0

Universidade Estadual de Goiás Unidade Universitária de Itaberaí Licenciatura Plena em Pedagogia

Alline Cristina Ferreira Silva Núbia Antônia da Silva

Teatro na Educação Infantil

Itaberaí Dezembro/2010

Itaberaí Dezembro/2010 . A.) sob orientação do professor Arcângelo Scolaro.1 Universidade Estadual de Goiás Unidade Universitária de Itaberaí Licenciatura Plena em Pedagogia Alline Cristina Ferreira Silva Núbia Antônia da Silva Teatro na Educação Infantil Projeto de TCC apresentado como requisito para avaliação da disciplina Projeto de Pesquisa (A. E.

. aos professores que nos guiam pelos caminhos do saber e transformam a nossa maneira de pensar e ser pessoas críticas. é meu alicerce.2 Dedico este trabalho a minha família que é meu ponto de apoio.

Meus amigos de sala por todos momentos felizes e tensos que passamos nestes três anos. . Aos meus pais por me apoiarem nas minhas decisões. Aos professores por ter paciência e dedicação com nossa turma e por ser pesquisadores que aprimoram os conhecimentos que nos são transmitidos. que me dá cada vez mais forças para concluir o curso.3 Ao meu filho.

...................... 5 Justificativa ................................ 8 Revisão Bibliográfica ........... 8 Objetivos ................... .................................................................... 6 Problemática ................ ...... 9 Referências Bibliográficas ....................................... ....... ........................................................................... 8 Objetivo Específico .................... ........................... 8 Objetivo Geral ........................... . 12 ......... .................................4 Sumário Introdução ... .................................. ......... ...................... ...... ................ .................................. ........................................................................................ ........................ .......................

. os parâmetros da educação infantil e do ensino fundamental. que abrange o desenvolvimento da criança na utilização do teatro no ensino infantil. Jian Piaget. onde contém o tema. Olga Reverbel. Os autores que serão citados e utilizadas a sua s teorias são. como o professor pode trabalhar o teatro.5 Introdução Este projeto foi elaborado por exigência da disciplina de trabalho de conclusão de curso. e a sua importância no ensino. ³Teatro na Educação Infantil´.

ética. impostação da voz. Muitos acreditam que o teatro é voltado para a cultura erudita. 141. leitura. Mais o teatro somente proporciona para a criança aprendizado se está direcionando para a área pedagógica. cidadania e religiosidade. . quanto a comunidade escolar que nela habita. vocabulário. redação. Como Piaget cita a criança desde quando aprendem a imitar ela imagina e re-cria da forma que absorveu as cenas do cotidiano em brincadeiras com bonecas. sentimentos. com outras crianças. reportagens. Pessoalmente me motivou por ser um objeto de estudo que pode atingir todas as classes sociais. confecção de figurino. o tema tem importância pelo o teatro desenvolver a capacidade da criança em entrosar com outras pessoas. tendo como subclasses as metamorfoses de objetos. fábulas.6 Justificativa O tema ³Teatro na Educação Infantil´. improvisar. interdisciplinaridade. habilidades para artes plásticas (pintura corporal. tendo duas funções divertir e educar. foi escolhido por motivos pedagógicos por abranger diversos aspectos no desenvolvimento da criança no âmbito escolar. Então.´ (PIAGET. expressão corporal. criando improvisadamente um pequeno teatro. representando estórias e contos que ouviram. 2009). contato com as diversas obras clássicas. pág. as criações de brinquedos imaginários. Também oportunizar pesquisa. as transformações de personagens e a representação em ato de estórias e contos. as vivificações de brinquedos. montagem de cenário). as criações de brinquedos. transformando e proporcionando aprendizado tanto para os alunos. adquirirem auto -confiança e imaginação e organização do pensamento. o teatro em escolas de comunidades é um bom exemplo disse. a oralidade. [«] ³Jogos de imaginação. Começaram então a interpretar em suas brincadeiras. O teatro popular ele contém a linguagem simplificada. mais nos dias atuais foram criados teatros para as camadas populares.

faz parte necessária e de extrema importância para capacitar a criança para sua vivência e participação na sociedade. ³O professor tem que contar com um vasto repertório de atividades. musical. pág. Para eles. elas jamais seriam adultos educados e bons cidadãos. é fascinante ver que um adulto pode emprestar sua voz e seu corpo para dar vida a um personagem bem como ter a personalidade de também assim o fazerem´.´ (REVERBEL. fábulas e poemas. A arte teatral. para que ocorra esse método de ensino. Para a Educação Infantil o que chama mais atenção das crianças é o teatro de fantoches. proporcionando alegria para os pequeninos.´ (REVERBEL. 12. dança e literatura na antiguidade já tinha seu valor educacional. Portanto como esclarece Platão o lúdico no geral. onde os atores utilizam muita criatividade. Platão já dizia ³que todas as crianças deviam participar de todas as formas de jogos adequadas ao seu desenvolvimento. para o aut or Abasto trata-se de que ³Os bonecos constituem um poderoso estimulo para o desenvolvimento da linguagem nas crianças pequenas. dificultando o ensino aprendizagem. onde seja não é recente. 1989). O teatro infantil é uma representação cênica feita para crianças. como a autora Reverbel explicita em sua citação. . pois sem essa atmosfera lúdica. imaginação. Utilizando -se de temas como contos de fadas. 35. as escolas não contam com professores qualificados. 1989). pois com isso facilita o desenvolvimento de projetos pedagógicos. criadas em função dos interesses e necessidades dos alunos e adequadas ás diferentes faixas etárias. Tendo o professor que respeitar os interesses dos alunos e seu rimo de desenvolvimento. espaço. recursos financeiros e entre outros. coo na Grécia. fantasia e emoção. O professor tem o importante papel de perceber a personalidade e comportamento em seu meio. afinal elas sempre demonstrarão interesse na audição das histórias contadas pelos ³amigos´ bonecos. pág.7 Apesar de o teatro trazer tantos benefícios.

Objetivo Específico Analisar o tetro voltado para a cultura popular. Objetivos Objetivo Geral Demonstrar a importância do Teatro na Edu cação em seus aspectos: cultural. social e pedagógico.8 Problemática Como aproveitar as potencialidades do teatro na Educação Infantil sem esquecer que é uma arte. . Discutir a aplicação pedagógica do teatro nas séries ini ciais.

escrita. abrangendo uma reflexão acerca das posturas corporais implicadas nas atividades cotidianas. o brincar é parâmetro para o desenvolvimento integral da criança. entre outras. possibilitando o desenvolvimento de sua autonomia e identidade. verbal. pois ao mesmo tempo que aprende. 15. como cita nos PCN de arte: Dramatizar não é somente uma realização de necessidade individual na interação simbólica com a realidade. e da complexidade sócio -cultural da sociedade que é pertencente. proporcionando condições para um crescimento pessoal. A arte é um instrumento fundamental para a educação. Ao participar de atividades teatrais o individuo tem a .9 Revisão Bibliográfica O teatro na educação se faz de extrema importância no desenvolvimento da criança. bem como atividades voltadas para a ampliação da cultura corporal de cada criança. ligada ao desenvolvimento e aprendi zagem da criança. Por meio da brincadeira e da fantasia que a criança se apropria do mundo adulto. em sua introdução explicita que: ³O trabalho com movimento contempla a multiplicidade de funçõ es e manifestações do ato motor. mas uma atitude coletiva em que a expressão individual é acolhida. O (RCNEI) Referencial Curricular Nacional da Educação Infantil. também se diverte. Neste movimento o teatro abrange as expressões de comunicação. (RCNEI. apresentando o movimento como uma importante dimensão no desenvolvimento da cultura humana. pág. propiciando um amplo desenvolvimento de aspectos específicos da motricidade das crianças. 2002). plástica. O teatro trabalha uma linguagem que oportuniza formas de man ifestação que permite que a criança utilize as diferentes formas de linguagem da sociedade como a corporal. quanto em gr upo. das regras. em seu 3° volume. a criança analisa e avalia o re sultado de suas ações interagindo de maneira eficaz no meio social em que vive. Na Educação Infantil. e torna mais interessante a aula em si. expressando suas vivências e experiências de forma mais crítica e com isso. de acordo com os parâmetros curriculares nacionais o individuo organiza as suas ações tanto individualmente.

isto é. aprendendo a ouvir.´ (REVERBEL. Então o papel do professor é de fundamental importância para a criança ao iniciar a Educação Infantil. para poder orientar e estimular a individualidade da criança. a criação é estimulada a descobrir gradualmente a si própria. 25. Sendo assim. Nesse sentido. danças. os sujeitos jogam para os outros que os observam. pois. pág. para a criança. representando contos e estórias. ela imagina. Piaget em seus estudos mostrou que a criança desde quando desenvolv e a habilidade de imitar. estabelecendo relações entre o individual e o coletivo. e observam os outros que jogam. onde o ambiente seja oferecido com liberdade e respeito. 1989). peças teatrais e entre outros. com a finalidade de organizar a expressão de um gripo. o que ocorre é que nas classes ³dominadas´. o ensino de teatro é fundamental. onde a classe dominante fazem suas ideias. como a autora Reverbel cita: O meio natural de aprendizagem. re -cria e cria situações vividas em seu cotidiano. ou seja a pobreza.´ (Parâmetros Curriculares Nacionais. pelo contrário. ao outro e ao mundo que a rodeia. O jogo de imitação e criação encontra-se no início de todo ensino de arte. a acolher e a ordenar opiniões. Como vivemos em uma divisão de classes. procure entender mais sobre o assunto. Os jogos teatrais são procedimentos lúdicos com regras explícitas. produzem em suas comunidades suas artes. todos são atores.10 oportunidade de se desenvolver dentro de um determinado grupo social de maneira responsável. mais não quer dizer que os subalternos não produzem sua própria cultura. o teatro na escola oferece uma . onde todos podem ter acesso e ser espectadores. no jogo dramático ente sujeitos todos são ³fazedores´ da situação imagi nária. é o jogo. 83. tanto na escola. É de grande importância que os professores ao introduzir ao ensino de teatro. 2001). A criança ela aprende atuando portanto o professor tem a função de lhe dar oportunidades de atuar. legitimando os seus direitos dentro desse contexto. que se alteram nas funções de atores e de público. utilizar de pesquisa. considerando o nível de desenvolvimento da criança atualmente. respeitando as diferentes manifestações. quanto for a dela. através dos jogos de imitação e criação. como nas brincadeiras com bonecas. já no jogo coletivo ou seja de grupo dividem -se em ³times´. pág. onde produzem músicas. esta criança está na idade de vivênciar o processo de socialização e estabelecer amizades.

emocional ou cognitivo. pág. . 3. Ainda que as trocas de experiências entre crianças sejam respeitados. que a criança compreenda e contemple a diversidade da produção artística.11 alternativa de ensino. também que haja a possibilidade do uso de diferenciados materiais que sejam manipulados e transformados. 33) manifesta-se primordialmente através da imitação. Tudo isto baseado em conta o prazer lúdico como gerador do processo de produção. seja como processo para o desenvolvimento das atividades do currículo. Cabe ao professor organizar situações em que ocorram interações de aprendizagem que representem personagens diferenciados possibilitando ações e reações seja no âmbito afetivo.2 (p. O faz-de-conta no trabalho com a Educação Infantil segundo o RCNEI vol. O professor deve estar atento no redimensionamento das atividades propostas quando houver necessidade. O RCNEI vol. 31. seja como oficina de apoio das atividades curriculares. 107. inclusive nas produções individuais.

.12 Referências Bibliográficas BRASIL. 2001.3 ed. Brasília. Referencial Curricular Nacional da Educação Infantil. 1989.Rio de Janeiro: LTC. Jean. Um Caminho do Teatro na Escola. Olga. . Ministério da Educação. imagem e representação/ Jean Piaget. 2001. Ministério da Educação. São Paulo: Scipione. REVERBEL. tradução de Álvaro Cabral e Cristiano Monteiro Oiticica. jogo e sonho. 2009. Parâmetros Curriculare s Nacionais. PIAGET. BRASIL. A formação do símbolo na criança: imitação. . Brasília.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful