Você está na página 1de 2

FICHA TÉCNICA

CIARGA,Argamassas Secas,S.A.
Edição 6 de 29 de Novembro de 2002

AREPH – ARGAMASSA DE REBOCO EXTERIOR PROJECTADO


Cinzenta, Classe CS IV, W1 (prEN 998-1)

Identificação: Aplicação
A Argamassa de Reboco Exterior Projectado, AREPH, A aplicação do reboco numa parede deve ser
cinzenta, é uma argamassa seca hidrofugada, terminada no mesmo dia em que é iniciada.
bastando misturar-lhe água para poder ser utilizada. É Aplicação Manual:
uma argamassa composta por cimento, cal, agregados A amassadura é feita utilizando aproximadamente 4
calcários e adjuvantes químicos, sendo estes litros de água por cada 25 Kg, ou no caso de
componentes doseados e misturados na nossa fábrica, misturadoras automáticas de sem-fim, em que não há
sob um rigoroso controlo de qualidade. a possibilidade de controlar com tanta precisão a
Esta Argamassa Seca é disponibilizada a granel. água de amassadura, com a menor quantidade de
água que permita uma boa trabalhabilidade.
Campo de aplicação: A Argamassa Seca é aplicada da mesma maneira
Esta Argamassa Seca é apropriada para rebocar que as argamassas tradicionais feitas em obra,
paredes de tijolo, bloco e betão. sendo, no entanto, necessário ter atenção a que o
aperto deve ser feito de forma cuidadosa e completa.
Características: Uma vez misturada a argamassa deve ser aplicada
3 antes de decorrer 1 hora e nunca se lhe deve
Densidade em pó : 1500 ± 200 Kg/m adicionar mais água após a amassadura.
3
Densidade fresca : 1900 ± 200 Kg/m Aplicação por projecção:
Consistência: 15.5 ±0.5 cm Em máquinas de projecção sem doseamento
Resistência à compressão aos 28 dias: >6.0 MPa automático de água devem ser seguidas as mesmas
2
Rendimentos médios : 15.0 ± 1.0 Kg/m cm instruções da aplicação manual.
2 0.5
Capilaridade : < 2.0 Kg/m h Em máquinas de projecção com doseamento
Estes resultados correspondem aos valores médios automático de água, em que não há a possibilidade
obtidos em ensaios laboratoriais de acordo com a de controlar com tanta precisão a água de
Norma prEN 998-1. amassadura,, a água utilizada deve ser a menor
quantidade que permita a trabalhabilidade desejada.
Preparação do suporte: A projecção deve ser sempre feita do topo da parede
- Garantir que o suporte se encontra limpo e para baixo.
desengordurado, tendo o cuidado particular de Espessuras máximas:
garantir, nas paredes de betão, que não há vestígios A espessura ideal por camada de reboco situa-se
de descofrante. entre 1 cm e 1.5 cm.
- Quando for aplicado sobre paredes de betão muito O reboco não deve exceder os 2 cm de espessura
lisas, é conveniente efectuar um chapisco, ou em por camada, sendo que cada camada deve ter
alternativa utilizar um primário de aderência. O reboco espessuras semelhantes entre si.
apenas deve ser aplicado após endurecimento do Duas camadas sucessivas de reboco devem ser
chapisco, se este for o método utilizado. aplicadas com um intervalo máximo de 24 horas,
- Garantir que a parede está plana e regular, devendo só garantir que a camada inferior já tenha
procedendo, se necessário ao enchimento dos terminado a presa.
orifícios. Se a espessura total do reboco exceder os 4 cm,
- Molhar convenientemente o suporte, de modo a este então recomenda-se o uso de uma rede de fibra de
não estar nem demasiado seco nem demasiado vidro, com abertura de 12 mm, entre demãos, a
húmido. metade da espessura total, de modo a armar o
reboco.
FICHA TÉCNICA
CIARGA,Argamassas Secas,S.A.
Edição 6 de 29 de Novembro de 2002

Zonas de junção ente suportes: Higiene e Segurança:


Nas zonas de junção de diferentes suportes, como, por Recomenda-se a utilização de máscara de pó e de
exemplo, betão e tijolo, é necessário a utilização de luvas ao manusear este produto. No caso de contacto
rede de fibra de vidro, de malha de 12 mm, ao longo com os olhos, lavá-los com muita água limpa.
de toda a junção. Esta rede deve estar a meio da Não ingerir.
espessura total do reboco, devendo a rede ser
colocada sobre o reboco ainda fresco de forma Transporte e Armazenagem:
uniforme. A Argamassa de Reboco Exterior Projectado
Nos cantos também é aconselhável a utilização de encontra-se disponível a granel, em silos de até 35
rede, que deve ser utilizada da forma descrita Toneladas.
anteriormente. A Argamassa de Reboco Exterior Projectado é
transportada em camião-cisterna, sendo
Recomendações: descarregada para o silo colocado em obra.
Água para a amassadura:
A água utilizada deve estar isenta de quaisquer Necessidades de instalação:
impurezas, devendo ser utilizada água da rede publica.
Caso a água disponível não tenha a pressão É necessário garantir uma base estável e plana para
2
necessária (3 bar), ou se apresente com um caudal o silo, de aproximadamente 6.25 m (2.5 m x 2.5 m),
inconstante a água deve ser fornecida a partir de um devendo esta base ser suficientemente resistente
reservatório (p.ex: barril ou bidão) e não directamente para suportar o silo.
a partir da rede, de modo a garantir um caudal É necessário garantir a existência de uma instalação
constante de água. eléctrica de 380 V e que a água tenha uma pressão
Condições atmosféricas: de aproximadamente 3 bar.
A argamassa não deve ser aplicada com temperaturas
extremas (acima de 30ºC e abaixo de 5ºC). Vantagens:
Não aplicar em superfícies geladas, evitar ventos A utilização da Argamassa de Reboco Exterior
fortes e exposição ao sol Intenso. Projectado reveste-se de diversas vantagens:
É aconselhável regar o reboco 24 horas após a -Qualidade superior e homogeneidade do material.
aplicação, devendo esta rega ser repetida às 48 horas. -Melhoria das condições de limpeza do estaleiro.
NUNCA ADICIONAR QUAISQUER OUTROS PRODUTOS À -Menor espaço ocupado com a preparação da
ARGAMASSA. argamassa.
-Aumentos significativos de produtividade.
-Economia de custos em obra.

A informação contida nesta ficha técnica diz respeito à data da sua edição, podendo ser alterada sem aviso prévio.
A nossa responsabilidade é limitada à garantia da qualidade do produto por nós fornecido pelo que declinamos quaisquer
responsabilidades que advenham de uma utilização indevida deste produto.