Você está na página 1de 2

Lemniscata - O Símbolo do Infinito

A lemniscata é conhecida por quase todo mundo como sendo o símbolo do Infinito,aquel
e 8 deitado que aprendemos nas aulas de matemática..Mas seu significado é muito mais
amplo e muito mais antigo...
A lemniscata é uma figura geométrica em forma de hélice que é o sinal matemático do "infin
ito". Simbolicamente a lemniscata representa o equilíbrio dinâmico e rítmico entre doi
s polos opostos. Foi largamente usada nos desenhos celtas e insistentemente repr
oduzida em seus intrincados desenhos de formas. A lemniscata, principalmente em
suas representações celtas, nos remete diretamente ao "Ouroborus",símbolo antiqüíssimo, re
sgatado pela tradição alquímica, onde se vê uma serpente que morde o próprio rabo e dovora
-se a si mesma.
O Ouroborus é também representação simbólica do Infinito e do equilíbrio dinâmico universal

Carl Gustav Jung, refere-se a este símbolo como o "Mysterium Conjuctionis" (Mistério
da Conjunção), resultado do "Hieroghamos" (Casamento Sagrado), equilíbrio do Masculin
o e do Feminino Universais, essência fundamental da mente humana e, em uma visão mai
s ampla, da existência humana em si.

Ainda podemos observar a lemniscata nas curvas do Caduceus (o cetro da dupla ser
pente), símbolo da Medicina e manisfestação de Hermes; nos meridianos do fluir da Ener
gia Vital descritos pelas medicinas tradicionais hindu e chinesa e pela Acupuntu
ra.A lemniscata repete-se no próprio movimento das galáxias, das estrelas e dos plan
etas, na Astronomia e na Astrofísica. A lemniscata está presente na dupla hélice do DN
A presente em todos os seres vivos deste planeta.
N
Ainda verificamos a formação de lemniscatas nos movimentos pendulares observados na
Física; na báscula do andar humano; no crescimento dos vegetais e na disposição de suas
flores e folhas; nos movimentos de regência da musical; no movimento do Tao; em em
blemas e símbolos de famílias tradicionais japonesas, em mandalas de diversas origen
s e épocas e, de forma abstrata, nos ciclos da Natureza e no equilíbrio psíquico entre
o Pensar e o Querer, dando origem ao Sentir.

A lemniscata tem significado milenar, representando o equilíbrio dinâmico, perfeito


e ritmico entre os polos opostos constitucionais do corpo humano: o polo metabólic
o e o polo neuro-sensorial. O polo metabólico (abdome) é quente, úmido, expansivo e in
consciente. O polo neuro-sensorial (cabeça, sistema nervoso central e órgãos do sentid
o) é frio, seco, contraído e consciente. Do equilíbrio deste dipolo, surge a vida huma
na em sua manifestação mais primordial: o ritmo. A lemniscata representa então o siste
ma rítmico (coração, pulmões e musculatura do tórax) que proporciona os sinais vitais mais
básicos, equilíbrio físico e psíquico e harmoniza as essências opostas que nos compõem.
Fazem parte ainda deste equilíbrio dinâmico rítmico, além do ritmo cardíaco e do ritmo res
piratório, ciclos como o dormir e acordar (ritmo circadiano), a tendência à vitalidade
(anabolismo) na infância e a tendência à esclerose (catabolismo) na velhice (ciclo bi
ográfico) e, em última análise, o ciclo da vida e da morte (ciclo encarnatório). Assim,
toda vez que inspiramos, que nosso coração entra em diástole, que acordamos pela manhã o
u que usamos nossa função orgânica anabólica, confirmamos nosso nascimento. Analogamente
, toda vez que expiramos, que nosso coração entra em sístole, que vamos dormir à noite o
u que usamos nossa função catabólica, antecipamos nossa morte.
Simbolicamente a lemniscata representa o equilíbrio dinâmico e rítmico entre dois polo
s opostos. O símbolo da lemniscata nos remete diretamente ao Arcano Maior do Tarot
de número 14: "A Temperança", onde vemos uma mulher que mistura e equilibra, através
de sucessivas misturas, dois jarros que contém água: um com água fria, outro com água qu
ente. Conforme as sucessivas passagens de fluidos de um jarro a outro, e deste d
e volta ao primeiro, se processam, obtém-se o elemento morno (temperado). Esta car
ta corresponde à letra hebraica "Nun" na Cabalah.
E vocês achando que a Lemniscata era só um símbolo matemático chato,né?! hahaha