Você está na página 1de 32

01 - (Vunesp SP/1996)

O elemento químico com Z = 2, massa molar = 4,00 g/mol e ponto de ebulição de -268,9°C, é o:
a) Berílio
b) Hidrogênio
c) Hélio
d) Neônio
e) Carbono

02 - (Vunesp SP/1996)
A porcentagem em massa de carbono no clorofórmio, CHCl3 , é (massas molares, em g/mol: H = 1; C = 12, Cl =
35,5):
a) 1%
b) 10%
c) 12%
d) 24%
e) 50%

03 - (Vunesp SP/1996)
São gases com moléculas triatômicas:
a) nitrogênio e oxigênio
b) flúor e cloro
c) monóxido de carbono e tri-hidreto de boro.
d) metano e amônia
e) sulfeto de hidrogênio e dióxido de carbono

04 - (Vunesp SP/1996)
Considerando-se as propriedades dos elementos químicos e a tabela periódica, é INCORRETA a afirmação:
a) Um metal é uma substância que conduz a corrente elétrica, é dúctil e maleável.
b) Um não-metal é uma substância que não conduz a corrente elétrica, não é dúctil e nem maleável.
c) Um metalóide (ou semi-metal) tem aparência física de um metal; mas tem comportamento químico
semelhante ao de um não-metal.
d) A maioria dos elementos químicos é constituída de não-metais.
e) Os gases nobres são monoatômicos.

05 - (Vunesp SP/1996)
O pH de um vinagre é igual a 3. A concentrações de íons H+ neste vinagre é igual a:
a) 10-3 mol/L
b) 3 mol/L
c) 3 g/L
d) 3 x 103 mol/mL
e) 3 x 6 x 1023 mol/L

06 - (Vunesp SP/1996)
Os números de oxidação do enxofre nas espécies SO2 e SO42- são, respectivamente:
a) zero e +4
b) +1 e -4
c) +2 e +8
d) +4 e +6
e) -4 e -8

07 - (Vunesp SP/1996)
Na preparação de 500 mL de uma solução aquosa de H2SO4 de concentração 3 mol/L, a partir de uma solução de
concentração 15 mol/L do ácido, deve-se diluir o seguinte volume da solução concentrada:
a) 10 mL
b) 100 mL
c) 150 mL
d) 300 mL
e) 450 mL
08 - (Vunesp SP/1989)
O rádio isótopo 27Co60, usado na terapia de câncer, desintegra-se com o tempo de meia-vida de 2,7 . 106 minutos,
para produzir 28Ni60. A velocidade de desintegração de uma amostra contendo 27Co60 como único isótopo
radioativo é de 240 átomos . minuto-1.
a) escrever a equação do processo nuclear que ocorre.
b) sabendo-se que a constante de velocidade de desintegração λ , relaciona-se com o t1/2 através da equação:
t1/2 = 0,693
λ
calcule o número de átomos de 27Co60 presentes nessa amostra.

09 - (Vunesp SP/2000)
Rações militares de emergência são fornecidas em embalagens de plástico aluminizado, contendo dois recipientes
independentes e impermeáveis, conforme esquema mostrado a seguir.

Mg sólido

Alimento

Fe e NaCl em pó

Para o aquecimento do alimento, introduz-se água no recipiente externo, através de orifício próprio. Em presença
de Fe e NaCl, a reação : Mg(s) + 2H2O(l)  Mg(OH)2(s) + H2(g) + calor ocorre rapidamente.
a) Calcule a quantidade de energia desprendida nas condições padrão, quando 0,10 mol de Mg(s) reagir
completamente com a água adicionada.
b) Hidróxido de magnésio também pode ser obtido pela reação entre óxido de magnésio sólido e água líquida.
Escreva a equação balanceada que representa esta reação química e calcule a entalpia de formação do óxido
de magnésio.
Dados: entalpias padrão de formação, em kJ/mol: H2O(l) = -285; Mg(OH)2(s) = -930.

10 - (Vunesp SP/2000)
Uma solução aquosa de cloreto de sódio deve ter 0,90% em massa do sal para que seja utilizada como solução
fisiológica (soro). O volume 10,0 mL de uma solução aquosa de cloreto de sódio foi titulado com solução aquosa
0,10 mol/L de nitrato de prata, exigindo exatamente 20mL de titulante.
a) A solução aquosa de cloreto de sódio pode ou não ser utilizada como soro fisiológico? Justifique sua
resposta.
b) Supondo 100% de rendimento na reação de precipitação envolvida na titulação, calcule a massa de cloreto de
prata formado.
Dados: massas molares, em g/mol: Na =23,0; Cl=35,5; Ag =107,9; densidade da solução aquosa de NaCl =1,0
g/mL.

11 - (Vunesp SP/2000)
A Tomografia PET permite obter imagens do corpo humano com maiores detalhes, e menor exposição à radiação,
11
do que as técnicas tomográficas atualmente em uso. A técnica PET utiliza compostos marcados com 6 C . Este

isótopo emite um pósitron, +01 β , formando um novo núcleo, em um processo com tempo de meia-vida de 20,4

minutos. O pósitron emitido captura rapidamente um elétron, −01 β , e se aniquila, emitindo energia na forma de
radiação gama.
a) Escreva a equação nuclear balanceada que representa a reação que leva à emissão do pósitron. O núcleo
formado no processo é do elemento B (Z = 5), C (Z = 6), N (Z = 7) ou O(Z =8)?
11
b) Determine por quanto tempo uma amostra de 6 C pode ser usada, até que sua atividade radioativa se reduza
a 25% de seu valor inicial.

12 - (Vunesp SP/2000)
A fonte energética primária do corpo humano vem da reação entre a glicose (C6H12O6) em solução e o oxigênio
gasoso transportado pelo sangue. São gerados dióxido de carbono gasoso e água líquida como produtos. Na
temperatura normal do corpo (36,5oC), a interrupção do fornecimento energético para certos órgãos não pode
exceder 5 minutos.

Em algumas cirurgias, para evitar lesões irreversíveis nestes órgãos, decorrentes da redução da oxigenação, o
paciente tem sua temperatura corporal reduzida para 25oC, e só então a circulação sanguínea é interrompida.
a) Escreva a equação química balanceada que representa a reação entre a glicose e o oxigênio.
b) Explique por que o abaixamento da temperatura do corpo do paciente impede a ocorrência de lesões durante
a interrupção da circulação.

13 - (Vunesp SP/2000)
No corpo humano, o transporte de oxigênio é feito por uma proteína chamada hemoglobina. Cada molécula de
hemoglobina contém 4 átomos de ferro. O transporte de oxigênio, dos pulmões para os tecidos, envolve o
equilíbrio reversível:

P u l m ã o
H e m o g l 2o b i n a + O O x i - h e m o
T e c i d o

Mesmo um atleta bem treinado tem seu rendimento físico muito diminuído quando vai competir em localidades de
altitude muito mais elevada do que a que está habituado. Após cerca de duas semanas de treinamento na nova
altitude, o rendimento do atleta retorna ao normal.
a) Explique, em termos químicos, por que o rendimento físico inicial do atleta diminui na altitude mais elevada.
b) Explique por que, após o período de adaptação, o rendimento do atleta retorna ao normal. O que ocorre com
as reservas originais de ferro do organismo em conseqüência da adaptação?

14 - (Vunesp SP/2000)
Estão representados a seguir fragmentos dos polímeros Náilon e Dexon, ambos usados como fios de suturas
cirúrgicas.

O O N á i l o On O
- C -2 4( C H ) 2 -4C - N H 2 -4 ( C H )2 4
- N H - C - N H - ( C H ) - N H -
O D e x Oo n O
-C 2H - C 2 - O -2 C H - C - O - C H - C - O -

a) Identifique os grupos funcionais dos dois polímeros.


b) O Dexon sofre hidrólise no corpo humano, sendo integralmente absorvido no período de algumas semanas.
Neste processo, a cadeia polimérica é rompida, gerando um único produto, que apresenta duas funções
orgânicas. Escreva a fórmula estrutural do produto e identifique estas funções.

15 - (Vunesp SP/2000)
O etanotiol (CH3CH2—SH) é uma substância tóxica e tem um odor tão forte que uma essoa pode detectar 0,016
mol disperso em 5,0 x 1010 gramas de ar. Sabendo-se que a densidade do ar é 1,25 g/L e supondo distribuição
uniforme do etanotiol o ar, a quantidade limite, em mol/L, que uma pessoa pode detectar é:
a) 1,6 x 10-2.
b) 2,0 x 10-11.
c) 2,5 x 10-11.
d) 4,0 x 10-13.
e) 1,0 x 10-23.

16 - (Vunesp SP/2000)
Foram analisadas três amostras (I, II e III) de óxidos de enxofre, procedentes de fontes distintas, obtendo-se os
seguintes resultados:
Estes resultados mostram que:
a) as amostras I, II e III são do mesmo óxido.
b) apenas as amostras I e II são do mesmo óxido.
c) apenas as amostras II e III são do mesmo óxido.
d) apenas as amostras I e III são do mesmo óxido.
e) as amostras I, II e III são de óxidos diferentes.

17 - (Vunesp SP/2000)
As leis de proteção ao meio ambiente proíbem que as indústrias lancem nos rios efluentes com pH menor que 5 ou
superior a 8. Os efluentes das indústrias I, II e III apresentam as seguintes concentrações (em mol/L) de H + ou
OH-:
Indústria Concentração no efluente (mol/L)

Indústria Concentração no
efluente (mol/L)
I [H+] = 10-3
II [OH-] = 10-5
III [OH-] = 10-8

Considerando apenas a restrição referente ao pH, podem ser lançados em rios, sem tratamento prévio, os efluentes:
a) da indústria I, somente.
b) da indústria II, somente.
c) da indústria III, somente.
d) das indústrias I e II, somente.
e) das indústrias I, II e III.

18 - (Vunesp SP/2000)
No Brasil, adiciona-se álcool etílico anidro à gasolina, para reduzir a combustão incompleta nos motores. Em
agosto de 2000, o Ministério da Agricultura anunciou:"Mistura de álcool anidro na gasolina será reduzida de 24%
para 20%. O objetivo é economizar 450 milhões de litros de álcool este ano".
Em conseqüência desta medida, os motores dos veículos movidos a gasolina aumentarão a emissão no ar do
poluente
a) acetona.
b) etanal.
c) dióxido de carbono.
d) álcool metílico.
e) monóxido de carbono.

19 - (Vunesp SP/2000)
O magnésio pode ser obtido da água do mar. A etapa inicial deste processo envolve o tratamento da água do mar
com óxido de cálcio. Nesta etapa, o magnésio é precipitado na forma de:
a) MgCl2 .
b) Mg(OH)2 .
c) MgO.
d) MgSO4 .
e) Mg metálico.

20 - (Vunesp SP/2000)
As margarinas são produzidas industrialmente pela hidrogenação catalítica parcial de triglicerídeos (lipídios)
poliinsaturados. As matérias-primas que fornecem o hidrogênio e os triglicerídeos usados no processo são,
respectivamente,
a) gás metano e óleo vegetal.
b) água e melaço de cana.
c) petróleo e gordura animal.
d) gás metano e gordura animal.
e) calcário e óleo vegetal.

21 - (Vunesp SP/2000)
Em maio de 1800, Alessandro Volta anunciou a invenção da pilha elétrica, a primeira fonte contínua de
eletricidade. O seu uso influenciou fortemente o desenvolvimento da Química nas décadas seguintes. A pilha de
Volta era composta de discos de zinco e de prata sobrepostos e intercalados com material poroso embebido em
solução salina, como mostrado a seguir.

Com o funcionamento da pilha, observa-se que os discos de zinco sofrem corrosão. A respeito da pilha de Volta,
são feitas as seguintes afirmações:
I. Nos discos de zinco ocorre a semi-reação: Zn (s ) → Zn 2+ + 2e −
II. Os discos de prata são fontes de elétrons para o circuito externo.
III. O aumento do diâmetro dos discos empregados na montagem não influencia na tensão fornecida pela pilha.

Das três afirmações apresentadas,


a) apenas I é verdadeira.
b) apenas II é verdadeira.
c) apenas I e II são verdadeiras.
d) apenas I e III são verdadeiras.
e) apenas II e III são verdadeiras.

22 - (Vunesp SP/2000)
O gráfico a seguir foi construído com dados dos hidretos dos elementos do grupo 16.

Com base neste gráfico, são feitas as afirmações seguintes.


I. Os pontos P, Q, R e S no gráfico correspondem aos compostos H2Te, H2S, HSe2 e H2O, respectivamente.
II. Todos estes hidretos são gases a temperatura ambiente, exceto a água, que é líquida.
III. Quando a água ferve, as ligações covalentes se rompem antes das intermoleculares.

Das três afirmações apresentadas,


a) apenas I é verdadeira.
b) apenas I e II são verdadeiras.
c) apenas II é verdadeira.
d) apenas I e III são verdadeiras.
e) apenas III é verdadeira.

23 - (Vunesp SP/2000)
A massa de 0,239g de um cloreto de alquila, quando vaporizada a 127 oC e pressão de 1 atmosfera, ocupou um
volume de 65,6 mililitros. Dados o volume molar do gás ideal (127oC, 1 atm) =32,8 L e massas molares, em
g/mol: H =1,0; C =12,0; Cl =35,5, e considerando comportamento ideal para o vapor, pode-se dizer que a fórmula
do haleto de alquila é:
a) CH3Cl
b) CH2Cl2
c) C4H4Cl2
d) CCl4
e) CHCl3

24 - (Vunesp SP/2000)
São dadas as fórmulas estruturais dos medicamentos:

Sobre estes dois medicamentos, foram feitas as afirmações seguintes.


I. X possui as funções éter e amida.
II. Y é um ácido carboxílico.
III. Os dois compostos possuem substituintes no benzeno na posição para.
IV. X e Y apresentam isomeria óptica.

São verdadeiras as afirmações:


a) I, II e III, apenas.
b) III e IV, apenas.
c) II e IV, apenas.
d) I e II, apenas.
e) I, II, III e IV.

25 - (Vunesp SP/2000)
Duas fitas idênticas de magnésio metálico são colocadas, separadamente, em dois recipientes. No primeiro
recipiente adicionou-se solução aquosa de HCl e, no segundo, solução aquosa de CH3COOH , ambas de
concentração 0,1 mol/L.

Foram feitas as seguintes afirmações:


I. As reações se completarão ao mesmo tempo nos dois recipientes, uma vez que os ácidos estão presentes na
mesma concentração.
II. O magnésio metálico é o agente oxidante nos dois casos.
III. Um dos produtos formados em ambos os casos é o hidrogênio molecular.
IV. As velocidades das reações serão afetadas se as fitas de magnésio forem substituídas por igual quantidade
deste metal finamente dividido.

São verdadeiras as afirmações:


a) I e II, apenas.
b) II e III, apenas.
c) I e III, apenas.
d) III e IV, apenas.
e) II, III e IV, apenas.

26 - (Vunesp SP/2000)
Para evitar o desenvolvimento de bactérias em alimentos, utiliza-se ácido benzóico como conservante. Sabe-se
que:

i. Em solução aquosa, ocorre o equilíbrio:

C O O H C O
- O

+ + H

( B Z H ) ( B
- Z )

ii. A ação bactericida é devida exclusivamente à forma não dissociada do ácido (BzH).
iii. Quando [BzH] =[Bz-], o pH da solução é 4,2.

Com base nestas informações, e considerando a tabela seguinte,

Alimento .........................pH
Refrigerante......................3,0
Picles................................3,2
Leite.................................6,5

pode-se afirmar que é possível utilizar ácido benzóico como conservante do:
a) refrigerante, apenas.
b) leite, apenas.
c) refrigerante e picles, apenas.
d) refrigerante e leite, apenas.
e) picles e leite, apenas.

27 - (Vunesp SP/2000)
Na fabricação de chapas para circuitos eletrônicos, uma superfície foi recoberta por uma camada de ouro, por meio
de deposição a vácuo.
a) Sabendo que para recobrir esta chapa foram necessários 2 x 10 20 átomos de ouro, determine o custo do ouro
usado nesta etapa do processo de fabricação. Dados: N0 = 6x1023 ; massa molar do ouro = 197 g/mol; 1 g de
ouro = R$ 17,00 (Folha de S. Paulo, 20/8/2000.)
b) No processo de deposição, ouro passa diretamente do estado sólido para o estado gasoso. Sabendo que a
entalpia de sublimação do ouro é 370 kJ/mol, a 298 K, calcule a energia mínima necessária para vaporizar
esta quantidade de ouro depositada na chapa.

28 - (Vunesp SP/2000)
O processo industrial Haber-Bosch de obtenção da amônia se baseia no equilíbrio químico expresso pela equação:
N2(g) + 3H2(g)  2NH3(g)

Nas temperaturas de 25oC e de 450oC, as constantes de equilíbrio KP e Kc são 3,5 x 108 e 0,16, respectivamente.
a.) Com base em seus conhecimentos sobre equilíbrio e nos dados fornecidos, quais seriam, teoricamente, as
condições de pressão e temperatura que favoreceriam a formação de NH3? Justifique sua resposta.
b) Na prática, a reação é efetuada nas seguintes condições: pressão entre 300 e 400 atmosferas, temperatura de
450oC e emprego de ferro metálico como catalisador. Justifique por que estas condições são utilizadas
industrialmente para a síntese de NH3.

29 - (Vunesp SP/2000)
Acetileno pode sofrer reações de adição do tipo:
O O
HC CH + H3C C H3C C
OH
OC2H3
Acetato de vinila

A polimerização do acetato de vinila forma o PVA, de fórmula estrutural:

PVA
H 2C CH

H 3C C O
n

a) Escreva a fórmula estrutural do produto de adição do HCl ao acetileno.


b) Escreva a fórmula estrutural da unidade básica do polímero formado pelo cloreto de vinila (PVC).

30 - (Vunesp SP/2000)
Leia o seguinte trecho de um diálogo entre Dona Benta e seus netos, extraído de um dos memoráveis livros de
Monteiro Lobato, "Serões de Dona Benta":

"_ ... Toda matéria ácida tem a propriedade de tornar vermelho o papel de tornassol.
_ ... A matéria básica não tem gosto ácido e nunca faz o papel de tornassol ficar vermelho...
_ E os sais?
_ Os sais são o produto da combinação dum ácido com uma base. ...
_ E de que cor os sais deixam o tornassol?
_ Sempre da mesma cor. Não têm nenhum efeito sobre ele. ..."

a) Explique como o papel de tornassol fica vermelho em meio ácido, sabendo que o equilíbrio para o indicador
impregnado no papel pode ser representado como:
H I n - H + I n
( v e r m e l h o ) ( a z u l )
b) Identifique uma parte do diálogo em que há um conceito químico errado. Justifique sua resposta.

31 - (Vunesp SP/2000)
Em países de clima desfavorável ao cultivo de cana-de-açúcar, o etanol é sintetizado através da reação de eteno
com vapor de água, a alta temperatura e alta pressão. No Brasil, por outro lado, estima-se que 42 bilhões de litros
de etanol (4,2 x1010L) poderiam ser produzidos anualmente a partir da cana-de-açúcar.
a) Determine quantas toneladas de eteno seriam necessárias para sintetizar igual volume de etanol, supondo
100% de eficiência. Dados: massas molares, em g/mol: eteno =28, etanol = 46; densidade do etanol = 800
g/L.
b) Para percorrer uma distância de 100 km, um automóvel consome 12,5 L de etanol (217,4 mols). Supondo
combustão completa, calcule o número de mols de dióxido de carbono liberado para a atmosfera neste
percurso.

32 - (Vunesp SP/2000)
Considere o seguinte arranjo experimental:
Após forte aquecimento inicial, a espiral de cobre permanece incandescente, mesmo após a interrupção do
aquecimento. A mistura de gases formados na reação contém vapor de água e um composto de cheiro penetrante.
a) Escreva a fórmula estrutural e o nome do produto de cheiro penetrante, formado na oxidação parcial do
metanol pelo oxigênio do ar.
b) Explique o papel do cobre metálico e a necessidade do seu aquecimento para iniciar a reação.

33 - (Vunesp SP/1991)
Uma amostra de 12,5g de carbonato de magnésio foi tratada com excesso de solução de ácido sulfúrico, ocorrendo
a reação;

MgCO3 + H2SO4 → MgSO4 + H2O + CO2

Nessa reação foram obtidos 600 cm3 de gás carbônico, medidos à temperatura de 27oC e 5 atm de pressão. A
porcentagem de pureza na amostra inicial é:
Dados: H=1; C=12; O=16; S=32; Mg=24.
a) 82%
b) 18%
c) 22%
d) 43%
e) 75%

34 - (Vunesp SP/1994)
Um mol do adoçante apartame, de fórmula molecular C 14H18N2O5 reage estequiometricamente com 2 mol de águia
para formar 1 mol de ácido aspártico (C4H7NO4), 1 mol de metanol (CH3OH) e 1 mol de fenilalanina. Com base
nessas informações, conclui-se que a fórmula molecular da fenilalanina é:
a) C14H18N2O5
b) C9H11NO2
c) C8H14N2O8
d) C4H7NO4
e) CH3OH

35 - (Vunesp SP/1996)
Considere a reação química representada pela equação;

2Fe2S3(s) + 6H2O(l) + 3O2(g) →4Fe(OH)3(s) + 6S(s)

calcule a quantidade em mols de Fe(OH)3 que pode ser produzida a partir de uma mistura que contenha 1,0 mol
de Fe2S3, 2,0 mol de H2O e 3,0 mol de O2.

36 - (Vunesp SP/1996)
Para o elemento de número atômico 28, a configuração eletrônica é:
a) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d10
b) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d2 4s2 4p6
c) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 4p6 5s2
d) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d8
e) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s1 3d9

37 - (Vunesp SP/1993)
Dentre as alternativas abaixo, indicar a que contém a afirmação correta.
a) Dois átomos que possuem o mesmo número de nêutrons pertencem ao mesmo elemento químico.
b) Dois átomos com o mesmo número de elétrons em suas camadas de valência pertencem ao mesmo elemento
químico.
c) Dois átomos que possuem o mesmo número de prótons pertencem ao mesmo elemento químico.
d) Dois átomos com iguais números de massa são isótopos.
e) Dois átomos com iguais números de massa são alótropos.

38 - (Vunesp SP/1996)
Indicar a alternativa que apresenta um fenômeno químico.
a) dissolução do cloreto de sódio em água.
b) fusão de aspirina.
c) destilação fracionada de ar líquido.
d) corrosão de uma chapa de ferro.
e) evaporação de água do mar.

39 - (Vunesp SP/1996)
A água, a amônia e o metano têm massas moleculares muito próximas. Apesar disso, a água possui ponto de
ebulição muito mais elevado que o da amônia e o do metano. Essas observações experimentais podem ser
explicadas porque:
a) a água apresenta ligações iônicas. enquanto o metano e a amônia são formados por ligações covalentes.
b) os tipos de ligação não interferem no ponto de ebulição
c) todos os três compostos apresentados têm ligações covalentes, porém a amônia e o metano são polares.
d) as moléculas de água apresentam ligações covalentes oxigênio-hidrogênio, facilmente rompíveis.
e) a água possui moléculas polares que formam ligações de pontes de hidrogênio, aumentando a força de coesão
entre suas moléculas.

40 - (Vunesp SP/1997)
A fórmula mínima do composto com 16,09% de potássio, 40,15% de platina e 43,76% de cloro é (Dados: massas
atômicas: K = 39,1; Pt = 195; Cl = 35,5):
a) K4Pt2Cl
b) K4PtCl4
c) K2PtCl6
d) K6PtCl2
e) K2PtCl4

41 - (Vunesp SP)
Um composto orgânico cristaliza-se com moléculas de benzeno. Sua fórmula molecular é CxHy . z(C6H6) e sua
massa molar é 322g/mol. Em 100g do composto cristalizado há 24,22g de benzeno e no restante da massa há
70,81g de carbono e 4,97g de hidrogênio. A fórmula molecular do composto cristalizado é: (Dados: H = 1; C =
12)
a) C16H19 . C6H6
b) C16H19 . 2 C6H6
c) C19H16 . C6H6
d) C19H16 . C12H12
e) C19H16 . C3H3

42 - (Vunesp SP/1993)
As substâncias indicadas abaixo são de grande importância como fertilizantes porque fornecem nitrogênio.
Indique qual delas é potencialmente a mais rica fonte desse elemento. (Massas Atômicas: H = 1; C = 12; N = 14; S
= 32; K = 39)
a) uréia, CO(NH2)2
b) nitrato de amônio, NH4NO3
c) sulfato de amônio, (NH4)2SO4
d) guanidina, HCN(NH2)2
e) nitrato de potássio, KNO3

43 - (Vunesp SP/1995)
O nitrato de amônio é utilizado em adubos como fonte de nitrogênio. A percentagem em massa de nitrogênio no
NH4NO3, é: (Massa Atômicas: H = 1,0; O = 16,0; N = 14,0)
a) 35%
b) 28%
c) 17,5%
d) 42,4%
e) 21,2%

44 - (Vunesp SP/1993)
A porcentagem em massa de carbono na uréia (H2N)2CO, é: (Dados: H = 1; C = 12; O = 16; N = 14)
a) 12%
b) 20%
c) 27,27%
d) 35,2%
e) 60%

45 - (Vunesp SP/1996)
A porcentagem em massa de carbono no clorofórmio, CHCl3, é:
Massa atômicas: C = 12; Cl = 35,5; H = 1
a) 1%
b) 10%
c) 12%
d) 24%
e) 50%

46 - (Vunesp SP/1998)
Escreva :
a) as fórmulas moleculares do ácido hipoiodoso e do ácido perbrômico.
b) os nomes dos compostos de fórmulas H2SO3 e H3PO4.

47 - (Vunesp SP/1993)
a) escreva as equações das reações de óxido de potássio com água e de trióxido de enxofre com água.
b) classificar os óxidos.
c) escrever a equação da reação entre os produtos formados nas reações dos dois óxidos com água.

48 - (Vunesp SP/1995)
Considere as reações de K2O com água e de SO3 com água. Escreva:
a) as equações químicas balanceadas, indicando os nomes e as fórmulas dos produtos dessas reações;
b) a equação da reação que ocorre e o nome do composto formado, se as soluções dos produtos resultantes
dessas reações forem misturadas. Suponha que cada uma das soluções tenha concentraçào igual a 1 mol/L.

49 - (Vunesp SP/1990)
Para remover dióxido de carbono do ar respirado pelos astronautas nas espaçonaves utiliza-se hidróxido de lítio
sólido. A fórmula, o nome e o estado físico do produto formado são, respectivamente:
a) Li2C, carbeto de lítio, sólido.
b) LiHCO3, hidrogenocarbonato de lítio, sólido
c) Li(OH)CO2, hidróxicarbonato de lítio, líquido
d) Li2CO3, carbonato de lítio, gasoso
e) Li2HCO3, carbonato de lítio, líquido

50 - (Vunesp SP/1990)
Dentre as alternativas abaixo, assinalar a que contém a afirmação incorreta.
a) segundo a definição de Arrhenius, ácido é toda substância que em solução aquosa produz íons H+.
b) um óxido anfótero reage tanto com ácido como com base, formando um sal e água.
c) segundo a definição de Lewis, base é toda substância capaz de doar um par de elétrons.
d) a acidez ou basicidade de uma solução aquosa é expressa por meio de uma escala que varia de zero a
quatorze em qualquer temperatura.

51 - (Vunesp SP/1995)
Sulfato de potássio, hidrogenofosfato de cálcio, sulfato de amônio e nitrato de amônio são compostos químicos
que fazem parte de misturas usadas como fertilizantes na agricultura.
a) Escreva as fórmulas químicas desses compostos.
b) Sabendo-se que, para os dois primeiros compostos, as condutividades elétricas no estado sólido são baixas e
no estado líquido são altas, qual é o tipo de ligação química existente nesses compostos? Justificar.

52 - (Vunesp SP/1992)
Acetato de chumbo (II), sulfato de alumínio, cloreto de amônio e nitrato de sódio são alguns dos sais usados na
preparação de soluções saturadas para banho-maria. As fórmulas desses sais são, respectivamente:
a) PbAc, AlS, NH2Cl e NaNO4.
b) Pb2(CH3COO)3, Al2S3, NH4Cl e Na3N .
c) Pb2CH3COO, Al2(SO3)3, NH3Cl e NaNO3.
d) CH3CO2Pb2+, Al2SO3, NH3Cl2 e NaNO2 .
e) Pb(CH3COO)2, Al2(SO4)3, NH4Cl e NaNO3.

53 - (Vunesp SP/1992)
Qual é a pressão, em atmosferas, exercida por uma mistura de 1,0g de H2 e 8,0g de He contida em um balão de aço
de 5,0L a 27oC?
Dados:H=1; He=4. R=0,082 atm. L/mol.K

54 - (Vunesp SP/1996)
Uma mistura de 4g de H2 gasoso com uma quantidade desconhecida de He gasoso é mantida nas condições
normais de pressão e temperatura. Se uma massa de 10g de H2 gasoso for adicionada à mistura, mantendo-se as
condições de temperatura e pressão constantes, o volume dobra. Calcule a massa em gramas de He gasoso
presente na mistura.
Dados:”H=1; He=4; R=0,082 atm . L/mol . K; Vmolar=22,4L

55 - (Vunesp SP/1994)
Durante o transporte do etano gasoso em um caminhão tanque com capacidade de 12,3 m3, à temperatura de –
23oC, houve um acidente e verificou-se uma queda de pressão de 0,6 atm. Admitindo-se a temperatura constante,
calcular a massa do etano perdida no ambiente.
Dados: C = 12; H = 1; O = 16 R = 0,082 atm .L /mol .K

56 - (Vunesp SP/1994)
Quatro frascos de volumes iguais contêm:

I. hidrogênio a 273oC e pressão de 1 atm;


II. hidrogênio a 0oC e pressão de 2 atm;
III. dióxido de carbono a 273oC e pressão de 2 atm;
IV. dióxido de carbono a 0oC e pressão de 0,75 atm;

A maior massa de gás e o menor número de moléculas estão, respectivamente, no(s) frasco(s):
a) III e III
b) I e III
c) III e I
d) II e IV
e) I e IV

57 - (Vunesp SP/1993)
A partir das configurações eletrônicas dos átomos constituintes e das Estruturas de Lewis:
a) Determine as fórmulas dos compostos mais simples que se formam entre os elementos (número atômicos:
H = 1; C = 6; P = 15):
I. hidrogênio e carbono;
II. hidrogênio e fósforo.
b) Qual é a geometria de cada uma das moléculas formadas, considerando-se o número de pares de elétrons?

58 - (Vunesp SP/1992)
Representar as Estruturas de Lewis e descrever a geometria de NO 2-, NO3- e NH3. Para a resolução, considerar as
cargas dos íons localizadas nos seus átomos centrais. (Números atômicos: N = 7; O = 8; H = 1.)

59 - (Vunesp SP/1997)
Indique a geometria das substâncias PH3 e BF4-
60 - (Vunesp SP/1989)
Quando um cometa se aproxima do sol e se aquece há liberação de água, de outras moléculas, de radicais e de
íons. Uma das reações propostas para explicar o aparecimento de H3O+ em grandes quantidades, durante esse
fenômeno é:

( H2O) 2 
Luz
→ H3O
+
+ e

+ OH

dímero íon elétron radical

(número atômicos: H = 1; O = 8).


a) Represente a estrutura de Lewis (fórmula eletrônica para o íon e indique a sua geometria).
b) Quais são as forças (interações) que atuam na molécula de dímero que justificam sua existência?

61 - (Vunesp SP/1992)
Têm-se dois elementos químicos A e B, com números atômicos iguais a 20 e 35, respectivamente:
a) Escrever as configurações eletrônicas dos dois elementos. Com base nas configurações, dizer a que grupo da
Tabela Periódica pertence cada um dos elementos em questão.
b) Qual será a fórmula do composto formado entre os elementos A e B? Que tipo de ligação existirá entre A e B
no composto formado? Justificar.

62 - (Vunesp SP/1995)
Estabelecer e justificar a ordem crescente de volumes das espécies componentes da série isoeletrôiica: 10Ne; 8O2-;
- 2+ +
9F ; 12Mg ; 11Na .

63 - (Vunesp SP/1993)
Com base na distribuição eletrônica o elemento de número atômico 19 combina-se mais facilmente, formando um
composto iônico, com o elemento de número atômico:
a) 11
b) 17
c) 18
d) 20
e) 27

64 - (Vunesp SP/1996)
Nas substâncias CaCO3, CaC2, CO2, C (grafita) e CH4, os números de oxidação do carbono são, respectivamente:
a) -4 +1 +4 0 +4
b) +4 -1 +4 0 -4
c) -4 -2 0 +4 +4
d) +2 -2 +4 0 -4
e) +4 +4 +4 +4 +4

65 - (Vunesp SP/1995)
No mineral perovskita, de fórmula mínima CaTiO3, o número de oxidação do titânio é:
a) +4
b) +2
c) +1
d) –1
e) –2

66 - (Vunesp SP/1991)
Os números de oxidação do crômio e do manganês nos compostos CaCrO4 e K2MnO4 são, respectivamente:
a) +2 e +2
b) –2 e –2
c) +6 e +7
d) +6 e +6
e) –6 e –6

67 - (Vunesp SP/1996)
São dadas as equações:

I. H2O2(aq) + H+(aq) + I-(aq) → H2O(l) + I2(aq)


II. H2O2(aq) + MnO4-(aq) + H+(aq) → H2O(l) + O2(g) + Mn2+(aq)

Nessas condições:
a) indique o agente oxidante e o agente redutor em cada caso;
b) balanceie as duas equações, indicando o número de elétrons cedidos e recebidos.

68 - (Vunesp SP/1988)
Dados os compostos no estado líquido: H2O, CCl4 e C6H6;
a) representar a estrutura de Lewis (fórmula eletrônica) da H2O e do CCl4.
b) são miscíveis as misturas de partes iguais de C6H6 e H2O? E de C6H6 e CCl4? Justificar a resposta e classificar
as dus misturas.

69 - (Vunesp SP/1993)
A reação de dissolução do ouro em água-régia é representada pela equação:

Au(s) + x NO3-(aq) + y Cl-(aq) + 6 H+(aq) → AuCl4-(aq) + z NO2 (g) + 3 H2O.

Os coeficientes x, y e z na equação, respectivamente, são:


a) 1, 4 e 2
b) 2, 6 e 3
c) 4, 4 e 4
d) 3, 4 e 3
e) 1, 6 e 1

70 - (Vunesp SP/1994)
O fósforo vermelho (P4, sólido) reage com bromo (líquido) para dar tribrometo de fósforo, que é um líquido
fumegante. O tribrometo de fósforo, por sua vez, reage com água para formar ácido fosforoso e brometo de
hidrogênio em solução. Escrever as equações químicas balanceadas das duas reações.

71 - (Vunesp SP/1991)
Dentre as alternativas a seguir, assinale a que contém a afirmação incorreta:
a) Ligação covalente é aquela que se dá pelo compartilhamento de elétrons entre dois átomos.
b) O composto covalente HCl é polar, devido à diferença de eletronegatividade existente entre os átomos de
hidrogênio e cloro
c) O composto formado entre um metal alcalino e um halogênio é covalente.
d) A substância de fórmula Br2 é apolar.
e) A substância de fórmula Cal2 é iônica.

72 - (Vunesp SP/1993)
Um processo de gravação em vidro envolve a ação corrosiva do ácido fluorídrico. O ácido fluorídrico, em solução
aquosa, reage com o dióxido de silício da superfície do vidro, originando tetrafluoreto de silício gasoso e água.
Escreva a equação química balanceada da reação que ocorre no processo de gravação em vidro, indicando os
estados físicos de reagentes e produtos.

73 - (Vunesp SP/1992)
As afirmações abaixo referem-se ao elemento químico oxigênio. Somente uma das afirmações é incorreta. Indicar
a alternativa que contém a afirmação incorreta:
a) É o elemento mais abundante na natureza.
b) É o componente presente em maior proporção no ar atmosférico.
c) Está presente nos silicatos, fosfatos e carbonatos.
d) Está presente nas proteínas e nos açúcares.
e) Apresenta como variedade alotrópica o ozônio.

74 - (Vunesp SP/1990)
Para remover dióxido de carbono do ar respirado pelos astronautas nas espaçonaves utiliza-se hidróxido de lítio
sólido. A fórmula, o nome e o estado físico do produto formado são, respectivamente:
a) Li2C, carbeto de lítio, sólido.
b) LiHCO3, hidrogenocarbonato de lítio, sólido.
c) Li(OH)CO2, hidroxicarbonato de lítio, líquido.
d) Li2CO3, carbonato de lítio, gasoso.
e) Li2HCO3, bicarbonato de lítio, líquido.

75 - (Vunesp SP/1993)
Quando se adiciona uma solução aquosa de carbonato de sódio a uma solução aquosa de mesma concentração, em
mol/L, de cloreto de bário, forma-se um precipitado branco. Adicionando-se ácido nítrico, ocorre a dissolução do
precipitado.
a) Escreva a equação química da reação de formação do precipitado, identificando-o.
b) Escreva a equação química da reação de dissolução do precipitado.

76 - (Vunesp SP/1995)
Quando os gases NO2 e SO3 entram em contato com a umidade do ar, originam um efeito de poluição conhecido
como “chuva ácida”. Isto ocorre porque se formam:
a) monóxido de nitrogênio (NO) e ácido sulfídrico (H2S) em água.
b) água oxigenada e monóxido de carbono, ambos tóxicos.
c) gás carbônico e fuligem (carvão finamente dividido).
d) ácido carbônico, nitratos e sulfato metálicos solúveis.
e) ácido nítrico (HNO3) e ácido sulfúrico (H2SO4).

77 - (Vunesp SP/1992)
Soluções aquosas de cloreto de sódio, cloreto de bário e nitrato de potássio estão contidas em três frascos,
rotulados S1, S2 e S3. Observa-se experimentalmente que:
1°. as soluções S1 e S3 reagem com nitrato de prata produzindo um precipitado, enquanto a solução S2 não reage.
2°. somente a solução S1 reage com carbonato de amônio produzindo um precipitado branco.
Com base nessas observações, identifique as soluções contidas nos frascos S 1, S2 e S3. Justifique a resposta.
escrevendo as equações das reações químicas utilizadas na identificação.

78 - (Vunesp SP/1993)
Tintura de iodo é uma solução de I2 e KI.
Deixou-se um frasco dessa solução aberto, e depois de certo tempo observou-se que restavam no fundo grãos de
cores violeta e branca. Pode-se concluir a partir desses dados que:
a) a mistura original era heterogênea.
b) ocorreu cristalização da solução
c) ocorreu sublimação dos componentes
d) ocorreu vaporização do soluto
e) ocorreu vaporização do solvente, restando cristais de iodo e de iodeto de potássio.

79 - (Vunesp SP/1991)
Na separação do café a água quente entra em contato com o pó e é separada no coador. As operações envolvidas
nessa separação são, respectivamente:
a) destilação e decantação
b) filtração e destilação
c) destilação e coação
d) extração e filtração
e) extração e decantação

80 - (Vunesp SP/1990)
O naftaleno, comercialmente conhecido como naftalina, empregado para evitar baratas em roupas, funde em
temperaturas superiores a 80ºC. Sabe-se que bolinhas de naftalina, à temperaturas ambientes, têm suas massas
constantemente diminuídas, terminando por desaparecer sem deixar resíduos. Esta observação pode ser explicada
pelo fenômeno da:
a) fusão
b) sublimação
c) solidificação
d) liquefação
e) ebulição

81 - (Vunesp SP/1992)
Um frasco contém 28g de cada uma das moléculas: CO, C 2H4 e N2. O número total de moléculas no frasco é igual
a:
Dados: H=1; C=12; N=14; O=16; Avogadro = 6,0 .1023
a) 3
b) 84
c) 6,0 . 1023
d) 18 . 1023
e) 3 . 28 . 1023

82 - (Vunesp SP/1989)
O mercúrio, na forma iônica, é tóxico porque inibe certas enzimas. Uma amostra de 25,0g de atum de uma grande
remessa foi analisada, e constatou-se que continha 2,1 . 10-7 mols de Hg2+. Considerando-se que os alimentos com
conteúdos de mercúrio acima de 0,50 . 10-3g por quilograma de alimento não podem ser comercializados,
demonstrar se a remessa de atum deve ou não ser confiscada.
Dados: Hg = 200

83 - (Vunesp SP/1988)
A prata de lei é uma liga constituída por prata e cobre. Em 9,73g do material são encontrados 5,03 . 1023 átomos de
prata. Qual a composição porcentual da liga? Cu=63,5; Ag=107,8; Avogadro = 6,0 . 1023

84 - (Vunesp SP)
Em um mol de moléculas de H3PO4 tem-se:
a) 3 . 1023 átomos de hidrogênio
b) 1 átomo de cada elemento
c) 3 íons H+ e um íon PO33-
d) 1 mol de cada elemento
e) 4 mol de átomos de oxigênio e 1 mol de átomos de fósforo.

85 - (Vunesp SP)
Os nomes dos elementos químicos Chumbo, Prata e Antimônio dão origem aos símbolos químicos desses
elementos. Esses símbolos são respectivamente:
a) P, Ar, Sr
b) Pm, At, Sn
c) Pb, Ag, Sb
d) Pu, Hg, Si
e) Po, S, Bi

86 - (Vunesp SP/1993)
Duas substâncias gasosas A e B reagem em um recipiente fechado, de acordo com a seguinte lei de velocidade
velocidade = k [A] . [B]2
Com relação a esta reação são feitas as seguintes afirmações:

I. Mantida constante a temperatura, a velocidade aumentará oito vezes, se o volume inicial for à metade.
II. Mantido constante o volume, uma diminuição de temperatura provoca uma diminuição na velocidade da
reação.
III. Mantidos constantes o volume, a temperatura e a concentração de A, e diminuindo pela metade a
concentração de B, a velocidade aumenta quatro vezes.

Podemos afirmar que:


a) I, II e III são corretas.
b) apenas I e II são corretas.
c) apenas I e III são corretas.
d) apenas II e III são corretas.
e) apenas II é correta.

87 - (Vunesp SP)
Se uma esponja de ferro metálico empregada em limpeza, como por exemplo o bombril, for colocada em uma
chama ao ar, inicia-se uma reação química. Essa reação prossegue espontaneamente, mesmo quando a esponja é
retirada da chama, com desprendimento de material incandescente sob a forma de fagulhas luminosas. Após o
término da reação, a esponja torna-se quebradiça e escura. No entanto, se um arame de ferro for aquecido na
mesma chama e também ao ar, a única alteração que se nota ao final é o escurecimento de sua superfície.
a) Por que há grande diferença nas velocidades de reação nos dois casos?
b) Escreva a equação balanceada da reação de formação de um possível produto da reação, com o respectivo
nome, para os dois casos.

88 - (Vunesp SP)
O peróxido de hidrogênio, H2O2, comumente chamado de água oxigenada, pode reagir com íons em solução
aquosa, segundo uma reação que se processa em duas etapas:
(1o. etapa, lenta) H2O2 + I- →H2O + IO-
(2 . etapa, rápida) H2O2 + IO- →H2O + O2 + I-
o

a) Com base nessas etapas, pode-se afirmar que a reação é catalisada? Justifique sua resposta.
b) Escreva a equação química balanceada da reação global que ocorre entre peróxido de hidrogênio e i íons I-
em solução.

89 - (Vunesp SP/1993)
No laboratório, foi feita a montagem esquematizada na figura, utilizando placas de crômio e de cobalto, dois
eletrodos inertes, uma chave interruptora e uma bateria. Os dois recipientes contêm, respectivamente, soluções
aquosas de sais de crômio e de cobalto.

O circuito foi ligado durante um certo tempo, após o qual se verificaram aumentos de massa de 0,3467 g na placa
de crômio e de 0,5906 g na placa de cobalto.
A partir destes resultados, um estudante fez as seguintes afirmações:
a) A carga do cobalto em seu sal é igual a + 2.
b) Considerando a eficiência do processo igual a 100%, pode-se calcular que circulou, uma carga igual a 1.930
coulombs pela montagem.
Com base nos dados fornecidos, discuta e justifique se as afirmações do estudante são verdadeiras ou falsas.
(1 faraday = 96.500 coulombs)
(massas molares, em g/mol: Cr = 52; Co = 59)

90 - (Vunesp SP/1994)
O Tecnécio-99, um isótopo radioativo utilizado em Medicina, é produzido a partir do Molibidênio, segundo o
processo esquematizado a seguir:
42Mo → 43Tc
99 99
+ partícula X

↓t1/2 = 6,0h

produto Y + radiação λ

Define-se t1/2 (tempo de meia-vida) como o tempo necessário para que ocorra desintegração de metade do total de
átomos radioativos inicialmente presentes.
É correto afirmar que:
a) X é uma partícula alfa
b) X é uma partícula beta
c) ao final de 12 horas, toda a massa de 43Tc99 é transformada em produto Y
d) ao final de 12 horas, restam 72% da quantidade inicial de 43Tc99
e) o produto final Y é um isótopo do elemento de número atômico 44.

91 - (Vunesp SP/1993)
Na preparação de 750mL de solução aquosa de H2SO4 de concentração igual a 3,00 mol/L a partir de uma solução-
estoque de concentração igual a 18,0 mol/L, é necessário utilizar um volume da solução-estoque, expresso, em
mL, igual a:
a) 100
b) 125
c) 250
d) 375
e) 500

92 - (Vunesp SP)
Quando se adiciona uma solução de cloreto de cálcio a uma solução de carbonato de sódio froma-se uma solução
de crbonato de cálcio insolúvel (utilizado como giz), de acordo com a equação: CaCl 2(aq) + Na2CO3(aq) →CaCO3(s) +
2NaCl(aq). Para reagir completamente com 50mL de solução 0,150mol/L de Na2CO3, é necessário um volume de
solução 0,250mol/L de CaCl2(aq), expresso em mL, igual a:
a) 15,0
b) 25,0
c) 30,0
d) 50,0
e) 75,5

93 - (Vunesp SP)
Dentre as soluções abaixo, qual delas congela-se à temperatura mais baixa?
a) 1 mol de glicose em 1.000 g de água.
b) 1 mol de ácido clorídrico em 1.000 g de água.
c) 1 mol de ácido acético em 1.000 g de água.
d) 1 mol de cloreto de cálcio em 1.000 g de água.
e) 0,5 mol de cloreto de ferro (II) em 1.000 g de água.

94 - (Vunesp SP)
A uma dada temperatura, possui a menor pressão de vapor a solução aquosa:
a) 0, 1 mol/L de sacarose.
b) 0,2 mol/L de sacarose.
c) 0,1 mol/L de ácido clorídrico.
d) 0,2 mol/L de ácido clorídrico.
e) 0,1 mol/L de hidróxido de sódio.

95 - (Vunesp SP)
Em dois frascos idênticos, I e II, foram colocados volumes iguais de água e de solução concentrada de cloreto de
sódio, respectivamente. Os dois frascos foram colocados sob uma campãnula de vidro hermeticamente fechada,
como mostrado na figura.

Após algum tempo, observou-se que o frasco I estava totalmente vazio, e que no frasco II o volume havia dobrado,
contendo, portanto, uma solução diluída de cloreto de sódio.
a) Explique por que ocorreu esse fenômeno.
b) Explique o que acontece com o ponto de congelamento das soluções inicial e final de cloreto de sódio.
Justifique sua resposta.

96 - (Vunesp SP)
Considere as seguintes soluções aquosas:
I. de uréia, CO(NH2)2, concentração 2 . 10-2 mol/L, pressão osmótica P1;
II. de cloreto de potássio, concentração 10-2 mol/L, pressão osmótica P2;
III. de cloreto férrico, concentração 0,5 . 10-2 mol/L, pressão osmótica P3.
A relação P1 : P2 : P3 é igual a:
a) 2 : 2 : 3
b) 1 : 1 : 2
c) 1 : 2 : 3
d) 4 : 4 : 3
e) 1 : 1 : 1

97 - (Vunesp SP)
O octano é um dos principais constituintes da gasolina, que é uma mistura de hidrocarbonetos. A fórmula
molecular do octano é:
a) C8H18
b) C8H16
c) C8H14
d) C12H24
e) C18H38

98 - (Vunesp SP)
Nos carros movidos a etanol (álcool etílico), a combustão completa de 1 mol de álcool produz:
a) 1 mol de CO2 e 6 mols de H2.
b) 2 mols de CO2 e 3 mols de água.
c) 2 mols de monóxido de carbono e 3 mols de água.
d) 3 mols de etanal e 1 mol de metano.
e) 1 mol de metanol e 3 mols de monóxido de carbono.

99 - (Vunesp SP)
Hidreto de lítio pode ser preparado segundo a reação química expressa pela equação: 2Li(s) + H2(g) → 2LiH(s).
Admitindo que o volume de hidrogênio é medido nas condições normais de temperatura e pressão, calcule:
Dados: V = 22,4L; Li = 6,9; H = 1.
a) a massa de hidreto de lítio que pode ser produzida na reação de 13,8g de lítio com 11,2L de hidrogênio.
b) o rendimento (em porcentagem) , se com as quantidades de reagentes anteriormente indicadas, ocorrer a
formação de 6,32g de LiH.

100 - (Vunesp SP)


A reação entre amônia e metano é catalisada por platina. Forma-se cianeto de hidrogênio e hidrogênio gasosos.
Dados: H=1; C=12; N=14.
a) escreva a equação química balanceada da reação.
b) calcule as massas dos reagentes para a obtenção de 2,70kg de cianeto de hidrogênio, supondo 80% de
rendimento da reação.

101 - (Vunesp SP)


Um homem em repouso consome em média 200cm3 de oxigênio molecular a 27oC e 1 atm de pressão por
quilograma de peso por hora. O oxigênio consumido é utilizado par produção de energia através da oxidação de
glicose, segundo a reação: C6H12O6 + 6O2 → 6CO2 + 6H2O. Para um homem de 61,5kg de peso, calcular:
a) o número de mols de O2 consumido em 1 hora de repouso.
b) a massa de glicose gasta no período de1 hora.

102 - (Vunesp SP/2003)


Segundo a lei de Charles-Gay Lussac, mantendo-se a pressão constante, o volume
ocupado por um gás aumenta proporcionalmente ao aumento da temperatura.
Considerando a teoria cinética dos gases e tomando como exemplo o gás hidrogênio
(H2), é correto afirmar que este comportamento está relacionado ao aumento:
a) do tamanho médio de cada átomo de hidrogênio (H), devido à expansão de suas
camadas eletrônicas.
b) do tamanho médio das moléculas de hidrogênio (H2), pois aumentam as distâncias
de ligação.
c) do tamanho médio das moléculas de hidrogênio (H2), pois aumentam as
interações entre elas.
d) do número médio de partículas, devido à quebra das ligações entre os átomos de
hidrogênio (H2 →2H).
e) das distâncias médias entre as moléculas de hidrogênio (H2) e das suas
velocidades médias.

103 - (Vunesp SP/2003)


As hemácias apresentam grande quantidade de hemoglobina, pigmento vermelho que
transporta oxigênio dos pulmões para os tecidos. A hemoglobina é constituída por
uma parte não protéica, conhecida como grupo heme. Num laboratório de análises foi
feita a separação de 22,0 mg de grupo heme de uma certa amostra de sangue, onde
constatou-se a presença de 2,0 mg de ferro. Se a molécula do grupo heme contiver
apenas um átomo de ferro [Fe=56 g/mol], qual a sua massa molar em gramas por
mol?
a) 154.
b) 205.
c) 308.
d) 616.
e) 1 232.

104 - (Vunesp SP/2003)


Em um laboratório, foi encontrado um frasco, sem identificação, contendo um pó
branco cristalino. Aquecendo este pó com taxa constante de fornecimento de calor,
foi obtida a seguinte curva de aquecimento.
T ( ° C )

s ó l i d s oó l i d o + l íl qí q u u i di d o o
t e m p o ( m i n u t o s )
Pode-se afirmar que o pó branco encontrado é:
a) uma substância simples.
b) uma substância composta.
c) uma mistura de cristais com tamanhos diferentes.
d) uma mistura de duas substâncias.
e) uma mistura de três substâncias.

105 - (Vunesp SP/2003)


40 Ca 35
Qual a fórmula do composto formado entre os elementos 20 e 17 Cl qual a
ligação envolvida?
a) CaCl, iônica.
b) CaCl, covalente.
c) CaCl2, iônica.
d) CaCl2 , covalente.
e) Ca2Cl, iônica.

106 - (Vunesp SP/2003)


Considerando o aspecto da polaridade das moléculas, em qual das seguintes
substâncias o benzeno (C6H6) é menos solúvel?
a) H2O
b) CCl4
c) H6C2O
d) H3COH.
e) H3CCOOH.

107 - (Vunesp SP/2003)


I e II são dois líquidos incolores e transparentes. Os dois foram aquecidos,
separadamente, e mantidos em ebulição. Os valores das temperaturas (T) dos líquidos
em função do tempo (t) de aquecimento são mostrados na figura a seguir.
T ( ° C )

I I
I

t ( m i n u t o s )
Com base nessas informações, pode-se afirmar que:
a) I é um líquido puro e II é uma solução.
b) I é uma solução e II é um líquido puro.
c) I é um líquido puro e II é um azeótropo.
d) I e II são líquidos puros com diferentes composições químicas.
e) I e II são soluções com mesmos solvente e soluto, mas I é uma solução mais
concentrada do que II.

108 - (Vunesp SP/2003)


Um funcionário de uma empresa de limpeza dispunha de dois produtos para o
trabalho “pesado”: soluções concentradas de ácido muriático e de soda cáustica. Não
conseguindo remover uma “crosta” de sujeira usando estas soluções separadamente,
ele preparou uma mistura, usando volumes iguais das mesmas.
Sabendo que ácido muriático e soda cáustica são os nomes comerciais,
respectivamente, do ácido clorídrico e do hidróxido de sódio, o funcionário terá
sucesso em sua última tentativa de remover a sujeira?
a) Não, pois na mistura as concentrações de ambos os produtos foram reduzidas à
metade.
b) Não, pois ácido muriático e soda cáustica não são adequados para remover
sujeira.
c) Não, pois a mistura resultante é apenas uma solução de cloreto de sódio, podendo
ainda conter ácido muriático ou soda cáustica excedente.
d) Sim, pois estarão sendo utilizadas as propriedades de ambos os produtos ao
mesmo tempo.
e) Sim, desde que as concentrações molares de ambos os produtos sejam idênticas.

109 - (Vunesp SP/2003)


O hipoclorito — ClO–— pode ser preparado pela reação representada pela seguinte
equação:
Cl2(aq) + 2OH–(aq) → – –
← ClO (aq) + Cl (aq) + H2O(l)
C o m p o Ss t o o l u b i l i d a d e
1 8 ° C ( m o l / L )
HC l 9 , 4
A g N O 8 , 3
- 5
A g C l 1 0
K N O 2 , 6
KC l 3 , 9

Considerando, ainda, as informações constantes na tabela, qual substância, ao ser


adicionada ao sistema, aumentará o rendimento da reação?
a) HCl.
b) AgNO3.
c) AgCl.
d) KNO3.
e) KCl.

110 - (Vunesp SP/2003)


Em uma cozinha, estão ocorrendo os seguintes processos:
I. gás queimando em uma das “bocas” do fogão e
II. água fervendo em uma panela que se encontra sobre esta “boca” do fogão.
Com relação a esses processos, pode-se afirmar que:
a) I e II são exotérmicos.
b) I é exotérmico e II é endotérmico.
c) I é endotérmico e II é exotérmico.
d) I é isotérmico e II é exotérmico.
e) I é endotérmico e II é isotérmico.

111 - (Vunesp SP/2003)


A equação seguinte indica as reações que ocorrem em uma pilha: Zn(s) + Cu 2+(aq)
→ Zn2+(aq) + Cu(s). Podemos afirmar que:
a) o zinco metálico é o cátodo.
b) o íon cobre sofre oxidação.
c) o zinco metálico sofre aumento de massa.
d) o cobre é o agente redutor.
e) os elétrons passam dos átomos de zinco metálico aos íons de cobre.
112 - (Vunesp SP/2003)
Entre os compostos
I. C2H6O,
II. C3H6O e
III. C2H2Cl2 ,
apresentam isomeria geométrica:
a) I, apenas.
b) II, apenas.
c) III, apenas.
d) I e II, apenas.
e) II e III, apenas.

113 - (Vunesp SP/2003)


O ibuprofen é um antiinflamatório muito usado.
C 3H

C H
C 3H
C 2O H
C H
H 3 C C 2H i b u p r o f e n
Sobre este composto, é correto afirmar que:
a) sua fórmula molecular é C13H18O2 .
b) não tem carbono assimétrico.
c) pertence à função amina.
d) apresenta cadeia heterocíclica saturada.
e) tem massa molar igual a 174 g/mol.

GABARITO:

1) Gab: C

2) Gab: B

3) Gab: E

4) Gab: D

5) Gab: A

6) Gab: D

7) Gab: B

8) Gab:
a) 27Co60→ 28Ni60 + -1β o

b) 9,35 . 108 átomos

9) Gab:
Cálculo do H de reação:
∆H = ∑∆H f − ∑∆H f
produtos reagentes

∆H = (−930 + 0) − (−285 .2 − 0)
∆H = −360 KJ / molMg
a) Cálculo da energia liberada:

b) A equação química balanceada da reação de formação do Mg(OH)2 é:MgO(S) + H2O(l)  Mg(OH)2(S)


Cálculo gráfico do ΔH de formação do MgO (ΔHfMgO ):

S u b s t â n c i a s S i m p l e s

∆H fH2 +O ∆Hf M g O
E n ta lp ia ( k j)

M g+ O H 2 O
∆HfM g (2 O H )

∆Hf

M g (2 O H )
Então:

Substituindo os valores dados, temos:

Desse modo, para calcular o ΔHfMgO é necessário conhecer o valor de ΔHr , que não foi fornecido pela banca
examinadora.

10) Gab:
a) A equação química da reação de titulação é: NaCl(aq) + AgNO3(aq) AgCl(s) + NaNO3(aq)
Cálculo da massa de NaCl existente em 10,0 mL de solução:

A solução não pode ser usada como soro fisiológico uma vez que a % em massa de NaCl é maior que 0,90%.
b.Cálculo da massa de AgCl precipitado:
11) Gab:
a) A equação nuclear da emissão de pósitron é:
11 11 0
6 C→5 B++1 β
11
b) Decaimento da amostra 6 C

100% 20
, 4
min
→ 50% 20
, 4
min
→ 25%
O tempo total decorrido é igual a 40,8 minutos (dois períodos de meia-vida).

12) Gab:
a) A equação balanceada da reação é: C6H12O6 + 6 O2  6 CO2 + 6 H2O + energia
b) Diminuindo-se a temperatura corpórea de 36,5 para 25oC, ocorrerão a diminuição da velocidade das reações
metabólicas e o aumento da quantidade de oxigênio dissolvido no sangue. Desse modo, o tempo necessário para que os
órgãos comecem a sofrer lesões irreversíveis será superior a 5 minutos.

13) Gab:
a) Em um local de altitude mais elevada, a [O2] no ar é menor e, segundo o Princípio de Le Chatelier, o equilíbrio
químico em questão desloca-se para a esquerda. Em outras palavras, a diminuição da [O2] favorece a reação inversa, o
que diminui a capacidade respiratória do atleta.
b) Durante o período de adaptação à altitude mais elevada, o organismo do atleta sintetiza mais hemoglobina
aumentando a sua concentração. Pelo Princípio de Le Chatelier, isso favorece a reação direta, o que aumenta a
capacidade respiratória do atleta. Para cada molécula de hemoglobina sintetizada, são consumidos quatro átomos de
ferro, o que diminui as reservas desse metal no organismo do atleta.

14) Gab:
a)

b) A hidrólise total do Dexon forma o seu monômero:

15) Gab: D

16) Gab: B

17) Gab: C

18) Gab: E
19) Gab: B

20) Gab: A

21) Gab: D

22) Gab: C

23) Gab: E

24) Gab: A

25) Gab: D

26) Gab: C

27) Gab:
a) Cálculo do valor do ouro usado para recobrir a chapa do circuito eletrônico:

b) Cálculo da energia necessária para a sublimação do ouro utilizado:

28) Gab:
a) A diminuição do KP com a temperatura significa que temperaturas elevadas desfavorecem a reação direta
(formação de amônia. . Além disso, no sentido direto ocorre uma diminuição do número de moléculas presentes
no sistema. Então, pelo Princípio de Le Chatelier, podemos afirmar que as seguintes condições favorecem a
síntese de amônia:
I. Temperaturas ao redor de 25oC;
II. Pressões elevadas.
b) Na prática, como a reação entre N2 e H2 ocorre com grande energia de ativação, a temperatura utilizada é elevada
(450oC). O catalisador é usado para aumentar a velocidade da reação de síntese e a amônia formada é
constantemente removida do sistema químico, o que desfavorece a reação inversa.

29) Gab:
a) A equação da reação de adição é:

b) A unidade básica do polímero PVC é:

30) Gab:
a) Em meio ácido, a reação de ionização do HIn estará deslocada para a esquerda, fazendo com que o tornassol fique
vermelho (Princípio de Lê Chatelier).
b) O último parágrafo não leva em consideração a hidrólise salina. Sais como o acetato de sódio e o cloreto de amônio
tornam o meio alcalino (tornassol azul) e ácido (tornassol vermelho), respectivamente.

31) Gab:
a) A equação da reação de produção do etanol é:
C2H4 + H2O  C2H5OH
Cálculo da massa de eteno:

b) A equação da reação de combustão do etanol é:


C2H5OH + 3 O2  2 CO2 + 3 H20
Cálculo do número de mols de CO2:

=434, 8 mols

32) Gab:
a) A oxidação parcial do metanol forma o metanal ou formaldeído de odor penetrante:

b) O cobre metálico age como catalisador e o aquecimento é necessário para que as moléculas dos reagentes adquiram
uma energia igual ou superior à energia de ativação. A espiral de cobre permanece incandescente, mesmo após a
interrupção do aquecimento, porque a reação é exotérmica e ocorre na superfície do metal.

33) Gab: A

34) Gab: B

35) Gab: 1,33mol

36) Gab: D

37) Gab: C

38) Gab: D

39) Gab: E

40) Gab: C

41) Gab: C
42) Gab: D

43) Gab: A

44) Gab: B

45) Gab: B

46) Gab:
a) HIO e HBrO4
b) ácido sulfuroso e ácido fosfórico

47) Gab:
a) K2O + H2O → 2KOH
SO3 + H2O → H2SO4
b) K2O→ óxido básico
SO3→ óxido ácido
c) 2KOH + H2SO4→ K2SO4 + 2H2O

48) Gab:
a) K2O + H2O → 2KOH
-SO3 + H2O →H2SO4
b) 2KOH + H2SO4 → K2SO4 + 2H2O
sulfato de potássio

49) Gab: B

50) Gab: D

51) Gab:
a) K2SO4, CaHPO4, (NH4)2SO4, NH4NO3.
b) Os dois são iônicos (e seus ânions apresentam covalência simples e dativas):

52) Gab: E

53) Gab: 12,3 atm

54) Gab: 3g

55) Gab: 10,8kg

56) Gab: C

57) Gab:
a) I-CH4 , PH3
b) I- tetraédrica; II- pirâmide trigonal

58) Gab:
- -O
O. . N 3

..
..
. . . . . .
i t r .a . t o.. *.
T r i g o n a l
N . O. N O

..

..
-
. . . . . . - N 2O
N i t r i t o.. *. O P Nl a n o O
..
..

..
..
a n g u l a r
..
A m ô . n .i a NN 3H
. . .
H . H P i r a m i d a l
H

59) Gab: PH3 = piramidal; BF4- = tetraédrica

60) Gab:
a)

b) pontes de hidrogênio, devido, ao grupo – OH fortemente polarizado da molécula de H2O

61) Gab:
a) elemento A: 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2, grupo 2A; elemento B: 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p5, grupo 7A
b) AB2, ligação iônica.

62) Gab: Mg2+ < Na+ < Ne < F- < O2-

63) Gab: B

64) Gab: B

65) Gab: A

66) Gab: D

67) Gab: a) I- oxidante: H2O2 redutor: I-


-
II- oxidante: MnO4 redutor: H2O2
b) I- H2O2 recebe 2 elétrons; 2 I- cedem 2 elétrons
II- 5 H2O2 cedem 10 elétrons; 2 MnO4- recebem 10 elétrons.

68) Gab:
a)
Á g u T a e t r a c l o r o m e t a n o
.. C. . .. l
. . .. . .
H
. .O . .
H ..C. . . . Cl .. . . C. . . . l
. . .. . .
. C. . . l
b)
C6H6 é apolar e H2O é polar portanto são líquidos imiscíveis (mistura heterogênea).
C6H6 é apolar e CCl4 é apolar portanto são líquidos miscíveis (mistura homogênea).

69) Gab: D

70) Gab: P4 + 6 Br2 → 4 PBr3


PBr3 + 3 H2O → H3PO3(aq) + 3 HBr(aq)

71) Gab: C

72) Gab: 4 HF(aq) + SiO2(s) → SiF4(g) + 2 H2O(l)

73) Gab: B

74) Gab: B

75) Gab:
a) Na2CO3(aq) + BaCl2(aq)  2 NaCl(aq) + BaCO3(s)
b) BaCO3(s) + 2 HnO3(aq)  Ba(NO3)2(aq) + H2O(l) + CO2(g)

76) Gab: E

77) Gab:
S1= BaCl2; S2= KNO3; S3= NaCl;
BaCl2 + 2 AgNO3 → 2 AgCl + Ba(NO3)2
precipitado
NaCl + AgNO3 → AgCl + NaNO3
precipitado
BaCl2 + (NH4)2CO3 → 2 NH4Cl + BaCO3
precipitado

78) Gab: E

79) Gab: D

80) Gab: B

81) Gab: D

82) Gab: Deve ser confiscada, pois contém 1,68 .10-3g

83) Gab: 92,58% de prata e 7,42% de cobre

84) Gab: E

85) Gab: C

86) Gab: B

87) Gab:
a) Porque há grande diferença na superfície de contato entre o ferro e o oxigênio (do ar) nos casos do bombril e do
arame. O bombril apresenta maior superfície de contato e, portanto, reage muito mais rápido (e, como a reação é
exotérmica, ela consegue se “manter em andamento” mesmo depois de retirarmos o bombril da chama).
b) Duas respostas são possíveis:
2 Fe + O2 → 2 FeO (óxido de ferro II ou óxido ferroso) e;
4 Fe + 3 O2 → 2 Fe2O3 (óxido de ferro III ou óxido férrico)

88) Gab:
a) Sim pois íons I- criam um mecanismo alternativo para a decomposição de H 2O2 e não são efetivamente consumidos
no processo global.
b) Somando as equações fornecidas, temos: 2 H2O2 → 2 H2O + O2
89) Gab:
a) verdadeira. [0,3467/(52/3)] = [0,5906/(59/x)] → x = 2
b) verdadeira. 96.500 C ---------- (52/3) g de Cr
Q ---------- 0,3467 g
Q = 1.930 C

90) Gab: B

91) Gab: B

92) Gab: C

93) Gab: D

94) Gab: D

95) Gab:
a) Como sabemos, a pressão de vapor da água pura é maior que a da solução, então, se os frascos estivessem sozinhos
no interior da campânula teríamos:

Quando colocamos os dois frascos juntos no interior da campânula, o vapor do equilíbrio I desloca o equilíbrio II no
sentido da condensação. Nessa condições, os dois equilíbrios serão rompidos:
Depois de certo tempo, a água do frasco I transfere-se para o II.
b) A adição de um soluto não-volátil a um solvente volátil faz com que a temperatura de congelação do solvente
diminua. Trata-se de um fenômeno coligativo; então, qunato maior o número de partículas menor será o ponto de início
da congelação da solução. Na experiência proposta, a solução do frasco II sofre diluição com o passar do tempo.

96) Gab: E

97) Gab: A

98) Gab: B

99) Gab:
a) 7,9g
b) 80%

100) Gab:
a) NH3 + CH4 → HCN + 3H2
b) 2,125kg de NH3 e 2kg de CH4

101) Gab:
a) 0,5 mol
b) 15g

102) Gab: E

103) Gab: D

104) Gab: D

105) Gab: C

106) Gab: A

107) Gab: A

108) Gab: C

109) Gab: B

110) Gab: B

111) Gab: E

112) Gab: C

113) Gab: A