Você está na página 1de 4

Jorge Canseco González REG: 109171540

Entretenimento  Antiguidade  Latino America 


Língua espanhola America latina e Espanha 
Espetáculos com os touros  Touradas

A tourada abrange todas as questões relacionadas à prática de lidar touros, a pé ou a


cavalo, e remonta à Idade do Bronze. Sua mais moderna e desenvolvida é a tourada,
um show que nasceu na Espanha no século XII e também é praticado em Portugal, no
sul da França e em vários países da America Latina.

Touradas ter despertado controvérsia animado desde o início entre partidários e


detratores.

Explique o que é um a tourada é árdua, porque representa um espartilho mostram que


é muito diferente todos os outros e, por outro porque, como toda arte é
sempre diferentes. No entanto, podemos considerada um rito e as orientações muitas
vezes repetidas, e estes são o que nós descrever:

Em uma corrida normalmente três toureira “Lidia” (torean) seis touros, incluindo duas
para cada toureiro.
Os toureiros exercerem as suas funções por ordem de antiguidade, que é dada pela
data de "Alternative" (espécie de grau). Assim, o primeiro lidar toureiro vai jogar a
primeira touro, a segunda a segunda e terceiro o terceiro touro continuando o primeiro
toureiro eo touro quarta em.

O início da corrida é aberta com “paseíllo”, uma espécie de desfile na parada diante da
opinião pública que diretamente envolvidos na em si. Abrir esse namoro dos dois
“alguacililes” a montar cavalos, e atravessar a praça para endereço do presidente e
simbolicamente pedir a chave a "porta do corral" (Onde os touros são mantidos).
Atrás estão os três toureiros seguido respectivamente por
membros de suas tripulações, composta por três bandarilheiros e dois
helicópteros. Aparecendo em final dos garçons, e comitiva mulas de reboque (que
são carga, uma vez morto touro, retirando-o da praça).

Quando a chave foi entregue seu corte foi retirada, porta do corral se abre. O touro vai
para a praça, e Isto começa a luta. O matador mantida em todos os tempos
diálogo e luta com animal, tentando subjugá-lo.
A corrida é dividida em três partes chamadas terços que marcado com um
trompete. Em o primeiro à direita defesas com a sua capa. Com um toque
clarion mostrado deixando os dois picos de rolo, ranking de cada um deles
uma extremidade da praça, mas apenas um executar esta sorte ".

No segundo terço é executado "Sorte de dardos" no que o "junior" "Bandarilheiros" ou


"toureiros prata ", como gostamos de chamá-los o touro colocar três pares de
bandeiras.

No último terço do toureiro executar o "destino final" em que toreará com muleta
em vez da pasta para a por fim, pegue a espada e matar touro. Estes são os
momentos todo o trabalho duro, porque neles deve fazer o ram touro, e no meio do
encargo, toque no momento de enfiar a espada ou espada no coração do animal.
É uma questão de poucos segundos, e eles só devem se concentrar suceder de uma
forma muito especialmente quando o touro movimento lança a sua muleta.
É talvez aqui que os trabalhadores qualificados mais abertamente expõe seu corpo
antes de o touro. É a este conjunto luta que tem sido considerada uma obra de arte
viva e efêmera.

Se o abate do toureiro, e por ter matado um impulso à direita, tem transmitido o


acúmulo de todo este público.

Os sentimentos positivos, o público adjudicado ao toureiro. Troféus ser uma ou duas


orelhas do touro tratados, e não mais a cauda.

O público pede ao presidente movimento troféus simbolicamente lenços sendo o


presidente da praça que tem a última palavra instância, concordando ou não pedidos
do público. Os maiores honra para o toureiro após extraordinária tarefa é deixar a
arena em ombros do multidão. Todos os resultados que podem ocorrer ao longo uma
corrida, e tudo a cercam, é regulada pela "As regras do Entretenimento touro. "

Em termos gerais, as touradas também inclui todo o desenvolvimento antes do show,


como tal, uma vez que o touro reprodutor para a realização do vestido dos
participantes, além do design e publicação de cartazes e outros artística ou
comercialização, que variam de acordo com os países e regiões onde a tauromaquia é
parte da cultura nacional.

A cultura sempre cobriu o discurso histórico do partido, dá uma idéia de sua


importância: os touros Goya são diferentes daquelas de Picasso, e estes, por sua vez
diferem daquelas de Manet ou Villamil Lucas. A tourada é o entendimento multi-ano, e
pode ser admirado ou criticado, mas seus componentes já citados, vamos resistir ao
teste do tempo e gerar debate amplo em torno dele. Na verdade, o governo da
Espanha, através do Ministério do Interior, fez uma clara referência ao aspecto cultural
das touradas na sua regulação de escolas de toureio: "Promover a tourada, tendo em
conta a tradição e força cultural, podem ser criadas escolas de toureio para a
formação de novos profissionais e as touradas de apoio e promover a sua atividade ".

O filósofo Ortega y Gasset explicava que era impossível estudar a história da


Espanha, sem levar em conta o touro de touros. Se muitos dos escritores e filósofos
da geração de 98 não gostou das touradas, era porque a culpa do atraso da sociedade
espanhola. Assim Miguel de Unamuno explicou que ele não gostou do touro, não
porque era um espetáculo sangrento, mas porque perdeu muito tempo falando sobre
isso e isso explica a formação cultural dos seus telespectadores. Ortega y Gasset, em
sua caça e das touradas, fiquei surpreso que a tourada, sendo um ano calmo dar
muito a dizer. Posteriormente, a geração do 27 foi amante do partido, principalmente,
no que escreveu, pintado e esculpido. Vale a pena citar as palavras de Federico
Garcia Lorca , expressou seu apoio aberto e amor das touradas: "A tourada é,
provavelmente, a riqueza poética e vital da Espanha, incrivelmente perdido por
escritores e artistas, principalmente devido a um falso professor de educação nós
deram e que são os homens da minha geração a primeira a recusar. Acho que os
touros são mais culto do que a parte do mundo ".

Tourada é uma atividade econômica importante, que é uma fonte de empregos e gera
receitas substanciais, principalmente das vendas de bilhetes e direitos televisivos. Os
festejos populares organizados pelos municípios, coincidindo com o seu santo
padroeiro (ou qualquer outra celebração), um movimento também geram muito
econômico significativo e mobiliza uma grande infra-estrutura (agricultura, transporte,
seguros, médicos e ambulâncias, bandas, fogos de artifício , sinalização ...): Estima-
se] que os povos de Espanha é a tourada celebrações realizadas cerca de 20.000 por
ano, e tratar cerca de 100.000 animais, o que representa uma despesa de cerca de
140 milhões por ano os touros correr pelas ruas.

Allen disso a tourada e o sonho do povo, a sociedade agrária espanhola olha para a
tourada e pode ver como as pessoas da sua classe podem ficar ricas e famosas,
também descobrem o valor, emoção o sangue por sangue.

As corridas:
• O toureiro é a pessoa que tem uma palavra a dizer na maior mostra de
touradas. Sua tarefa é liderar o ataque de repetidamente touro para que ele
seja esteticamente deslumbrante, medir o destino do casaco, direto para a pia,
coloque bandeiras, temperado no tipo de muleta e, finalmente, causar a morte
através do uso de uma espada chamada rapier a morte. Antigamente era
chamada de toureiro toureiro e se refere a ninguém em pé ou a cavalo, entrou
na praça para lidar com touros.
• Torcedor: No inicio eram as pessoas de recursos baixos, as vezes hoje em dia
e um espetáculo para os turistas e pessoas de alto nível econômico.
• O animal, o toro: E feito só para a tourada, a carne não e boa, sua vida e ótima
ate o momento da seu calvário na praza o outro show.

Agora mesmo as touradas perderam o seu sentido inicial de entretenimento de massa,


estão feitas para as pessoas mais pudentes, os ingressos só muito caros, são e feito
para pessoas da elite da sociedade e para pessoas que nada tem a ver com a festa
como turistas o que nada sabem de esta para muitas pessoas arte, se a convertido em
um show para os mais pudentes onde eles mostram o seu poder entre La sangue, o
pouco que ainda tem de emoção pois não tem muitos bons toreros, que arriscam a
sua vida na frente do animal , só tem atores que engenham ao animal, sendo um
espetáculo muito ruim e vergonhoso.