Você está na página 1de 4

Tudo Sobre a

Lubrificação de
Máquinas
Você Aprenderá a:
Diminuir as falhas relacionadas a
lubrificação em até 90 por cento
Maximizar a vida do lubrificante - um
plano passo a passo para extender a vida
em 10X
Assegurar que os mancais recebam o
lubrificante correto, na quantidade corre-
ta, na hora certa
Flushing correto de máquinas - quando
necessário usar fluidos de lavagem, tem-
peraturas, procedimentos
Saiba quando é hora de mudar para um
lubrificante sintético

Onde & Quando em 2009:


12, 13, 14 e 15 de Maio
São Paulo, SP
15, 16, 17 e 18 de Setembro
São Paulo, SP

Apresentado por:

Inscreva-se hoje: Ingrid Freitas - ifreitas@noria.com.br ou (11) 5070-2256 © Copyright 2009


Quem Deve Participar:
Todos os Profissionais de Manutenção
Técnicos de Manutenção Preditiva Tudo Sobre a Lubrificação de Máquinas
Engenheiros de Confiabilidade
Engenheiros de Lubrificação O Papel da Lubrificação na Confiabilidade das ° Como selecionar o espessante de graxa para
Fabricantes de Máquinas Máquinas sua aplicação
° A lubrificação e a manutenção nas compa-
Operadores de Equipamentos nhias de classe mundial Propriedades de Desempenho dos Lubrificantes
Gerentes de Manutenção ° Uma nova maneira de fazer as coisas para a ° Aditivos - o que são?
lubrificação de máquinas ° Aditivos chave que melhoram as pro-
Gerentes de Operação ° Otimização dos investimentos da confiabili- priedades do lubrificante
Especialistas em Instrumentos de Vibração dade nos equipamentos ° Características dos aditivos polares
Engenheiros de Manufatura e Industriais ° Cinco estratégias de manutenção e quando ° Viscosidade - Definição
cada uma delas é aplicada ° Compreendendo os graus de viscosidade,
Supervisores de Manutenção ° Passos importantes na implementação da medição e relatórios
excelência na lubrificação ° Por que é importante o índice de viscosidade
Analistas de Laboratório e como trabalham os aditivos melhoradores
° Resolvendo problemas a partir da raíz
de IV
Indústrias que se Força de Trabalho da Lubrificação – Apoio, ° Ensaios de desempenho de lubrificantes e sua
Beneficiarão com os Cursos: Treinamento e Cultura forma de reportá-las - o que você precisa
saber
° Como transformar sua cultura de
Geração de Energia manutenção ° Estabilidade à oxidação
° Exemplos de um quadro de organização de ° Estabilidade térmica, verniz e lodo
Petroquímicas um departamento de lubrificação ° Fuligem e dispersância
Papeleiras ° O poder da força de trabalho treinada ° Controle de corrosão
° Responsabilidades das tarefas de lubrificação ° Controle de espuma e liberação de ar
Metais Primários ° Certificações ° Afinidade com a água, demulsibilidade e
Manufatura de Processo hidrólise
Fundamentos da Lubrificação ° Resistência da película, atrito e controle de
Montadoras ° Seis funções importantes dos óleos lubrifi- desgaste
Transportes cantes ° Consistência da graxa, bombeabilidade e
° Como os óleos e as graxas são fomulados e mobilidade
Utilidades Públicas por que isso é importante ° Outros ensaios da graxa: lavagem por água,
Aeroespacial ° Como o atrito é gerado em máquinas lubrifi- estabilidade térmica e separação
Manufaturas em Geral cadas
° A importância da espessura do filme de óleo Lubrificantes Grau Alimentício
e folgas críticas e Amigáveis ao Meio Ambiente
Se Você Possui Qualquer uma ° O que você precisa saber sobre aditivos, óleos
das Máquinas a Seguir, Este Óleos Básicos: Mineral, Sintérico e Vegetal básicos e espessantes de graxa para lubrifi-
cantes grau alimentício
° Sete importantes propriedades físicas de um
Treinamento é Imperdível : óleo básico ° Vantagens e desvantagens de lubrificantes
° importância das cinco categorias API dos
A grau alimentício
Caixas de Engrenagem óleos básicos
Sistemas Hidráulicos ° As vantagens dos óleos hidrofracionados: Degradação do Lubrificante por Esgotamento de
fato ou mito? Aditivos, Armazenamento Prolongado e Mistura
Mancais de Motores Incompatível
° Quando selecionar um dos seis básicos
Compressores sintéticos mais usados ° Os três tipos mais comuns de degradação de
° Óleos básicos que oferecem intervalos signifi- aditivos
Motores a Diesel cantes entre as trocas ° O impacto do armazenamento na vida dos
Bombas de Processo ° Compatibilidade: como os sintéticos combi- lubrificantes
Turbinas a Vapor nam com vedações e óleos minerais ° Vida recomendada para armazenamento em
° Como usar a temperatura para determinar o interiores e exteriores
Turbinas a Gás óleo básico correto para a sua máquina ° Problemas comuns de incompatibilidade de
Ventiladores aditivos, básicos e espessantes
Espessantes da Graxa ° Prós e contras dos aditivos suplementares
Laminadores ° Definição de graxa ° Como avaliar o esgotamento de aditivos
Transmissão Hidráulica ° Vantagens e desvantagens de lubrificar com
graxa Métodos de Aplicação
Dispositivo de Acionamento Final ° Diferentes tipos de graxa de Graxas Lubrificantes
° Como são feitos os espessantes de graxa e ° Sete dicas para evitar a mistura de graxas
por que são importantes incompatíveis
Garanta já sua vaga! Pergunte-nos sobre descontos disponíveis
° Melhores práticas para a manutenção de pis- ° Como otimizar e estender os intervalos de
tolas graxeiras e pinos graxeiros troca de óleo Controle de Vazamentos
° Como sistemas centralizados de lubrificação ° Troca de óleo por tempo X troca por ° Como identificar e classificar vazamentos
funcionam – vantagens e desvantagens condição ° Estratégias para localizar e corrigir vazamen-
° Melhores práticas para lubrificar mancais de ° Como monitorar o consumo de lubrificantes tos
motor ° Melhores práticas para trocas de óleo ° Estratégias de gerenciamento de vazamentos
° Como calcular os intervalos de abastecimento ° Como saber quando fazer um flushing para alcançar a excelência em lubrificação
e as quantidades ° Selecionando os procedimentos apropriados de
° Procedimentos para abastecer um mancal, limpeza e flushing Seleção e Uso de Lubrificantes
caixa de engrenagem e acoplamentos ° Como selecionar acessórios para seu equipa- ° Lubrificantes automotivos
° Melhores práticas para abastecimento basea- mento para alcançar a excelência na lubrifi- ° Rolamentos e mancais
do em ultra som cação ° Engrenagens abertas e fechadas
° Dicas importantes para trabalhar com sua ° Como inspecionar máquinas em busca de ° Acoplamentos mecânicos
oficina de reparos em motores fuligem e depósitos ° Compressores de ar
° Compressores de refrigeração
Métodos de Aplicação Lubrificantes Novos ° Turbinas de gás e vapor
de Óleos Lubrificantes ° Como otimizar a seleção / aquisição de ° Fluidos hidráulicos
° Revisão dos métodos e dispositivos lubrificantes ° Cabos e correntes
° Como usar névoa de óleo e outros métodos ° Melhores práticas para inspeção / testes em
automáticos de lubrificação novos lubrificantes Importância da Análise de Óleo na Excelência da
° Usando métodos de aspersão por pressão ° Como implementar um programa consolida- Lubrificação
para caixas de engrenagens do de lubrificantes e selecionar os fornece- ° Quando usar onze testes comuns para óleos
° Revisão de sistemas de lubrificação direta de dores usados
pontos simples ° Desenvolvimento de padrões ° Melhores práticas de amostragem de óleo
° Inspeção de entregas ° Análise de óleo para trocas baseadas em
Controle de Contaminação condição
° Construindo confiabilidade através do Armazenamento, Manuseio e Administração de ° Detectando e analisando partículas de des-
controle de contaminação Lubrificantes gaste de máquinas
° sete contaminantes mais destrutivos e
Os ° Administração do óleo novo ° Testes de campo fáceis para inspeções rápidas
como controlá-los ° Controle de contaminação cruzada ° Requerimentos ISO de monitoramento da
° Manutenção proativa em três passos ° Recipientes para lubrificantes condição
° Compreendendo o código ISO de contami- ° Segurança no manuseio de tambores
nantes sólidos ° Opções para o manuseio de tambores Medidas de Lubrificação e Análise
° Dez maneiras de maximizar o uso do carrinho de Óleo
de filtragem Sala de Lubrificação ° Tabela de desempenho de lubrificação
° Compreendendo as diferentes tecnologias de ° Melhores práticas de manuseio e armazena- ° Usando a medição Efetividade da
filtragem mento de lubrificantes embalados/granel Lubrificação como um todo (OLE)
° Estratégias para controlar a contaminação ° Melhores equipamentos e containers para
com água manuseio e armazenamento de lubrificantes
° Como selecionar filtros de retorno, off-line, ° Melhores práticas de administração do Os Slides da Apresentação são Coloridos
bypass e fluxo total estoque e etiquetamento
° Técnicas de manutenção do espaço superior ° Armazenamento, manuseio e descarte de e de Alta Qualidade, Tornando a
de tanques para manter o óleo seco óleos usados Informação Fácil de Compreender e
° Como selecionar respiros e ventiladores ° Como projetar uma área de lubrificação de
° Monitoramento de combustível e refrigerante classe mundial Lembrar.
em motores
Projeto e Otimização da Manutenção Proativa
Instalação de Acessórios em Equipamentos com a Lubrificação
° Acessórios importantes para inspeções e ° Como conduzir auditorias e inspeções de
amostragem lubrificação
° Acessórios para o controle da contaminação ° Como escrever um procedimento correto
° Instrumentação de lubrificanção
° Acessórios importantes para a lubrificação ° Definindo intervalos e cronogramas efe-
° Documentação da lubrificação tivos de planejamento da lubrificação
° Fazendo o plano de lubrificação
Drenagem de Óleos, Flushing e Administração de ° Programas computadorizados de lubrifi-
Tanques cação

Apresentado por:

Inscreva-se hoje: Ingrid Freitas - ifreitas@noria.com.br ou (11) 5070-2256 © Copyright 2009


Um Plano Passo a Passo para Alcançar o Status de Classe-Mundial

Aprenda as “Melhores Práticas” da Lubrificação de Máquinas


Instrutores:
Maneiras de se Inscrever Marcello Attilio Gracia
Marcello Attilio Gracia, Mestre em Engenharia pela EPUSP, possui certificações MLT I e
MLA I pelo ICML, Engenheiro Mecânico com 19 anos de experiência em lubrificantes,
lubrificação industrial, filtragem de fluidos e análises de óleo preditivas. Ao longo de sua
carreira, tem ministrado diversos treinamentos técnicos e desenvolvido e implantado tra-
ou envie sua ficha de balhos de engenharia de lubrificação com abordagem consultiva, focados em aumentar a
Ligue para inscrição completa por disponibilidade e a confiabilidade de componentes rotativos das plantas. Como Consultor
11-5070-2256 fax para 11-5070-2200 Técnico da Noria ministra treinamentos, realiza consultorias de melhorias de lubrificação e desenha progra-
mas de monitoramento por análise de óleo, todos eles focados em aumento de confiabilidade e redução de
custos operacionais.

Obtenha Respostas para Estas e Todas as Suas Perguntas Sobre Lubrificação!


Como escolher a viscosidade correta para cada uma das minhas aplicações?
ou envie um e-mail para
Ingrid Freitas ifreitas@noria.com.br Qual a diferença entre óleos de motor multi-grau e mono-grau e qual é o melhor?
Como eu faço para que a gerência entenda a importância de uma lubrificação
Tem um Grupo para Treinar? apropriada?
Como eu projeto uma área de armazenagem segura e eficiente?
Quando um flushing é necessário antes de reabastecer um sistema?
Devo usar a recuperação de óleo com uma viscosidade baixa em locais de temperat-
uras baixas?
Como eu posso estender os intervalos de troca de óleo sem prejudicar a saúde da
máquina?
Devo usar os lubrificantes recomendados pelos fabricantes das máquinas ou existe
uma alternativa melhor?
Quais inspeções devem ser feitas quando lubrificantes novos são recebidos?
É uma boa idéia adicionar mais aditivos em óleos usados?
Se você tem mais de 15 pessoas participando, Como eu sei qual a melhor hora de trocar um óleo?
Como eu limpo tanques, reservatórios e containers de armazenagem de lubrificantes?
considere os benefícios de uma sessão de treina-
Quando eu devo usar um lubrificante sintético?
mento conduzida na privacidade e conveniência de
suas instalações ou em local de sua escolha. Nós
adaptamos cada apresentação para se ajustar a sua
indústria, orçamento e calendário.
Informações sobre a Inscrição
A taxa de inscrição por participante é de R$ 2.440,00 com vencimen-
Envie um e-mail para ifreitas@noria.com.br to após 28 dias da data do curso. Inscrições antecipadas terão um
desconto especial de 30%. Aproveite! Este valor oferece à você o mel-
Certifique-se! hor treinamento na área, um manual compreensível do curso com
No sábado subsequente ao curso, os apli- cópia dos slides em preto e branco e um certificado de conclusão.
cantes qualificados podem tentar obter a certifi- Almoços, Coffee Breaks e Estacionamentos estão inclusos em todos
cação internacional do Conselho Internacional de
os dias do treinamento. A carga horária é de 32 horas, divididas em
Lubrificação de Máquinas (ICML) como Técnico
em Lubrificação de Máquinas (MLT). 4 dias, das 8h às 17h. Para os interessados na certificação junto à
Para se inscrever, mande ICML, a prova acontecerá aos sábados subsequentes aos treinamen-
um e-mail para Rosania - tos em local à definir. Para garantir a sua vaga envie um e-mail para
rosaniak@lubecouncil.org ifreitas@noria.com.br - enviaremos uma confirmação de inscrição.
www.lubecouncil.org Caso não a receba, queira por gentileza entrar em contato.

Informe-se sobre os descontos disponíveis! Vagas limitadas, garanta a sua!