klaus Krippendorff e por fim criaremos uma proposta do produto para o ano 2020.

No império romano foram construídas.Época pré-histórica Antes do aparecimento das telecomunicações. As linhas telegráficas implantaram-se em grande parte na Europa conforme a progressão dos exércitos franceses da Revolução e do Império. sinais. de símbolos. Os Cartagineses no século VI A. mas no século XIX surgiu a necessidade de comunicar a distâncias cada vez maiores e em espaços de tempo cada vez mais reduzidos.C com as suas bandeiras dispunham de um código relacionado com a cor e as diferentes posições das bandeiras. a grandes distâncias facilitou a comunicação nocturna. emissão ou recepção por fio. sendo as mensagens transmitidas por um sistema de braços articulados pelo responsável pelo posto de manobra. Os gregos no século V A. de cores variadas. no mais breve espaço de tempo. transmitiam-se assim as mensagens de acordo com um código sonoro. Em 1792 o Telégrafo Chappe revolucionou ao fazer um sistema de torres em rede espalhadas pelos campos. Sistemas primitivos . Foi o italiano Alessandro Volta (17451827) quem. continuando as experiências de Galvani. é ainda o telefone. o americano Samuel Morse inventou em 1837 o telégrafo eléctrico e um alfabeto. em locais elevados. O emprego do electroimen abria a era das comunicações a grande distância como o Telégrafo de sinais luminosos do século XIX. mas o seu princípio. os homens correspondiam-se por sinais ópticos: movimentos de braços e do corpo segundo um código previamente estabelecido. um sistema de pontos e traços. e actualmente o telemóvel. meios ópticos ou qualquer outro processo electromagnético. que continuam a ser os meios mais utilizados entre particulares. Se a rádio e a televisão vieram mais tarde juntar-se aos meios de que os homens passaram a dispor. a altura e a trajectória das flechas atiradas pelo arco.Evolução das telecomunicações – Realidade histórica Para transmitir informações à distância. constituía uma solução provisória.C por meio do Telégrafo óptico transmitiam informações militares. forneceu o meio de revolucionar as telecomunicações graças à invenção da pilha eléctrica. Este sistema consistia num conjunto de varas mergulhadas num recipiente cheio de água. por exemplo o Tá-Tá africano consistia num tronco de árvore oco e coberto por uma pele. O electroíman que daí resultou esteve na origem do telégrafo e do telefone. . caracteres. graças a um conjunto de cabos e roldanas. rádio. O telégrafo «Chappe» teve grande sucesso em finais do século XVIII. Com isto surgiu o aparecimento da telecomunicação. já as Flechas dos Pigmeus utilizavam a cor como elementos da mensagem. e o nível da água (que se escoava para outros recipientes) permitiam a transmissão das letras que compunham as palavras da mensagem. No Século XIX a Pistola Veny feita para disparar sinais luminosos de diversas cores. Utilizando a pilha de Volta. a transmissão óptica. que tem o seu nome. pequenas torres de pedra de cima das quais eram transmitidos sinais luminosos. o homem utilizou desde sempre dois fenómenos naturais: o som e a luz. O aparecimento destas varas. imagens e sons. que trata-se da transmissão. Este sistema óptico foi utilizado durante muito tempo na navegação à vela.

o russo Aleksandr Popov. substituindo-se os pontos e os traços pelas letras do alfabeto. servindo inicialmente a NASA e a Força Aérea. inventor da antena.Este sistema utiliza simultaneamente o sistema óptico dos Antigos (luz solar e luz artificial) e o alfabeto Morse. A rádio tornou-se num meio de comunicação de massa. Os computadores foram aperfeiçoados a partir das máquinas de calcular criadas pelo matemático Charles Babbage (1791-1871). Em 1990 o Departamento de Defesa dos USA desmantelou a ARPANET substituindo-a pela NSF. de Alexander Bell (1847-1922). As informações e os programas de cultura musical estabeleciam novos elos entre os povos. As mensagens assim enviadas por cabos. A patente Nº 174. denominando-se ARPANET. Na segunda metade do século XIX. Os principais são: o italiano Marconi. se construiu o primeiro computador electrónico ENIAC. mas só em 1946. tenham tido a mesma ideia. As grandes potências criaram redes telegráficas através dos oceanos fazendo emergir cabos metálicos cobertos de um isolador. a borracha. antepassada da nossa rádio. ou «cabogramas». rebaptizada de NSFNET popularizando-se como hoje a conhecemos: INTERNET. Telegrafia sem fios ou TSF – 1896 a TSF. sendo a mensagem impressa numa estreita fita de papel pela máquina receptora. Teve o seu início em 1957 com a criação da ARPA – Advanced Research Project Agency – que pretendia responder às necessidades do desenvolvimento espacial. O telefone 1871 é uma invenção de paternidade múltipla. O sistema teve grande sucesso no campo jornalístico. que decompõe a imagem numa série de pontos transmitidos sob a forma de um impulso eléctrico. A invenção da célula fotoeléctrica e da válvula electrónica permitiu dar os últimos retoques na televisão. já em 1854. . com John Mauchly e John Presper Eckert. é obra de uma série de inventores. A primeira rede de computadores foi construída pela Universidade da Califórnia em 1969. apoiando-se em experiências do alemão Gustav Hertz (as ondas hertzianas). O telégrafo cobriu o mundo.465. a técnica estava tão avançada que é normal que diversos investigadores em países diferentes ou no mesmo país. a TSF foi adaptada ao telefone. A possibilidade de transmitir fotografias telegraficamente proporcionou um novo progresso. extraída do látex de uma árvore da Malásia. beneficiavam da maior discrição. o telégrafo Morse foi aperfeiçoado. e o francês Edouard Branly. No princípio do século XX. é considerada a mais valiosa das patentes emitidas nos EUA.

foi introduzido no mercado em 1982 e era designado para o uso em automóveis. O aparelho. . Conhecido como Motorola DynaTAC 8000X. começou a ser vendido a partir de 1983. pesava quase 1 quilo e custava cerca de 4 mil dólares.Evolução do design dos telemóveis – “Do tijolo ao Iphone” Motorola DynaTAC 8000X Em 1973. possuía como características a robustez e formas muito quadradas. sua bateria permitia uma hora de conversação e a memória armazenava 30 números de telefones. Nokia Mobira Senator Este telemóvel tem a particularidade de ter sido o primeiro telemóvel a ser produzido pela a Nokia (líder do mercado actual). Podia não ser exactamente bonito. a Motorola exibiu um protótipo do primeiro telefone portátil do mundo. que media mais de 30 centímetros. mas permitia comunicação móvel.

fax e dispositivo de e´mails. foi um sucesso de vendas da Motorola. Motorola StarTAC (1996) Antes deste telemóvel chegar ao mercado. Com display monocromático. agenda. o Nokia 6160 foi o maior sucesso de vendas da companhia na época. Possuía estilo clamshell. lançado em 2000. calculadora. . antena externa e 13 centímetros de altura. Trata-se de um objecto mais funcional o seu design também é ligeiramente diferente dos que existiam na altura. mas á cerca de vinte anos atrás a IBM lança Simon Personal Communicator o primeiro telemóvel com funções de handheld. os telemóveis eram mais funcionais do que bonitos mas este pequeno e leve telefone móvel mostrou que estilo passou a constituir uma característica importante . vinha em diversas cores e era um pouco menor: media apenas 10 cm de altura e pesava apenas 90 gramas. Nokia 6160 (1998 e Nokia 8260 (2000) No final dos anos 1990. este aparelho pesava cerca de 80 gramas e podia ser facilmente preso ao cinto. contra as 170 g do 6160. ele executava funções de pager. a partir deste modelo as empresas passaram a preocupar mais com o design e funcionalidade dos telemóveis. O Nokia 6260.IBM Simon Personal Communicator (1993) Actualmente um pda não é novidade. os telemóveis em estilo candybar da Nokia eram o supra-sumo da comunicação móvel.

tinha design giratório. Em 2002. ficou célebre pelo estranho design curvo e pelo fato de se ter que segurá-lo de lado para fazer chamadas. Ele capturava imagens em VGA (640 por 480 pixels) . Sanyo e Sprint lançaram o Sanyo SCP-5300 PCS. ele causou uma pequena sensação no mercado. em 2003.Danger Hiptop (2002) Nomeado como o melhor produto de 2003 pela edição norte-americana de PC WORLD. o Danger Hiptop tinha funções activadas por voz que eram apenas medíocres. e-mails e mensagens instantâneas. Sanyo SCP-5300 (2002) Hoje. Mas. . por ser o primeiro a introduzir a combinação de jogos portáteis com a função de telemóvel. o primeiro telemóvel do gênero disponível no mercado norte-americano. Além disso. o cenário era bem diferente. é fácil encontrar câmeras fotográficas em telemóveis. há alguns anos atrás. Em vez disso. mas com o tempo acabou por decepcionar os fãs de jogos por não corresponder ás expectativas. Nokia N-Gage (2003) Quando o Nokia N-Gage foi lançado. mas foi um dos primeiros telemóveis a oferecer funções reais de acesso à web.

Complementam as especificações do gadget uma câmera de 2 megapixels e a habilidade de sincronizar a biblioteca do iTunes com o telefone. .Apple Iphone Este telemóvel foi o maior sucesso da empresa Apple até ao momento. Ele repõe esta característica com uma tela sensível ao toque. tem uma inovação em design: não traz teclado e formas simples mas elegantes.

o telemóvel apresentava linhas simples que não cativavam. pois qualquer sistema ou interface será utilizado por pessoas em alguma instância. O aparecimento do telemóvel deu. O equipamento utilizado por Cooper. . pela mão de Martin Cooper.6 de espessura. o seu peso era superior a um quilo. Segundo o teórico de design Klaus Krippendorff . Esse acontecimento histórico ocorreu em Nova Iorque. designado em Portugal como telemóvel. media cerca de 25 cm de altura.Análise do objecto – Teoria segundo “The semantic Turn” – Klaus Krippendorff Tal como referido anteriormente a necessidade do ser humano de comunicar á distância constituiu o elemento fundamental para o desenvolvimento do telefone e mais tarde o telefone portátil. na esquina da rua 56ª com a avenida Lexigton. aquele que é considerado o pai do telemóvel. foi ele que fez a primeira chamada publica de um telemóvel. perante a estupefacção dos transeuntes nada habituados a ver alguém a passear de telefone na mão na rua. em alguma instância. Deve-se ter sempre em mente o facto de que qualquer interface ou sistema desenvolvido será. O ser humano deve ser visto como elemento fundamental para o projecto de produtos ou sistemas. Disto se entende que o real conhecimento das características humanas informará ao designer como conduzir as soluções ao encontro dos requisitos da tarefa e às necessidades do utilizador. utilizado por pessoas. a tecnologia não existe isoladamente. As suas dimensões eram monstruosas em comparação com as dos telemóveis actuais.se precisamente no dia 3 de Abril de 1973. mas temos que nos cingir á época e perceber que o design constituía uma factor secundário. Nessa altura o design do objecto não constituiu o factor primordial. foi a Motorola DynaTAC 8000X era o antepassado dos actuais telemóveis. o importante foi revelar a tecnologia e a capacidade potencial do objecto.8 de largura e 7. por 3.

Klaus defendia que os designers estão essencialmente preocupados com os artefactos que não existiram até hoje e começam a dar mais atenção a aspectos de variação. Sendo assim o consumidor passa a escolher pelo o prestigio da marca. dos desejos e do que satisfaz. cria uma personalidade capaz de conquistar a fidelidade do consumidor. a diferença tecnológica entre telemóveis de diferentes fabricantes tem vindo cada vez mais a ser reduzida. Valorizar o design do telemóvel é garantir competitividade ao produto e desenvolvimento à empresa que o produz. Telemóveis diferentes. A diversidade de utilizadores impossibilita o entendimento de um perfil sem uma especificação de contexto.Portanto com a consolidação da tecnologia através do aperfeiçoamento dos sistemas electrónicos (microprocessadores e transístores) e com um vasto leque de opções de produto. com que o analisamos até agora podemos aplicar essa ideia com o que aconteceu com a evolução dos telemóveis. Entender a natureza de gostos que uma pessoa ou grupo de pessoas possui é difícil e exige esforços de pesquisa que vão além das habituais pesquisas de mercado. É aí que o design do objecto passa a ter uma papel mais importante. . que no inicio apresentavam formas muito quadradas e sem design nenhum. pelo o preço e pelo o design do produto. as empresas agora teriam que cativar os seus clientes através de outra forma. Todo o desenvolvimento que seja pensado para o utilizador também implica ter conhecimento das motivações. praticamente funcionam de maneira tão precisa quanto ao do seu concorrente. o designer ao garantir inovação estética e consequente a sua diferenciação. hoje o telemóvel comum pode ser considerada com uma objecto que engloba o design puro e como artefacto de “decoração”. portanto actualmente as empresas de telemóveis optam por design com linhas elegantes e formas apelativas. por oposição á generalização.

com a possibilidade de ver as pessoas em 3D.Proposta do Produto . . acreditamos que imaginar de forma distorcida da realidade actual poderá trazer propostas interessantes quanto ao nosso futuro tecnológico. Num recente concurso que promovia a previsão do aspecto do telefone do futuro. segundo ele teremos uma telemóvel que usaremos que será capaz de criar fantásticas imagens a três dimensões com as quais interagiremos.2020 A opinião do grupo em relação ao telemóvel ao aspecto e funcionalidades do telemóvel é de que este irá tornar-se ainda mais interactivo. no entanto são este tipo de propostas e ideias que nos fazem olhar num caminho diferente da visão comum. A história já demonstrou que o ridículo do passado. achamos a ideia do designer japonês Mac Funamizu muito interessante e arrojada. neste momento a tecnologia ainda está numa fase muito embrionária.através de imagens projectadas no espaço (holografia). pode ser o que nos faça sorrir no futuro.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->