Colégio Planeta

Prof.: Cleiton
Aluno(a):
01 - (UFRJ) A tabela a seguir apresenta os tempos de meia-vida de diversos radioisótopos: radioisótopo Tempo 206 Tl 4min 207 Tl 5min 209 Pb 3horas 211 Bi 2min 213 Bi 47min 223 Ra 11dias 225 Ac 10dias a) O metal alcalino-terroso relacionado na tabela emite uma partícula alfa. Determine o número de nêutrons do produto dessa desintegração. 219 Por decaimentos sucessivos, a partir do 86Rn , ocorrem as imissões de duas partículas alfa e uma partícula beta, 219 originando um novo radioisótopo X: Rn → X + emissões consultando a tabela apresentada, determine o tempo necessário para que uma massa inicial de 400g de X seja reduzida a 100g.

Lista de Química

Data: 10 / 09 / 2010
Turma:

Lista 03

Semi Extensivo

Turno: MAT. VESP. E NOT

07 - (VUNESP SP) 60 O rádio isótopo 27Co , usado na terapia de câncer, desintegra6 se com o tempo de meia-vida de 2,7 . 10 minutos, para 60 produzir 28Ni . A velocidade de desintegração de uma amostra 60 contendo 27Co como único isótopo radioativo é de 240 -1 átomos . minuto . escrever a equação do processo nuclear que ocorre. sabendo-se que a constante de velocidade de desintegração λ, relaciona-se com o t1/2 através da equação: t1/2 = 0,693 λ 60 calcule o número de átomos de 27Co presentes nessa amostra. 08 - (UFRJ) O gráfico a seguir representa o decaimento radiativo de um elemento X. a) b)

b)

Número de mol X

02 - (PUCCamp SP) O iodo-125, variedade radioativa do iodo com aplicações mideicinais, tem meia-vida de 60m dias. Quantos gramas de iodo125 irão restar, após 6 meses, a partir de uma amostra contendo 2,00g do radioisótopo? a) d) 1,50 0,25 b) 0,75 e) 0,10 c) 0,66

0,4 0,3 0,2 0,1 0,0 2,5 5,0 7,5 10,0 12,5 15,0 Tempo (min)

03 - (UNIRIO RJ) 201 O Tl , é um isótopo radioativo usado na forma de TlCl3 (cloreto de tálio), para diagnóstico do funcionamento do coração. Sua meia-vida é de 73h (≅ 3 dias). Certo hospital possui 20g desse isótopo. Sua massa, em gramas, após 9 dias, será igual a: a) d) 1,25 2,5 b) 3,3 e) 5,0 c) 7,5

a) b)

Determine a meia-vida do elemento X: Sabendo que X é um alfa-emissor, determine o volume de gás hélio, nas CNTP, resultante da desintegração de X nos cinco primeiros minutos.

04 - (UNIP SP) Um isótopo de iodo radioativo é muito usado para diagnóstico de doenças de glândula tireóide. Partindo-se de 1g desse isótopo, após 24 dias sobra 1/8g do mesmo. Qual é a meia-vida desse isótopo? a) d) 24 dias 16 dias b) 8 dias e) 4 dias c) 12 dias

09 - (UFRJ) Um dos produtos liberados nas explosões nucleares e nos acidentes em usinas nucleares que mais danos pode causar aos seres vivos é o isótopo do estrôncio de número de massa igual a 90 (estrôncio-90). Ele é um isótopo radioativo que se acumula nos ossos, por substituição do cálcio, e é emissor de partículas beta, com meia-vida de 28 anos. a) Se um indivíduo ao nascer absorver em seu organismo o estrôncio-90, com que idade terá a ação radiotiva deste isótopo reduzida a 1/4? Escreva a reação do decaimento radiativo do estrôncio-90, identificando o elemento que dela se origina.

05 - (PUC SP) Sabe-se que o período de meia-vida para o isótopo 18 do flúor 18 (9F ) vale 110 minutos. Determinou-se o número de desintegrações por minutos (dpm) de uma certa amostra desse isótopo, no início da contagem do tempo, era igual a 20000. Qual o tempo necessário para que a contagem caia a 625 dpm, para essa mesma amostra? 06 - (UNICAMP SP) O césio 137 é um isótopo radioativo produzido artificialmente. O gráfico abaixo indica a porcentagem deste isótopo em função do tempo. a) b) Qual a meia vida deste isótopo? Decorridos 80 anos da produção do isótopo, qual a sua radioatividade residual?

b)

10 - (UNIUBE MG) Encontram-se em uma tabela os seguintes dados referentes à energia desprendida durante a desintegração radioativa de 1,0g do elemento rádio: Energia liberada por hora: 0,13kcal 6 Energia liberada durante a meia-vida: 2,4 . 10 kcal De posse desses dados calcula-se que a meia-vida desse elemento é, aproximadamente: a) b) c) d) e) 5,4 . 10 horas -5 2,5 . 10 horas 5 3,1 . 10 horas 5 4,0 . 10 horas 7 1,8 . 10 horas
-8

13 . se um pedaço de tecido produzido no ano do descobrimento do Brasil for realmente dessa época. indicando seu número atômico e seu número de massa.7 0. injeta-se em sua corrente sanguínea uma solução aquosa radioativa de citrato de gálio e. a) O bombardeio do 98Cf por um elemento X produz o 263 e 4 nêutrons.0 Atividade relativa 0. Alguns fragmentos de ossos 14 encontrados em uma escavação possuíam C radioativo em quantidade de 6. sendo que a amostra 8 coletada apresentou 2.(UFRJ) 225 210 e 83Bi apresentam as seguintes Os radioisótopos 89Ac curvas de decaimento radioativo: b) Considere duas amostras radioativas: a primeira com 40g de 31 41 e a segunda com 80g de 18Ar .(UFRJ) O físico brasileiro Cesar Lattes desenvolveu importantes pesquisas com emulsões nucleares contendo átomos de boro 10 (5B ) bombardeados por nêutrons. a concentração do radioisótopo gálio-67 12 na solução era de 1.31% 60% 31. 1.8 0. 210 225 17 .20 × 10 átomos por mililitro. deverá apresentar teor de carbono-14: a) b) c) d) e) maior do que 10 ppb igual a 10 ppb maior do que 5 ppb e menor do que 10 ppb igual a 5 ppb menor do que 5 ppb 15 .(UNIFENAS MG) Na determinação da idade de objetos que fizeram parte de 14 organismos vivos. dá origem a dois átomos de um certo 3 elemento químico e a um átomo de trítio (1H ). depois de certo tempo. a) 14Si 16 . em sua homenagem. Sabendo que um determinado isótopo do 106Sg perde 50% de sua massa inicial em 10 segundos.00 × 10 átomos de gálio-67 por mililitro. em 10 grande velocidade. Esses elementos 31 apresentam como principais radioisótopos o 14Si .5 0.9 0. em relação à massa inicial. Seaborg é um renomado cientista que foi agraciado com o Prêmio Nobel de Química de 1951 por seus trabalhos em radioquímica. e o 18Ar . Relacione a configuração eletrônica do átomo de silício com sua posição (grupo e período) na Tabela Periódica.(FUVEST SP) Para determinar o volume de sangue de uma pessoa.(FESP PE) “Bomba de cobalto” é um aparelho muito utilizado na radioterapia para tratamento de pacientes. Decorridas 24 horas de sua preparação. a) b) c) d) e) 3.25% 14 . utiliza-se o radioisótopo C . e é por ele absorvido.125% 6% 0. A diminuição da concentração do radioisótopo deveu-se apenas ao seu decaimento radioativo e à sua diluição no sangue. 249 18 . Admita que a bomba de cobalto foi danificada e o material radioativo exposto à população. Calcule o tempo de meia-vida do trítio. Atividade relativa do gálio-67 em função do tempo 1. a um outro isótopo do bismuto: 83Bi . Em uma determinação. com meia41 vida de 3 horas. Após 25 anos a atividade desse elemento ainda se faz sentir num percentual. Sendo assim. Determine 210 mo. com um período de meia-vida de aproximadamente 5 anos. Esses fragmentos devem ter idade aproximadamente de: a) c) e) 5700 anos 17100 anos 28500 anos b) 11400 anos d) 22800 anos 12 . A mesma massa inicial leva 60 anos para se reduzir a 50 g. Determine o tempo 31 necessário para que a massa restante de 14Si na primeira amostra seja igual à de Ar na segunda. O material radioativo usado nesse aparelho é o 27Co . especialmente portadores de 60 câncer. de: a) b) O 83Bi tem a metade da meia-vida do 89Ac . 225 O 89Ac chega.(UFRJ) Glenn T. no momento de sua preparação. Identifique essa partícula e determine o número de vezes que ela é emitida durante esse decaimento.(UEL PR) A meia-vida do radioisótopo carbono-14 é de aproximadamente 5700 anos e sua abundância nos seres vivos é da ordem de 10 ppb (partes por bilhão). colhe-se uma amostra de sangue e mede-se sua atividade. a) b) Identifique esse elemento químico.(UFRJ) O silício e o argônio são dois elementos químicos que pertencem ao mesmo período da Tabela Periódica.00 mL dessa solução foi injetado na pessoa.6 0.11 . Quando um nêutron. por emissões sucessivas de uma mesma 210 partícula. com meia-vida de 2 horas. nos Estados Unidos. teve como nome proposto Seaborgium (106Sg). A coleta de sangue foi feita 1 hora após a injeção. o elemento de número atômico 106 que. ainda não homologado. 106Sg Determine o número atômico e o número de massa do elemento X. cuja meia-vida é de aproximadamente 5700 anos. Em 1974 foi sintetizado.4 0 25 50 75 100 b) t/h . calcule a massa final de uma amostra de 800 gramas deste isótopo após 30 segundos. Uma certa massa inicial do radioisótopo trítio reduz-se a 200 g em 36 anos.25% daquela dos animais vivos. atinge o núcleo de um átomo de 5B . a massa inicial do 83Bi .

.42 b) 2. em miligramas. Sabendo-se que a meia vida deste radioisótopo é de 12.. para se obter o urânio empobrecido? Para que se usa o componente retirado? Qual a equação da primeira desintegração nuclear do urânio-238? Escreva-a... após 2 dias e 16 horas.. após duas horas da ingestão de 10 mL de uma solução aquosa 131 0...(UNESP SP) 64 O cobre 64 ( 29Cu ) é usado na forma de acetato de cobre para investigar tumores no cérebro. possui meia-vida de oito dias. Duas moléculas de tiroglobulina iodadas interagem. O gálio-67 emite radiação γ quando seu núcleo captura um elétron de sua eletrosfera. formando uma molécula de tiroxina. com números atômicos 19 . Esse radioisótopo. pergunta-se: a) b) Qual a massa de cobre 64 restante. Uma das maneiras de diminuir esse desperdício é melhorar a conservação dos alimentos.. a qualidade de alimentos desperdiçados seria suficiente para alimentar 35 milhões de pessoas. ... qual o número de prótons e nêutrons no átomo formado? 23 ....33 4. multiplicando a quantidade encontrada por 10 .... A fim de avaliar o desempenho 131 dessa glândula. tem sido recomendada a adição de um composto de iodo ao sal de cozinha.... considere que 0.. se sua massa inicial era de 32 mg? Quando um átomo de cobre 64 sofrer decaimento.. Como medida preventiva a esse problema.....60 e) 5.. como mostrado na reação I.. material conhecido comercialmente como sal iodado.. cuja meia-vida é de 8 dias. multiplicando a 5 quantidade encontrada por 10 . No organismo. em miligramas.. é então liberada pela quebra da cadeia protéica.8 horas.II I O I NH CH CH2 C O O I tiroxina A deficiência de iodo no organismo pode ocasionar o desenvolvimento anormal da glândula tireóide... no Brasil. a região de Kosovo........ I I I OH I NH CH CH2 C O 21 .. que todos os íons iodeto presentes na solução de NaI* sejam radioativos. é medida a intensidade da radiação na área do pescoço do paciente.. aproximadamente.. A 131 quantidade aproximada...(UnB DF) A glândula tireóide acumula a maior parte do iodo que é ingerido por um ser humano. foi bombardeada com projéteis de Urânio empobrecido. 6 x 10 mol 7 1 ano ...... em miligramas.. por segundo.... Calcule o volume de sangue da pessoa examinada.......(UFPI) Dentre as atribuições da glândula tiróide.....0.. Escreva a equação dessa reação nuclear e identifique o nuclídeo formado..... o que é conhecido como bócio.. do isótopo I no momento da medida (Use três algarismos significativos nos cálculos) é: OH I NH2 CH CH2 CO2H a) d) 1... de NaI* que foi administrada ao paciente..0 mol/L.... a) O que deve ter sido extraído do urânio natural. assim.... Imagens de tireóide para diagnóstico de doenças podem ser geradas.. a população de microorganismos responsáveis por sua degradação......... cujo 131 decaimento produz um elemento 54X . ainda ligada à proteína...5 mL de uma solução aquosa de NaI* (em que I* é iodo-131).. reduzindo... Quantas partículas alfa emite.. 20 ..I I OH I I O C CH CH2 I I OH + NH NH O I OH I I REAÇÃO .. o que gerou receio de contaminação radioativa do solo.. Nesse caso. para a marcação na Folha de Respostas... foi administrada a um paciente que não possuía esse radioisótopo.7% meia-vida do U-238 . A tiroxina. destaca-se a distribuição corpórea do iodo (I). Um dos métodos disponíveis para tal fim é submeter os alimentos a radiações ionizantes... um projétil de urânio empobrecido de massa 1 kg? Dados: composição do urânio natural U-23899.72 c)3.. hormônio tireoidiano.002 M de iodeto de sódio (Na I) radioativo. conforme mostrado na reação II. a medicina faz uso do isótopo artificial I como substância “traçadora”... pois urânio emite partículas alfa.. e sabendo que M(Na) = 23 g/mol. o iodo interage com uma proteína denominada tiroglobulina e os anéis aromáticos dessa proteína tornam-se iodados..... identificando o nuclídeo formado.. geralmente introduzido no organismo como uma solução aquosa de NaI.(FUVEST SP) Em 1999..... 3 x 10 s alguns elementos e respectivos números atômicos 88 Ra 89 Ac 90 Th 91 92 Pa U 93 Np 94 95 96 Pu Am Cm 9 b) c) O C CH CH2 REAÇÃO . a parte fracionária do resultado final obtido após efetuar todos os cálculos solicitados. após 25 horas. abaixo. Para esse fim. cuja concentração é 1.3% U-235 .. Com relação ao texto.... do ar e da água.(UFRJ) Estima-se que. Admitindo que não tenha havido qualquer eliminação de iodeto do organismo..... Dados: a) b) c) A massa... O número de mols de íons de iodeto radioativo presentes no paciente. calcule uma das quantidades seguintes. 5 x 10 anos 23 -1 constante de Avogadro.49 22 . desprezando.. 29 Cu 30 Zn 31 Ga 32 Ge 33 As parte da tabela periódica. emitindo duas partículas a.... exatamente oito dias após a administração da 6 dose... o iodo-131 (53I ) tem sido largamente utilizado.a) b) c) Use o gráfico acima para determinar de quanto caiu a atividade do gálio-67. O número de mols de íons de iodeto radioativo presentes na dose administrada ao paciente... nos Bálcãs.. usando-se detectores da radiação emitida por um 131 determinado radioisótopo.

logo: 6X Resp: Nº atomico 8 e A = 18 b) mf = mi/23 →mf = 800/8→ mf = 100 gramas 15) Gab: D 16) Gab:a) 800g 17) Gab:a) X = Hélio b) 3 2α 4 b) 12anos 18) Gab: a) 20% b) 4. onde ocorreu uma grande mortandade de peixes.Uma das tecnologias existentes emprega o isótopo de número de massa 60 do Cobalto como fonte radioativa. deve-se retirar. 10 átomos 8) Gab:a) t = 2. número de elétrons no último nível = 4. 10 partículas 238 4 234 92 U→ 2 + α + 90Th 25 . GABARITO: 1) Gab:a) 133 nêutrons 2) Gab: D 3) Gab: B b) 4 minutos 4) Gab: B 5) Gab: t = 550 min 6) Gab:a) 30 anos 7) Gab: 60 60 a) 27Co → 28Ni + 8 b) 9. Uma amostra da água foi retirada para análise. em poucas palavras. 11) Gab: C 12) Gab: a) t = 6 horas 2 2 6 2 2 b) 1s 2s 2p 3s 3p . 14 12 21) Gab: B 22) Gab: a) massa final = 1mg b) P = 25 (prótons) N = 31 (nêutrons) 23) Gab: 59 1 60 a) 27 Co + 0 n → 27 Co 60 27 Co → −1 β 0 + 60 X + 0 γ 28 0 b) 12. concluiu-se que a poluição estava sendo provocada por uma indústria petroquímica e não pela decomposição natural de animais ou plantas que tivessem morrido recentemente. 100 gramas de Cobalto60. Acredita-se que o nosso planeta tenha se formado há cerca de 4550 milhões de anos. o urânio 235.5g 24) Gab: Em sala 25) Gab: Em sala b) .5 min 9) Gab: a) 56 anos 90 o b) 38Sr → -1β + 10) Gab: E -1β o b) b) 15. quais são os dois principais elementos responsáveis pela produção dessa energia? b) 050 c) 250 b) c) 20) Gab: a) Para obter urânio empobrecido. grupo 4A 13) Gab: A 14) Gab: 248 b 263 1 18 a) 99Cf + aX → 106Sg + 4 0n . Um dos estágios. essa razão vai se alterando exponencialmente com o tempo. A figura mostra a produção de energia a partir de espécies radioativas e suas abundâncias conhecidas na Terra. em relação aos dias atuais? Quais foram os dois principais elementos responsáveis pela produção de energia radiogênica na época inicial de formação da Terra? E nos dias de hoje. calcule a massa desse isótopo presente após quinze anos de utilização do aparelho. Constatou-se que um riacho. último nível = 3.(UNICAMP SP) Existem várias hipóteses quanto à origem da Terra e sobre os acontecimentos que geraram as condições físico-químicobiológicas dos dias de hoje. portanto 3º período. afirmar com segurança que o problema tinha se originado na indústria petroquímica? Descreva.8L 67 67 c) 31Ga + elétron → 30Zn + 0 γ 0 19) Gab: a) 77 a) Quantas vezes a produção de energia radiogênica (radioativa) era maior na época inicial de formação da Terra. O urânio 235 é utilizado em reatores de fissão nuclear e na bomba atômica. 7 b) 1 . a) Como foi possível.8% Admitindo que o tempo de meia-vida do Cobalto-60 seja de cinco anos. logo no início. Com a morte do ser vivo. Estudando-se os resultados analíticos 14 12 referentes à relação C/ C.72L 90 39Y . b) V = 6. 24 . a) Escreva a reação de produção do Cobalto-60 a partir do Cobalto-59 e a reação de decaimento radioativo do Cobalto60.35 . apresentava uma quantidade anômala de substâncias orgânicas. com a determinação da relação C/ C. duas formas pelas quais a presença dessa matéria orgânica poderia ter provocado a mortandade de peixes. do urânio natural. deve ter sido o seu aquecimento. Esse isótopo decai pela emissão de raios gama e de uma partícula β e é produzido pelo bombeamento de átomos de Cobalto de número de massa 59 com nêutrons. Um aparelho utilizado na irradiação de alimentos emprega uma fonte que contém. principalmente pela radioatividade. O elemento formado é o Ítrio. apresentando uma meia-vida de 5600 anos.(UNICAMP SP) 14 12 A matéria orgânica viva contém uma relação C/ C constante. inicialmente.