P. 1
Prova Escrita de Português

Prova Escrita de Português

|Views: 1.467|Likes:
Publicado porJoão Matos

More info:

Published by: João Matos on Jan 20, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/09/2013

pdf

text

original

Prova Escrita de Português

12.º Ano de Escolaridade Prova 639/1.ª Fase 8 Páginas
Duração da Prova: 120 minutos. Tolerância: 30 minutos.

2008

Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta. Não é permitido o uso de corrector. Em caso de engano, deve riscar, de forma inequívoca, aquilo que pretende que não seja classificado. Não é permitido o uso de dicionário. Escreva de forma legível a numeração dos grupos e/ou dos itens, bem como as respectivas respostas. Para cada item, apresente apenas uma resposta. Se escrever mais do que uma resposta a um mesmo item, apenas é classificada a resposta apresentada em primeiro lugar. As cotações dos itens encontram-se na página 8. Nos itens de resposta fechada, as respostas ilegíveis, ou em que apresente mais do que uma alternativa (ainda que inclua a correcta), são classificadas com zero pontos. Para responder aos itens de escolha múltipla, escreva, na folha de respostas, • o número do item; • a letra identificativa da alternativa correcta. Para responder aos itens de associação, escreva, na folha de respostas, • o número do item; • o número identificativo de cada elemento da coluna A e a letra identificativa do único elemento da coluna B que lhe corresponde.

GRUPO I A Leia, atentamente, o texto, constituído por cinco estâncias de Os Lusíadas, transcritas do Canto IX. Que as Ninfas do Oceano, tão fermosas, Tétis e a Ilha angélica pintada1, Outra cousa não é que as deleitosas Honras que a vida fazem sublimada2. Aquelas preminências3 gloriosas, Os triunfos, a fronte coroada De palma e louro, a glória e maravilha, Estes são os deleites desta Ilha. Que as imortalidades que fingia A antiguidade, que os Ilustres ama, Lá no estelante Olimpo4, a quem subia Sobre as asas ínclitas da Fama, Por obras valerosas que fazia, Pelo trabalho imenso que se chama Caminho da virtude, alto e fragoso, Mas, no fim, doce, alegre e deleitoso, Não eram senão prémios que reparte, Por feitos imortais e soberanos, O mundo cos varões que esforço e arte Divinos os fizeram, sendo humanos. Que Júpiter, Mercúrio, Febo e Marte, Eneas e Quirino e os dous Tebanos5,

Ceres, Palas e Juno com Diana, Todos foram de fraca carne humana. Mas a Fama, trombeta de obras tais, Lhe deu6 no Mundo nomes tão estranhos De Deuses, Semideuses, Imortais, Indígetes7, Heróicos e de Magnos. Por isso, ó vós que as famas estimais, Se quiserdes no mundo ser tamanhos, Despertai já do sono do ócio ignavo8, Que o ânimo, de livre, faz escravo.
Est. Est. Est. Est. 89, 90, 91, 92, v. v. v. v. 1 9 17 25

Prova 639 • Página 2/ 8 Prova 639 • Página 3/ 8

E ponde na cobiça um freio duro, E na ambição também, que indignamente Tomais mil vezes, e no torpe e escuro Vício da tirania infame e urgente; Porque essas honras vãs, esse ouro puro, Verdadeiro valor não dão à gente: Milhor é merecê-los sem os ter, Que possuí-los sem os merecer.

Luís de Camões, Os Lusíadas, ed. prep. por A. J. da Costa Pimpão, 5.ª ed., Lisboa, MNE/IC, 2003 1 Ilha angélica pintada: representação, pintura de uma ilha linda, que lembra um lugar habitado por anjos. 2 sublimada: ilustre, célebre. 3 preminências (por preeminências): distinções, superioridades, honrarias, louros, prémios. 4 no estelante Olimpo: na brilhante morada dos deuses. 5 os dous Tebanos: Hércules e Baco. 6 Lhe deu: lhes deu. 7 Indígetes: divindades primitivas e nacionais dos Romanos. 8 do ócio ignavo: do ócio indolente, preguiçoso.

Apresente, de forma bem estruturada, as suas respostas aos itens que se seguem. 1. Exponha, sucintamente, o conteúdo das três primeiras estâncias. 2. A «Fama» desempenha um papel fundamental no processo da imortalidade. Refira três dos aspectos evidenciados nesse desempenho, fundamentando a sua resposta com citações do texto. 3. Identifique a apóstrofe presente na estância 92 e explicite a intenção que lhe está subjacente. 4. Indique o modo das formas verbais «Despertai» (v. 31) e «ponde» (v. 33) e refira o respectivo valor expressivo. B Considere a seguinte opinião sobre Os Lusíadas:

«Mas o texto é complexo e, por vezes até, contraditório. Em certos momentos exibe uma face menos gloriosa; aquela em que emergem as críticas, as dúvidas, o sentimento de crise.»
Maria Vitalina Leal de Matos, Tópicos para a Leitura de Os Lusíadas, Lisboa, Editorial Verbo, 2004

Fazendo apelo à sua experiência de leitura de Os Lusíadas, comente, num texto de oitenta a cento e vinte palavras, a opinião acima transcrita.
Observações 1. Para efeitos de contagem, considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco, mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex.: /dir-se-ia/). Qualquer número conta como uma

única palavra, independentemente dos algarismos que o constituam (ex.: /2008/). 2. Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido.
Est. 93, v. 33

1 5 10 15 20 25 30

GRUPO II Leia, atentamente, o seguinte texto. Não creio que as classificações acrescentem o que quer que seja à fruição de uma obra de arte, seja ela literária ou de outra qualquer natureza; mas também não penso que a prejudiquem. Por isso, ao terminar a leitura de Memorial do Convento, ainda sob o império da fascinação que ela me provocou, surpreendi-me a interrogar: que livro é este? Que escreveu, que quis José Saramago escrever? Um romance histórico? Um romance realista? Uma alegoria? Uma parábola? Uma epopeia? Um conto de fadas? Uma história de amor? […] A resposta surgiu, inevitável, irrecusável por assim dizer: Memorial do Convento é tudo isso, um caleidoscópio, […] um espelho do real reinventado, diverso e complexo, à imagem e semelhança do mundo e dos homens que nele habitam e o fazem avançar. […] Este romance não é apenas um romance histórico, a sua duração transcende os limites cronológicos do quadro histórico em que à primeira vista parece encerrar-se […]. A cada passo surgem referências a acontecimentos que virão a produzir-se muito para além do marco temporal da história que nos é contada – a propósito dos damascos carmesins e dos panos verdes que ornamentam o coro da Igreja alude-se ao «gosto português pelo verde e pelo encarnado, que, em vindo uma república, dará bandeira» […]. É que, neste romance […], a história não é uma categoria imutável e fixa, mas a contínua respiração da realidade, rio cujas águas nunca param e nunca se repetem. […] A luta de classes. De outra coisa não fala este romance que por isso mesmo é também um romance realista – e uma epopeia. Às duas epígrafes1 que o autor lhe antepôs – uma do Padre Manuel Velho, a outra de Marguerite Yourcenar – poderia ter acrescentado uma terceira, extraída do conhecido poema de Brecht intitulado «Perguntas de um Operário

multifacetada como a vida. Memorial do Convento. Com o recurso ao termo «caleidoscópio» (linha 8). D. na folha de respostas. Segundo o autor. C. imprescindível. que começa por estes três versos: «Quem construiu Tebas. classificá-la torna-se A. o paralelismo com Memorial do Convento. no início de uma narrativa. o autor pretende sublinhar A. José Saramago. questionamento dirigido a outros críticos. ficou ainda por dizer que o romance deve muito da sua força narrativa ao estilo incomparável de Saramago. O antecedente do pronome «que» (linha 30) é A. impossível. única na sua singularidade. máxima. como orientação de leitura ou objectivos afins. homens vindos de todos os cantos do país. radical. de um capítulo.. / Mas foram os reis que transportaram as pedras?» É a uma pergunta análoga que o Memorial dá resposta. a das sete portas? / / Nos livros vem o nome dos reis. escreva. Com tudo isto. a semelhança com as anteriores epígrafes. O recurso a interrogativas (linhas 4-6) serve ao autor como A. D. etc. com o seu sangue e o seu suor hão-de construí-lo. 4. citação curta. ao seu perfeito domínio da língua portuguesa. Luís Francisco Rebelo. 5. colocada em frontispício de livro. 3. Com a transcrição do poema de Brecht (linhas 22-23).d. inadequado. Lisboa. «estilo incomparável» (linha 30). 25 anos da 1. o autor vê Memorial do Convento como uma obra A. 2. introdução à temática que vai desenvolver. B. «romance» (linha 29). levados à força outros como se gado fossem […]. C. D. 3 estreme: pura. à opulência de uma escrita em que o extremo rigor e a liberdade estreme3 se conjugam. emaranhada como um labirinto. Para assegurar a sua progénie2.. B. B. 1 epígrafe: fragmento de texto. na fruição de uma obra de arte. a variedade possível de epígrafes. rol de suspeitas decorrentes da leitura do livro. o número do item seguido da letra identificativa da alternativa correcta.ª edição: A recepção da crítica na época. o testemunho de um autor dramático. etc. 1. D. indiferente. efeito meramente retórico e estilístico. 2 progénie: descendência. C. Mas são os servos da gleba que. . sucessão.Letrado». s. um rei beato promete erigir um convento de franciscanos na vila de Mafra. Prova 639 • Página 4/ 8 Prova 639 • Página 5/ 8 Para responder aos itens de 1 a 6. Caminho. a que este livro é uma permanente homenagem. B. C. B. de uma composição poética. numa rara aliança em que nenhum deles é sacrificado pelo outro e antes mutuamente se enriquecem. atraídos pela esperança de melhor salário. obscura na sua multiplicidade.

Artes e Ideias (13-26/Fevereiro/2008): «Foi um visionário. Para responder. 5) Com a utilização da forma do verbo auxiliar modal «poderia» (linha 20). 1) Com o recurso a «É que» (linha 15). 6. apresente uma reflexão sobre a temática da dignidade humana e do respeito pelos direitos humanos no nosso tempo. dependência de uma construção negativa. com um mínimo de duzentas e um máximo de trezentas palavras. d) o enunciador estabelece uma lógica de finalidade. integração numa frase interrogativa indirecta. AB a) o enunciador exprime oposição em relação à ideia apresentada anteriormente. escreva. Num texto bem estruturado. no mínimo. Prova 639 GRUPO III A propósito do P. D. e) o enunciador exprime uma ideia de conclusão em relação ao referido anteriormente. um lutador pelo respeito da dignidade humana. inserção numa frase subordinada relativa. inclusão numa frase em discurso indirecto.e António Vieira. «língua portuguesa» (linha 30). um conselheiro avisado. b) o enunciador narra um acontecimento ilustrativo da ideia exposta. C. 3) Com a utilização da frase negativa iniciada por «De outra coisa não fala» (linha 18). 7. Para fundamentar o seu ponto de vista. ilustrando cada um deles com. 2) Com o recurso à conjunção «mas» (linha 16). de cujo nascimento (1608) se comemoram os quatrocentos anos. recorra. na folha de respostas. D. Observações . «perfeito domínio» (linha 30). da palavra dita e escrita». a dois argumentos. h) o enunciador explica a ideia expressa desde o início do parágrafo. um pregador da Capela Real.C. um humanista. pelo menos. o número identificativo de cada elemento da coluna A e a letra identificativa do único elemento da coluna B que lhe corresponde. c) o enunciador nega para afirmar com mais veemência. A colocação do pronome «se» (linha 32) em posição anteposta ao verbo justificase pela sua A. escreveu Guilherme d’Oliveira Martins no Jornal de Letras. o número do item. f) o enunciador apresenta o conteúdo da frase como uma possibilidade. 4) Com o recurso ao travessão duplo (linhas 19-20). g) o enunciador especifica a informação apresentada no segmento textual anterior. à frente do seu tempo. e um artífice. como houve muito poucos. B. um exemplo significativo. um diplomata.

........................................ 25 pontos 5.......................................................................... ...............................................................................................1................................................................ ............................................................................................................................................ ....... ......................................................................... 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) B........... ..................... FIM Prova 639 • Página 7/ 8 COTAÇÕES DA PROVA GRUPO I ...................... 50 pontos 1................: /dir-se-ia/).... 25 pontos 4................. 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 3. 25 pontos 2..................... 20 pontos Total ............................................................................. .......... ..... 25 pontos 6............. 1...... 25 pontos 7................................................................................................................................ independentemente dos algarismos que o constituam (ex................................ 100 pontos A........................................................................................................................... 30 pontos Correcção linguística ............................. 25 pontos 3............................................... 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 4............................................................ 2................... .................................. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex....................... ....... 30 pontos Conteúdo (18 pontos) Organização e correcção linguística (12 pontos) GRUPO II ........ 20 pontos GRUPO III .................................................. .. Para efeitos de contagem...................................................................................................... ................................. 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 2......................................................................................................................... Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido............................................................................................................ Qualquer número conta como uma única palavra....................................... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco..................................................................... 50 pontos Estruturação temática e discursiva ... 200 pontos Prova 639 • Página 8/ 8 ............................... .............: /2008/)..

............................................ 6 pontos Estruturação do discurso .............. C/3)......................... 3 Prova 639 • Página C/4/ 12 Cenário de resposta A resposta deve contemplar os seguintes aspectos: − A «Ilha» (incluindo as Ninfas e Tétis) é o prémio............................................. os louros (1............. 3 pontos ** A qualquer texto produzido pelo examinando que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos................... a recompensa dada aos marinheiros............ 3 pontos Correcção linguística . os «deleites» são os triunfos...........................................................................Correçao do exame A 1....ª estância).. no domínio da correcção linguística... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Expõe o conteúdo das três primeiras estâncias....ª .............. **Vide Factores de desvalorização.............. 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C)* ....................... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.... 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F)** ..... .......................................... ............ − os prémios concedidos pela antiguidade eram atribuídos a quem fazia o difícil percurso da virtude (2.... 6 N1 Expõe o conteúdo de uma das estâncias........................ 9 N2 Expõe o conteúdo de duas das estâncias..

......... 4.... 4 pontos Correcção linguística .... 3 pontos Cenário de resposta – Identificação da apóstrofe: «ó vós que as famas estimais... ..... ....................... 12 pontos Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Refere três dos aspectos evidenciados e fundamenta com citações do texto...ª estância).... 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F)** ... podendo ainda referir outro aspecto........................................ faz subir ao «estelante Olimpo» os varões.... alertando-os para o esforço que necessitam de fazer para despertarem do «ócio ignavo» e perseguirem o seu objectivo (a Fama)..................... 8 N1 Refere um dos aspectos evidenciados e fundamenta com citações do texto... Imortais.... ............. – Explicitação do sentido: interpelação directa aos portugueses. Prova 639 • Página C/5/12 Prova 639 • Página C/6/ 12 3... − é a «Fama» que.................................. daí terem recebido o prémio da imortalidade (3...................... 8 pontos Estruturação do discurso ... dá a conhecer os «feitos imortais e soberanos»... sem que o fundamente....................... 4 • Aspectos de organização e correcção linguística (F)** .................. OU Refere dois dos aspectos evidenciados.................................. – ........ ..... «trombeta de obras tais».................................................. mas não fundamenta com citações do texto...................................... 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C)* .. 2.......... * A qualquer texto produzido pelo examinando que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos........................................ ** Vide Factores de desvalorização.. − ............................. no domínio da correcção linguística. sem que o fundamente............ 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os seguintes aspectos: − é a «Fama» que............................. C/3)....... 12 N2 Refere dois dos aspectos evidenciados e fundamenta com citações do texto.............................. mas não fundamenta com citações do texto............estância)....... 20 pontos Critérios específicos de classificação ... − ................................................................................... 3 pontos Correcção linguística ....................................... ....................................................... 6 pontos Estruturação do discurso ............................................. − é a «Fama» que atribui os nomes que patenteiam a imortalidade dos humanos: «(…) Lhe deu no mundo nomes (…) / De Deuses... / (…)»...»...................................... − os deuses não passam de humanos que praticaram feitos de grande valor................................... sobre as suas «asas ínclitas»............................... podendo ainda referir outro aspecto...............20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C)* ................... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.. Semideuses..... OU Refere três dos aspectos evidenciados...

.......... C/3)..... 3 Cenário de resposta A resposta deve contemplar os seguintes aspectos: – As formas verbais «Despertai» e «ponde» desenvolvem e completam a exortação começada na estância 92............ ........................... neste caso.................. **Vide Factores de desvalorização........... um apelo........ Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Indica o modo imperativo e refere o respectivo valor expressivo das formas verbais................. 4 pontos ** A qualquer texto produzido pelo examinando que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos......................... no domínio da correcção linguística. – o modo imperativo não exprime uma ordem.. 4 pontos Correcção linguística ................................ ............................................. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.. 6 N1 Identifica a apóstrofe......................... ** A qualquer texto produzido pelo examinando que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos.......................... – apontam as acções principais para os que desejam a fama (despertar do ócio............. no domínio da correcção linguística......... 7 pontos Correcção linguística ......... C/3)..................... mas não explicita a intenção que lhe está subjacente......................................................... refrear a cobiça. a ambição e a tirania).................... 8 N1 Indica o modo imperativo... 8 pontos Estruturação do discurso .............. a resposta deve incidir nos conteúdos programáticos «Reflexões do Poeta: críticas e conselhos aos portugueses»...................... 12 N2 Refere o valor expressivo das formas verbais.. 30 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C)* ............ dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p......... B.................................. mas não a identifica........... 18 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F)** .. 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F)** ..................• Aspectos de conteúdo (C)* .............................. 5 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de resposta aberta –............. mas não refere o respectivo valor expressivo das formas verbais............... **Vide Factores de desvalorização.... 4 Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Identifica a apóstrofe e explicita a intenção que lhe está subjacente........ 12 pontos Estruturação do discurso .. – ................. ...... mas uma exortação......... mas não indica o modo imperativo. 9 N2 Explicita a intenção que está subjacente à apóstrofe.......................................

.... Nos casos em que.... depois de aplicados todos os critérios definidos para o item........... até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos.............. 18 N2 Comenta com qualidade e coerência a opinião transcrita......Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Comenta com qualidade e coerência a opinião transcrita.. Resposta correcta: C.... embora não respeitando a instrução dada..... Resposta correcta: A.. Resposta correcta: B...... mas sem referências a Os Lusíadas.... fazendo referências pertinentes a Os Lusíadas..................... – mobilização de conhecimentos linguísticos e metalinguísticos..... 6 Prova 639 • Página C/7/ 12 Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item................. 5 pontos 2........: /2008/)......... registe a resposta correcta de forma inequívoca...... a resposta em que o examinando.. – identificação da função das componentes do conhecimento linguístico na estruturação de textos/discursos........................................ – apreensão dos valores semânticos e pragmáticos resultantes do uso de estruturas linguísticas.. bem como avaliar conhecimentos relativos ao funcionamento da língua....... 50 pontos Todos os itens deste grupo visam avaliar a competência de leitura de um texto expositivo-argumentativo............... para efeitos de classificação............................ resultar uma classificação inferior a zero (0) pontos..... Ao classificar as respostas do examinando...................... 5 pontos 3.... Deve ser considerada. deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra (a mais ou a menos)................... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco... Qualquer número conta como uma única palavra......................... 1.......... Nota – Para efeitos de contagem........ é atribuída à resposta a classificação de zero (0) pontos................ mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex.............................. ou com referências irrelevantes........................ o professor classificador deve observar o domínio das seguintes capacidades: – compreensão do sentido do texto......... da aplicação deste factor de desvalorização.. através de um processo diferente do requerido.... GRUPO II ..... independentemente dos algarismos que o constituam (ex.................... 5 pontos ........................... 12 N1 Comenta a opinião transcrita de forma pouco consistente e sem quaisquer referências a Os Lusíadas..... (Situação representada pela alínea a) na grelha de classificação)..........: /dir-se-ia/).........

... 1(4 pontos) Chave A ............. resultar uma classificação inferior a zero (0) pontos......................... Resposta correcta: C......... ao classificar o texto do examinando....... 50 pontos A produção de texto visa avaliar a expressão escrita do examinando........ (Situação representada pela alínea a) na grelha de classificação. 1(12 pontos) • Estabelece duas correspondências correctas........ 20 pontos • Estabelece cinco correspondências correctas................ da aplicação deste factor de desvalorização.........) Nos casos em que................ B 1) ....... Tratando-se de um item de resposta aberta extensa............................................ 5 pontos Prova 639 • Página C/8/ 12 7.......... depois de aplicados todos os critérios definidos para o item..... Resposta correcta: B...................... ortográfico e de pontuação.............................. f) Prova 639 • Página C/9/ 12 GRUPO III .................................... a) 3) ....... h) 2) ............................................. é atribuída a esse item a classificação de zero (0) pontos................ Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item....................... o domínio das seguintes capacidades: – estruturação de um texto com recurso a estratégias discursivas adequadas à defesa de um ponto de vista e reflectindo a operação prévia de uma planificação produtiva................................... 5 pontos 5............... deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra (a mais ou a menos)......... 20 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de resposta aberta extensa –.... 5 pontos 6. até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos......... Nota – Para efeitos de contagem..... no qual se requer um texto de reflexão............................…………………………................... o professor classificador deve observar........................................... sintáctico. – produção de um discurso correcto nos planos lexical........................... .................. – elaboração de um texto coerente e coeso................... morfológico..... 1(8 pontos) • Estabelece uma correspondência correcta..................... Critérios específicos de classificação Estruturação temática e discursiva (C) * ……………….................... 1(16 pontos) • Estabelece três correspondências correctas............ Resposta correcta: D......................... 1(20 pontos) • Estabelece quatro correspondências correctas. g) 5) ..4.... c) 4) .......... 30 pontos Correcção linguística (F)** …………………………………………………………………. ...... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em .................................... não é apresentado cenário de resposta...........

– A qualquer texto. C/11 e C/12. sempre com eficácia argumentativa. – Mobiliza.). de forma a permitir a atribuição das respectivas classificações (27. reflectindo uma planificação prévia e evidenciando um bom domínio dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. N5. 12. e. pontuação. desenvolvimento. independentemente dos algarismos que o constituam (ex. N6. – Mobiliza informação diversificada. 21. recursos da língua (repertório lexical variado e pertinente.. cada um deles ilustrado com (pelo menos) um exemplo significativo.branco. com suficiente eficácia argumentativa: • produz um discurso coerente. que se encontram. no entanto. distintos e pertinentes. um ou outro traço dos níveis inferiores. evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho superiores (N9. 24. na sua atribuição. 30 N8 27 N7 – Trata. N3.. não sendo. procedimentos de modalização. – Redige um texto estruturado. N4 e N2) não foram explicitados. 18. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. 15 e 9 pontos) às produções que se encontrem numa das situações seguintes: evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho inferiores – N7. produzido pelo examinando. – Os níveis intermédios (N8. eventualmente com esporádicos afastamentos. o seu ponto de vista. ** Os níveis de desempenho deste critério – estruturação temática e discursiva – encontramse descritos nas páginas seguintes. Qualquer número conta como uma única palavra. 21. figuras de estilo. no domínio da correcção linguística. conectores diversificados e outros mecanismos de coesão textual.: /dir-se-ia/). admitida a atribuição de qualquer classificação diferente das indicadas. por . individualizadas. 27. apresentando. N1 –. no entanto. o tema proposto. com adequação. devidamente proporcionadas e articuladas entre si de modo consistente. – Mobiliza expressivamente. na descrição do nível superior correspondente. por alguns aspectos. C/3 ). mas integram-se também. justificados pela intencionalidade do discurso e marcados (com aspas ou sublinhados). – A classificação a atribuir à estruturação temática e discursiva é obrigatoriamente seleccionada de entre as definidas para cada um dos nove níveis de desempenho – 30. 15. o tema proposto. – Faz uso correcto do registo de língua adequado ao texto. pontuado. de forma inequívoca. há que atender aos princípios a seguir enunciados.: /2008/). portanto. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. • marca correctamente os parágrafos. • define. que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos. sem desvios. com adequação e intencionalidade. simultaneamente. ** Vide Factores de desvalorização. 9 e 6 pontos –. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos. • utiliza. uma informação ampla e diversificada: • produz um discurso coerente e sem qualquer tipo de ambiguidade. sem desvios. conclusão). N7 ou N5). Prova 639 • Página C/10/ 12 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva Pontuação N9 – Trata.

desenvolvimento. • define um ponto de vista identificável. • marca. • define com suficiente clareza o seu ponto de vista. – Utiliza o registo de língua adequado ao texto. – Redige um texto com deficiências de estrutura. desenvolvimento. mas com falhas esporádicas. embora sem incorrecções graves. porém. mas fá-lo de forma confusa. 18 N4 15 N3 – Trata globalmente o tema. o registo de língua adequado ao texto. evidenciando um domínio insuficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto em que não distingue com clareza três partes (introdução. conclusão). – Mobiliza um repertório lexical adequado. – Mobiliza informação suficiente. nem sempre com eficácia argumentativa: • produz um discurso globalmente coerente. • marca correctamente os parágrafos. a inteligibilidade. em geral. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados. porém. – Redige um texto estruturado. mas apresentando alguns afastamentos que afectam pontualmente a adequação global. que não afectam. a adequação geral do discurso. mas pouco variado. – Utiliza. articuladas entre si de modo pouco consistente. ou em que as mesmas se encontram insuficientemente marcadas. mas apresentando um único exemplo e pouco significativo. conclusão). • define o seu ponto de vista. apesar de algumas ambiguidades evidentes. em geral. com desequilíbrios de proporção mais ou menos notórios e com deficiências ao nível da articulação entre elas. individualizadas. • utiliza apenas os conectores e os mecanismos de coesão textual mais comuns. eventualmente com lacunas que não afectam. – Redige um texto pouco estruturado. • fundamenta a perspectiva adoptada em um único argumento ou em dois argumentos redundantes e não apresenta exemplos. proporcionais e satisfatoriamente articuladas entre si. desenvolvimento. ou apresenta exemplos pouco adequados. . reflectindo uma planificação prévia e recorrendo a mecanismos adequados de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. embora apresente desvios pouco relevantes. reflectindo uma escassa planificação prévia e evidenciando um domínio apenas suficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. apesar de afastamentos esporádicos. – Mobiliza pouca informação e com reduzida eficácia argumentativa: • produz um discurso com alguma coerência. 24 N6 21 Prova 639 • Página C/11/ 12 Prova 639 • Página C/12/ 12 N5 – Trata o tema proposto. correctamente os parágrafos. mas com desvios notórios. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados. • utiliza adequadamente conectores e outros mecanismos de coesão textual. conclusão). cada um deles documentado com (pelo menos) um exemplo apropriado.ambiguidades pouco relevantes. – Mobiliza um repertório lexical adequado e variado. mas nem sempre claramente inteligível.

• não define um ponto de vista identificável. sem manifestar consciência do registo adequado ao texto. por vezes. a comunicação. frequentemente. em número significativo. – Mobiliza muito pouca informação e sem eficácia argumentativa: • produz um discurso geralmente inconsistente e. • utiliza poucos conectores. afastamentos do registo de língua adequado ao texto. a construções paratácticas. ou um único registo inadequado. por vezes de forma inadequada e recorrendo. porque o compreendeu mal ou porque não se cinge a uma linha condutora e se perde em digressões. ininteligível. 12 N2 9 N1 – Aborda lateralmente o tema.• marca parágrafos. com os de outros tipos textuais. não raro redundante e/ou inadequado. desprovido de mecanismos elementares de coesão textual. sem critério. com impropriedades que não perturbam. 6 . – Utiliza vocabulário elementar e restrito. – Utiliza indiferenciadamente registos de língua. – Apresenta. • não cumpre a instrução no que diz respeito à tipologia textual ou apresenta um texto em que traços do tipo de texto solicitado se misturam. mas com incorrecções de alguma gravidade. porém. – Redige um texto com estruturação muito deficiente. – Utiliza um vocabulário simples e comum.

a seguir. Não é permitido o uso de corrector. • a letra identificativa da alternativa correcta. • a letra identificativa de cada afirmação e. GRUPO I A Leia. Para cada item. atentamente. viu parado um pardo ajuntamento de homens. Tolerância: 30 minutos. • o número do item. • o número do item.2 fase de 2008 Prova Escrita de Português 12. bem como as respectivas respostas. aquilo que pretende que não seja classificado. escreva. Afirmou-se melhor a princesa.º Ano de Escolaridade Prova 639/2. como se um dedo gelado lhe tivesse tocado na testa. o ar arrefecia. Voltou a chover. 2008 Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével. tornaram os atoleiros1. Para responder aos itens de escolha múltipla. deve riscar. rachavam-se como gravetos2 os raios das rodas. este frio. azul ou preta. alinhados na beira do caminho e atados uns aos outros por cordas. A tarde caía rapidamente. já não chegava o péssimo tempo que faz. e turbou-se de tão lastimoso espectáculo de grilhetas. Nos itens de resposta fechada. auxiliada pelo torpor emoliente dos caramelos com que aconchegara o estômago e por quinhentos passos de estrada sem buracos. De Montemor a Évora não vão faltar trabalhos. o texto a seguir transcrito. apenas é classificada a resposta apresentada em primeiro lugar. na folha de respostas. as respostas ilegíveis. virando os olhos ensonados para os campos crepusculares. apresente apenas uma resposta. e.ª Fase 8 Páginas Duração da Prova: 120 minutos. Em caso de engano. acordou com um grande arrepio. «V» para as afirmações verdadeiras ou «F» para as afirmações falsas. As cotações dos itens encontram-se na página 8. Maria Bárbara. em véspera das suas bodas. uma das letras. são classificadas com zero pontos. Não é permitido o uso de dicionário. escreva. teriam feito bem . Escreva de forma legível a numeração dos grupos e/ou dos itens. que enfim adormecera. e a princesa D. Se escrever mais do que uma resposta a um mesmo item. seriam talvez uns quinze. esta chuva. de forma inequívoca. partiram-se eixos. quando tudo devia ser ledice3 e regozijo. ou em que apresente mais do que uma alternativa (ainda que inclua a correcta). na folha de respostas. Para responder aos itens de verdadeiro/falso. não era sonho nem delírio.

foi e voltou. Cavalgava à estribeira um oficial a quem D.melhor se me casassem na primavera. que loucura. 1998 1 atoleiros: lugares de solo mole. não tocou com o dedinho rechonchudo a primeira pedra. não aliviou com bálsamo as dores que Sete-Sóis sente no coto do braço quando retira o gancho. Vários são os imprevistos da viagem que a princesa e a sua comitiva fazem. que crimes. Explicite o sentido do seguinte excerto: «turbou-se de tão lastimoso espectáculo de grilhetas. fundamentando a sua resposta com elementos do texto. Agora mesmo se lembrou de que. de Montemor a Évora. e agora vai Maria Bárbara para Espanha. Saiba vossa alteza que aqueles homens vão trabalhar para Mafra. uma névoa impalpável. Porque não vão de vontade. Lisboa. Memorial do Convento. Refira três desses imprevistos. Recostou-se a princesa nas almofadas. nunca foi a Mafra. 3 ledice: alegria. Ah. caduco e reformado. constrói-se um convento porque nasceu Maria Bárbara. já sabemos que bexigosa. José Saramago. as suas respostas aos itens que se seguem. o convento é para si como um sonho sonhado. há-de ser velho. 2 gravetos: galhos finos e secos de árvore ou arbusto. não sabe. 27. nas obras do convento real. querer um plebeu a uma princesa. são do termo de Évora. em . e ainda se recordará do mavioso diálogo. e disse. se a outra lembrança não serviria a memória. se os soltam fogem. afinal. e vai levada para Espanha. nem a segunda. para longe. passados todos estes anos. não enxugou as lágrimas da mulher que teve o seu homem esmagado. enquanto o oficial repetia e gravava em seu coração as doces palavras trocadas. como estará ela agora.. A princesa já não pensa nos homens que viu na estrada. não serviu com as suas mãos o caldo dos pedreiros. Maria Bárbara ordenou que mandasse saber que homens eram aqueles e o que tinham feito. gente de ofício. Prova 639 • Página 2/ 8 1 5 10 15 20 25 30 Apresente. que estranha coisa. 1. e Maria Bárbara não viu. cumpre-se o voto porque Maria Bárbara nasceu. e se iam para o Limoeiro ou para a África. Foi o oficial em pessoa. não pode sequer representá-lo na imaginação. de forma bem estruturada. e daí. pensativa. talvez por muito amar esta infanta. Caminho. 2. já sabemos que feia. pantanoso. ele. do seu puro e desesperado amor. E vão atados porquê. não a loucura.ª ed.

O mesmo não se passa com o casal Baltasar e Blimunda. Nessa história. dentro de uma tenda. que haveria de morrer na mítica batalha do Forte Álamo. Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido. 3. é que decidiram sobre o seu casamento. num texto de oitenta a cento e vinte palavras. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. A estranheza do título justifica uma explicação. na literatura do Far-West – que cuidava dele. independentemente dos algarismos que o constituam (ex. molhando-lhe a testa com água. Observações 1. Era uma aventura do David Crockett.: /dir-se-ia/). dia e noite.: /2008/). a certa altura. o David Crockett era emboscado por um grupo de índios. tratando das suas feridas e vigiando o seu coma. talvez oito ou nove anos – lembrome de estar deitado na banheira. Este livro reúne alguns dos textos que mensalmente e ao longo dos últimos anos fui publicando […]. Aí. Qualquer número conta como uma única palavra. e não ela. comente. a ler um livro de quadradinhos.véspera das suas bodas. ficava inconsciente e era levado prisioneiro para o acampamento índio. E. ela murmurava para o seu prostrado e inconsciente guerreiro: «não te deixarei morrer. o desbravador do Kentucky e do Tenessee. quase . esta frase e esta cena viajaram comigo para sempre. 4. Identifique um dos recursos de estilo presentes no último parágrafo do texto e comente a respectiva expressividade. Prova 639 • Página 3/ 8 Prova 639 • Página 4/ 8 GRUPO II Leia. quando tudo devia ser ledice e regozijo» (linhas 9 a 11). Para efeitos de contagem. cuja relação não foi imposta e na qual ninguém interfere. a relação amorosa de Baltasar e Blimunda. Fazendo apelo à sua experiência de leitura de Memorial do Convento. o seguinte texto. para que ele não passe como um mero exercício de estilo. Quando era pequeno – muito pequeno. David Crockett!» Não sei porquê. uma frase que sintetize o respectivo conteúdo. atentamente. B A reflexão da princesa Maria Bárbara – «teriam feito bem melhor se me casassem na primavera» (linhas 11 e 12) – revela que outros. havia uma índia muito bonita – uma «squaw». para cada uma delas. 2. em casa dos meus pais. levava com um machado na cabeça. Divida o texto em partes lógicas e apresente. considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco.

Iria. Com a afirmação «esta frase e esta cena viajaram comigo para sempre» (linha 14). apenas começada. comecei a compreender mais coisas sobre as emboscadas. 1. inconsciente. B. que queria correr mundo e riscos. do passado ao presente. os combates e o comportamento das índias perante os guerreiros inconscientes. só por isso. eu sobreviveria a todos os combates. a hipótese fantástica da felicidade para sempre. Banal. C. sofrer. de descobertas. por vezes. D. Foi aí que percebi que toda a minha interpretação daquela cena estava errada: o David Crockett representava sim a minha infância. B. A perífrase verbal em «e ao longo dos últimos anos fui publicando» (linhas 1 e 2) traduz uma acção A. no momento. tinha aquela frase gravada na pasta que usava em viagem. viver aventuras e desvendar Tenessees. sentiu a necessidade de preservar na memória o herói David Crockett. na folha de respostas. leu a história aventurosa e acidentada do desbravador David Crockett. escreva.. tomou consciência de que David Crockett era o símbolo da sua infância.] Miguel Sousa Tavares. um excesso de sentimentos e de sensibilidade. mais tarde. a ingenuidade e a fé. D. David Crockett. julgou que era David Crockett. 4. C. elementar. [. muito mais do que isso: uma espécie de pureza inicial. o mítico combatente de Forte Álamo. o autor assinala o momento em que A. no passado. o autor quer dizer que A.. levar pancada e ficar.obsessivamente. causalidade. fatalmente. Mas ao meu lado haveria sempre uma índia. posta em prática. Durante muito tempo. David Crockett!» E. transportava consigo. a minha crença de criança numa vida de aventuras. Lisboa. Na frase iniciada por «Foi aí que» (linha 23). B. que me passaria a mão pela testa quando eu estivesse adormecido e me diria: «não te deixarei morrer. Não Te Deixarei Morrer. 26. que vigiaria o meu sono e cuidaria das minhas feridas. . 2007 Para responder aos itens de 1 a 6. preservei-as à luz do seu significado mais óbvio: eu era o David Crockett. sempre que viajava. Oficina do Livro.ª ed. A locução «para que» (linha 2) permite estabelecer na frase uma relação de A. Mas mais. momentânea. Porém. se lembrava daquela frase e daquela cena sempre que viajava. um livro sobre David Crockett. C. no passado. «Nota Prévia». o número do item seguido da letra identificativa da alternativa correcta. repetida. 1 5 10 15 20 25 2.. de riscos e de encontros. 3. D. se sentia marcado para toda a vida por aquela frase e por aquela cena.

Mas não goza. O segmento textual «Este livro reúne alguns dos textos que mensalmente e ao longo dos últimos anos fui publicando» (linhas 1 e 2) constitui um acto ilocutório directivo. G. C. O uso de travessão duplo (linha 4) justifica-se pela necessidade de A. na frase. H. D. 20. 16. adquirir a imortalidade […]. Em «não te deixarei morrer. B. 12-13. o número do item.. destacar uma explicitação. B. Para responder. completamento. O uso repetido do nome «David Crockett» (linhas 6. Na frase «preservei-as à luz do seu significado mais óbvio» (linha 15). «tratando» e «vigiando» traduzem o modo continuado como a índia cuidava de David Crockett. entretanto. assegura a progressão temática. finalidade. escreva. da imortalidade divina. na folha de respostas. naturalmente. a função de predicativo do sujeito. B. a seguir. D. retoma. as formas verbais «molhando». Em «molhando-lhe a testa com água. D. os adjectivos têm um valor restritivo. A. A frase «que vigiaria o meu sono» (linha 18) é subordinada relativa restritiva. tratando das suas feridas e vigiando o seu coma» (linhas 10 e 11). Podem também surgir do seu túmulo e defender do inimigo a cidade que está colocada sob a sua protecção. Na frase «ela murmurava para o seu prostrado e inconsciente guerreiro» (linhas 11 e 12). «V» para as afirmações verdadeiras ou «F» para as afirmações falsas. O conector «Porém» (linha 22) introduz uma relação de oposição entre o que anteriormente foi dito e a ideia exposta posteriormente. uma das letras. assegura a coesão interfrásica do texto. 6. David Crockett!» (linha 12 e 13). . J. Prova 639 • Página 5/ 8 7. 7. 5. a letra identificativa de cada afirmação e. Os heróis podem. embora conserve até à morte um poder sobrenatural: deus caído ou homem divinizado. constitui um mecanismo de coesão lexical. E. o David Crockett (. I. C. C. Os vocábulos «batalha» (linha 7) e «combates» (linhas 20 e 23) mantêm entre si uma relação de antonímia. C.) ficava inconsciente» (linhas 7 e 8) desempenha. sinalizar uma conclusão.B. D. O antecedente do pronome relativo «que» (linha 10) é «uma índia muito bonita» (linha 9). marcar alteração de interlocutor. constitui um processo retórico.. Prova 639 • Página 6/ 8 GRUPO III O herói simboliza a união das forças celestes e terrestres. O constituinte «inconsciente» em «Nessa história. registar falas em discurso directo. 24) A. F. «te» e «David Crockett» são referências deícticas pessoais. o referente de «as» é «esta frase e esta cena» (linha 14).

.......... com um mínimo de duzentas e um máximo de trezentas palavras...................... 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) B. pelo menos............... ......................................25 pontos 2... no mínimo............................................................... a dois argumentos....................................... Observações 1.......... ................................ 50 pontos 1........................... recorra............... 200 pontos ......... trad........................................................................................ 1994 Num texto bem estruturado.......................... 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 2................................................................. ........ FIM Prova 639 • Página 7/ 8 Prova 639 • Página 8/ 8 COTAÇÕES DA PROVA GRUPO I .................................................................................. Qualquer número conta como uma única palavra......................................................................25 pontos 7... independentemente dos algarismos que o constituam (ex.................... mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex........: /dir-se-ia/)........................................................................... . .............: /2008/).....25 pontos 3...... um exemplo significativo.. 100 pontos A................................25 pontos 4................... 20 pontos GRUPO III .......................................................Jean Chevalier e Alain Gheerbrant............. ........................ ......... .................. 2................................................. Teorema........................ Cristina Rodriguez e Artur Guerra....................................................... 20 pontos Total ............ Para fundamentar o seu ponto de vista...................... ............................... 30 pontos Conteúdo (18 pontos) Organização e correcção linguística (12 pontos) GRUPO II ................... ilustrando cada um deles com.............................................. 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 3................................................................. considerando a importância da figura do herói na vida do ser humano..........................................................25 pontos 6................................................... Para efeitos de contagem.................................. «Herói».... 30 pontos Correcção linguística .. Lisboa.................................................. Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido........... ......................................................................................................................................................................................... 1. apresente uma reflexão sobre o que é afirmado no excerto................................ ........................... .... 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 4............................................... 50 pontos Estruturação temática e discursiva ................................... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco.............. in Dicionário dos Símbolos.25 pontos 5.................................

........................... 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 3................ 100 pontos A................................ 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 2....................................................................................................................................................................................................................................................... 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) ............. ......................................... ...................Correçao de 2008 2 fase 2008 COTAÇÕES DA PROVA GRUPO I ........................................................... ........... 1.............

...... 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) B..................................................... Itens de resposta aberta curta e de resposta aberta extensa A cotação é distribuída pelos parâmetros conteúdo (C) e organização e correcção linguística (F).................................... 50 pontos 1................................................................. ................................. .......................................... 20 pontos GRUPO III ........ • Os critérios de classificação referentes ao conteúdo apresentam-se organizados por níveis de desempenho.......................... .................................................................................... 1.. 50 pontos Estruturação temática e discursiva ........................ • Não há lugar a classificações intermédias... não assinalando inequivocamente a(s) que não deve(m) ser avaliada(s)................................................... ....... 25 pontos 2..................................................... 30 pontos Correcção linguística ..... No caso de omissão na identificação de um item............... 25 pontos 3................................................. ao responder a um item...................... ................................ deve procederse apenas à classificação da resposta apresentada em primeiro lugar.... 2........... ............ 25 pontos 5............................................... • As respostas que apresentem pontos de vista diferentes dos que são apresentados nos cenários de resposta......... mas que sejam considerados válidos e devidamente fundamentados......................................................................................................... for possível identificá-lo inequivocamente................................... – de escolha múltipla • As respostas em que é assinalada a alternativa correcta são classificadas com a cotação total do item.................. ............. – de verdadeiro/falso • A classificação é atribuída de acordo com o nível de desempenho......................................................................... pela resolução apresentada...................... 200 pontos CRITÉRIOS GERAIS DE CLASSIFICAÇÃO As classificações a atribuir às respostas dos examinandos são obrigatoriamente expressas em números inteiros...... 25 pontos 7................................ Itens de resposta fechada As respostas ilegíveis são classificadas com zero (0) pontos................ 30 pontos Conteúdo (18 pontos) Organização e correcção linguística (12 pontos) GRUPO II ...... ........................................ 20 pontos Total ............ ................. 25 pontos 6.................... seguindo os mesmos procedimentos previstos para os descritores apresentados............................................................................................................ Sempre que............................................................................ a resposta deve ser classificada se............................................... devem também ser classificadas.... • O afastamento integral dos aspectos de conteúdo relativos a cada um dos itens implica que a resposta seja classificada com zero (0) pontos................................................................................ • As respostas em que todas as afirmações são identificadas como verdadeiras ou como falsas são classificadas com zero (0) pontos............ • As respostas incorrectas são classificadas com zero (0) pontos...................... 25 pontos 4......................... .........................4.................... o examinando elabore mais do que uma resposta....

ausência de indicador(es) de corte de texto. Se. é atribuída aos aspectos de organização e correcção linguística a classificação de zero (0) pontos. depois de aplicados todos os critérios definidos para o item. deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra a mais ou a menos. se o examinando obtiver três (3) pontos nos aspectos de conteúdo. etc. translineação e uso convencional de maiúscula) deve proceder-se apenas a uma desvalorização. até cinco (1 x 5) pontos. • No Grupo I. aplicando-se sobre este valor os eventuais descontos relativos aos factores de desvalorização no domínio da correcção linguística. no domínio da correcção linguística (F). • Os descontos por erro de citação de texto ou de referência a uma obra são efectuados até ao máximo de cinco (5) pontos na totalidade da prova. aplicando-se sobre este valor os eventuais descontos Prova 639 • Página C/2/ 12 relativos aos factores de desvalorização no domínio da correcção linguística.• Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item. 3. os descontos relativos aos aspectos de organização e correcção linguística (F) recaem sobre um terço da totalidade da cotação inicialmente prevista para este parâmetro. Factores de desvalorização. etc. ou por cada erro de ortografia (incluindo acentuação. • Os descontos por aplicação dos factores de desvalorização no domínio da organização e correcção linguística são efectuados até ao limite das pontuações indicadas para este critério.) é descontado um ponto. a classificação a atribuir aos aspectos de organização e correcção linguística será de dois (2) pontos. nos casos em que a classificação referente aos aspectos de conteúdo (C) for igual ou inferior a um terço do previsto para este parâmetro. da aplicação dos factores de desvalorização no domínio da organização e correcção linguística. • Por cada erro de citação de texto (uso indevido ou não uso de aspas. • Os descontos por erro de utilização de letra maiúscula são efectuados até ao máximo de cinco (5) pontos na totalidade da prova.) ou de referência a uma obra (ausência de sublinhado ou não uso de aspas no título. Exemplo: Num item cotado com nove (9) pontos para os aspectos de conteúdo e seis (6) pontos para os aspectos de organização e correcção linguística. translineação e uso convencional de maiúscula) é descontado um (1) ponto. Prova 639 • Página C/3/ 12 CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE CLASSIFICAÇÃO E RESPECTIVOS CENÁRIOS DE RESPOSTA . • Por cada erro de ortografia repetido ao longo da prova (incluindo acentuação. • Por cada erro inequívoco de pontuação. resultar uma classificação inferior a zero (0) pontos. das respostas abertas curtas e extensas • Por cada erro de sintaxe ou de impropriedade lexical são descontados dois (2) pontos.

........ mas fundamenta a resposta apenas com um ou dois elementos do texto..... ser classificada.. 100 pontos Os itens deste grupo visam avaliar a competência de leitura de um texto literário e a de expressão escrita........ o professor classificador deve observar o domínio das seguintes capacidades: – compreensão do sentido global do texto.......... na base de informação explícita e de inferências...................... A 1.. ortográfico e de pontuação............................. através da identificação e da relacionação dos elementos textuais produtores de sentido. no seu contexto............... e o leitor....................... não coincidindo com as linhas de leitura apresentadas... no entanto...... OU Refere três dos imprevistos................... – interpretação do texto.. 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C)* ... sintáctico......... em igualdade de circunstâncias com respostas compreendidas nos cenários fornecidos........... – produção de um discurso correcto nos planos lexical.. mas não fundamenta a resposta com elementos do texto................... morfológico...................................... OU Refere dois dos imprevistos e fundamenta a resposta com elementos do texto.................. seja julgada válida pelo professor classificador... – adequação da resposta aos objectivos da pergunta.. 12 pontos Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Refere três dos imprevistos e fundamenta a resposta com elementos do texto... Deve........ 4 Prova 639 • Página C/4/ 12 ..... ...... – formulação de juízos de leitura pessoais e fundamentados.. OU Refere dois dos imprevistos........ .............. Ao classificar as respostas do examinando. 8 N1 Refere um dos imprevistos e fundamenta a resposta com elementos do texto............. – interpretação do texto.. Os cenários de resposta que a seguir se apresentam consideram-se orientações que têm em vista uma aferição de critérios........ 12 N2 Refere três dos imprevistos.......... mas não fundamenta a resposta com elementos do texto..GRUPO I ................ fundada no diálogo entre as referências textuais..... qualquer interpretação que.............

............... ............................................................... **Vide Factores de desvalorização........................... 15 pontos Critérios específicos de classificação .................................................... 4 Prova 639 • Página C/5/ 12 3............. 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C)* ............. «esta chuva» («este frio») – linha 11..... no domínio da correcção linguística..... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Explicita o sentido do excerto.......................... C/3).......................................... – desgaste do meio de transporte – «eixos» que se partem e «raios das rodas» que se racham «como gravetos» (linha 2).......................... – consequência dessa precipitação – «os atoleiros» (linha 2)........ – visão perturbadora de um «pardo ajuntamento de homens................................... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.............. ............... destacando o contraste entre os dois aspectos nele apresentados...................... 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar a ideia de contraste entre a vontade de festejar a anunciada felicidade «das suas bodas» (linha 11) e a visão da realidade brutal (a constatação da escravatura de homens no trabalho de construção do convento) negativamente conotada pelo adjectivo «lastimoso» e pelo nome «grilhetas» (linha 11)................. sem destacar o contraste nele apresentado.............................• Aspectos de organização e correcção linguística (F) .. mas refere de forma vaga e imprecisa o contraste nele apresentado... ............................. ............ 4 pontos Correcção linguística** ................. alinhados (…) e atados uns aos outros por cordas» (linhas 7-8).... 8 pontos Estruturação do discurso ........ – ...................... 4 pontos Correcção linguística** . 8 pontos Estruturação do discurso ..................... – ............................ 8 N1 Refere apenas o sentido de uma parte do excerto.............................. 2................... 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ..................................................... 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar três dos seguintes aspectos ou de outros considerados igualmente relevantes: – condições climatéricas adversas – «voltou a chover» (linha 1).... 12 N2 Explicita o sentido do excerto............................... ** A qualquer texto produzido pelo examinando que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos....................

..... apesar de existir porque Maria Bárbara existe.................. no domínio da correcção linguística................................. mais do que essa «névoa» abstracta........................ ... – a comparação – «o convento é para si como um sonho sonhado» (linhas 33-34) – sublinha que o convento não faz parte da realidade de Maria Bárbara.............. – a metáfora – «uma névoa impalpável» (linha 34) – traduz a incapacidade de Maria Bárbara para representar o convento...................... 9 pontos ** A qualquer texto produzido pelo examinando que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos....... não é.... 9 N2 Apresenta as frases que sintetizam o conteúdo de cada uma das partes do texto.......... 4........ dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.............. não aliviou...................... mas não comenta a respectiva expressividade.. 6 pontos Estruturação do discurso ............. não enxugou» (linhas 29-32) – realça o forte contraste negativo entre a indiferença da princesa face à construção do convento e essa construção como fonte de desgosto e de sofrimento para os trabalhadores.................. mas não apresenta as frases que sintetizam o conteúdo de cada uma......... não sabe........... Este..................... não tocou (…) não serviu... para a princesa.............. – .. mas não o identifica........• Aspectos de conteúdo (C)* ............ Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Divide o texto em partes lógicas e apresenta as frases que sintetizam o conteúdo de cada uma............ 3 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar apenas um dos recursos de estilo presentes no último parágrafo do texto e o comentário da respectiva expressividade: – a construção anafórica – «Maria Bárbara não viu.... sem imagens................. 3 pontos Correcção linguística** ...... **Vide Factores de desvalorização........................... «sonho sonhado» – redundância que reforça o afastamento do real............. C/3)................ 6 N1 Divide o texto em partes lógicas. 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C)* ............... É uma espécie de sonho inconsistente......... 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ...... delimitando-as.. 3 .... 3 Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Identifica um dos recursos de estilo e comenta a respectiva expressividade............ sem as delimitar................................... 6 N1 Identifica um recurso de estilo........ 9 N2 Comenta a expressividade de um recurso de estilo... ..................

..º parágrafo)................................................................ 3 pontos Correcção linguística** ........... 6 Prova 639 • Página C/7/ 12 Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item..........Prova 639 • Página C/6/ 12 • Aspectos de organização e correcção linguística (F) . mas sem referências à obra ou com referências irrelevantes..... – a curiosidade e a perturbação que a princesa revela perante o «pardo ajuntamento» (linha 7) e o amor do oficial pela princesa (último período do 1............ 18 N2 Comenta com qualidade e coerência a relação amorosa de Baltasar e Blimunda...................................... C/3)............... desde que apresente as frases que as sintetizem......... **Vide Factores de desvalorização........º parágrafo).......................... Nota: é considerada válida qualquer outra divisão do texto em partes lógicas.... OU Faz referências pertinentes à obra..................... 30 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C)* ............. mas não comenta a relação amorosa de Baltasar e Blimunda. 12 pontos Estruturação do discurso .......................... não são apresentados cenários de resposta............ 6 pontos Estruturação do discurso ...º e 2....... 5 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de resposta aberta –....................................... – a reflexão em torno do desinteresse da princesa por um convento que está a ser construído para celebrar o seu nascimento (3....................... ....... – .. deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra (a mais ou a menos).. Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação N3 Comenta com qualidade e coerência a relação amorosa de Baltasar e Blimunda.................. B....................... ** A qualquer texto produzido pelo examinando que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos........... ......................... no domínio da correcção linguística...................... 18 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ........... 7 pontos Correcção linguística** ............º períodos do 1. 12 N1 Comenta de forma pouco consistente a relação amorosa de Baltasar e Blimunda...... fazendo referências pertinentes à obra.................... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. 3 pontos Cenário de resposta A resposta deve apresentar frases que sintetizem o conteúdo de cada uma das partes encontradas: – os contratempos surgidos durante a viagem da princesa de Montemor a Évora (1......º parágrafo e o 2.............................. até ao ... sem referências à obra ou com referências irrelevantes..............º parágrafo).............................

.... F B........ 5 pontos 7........................... ...................... depois de aplicados todos os critérios definidos para o item.......... ....... 5 pontos 6..... 20 pontos • Assinala correctamente dez afirmações (20 pontos) • Assinala correctamente nove afirmações (16 pontos) • Assinala correctamente sete ou oito afirmações (12 pontos) • Assinala correctamente cinco ou seis afirmações (8 pontos) • Assinala correctamente três ou quatro afirmações (4 pontos) Chave A.. Prova 639 • Página C/8/ 12 GRUPO II ......... Resposta correcta: B................. Resposta correcta: A..................................................................: /2008/).............. .. resultar uma classificação inferior a zero (0) pontos. Resposta correcta: B............................... V Prova 639 • Página C/9/ 12 F......... 50 pontos Todos os itens deste grupo visam avaliar a competência de leitura de um texto não literário................ 1.............................. bem como avaliar conhecimentos relativos ao funcionamento da língua................ é atribuída à resposta a classificação de zero (0) pontos... através de um processo diferente do requerido.............................................................................................. F D. registe a resposta correcta de forma inequívoca..................... Resposta correcta: A.. da aplicação deste factor de desvalorização........ Resposta correcta: A....................................... 5 pontos 5.......................) Nos casos em que....................... – apreensão dos valores semânticos e pragmáticos resultantes do uso de estruturas linguísticas........... – identificação da função das componentes do conhecimento linguístico na estruturação de textos/discursos....................... .................................... .......... mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex..... 5 pontos 2..................... Resposta correcta: C. Ao classificar as respostas do examinando............... para efeitos de classificação..............................: /dir-se-ia/).............máximo de cinco (1 x 5) pontos.... V E........ a resposta em que o examinando............ embora não respeitando a instrução dada................ .......... – mobilização de conhecimentos linguísticos e metalinguísticos................ (Situação representada pela alínea a) na grelha de classificação.................... 5 pontos 4........................................... 5 pontos 3........................................... o professor classificador deve observar o domínio das seguintes capacidades: – compreensão do sentido do texto.......................... Qualquer número conta como uma única palavra................................ ................................ Nota – Para efeitos de contagem......... Deve ser considerada............................. independentemente dos algarismos que o constituam (ex............ F .............. ......... V C.......................................... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco.

ortográfico e de pontuação. até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos............. 9 e 6 pontos –...... 15 e 9 pontos) às produções que se encontrem numa das situações seguintes: evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho inferiores – N7....... N3.... N5..... 18... ** Os níveis de desempenho deste critério – estruturação temática e discursiva – encontramse descritos nas páginas seguintes.. V GRUPO III . C/11 e C/12....... admitida a atribuição de qualquer classificação diferente das indicadas.... resultar uma classificação inferior a zero (0) pontos.... 12....... deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra (a mais ou a menos). .. morfológico. depois de aplicados todos os critérios definidos para o item. . mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex.. (Situação representada pela alínea a) na grelha de classificação. na descrição do nível superior correspondente........ o domínio das seguintes capacidades: – estruturação de um texto com recurso a estratégias discursivas adequadas à defesa de um ponto de vista e reflectindo a operação prévia de uma planificação produtiva. – Os níveis intermédios (N8.................. N6.... Nota – Para efeitos de contagem.... e... da aplicação deste factor de desvalorização. no qual se requer um texto de reflexão.. . – A classificação a atribuir à estruturação temática e discursiva é obrigatoriamente seleccionada de entre as definidas para cada um dos nove níveis de desempenho – 30... 24.... ao classificar o texto do examinando.... F J. 30 pontos Correcção linguística (F)** ………………………………………………………………….....: /dir-se-ia/). V I. mas integram-se também.... 15.. há que atender aos princípios a seguir enunciados........... é atribuída a essa resposta a classificação de zero (0) pontos..: /2008/)... portanto......... 21......G... – elaboração de um texto coerente e coeso... V H. 50 pontos A produção de texto visa avaliar a expressão escrita do examinando....... – produção de um discurso correcto nos planos lexical... ... 27..... ........ independentemente dos algarismos que o constituam (ex.. Qualquer número conta como uma única palavra. N4 e N2) não foram explicitados. sintáctico...... na sua atribuição. de forma a permitir a atribuição das respectivas classificações (27...... não sendo. não é apresentado cenário de resposta.... Critérios específicos de classificação Estruturação temática e discursiva (C) * ……………….....…………………………....... Tratando-se de um item de resposta aberta extensa.... por alguns aspectos.. 21....... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. o professor classificador deve observar....... 20 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de resposta aberta extensa –........... N1 –.....) Nos casos em que...... Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item.

devidamente proporcionadas e articuladas entre si de modo consistente. o seu ponto de vista. • define com suficiente clareza o seu ponto de vista. com adequação. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. 24 N6 21 . cada um deles ilustrado com (pelo menos) um exemplo significativo. • utiliza adequadamente conectores e outros mecanismos de coesão textual.. produzido pelo examinando.evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho superiores (N9. – Mobiliza expressivamente. – Mobiliza informação diversificada. simultaneamente. – Redige um texto estruturado. desenvolvimento. reflectindo uma planificação prévia e evidenciando um bom domínio dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados. eventualmente com esporádicos afastamentos. individualizadas. conectores diversificados e outros mecanismos de coesão textual. • define. com adequação e intencionalidade. justificados pela intencionalidade do discurso e marcados (com aspas ou sublinhados). – Mobiliza um repertório lexical adequado e variado. sem desvios. – Mobiliza. figuras de estilo.). pontuação. ** Vide Factores de desvalorização. pontuado. distintos e pertinentes. de forma inequívoca. um ou outro traço dos níveis inferiores. sempre com eficácia argumentativa. que apresente um desempenho inferior ao do nível 1 (N1) é atribuída a classificação de zero (0) pontos. apesar de afastamentos esporádicos.. recursos da língua (repertório lexical variado e pertinente. sem desvios. que se encontram. uma informação ampla e diversificada: • produz um discurso coerente e sem qualquer tipo de ambiguidade. o tema proposto. o tema proposto. cada um deles documentado com (pelo menos) um exemplo apropriado. reflectindo uma planificação prévia e recorrendo a mecanismos adequados de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. com suficiente eficácia argumentativa: • produz um discurso coerente. desenvolvimento. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos. – Redige um texto estruturado. proporcionais e satisfatoriamente articuladas entre si. por ambiguidades pouco relevantes. apresentando. individualizadas. que não afectam. – Faz uso correcto do registo de língua adequado ao texto. no entanto. C/3). Prova 639 • Página C/10/ 12 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva Pontuação N9 – Trata. a adequação geral do discurso. • marca correctamente os parágrafos. no entanto. N7 ou N5). procedimentos de modalização. • utiliza. porém. – A qualquer texto. 30 N8 27 N7 – Trata.. • marca correctamente os parágrafos. – Utiliza o registo de língua adequado ao texto. no domínio da correcção linguística. conclusão). conclusão).

embora sem incorrecções graves. ou em que as mesmas se encontram insuficientemente marcadas.Prova 639 • Página C/11/ 12 N5 – Trata o tema proposto. – Redige um texto com deficiências de estrutura. mas apresentando um único exemplo e pouco significativo. – Mobiliza informação suficiente. • não cumpre a instrução no que diz respeito à tipologia textual ou apresenta um texto em que traços do tipo de texto solicitado se misturam. a comunicação. frequentemente. – Utiliza. apesar de algumas ambiguidades evidentes. correctamente os parágrafos. conclusão). sem critério. em geral. mas apresentando alguns afastamentos que afectam pontualmente a adequação global. conclusão). a construções paratácticas. reflectindo uma escassa planificação prévia e evidenciando um domínio apenas suficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. • marca parágrafos. desenvolvimento. ininteligível. o registo de língua adequado ao texto. porém. com desequilíbrios de proporção mais ou menos notórios e com deficiências ao nível da articulação entre elas. em geral. nem sempre com eficácia argumentativa: • produz um discurso globalmente coerente. mas nem sempre claramente inteligível. – Redige um texto pouco estruturado. por vezes. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados. ou apresenta exemplos pouco adequados. a inteligibilidade. – Mobiliza um repertório lexical adequado. • marca. 12 N2 9 N1 – Aborda lateralmente o tema. • não define um ponto de vista identificável. mas com incorrecções de alguma gravidade. articuladas entre si de modo pouco consistente. porém. mas fá-lo de forma confusa. • fundamenta a perspectiva adoptada em um único argumento ou em dois argumentos redundantes e não apresenta exemplos. – Utiliza um vocabulário simples e comum. – Redige um texto com estruturação muito deficiente. evidenciando um domínio insuficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto em que não distingue com clareza três partes (introdução. • utiliza poucos conectores. por vezes de forma inadequada e recorrendo. 18 N4 15 N3 – Trata globalmente o tema. desprovido de . eventualmente com lacunas que não afectam. – Apresenta. • utiliza apenas os conectores e os mecanismos de coesão textual mais comuns. com impropriedades que não perturbam. mas com falhas esporádicas. desenvolvimento. mas com desvios notórios. – Mobiliza muito pouca informação e sem eficácia argumentativa: • produz um discurso geralmente inconsistente e. porque o compreendeu mal ou porque não se cinge a uma linha condutora e se perde em digressões. – Mobiliza pouca informação e com reduzida eficácia argumentativa: • produz um discurso com alguma coerência. embora apresente desvios pouco relevantes. em número significativo. afastamentos do registo de língua adequado ao texto. • define o seu ponto de vista. mas pouco variado. com os de outros tipos textuais. • define um ponto de vista identificável.

não raro redundante e/ou inadequado. – Utiliza vocabulário elementar e restrito. ou um único registo inadequado. sem manifestar consciência do registo adequado ao texto.mecanismos elementares de coesão textual.º Ano de Escolaridade . – Utiliza indiferenciadamente registos de língua. 6 Prova 639 • Página C/12/ 12 Prova Escrita de Português 12.

Se escrever alguma resposta integralmente em maiúsculas. por isso mesmo. Para cada item. Para responder aos itens de associação. a nossa responsabilidade. Miguel. Se escrever mais do que uma resposta a um mesmo item. MIGUEL A polícia não chega para arrancar os pasquins revolucionários das portas das igrejas… O mundo parece estar atacado de loucura. Temos uma missão a cumprir. bem como as respectivas respostas. aquilo que pretende que não seja classificado. como eles transformaram esta terra de gente pobre mas feliz num antro de revoltados! Por essas aldeias fora é cada vez maior o número dos que só pensam aprender a ler… Dizem-me que se fala abertamente em guilhotinas e que o povo canta pelas ruas canções subversivas. na folha de respostas. Em caso de engano. diferencie correctamente as maiúsculas das minúsculas. na folha de respostas. um dia. a classificação da prova é sujeita a uma desvalorização de cinco pontos. • o número do item. os governadores do Reino. azul ou preta. PRINCIPAL SOUSA Se a um ministro de Deus é permitido odiar. • o número do item. Sr. indique de forma legível a versão da prova. A ausência dessa indicação implica a classificação com zero pontos das respostas aos itens do Grupo II. que o Senhor. escreva. apenas é classificada a resposta apresentada em primeiro lugar. Prova 639. Não é permitido o uso de dicionário. pelo Senhor. escreva. Ao responder.V1• Página 3/ 12 Para responder aos itens de escolha múltipla.ª Fase 12 Páginas Duração da Prova: 120 minutos. 2009 VERSÃO 1 Na folha de respostas. GRUPO I A Leia o texto a seguir transcrito. de forma inequívoca. Não é permitido o uso de corrector. • a letra que identifica a única alternativa correcta.Prova 639/1. D. apresente apenas uma resposta. uma missão . As cotações dos itens encontram-se no final do enunciado da prova. Tolerância: 30 minutos. Reverência… PRINCIPAL SOUSA Maior é. perdoe o ódio que tenho aos Franceses… Veja. • o número que identifica cada elemento da coluna A e a letra que identifica o único elemento da coluna B que lhe corresponde. deve riscar. D.V1• Página 2/ 12 Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével. Escreva de forma legível a numeração dos grupos e dos itens. para a primeira linha de combate eterno entre o bem e o mal. Esta noite sonhei que nós. tínhamos sido destacados. As respostas ilegíveis ou que não possam ser identificadas são classificadas com zero pontos. Prova 639.

o nosso povo tem de continuar a ver. PRINCIPAL SOUSA (Para D. que ela nem se perde nem carece dos vossos conselhos. os meus 16 000$00 anuais e a possibilidade de o principal Sousa continuar a interferir nos negócios deste Reino. da decisão que tomarmos. Miguel) O reino de Deus está a saque e os inimigos do Senhor já não se encontram apenas na rua… Há-os nos palácios e no próprio Conselho da Regência. . Venho falar-lhes de coisas mais sérias. Ex. não é espaventosa e está um pouco usada. ainda que regulamentar.ª. Ex. A farda. O principal não gosta de Beresford e fala-lhe sem sorrir. porque. Aponta para o tecto. Oiçam bem o que ele diz. Fala como um homem desiludido que.V1 • Página 4/ 12 Em tom de confidência.sagrada e penosa: a de conservar no jardim do Senhor este pequeno canteiro português. MIGUEL Se a Europa nos desse ouvidos… BERESFORD (Avançando do fundo do palco e falando) A Europa… A Europa… Deixai-a. a Cruz de Ourique. Dentro de minutos vem aqui um oficial repetir a VV. no Céu. O que me traz aqui é bem mais grave. depois de ter dado o melhor do seu trabalho.V1 • Página 5/ 12 BERESFORD (Encolhendo os ombros) Poupe-me os seus sermões.as o que me disse ontem. Ao que o mundo chegou. D. D. Beresford vem fardado. Sr. se vê incompreendido e desacreditado. em minha casa. 1 5 10 15 20 25 30 Prova 639. Enquanto estamos a conversar – neste mesmo momento – conjura-se abertamente em Lisboa. dependem a cabeça de V. Hoje não é domingo e o meu senhor não é vassalo de Roma. Enquanto a Europa se desfaz. à noite. Miguel. Reverência. para que me veja obrigado a aceitar o auxílio dum herege a fim de combater outros hereges… BERESFORD Senhores: Deixemos o reino de Deus para outra ocasião. PRINCIPAL SOUSA O marechal Beresford sabe de alguma coisa mais séria do que a conservação do reino do Senhor? Prova 639. (Cumprimenta os dois) Excelências: não vim aqui para perder tempo com conversas filosóficas.

3. Fala para D. as prisões nos aljubes2 da PIDE3 e o embargo de algumas obras. Beresford fala como quem fala a uma criança.: /2009/).l. Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. 35 40 45 50 B Comente a opinião.Luís de Sttau Monteiro. O principal Sousa e D. Em caso de necessidade. considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. Mencione dois dos sentimentos que essa alteração suscita em cada uma das personagens.» António Mega Ferreira. Qualquer número conta como uma única palavra. Miguel não são indiferentes à alteração verificada no comportamento do povo. Identifique um recurso estilístico presente no texto.V1 • Página 6/ 12 Prova 639. Visão do Século – As Grandes Figuras do Mundo nos Últimos Cem Anos. o que não cabe nos heterónimos laboriosamente inventados. Miguel. Visão. Areal Editores. 2. mas vê-se que se refere a Beresford. 1. consulte o vocabulário que se apresenta. Prova 639. sobre a teoria do fingimento poético em Pessoa ortónimo. 2000 Apresente. explicitando o seu valor expressivo. independentemente dos algarismos que o constituam (ex.. as suas respostas aos itens que se seguem.: /dir-se-ia/). «É na poesia ortónima que o Pessoa ‘restante’. (…) . Para efeitos de contagem. Miguel constatam uma mudança no comportamento do povo. Onde Miguel Torga desembestou1 mais furiosamente foi contra a política salazarista. explicando de que modo se manifesta. se afirma e ‘normaliza’: é então que ele ‘faz’ de si e os seus poemas são ‘chaves’ para compreender o seu extraordinário universo literário.V1 • Página 7/ 12 Página em branco GRUPO II Leia o seguinte texto. No início do diálogo (linhas 1 a 12). o principal Sousa e D. 1999 Observações 1. de forma bem estruturada. Felizmente Há Luar!. Prova disso é o poema Cântico do Homem. 4. s. Linda-a-Velha. Escreva um texto de oitenta a cento e vinte palavras. a seguir transcrita. ilustrando cada um deles com uma citação do texto. 2. referindo-se a poemas relevantes para o tema em análise. Apresente dois dos traços caracterizadores de Beresford. para quem olha ao falar no Conselho da Regência. Refira em que consiste essa mudança.

5 Aljube: prisão. foi privilegiado em relação aos seus conterrâneos.V1 • Página 8/ 12 1 5 10 15 20 25 Prova 639. poucos assinam hoje o nome. era um homem dotado do «conhecimento satânico do preço dos homens». para comprazer ao parceiro. Mussolini marchava sobre Roma. 1990 VOCABULÁRIO 2 3 1 desembestou: reagiu com violência. Ainda em França. bombardeara a Abissínia e. E a liberdade estava em Portugal! No estrangeiro. Lendo Miguel Torga. Porto. se tanto fosse necessário. Prova 639. O resultado dessa viagem foi o seu primeiro livro em prosa. Franco. mais tarde. apesar da bruteza ingénita6 do meio em que nasceu e dos trambolhões que pela vida levou. a «pata rugosa» do nazismo hitleriano ia atirar o mundo para os horrores da Segunda Guerra Mundial. foi encarcerado no Aljube5. onde ficavam os presos que estavam a ser interrogados na sede da PIDE. disposto a fuzilar meia Espanha. aljubes: prisões subterrâneas. fuzilava e decapitava «rojos»4 em série. nome aplicado. cárceres. em Lisboa. Valeu a pena lutar! António Freire. pensa também que «é preciso pagar a liberdade». nomeadamente aos comunistas. atacara a França pelas costas.A escalada dos grandes fascismos europeus coincidiu com a maturidade física e intelectual de Miguel Torga. Em Portugal. 4 «rojos»: vermelhos. A mão moldou-se de tal maneira à enxada. transforma-se. 6 ingénita: que nasceu com o indivíduo. para Torga. O Quarto Dia da Criação do Mundo. Foi nesta data que Torga se meteu a viajar pelo Velho Mundo. alguns finos como corais. Implantada no coração da Europa. Mas. Um alarme aos homens do seu tempo e um violento desafio a todos os que reputava seus tiranos.V1 • Página 9/ 12 . se Torga diz que «ser escritor em Portugal é como estar dentro dum túmulo a garatujar na tampa». em Espanha. PIDE: Polícia Internacional e de Defesa do Estado. num enorme «pulmão de aço» pelo qual obrigava todo o país a respirar. foi tanta a negrura e a fome que os rodeou. Salazar. Adolfo Hitler. Edições Salesianas. perde-se o que é nosso e não se adquire o alheio… (…) Torga tem consciência de que. «Dos meus companheiros de classe. e antes desta prisão. que esqueceram de todo que havia letras e pensamento». fora convidado a exilar-se. que. aos olhos do poeta do Diário. inata. a militantes de partidos de esquerda. Imediatamente preso pela PIDE.

de modo a obter uma afirmação adequada ao sentido do texto. na folha de respostas. da parte de Torga. (D) complemento indirecto. AB a) o enunciador estabelece uma conexão . o número do item e os números que identificam os cinco segmentos textuais da coluna A. Adolfo Hitler. Escreva. educados.» (linha 6). Escreva. (C) «resultado» (linha 13). (C) temporal. Faça corresponder a cada segmento textual da coluna A um único segmento textual da coluna B. «Torga» (linha 13). diligentes. Em «homens do seu tempo» (linhas 14 e 15). (B) frásica. (D) interfrásica. «Miguel Torga» (linha 5). Os elementos textuais «Miguel Torga» (linha 1). o constituinte «ao parceiro» desempenha a função de (A) sujeito. «Torga» (linha 10). o referente de «seu» é (A) «Torga» (linha 13). 4. «O Quarto Dia da Criação do Mundo» (linha 14). seguido da letra que identifica a alternativa correcta. (C) activos. na folha de respostas. «Torga» (linha 17) e «Torga» (linha 21) asseguram a coesão (A) lexical. (D) «primeiro livro» (linha 14). 2. (B) complemento directo. Em «para comprazer ao parceiro. (D) polidos. a conjunção «‘que’» estabelece uma relação de (A) substituição. A obra de Torga. 3. (C) consequência. 5. uma (A) crítica severa à actuação de Salazar. (D) comparação. perspicazes. 6. cada um destes seguido da alínea da coluna B que lhe corresponde.Seleccione. (D) reflexão objectiva sobre a governação salazarista. 7. (B) «Velho Mundo» (linha 13). (C) vocativo. esguios. A utilização das expressões «‘conhecimento satânico do preço dos homens’» (linha 10) e «‘pulmão de aço’» (linha 11) constitui. (B) inteligentes. (B) retoma. 8. o número de cada item. a única alternativa que permite obter uma afirmação adequada ao sentido do texto. (C) censura suave ao papel de Salazar. (B) desabafo dirigido ao povo. em cada um dos itens de 1 a 7. (B) análise neutra da política salazarista. (C) alerta aos seus contemporâneos. (D) apelo dirigido aos governantes. «poeta do Diário» (linha 11). 1. constitui um (A) elogio aos seus compatriotas. Em «‘que esqueceram de todo’» (linhas 24 e 25). A expressão «‘finos como corais’» (linha 23) significa (A) magros.

. g) o enunciador refere uma acção passada que precede uma outra também passada................. «A liberdade é. O 25 de Abril Contado às Crianças… e aos Outros...aditiva.............. c) o enunciador manifesta o seu repúdio.. pelo menos. Lisboa..........V1 • Página 10/ 12 GRUPO III Elabore uma reflexão sobre o significado da liberdade. 2) Com «se tanto fosse necessário» (linhas 8 e 9).... partindo da perspectiva exposta no excerto a seguir transcrito.. d) o enunciador expõe a consequência da informação dada anteriormente. Escreva um texto.... Qualquer número conta como uma única palavra............ Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido.............. 2......: /dir-se-ia/)..... ........................... 4) Com o uso de «também» (linha 19)....................... h) o enunciador faz uma declaração....... 1..: /2009/)...................... 1999 Observações 1... .................... 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 3................................ 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 4........................ 1) Com a expressão «para comprazer» (linha 6)...... pertence aos outros...... A liberdade é a combinação entre os direitos e os deveres....... 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 2.......... Para efeitos de contagem... de duzentas a trezentas palavras..................... por direito... antes de mais nada. a dois argumentos e ilustre cada um deles com............................. no mínimo.... b) o enunciador expressa uma posição pessoal...... devidamente estruturado... 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) ... f) o enunciador apresenta o conteúdo da frase como uma possibilidade......... o respeito pelos outros e o respeito que os outros nos devem em função dos nossos direitos..... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco.................................... FIM Prova 639......... e) o enunciador indica uma finalidade........... ....................... Terramar.......... independentemente dos algarismos que o constituam (ex.............. 3) Com a frase «fora convidado a exilar-se... sem que cada um invada o espaço que................ Fundamente o seu ponto de vista recorrendo...................... mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex.............» José Jorge Letria...........V1 • Página 11/ 12 COTAÇÕES DA PROVA GRUPO I ..... 5) Com «Valeu a pena lutar!» (linha 25)................. 100 pontos A..... Prova 639... um exemplo significativo......... ....» (linha 17)..

......................................B............................................. 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ............................ ................... – Interpretação da mudança: o povo passa do conformismo à revolta.. 30 pontos Correcção linguística .............................................. 25 pontos 3................ .............................................. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p........................................................................................................................................................ 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) .......... 50 pontos 1.... mas não refere em que consiste........ cantando músicas com letras subversivas e colando panfletos revolucionários nas portas das igrejas.................................................. 25 pontos 2.............. 25 pontos 7... ........ ........... ........... 6 pontos Estruturação do discurso ............... no domínio da correcção linguística.. 3 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os aspectos que a seguir se enunciam.......... 20 pontos Total ................................................ 7 ....................... 25 pontos 8..... 200 pontos Prova 639...................................................................................................V1 • Página 12/ 12 Correçao A 1............................................ 30 pontos Conteúdo (18 pontos) Organização e correcção linguística (12 pontos) GRUPO II ............................. falando «abertamente em guilhotinas» (l.................................................................................................... – Manifestações dessa mudança: o povo quer aprender a ler e começa a exprimir sentimentos de rebeldia e violência......................................................................... 25 pontos 4......................................................... ...................................................................... ............................................................... 7).......... ........ C/4)................................................. ......................... 3 pontos Correcção linguística* ........................................................................... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 4 Refere em que consiste a mudança no comportamento do povo e explica como ela se manifesta............................................................................... 50 pontos Estruturação temática e discursiva .................. 25 pontos 6............................................................ 9 3 Explica como se manifesta a mudança no comportamento do povo.............................................................................................. ......................................................................... .. ou outros considerados relevantes............................................ 25 pontos 5................................................. ** Vide Factores de desvalorização............. 15 pontos GRUPO III ...............

....................... de entre os que a seguir se apresentam... Sr......... Miguel.......... 9 2 Menciona dois dos sentimentos que a alteração no comportamento do povo suscita numa das personagens. 12 3 Menciona dois dos sentimentos que a alteração no comportamento do povo suscita numa das personagens e um sentimento que a mesma alteração suscita na outra personagem........................ 3)........ 17-19)... ....... • Sentimentos de D. OU Menciona um dos sentimentos que a alteração no comportamento do povo suscita em cada uma das personagens............ – determinação – «Temos uma missão a cumprir................. mas não explica como ela se manifesta... D. ** Vide Factores de desvalorização.... 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar dois dos sentimentos manifestados por cada uma das personagens...... 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ............................. 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ..... uma missão sagrada e penosa: a de conservar no jardim do Senhor este pequeno canteiro português..» (ll....... C/4)............................... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 4 Menciona dois dos sentimentos que a alteração no comportamento do povo suscita em cada uma das personagens............» (ll..... ... OU ............ 12)... 3 2......... – desânimo – «O mundo parece estar atacado de loucura........... no domínio da correcção linguística. ou outros considerados relevantes...........» (l................ – indignação – «Veja....................... 4-5).... 10-11)................ dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.......2 Refere em que consiste a mudança no comportamento do povo. OU Faz transcrições que remetem para a mudança no comportamento do povo e suas manifestações. – impotência – «A polícia não chega para arrancar os pasquins revolucionários das portas das igrejas..................... • Sentimentos do principal Sousa: – ódio – «o ódio que tenho aos Franceses............ 5 1 Discorre superficialmente acerca da mudança no comportamento do povo e suas manifestações........... 4 pontos Correcção linguística* .................. Reverência........ 8 pontos Estruturação do discurso ......» (l.... como eles transformaram esta terra de gente pobre mas feliz num antro de revoltados!» (ll...... Miguel: – desilusão – «Fala como um homem desiludido»..... 6 1 Menciona um dos sentimentos que a alteração no comportamento do povo suscita numa das duas personagens......

...... C/4)................ – Pragmático – «não vim aqui para perder tempo com conversas filosóficas......» (ll......... 6 1 Apresenta um dos traços caracterizadores de Beresford......................... 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar dois dos traços caracterizadores de Beresford.............Faz transcrições que remetem para os sentimentos suscitados pela alteração no comportamento do povo numa das personagens ou em ambas.................... 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ..... 4 pontos Correcção linguística* .. 12 3 Apresenta dois dos traços caracterizadores de Beresford............... D......» (ll............................ 3 Prova 639 • Página C/7/ 15 3.. – Determinado – «A Europa… Deixai-a.. Hoje não é domingo e o meu senhor não é vassalo de Roma......... os meus 16 000$00 anuais e a possibilidade de o principal Sousa continuar a interferir nos negócios deste Reino......... Reverência....... Sr.» (ll..................... OU Faz transcrições pertinentes que remetem para um ou dois dos traços caracterizadores de Beresford............................. sem ilustrar a resposta com citações do texto.... cada um... 15 pontos .................... Ex...» (ll........... – Irónico – «Poupe-me os seus sermões...... ou outros considerados relevantes. 8 pontos Estruturação do discurso ... que ela nem se perde nem carece dos vossos conselhos............. ilustrando um deles com uma citação do texto. OU Apresenta um dos traços caracterizadores de Beresford e ilustra-o com uma citação do texto.... no domínio da correcção linguística..................... de entre os que a seguir se apresentam........ dependem a cabeça de V.... 51-54)..ª. Miguel.................. . com uma citação........... ilustrados... ........................... 3 Prova 639 • Página C/8/ 15 4....... ................ – Provocador – «da decisão que tomarmos. 35-36)......... 9 2 Apresenta dois dos traços caracterizadores de Beresford........................ dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p............. 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ............................ ........ 2829)..... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 4 Apresenta dois dos traços caracterizadores de Beresford......................... ilustrando cada um deles com uma citação do texto................... sem ilustrar a resposta com citações do texto........... ** Vide Factores de desvalorização.. 25-26)...............

.............. Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 4 Identifica um recurso estilístico presente no texto... pertinência................................ Miguel em compreender a alteração do estado de coisas à sua volta... apenas. o seu valor expressivo........................ 35-36) – mostra.. – Ironia – «Poupe-me os seus sermões......... o seu valor expressivo................. a pouca importância que Beresford atribui ao principal Sousa e ao que ele representa................................... através do tom jocoso. 3 Prova 639 • Página C/9/ 15 com com com com B.... rigor e pertinência.......................... – Adjectivação – «subversivas» (l....... o seu valor expressivo........................ OU Limita-se a identificar um recurso estilístico presente no texto.................... 12) – releva a incapacidade de D... OU Identifica um recurso estilístico presente no texto e define-o ou parafraseia-o............................... Reverência...... Hoje não é domingo e o meu senhor não é vassalo de Roma...... no domínio da correcção linguística.................. o seu valor expressivo...» (ll..................... .... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. 3 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de escolha pessoal –.......................Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ................... 5 1 Identifica um recurso estilístico presente no texto.... o que se apresenta em primeiro lugar. 7 pontos ................ explicitando............... acentuadas imprecisões................ 30 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) .. considera-se..................... explicitando...... não se apresenta uma lista exaustiva dos recursos estilísticos presentes no texto.. ** Vide Factores de desvalorização.. – Comparação – «o mundo parece atacado de loucura» (l.. 10) – ajuda a caracterizar a mudança comportamental do povo e a entender o ambiente em que se vive. 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ............................................. . 7 2 Identifica um recurso estilístico presente no texto.... ligeiras ou esporádicas imprecisões...... os exemplos que se seguem constituem uma mera orientação de classificação........................ C/4).. NOTA: Quando a resposta apresentar a transcrição de mais do que um recurso de estilo... explicitando..... 18 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) .............. explicitando...................... 6 pontos Estruturação do discurso ............. 3 pontos Correcção linguística* .. 9 3 Identifica um recurso estilístico presente no texto.......... 8) e «revolucionários» (l.......... 12 pontos Estruturação do discurso .........

. 3 Prova 639 • Página C/10/ 15 . fazendo referências que reflectem um bom conhecimento do tema em análise.. a resposta deve incidir nos conteúdos programáticos referentes à leitura literária da poesia do Ortónimo. com pertinência. Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item. com pertinência.. a opinião transcrita sobre a teoria do fingimento poético em Pessoa ortónimo. no domínio da correcção linguística.... da aplicação deste factor de desvalorização.... independentemente dos algarismos que o constituam (ex. fazendo referências que reflectem um conhecimento suficiente do tema em análise... Nos casos em que... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.. C/4) Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 6 Comenta. fazendo referências que reflectem um conhecimento suficiente do tema em análise. até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos.. a opinião transcrita sobre a teoria do fingimento poético em Pessoa ortónimo.. depois de aplicados todos os critérios definidos para o item (situação representada pela alínea a) na grelha de classificação)..... fazendo referências que reflectem um bom conhecimento do tema em análise. 15 4 Comenta.. a opinião transcrita sobre a teoria do fingimento poético em Pessoa ortónimo..... a opinião transcrita sobre a teoria do fingimento poético em Pessoa ortónimo. 9 2 Comenta. 12 3 Comenta... ** Vide Factores de desvalorização. fazendo referências que reflectem um conhecimento suficiente do tema em análise. resultar uma classificação inferior a zero pontos. 18 5 Comenta. deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra a mais ou a menos........ 6 1 Discorre superficialmente sobre a teoria do fingimento poético em Pessoa ortónimo..: /2009/). a opinião transcrita sobre a teoria do fingimento poético em Pessoa ortónimo.Correcção linguística* .. com acentuadas imprecisões.... mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. 5 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item.......... não se apresenta um cenário de resposta........ Qualquer número conta como uma única palavra..: /dir-seia/)..... é atribuída à resposta a classificação de zero pontos. fazendo referências que reflectem um conhecimento incipiente do tema em análise.. com ligeiras ou esporádicas imprecisões. com pertinência e rigor...... no que respeita ao «fingimento artístico»... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco... Para efeitos de contagem.

................ (C) (D) 5 pontos Prova 639 • Página C/11/ 15 Prova 639 • Página C/12/ 15 GRUPO III . morfológico............................... .... embora não respeitando a instrução dada................. (A) (C) 5 pontos 7........ (A) (B) 5 pontos 2........ o domínio das seguintes capacidades: – estruturação de um texto com recurso a estratégias discursivas adequadas à defesa de um ponto de vista e reflectindo a operação prévia de uma planificação produtiva........ sintáctico........................ registe a resposta correcta de forma inequívoca. Tratando-se de um item de resposta aberta extensa............... – produção de um discurso correcto nos planos lexical.... 20 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de resposta aberta extensa –....GRUPO II ......................... Chave 8..... ao classificar o texto do examinando... o professor classificador deve observar................... no qual se requer um texto de reflexão........... 50 pontos Neste grupo.. a resposta em que o examinando................................... 15 pontos Chave Coluna A Coluna B Versão 1 Versão 2 1) e) d) 2) f) e) 3) g) f) 4) a) h) 5) b) a) Níveis de desempenho Descritores do nível de desempenho Pontuação 3 Estabelece quatro ou cinco correspondências correctas................. 15 2 Estabelece duas ou três correspondências correctas............ 3 Item Versão 1 Versão 2 Pontuação 1........ para efeitos de classificação....... (B) (A) 5 pontos 4.. ortográfico e de pontuação................. 9 1 Estabelece uma correspondência correcta..... (C) (B) 5 pontos 3............. 50 pontos A produção de texto visa avaliar a expressão escrita do examinando.................... (A) (C) 5 pontos 5.…………………………..... – elaboração de um texto coerente e coeso. Critérios específicos de classificação Estruturação temática e discursiva (C)* ……………….... através de um processo diferente do requerido............................. deve também ser considerada.... (D) (A) 5 pontos 6.. não é apresentado cenário de resposta.......... ........................ 30 pontos Correcção linguística (F)** …………………………………………………………………........... Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão ...

12. o tema proposto. C/4). desenvolvimento. eventualmente com esporádicos afastamentos. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. – Mobiliza expressivamente. 7. um ou outro traço dos níveis inferiores. há que atender aos princípios a seguir enunciados: – a classificação a atribuir à estruturação temática e discursiva é obrigatoriamente seleccionada de entre as cotações definidas para cada um dos nove níveis de desempenho – 30. 15 e 9 pontos) às produções que se encontrem numa das situações seguintes: evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho inferiores (níveis 7. sempre com eficácia argumentativa. Nos casos em que. 5 ou 3). • marca correctamente os parágrafos. considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. não sendo. – Mobiliza. sem desvios. simultaneamente. uma informação ampla e diversificada: • produz um discurso coerente e sem qualquer tipo de ambiguidade. de forma a permitir a atribuição das respectivas classificações (27. 9 e 6 pontos –. e. individualizadas.: /dir-se-ia/). cada um deles ilustrado com (pelo menos) um exemplo significativo. • utiliza. com adequação e intencionalidade.Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item. no entanto. na descrição do nível superior correspondente. até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos. 4 e 2) não foram explicitados. conclusão). o seu ponto de vista. da aplicação deste factor de desvalorização. 5. ** Vide Factores de desvalorização. 21. 18. reflectindo uma planificação prévia e evidenciando um bom domínio dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. de forma inequívoca. resultar uma classificação inferior a zero pontos. evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho superiores (níveis 9. Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 9 – Trata. 24. devidamente proporcionadas e articuladas entre si de modo consistente. – Faz uso correcto do registo de língua adequado ao texto. 15. 21. na sua atribuição. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos. no domínio da correcção linguística. conectores diversificados e outros mecanismos de coesão textual. que se encontram. • define. distintos e pertinentes. por alguns aspectos. 6. Qualquer número conta como uma única palavra. é atribuída à resposta a classificação de zero pontos. – Redige um texto estruturado. – os níveis intercalares (níveis 8. mas integram-se também. apresentando. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. 3 ou 1). portanto. depois de aplicados todos os critérios definidos para o item (situação representada pela alínea a) na grelha de classificação). recursos . C/13 a C/15. deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra a mais ou a menos. com adequação. Para efeitos de contagem. 27. admitida a atribuição de qualquer classificação diferente das indicadas. ** Os níveis de desempenho deste critério – estruturação temática e discursiva – encontramse descritos nas páginas seguintes. independentemente dos algarismos que o constituam (ex.: /2009/). justificados pela intencionalidade do discurso e marcados (com aspas ou sublinhados).

da língua (repertório lexical variado e pertinente, figuras de estilo, procedimentos de modalização, pontuação,...).

30 8 27 7

– Trata, sem desvios, o tema proposto. – Mobiliza informação diversificada, com suficiente eficácia argumentativa: • produz um discurso coerente, pontuado, no entanto, por ambi guidades pouco relevantes; • define com suficiente clareza o seu ponto de vista; • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados, cada um deles documentado com (pelo menos) um exemplo apropriado. – Redige um texto estruturado, reflectindo uma planificação prévia e recorrendo a mecanismos adequados de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução, desenvolvimento, conclusão), individualizadas, proporcionais e satisfatoriamente articuladas entre si; • marca correctamente os parágrafos; • utiliza adequadamente conectores e outros mecanismos de coesão textual. – Utiliza o registo de língua adequado ao texto, apesar de afasta mentos esporádicos, que não afectam, porém, a adequação geral do discurso. – Mobiliza um repertório lexical adequado e variado.

24 6 21

Prova 639 • Página C/13/ 15 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação

5

– Trata o tema proposto, embora apresente desvios pouco relevantes. – Mobiliza informação suficiente, nem sempre com eficácia argumentativa: • produz um discurso globalmente coerente, apesar de algumas ambiguidades evidentes; • define o seu ponto de vista, eventualmente com lacunas que não afectam, porém, a inteligibilidade; • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados, mas apresentando um único exemplo e pouco significativo. – Redige um texto pouco estruturado, reflectindo uma escassa planificação prévia e evidenciando um domínio apenas suficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução, desenvolvimento, conclusão), articuladas entre si de modo pouco consistente; • marca, em geral, correctamente os parágrafos, mas com falhas esporádicas; • utiliza apenas os conectores e os mecanismos de coesão textual mais comuns, embora sem incorrecções graves. – Utiliza, em geral, o registo de língua adequado ao texto, mas apresentando alguns afastamentos que afectam pontualmente a adequação global. – Mobiliza um repertório lexical adequado, mas pouco variado.

18 4 15 3

– Trata globalmente o tema, mas com desvios notórios. – Mobiliza pouca informação e com reduzida eficácia argumentativa: • produz um discurso com alguma coerência, mas nem sempre claramente inteligível; • define um ponto de vista identificável, mas fá-lo de forma confusa; • fundamenta a perspectiva adoptada em um único argumento ou em dois argumentos redundantes e não apresenta exemplos, ou apresenta exemplos pouco adequados. – Redige um texto com deficiências de estrutura, evidenciando um domínio insuficiente dos mecanismos de coesão textual:

• apresenta um texto em que não distingue com clareza três partes (introdução, desenvolvimento, conclusão), ou em que as mesmas se encontram insuficientemente marcadas, com desequilíbrios de proporção mais ou menos notórios e com deficiências ao nível da articulação entre elas; • marca parágrafos, mas com incorrecções de alguma gravidade; • utiliza poucos conectores, por vezes de forma inadequada e recorrendo, frequentemente, a construções paratácticas. – Apresenta, em número significativo, afastamentos do registo de língua adequado ao texto. – Utiliza um vocabulário simples e comum, com impropriedades que não perturbam, porém, a comunicação.

12 29

Prova 639 • Página C/14/ 15 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação

1

– Aborda lateralmente o tema, porque o compreendeu mal ou porque não se cinge a uma linha condutora e se perde em digressões. – Mobiliza muito pouca informação e sem eficácia argumentativa: • produz um discurso geralmente inconsistente e, por vezes, ininteligível; • não define um ponto de vista identificável; • não cumpre a instrução no que diz respeito à tipologia textual ou apresenta um texto em que traços do tipo de texto solicitado se misturam, sem critério, com os de outros tipos textuais. – Redige um texto com estruturação muito deficiente, desprovido de mecanismos elementares de coesão textual. – Utiliza, indiferenciadamente, registos de língua distintos, mas sem manifestar consciência do registo adequado ao texto, ou um único registo inadequado. – Utiliza vocabulário elementar e restrito, não raro redundante e/ou inadequado.

6

Prova 639 • Página C/15/ 15

Prova Escrita de Português
12.º Ano de Escolaridade Prova 639/2.ª Fase 8 Páginas
Duração da Prova: 120 minutos. Tolerância: 30 minutos.

2009

VERSÃO 1
Na folha de respostas, indique de forma legível a versão da prova.

A ausência dessa indicação implica a classificação com zero pontos das respostas aos itens do Grupo II. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta. Não é permitido o uso de corrector. Em caso de engano, deve riscar, de forma inequívoca, aquilo que pretende que não seja classificado. Não é permitido o uso de dicionário. Escreva de forma legível a numeração dos grupos e dos itens, bem como as respectivas respostas. As respostas ilegíveis ou que não possam ser identificadas são classificadas com zero pontos. Ao responder, diferencie correctamente as maiúsculas das minúsculas. Se escrever alguma resposta integralmente em maiúsculas, a classificação da prova é sujeita a uma desvalorização de cinco pontos. Para cada item, apresente apenas uma resposta. Se escrever mais do que uma resposta a um mesmo item, apenas é classificada a resposta apresentada em primeiro lugar. As cotações dos itens encontram-se no final do enunciado da prova. Para responder aos itens de escolha múltipla, escreva, na folha de respostas, • o número do item; • a letra que identifica a única alternativa correcta. Para responder aos itens de associação, escreva, na folha de respostas, • o número do item; • o número que identifica cada elemento da coluna A e a letra que identifica o único elemento da coluna B que lhe corresponde.

GRUPO I A

Leia o texto a seguir transcrito.

Antes de nós nos mesmos arvoredos Passou o vento, quando havia vento, E as folhas não falavam De outro modo do que hoje. Passamos e agitamo-nos debalde. Não fazemos mais ruído no que existe Do que as folhas das árvores Ou os passos do vento. Tentemos pois com abandono assíduo

Observações 1. Apetecem-te com certeza muitas coisas. a primeira coisa que parece aconselhável é que penses com tempo e a fundo o que é aquilo que queres. Edições Ática. Salvo nós nada pelo mundo fora Nos saúda a grandeza Nem sem querer nos serve. 4. Se aqui. 1994 Apresente. GRUPO II Leia o seguinte texto. Apresente uma justificação para o uso de um sujeito plural nas quatro primeiras estrofes do poema e para o aparecimento da primeira pessoa do singular na última quadra. Explique o sentido da terceira estrofe. 2. à beira-mar. queres ter amigos. Inutilmente parecemos grandes. mas sem perderes a tua independência. Qualquer número conta como uma única palavra. 1. Que fará na alta praia Em que o mar é o Tempo? Ricardo Reis. Refira o valor expressivo da interrogação retórica presente na última estrofe. fazendo alusões pertinentes à obra. Explicite a relação que se estabelece entre «nós» e os elementos da Natureza referidos na primeira e na segunda estrofes do poema. mas não queres sujeitar-te ao próximo para o conseguires. mas .Entregar nosso esforço à Natureza E não querer mais vida Que a das árvores verdes. Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido. Para efeitos de contagem. de forma bem estruturada. queres saber coisas e por isso compreendes que é preciso estudar. mas não queres partir a cabeça no asfalto. Se te dizem que faças o que quiseres. João V determinantes na acção de Memorial do Convento.: /dir-se-ia/). Prova 639. amiúde contraditórias. considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. as suas respostas aos itens que se seguem.V1 • Página 3/ 8 B Refira dois dos traços de carácter de D. 3. tendo em conta uma das ideias filosóficas em que assenta a poesia de Ricardo Reis.: /2009/). como acontece com toda a gente: queres ter uma moto. 2. de José Saramago. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. Escreva um texto de oitenta a cento e vinte palavras. Lisboa. o meu indício Na areia o mar com ondas três o apaga. Odes.V1 • Página 2/ 8 1 5 10 15 20 Prova 639. independentemente dos algarismos que o constituam (ex. queres ter dinheiro.

creio eu. Miguel Serras Pereira. (D) comunicação. trad. segundo o autor.. muito dinheiro. Escreva. todas as coisas se volvem irremediavelmente amargas. 1. as aparelhagens mais perfeitas.ª ed. dir-me-ias: «Olha. É o que te interessa.» Bravo! O prémio para este senhor! Era isso mesmo o meu conselho: quando te disse «faz o que quiseres». Ética para um Jovem. mas não será nem boa nem humana. já o vimos antes. na folha de respostas. (B) neutralidade. 7. a (A) ambição. Mas também queres que essa vida boa não seja a vida boa de uma couve-flor ou de um escaravelho. as melhores roupas. com todo o respeito que tenho por ambas as espécies. E tenho a certeza de que não renunciarias a isso por nada deste mundo. pai. Se pudesses ter muito. ficarias satisfeito? Quanto tempo poderias viver assim sem te tornares louco? Não será a maior das loucuras querermos as coisas à custa da relação com as pessoas? Mas se justamente a graça de todas as coisas de que falámos assenta no facto de te permitirem – ou parecerem permitir – relacionares-te mais favoravelmente com os outros! (…) Muito poucas coisas conservam a sua graça na solidão. consiste principalmente em ter relações com outros seres humanos. (C) imparcialidade. mas tudo isso à custa de não voltares a ver nem a ser visto – nunca – por um outro ser humano. Ser-se humano. etc. Lisboa. no fundo. Fernando Savater. o que eu quero é ter uma vida boa. o número de cada item. a única alternativa que permite obter uma afirmação adequada ao sentido do texto. os alimentos mais requintados (…). caso contrário. seguido da letra que identifica a alternativa correcta. se tivesses que resumir tudo isto e pôr sinceramente em palavras o teu desejo global e mais profundo. uma casa mais sumptuosa do que um palácio das mil e uma noites. pretendia recomendar-te é que tivesses o atrevimento de teres uma vida boa. A vida humana boa é vida boa entre seres humanos ou. o que. etc. queres que eu não te chateie e te deixe viver à tua maneira. mas uma vida humana boa.também queres divertir-te. Numa palavra. mas também que esteja presente para te ajudar quando necessitas disso. Presença. 2000 Seleccione. pode ser que seja ainda vida. .. (…) Queres ter uma vida boa: magnífico. e se a solidão for completa e definitiva. em cada um dos itens de 1 a 7. A característica essencial da vida humana é.

5. o número do item e os números que identificam os cinco segmentos textuais da coluna A. 8. (D) anteceder um discurso directo. (D) mínima liberdade para a menor responsabilidade.Prova 639. e) o enunciador lança mão de exemplos para . AB a) o enunciador manifesta um estado emocional. 3. A expressão «pode ser que seja ainda vida» (linha 27) veicula um valor de (A) obrigação. (D) esporadicamente. (C) invariavelmente. (B) introduzir uma explicação. Em «dir-me-ias» (linha 10). cada um destes seguido da alínea da coluna B que lhe corresponde. (D) pertencer a uma frase de forma negativa. Escreva. (B) frequentemente. O conceito de educação implícito nas palavras do autor poderá traduzir-se pelo princípio da (A) máxima liberdade para a mínima responsabilidade. na folha de respostas. 6. O significado de «amiúde» (linha 3) é (A) casualmente. d) o enunciador apresenta o conteúdo da frase como uma obrigação. (D) imperfeito do indicativo. (D) possibilidade. (C) preceder uma citação. O uso de dois pontos (linha 11) justifica-se por (A) anunciar uma enumeração. c) o enunciador prenuncia uma síntese das ideias anteriormente expressas. 4. b) o enunciador introduz um nexo de causalidade. a anteposição do pronome «te» ao verbo decorre do facto de esta oração (A) se integrar numa frase em discurso indirecto.V1 • Página 4/ 8 1 5 10 15 20 25 Prova 639. Em «e te deixe viver» (linha 7). (C) máxima liberdade para a máxima responsabilidade. (C) se inserir numa oração subordinada. (C) certeza. (B) permissão.V1 • Página 5/ 8 2. (B) depender do advérbio «também» (linha 7). 7. o pronome «me» ocorre em posição medial por se tratar de uma forma verbal no (A) condicional. (B) futuro do indicativo. de modo a obter uma afirmação adequada ao sentido do texto. (B) mínima liberdade para a maior responsabilidade. (C) imperativo. Faça corresponder a cada segmento textual da coluna A um único segmento textual da coluna B.

............... 5) Com o uso do travessão duplo (linhas 23 e 24)... de duzentas a trezentas palavras... 1) Com a expressão «Numa palavra» (linha 8)......................... h) o enunciador reformula............... 1. Para efeitos de contagem........: /dir-se-ia/)......... Escreva um texto.............. ..... distinto dos anteriormente apresentados................................................................» Agustina Bessa-Luís.......... mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex............. ...... modalizando-a...................... pelo menos........... a afirmação anterior............ 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 4........ Qualquer número conta como uma única palavra... 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 3............ Lisboa. 3) Com as expressões «vida boa de uma couve-flor» e «ou de um escaravelho» (linha 14)...... um exemplo significativo. Prova 639.... Não importa ter uma existência nula......... 100 pontos A.... Fundamente o seu ponto de vista recorrendo..... 2008 Observações 1..... 30 pontos Conteúdo (18 pontos) Organização e correcção linguística (12 pontos) ...... FIM COTAÇÕES DA PROVA GRUPO I ....... 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 2.. ....................... f) o enunciador introduz um tópico novo...... 2) Com o recurso à interjeição «Bravo!» (linha 10).................................. independentemente dos algarismos que o constituam (ex....... devidamente estruturado.......................... 2.................... a dois argumentos e ilustre cada um deles com.... no mínimo......... Guimarães Editores.. ..... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco...................... g) o enunciador recorre a uma estratégia retórica de defesa da ideia exposta.....V1 • Página 6/ 8 Prova 639......... «A aparência vai tomando conta até da vida privada das pessoas... ........ partindo da perspectiva exposta no excerto a seguir transcrito........................ 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) B..................................... desde que se tenha uma aparência de apropriação dos bens de consumo mais altamente valorizados.....................................: /2009/)............................ Dicionário Imperfeito.............V1 • Página 7/ 8 GRUPO III Elabore uma reflexão sobre a sociedade dos nossos dias.. Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido...... 4) Com o recurso a interrogações (linhas 17 a 22).......reforçar o peso das ideias que expõe......................................

......................... .................... 4 pontos Correcção linguística* ................ 200 pontos Prova 639.... ..................................................................... ........................................................................... 8 pontos Estruturação do discurso .................................................... 25 pontos 6........................................................................................... 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ..................................................................................... ............................................................................................ 30 pontos Correcção linguística .................................... ..................................................................... 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os aspectos que a seguir se enunciam...... .............................................................. 50 pontos Estruturação temática e discursiva .. 50 pontos 1............................................................................................................... 20 pontos Total ............................................................................................... ............................................................................ 25 pontos 7.........V1 • Página 8/ 8 A 1................................... .............................. 25 pontos 3.......................... 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ............................................................................... 25 pontos 8.......................................................................... ......................... ............. 25 pontos 4.......... 25 pontos 5......................... ou outros considerados relevantes................................... 25 pontos 2...................................... 15 pontos GRUPO III ...................................................................................................GRUPO II ................................................................................................................... ...............................................

................. mas não expõe a relação que entre eles se estabelece........... «Não fazemos mais ruído no que existe / Do que as folhas das árvores / Ou os passos do vento» – vv........................ com pertinência... 4 pontos Correcção linguística* . 12 3 Explicita..... com ligeiras ou esporádicas imprecisões........... no domínio da correcção linguística.......... .. 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) . 1-4. – uma dissimilitude de condições que decorre da finitude e da transitoriedade que caracterizam o homem e a sua consciência do tempo («Passamos» – v.. / E as folhas não falavam / De outro modo do que hoje....... com acentuadas imprecisões..... 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ......... 6 1 Explicita.. 6-8)...... 8 pontos Estruturação do discurso ....... quando havia vento........................... OU Discorre superficialmente sobre «nós» e os elementos da Natureza referidos na primeira e na segunda estrofes do poema... 3 2............... a relação que se estabelece entre «nós» e os elementos da Natureza referidos na primeira e na segunda estrofes do poema...................................... à serenidade epicurista do contacto directo com a Natureza («Tentemos pois com abandono assíduo / Entregar nosso esforço à Natureza» – vv..... 9-10)........................... a relação que se estabelece entre «nós» e os elementos da Natureza referidos na primeira e na segunda estrofes do poema............ Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 4 Explicita........» – vv........ 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os aspectos que a seguir se enunciam................................... ** Vide Factores de desvalorização................. a relação que se estabelece entre «nós» e os elementos da Natureza referidos na primeira e na segunda estrofes do poema............ ........ 9 2 Explicita. 5) e da consciência da inutilidade do esforço humano («agitamo-nos debalde» – v.. C/4). a relação que se estabelece entre «nós» e os elementos da Natureza referidos na primeira e na segunda estrofes do poema...... e ao desejo único de identificação com ela («E não querer mais .............. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. com pertinência e rigor.........A relação que se estabelece entre «nós» e os elementos da Natureza é caracterizada por: – uma similitude de condições que decorre da participação da mesma realidade perene («Antes de nós nos mesmos arvoredos / Passou o vento.. – A terceira estrofe contém uma exortação à fruição calma do momento.......... ou outros considerados relevantes........................... 5)...............

... 13...... Nota: A resposta pode conter outros conceitos do conhecimento dos examinandos............. ataraxia.... 6 pontos Estruturação do discurso . «Tentemos» – v...... tendo em conta uma das ideias filosóficas em que assenta a poesia de Ricardo Reis............. OU Faz citações textuais pertinentes para a explicação do sentido da terceira estrofe... evoca-se a situação particular do «eu» e refere-se a experiência directa da fugacidade da vida e da passagem inexorável do Tempo.. com pertinência. 14...... 5...... OU Limita-se a enunciar uma das ideias filosóficas em que assenta a poesia de Ricardo Reis.... 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) .... 16)..... 5.......................... tendo em conta uma das ideias filosóficas em que assenta a poesia de Ricardo Reis. 9 2 Explica.... através do recurso a um sujeito singular .............. no domínio da correcção linguística................. aurea mediocritas..................... «nosso» – v................ 10........... 3 Prova 639 • Página C/7/ 15 3................... «Nos» – v. «agitamonos» – v.. – Na última quadra.......... com ligeiras ou esporádicas imprecisões...... o sentido da terceira estrofe.. «nós» – v............ 11-12)..... 3 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os aspectos que a seguir se enunciam.......... refere-se um destino comum a todos os homens.... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 4 Explica.... … ** Vide Factores de desvalorização.............. com pertinência e rigor............................. «parecemos» – v... tendo em conta uma das ideias filosóficas em que assenta a poesia de Ricardo Reis. .................... 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ........ – Nas quatro primeiras estrofes do poema.....» – vv..... «Passamos» – v.vida / Que a das árvores verdes.. 15.... 6 1 Explica...... 9...... com acentuadas imprecisões.. «Não fazemos» – v.. o sentido da terceira estrofe......... C/4).. estoicismo.............. 6..... tais como carpe diem.. através do recurso a um sujeito plural («nós» – v....... «nos» – v.... 3 pontos Correcção linguística* ........... tendo em conta uma das ideias filosóficas em que assenta a poesia de Ricardo Reis.. ...... ou outros considerados relevantes. 1... numa indiferença à perturbação causada pela ameaça inelutável do Fatum. o sentido da terceira estrofe....... o sentido da terceira estrofe. 12 3 Explica. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.

........... 19-20)...... 6 pontos Estruturação do discurso ...... 3 pontos Correcção linguística* ........................... 17-18) e a vastidão e a inexorabilidade do Tempo («Que fará na alta praia / Em que o mar é o Tempo?» – vv...... com pertinência.................. 9 3 Refere. ou outros considerados relevantes.. 3 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os aspectos que a seguir se enunciam..... uma justificação para o uso de um sujeito plural nas quatro primeiras estrofes do poema e para o aparecimento da primeira pessoa do singular na última quadra. com pertinência............. ** Vide Factores de desvalorização. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p...... o meu indício / Na areia o mar com ondas três o apaga.........de primeira pessoa («o meu indício» – v. 9 3 Apresenta.................. C/4)... 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) .................. uma justificação para o uso de um sujeito plural nas quatro primeiras estrofes do poema e para o aparecimento da primeira pessoa do singular na última quadra......................» – vv........ dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p...... no domínio da correcção linguística....... ** Vide Factores de desvalorização............. com pertinência e rigor....... o valor expressivo da interrogação retórica ........ – Toda a última estrofe é constituída por uma interrogação retórica que remete para a consciência que o «eu» possui da fugacidade da vida e que releva o fosso existente entre a pequenez humana («Se aqui... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 4 Refere. com ligeiras ou esporádicas imprecisões.. 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ....... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 4 Apresenta.. à beira-mar............. ...... 17).................. uma justificação para o uso de um sujeito plural nas quatro primeiras estrofes do poema e para o aparecimento da primeira pessoa do singular na última quadra.... 7 2 Apresenta.................... com pertinência e rigor... com acentuadas imprecisões....................... C/4)............... uma justificação para o uso de um sujeito plural nas quatro primeiras estrofes do poema e para o aparecimento da primeira pessoa do singular na última quadra..................... no domínio da correcção linguística............................... 5 1 Apresenta............................ o valor expressivo da interrogação retórica presente na última estrofe..... . 3 Prova 639 • Página C/8/ 15 4.....

...... ** Vide Factores de desvalorização......... não se apresenta um cenário de resposta...... Níveis de desempenho Aspectos de conteúdo Pontuação 6 Refere.... com pertinência e rigor....... ........... dois dos traços de carácter de D....... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. 7 2 Refere.... João V determinantes na acção de Memorial do Convento.............. resultar uma classificação inferior a zero pontos.... .................... 5 1 Refere............................. 30 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ................... o valor expressivo da interrogação retórica presente na última estrofe.......... OU Discorre superficialmente acerca do valor expressivo da interrogação retórica presente na última estrofe......... fazendo alusões que reflectem um bom conhecimento da obra.... Nos casos em que....... 18 5 Refere....... é atribuída à resposta a classificação de zero pontos.... João V determinantes na acção de Memorial do Convento..presente na última estrofe.. com pertinência..... o valor expressivo da interrogação retórica presente na última estrofe............ dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p...... até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos. da aplicação deste factor de desvalorização... C/4).. Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item................... a resposta deve incidir em elementos dos conteúdos programáticos referentes ao estudo do texto narrativo Memorial do Convento........ com acentuadas imprecisões.... fazendo alusões que reflectem um bom conhecimento da obra........... 5 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item... com ligeiras ou esporádicas imprecisões........ no domínio da correcção linguística...... 18 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ..... 7 pontos Correcção linguística* ......: /2009/)....... depois de aplicados todos os critérios definidos para o item (situação representada pela alínea a) na grelha de classificação)............... Qualquer número conta como uma única palavra......... de José Saramago........ ................ deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra (a mais ou a menos)............................... independentemente dos algarismos que o constituam (ex....... Para efeitos de contagem.. 3 Prova 639 • Página C/9/ 15 B............. 12 pontos Estruturação do discurso .....: /dir-seia/)................ mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex............. dois dos traços de carácter de D.....

........ um dos traços de carácter de D...... 3 Coluna A Coluna B Versão 1 Versão 2 1) c) b) 2) a) h) 3) e) d) 4) g) f) 5) h) g) Item Versão 1 Versão 2 Pontuação 1. 9 2 Refere............. registe a resposta correcta de forma inequívoca.. João V determinante na acção de Memorial do Convento........ através de um processo diferente do requerido... fazendo alusões que reflectem um conhecimento incipiente da obra.. em Memorial do Convento............ com acentuadas imprecisões.... 9 1 Estabelece uma correspondência correcta.......... 50 pontos Neste grupo..... dois dos traços de carácter de D........... João V determinantes na acção de Memorial do Convento...15 4 Refere. João V determinante na acção de Memorial do Convento. a resposta em que o examinando... fazendo alusões que reflectem um conhecimento suficiente da obra. João V determinante na acção de Memorial do Convento. OU Refere....... (D) (A) 5 pontos Prova 639 • Página C/11/ 15 Prova 639 • Página C/12/ 15 ..... 6 1 Discorre superficialmente sobre o carácter de D....... 15 2 Estabelece duas ou três correspondências correctas............................ (D) (C) 5 pontos 2.... Chave 8.... (C) (B) 5 pontos 3...... com pertinência... João V.... deve também ser considerada....... pelo menos um dos traços de carácter de D. embora não respeitando a instrução dada.......... (A) (C) 5 pontos 6............. fazendo alusões que reflectem um conhecimento suficiente da obra.... fazendo alusões que reflectem um bom conhecimento da obra....... 3 Prova 639 • Página C/10/ 15 GRUPO II .. 15 pontos Chave Níveis de desempenho Descritores do nível de desempenho Pontuação 3 Estabelece quatro ou cinco correspondências correctas.. com ligeiras ou esporádicas imprecisões..... (C) (A) 5 pontos 5..................... ....... fazendo alusões que reflectem um conhecimento suficiente da obra..... 12 3 Refere... com pertinência..... um dos traços de carácter de D.... para efeitos de classificação........... (B) (D) 5 pontos 4.. ....................... (B) (A) 5 pontos 7..............

.... admitida a atribuição de qualquer classificação diferente das indicadas..... 5 ou 3).... – elaboração de um texto coerente e coeso.. 24.... ortográfico e de pontuação. 18. portanto. não sendo. da aplicação deste factor de desvalorização.... 3 ou 1).. Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item. até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex..... 15 e 9 pontos) às produções que se encontrem numa das situações seguintes: evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho inferiores (níveis 7..... 7. C/13 a C/15.... – os níveis intercalares (níveis 8... 5. ** Os níveis de desempenho deste critério – estruturação temática e discursiva – encontramse descritos nas páginas seguintes...... 15.. 50 pontos A produção de texto visa avaliar a expressão escrita do examinando. 21... na sua atribuição....... no qual se requer um texto de reflexão. 21... apresentando........ é atribuída à resposta a classificação de zero pontos..... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco... sintáctico.... resultar uma classificação inferior a zero pontos.... há que atender aos princípios a seguir enunciados: – a classificação a atribuir à estruturação temática e discursiva é obrigatoriamente seleccionada de entre as cotações definidas para cada um dos nove níveis de desempenho – 30. 30 pontos Correcção linguística (F)** ………………………………………………………………….GRUPO III .. simultaneamente... ao classificar o texto do examinando..... mas integram-se também. 20 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de resposta aberta extensa –.. o domínio das seguintes capacidades: – estruturação de um texto com recurso a estratégias discursivas adequadas à defesa de um ponto de vista e reflectindo a operação prévia de uma planificação produtiva. Para efeitos de contagem..: /2009/)....... 6... ... – produção de um discurso correcto nos planos lexical.. Nos casos em que.. não é apresentado cenário de resposta. Tratando-se de um item de resposta aberta extensa.....: /dir-se-ia/). na descrição do nível superior correspondente..... 9 e 6 pontos –... 12. de forma a permitir a atribuição das respectivas classificações (27.. 4 e 2) não foram explicitados. o professor classificador deve observar. por alguns aspectos..... e....... Critérios específicos de classificação Estruturação temática e discursiva (C)* ………………..... depois de aplicados todos os critérios definidos para o item (situação representada pela alínea a) na grelha de classificação)..... independentemente dos algarismos que o constituam (ex.. morfológico. evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho superiores (níveis 9.…………………………. deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra (a mais ou a menos).... um ou outro traço dos níveis inferiores... Qualquer número conta como uma única palavra..... 27........

devidamente proporcionadas e articuladas entre si de modo consistente. proporcionais e satisfatoriamente articuladas entre si. • marca correctamente os parágrafos. cada um deles ilustrado com (pelo menos) um exemplo significativo. porém. – Mobiliza expressivamente. – Mobiliza informação suficiente. reflectindo uma planificação prévia e recorrendo a mecanismos adequados de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. o tema proposto. individualizadas. • utiliza adequadamente conectores e outros mecanismos de coesão textual. no entanto. conclusão). • define. • utiliza. justificados pela intencionalidade do discurso e marcados (com aspas ou sublinhados).. porém. sem desvios. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. sempre com eficácia argumentativa. 24 6 21 Prova 639 • Página C/13/ 15 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 5 – Trata o tema proposto. C/4). que não afectam. individualizadas. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados..** Vide Factores de desvalorização. com adequação. Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 9 – Trata. desenvolvimento. – Redige um texto estruturado. pontuado. procedimentos de modalização. • define o seu ponto de vista. no domínio da correcção linguística. – Utiliza o registo de língua adequado ao texto. • marca correctamente os parágrafos. a adequação geral do discurso. desenvolvimento. embora apresente desvios pouco relevantes. o seu ponto de vista. cada um deles documentado com (pelo menos) um exemplo apropriado. o tema proposto. 30 8 27 7 – Trata. recursos da língua (repertório lexical variado e pertinente. conectores diversificados e outros mecanismos de coesão textual. . eventualmente com lacunas que não afectam. pontuação. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos. reflectindo uma planificação prévia e evidenciando um bom domínio dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. figuras de estilo. com suficiente eficácia argumentativa: • produz um discurso coerente. conclusão). uma informação ampla e diversificada: • produz um discurso coerente e sem qualquer tipo de ambiguidade. – Mobiliza informação diversificada. eventualmente com esporádicos afastamentos. – Mobiliza. com adequação e intencionalidade. que se encontram. apesar de afasta mentos esporádicos. distintos e pertinentes. no entanto. • define com suficiente clareza o seu ponto de vista. nem sempre com eficácia argumentativa: • produz um discurso globalmente coerente. – Mobiliza um repertório lexical adequado e variado. – Faz uso correcto do registo de língua adequado ao texto. – Redige um texto estruturado..). de forma inequívoca. sem desvios. apesar de algumas ambiguidades evidentes. por ambi guidades pouco relevantes. a inteligibilidade.

conclusão). evidenciando um domínio insuficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto em que não distingue com clareza três partes (introdução. – Redige um texto pouco estruturado. articuladas entre si de modo pouco consistente. indiferenciadamente. – Utiliza vocabulário elementar e restrito. – Redige um texto com estruturação muito deficiente. afastamentos do registo de língua adequado ao texto. mas sem manifestar consciência do registo adequado ao texto. embora sem incorrecções graves. • marca. em número significativo. – Mobiliza pouca informação e com reduzida eficácia argumentativa: • produz um discurso com alguma coerência. mas apresentando alguns afastamentos que afectam pontualmente a adequação global. 18 4 15 3 – Trata globalmente o tema. mas com incorrecções de alguma gravidade. com impropriedades que não perturbam. conclusão). – Redige um texto com deficiências de estrutura. – Utiliza um vocabulário simples e comum. a comunicação. sem critério. com os de outros tipos textuais. reflectindo uma escassa planificação prévia e evidenciando um domínio apenas suficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. • utiliza apenas os conectores e os mecanismos de coesão textual mais comuns. mas apresentando um único exemplo e pouco significativo. não raro redundante e/ou inadequado. em geral. • utiliza poucos conectores. por vezes de forma inadequada e recorrendo. porque o compreendeu mal ou porque não se cinge a uma linha condutora e se perde em digressões. – Utiliza. com desequilíbrios de proporção mais ou menos notórios e com deficiências ao nível da articulação entre elas. frequentemente. – Mobiliza muito pouca informação e sem eficácia argumentativa: • produz um discurso geralmente inconsistente e. 12 29 Prova 639 • Página C/14/ 15 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 1 – Aborda lateralmente o tema. – Apresenta. o registo de língua adequado ao texto. registos de língua distintos. • não define um ponto de vista identificável. – Utiliza. desprovido de mecanismos elementares de coesão textual. desenvolvimento.• fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados. correctamente os parágrafos. • fundamenta a perspectiva adoptada em um único argumento ou em dois argumentos redundantes e não apresenta exemplos. a construções paratácticas. mas fá-lo de forma confusa. por vezes. ininteligível. mas pouco variado. ou um único registo inadequado. 6 Prova 639 • Página C/15/ 15 . • não cumpre a instrução no que diz respeito à tipologia textual ou apresenta um texto em que traços do tipo de texto solicitado se misturam. desenvolvimento. mas com falhas esporádicas. • marca parágrafos. – Mobiliza um repertório lexical adequado. ou em que as mesmas se encontram insuficientemente marcadas. ou apresenta exemplos pouco adequados. mas com desvios notórios. porém. • define um ponto de vista identificável. mas nem sempre claramente inteligível. em geral.

indique. de forma legível.º Ano de Escolaridade Prova 639/1. Não é permitido o uso de corrector. de forma inequívoca. bem como as respectivas respostas. Se escrever alguma resposta integralmente em maiúsculas. a versão da prova. diferencie correctamente as maiúsculas das minúsculas. deve riscar. a classificação da prova é sujeita a uma desvalorização . 2010 VERSÃO 1 Na folha de respostas. a numeração dos grupos e dos itens. A ausência dessa indicação implica a classificação com zero pontos das respostas aos itens do Grupo II. Ao responder. de forma legível. azul ou preta. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével. Escreva. Tolerância: 30 minutos.Prova Escrita de Português 12. Em caso de engano. aquilo que pretende que não seja classificado. As respostas ilegíveis ou que não possam ser identificadas são classificadas com zero pontos. Não é permitido o uso de dicionário.ª Fase 8 Páginas Duração da Prova: 120 minutos.

a plagas5 frias. v. Est. ao profundo. 145. v. transcritas do Canto X. A ferro. Dando os corpos a fomes e vigias. E à sua pátria e Rei temido e amado O prémio e glória dão por que mandou. E com títulos novos se ilustrou. • a letra que identifica a única opção correcta. ó Rei. a setas e pelouros. Olhai que sois (e vede as outras gentes) Senhor só de vassalos excelentes. Para responder aos itens de associação/correspondência. Até que houveram vista do terreno Em que naceram. apagada e vil tristeza. na folha de respostas. Em caso de necessidade. sempre desejado. O favor com que mais se acende o engenho Não no dá a pátria. A naufrágios. escreva.V1 • Página 2/ 8 Est. 144.V1 • Página 1/ 8 GRUPO I A Leia o texto seguinte. Nô mais. • o número do item. • o número do item. Com vento sempre manso e nunca irado. Musa. Est. Prova 639. 147. Est. apenas é classificada a resposta apresentada em primeiro lugar. na folha de respostas. Assi foram cortando o mar sereno. A golpes de Idolátras6 e de Mouros. a pexes. A quentes regiões. Entraram pela foz do Tejo ameno. por várias vias. Para cada item. v. Que os ânimos levanta de contino2 A ter pera trabalhos ledo o rosto. E não do canto. Se escrever mais do que uma resposta a um mesmo item. Quais rompentes4 liões e bravos touros. 146. Prova 639. apresente apenas uma resposta. que a Lira tenho Destemperada e a voz enrouquecida. A perigos incógnitos do mundo. Por isso vós. As cotações dos itens encontram-se no final do enunciado da prova.de cinco pontos. escreva. Olhai que ledos vão. a fogo. 1 9 17 25 . Para responder aos itens de escolha múltipla. que está metida No gosto da cobiça e na rudeza D~ua austera. que por divino Conselho estais no régio sólio3 posto. não. • a letra que identifica cada elemento da coluna A e o número que identifica o único elemento da coluna B que lhe corresponde. constituído por cinco estâncias de Os Lusíadas. v. E não sei por que influxo de Destino Não tem um ledo1 orgulho e geral gosto. mas de ver que venho Cantar a gente surda e endurecida. consulte o vocabulário que se apresenta. nô mais.

3 sólio: trono. 2003 VOCABULÁRIO 1 ledo: contente. os homens acabavam de adquirir novas dimensões. da Europa e do Mundo. os que adoram ídolos. e não duvido Que vencedor vos façam. Luís de Camões. para a sua errância. Demónios infernais. não vencido. e indique um motivo que esteja associado a cada um deles. prontos e contentes. Os Lusíadas. Prova 639.ª ed. J. MNE/IC. 2 contino: contínuo. A quaisquer vossos ásperos mandados. Apresente. 4. Para efeitos de contagem. livre-arbítrio e fatalismo. relacionando-a com o sentido das estâncias 145 a 148. 4 rompentes: que rompem. muitas vezes contraditórias. económica e política de Portugal. (. Lisboa. Indique um efeito expressivo da enumeração presente na estância 147. especulação e riqueza. Escreva um texto de oitenta a cento e trinta palavras.: /dir-se-ia/). de José Saramago. as suas respostas aos itens que se seguem. considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. 2. B Comente a importância de Blimunda na consecução do sonho de voar. Exponha sucintamente o assunto da primeira estrofe transcrita. 148. 33 GRUPO II Leia o texto seguinte. Camões viveu a fase terminal da expansão portuguesa e. Tudo isso os levava a viver dramaticamente uma época em que os . 5. Observações 1.. Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido. 7 Cometerão: acometerão. v. o que tornava possível a mistura de vontade e audácia. Só com saber que são de vós olhados. a da decadência e do desmoronamento político do seu país. depois. Cometerão7 convosco. e novos horizontes. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex..) Mas. muitas vezes alucinantes. negros e ardentes. Camões viveu um período intelectual singular da história sociocultural. independentemente dos algarismos que o constituam (ex.. em Memorial do Convento.: /2010/). ao mesmo tempo. De vós tão longe. 5 plagas: praias. Justifique a interpelação ao Rei. 3. (. para o pensamento. Refira dois dos sentimentos manifestados pelo poeta. da Costa Pimpão. viagem e perigo. a tudo aparelhados.V1 • Página 3/ 8 Est.) Com as navegações. 1. de forma clara e bem estruturada. de A. fazendo referências pertinentes à obra.Por vos servir. sempre obedientes. ao longo do texto. 2. Sem dar reposta. 6 Idolátras: idólatras.. dilaceram ou investem. Qualquer número conta como uma única palavra.

podendo. 1.. na folha de respostas. viajantes. eclesiásticos e intelectuais. A viagem de Bartolomeu Dias (passagem do Cabo da Boa Esperança. diplomatas e espiões.V1 • Página 4/ 8 1 5 10 15 20 25 2. . n. marinheiros. quatro anos antes de Colombo e muito mais do que a jornada deste. «Camões e os Descobrimentos». aventureiros. piratas. homens políticos e de ciência. o número do item e a letra que identifica a opção correcta. Abril. os contemporâneos de Camões consideraram a expansão portuguesa de importância (A) similar. Escreva.) A ideologia dominante. Vasco Graça Moura. consciente do alcance universal das descobertas portuguesas e comparando-as às narrativas fabulosas dos feitos heróicos da antiguidade clássica. Em relação às proezas exaltadas na antiguidade clássica. relativamente aos feitos de que provinha tão grande transformação (. a única opção que permite obter uma afirmação adequada ao sentido do texto. (D) inconcebível. 1992 (adaptado) Seleccione. Prova 639. concluía pela superioridade das expedições modernas e aspirava a vê-las cantadas sob o modelo clássico da epopeia. in Oceanos. dimensão que faltava ainda à glória que tais feitos mereciam e que poderia fazê-la valer em toda a parte. ser justamente considerada o limiar de uma nova era. A aventura portuguesa entendida como uma forma de divulgação do cristianismo traduz o pensamento da classe mais (A) inculta. em cada um dos itens de 1 a 7. príncipes.) e que haviam gerado tão grande massa de informações acumuladas sobre os descobrimentos portugueses. E houvera ainda. (. muitas outras viagens portuguesas da maior importância. (C) superior.. informações essas que todos. Mas faltava ainda a dimensão da glorificação pela criação artística. Dez anos depois. em 1488). a viagem de Vasco da Gama (1497/98) tinha sido a que mais radicalmente contribuíra para a transformação da civilização europeia e da História do Mundo. buscavam avidamente na Europa.mais esclarecidos viam a aventura portuguesa como uma forma de expansão europeia sob o denominador comum que lhes era possível conceber: a propagação da fé cristã. ao longo de décadas. (B) irrelevante. abriu novas perspectivas para a revolução da noção de espaço planetário.º 10... por isso.

(D) pretérito perfeito do conjuntivo. (B) lexical. A forma verbal «haviam gerado» (linha 22) encontra-se no (A) pretérito mais-que-perfeito composto do indicativo. (4) o enunciador clarifica a referência de uma expressão nominal. de modo a obter uma afirmação adequada ao sentido do texto. a de Vasco da Gama e outras viagens portuguesas. Em «para a sua errância» (linhas 6 e 7) «sua» remete para (A) «as navegações» (linha 5). relativamente aos factos apresentados. (C) oposição. nas linhas 15 a 20. (B) constituiu um hiato na evolução do conhecimento. (5) o enunciador desvaloriza a importância dos factos apresentados. COLUNA A COLUNA B (a) Com o conector «Mas» (linha 2). (D) belicosa. (e) Com o advérbio «avidamente» (linha 25). (C) marcou o começo de uma nova época. (D) «novos horizontes» (linha 6). (2) o enunciador fundamenta a ideia exposta no segundo parágrafo do texto. as letras e os números correspondentes. (b) Ao usar o pronome átono «os» (linha 8). Utilize cada letra e cada número apenas uma vez.(B) instruída. «descobertas portuguesas» (linha 11) e «descobrimentos portugueses» (linha 23) contribuem para a coesão (A) frásica. (D) constituiu um embargo ao avanço científico. no século XV. Faça corresponder a cada segmento textual da coluna A um único segmento textual da coluna B. (A) marcou o término da aventura portuguesa. 3. (B) hierarquia. Os termos «livre-arbítrio» (linha 8) e «fatalismo» (linha 8) mantêm entre si uma relação semântica de (A) equivalência. (C) «o pensamento» (linha 6). (B) «os homens» (linha 5). (C) pretérito perfeito composto do indicativo. (D) temporal. (D) inclusão. na folha de respostas. A passagem do Cabo da Boa Esperança. (C) poderosa. (C) interfrásica. Escreva. (d) Ao mencionar a viagem de Bartolomeu Dias. . Prova 639. (1) o enunciador constrói uma relação de simultaneidade com a escrita da epopeia. 4. «aventura portuguesa» (linha 9). As expressões textuais «expansão portuguesa» (linha 1). (c) Ao usar parênteses (linha 15). (6) o enunciador introduz uma relação de contraste.V1 • Página 5/ 8 7. 5. 8. (B) pretérito mais-que-perfeito do conjuntivo. (3) o enunciador introduz uma perspectiva de outro autor. 6.

......... Correspondência: 1959-1978................... 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) B .................... 2006 Observações 1....................................... de si mesmo.......... .............. «Apoderou-se de mim uma fúria de viajar........ que foi para mim o deslumbramento inteiro e puro e onde me senti livre e com asas.. 2. há que atender ao seguinte: – a um texto com extensão inferior a oitenta palavras é atribuída a classificação de zero pontos...... Qualquer número conta como uma única palavra.............................V1 • Página 8/ 8 COTAÇÕES GRUPO I A 1.....................» Sophia de Mello Breyner e Jorge de Sena.......(7) o enunciador introduz um modificador do predicado................. Lisboa...................... de duzentas a trezentas palavras......... (8) o enunciador retoma um referente expresso na primeira linha do parágrafo............. pelo menos....... 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 2...... a dois argumentos e ilustre cada um deles com............ considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco.........V1 • Página 7/ 8 Prova 639.. ..... também................................... apresente uma reflexão sobre a viagem como possibilidade de descoberta do outro e................................. GRUPO III Partindo da perspectiva exposta no excerto abaixo transcrito.... no mínimo.......... Para efeitos de contagem....................... Relativamente ao desvio dos limites de extensão indicados – um mínimo de duzentas e um máximo de trezentas palavras –. independentemente dos algarismos que o constituam (ex....... – nos outros casos.... Prova 639. FIM Prova 639................................... devidamente estruturado... Mas acima de tudo queria voltar à Grécia...............: /2010/).... mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex..: /dir-se-ia/)................ ... Escreva um texto........................ 15 pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 4..................... 20 pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 3...... um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido.......... Guerra & Paz....................... 30 pontos Conteúdo (18 pontos) Organização e correcção linguística (12 pontos) ............ Fundamente o seu ponto de vista recorrendo... um exemplo significativo.......................... ..............

....................... pontos 5......................................................................... .......................................... 200 pontos ........................................................................................ .......................................................................... pontos 50 pontos 15 15 15 15 15 15 15 15 GRUPO III Estruturação temática e discursiva ........ 30 pontos Correcção linguística ....... pontos 7............................................................................. ...............100 pontos GRUPO II 1............................................................................................ ................................................................................................................................................................................. ........................... pontos 8.......................................................................... ..................................................... pontos 3.................................................................................................................................................... pontos 4.......................................... pontos 2... pontos 6.......................... ......................... .............................................................. 20 pontos 50 pontos TOTAL ....

........ no domínio da correcção linguística.. com pertinência........... 9 3 Expõe sucintamente......................................... com pertinência e rigor....... com pertinência e rigor............................. o assunto da primeira estância transcrita.... fazendo referência aos dois tópicos fundamentais do conteúdo.. fazendo referência apenas a um dos tópicos fundamentais do conteúdo.. o assunto da primeira estância transcrita. o assunto da primeira estância transcrita................. com ligeiras ou esporádicas imprecisões.......... ... ou outros considerados relevantes.......... fazendo referência aos dois tópicos fundamentais do conteúdo...... com acentuadas imprecisões........ para glória régia e da Pátria.......... OU Expõe.. OU Expõe sucintamente............... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p............ fazendo referência aos dois tópicos fundamentais do conteúdo.. 7 2 Expõe sucintamente... 5 1 Expõe sucintamente.. – entrega ao Rei dos triunfos alcançados.. Tópicos a considerar na exposição do assunto: – viagem de regresso dos navegadores a Lisboa........................................................ o assunto da primeira estância transcrita.............A 1......... fazendo referência apenas a um dos tópicos fundamentais do conteúdo..... com um estado do tempo favorável.. 6 pontos Estruturação do discurso .............. 3 pontos Correcção linguística* ... fazendo referência aos dois tópicos fundamentais do conteúdo............ o assunto da primeira estância transcrita... C/4).... o assunto da primeira estância transcrita.... Níveis de desempenho Descritores Pontuação 4 Expõe sucintamente... ... fazendo referência apenas a um dos tópicos fundamentais do conteúdo........ com pertinência e rigor... ** Vide Factores de desvalorização..... 3 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os aspectos que a seguir se enunciam. 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ... o assunto da primeira estância transcrita.................... 3 Prova 639 • Página C/5/ 14 ....... fazendo referência aos dois tópicos fundamentais do conteúdo....... OU Expõe sucintamente....... o assunto da primeira estância transcrita......... com pertinência e rigor......... 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ............................. com pertinência... OU Expõe........................

... relacionando-a com o sentido global das estâncias 145 a 148.... ou outros considerados relevantes..... para reacenderem na Pátria o orgulho e a coragem.. com pertinência...................................... Níveis de desempenho Descritores Pontuação 4 Justifica...... com pertinência e rigor.................. 9 2 Justifica.............................. a interpelação ao Rei.... – afirmação da excelência dos heróis valorosos cantados pelo poeta........ a interpelação ao Rei..................... 6 1 Justifica...... sem a justificar.................. ...... C/4).. reúnem qualidades para o fazerem «vencedor».............. OU Relaciona.. com pertinência e rigor..... sem a relacionar com as estâncias referidas............. 9 pontos ........ com acentuadas imprecisões..................... ....... no domínio da correcção linguística.................................... ........ 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) .. OU Justifica. com pertinência e rigor... 8 pontos Estruturação do discurso .................................... a interpelação ao Rei................... 12 3 Justifica. relacionando-a com o sentido global das estâncias 145 a 148.......... como se verificou no passado............. isto é...... a interpelação ao Rei............................ que...... 3 Prova 639 • Página C/6/ 14 3............. 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ......... Justificação da interpelação: – o Rei.... 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ..... a interpelação ao Rei.. a interpelação ao Rei.... deve reconhecer o valor dos seus súbditos............... com pertinência.......................... a interpelação ao Rei. com pertinência............. OU Relaciona....... sem a relacionar com as estâncias referidas..... sem a justificar............................ por oposição à inércia e à indignidade dos seus contemporâneos.2... ...... com ligeiras ou esporádicas imprecisões........ Relacionação com o sentido das estâncias 145 a 148: – constatação de um estado geral de desânimo e de abulia da Pátria – bem como de um aviltamento de valores – incapacitante de uma atitude colectiva.......... OU Justifica.. enérgica e optimista................. relacionando-a com o sentido global das estâncias 145 a 148........ a interpelação ao Rei............................ que o é por desígnio divino.......... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p......................... ** Vide Factores de desvalorização............................. 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os aspectos que a seguir se enunciam... relacionando-a com o sentido global das estâncias 145 a 148.................. 4 pontos Correcção linguística* .........

• Aspectos de organização e correcção linguística (F) ............................................. 6 pontos Estruturação do discurso ......................................................................... 3 pontos Correcção linguística* .............................................................................. 3 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar um dos aspectos que a seguir se enunciam, ou outro considerado relevante. A enumeração presente na estância 147 tem como efeito expressivo: – destacar, enfaticamente, a superior qualidade dos vassalos do Rei, que tudo conseguem suportar e ultrapassar (fomes, guerras, condições climáticas adversas, confrontos religiosos, naufrágios, …); – salientar os inúmeros perigos, na guerra e no mar, da aventura longínqua dos Descobrimentos.
** Vide Factores de desvalorização, no domínio da correcção linguística, dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. C/4).

Níveis de desempenho Descritores Pontuação 4 Indica, com pertinência e rigor, um efeito expressivo da enumeração presente na estância 147. 9 3 Indica, com pertinência, um efeito expressivo da enumeração presente na estância 147. 7 2 Indica, com ligeiras ou esporádicas imprecisões, um efeito expressivo da enumeração presente na estância 147. 5 1 Indica, com acentuadas imprecisões, um efeito expressivo da enumeração presente na estância 147. 3 Prova 639 • Página C/7/ 14

4. ................................................................................................................................. .................... 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ...................................................................................... 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ............................................. 8 pontos Estruturação do discurso ......................................................................... 4 pontos Correcção linguística* .............................................................................. 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar dois dos aspectos que a seguir se enunciam, ou outros considerados relevantes.
Nota: São apresentadas citações que constituem uma mera orientação de classificação. Os «Motivos» que constam deste cenário de resposta não estão associados a nenhum sentimento em particular, uma vez que podem, eventualmente, ser associados a mais do que um sentimento.
** Vide Factores de desvalorização, no domínio da correcção linguística, dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. C/4).

Sentimentos do poeta Motivos • desânimo, desalento, desencanto («Nô mais, Musa, nô mais, que a Lira tenho / Destemperada e a voz enrouquecida» – vv. 9-10). – a insensibilidade dos seus contemporâneos em reconhecerem o trabalho e o mérito do poeta («ver que venho / Cantar a gente surda e endurecida.» – vv. 11-12);

– o aviltamento dos valores que o poeta considera essenciais («No gosto da cobiça e na rudeza / D~ua austera, apagada e vil tristeza.» – vv. 15-16); – a ausência, nos seus contemporâneos, de força anímica colectiva, comparável à dos «vassalos excelentes»; – o confronto das atitudes dos seus contemporâneos («gente surda e endurecida» que vive «No gosto da cobiça e na rudeza / D~ua austera, apagada e vil tristeza» – vv. 12, 15-16) com a bravura e a lealdade reveladas pelos Portugueses, num passado ainda recente. • estupefacção, perplexidade («E não sei por que influxo de Destino / Não tem um ledo orgulho e geral gosto, / Que os ânimos levanta de contino / A ter pera trabalhos ledo o rosto.» – vv. 17-20). • exaltação da energia criadora, da valentia (estâncias 147-148). Níveis de desempenho Descritores Pontuação 4 Refere dois dos sentimentos do poeta e indica um motivo que esteja associado a cada um deles. 12 3 Refere dois dos sentimentos do poeta e indica um só motivo que esteja associado a um ou a ambos. 9 2 Refere um dos sentimentos do poeta e indica um motivo que lhe esteja associado. OU Refere dois dos sentimentos do poeta, mas não indica quaisquer motivos que lhes estejam associados. 6 1 Refere um dos sentimentos do poeta, mas não lhe associa nenhum motivo. 3 Prova 639 • Página C/8/ 14

B. ................................................................................................................................
.................... 30 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ...................................................................................... 18 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ............................................. 12 pontos Estruturação do discurso ......................................................................... 7 pontos Correcção linguística* .............................................................................. 5 pontos Cenário de resposta A resposta pode contemplar, entre outros, os seguintes aspectos considerados relevantes e adequados. Dotada de poderes sobrenaturais – a capacidade extraordinária de vidência (no interior dos corpos e debaixo da terra) – Blimunda participa na concretização do sonho de voar: – inspeccionando os materiais de construção da passarola; – recolhendo as duas mil vontades com as quais se encherão as esferas que farão voar a máquina. Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item, deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra (a mais ou a menos), até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos, depois de aplicados todos os critérios definidos para o item (situação representada pela

alínea a) na grelha de classificação. Para efeitos de contagem, considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco, mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex.: /dir-se-ia/). Qualquer número conta como uma única palavra, independentemente dos algarismos que o constituam (ex.: /2010/). Nos casos em que, da aplicação deste factor de desvalorização, resultar uma classificação inferior a zero pontos, é atribuída à resposta a classificação de zero pontos.
** Vide Factores de desvalorização, no domínio da correcção linguística, dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. C/4).

Níveis de desempenho Descritores Pontuação 6 Comenta, com pertinência e rigor, a importância de Blimunda na consecução do sonho de voar, em Memorial do Convento, de José Saramago, fazendo referências que reflectem um muito bom conhecimento da obra. 18 5 Comenta, com pertinência e rigor, a importância de Blimunda na consecução do sonho de voar, em Memorial do Convento, de José Saramago, fazendo referências que reflectem um bom conhecimento da obra. 15 4 Comenta, com alguma pertinência e menor rigor, a importância de Blimunda na consecução do sonho de voar, em Memorial do Convento, de José Saramago, fazendo referências que reflectem um conhecimento suficiente da obra. 12 3 Comenta, com ligeiras ou esporádicas imprecisões, a importância de Blimunda na consecução do sonho de voar, em Memorial do Convento, de José Saramago, fazendo referências que reflectem um conhecimento suficiente da obra. 9 2 Comenta, com acentuadas imprecisões, a importância de Blimunda na consecução do sonho de voar, em Memorial do Convento, de José Saramago, fazendo referências que reflectem um conhecimento insuficiente da obra. 6 1 Tece comentários gerais sobre a importância de Blimunda na consecução do sonho de voar, em Memorial do Convento, de José Saramago, pouco relevantes para a temática proposta, que reflectem um conhecimento incipiente da obra. 3 Prova 639 • Página C/9/ 14

GRUPO II
..................................................................................................................................... ........... 50 pontos Neste grupo, deve também ser considerada, para efeitos de classificação, a resposta em que o examinando, embora não respeitando a instrução dada, registe a resposta correcta de forma inequívoca, através de um processo diferente do requerido. Chave 8. ................................................................................................................................. .................... 15 pontos Chave
Coluna A Coluna B Versão 1 Versão 2 (a) (6) (7) (b) (8) (6) (c) (4) (8)

..... Para efeitos de contagem.... (B) (C) 5 3. (C) (B) 5 4. 15 2 Estabelece duas ou três correspondências correctas....... Critérios específicos de classificação Estruturação temática e discursiva (C)* . sintáctico. ao classificar o texto do examinando..... depois de aplicados todos os critérios definidos para o item (situação representada pela alínea a) na grelha de classificação).............. (B) (A) 5 7..................... o professor classificador deve observar........ (C) (B) 5 6. deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra a mais ou a menos......... o domínio das seguintes capacidades: – estruturação de um texto com recurso a estratégias discursivas adequadas à defesa de um ponto de vista e reflectindo a operação de uma planificação produtiva......... até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos............(d) (2) (3) (e) (7) (2) Níveis de desempenho Descritores do nível de desempenho Pontuação 3 Estabelece quatro ou cinco correspondências correctas.......................... – elaboração de um texto coerente e coeso. (A) (C) 5 Prova 639 • Página C/10/ 14 GRUPO III ... 50 pontos A produção de texto visa avaliar a expressão escrita do examinando.......................... não é apresentado cenário de resposta......... ** Os níveis de desempenho deste critério – estruturação temática e discursiva – encontramse descritos nas páginas .......... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. Tratando-se de um item de resposta aberta extensa..... ortográfico e de pontuação........ mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex........ 3 Item Versão 1 Versão 2 Pontuação 1.......... Nos casos em que...... Qualquer número conta como uma única palavra.... 20 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de resposta aberta extensa –......: /dir-se-ia/)............. (B) (D) 5 5.. 9 1 Estabelece uma correspondência correcta.... no qual se requer um texto de reflexão...: /2010/).... Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item...... 30 pontos Correcção linguística (F)** ..... independentemente dos algarismos que o constituam (ex............. (C) (B) 5 2....... – produção de um discurso correcto nos planos lexical............... morfológico......... é atribuída à resposta a classificação de zero pontos............. Sempre que o examinando apresente um texto com extensão inferior a oitenta palavras é atribuída à resposta a classificação de zero pontos... resultar uma classificação inferior a zero pontos.. .................... da aplicação deste factor de desvalorização..........

distintos e pertinentes. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos. individualizadas. – Mobiliza expressivamente. o tema proposto. 4 e 2) não foram explicitados. 6. 3 ou 1). de forma a permitir a atribuição das respectivas classificações (27. • define com suficiente clareza o seu ponto de vista. 12. • marca correctamente os parágrafos. 7. conectores diversificados e outros mecanismos de coesão textual. • marca correctamente os parágrafos.. desenvolvimento. com adequação e intencionalidade. uma informação ampla e diversificada: • produz um discurso coerente e sem qualquer tipo de ambiguidade. na sua atribuição. reflectindo uma planificação e recorrendo a mecanismos adequados de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. Prova 639 • Página C/11/ 14 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 9 – Trata. – Redige um texto estruturado. reflectindo uma planificação e evidenciando um bom domínio dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. que se encontram. 15. admitida a atribuição de qualquer classificação diferente das indicadas. com adequação. mas integram-se também. apresentando. evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho superiores (níveis 9. desenvolvimento. pontuação. 18. por alguns aspectos. pontuado. 24. ** Vide Factores de desvalorização. sem desvios. C/4). . procedimentos de modalização. – Redige um texto estruturado. o seu ponto de vista. por ambi guidades pouco relevantes. 9 e 6 pontos –. figuras de estilo. no entanto. 5 ou 3). um ou outro traço dos níveis inferiores. C/12 a C/14. – Mobiliza informação diversificada. 21. • utiliza adequadamente conectores e outros mecanismos de coesão textual. portanto. devidamente proporcionadas e articuladas entre si de modo consistente. individualizadas.seguintes. o tema proposto. – Mobiliza. simultaneamente. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. eventualmente com esporádicos afastamentos. conclusão). 5. 15 e 9 pontos) às produções que se encontrem numa das situações seguintes: evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho inferiores (níveis 7. recursos da língua (repertório lexical variado e pertinente. no entanto.). 27. na descrição do nível superior correspondente. de forma inequívoca.. – Faz uso correcto do registo de língua adequado ao texto. sem desvios. 21. há que atender aos princípios a seguir enunciados: – a classificação a atribuir à estruturação temática e discursiva é obrigatoriamente seleccionada de entre as cotações definidas para cada um dos nove níveis de desempenho – 30. cada um deles documentado com (pelo menos) um exemplo apropriado. 30 8 27 7 – Trata. com suficiente eficácia argumentativa: • produz um discurso coerente. conclusão). • define. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados. • utiliza. não sendo. – os níveis intercalares (níveis 8. proporcionais e satisfatoriamente articuladas entre si. justificados pela intencionalidade do discurso e marcados (com aspas ou sublinhados). e. cada um deles ilustrado com (pelo menos) um exemplo significativo. sempre com eficácia argumentativa. no domínio da correcção linguística..

mas pouco variado. que não afectam. em geral. ou apresenta exemplos pouco adequados. por vezes. desenvolvimento. com impropriedades que não perturbam. – Apresenta. articuladas entre si de modo pouco consistente. porém. • utiliza apenas os conectores e os mecanismos de coesão textual mais comuns. • fundamenta a perspectiva adoptada em um único argumento ou em dois argumentos redundantes e não apresenta exemplos. a comunicação. embora sem incorrecções graves. – Mobiliza informação suficiente. 18 4 15 3 – Trata globalmente o tema. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados. em geral. • marca parágrafos. • define um ponto de vista identificável. apesar de afasta mentos esporádicos. conclusão). conclusão). • não define um ponto de vista identificável. – Redige um texto com deficiências de estrutura. porém. mas com falhas esporádicas. mas com incorrecções de alguma gravidade. – Mobiliza um repertório lexical adequado e variado. mas apresentando um único exemplo e pouco significativo. – Mobiliza muito pouca informação e sem eficácia argumentativa: • produz um discurso geralmente inconsistente e. a adequação geral do discurso. afastamentos do registo de língua adequado ao texto. • define o seu ponto de vista. mas fá-lo de forma confusa. – Redige um texto pouco estruturado. eventualmente com lacunas que não afectam. ininteligível. • marca. desenvolvimento. mas nem sempre claramente inteligível. com desequilíbrios de proporção mais ou menos notórios e com deficiências ao nível da articulação entre elas.– Utiliza o registo de língua adequado ao texto. – Utiliza. reflectindo uma escassa planificação e evidenciando um domínio apenas suficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. correctamente os parágrafos. mas com desvios notórios. apesar de algumas ambiguidades evidentes. por vezes de forma inadequada e recorrendo. porque o compreendeu mal ou porque não se cinge a uma linha condutora e se perde em digressões. frequentemente. • utiliza poucos conectores. o registo de língua adequado ao texto. – Mobiliza pouca informação e com reduzida eficácia argumentativa: • produz um discurso com alguma coerência. em número significativo. embora apresente desvios pouco relevantes. a construções paratácticas. – Utiliza um vocabulário simples e comum. a inteligibilidade. 24 6 21 Prova 639 • Página C/12/ 14 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 5 – Trata o tema proposto. nem sempre com eficácia argumentativa: • produz um discurso globalmente coerente. evidenciando um domínio insuficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto em que não distingue com clareza três partes (introdução. mas apresentando alguns afastamentos que afectam pontualmente a adequação global. – Mobiliza um repertório lexical adequado. • não cumpre a instrução no que diz respeito à tipologia textual ou apresenta . ou em que as mesmas se encontram insuficientemente marcadas. 12 29 Prova 639 • Página C/13/ 14 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 1 – Aborda lateralmente o tema. porém.

Se escrever mais do que uma resposta a um mesmo item.º Ano de Escolaridade Prova 639/2. a classificação da prova é sujeita a uma desvalorização de cinco pontos. na folha de respostas. Escreva. Para responder aos itens de escolha múltipla. de forma legível. Para cada item. azul ou preta. A ausência dessa indicação implica a classificação com zero pontos das respostas aos itens do Grupo II. . a versão da prova. ou um único registo inadequado. sem critério. Se escrever alguma resposta integralmente em maiúsculas. não raro redundante e/ou inadequado. de forma inequívoca. deve riscar. apenas é classificada a resposta apresentada em primeiro lugar. aquilo que pretende que não seja classificado. Não é permitido o uso de dicionário. Em caso de engano. Ao responder. de forma legível. a numeração dos grupos e dos itens. Tolerância: 30 minutos. – Redige um texto com estruturação muito deficiente. 6 Prova 639 • Página C/14/ 14 Prova Escrita de Português 12. escreva. com os de outros tipos textuais. indique. Não é permitido o uso de corrector. As cotações dos itens encontram-se no final do enunciado da prova. desprovido de mecanismos elementares de coesão textual. – Utiliza indiferenciadamente registos de língua. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével. – Utiliza vocabulário elementar e restrito. As respostas ilegíveis ou que não possam ser identificadas são classificadas com zero pontos. bem como as respectivas respostas.um texto em que traços do tipo de texto solicitado se misturam. apresente apenas uma resposta.ª Fase 8 Páginas Duração da Prova: 120 minutos. sem manifestar consciência do registo adequado ao texto. diferencie correctamente as maiúsculas das minúsculas. 2010 VERSÃO 1 Na folha de respostas.

e o músico respondeu. a caleira da água por cima da qual passavam andorinhas rasando. anda na horta. O italiano fez uma pequena vénia na direcção de Baltasar. a quem. de asas abertas. eu explico o que devem fazer. por isso não se sabia se viria a ser falcão ou gaivota. e uma mulher. que se equilibrava sobre uns espeques laterais. do muito e constante trabalho. e. um homem chamado Baltasar Sete-Sóis. aqui está Baltasar Sete-Sóis. Para responder aos itens de associação/correspondência. toda a ave vibrou apesar do seu grande peso. e além disso estava sujo. sempre era ele o mecânico. Na sua frente estava uma ave gigantesca. • a letra que identifica a única opção correcta. o italiano tirou a venda. em todo ele só brilhava o gancho. Este é. chamei Sete-Luas. quero dizer-lhe que vivem aqui duas pessoas. Sem precipitação. • a letra que identifica cada elemento da coluna A e o número que identifica o único elemento da coluna B que lhe corresponde. e agora já pode desatar o pano. vime entrançado. Nenhuma ave pode voar sem bater as asas. até hoje de três pessoas. Assim é. à caça dos insectos. cuidado com a soleira. ainda que inábil. senhor Scarlatti. escreva. tão tranquilamente como antes estivera olhando as andorinhas. O italiano abrigara-se à sombra fresca de um grande plátano. olhava tranquilo as janelas fechadas do palácio. se houver forças que façam levantar isto. • o número do item.• o número do item. Só de olhos vendados se chega ao segredo. perguntou. Domenico Scarlatti aproximou-se da máquina. Estas asas são fixas. que respondeu com outra mais profunda. sorrindo. enfarruscado da forja. Prova 639. antes de tirar a venda. por viver com Sete-Sóis. cavername de madeira. O padre Bartolomeu Lourenço aproximou-se. pescoço comprido. lamelas de ferro. e Blimunda não se demora. em tom igual. a cimalha onde cresciam ervas. Blimunda. senhor Scarlatti. agora. eles executam. pousou as mãos numa das asas como se ela fosse um teclado. são eles quem está construindo a obra que lhe vou mostrar. A isso . Quantas vezes assim mesmo se volta dele. trazia na mão um pano que tirara do bolso. essa pedra mais alta. na folha de respostas. Não parecia curioso do que o rodeava. É este o segredo. cauda em leque. a cabeça ainda em tosco. disse. Não seja este o caso. agora de quatro. singularmente. então ao homem nada é impossível.V1 • Página 1/ 8 GRUPO I A Leia o texto a seguir transcrito.

com um cesto cheio de cerejas. e depois para fora. Sete-Luas. além de não ser coxo como foi Vulcano. este homem não perderá a mulher. umas mãos assentaram as telhas deste telhado. Considere o primeiro parágrafo do texto. 1998 Prova 639. havendo esta ave de voar. pensou o músico. veria facilmente nos corações amantes. mas isso também Deus é. o narrador assume uma atitude de comentador. Blimunda estava ali. acrescentou o músico. E esse segredo não o posso saber eu. José Saramago. 4. 3. Já isso basta para que eu agradeça. se não cabe na porta. mas. 1. de forma clara e bem estruturada. Há um tempo para construir e um tempo para destruir. e Baltasar não é apenas o tição negro que parece. sabe ele lá como é o corpo de Blimunda debaixo das roupas grosseiras que veste. e por isso foi para ele. Não posso dar mais que mostrar o que aqui se vê. Baltasar e o padre Bartolomeu Lourenço olharam-se perplexos. Caminho.V1 • Página 2/ 8 1 5 10 15 20 25 30 35 Apresente. Explique em que consiste a diferença. Transcreva do texto dois excertos exemplificativos de tal atitude e explicite a intenção que pode estar . as suas respostas aos itens que se seguem. mas eu respondo que o segredo do voo não é nas asas que está.. Sem falar que a Vénus cantariam todos os galos do mundo se tivesse os olhos que Blimunda tem. em alguma coisa há-de um simples mortal prevalecer sobre as divindades. trazia-as assim para se mostrar a Baltasar. sorrindo e oferecendo o cesto. disse o padre. 27. e respondia. No último parágrafo. É Vénus e Vulcano. porque se o deus perdeu a deusa. outras o deitarão abaixo. Scarlatti e Baltasar têm percepções diferentes da «ave gigantesca» (linha 12).ª ed. e todas as paredes. E sem contar que sobre Vulcano também Baltasar ganha. fundamentando a resposta em três citações do texto. como sairá. Descreva o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo». maneta sim. se for preciso.Baltasar responderia que basta ter forma de ave para voar. perdoemos-lhe a óbvia comparação clássica. 2. ilustrando o ponto de vista de cada uma destas personagens com uma citação adequada. Lisboa. Memorial do Convento. Ela tinha brincos de cerejas nas orelhas. Esta é que é Blimunda. Interprete a resposta do músico: «Quantas vezes assim mesmo se volta dele» (linhas 5 e 6).

propagandísticas e estratégicas. (…) Ao primeiro Sputnik seguiram-se outras façanhas da URSS.subjacente a esses comentários.V1 • Página 3/ 8 GRUPO II Leia o texto seguinte. Em caso de necessidade. cujo líder político era então Nikita Khrustchov e cujo principal cientista para as questões espaciais era Serguei Korolev. Na perspectiva actual. um grupo de engenheiros soviéticos lançava um foguetão do cosmódromo de Baikonur. colocou em órbita terrestre diversos cães. fazendo referências pertinentes à peça. Um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido. O processo que conduziu à primeira alunagem humana. consulte a nota que se apresenta. Com Khrustchov e Korolev.: /2010/). em 1969. em nenhum outro país. a astronáutica soviética viveu a sua época dourada (…). e os Estados Unidos procuraram dar réplica a essas iniciativas. mas reflectem o estado de espírito dominante na época. remonta pelo menos a 1957. que fotografaram a superfície (em Setembro de 1959) e a face oculta do satélite (um mês depois). A 14 de Outubro desse ano. considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. A União Soviética tinha colocado em órbita o primeiro satélite artificial1 da história. independentemente dos algarismos que o constituam (ex. Observações 1. as reacções dos meios de comunicação. à laia de ensaios para um futuro envio de seres humanos ao espaço. B Em Felizmente Há Luar!. com maior ou menor rapidez. a seguir à própria União Soviética. Escreva um texto de oitenta a cento e trinta palavras. A União Soviética. colocando assim em órbita terrestre o primeiro projecto de veículo espacial fabricado pelo homem (…). enviou à Lua naves não tripuladas. 2. Para além disso. dos partidos políticos ou da comunidade científica podem parecer exageradas. Comente a importância desta personagem para a denúncia da corrupção e da injustiça. Para efeitos de contagem. (…) O facto de o inimigo ter capacidade para colocar no espaço uma bola de 84 quilos de peso acarretava consideráveis consequências psicológicas. a era espacial tinha começado. provavelmente. a figura de Matilde de Melo revela-se essencial para objectivar a intenção crítica de Luís de Sttau Monteiro. Qualquer número conta como uma única palavra. terá sido maior do que nos Estados Unidos. Prova 639. mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. Embora os Estados Unidos também tivessem colocado um satélite em órbita pouco depois do seu rival e enviado naves não . A repercussão da viagem orbital em todo o mundo foi imensa e.: /dir-se-ia/).

Em «os seus feitos» (linha 20). na folha de respostas. Público/El País (adaptado) NOTA 1 O primeiro satélite artificial recebeu o nome de Sputnik I. (D) sujeito. (B) disposição. em cada um dos itens de 1 a 7. (C) à conta de. 4. o constituinte sublinhado é uma oração subordinada (A) adverbial consecutiva. Em «O processo que conduziu à primeira alunagem humana. Mulheres e Factos que Mudaram a História.» (linhas 1 e 2).tripuladas à Lua. A expressão «dar réplica» (linha 13) adquire o sentido de (A) responder. 3. o constituinte sublinhado desempenha a função sintáctica de (A) complemento directo. (B) contestar. «seus» remete para . (C) vocativo. o número do item e a letra que identifica a opção correcta. Seleccione. O texto refere-se aos primórdios da conquista do espaço e ao despique entre (A) Khrustchov e outros dirigentes soviéticos. em 1969. (C) depreciar. (C) natureza. Lisboa. Esta instituição começou a funcionar a 1 de Outubro de 1958 e centralizou toda a actividade espacial que não correspondesse à esfera estritamente militar. (B) predicativo do sujeito. (D) à maneira de. A expressão «à laia de» (linha 17) significa (A) à beira de. 1. 5. os seus feitos (…) foram a reboque dos da União Soviética. Escreva. A decisão mais importante desses anos foi a criação de uma agência espacial de índole civil: a National Aeronautics and Space Administration. (D) aparência. (C) soviéticos e norte-americanos. remonta pelo menos a 1957. (D) atacar. (B) Korolev e Khrustchov. 7. Prova 639. Em «Ao primeiro Sputnik seguiram-se outras façanhas da URSS» (linha 12). O termo «índole» (linha 21) é utilizado com o sentido de (A) temperamento. mais conhecida como NASA. 6. (D) adjectiva relativa explicativa. (B) à revelia de. in Século XX – Homens. (B) adjectiva relativa restritiva.V1 • Página 4/ 8 1 5 10 15 20 2. Ricardo Artola. (C) adverbial causal. «Os Americanos Dão o Salto para a Lua». (D) A NASA e os engenheiros norte-americanos. a única opção que permite obter uma afirmação adequada ao sentido do texto.

as letras e os números correspondentes. (c) Com «Para além disso» (linha 16).(A) «A União Soviética» (linha 13).V1 • Página 5/ 8 8.: /dir-se-ia/). independentemente dos algarismos que o constituam (ex. (7) o enunciador faz uma síntese da informação dada no parágrafo anterior. devidamente estruturado. (6) o enunciador desvaloriza os factos a seguir referidos. de modo a obter uma afirmação adequada ao sentido do texto. (B) «os Estados Unidos» (linha 18). Prova 639. apresente uma reflexão acerca das consequências da acção do Homem no planeta Terra. (1) o enunciador introduz uma conexão aditiva. (e) Com a oração «que não correspondesse à esfera estritamente militar. Utilize cada letra e cada número apenas uma vez.» (linhas 23 e 24). Julho de 1978 Observações 1. Qualquer número conta como uma única palavra. (D) «Khrustchov e Korolev» (linhas 17 e 18). a dois argumentos e ilustre cada um deles com. COLUNA A COLUNA B (a) Com o advérbio «assim» (linha 3). Prova 639. no mínimo. Para efeitos de contagem.» Jacques-Yves Cousteau. pelo menos. há que atender ao seguinte: . GRUPO III Partindo da perspectiva exposta no excerto abaixo transcrito. (2) o enunciador restringe um grupo nominal. 2. (8) o enunciador introduz uma conexão concessiva. Relativamente ao desvio dos limites de extensão indicados – um mínimo de duzentas e um máximo de trezentas palavras –. mas sim a maneira errada e inconsciente como a Humanidade aplica as suas conquistas tecnológicas. (4) o enunciador introduz uma consequência.: /2010/). um exemplo significativo. (5) o enunciador admite alguma incerteza quanto aos acontecimentos relatados. (C) «seres humanos» (linha 17). Escreva. Escreva um texto. não são os avanços científicos e industriais que ameaçam o Homem e a Natureza. (3) o enunciador introduz um valor de modo. de duzentas a trezentas palavras. «Segredos do Mar. o Mundo Fascinante dos Oceanos e das Ilhas». mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. «Na verdade. Selecções Reader’s Digest. considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco. Fundamente o seu ponto de vista recorrendo. (d) Com o uso da conjunção subordinativa «Embora» (linha 18). na folha de respostas. (b) Com o emprego da forma verbal «terá sido» (linha 7). recuperando informação dada anteriormente. Faça corresponder a cada segmento textual da coluna A um único segmento textual da coluna B.

.................................................... 20 pontos 50 pontos TOTAL ..........................................................................................V1 • Página 7/ 8 Prova 639............................................. pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) 4........– a um texto com extensão inferior a oitenta palavras é atribuída a classificação de zero pontos..................V1 • Página 8/ 8 COTAÇÕES GRUPO I A 1....... .................................................................................................................................................................................................... ......... .......................... 30 pontos Correcção linguística ........................................................... ............................... .................................................................................................... pontos 5. pontos 7........................................................................................................................................................... pontos Conteúdo (12 pontos) Organização e correcção linguística (8 pontos) B .................................................................................. .................................... pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 3.......................... FIM Prova 639............ 200 pontos .... pontos 6.... .................................................................................................................................................... pontos 2......................... pontos 4............................................... pontos Conteúdo (9 pontos) Organização e correcção linguística (6 pontos) 2................. pontos Conteúdo (18 pontos) Organização e correcção linguística (12 pontos) 100 pontos 15 15 20 20 30 GRUPO II 1.. ............................... .............................................................................................................................................................. ..................................................... pontos 3.................................................................................................................................... pontos 50 pontos 15 15 15 15 15 15 15 15 GRUPO III Estruturação temática e discursiva ....................... – nos outros casos......................... ................ pontos 8................................................. um desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial (até 5 pontos) do texto produzido............. ..............................

......... duas citações.. fundamentando a descrição em duas citações....... OU Descreve.. fundamentando a descrição em uma citação.......... 15 pontos Critérios específicos de classificação ........ o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo».... 5 1 Descreve... com ligeiras e esporádicas imprecisões....... com ligeiras ou esporádicas imprecisões... e o músico respondeu...... com pertinência.............. pelo menos....A 1................. com pertinência............. sorrindo.............. Scarlatti mostra-se: – indiferente – «Não parecia curioso» (linha 1)................ dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.... OU Descreve.. 3 pontos Cenário de resposta A resposta deve descrever o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo» e incluir as citações que se apresentam...... fundamentando a descrição em. o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo».................. com pertinência........... com ligeiras ou esporádicas imprecisões.. fundamentando a descrição em duas citações.................. – cúmplice – «disse..... no domínio da correcção linguística. com pertinência............................ o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo»... fundamentando a descrição em três citações...... 3 Prova 639 • Página C/5/ 14 2..... o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo»..... em tom igual» (linha 5)... – calmo – «olhava tranquilo» (linha 2).... fundamentando a descrição em uma citação....... • No momento em que vai ser iniciado no «segredo»........ «Sem precipitação......................................... o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo»................ fundamentando a descrição em três citações..... o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo»........................ 3 pontos Correcção linguística* ... Níveis de desempenho Descritores Pontuação 4 Descreve............. 15 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ............................. 6 pontos Estruturação do discurso ......... com acentuadas imprecisões.... OU Descreve.............. .. 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ..................... sem apresentar citações. ** Vide Factores de desvalorização......... C/4)...... .................... o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo»................................ .... 7 2 Descreve.................... tão tranquilamente como antes estivera olhando as andorinhas» (linhas 10 e 11)........................ OU Descreve................ 9 3 Descreve. ................................ o comportamento de Scarlatti imediatamente antes de ser iniciado no «segredo».........

........... 7 2 Interpreta............................ isto é............ do muito e constante trabalho» – linhas 17 e 18.............................. 9 3 Interpreta............ 3 pontos Cenário de resposta A resposta do examinando deve conter uma das interpretações a seguir propostas..... ............• Aspectos de conteúdo (C) ... com pertinência e rigor........................................ .... toda a ave vibrou apesar do seu grande peso» – linhas 19 e 20....... não ter solução.................. 3 Prova 639 • Página C/6/ 14 3..... que as asas da máquina.............. ............... músico conceituado............... a resposta do músico.......... 6 pontos Estruturação do discurso .. situada para além do domínio do racional... 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ... – pode esse «segredo» ser insondável........ – Domenico Scarlatti... uma vez que: – pode ter de se procurar a chave do «segredo» numa esfera mais profunda do que a que é apreendida pelos sentidos. – Baltasar Sete-Sóis........................................... Níveis de desempenho Descritores Pontuação 4 Interpreta.............. e.............. C/4)...... fazendo o voo da máquina depender de uma força que a conseguisse elevar e constatando..... com ligeiras ou esporádicas imprecisões...... ** Vide Factores de desvalorização........... ou outros considerados relevantes..... trata a passarola como um instrumento musical..................................... 3 pontos Correcção linguística* ................... 9 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ..... a resposta do músico... e revela uma atitude racional. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p..... não podiam bater («pousou as mãos numa das asas como se ela fosse um teclado........... 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve contemplar os aspectos que a seguir se enunciam..... então ao homem nada é impossível» – linhas 21 e 22)........................ fazendo-a vibrar ao colocar sobre uma das asas as suas mãos..................... Scarlatti dá a entender que nem sempre o «segredo» chega a ser desvendado.......................... no domínio da correcção linguística.......... no domínio da correcção linguística............ – pode esse «segredo» corresponder a alguma coisa de obscuro que não é traduzível por palavras.............. 8 pontos Estruturação do discurso ................... o obreiro «enfarruscado da forja» (linha 17)............................ a resposta do músico... com algum cepticismo.......... singularmente......... dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p..... «basta ter forma de ave para voar» – linha 23)................................ ou outra considerada adequada................... C/4).. estando fixas........... encara a passarola como produto de um trabalho esforçado e acredita na possibilidade de concretizar o sonho («em todo ele só brilhava o gancho..... a resposta do músico......... com pertinência... ** Vide Factores de desvalorização.... 5 1 Interpreta....... 4 pontos Correcção linguística* ...... com acentuadas imprecisões........... 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) .... «se houver forças que façam levantar isto......................

.... documentando a resposta apenas com uma citação textual adequada............ como cada uma das duas personagens encara a passarola............ documentando a resposta apenas com. como cada uma das duas personagens encara a passarola.................... 6 1 Explica................................ OU Explica......... OU Explica. 12 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ........... como cada uma das duas personagens encara a passarola........ documentando a resposta com uma citação textual adequada a cada um dos pontos de vista............. 3 Prova 639 • Página C/7/ 14 4.... 9 2 Explica................... ........ como cada uma das personagens encara a passarola.................... e não documenta a resposta com citações textuais adequadas..... como cada uma das personagens encara a passarola...... Excerto do texto Explicitação da intenção que pode estar subjacente aos comentários • «perdoemos-lhe a óbvia comparação clássica» (linhas 32 e 33) – Constatação irónica da comparação estereotipada de Scarlatti.. como uma das personagens encara a passarola..................... OU – Valorização dos humanos (Baltasar e Blimunda) nessa aproximação aos deuses................... OU Explica. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. com pertinência......... no domínio da correcção linguística................. uma citação textual adequada a um dos pontos de vista......................... pelo menos...... OU Explica.... OU – Manifestação de simpatia por Baltasar e Blimunda. • «sabe ele lá como é o corpo de Blimunda debaixo das .... documentando a resposta com uma citação textual adequada a cada um dos pontos de vista.... com ligeiras ou esporádicas imprecisões....... 8 pontos Estruturação do discurso ........ como cada uma das duas personagens encara a passarola e não documenta a resposta com citações textuais adequadas.............. .. 20 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ....... com ligeiras e esporádicas imprecisões............................ com acentuadas imprecisões...... com pertinência..... com pertinência.. C/4)............................... documentando a resposta apenas com uma citação textual adequada a um dos pontos de vista....... 4 pontos Cenário de resposta A resposta deve conter dois dos seguintes excertos do texto. ou outros considerados relevantes.... ** Vide Factores de desvalorização. 12 3 Explica................ com imprecisão. 4 pontos Correcção linguística* ... com pertinência..... como cada uma das duas personagens encara a passarola...Níveis de desempenho Descritores Pontuação 4 Explica.................... seguidos da explicitação da intenção que pode estar subjacente a esses comentários.... documentando a resposta com uma ou duas citações textuais adequadas..

.................... • «sobre Vulcano também Baltasar ganha............... . 12 pontos Estruturação do discurso .... porque se o deus perdeu a deusa. contemplando...... 30 pontos Critérios específicos de classificação • Aspectos de conteúdo (C) ............................... • «Baltasar não é apenas o tição negro que parece.. OU – Elogio à beleza de Blimunda................... a intenção que pode estar subjacente a esse comentário........ a intenção que pode estar subjacente a esse comentário...... a intenção que pode estar subjacente a esses comentários. 6 1 Transcreve do texto um excerto exemplificativo da atitude do narrador como comentador e explicita.......... com pertinência............... 12 3 Transcreve do texto dois excertos exemplificativos da atitude do narrador como comentador e explicita......... entre outros. com pertinência.................... ....» (linhas 37 a 39) – Afirmação da fidelidade e do amor entre Baltasar e Blimunda................................ • «Sem falar que a Vénus cantariam todos os galos do mundo se tivesse os olhos que Blimunda tem» (linhas 35 e 36) – Magnificação dos dotes de Blimunda....... Impotente para salvar Gomes Freire.......... com ligeiras e esporádicas imprecisões...... a intenção que pode estar subjacente a esses comentários................. possuidora de um dom especial...... – desmontando os mecanismos do poder totalitário e denunciando a hipocrisia do Estado e da Igreja.......... mas isso também Deus é............ Níveis de desempenho Descritores Pontuação 4 Transcreve do texto dois excertos exemplificativos da atitude do narrador como comentador e explicita................................ 18 pontos • Aspectos de organização e correcção linguística (F) ........... 3 Prova 639 • Página C/8/ 14 B.......... ............... por não ser coxo e ter o amor incondicional da sua amada Blimunda... que se pronuncia sobre um assunto que desconhece.... 7 pontos Correcção linguística* ..... com ligeiras ou esporádicas imprecisões......... este homem não perderá a mulher..... 5 pontos Cenário de resposta O examinando comenta a importância de Matilde de Melo para a denúncia da corrupção e da injustiça.......................... os seguintes aspectos considerados relevantes e adequados............ 9 2 Transcreve do texto um excerto exemplificativo da atitude do narrador como comentador e explicita.................» (linhas 34 e 35) – Valorização da condição de Baltasar em relação a Vulcano... além de não ser coxo como foi Vulcano.... Matilde luta pela condenação de quem o persegue: – dando voz às injustiças sofridas pelo General.............. maneta sim.............roupas grosseiras que veste» (linhas 33 e 34) – Crítica a Scarlatti..........

. com pertinência e rigor. fazendo referências que reflectem um conhecimento incipiente da peça...... ** Vide Factores de desvalorização. é atribuída à resposta a classificação de zero pontos.... a resposta em que o examinando....... deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra a mais ou a menos. 18 5 Comenta. Níveis de desempenho Descritores Pontuação 6 Comenta... embora não respeitando a instrução dada... registe a resposta correcta de forma inequívoca. com ligeiras e esporádicas imprecisões. com imprecisões...... deve também ser considerada..... para efeitos de classificação.... com acentuadas imprecisões.: /dir-se-ia/)... a importância de Matilde de Melo para a denúncia da corrupção e da injustiça... a importância de Matilde de Melo para a denúncia da corrupção e da injustiça.... da aplicação deste factor de desvalorização....... fazendo referências que reflectem um muito bom conhecimento da peça... resultar uma classificação inferior a zero pontos......... 15 4 Comenta. . com pertinência e rigor.... fazendo referências que reflectem um bom conhecimento da peça..... Para efeitos de contagem........Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item...... 6 1 Refere superficialmente a importância da personagem Matilde de Melo.....: /2010/).. fazendo referências que reflectem um conhecimento insuficiente da peça... 3 Prova 639 • Página C/9/ 14 GRUPO II ..... 9 2 Comenta. até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos.... depois de aplicados todos os critérios definidos para o item (situação representada pela alínea a) na grelha de classificação.... 12 3 Comenta.. independentemente dos algarismos que o constituam (ex..... no domínio da correcção linguística.. Nos casos em que.... a importância de Matilde de Melo para a denúncia da corrupção e da injustiça.. a importância de Matilde de Melo para a denúncia da corrupção e da injustiça.......... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco... fazendo referências que reflectem um conhecimento suficiente da peça. fazendo referências que reflectem um conhecimento suficiente da peça.......... C/4). mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex......... através de um processo diferente do requerido.. 50 pontos Neste grupo.. Chave ... Qualquer número conta como uma única palavra.. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p.... a importância de Matilde de Melo para a denúncia da corrupção e da injustiça.......

. Factor específico de desvalorização relativo ao desvio dos limites de extensão Sempre que o examinando não respeite os limites relativos ao número de palavras indicados na instrução do item..... Tratando-se de um item de resposta aberta extensa....... .... 15 pontos Chave Coluna A Coluna B Versão 1 Versão 2 (a) (3) (4) (b) (5) (3) (c) (1) (2) (d) (8) (5) (e) (2) (6) Níveis de desempenho Descritores do nível de desempenho Pontuação 3 Estabelece quatro ou cinco correspondências correctas......... sintáctico... Para efeitos de contagem................ ... não é apresentado cenário de resposta.................................. ortográfico e de pontuação.... deve ser descontado um (1) ponto por cada palavra a mais ou a menos.......... até ao máximo de cinco (1 x 5) pontos................. (C) (A) 5 2...................................... Critérios específicos de classificação Estruturação temática e discursiva (C)* ......... (B) (C) 5 Prova 639 • Página C/10/ 14 GRUPO III ................ – produção de um discurso correcto nos planos lexical............ 3 Item Versão 1 Versão 2 Pontuação 1..... 20 pontos Cenário de resposta Dada a natureza deste item – de resposta aberta extensa –... Sempre que o examinandoé atribuída à resposta a classificação de zero pontos... (A) (B) 5 3.............. 15 2 Estabelece duas ou três correspondências correctas.. (D) (C) 5 7... – elaboração de um texto coerente e coeso..................................... ............................ 9 1 Estabelece uma correspondência correcta. 30 pontos Correcção linguística (F)** ..................................... morfológico.......................... o professor classificador deve observar........ (B) (A) 5 6.. ao classificar o texto do examinando.................8........ (D) (A) 5 4...................... depois de aplicados todos os critérios definidos para o item (situação representada pela alínea a) na grelha de classificação)............... considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco.... no qual se requer um texto de reflexão. (C) (D) 5 5.......... .... o domínio das seguintes capacidades: – estruturação de um texto com recurso a estratégias discursivas adequadas à defesa de um ponto de vista e reflectindo a operação prévia de uma planificação produtiva............................................... 50 pontos A produção de texto visa avaliar a expressão escrita do examinando.......

mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (ex. admitida a atribuição de qualquer classificação diferente das indicadas. resultar uma classificação inferior a zero pontos. 4 e 2) não foram explicitados. sem desvios. procedimentos de modalização.. • define com suficiente clareza o seu ponto de vista. – Redige um texto estruturado. • marca correctamente os parágrafos. por alguns aspectos. reflectindo uma planificação e evidenciando um bom domínio dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. 21. 15 e 9 pontos) às produções que se encontrem numa das situações seguintes: evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho inferiores (níveis 7. e. 18. com suficiente eficácia argumentativa: • produz um discurso coerente. devidamente proporcionadas e articuladas entre si de modo consistente. 15. – Mobiliza. cada um deles ilustrado com (pelo menos) um exemplo significativo. simultaneamente. ** Os níveis de desempenho deste critério – estruturação temática e discursiva – encontramse descritos nas páginas seguintes. dos itens de resposta aberta curta e aberta extensa (p. Nos casos em que. é atribuída à resposta a classificação de zero pontos. 7. C/4). com adequação e intencionalidade. um ou outro traço dos níveis inferiores. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos . 6. C/12 a C/14. não sendo. recursos da língua (repertório lexical variado e pertinente. figuras de estilo.: /dir-se-ia/). 3 ou 1). pontuação. 9 e 6 pontos –. o seu ponto de vista. há que atender aos princípios a seguir enunciados: – a classificação a atribuir à estruturação temática e discursiva é obrigatoriamente seleccionada de entre as cotações definidas para cada um dos nove níveis de desempenho – 30. evidenciam a maioria dos traços próprios de um dos níveis de desempenho superiores (níveis 9.). justificados pela intencionalidade do discurso e marcados (com aspas ou sublinhados). 5. distintos e pertinentes. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos.. pontuado. 12. – Faz uso correcto do registo de língua adequado ao texto. no entanto. desenvolvimento. 24. 27. uma informação ampla e diversificada: • produz um discurso coerente e sem qualquer tipo de ambiguidade. no entanto. 21. – Mobiliza expressivamente. conclusão). independentemente dos algarismos que o constituam (ex. Prova 639 • Página C/11/ 14 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 9 – Trata. – Mobiliza informação diversificada. de forma a permitir a atribuição das respectivas classificações (27. mas integram-se também. o tema proposto. ** Vide Factores de desvalorização. 5 ou 3). • define. no domínio da correcção linguística. sem desvios. que se encontram. – os níveis intercalares (níveis 8. eventualmente com esporádicos afastamentos. individualizadas. com adequação. portanto. • utiliza. da aplicação deste factor de desvalorização. Qualquer número conta como uma única palavra.: /2010/). por ambi guidades pouco relevantes. de forma inequívoca. 30 8 27 7 – Trata. o tema proposto. sempre com eficácia argumentativa. apresentando. na descrição do nível superior correspondente. na sua atribuição. conectores diversificados e outros mecanismos de coesão textual.

– Redige um texto pouco estruturado. • utiliza poucos conectores. • marca parágrafos. conclusão). a construções paratácticas.adequados. articuladas entre si de modo pouco consistente. • fundamenta a perspectiva adoptada em um único argumento ou em dois argumentos redundantes e não apresenta exemplos. ou em que as mesmas se encontram insuficientemente marcadas. desenvolvimento. mas nem sempre claramente inteligível. mas com desvios notórios. nem sempre com eficácia argumentativa: • produz um discurso globalmente coerente. – Redige um texto estruturado. evidenciando um domínio insuficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto em que não distingue com clareza três partes (introdução. porém. com impropriedades que não perturbam. mas apresentando alguns afastamentos que afectam pontualmente a adequação global. frequentemente. 24 6 21 Prova 639 • Página C/12/ 14 Níveis de desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 5 – Trata o tema proposto. conclusão). – Mobiliza pouca informação e com reduzida eficácia argumentativa: • produz um discurso com alguma coerência. mas apresentando um único exemplo e pouco significativo. – Apresenta. mas fá-lo de forma confusa. eventualmente com lacunas que não afectam. a comunicação. • utiliza adequadamente conectores e outros mecanismos de coesão textual. mas com falhas esporádicas. por vezes de forma inadequada e recorrendo. • define um ponto de vista identificável. apesar de afasta mentos esporádicos. em geral. embora apresente desvios pouco relevantes. – Mobiliza um repertório lexical adequado. em número significativo. – Utiliza o registo de língua adequado ao texto. reflectindo uma deficiente planificação e evidenciando um domínio apenas suficiente dos mecanismos de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. • marca. – Mobiliza informação suficiente. • utiliza apenas os conectores e os mecanismos de coesão textual mais comuns. – Utiliza um vocabulário simples e comum. embora sem incorrecções graves. – Mobiliza um repertório lexical adequado e variado. o registo de língua adequado ao texto. conclusão). ou apresenta exemplos pouco adequados. reflectindo uma planificação e recorrendo a mecanismos adequados de coesão textual: • apresenta um texto constituído por três partes (introdução. com desequilíbrios de proporção mais ou menos notórios e com deficiências ao nível da articulação entre elas. afastamentos do registo de língua adequado ao texto. porém. desenvolvimento. correctamente os parágrafos. desenvolvimento. mas pouco variado. 12 29 Prova 639 • Página C/13/ 14 Níveis de . • define o seu ponto de vista. em geral. • fundamenta a perspectiva adoptada em (pelo menos) dois argumentos adequados. individualizadas. apesar de algumas ambiguidades evidentes. cada um deles documentado com (pelo menos) um exemplo apropriado. que não afectam. – Utiliza. mas com incorrecções de alguma gravidade. proporcionais e satisfatoriamente articuladas entre si. • marca correctamente os parágrafos. a inteligibilidade. 18 4 15 3 – Trata globalmente o tema. – Redige um texto com deficiências de estrutura. a adequação geral do discurso. porém.

por vezes. – Mobiliza muito pouca informação e utiliza-a sem eficácia argumentativa: • produz um discurso geralmente inconsistente e. indiferenciadamente. porque o compreendeu mal ou porque não se cinge a uma linha condutora e se perde em digressões. sem critério. . ou um único registo inadequado. registos de língua distintos. ininteligível. sem manifestar consciência do registo adequado ao texto. 6 Prova 639 • Página C/14/ 14 apresente um texto com extensão inferior a oitenta palavras. – Utiliza. desprovido de mecanismos elementares de coesão textual. com os de outros tipos textuais. • não define um ponto de vista identificável. • não cumpre a instrução no que diz respeito à tipologia textual ou apresenta um texto em que traços do tipo solicitado se misturam. – Utiliza vocabulário elementar e restrito. – Redige um texto com estruturação muito deficiente. não raro redundante e/ou inadequado.desempenho Estruturação temática e discursiva (C)* Pontuação 1 – Aborda lateralmente o tema.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->