Você está na página 1de 4

 

POST-IT – UM EXEMPLO DE INOVAÇÃO


Ilustração 1    
O logo da marca Keeping it simple
 

1. Post-it

O post-it é um pequeno papel utilizado para registar notas ou


lembretes. Pode ser de diversas medidas, cores, formatos, mas a
sua característica especial é ter, no verso, uma tira de um adesivo
especial, de fácil remoção, que permite que ele seja colado,
retirado e recolocado várias vezes, sem deixar marcas ou resíduos
e sem danificar a superfície onde esteve colocado.

Ilustração 2 – Post‐it
Um Produto Marca 
2. Um produto inovador

Lançado no mercado em 1980, pelo Grupo 3M, e presente em todo o mundo, ao fim de 30
anos continua a figurar nas listas de preferências dos consumidores e, pelo menos nos EUA,
mantém-se entre os cinco itens de escritório com maior venda anual.

Numa época em que as pessoas começaram a ser inundadas de informação, o pequeno


quadrado permitiu que as pessoas gerissem melhor essa mesma informação, fazendo notas,
chamando a atenção, classificando, dando recados.

Da sua forma original e mais comum, o Post-it quadrado amarelo, com 7,5 cm quadrados de
área, (ainda hoje marca registada da 3M) o conceito evoluiu e adaptou-se para uma enorme
variedade de produtos similares, com designs mais diversificados e arrojados, mas cujo
conceito original se mantém: lembrar, marcar e organizar.

Segundo as palavras de um dos seus inventores, Art Fry, “Post-it


Notes were a product innovation. They were developed from a
combination of three areas (i.e., paper, tape and adhesives) of
interest within 3M. I was able to combine these into what you now
know as Post-it Notes. They became a new tool for you to use.
They let you do things like organize, remind, and communicate with
greater simplicity and reliability than before. Thus, it allows you to
be more effective and yes, I could mark my hymnal easier!”

É realmente da combinação de esforços entre diversas áreas que


nasce um produto inovador. Não basta ter a ideia; ter criatividade é,
sem dúvida um primeiro passo muito importante. Mas o que define
um produto inovador é o facto de ele ser útil, ter aplicação, vir
colmatar uma necessidade existente, embora muitas vezes esta
não seja reconhecida.

Efectivamente os Post-its ainda hoje, numa era altamente Ilustração 3 ‐ Digital Notes.


tecnológica, com computadores, telemóveis, e uma série de outros Acompanhando a  evolução 
gadgets, continuam a ser altamente utilizados e a cumprir a sua tecnológica 
função. Aliás, o seu conceito está de tal forma enraizado na mente
do utilizador que mesmo as suas vertentes tecnológicas continuam a utilizar, para além do

 
 
nome, o look and feel do produto, como é o caso do Post-it Digital Notes, Apple's “Stickies” e
Windows 7's "Sticky Notes.

"O Post-it é o tipo de invenção perfeita. Nada consegue substituí-lo, nem um bip em um
telefone nem um lembrete electrónico. Seguiremos utilizando os 'Post-it' dentro de cem anos",
garante Robert Thompson, professor de cultura popular da Universidade Syracuse de Nova
York. (referido no artigo “Na contramão tecnológica, Post-it comemora 30 anos com sucesso
mundial”, de Virginie Montet, jornalista da France Presse, in http://www1.folhauol.com.br/folha
/informatica/ult124u726793.shtml)

O produto Post-it não nasceu por acaso. Nasceu de uma conjugação de circunstâncias dentro
de uma empresa que potencia a investigação. Nasceu da forma como dois homens,
aproveitando o seu espírito criativo, o seu trabalho de investigação e a sua visão, descobriram
um produto que fazia falta. Um produto que apresentaram ao mercado e que só foi inovador a
partir do momento em que o mercado o adoptou.

3. Historial de Desenvolvimento do Produto

Na década de 70, Art Fry inventou o Post-it, um dos


produtos mais revolucionários para utilização nos
escritórios, talvez o mais inovador desde a invenção dos
clips. Mas tal só foi possível porque soube perceber como
utilizar a invenção de um outro a seu colega da 3M, Spencer
Silver.

Spencer Silver, especializado em Química Orgânica, foi


trabalhar para a 3M em 1996, liderando uma equipa que
estuda adesivos, os quais, segundo ele, são muito
diferentes da cola, dado que dependem de uma intricada
estrutura molecular para criar a sua aderência e
elasticidade. Por isso Silver fala de si próprio como um
“arquitecto molecular”. Ilustração  4 ‐  Os  inventores  americanos 
Art  Fry  e  Spencer  Silver  desenvolveram 
Em 1968 desenvolveu um adesivo de alta qualidade, feito um produto que revolucionou a vida nos 
de pequenas e indestrutíveis esferas de acrílico. A sua escritórios e também fora deles
característica principal era de que o adesivo era
suficientemente forte para unir mas não de forma permanente, permitindo descolar sem
danificar as superfícies. Mais importante ainda, podia ser utilizado e reutilizado, vezes sem
conta. Era efectivamente uma invenção importante, com uma tecnologia revolucionária que
Silver patenteou em 1972 (Spencer Silver, 1972 Patent #:3,691,140 for a low-tack, reusable,
pressure sensitive adhesive. A patente expirou em 1990).

Mas não sabia exactamente qual a melhor forma de a utilizar. Durante 5 anos apresentou-a no
seio da 3M, sem no entanto se descortinar qual a melhor forma de a utilizar. A descoberta de
Silver poderia ter sido mais um daqueles produtos que é interessante mas que acaba por ficar
na prateleira, sem ser aplicado a nada de real.

Foi durante esse período que Art Fry tomou conhecimento da descoberta de Silver, a qual lhe
pareceu interessante mas sem qualquer aplicação prática previsível. Só quando percebeu que
esse produto poderia ser utilizado para resolver uma necessidade sua, real, é que ele se tornou
efectivamente interessante e realmente inovador. Conta a história que Fry cantava no coro da
sua igreja e estava cansado de que o marcador que utilizava para marcar a página do livro de
cânticos estivesse sempre a cair... Foi durante um desses momentos que Fry pensou que o
adesivo que Silver tinha inventado poderia ajudar a resolver esse seu problema, mantendo o
seu marcador no local certo, e permitindo-lhe ir mudando a sua posição.

 
 
Embora se tivesse encontrado um produto que correspondia a uma real necessidade, com uma
solução viável, quer em ambiente laboral quer em qualquer casa, a 3M demorou cerca de 3
anos para lançar o produto, e o seu lançamento não foi muito auspicioso. Passado um ano, a
3M efectuou uma acção em que inundou Boise, no Idaho, com milhares e milhares de
amostras. O teste teve uma enorme repercussão com 90% dos utilizadores a querem repetir o
produto. Em 1980 o “Post-it® Notes” foi difundido em todos os EUA, tendo-se seguido o seu
lançamento no Canadá e na Europa e hoje, passados mais de 30 anos, este produto simples,
faz parte do nosso quotidiano e pode ser encontrado em quase todos os escritórios ou lares em
todo o mundo.

Outros pontos-chave do percurso:


 1987 – lançamento dos Post-it Flags
 1990 – 10º aniversário - Os post-its fazem parte dos produtos preferidos nessa década
pelos consumidores
 1994 – Easel pad 2.0 - Folhas de papel que aderem à maior parte das superfícies
 2003 – Super sticky notes - Super aderentes para usar na maior parte das superfícies
 2009 – Going greener - produtos recicláveis usando adesivo de origem vegetal
 2010 – Celebram 30 anos. Mantém-se o conceito “keeping it simple”. Ainda está no
começo…

Hoje em dia, a Marca Post-it® tem mais de 4.000 produtos e é


uma das mais reconhecidas e amadas do mundo. Se
pesquisarmos “Post-it” no Google encontramos cerca de
515.000.000 resultados e cerca de 341.000.000 se a pesquisa
for “Post-it icon”. No Facebook tem 88.854 likes

Ilustração 5
Palavras-Chave  Productos Post‐it no mercado 

INOVAÇÃO – CRIATIVIDADE – SIMPLICIDADE – EFICÁCIA - VERSATILIDADE

Síntese
Quando pensei num produto inovador quis fugir aos produtos altamente tecnológicos, mais
óbvios. Inovação não tem necessariamente a ver com tecnologia de ponta. Inovação tem a ver
com saber aproveitar algo de novo, criar valor acrescentado, resolver questões reais. O Post-it
fez tudo isso. É um Produto-Marca, reconhecido e utilizado em todo o mundo, que parece tão
simples que nos leva a perguntar: “Porque é que não pensei nisto?” Saber inovar é
exactamente saber reconhecer a oportunidade e encontrar a forma de a preencher.
Contrariamente ao que se costuma dizer, os Post-its não nasceram por acidente… foram sim o
resultado de trabalho árduo e persistência, de homens que estudam e trabalham para uma
empresa que privilegia o espírito empreendedor. Como diz Fry “Criatividade é aquele 1% de
inspiração que Thomas Edison referia, enquanto invenção e inovação são os restantes 99%.”

Keeping it simple? Sem dúvida! Mas útil e eficaz. Consegue imaginar o mundo sem post-its?
Penso que já ninguém consegue…

Maria Manuel Santos Silva

 
 
Referências Bibliográficas - Webgrafia
http://pt.wikipedia.org/wiki/Post-it
http://en.wikipedia.org/wiki/Post-it_note
http://web.mit.edu/invent/iow/frysilver.html
http://www.ft.com/cms/s/2/f08e8a9a-fcd7-11df-ae2d-00144feab49a.html#ixzz1GZu5yGgF
http://www.ft.com/cms/s/2/f08e8a9a-fcd7-11df-ae2d-00144feab49a.html#ixzz1GZW7A2P2
http://www.ft.com/cms/s/2/f08e8a9a-fcd7-11df-ae2d-00144feab49a.html#ixzz1GZUUMNrW
http://www.ft.com/cms/s/2/f08e8a9a-fcd7-11df-ae2d-00144feab49a.html#axzz18hyDnyKX
http://ip.com/patent/US3691140
http://www.inventsai.com/blog.php?id=15
http://www.highbeam.com/doc/1G1-176972473.html?key=01-
42160D517E19136F1A0D001B016D4B2E224E324D3417295C30420B61651B617F137019731B7B1
D6B39
http://ezinearticles.com/?Innovation-Vs-Creativity&id=2638122