Você está na página 1de 1

FECEA - Faculdade Estadual de Ciências Econômicas de Apucarana

Disciplina: Formação do Brasil Contemporâneo 16/09/2009


Alunos: Daniel Franco Bezerra
Rafael Rodrigues
1° Administração C

Considerando o capítulo 6 da apostila (pág 83 a 92) e o filme do Historiador Bóris Fausto,


responda as perguntas abaixo:

1° Explique quais são os setores ou departamentos da economia.


R: Os setores ou departamentis da ecinimia sariam dois: O departamento I, produtor de bens de
capital e de bens intermediários, isto é, os bens de produção, e o departamento II, pode, pode
ainda ser dividido em um departamento de bens de consumo dos capitalistas (bens de consumo
de luxo ou bens duráveis) e um departamento Produtor de bens de consumo dos trabalhadores
(bens simples, não duráveis).

2° Quias foram as bases economicas da nova tentativa de Vargas de implementar um projeto


nacional no inicio dos anos 1950?
R: A proposta nacionalista de Vargas restringiu as possibilidades de Financiamento externo
desses projetos ou a participação de capitais estrangeiros na forma de investimentos diretos, Era
uma acumulação financiada internamente pelas altas taxas de lucro das atividades industriais
impulsionadas pela politica de valorização cambial e pela transferencia dos excedentes do setor
agroexportador para a industria.

3° Descreva a atuação do governo Café Filho e da gestão de Eugênio Gudin no ministério da


Fazenda?
R: Café filho executou duas politicas econômicas claramente distintas, consubstanciadas em
dois ministros da Fazenda: Eugênio Gudin, economista ultra liberal, considerado o criador dos
cursos de ciência economica no Brasil, e o banqueiro José Maria Whitalker, representante da
cafeicultura paulista.
Eugênio Gudin podia ser considerado a antítese do governo Vargas: era inimigo das
propostas desenvolmentistas e defensor de uma politíca econômica ortodoxa, que tinah como
prioridade politicas antiflacionárias baseadas no controle da emissão monetária e do crédito.
Concretamente, a Principal ação de Gudin foi a instrução 113 da Sumoc, de 27 de janeiro de
1955.

4° Quais eram as principais características da intrução 113 da Sumoc?


R: Permitia às empresas estrangeiras instaladas no país importar máquinas e equipamentos
sem cobertura cambial, para complementação e dos conjuntos industriais já existentes no país, e
Classificados nas três primeiras categorias de importação, conforme a essencialidade dos
produtos. Essa foi a forma encontrada por Gudin para a extinção dos obstáculos à livre entrada
de capital extrangeiro.

5°Explique o que foi a tentativa de unificar o câmbio, proposta po José Maria Whitaker.
R: Ele sugeriu uma Profunda reforma cambial, buscando unificar as dez taxas distintas: cinco
de importação, quatro de exportação e a do mercado livre, por onde se efetuavam as transações
financeiras, se essa reforma liberalizante, elaborada sob os auspícios do FMI, fosse
efetivamente implementada, significaria a derrota de uma política desenvolvimentista
impulsionadora do PSI. Com a falta de sustentação politíca para suas propostas, Whitaker foi
exonerado, sem conseguir implementar sua refoma cambial nem defender os interesses da
cafeicultura.