Você está na página 1de 18

Impacto Ambiental

AULA – CONFERÊNCIA DE GEOGRAFIA

Prof. RAFAEL

01/09/2007
Impacto Ambiental
IMPACTO AMBIENTAL: é a alteração no meio ou em algum de seus
componentes por determinada ação ou atividade. Estas alterações
precisam ser quantificadas pois apresentam variações relativas,
podendo ser positivas ou negativas, grandes ou pequenas.

EIA - Estudo de Impacto Ambiental


Objetivos:
avaliar as conseqüências de algumas ações, para:
prevenção da qualidade de determinado ambiente que poderá
sofrer a execução de certos projetos ou ações,
- ETAPAS DO EIA -

1 - Desenvolver uma compreensão daquilo que está sendo proposto, o que


será feito e o tipo de material usado.
2 - Compreensão total do ambiente afetado. Que ambiente (biogeofísisco e/ou
sócio-econômico) será modificado pela ação.
3 - Prever possíveis impactos no ambiente e quantificar as mudanças,
projetando a proposta para o futuro.
4 - Divulgar os resultados do estudo para que possam ser utilizados no
processo de tomada de decisão.

RIMA - Relatório de Impacto Ambiental –

É o relatório que reflete todas as conclusões apresentadas no EIA;

deve ser elaborado de forma objetiva e possível de se compreender;

ilustrado por mapas, quadros, gráficos, enfim, por todos os recursos de


comunicação visual
Impactos Ambientais

1 – Poluição por óleo:

Afundamento do petroleiro Prestige (2002)


• despejando sua carga de 77 mil toneladas de óleo;
• A mancha de óleo cobriu mais de 295 quilômetros
da costa espanhola;
• mancha negra atingiu pelo menos 90 praias da
costa espanhola
A Degradação Ambiental
Costas da Espanha e Portugal
A Destruição do Ecossistema Marinho

• Mais de 150 quilômetros de


costa foram interditados,
• paralisou uma indústria que
empregava indiretamente 28 mil
pessoas.

• A ONG (SEO/BirdLife) recolheu 400 aves sujas de óleo nas


praias da Espanha;
• 143 puderam ser tratadas pelos ornitologistas;
• A União Européia liberou 117 milhões de euros como auxílio
para pescadores da região.
Qual é o limite do desenvolvimento tecnológico e econômico ?

E ainda nos julgamos “civilizados”...

Efeito do óleo no organismo:


• Incorporação de substâncias carcinogênicas; * Morte direta por intoxicação;
• Redução na taxa de fertilização. * Morte direta por recobrimento e asfixia;
2 – Poluição Atmosférica (causas)

A atmosfera do planeta é uma excepção na medida


em que é dos raros recursos naturais que é
compartilhado pelo mundo inteiro. Pelo que os
efeitos negativos sobre esta são globalmente
sentidos

Emissão de gases poluentes


Emissão de gases poluentes por Atividade Industrial
por veículos
Para se agir adequadamente contra a poluição atmosférica é
necessário:

• Medir e conhecer a concentração dos poluentes no ar ;


• Definir as fontes poluentes;
• Definir a qualidade do ar;
• Analisar os valores limite;
• Definir a qualidade do ar;
• Observar a evolução da qualidade do ar
Poluente Principal Fonte Comentários
Monóxido de Carbono (CO) Escape dos veículos motorizados; alguns Limite máximo suportado: 10 mg/m3 em
processos industriais. 8 h (9 ppm); 40 mg/m3 numa 1 h (35
ppm)
Dióxido de Enxofre (SO2) Centrais termoelétricas a petróleo ou Limite máximo suportado: 80 mg/m3
carvão; fábricas de ácido sulfúrico num ano (0,03 ppm); 365 mg/m3 em 24 h
(0,14 ppm)
Partículas em suspensão Escape dos veículos motorizados; Limite máximo suportado: 75 mg/m3
processos industriais; centrais num ano; 260 mg/m3 em 24 h; compostas
termoelétricas; reação dos gases de carbono, nitratos, sulfatos, e vários
poluentes na atmosfera metais como o chumbo, cobre, ferro
Chumbo (Pb) Escape dos veículos motorizados; Limite máximo suportado: 1,5 mg/m3 em
centrais termoelétricas; fábricas de 3 meses; sendo a maioria do chumbo
baterias contida em partículas suspensão.
Óxidos de Azoto (NO, NO2) Escape dos veículos motorizados; Limite máximo suportado: 100 mg/m3
centrais termoelétricas; fábricas de num ano (0,05 ppm)- para o NO2; reage
fertilizantes, de explosivos ou de ácido com Hidrocarbonos e luz solar para
nítrico formar oxidantes fotoquímicos
Oxidantes fotoquímicos- Ozônio (O3) Formados na atmosfera devido a reação Limite máximo suportado: 235 mg/m3
de Óxidos de Azoto, Hidrocarbonos e luz numa hora (0,12 ppm)
solar
Etano, Etileno, Propano, Butano, Escape dos veículos motorizados; Reagem com Óxidos de Azoto e com a
Acetileno, Pentano evaporação de solventes; processos luz solar para formar oxidantes
industriais; lixos sólidos; utilização de fotoquímicos
combustíveis
Dióxido de Carbono (CO2) Todas as combustões São perigosos para a saúde quando em
concentrações superiores a 5000 ppm em
2-8 h; os níveis atmosféricos aumentaram
de cerca de 280 ppm, há um século atrás,
para 350 ppm atualmente, algo que pode
estar a contribuir para o Efeito de Estufa
2 – Poluição Atmosférica (conseqüências)

Efeito Estufa

Causas:
• Emissão de gases poluentes;
• lançamento de metais
pesados na atmosfera

Conseqüências:
• Aquecimento Global;
• Derretimento das calotas
polares e geleiras;
• Aumento do nível dos
oceanos;
• Alagamento de cidades
litorâneas, terras agrícolas.
• Alterações climáticas.
Muitas transformações ambientais ocorreram ao
longo da história da Terra. O que está sendo
A maior parte do aquecimento da atmosfera é observado em Tuvalu
proveniente da radiação terrestre: a atmosfera deixa indica que esses processos estão acelerados e são
passar a energia solar e intercepta a saída da radiação percebidos em diferentes escalas. A Rio + 10 foi
terrestre. No entanto, a quantidade de calor na palco de projeções alarmantes sobre o destino do
atmosfera é variável nos diferentes pontos da superfície planeta.
da Terra. Explique as causas que justificam a variação do
a) Explique dois fatores responsáveis pela variação do nível do mar observada dramaticamente em
aquecimento do ar atmosférico. Tuvalu.
b) Explique como ocorre o "efeito estufa".
Indique quatro conseqüências sócio-espaciais
desse fenômeno.
3 – Poluição Hídrica
3.1 – Rios e Baías

Causas:
•Lançamento de esgoto
industrial e doméstico in
natura nos rios;
•Atividades de garimpo;
• Desmatamento das Rio Tietê – estado de S.P.
margens dos rios e Contaminação por produtos
lagoas; químicos

Conseqüências
• Poluição das águas;
• Destruição de fauna e flora;
• Perda de Biodiversidade;
• Comprometimento do
abastecimento de água.
Impactos Ambientais

Baía de Guanabara – R.J.


Rio São Francisco - BA

Lixo urbano jogado na


Língua negra
Baía

Rios assoreados e margens


desmatadas
3 – Poluição dos solos

Lixão:
• Poluição dos solos, ar e lençóis
freáticos;

• Disseminador de doenças.
Cultivo de cana-de-açúcar

• Esgotamento de
minerais;
• Uso intensivo de
agrotóxicos;
• Produção de vinhoto.
4 – Desmatamento

Causas: Conseqüências:
• Uso da madeira (cosumo interno e •Destruição de fauna e flora;
exportação);
•Perda de Biodiversidade;
• Para uso agropecuário;
• Impactos no ciclo hidrológico;
• Para extração mineral
• Assoreamento dos rios;
• Impactos na atmosfera.
5 – Poluição por Usinas Nucleares

Alemanha

Chernobyl / Ucrânia - 1986

Usina de Angra I e II
•Lixo Tóxico;
• Perigo de
vazamento de
Radiação;
• Uma bomba
relógio ?