Você está na página 1de 4
  Disciplina: ALGEBRA LINEAR MA52H
 

Disciplina: ALGEBRA LINEAR

MA52H

PR

LISTA 01

/

/ 2011

Turma: T81

 

Professor

DANIEL ALMEIDA

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Aluno

 

1. Seja X = (x ij ) uma matriz quadrada de ordem 2,

onde i + j para i = j ;1 - j para i > j e 1 se i < j soma dos seus elementos é igual a:

a)

b)

c)

d)

e)

. A

-1

1

6

7

8

2. Se M = ( a ij ) 3x2 é uma matriz tal que i j+1 , para i =

j e j para i ≠j. Então, M é:

a)

a) b) c)

b)

a) b) c)

c)

d)

d) e)

e)

d) e)
j e j para i ≠j. Então, M é: a) b) c) d) e) 3. 1)

3.

1) i+j para i≠ j e 0 se i = j. Então, A é igual a:

A matriz A = (a ) 3x3 é definida de tal modo que (-

ij

a)

d)

A = (a ) 3 x 3 é definida de tal modo que (- ij a)
A = (a ) 3 x 3 é definida de tal modo que (- ij a)

b)

b) c)

c)

e)

e)
3 é definida de tal modo que (- ij a) d) b) c) e) e 4.
3 é definida de tal modo que (- ij a) d) b) c) e) e 4.

e

4. Sejam as matrizes

Para que elas sejam iguais, deve-se ter:

,
,

a.

a = -3 e b = - c = 4

b.

a = 3 e b = c = -4

c.

a = 3 e b = -c = 4

d.

a = -3 e b = c = -4

e.

a = -3 e b = c 2 = 4

5.

A solução da equação matricial

é um número:

é um número:

a. Maior que -1

b.

Menor que -1

c.

Maior que 1

d.

Entre -1 e 1

e.

Entre 0 e 3

6.

A matriz transposta da matriz A = ( a ij ), do tipo

3x2, onde a ij = 2i - 3j, é igual a:

a)

d)

b)), do tipo 3x2, onde a i j = 2i - 3j, é igual a: a)

e)do tipo 3x2, onde a i j = 2i - 3j, é igual a: a) d)

c)tipo 3x2, onde a i j = 2i - 3j, é igual a: a) d) b)

3x2, onde a i j = 2i - 3j, é igual a: a) d) b) e)
3x2, onde a i j = 2i - 3j, é igual a: a) d) b) e)

7.

e i . j se i > j . O elemento que pertence à 3 ª linha e à 2 ª coluna da matriz A t , transposta de A, é:

a.

b.

c.

d.

e.

Considere a matriz A = (a ) 3x4 , na qual i - j se i

j
j

ij

4

2

1

-1

-2

8. Se uma matriz quadrada A é tal que A t = - A, ela é

chamada matriz anti-simétrica. Sabe-se que M é

- A, ela é chamada matriz anti-simétrica. Sabe-se que M é anti-simétrica e: , a 1

anti-simétrica e:

, a 13 e a 23 de M valem respectivamente:

. Os termos a 12

a.

-4, -2 e 4

b.

4, 2 e -4

c.

4, -2 e -4

d.

2, -4 e 2

e.

nda

9.

Uma matriz quadrada A diz-se simétrica se A = A t .

Uma matriz quadrada A diz-se simétrica se A = A t . Assim, se a matriz

Assim, se a matriz então, x + y + z é igual a:

a. -2

b. -1

c. 1

d. 3

e. 5

é simétrica,

10. Se as matrizes A = ( a ij ) e B = ( b ij ) estão assim definidas: a ij = 1 se i = j, a ij = 0 se i ≠ j, b ij =

1 se i + j = 4 e b ij = 0 se i + j ≠4, onde 1 então a matriz A + B é:

3,

i
i
= 0 se i + j ≠4, onde 1 então a matriz A + B é:

, j

a.

b.a. c.

a. b. c.

c.

d.

e.d.

d. e.
a matriz A + B é: 3, i , j a. b. c. d. e. ,
,
,

11. ( FGV - SP ) Dadas as matrizes

b. c. d. e. , 11. ( FGV - SP ) Dadas as matrizes e e

e

c. d. e. , 11. ( FGV - SP ) Dadas as matrizes e e sendo

e sendo 3A = B + C,

então:

a. X + y + z + w = 11

b. X + y + z + w = 10

c. X + y - z - w = 0

d. X + y - z - w = -1

e. X + y + z + w > 11

12. ( OSEC - SP ) Em y valem respectivamente: a. -4 e -1 b.

12. ( OSEC - SP ) Em

y valem respectivamente:

a. -4 e -1

b. -4 e 1

c. -4 e 0

x e

d.

1 e -1

e.

1 e 0

13.

( SANTA CASA - SP ) Dadas as matrizes

e

e

e , se A t é a matriz

, se A t é a matriz

transposta de A, então ( A t - B ) é:

a.

a. b. c.

b.

a. b. c.

c.

d.

d. e.

e.

d. e.
de A, então ( A t - B ) é: a. b. c. d. e. 14.
de A, então ( A t - B ) é: a. b. c. d. e. 14.

14. ( FATEC - SP ) Dadas as matrizes:

e

c. d. e. 14. ( FATEC - SP ) Dadas as matrizes: e , então, 3

, então, 3 A - 4B é igual a:

a.

b.SP ) Dadas as matrizes: e , então, 3 A - 4B é igual a: a.

) Dadas as matrizes: e , então, 3 A - 4B é igual a: a. b.

c.

Dadas as matrizes: e , então, 3 A - 4B é igual a: a. b. c.

17. ( FCC - SP ) Calculando-se 2AB + b 2 , onde

a. b. c. 17. ( FCC - SP ) Calculando-se 2AB + b 2 , onde

e

b. c. 17. ( FCC - SP ) Calculando-se 2AB + b 2 , onde e

teremos:

a.

b.a. c.

a. b. c.

c.

d.

e. nda nda

b 2 , onde e teremos: a. b. c. d. e. nda 18. (FGV - SP)

18. (FGV - SP) Dadas as matrizes

,
,

ec. d. e. nda 18. (FGV - SP) Dadas as matrizes , e sabendo-se que AB

e sabendo-se que AB = C, podemos concluirc. d. e. nda 18. (FGV - SP) Dadas as matrizes , e que: a. M

que:

a.

M + n = 10

b.

M - n = 8

c.

M . n = -48

d.

M/n = 3

e.

M n = 144

19.

( ITA - SP ) Dadas as matrizes reais

análise as afirmações

análise as afirmações

e- SP ) Dadas as matrizes reais análise as afirmações d. e. Operação não definida 15.

d.

e. Operação não definida Operação não definida

15. Se

,
,

eas afirmações e d. e. Operação não definida 15. Se , matriz X, 2x2 , tal

as afirmações e d. e. Operação não definida 15. Se , e matriz X, 2x2 ,

matriz X, 2x2 , tal que

Operação não definida 15. Se , e matriz X, 2x2 , tal que   I.A =
 

I.A

= B

  I.A = B x = 3 e y = 0  

x = 3 e y = 0

 

II.

A + B =

II. A + B = x = 2 e y = 1
II. A + B = x = 2 e y = 1

x = 2 e y = 1

então a

III.

então a III.  
 

E conclua:

, é igual a:

a.

b.a. c.

a. b. c.

c.

d.

e.d.

d. e.
E conclua: , é igual a: a. b. c. d. e. , e 16. Se (
,
,

e

16. Se ( PUC - SP )

a matriz X, tal que A + B - C - X = 0 é:

entãoSe ( PUC - SP ) a matriz X, tal que A + B - C

a.

Apenas a afirmação II é verdadeira

 

b.

Apenas a afirmação I é verdadeira

c.

As afirmações I e II são verdadeiras

d.

Todas as afirmações são falsas

e.

Apenas a afirmação I é falsa.

20.

( MACK - SP ) Seja a matriz

20. ( MACK - SP ) Seja a matriz . Se

. Se

, então m/k vale:

, então m/k vale:

 

a. 4

 

b. b.

2

 
      c. c. 0
 
      c. c. 0
 
      c. c. 0

c. c.

0

d. d.

-2

e. e.

-4

a.

b.

c.

 

d.

d. e.

e.

d. e.

21. ( CEFET - PR ) Se A, B e C são matrizes do tipo

2x3, 3x1 e 1x4, respectivamente, então o produto A

. B

. C

a.

É matriz do tipo 4x2

b.

É matriz do tipo 2x4

c.

É matriz do tipo 3x4

d.

É matriz do tipo 4x3

e.

Não é definido.

22.

( FGV - SP ) A matriz A é do tipo 5x7 e a matriz

B, do tipo 7x5. Assinale a alternativa correta.

a.

A matriz AB tem 49 elementos

b.

A matriz BA tem 25 elementos

c.

A matriz (AB) 2 tem 625 elementos

 

d.

A matriz (BA) 2 tem 49 elementos

e.

A matriz (AB) admite inversa

23.

( OSEC - SP ) Dadas as matrizes

23. ( OSEC - SP ) Dadas as matrizes e

e

inversa 23. ( OSEC - SP ) Dadas as matrizes e se: então, calculando-se ( A

se:

então, calculando-se ( A + B ) 2 , obtém-

a.

b.

b.

a. b. c.

c.

d.

e.

e.

d. e.

24.

( CESGRANRIO - RJ ) Se

24. ( CESGRANRIO - RJ ) Se e

e

então MN - NM é:

e. 24. ( CESGRANRIO - RJ ) Se e então MN - NM é: a. b.

a.

a. b. c.

b.

a. b. c.

c.

d.

d. e.

e.

d. e.
RJ ) Se e então MN - NM é: a. b. c. d. e. 25. (

25. ( FGV - SP ) Considere as matrizes

b. c. d. e. 25. ( FGV - SP ) Considere as matrizes e . A

e

c. d. e. 25. ( FGV - SP ) Considere as matrizes e . A soma

. A soma dos elementos

da primeira linha de A . B é:

a. 20

b. 21

c. 22

d. 23

e. 24

26. ( UFPA - PA ) Dadas as matrizes

b. 21 c. 22 d. 23 e. 24 26. ( UFPA - PA ) Dadas as

e

, qual é o valor de A . 2B ?21 c. 22 d. 23 e. 24 26. ( UFPA - PA ) Dadas as matrizes

a.

a. b. c.

b.

a. b. c.

c.

d.

d. e.

e.

d. e.
e , qual é o valor de A . 2B ? a. b. c. d. e.

27. ( UFPR - PR ) Resolvendo a equação

c. d. e. 27. ( UFPR - PR ) Resolvendo a equação encontramos para valores de

encontramos para

valores de x e y, respectivamente:

a. 3; 2

b.

c.

d.

e.

para valores de x e y, respectivamente: a. 3; 2 b. c. d. e. ;-5 ;-2

;-5

;-2 ; 6;
;-2
;
6;

28. ( UFSC - SC ) A somas dos valores de x e y que

satisfazem à equação matricial

dos valores de x e y que satisfazem à equação matricial é: a. 1 b. 0

é:

a.

1

b.

0

c.

2

d.

-1

e.

-2

29.

( UFGO - GO ) Considere as matrizes

 
. , , O valor de x para que se tenha A + BC =
.
.
,
,
. , , O valor de x para que se tenha A + BC = D

, O valor de x para que se tenha A + BC = D é:

, e

a.

1

b.

-1

c.

2

d.

-2

e.

nda

30.

Os números reais x, y e z que satisfazem a

equação São tais que a sua soma é igual a:

equação São tais que a sua soma é igual a:

a. -3

b. -2

c. -1

d. 2

e. 3

31. ( FATEC - SOP ) Sejam onde a R. Se X 2 = Y,

31. ( FATEC - SOP ) Sejam

onde a

31. ( FATEC - SOP ) Sejam onde a R. Se X 2 = Y, então:

R. Se X 2 = Y, então:

a. A = 2

b. A = -2

c. A = 1/2

e

a R. Se X 2 = Y, então: a. A = 2 b. A = -2

d.

A = - 1/2

e.

Nda

32.

( PUC - SP ) Se

32. ( PUC - SP ) Se e , então a

e

32. ( PUC - SP ) Se e , então a

, então a

matriz X, de ordem 2, tal que A . X = B, é:

a.

a. b. c.

b.

a. b. c.

c.

d.

d. e.

e.

d. e.
ordem 2, tal que A . X = B, é: a. b. c. d. e. 33.

33. ( PUC - SP ) Sendo as matrizes

b. c. d. e. 33. ( PUC - SP ) Sendo as matrizes e então, o

e

então, o valor de x tal que AB = BA é:b. c. d. e. 33. ( PUC - SP ) Sendo as matrizes e a. -1

a. -1

b.

0

c.

1

d.

problema é impossível

e.

N.D.A

34.

( FGV - SP ) Considere as matrizes

34. ( FGV - SP ) Considere as matrizes e

e

N.D.A 34. ( FGV - SP ) Considere as matrizes e e seja C = AB.

e seja C = AB. A soma dos elementos da 2 a coluna de C vale:

a. 35

b. 40

c. 45

d. 50

e.

55

35.

( ITA - SP ) Considere P a matriz inversa da

( ITA - SP ) Considere P a matriz inversa da

matriz M, onde:

 

. A soma dos elementos

da diagonal principal ma matriz P é:

a. 9/4

b. 4/9

c. 5/9

d. 4

36. ( UECE - CE ) O produto da inversa da matriz

pela matrizc. 5/9 d. 4 36. ( UECE - CE ) O produto da inversa da matriz

36. ( UECE - CE ) O produto da inversa da matriz pela matriz a. d.

a.

d.

UECE - CE ) O produto da inversa da matriz pela matriz a. d. b. e.

b.

- CE ) O produto da inversa da matriz pela matriz a. d. b. e. nda

e. nda

é igual a:

c.

da matriz pela matriz a. d. b. e. nda é igual a: c. 37. ( ITA

37. ( ITA - SP ) Seja A a matriz 3x3 dada por

é igual a: c. 37. ( ITA - SP ) Seja A a matriz 3x3 dada

. Sabendo-se que B é a inversa de A, então a soma dos elementos de B vale:

a. 1

b. 2

c. 5

d. 0

e. -2