Você está na página 1de 1

A GESTÃO DA INFORMAÇÃO APOIANDO A GESTÃO DE CONTRATOS:

ESTUDO DE CASO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UFPE

Sérgio Francisco Tavares de Oliveira Mendonça (sftom@cin.ufpe.br)


(UFPE)

O Hospital das Clínicas (HC) é um órgão suplementar da Universidade Federal de Per­


nambuco (UFPE) e tem como finalidade, além de apoiar o ensino de graduação e pós­
graduação, o atendimento com qualidade à comunidade da região metropolitana e in­
terior, bem como de outros estados. Em atendimento ao estabelecido em legislação
(Seção IV, Art. 67, da Lei 8.666/1993 – Licitações e Contratos da Administração Públi­
ca), este trabalho baseia­se na identificação de diversos problemas, oriundos da difi­
culdade em gerir as contratações para o fornecimento de serviços e produtos no HC,
principalmente na identificação da figura do gestor, quanto às suas atribuições, o que
e porque registrar (quais dados e como persisti­los), relevantes ao fiel cumprimento
das cláusulas contratuais e, as estabelecidas em legislação. As ações desenvolvidas
ao longo deste trabalho serviram para estabelecer estratégias para a superação, pos­
sibilitando um melhor acompanhamento e transparência, na execução do contrato pelo
fornecedor ao setor público, bem como na elaboração de metas, com finalidades de
cumprimento dos prazos estabelecidos, minimizando a constante falta de material de
consumo ou serviço, o que tem ocasionado sérios transtornos da ordem operacional e
administrativa. Na condição de que o autor é membro ativo da estrutura organizacio­
nal, em especial a Coordenadoria de Material – Gestão de Contratos, o procedimento
metodológico realizado se deu a partir da análise dos registros de reclamações cons­
tantes dos usuários, tocantes a falta de materiais e/ou serviços contratados. Os resul­
tados deste estudo possibilitaram o planejamento, desenvolvimento e a análise das
várias etapas da atividade, que se pautou numa concepção de gestão da informação,
fundamentalmente na sistematização e estruturação de fluxos coerentes à gestão de
contratos. Finalmente, como conseqüência, a possibilidade de utilização dos recursos
públicos de forma racional, beneficiando principalmente a sociedade.

Palavras-chave: Administração Pública; Gestão da Informação; Contratos.