P. 1
ELABORACAO_DO_TRABALHO_DE_CONCLUSAO_DE_CURSO

ELABORACAO_DO_TRABALHO_DE_CONCLUSAO_DE_CURSO

|Views: 443|Likes:
Publicado porMarcio Abreu

More info:

Published by: Marcio Abreu on Mar 31, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/10/2013

pdf

text

original

ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

ATENÇÃO
A APRESENTAÇÃO GRÁFICA DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO, DESDE O PRÉ PROJETO ATÉ A APRESENTAÇÃO FINAL, DEVE SER FEITA SEGUINDO RIGOROSAMENTE AS ESPECIFICAÇÕES SOBRE OS ASPECTOS DE FORMATAÇÃO E MODELOS APRESENTADOS A SEGUIR.

1 ESTRUTURA GERAL DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO A estrutura do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é composta de elementos pré textuais, textuais e pós textuais. Alguns destes elementos são obrigatórios, e outros são opcionais conforme a descrição abaixo. 1.1 Elementos Pré Textuais São considerados elementos pré textuais todos os itens que antecedem o corpo do trabalho, ou seja: a) capa (obrigatório); b) folha de rosto (obrigatório); c) dedicatória (opcional) d) agradecimentos (opcional) e) epígrafe (opcional) f) resumo (obrigatório) g) lista de figuras (se houver necessidade) h) lista de tabelas (se houver necessidade) i) lista de abreviaturas (se houver necessidade) j) sumário (obrigatório)

ATENÇÃO As folhas que compõem os elementos pré textuais não são numeradas; entretanto, são contadas a partir da folha de rosto para efeito de paginação

SUMÁRIO (OBRIGATÓRIO) LISTA DE ABREVIATURAS (SE FOR NECESSÁRIO) LISTA DE TABELAS (SE FOR NECESSÁRIO) LISTA DE FIGURAS (SE FOR NECESSÁRIO) RESUMO (OBRIGATÓRIO) EPÍGRAFE (OPCIONAL) AGRADECIMENTOS (OPCIONAL) DEDICATÓRIA (OBRIGATÓRIO) FOLHA DE ROSTO (OBRIGATÓRIO) CAPA (OBRIGATÓRIO) .

Fonte 14 negrito. espaço entre linhas: 1. Vide abaixo modelo de capa (modelo da capa do trabalho) [l1] Comentário: Não colocar em hipótese alguma o logotipo da Faculdade Sumaré [l2] Comentário: Negrito fonte 14 [l3] Comentário: Negrito fonte 14 – espaço entre linhas: 1. [l6] Comentário: Caixa baixa – fonte 14 . pode ser mudado no decorrer do trabalho. g) ano de apresentação. No pré-projeto o título é provisório.negrito .1 Capa A capa é um item obrigatório do TCC. A IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PARA A COMPETITIVIDADE DAS EMPRESAS: Um estudo de caso no setor varejista [l5] Comentário: Fonte 14– negrito. c) nome completo dos autores.5 FACULDADE SUMARÉ CURSO DE ADMINISTRAÇÃO JOÃO CARDOSO DE ALMEIDA PAULO CÉSAR BARRETOS JULIANA MARIA DA SILVA [l4] Comentário: Nome completo dos autores (não abreviar em hipótese alguma e não colocar o RA) . b) nome do curso. f) local. d) título do trabalho. e deve conter as seguintes informações: a) nome da Faculdade.5.1. e) subtítulo.1.

e deve conter as seguintes informações: a) nome dos autores. e) ano. Vide modelo abaixo Modelo de folha de rosto JOÃO CARDOSO DE ALMEIDA PAULO CÉSAR BARRETOS JULIANA MARIA DA SILVA [u7] Comentário: Fonte 14 negrito – espaço entre 1. e) nome completo do Professor Orientador. b) título do trabalho. c) subtítulo (se houver).5 entre linhas – não abreviar nomes. f) local. d) natureza do trabalho (pré-rojeto.1. A IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PARA A COMPETIVIDADE DAS EMPRESAS: Um estudo de caso no setor varejista [u8] Comentário: Fonte 14 negrito – caixa alta [u9] Comentário: Fonte 14 negrito – caixa baixa Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) apresentado ao Curso de Administração da Faculdade Sumaré como requisito para aprovação e aquisição do título de bacharel nesta modalidade. Orientador: Professora Mestra Márcia Marisa Corrêa [u10] Comentário: Fonte 10 sem negrito – espaço simples.SÃO PAULO 2010 1.2 Folha de Rosto A folha de rosto é um item obrigatório. projeto ou Trabalho de Conclusão de Curso). .

acerca da importância das políticas e práticas de recursos humanos para a competitividade das empresas. A pesquisa de campo. o autor espera contribuir para reflexões. (máximo de seis palavras) Vide exemplo de um Resumo RESUMO Este estudo foi desenvolvido tendo como objetivo investigar a maneira pela qual as políticas e práticas de gestão de recursos humanos são formuladas e implementadas e analisar a influência das estratégias da empresa sobre as mesmas. Deve conter no máximo 500 palavras e o espaço entre linhas é simples. não é necessário nas etapas de préprojeto e projeto. Com o resultado desta pesquisa. as políticas e práticas de recursos humanos estão vinculadas aos objetivos estratégicos da empresa. na Biblioteca da Faculdade Sumaré. ou seja. Após o resumo são inseridas as Palavras-Chave. sem a pretensão de demonstrar relações de causa e efeito. . As pessoas que forneceram os dados foram os executivos responsáveis pela área de recursos humanos e os executivos de áreas-fim de cada empresa pesquisada Os dados foram tratados. de natureza exploratória foi conduzida utilizando-se um questionário com perguntas fechadas. No Trabalho de Conclusão de Curso é dispensável a apresentação do resumo em língua estrangeira. O resumo deve enfatizar os objetivos. analisados e interpretados segundo procedimentos decorrentes da natureza exploratória da pesquisa. pertinentes ao texto e ao TCC em questão. na percepção dos executivos da maioria das empresas pesquisadas.SÃO PAULO 2010 1. levando a concluir que. tanto no mundo empresarial como no meio acadêmico.1. resultados e conclusões. e para efeito da ficha catalográfica.3 Resumo O resumo é um item obrigatório somente na apresentação final do Trabalho de Conclusão de Curso. as políticas e práticas de recursos humanos são influenciadas pela estratégia competitiva adotada. O estudo foi realizado entre as maiores empresas do setor farmacêutico. mas sim de demonstrar se as políticas e práticas de recursos humanos são influenciadas pela estratégia competitiva da empresa. nestas empresas. A análise e interpretação dos resultados evidenciaram que.

.... 1................................................................................. CAPÍTULO 2...... 2.............1 Sub-sub-sub-título...........................l.................... 1.............................. 1................ CONSIDERAÇÕES FINAIS..................2 SubTítulo.............................................2.......................... CAPÍTULO 4...........................................................................................................................1 Sub-Título....................... competitividade humanos............................. 2............... FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA.............................. setor farmacêutico............................................................ 1................2 Sub-sub-título .......................................................... 5...2.................................................................................................................................................................................................................. 06 10 14 16 17 20 22 30 40 47 57 65 76 80 86 92 100 108 120 123 130 .......................................................... 1........... 3...... 2... CAPÍTULO 1. APÊNDICES OU ANEXOS.................. REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS.4 Metodologia........ 1.....4 Sumário O sumário é um item obrigatório..............................................................................................................3 SubTítulo.... Vide exemplo abaixo SUMÁRIO (Exemplo) 1 INTRODUÇÃO.............................2.................. 9....... 7................... Hipóteses e Tema-Problema..................................................................................................................2 Sub-sub-sub-título................... 2....... CAPÍTULO 3......................................................2............................ 8..............2.................................. 1...Palavras-chave: recursos estratégicos...............1 Sub-sub-título................. 4.................................3......1 Subtítulo ....................................1....... e se constitui na enumeração dos títulos e subtítulos de cada capítulo do texto e respectivas páginas..2 Sub-Título......................................................................... 6.................2..............................2 Objetivos Gerais e Específicos.................... objetivos 1.......................................................................1 Justificativa...... 2...... 2.. 2..........

ANALISE E APRESENTAÇÃO DOS DADOS REFERENCIAL TEÓRICO INTRODUÇÃO 1. desenvolvimento do referencial teórico. hipóteses. 1.2 Referencial Teórico . capítulos.2. É por meio da introdução que se desperta o interesse pelo trabalho. REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS OU APÊNDICES CONSIDERAÇÕES FINAIS CAPITULOS. ou seja. Na introdução há uma contextualização do assunto e são apresentados: justificativa.1. metodologia. a introdução. apresentação e análise dos dados e as considerações finais. o problema de pesquisa.1 Introdução A introdução é o item do corpo do Trabalho de Conclusão de Curso onde o autor situa os leitores acerca do trabalho desenvolvido e apresenta o assunto. objeto de estudo e delimitação do tema.2. objetivos gerais e específicos.2 Elementos textuais São considerados elementos textuais todos os itens que compõem o corpo do trabalho.

o aprendizado e desenvolvimento das pessoas tornase primordial para o sucesso da empresa. necessita das competências das pessoas que nela trabalham. assim como os aspectos referentes à sua formulação e comparar com as recomendações da literatura. teses e dissertações. artigos. Da mesma maneira. Vergara (1977) destaca para o fato que só se pode concluir sobre aquilo que se discutiu. ou seja. exigindo de seus dirigentes a adoção de estratégias que possam permitir à mesmas distinguir-se favoravelmente de seus concorrentes. tecnologias. estudos e críticas do que já existe sobre o assunto. sobre tudo o que tiver sido discutido deverá terá que se ter uma conclusão. Após o referencial teórico. tudo o que apresentar na conclusão deverá ter sido discutido antes. Os objetivos secundários foram identificar as estratégicas competitivas adotadas pelas empresas. O impulso alavancador da competitividade está nas pessoas. foi desenvolvido o presente estudo. bibliografias recentes e seguir rigorosamente as normas sobre citações. Trata-se de uma fundamentação teórica onde apresenta-se as teorias. tendo como base livros. A questão instigadora desse estudo foi: As políticas e práticas de recursos humanos são influenciadas pela estratégia competitiva adotada pela empresa? . inclusive o capítulo final onde se apresentam os dados apurados em conclusão. Uma boa fundamentação teórica é fundamental para contextualização e consistência do estudo. segue os capítulos de acordo com os assuntos abordados. produtos e serviços. para que a empresa seja competitiva. tendo como objetivo geral investigar as políticas e práticas de aprendizado e desenvolvimento das pessoas e se as mesmas. A vantagem competitiva sustentável passa antes pelas pessoas para depois chegarem às máquinas. Empresas competem com outras por contratos. Cabe ressaltar que deve sempre consultar os autores consagrados no assunto abordado.2.4 Considerações Finais Neste item são apresentadas as conclusões do autor a respeito do trabalho. e evidenciar as políticas e práticas de aprendizado e desenvolvimento adotadas pelas empresas e comparar com as recomendações da literatura. são influenciadas pela estratégia competitiva adotada pela empresa. na percepção dos executivos. CONSIDERAÇÕES FINAIS (Exemplo) O mundo atual é competitivo e desafiador. 1. Assim.Neste item é apresentado o que existe na literatura sobre o assunto pesquisado. A partir deste contexto. Por outro lado. clientes e consumidores. Este cenário está colocando novos desafios à gestão das empresas.

./dez. n. ALVES. p.I. São Paulo v.12-24.3. 1997 ANSOFF. Por que Administrar Estrategicamente Recursos Humanos? Revista de Administração. H. dissertações e outros. ALMEIDA. ou seja. mar. São Paulo: Atlas. .G. out.27.2. Revista de Administração. 1993. n./abr. Competitividade e Recursos Humanos. tais como livros.5 entre linhas) Referências Bibliográficas: (Exemplo) ALBUQUERQUE. Vide abaixo modelo de Referencias Bibliográficas (no exemplo apresentado o espaço entre linhas utilizado é o simples. S. 1991. a bibliografia. TEIXEIRA. São Paulo v. A Nova Estratégia Empresarial. L.L.3 Elementos pós textuais São considerados elementos pós textuais todos os itens posteriores ao corpo do trabalho. 1992.P. M. p. São Paulo: Makron.Neste item serão apresentadas as principais conclusões extraídas da pesquisa de campo realizada junto à amostra de empresas do setor eletroeletrônico..M. no trabalho deve ser utilizado o espaço de 1.33.I.16-29.4. M. 1. teses. entretanto.R.1 Referências Bibliográficas Neste item são especificados todo o material consultado para elaboração do trabalho. artigos. D. Revigorando a Cultura da Empresa: Uma Abordagem Cultural da Mudança nas Organizações na Era da Globalização. anexos ou apêndices ANEXOS OU APÊNDICES REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 1. MARTINELLI.

p.G. R. .. p.3. 1995.25-36. G. p. BOOG.H. D. Os Novos Paradigmas da Administração. 1998. I. BETHLEM. São Paulo v. 1996. R.I.. MCDONNEL. 1986. A Arte de Administrar as Pessoas. MARTINS.34-53. Dissertação de Mestrado. A. 1995. São Paulo: Atlas.. FLANNERY. p. NORTON. Tornando A Administração Estratégica Possível. M. n. A.B. A. 1993. MARCONI. HANSEN.V. Revista de Administração Pública.11-15. Revista de Administração..J. São Paulo: Pioneira. São Paulo: Atlas.P. L.1. jan. PRAHALAD.) Manual de Treinamento e Desenvolvimento. São Paulo: Nova Cultural. Estratégia Empresarial.S. 1990. Revista Exame.M.ANSOFF. HOFRICHTER.23-27. p. Gestão Organizacional Estratégica: a questão dos recursos humanos e do desenvolvimento gerencial. São Paulo: Atlas. São Paulo: Makron. Estratégia de marketing. São Paulo: Atlas. L.P. NASCIMENTO. São Paulo: Atlas. Enciclopédia de Direção. out. Rio de Janeiro: Campus. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. GAJ. 1999.C./mar. 1994. Mastering Management.. São Paulo v. Manual para Elaboração de Monografias e Dissertações. Competindo pelo Futuro. 1996.. Revista de Administração de Empresas Ligth. São Paulo.A.V. DRUCKER. CARVALHO.1. Faculdade de Economia e Administração. GIL. LAKATOS.A. P. fev. G.E. A. (coord. C. T. M. n. BRISOLLA.S. n. GUTIERREZ. 1994. CARVALHO.1. GRATTON. FERREIRA. H. 1998. jan.K. 1986.70-77. 1994. São Paulo: Atlas.A. 1997. Produção.L.E. Na Era do Capital Humano. Implantando a Administração Estratégica.F. n. São Paulo. São Paulo: McgrawHill.B.. Rio de Janeiro: Campus. P. USP.S. A Estratégia em Ação. v. 1997.H. Rio de Janeiro v. L. D. 1994.E. CRAWFORD. 1990.4.M.31. Alinhando Remuneração à Estratégia de Mudanças e à Cultura das Organizações. KAPLAN.P. Administração de Recursos Humanos. HAMEL. p. PLATTEN. L. H. Administração de Recursos Humanos: um enfoque profissional. 1994./mar. A Remuneração Variável Mudando Paradigmas na Administração Salarial: um estudo do setor bancário.97-103. C. G. Técnicas de Pesquisa. São Paulo: Nova Fronteira. São Paulo.29. Recursos Humanos em um Contexto de Reestruturação. Finanças e Marketing.

MONTGOMERY. C. RIFKIN. Pesquisa de Marketing: Metodologia.MATTAR. Jun.) Mudança Organizacional: aprofundando temas atuais em administração de empresas. A Terceira Onda.J. Estratégia Empresarial: uma abordagem empreendedora. PICARELLI. ____________ Vantagem Competitiva: criando e sustentando um desempenho superior. C. 1993.P. A. O Fim dos Empregos: o declínio inevitável dos níveis de emprego e a redução da força global de trabalho. São Paulo: AmanaKey Editora. São Paulo: Atlas. TOFFLER. ABURDENE. São Paulo: Atlas. 1999. São Paulo: Makron. PORTER.E. PORTER.A. Remuneração por Habilidades e por Competências. Vantagem Competitiva em Manufatura: atingindo competitividade nas operações industriais. Rio de Janeiro: Campus. NAISBITT.R. Estratégia Competitiva: técnicas para análise de indústrias e da concorrência. M. conforme descritas abaixo: . J. 1995. São Paulo: Atlas. O Estrategista em Ação: a arte japonesa de negociar. devem ser elaborados de acordo com as recomendações da Associação Brasileira de Normas Técnicas . 1989. ZIMPECK. Rio de Janeiro: Campus. Rio de Janeiro: Campus.. D.N. dissertações ou teses.G. Uma Escola Chamada Empresa. 1991. Pesquisa Social: métodos e técnicas. p.112113. B. São Paulo: Pioneira. 1998. SLACK. 1988. São Paulo: Makron. T. 1995 RICHARDSON. OLIVEIRA. N. WOOD. Rio de Janeiro: Cip.ABNT. R.P. T. 1980.. J. São Paulo: Atlas. Rio de Janeiro: Record. PFEFFER. 2 APRESENTAÇÃO GRÁFICA A apresentação de trabalhos científicos sejam eles monografias. 1987. São Paulo: Atlas. São Paulo: Atlas. Revista Exame. Planejamento. J. (orgs) Estratégia – A Busca da Vantagem Competitiva. 1994. K.1991. F.E. São Paulo. 1988. V. OHMAE. Administração de Salários. SOUZA. WOOD. Reinventando a Corporação: transformando seu trabalho e sua companhia para a sociedade da informação. 1999. 1996.. 1996. (coord. Vantagem Competitiva Através de Pessoas. M.

deve ser feita em números arábicos na parte inferior direita da página.o cm Inferior: 2.3 Fonte. Os títulos das seções primárias devem ser apresentados em Caixa Alta ( todo maiúsculo) e negrito. Exemplo: . 1.25 cm que corresponde a uma tabulação (tab). Na impressão utilizar papel branco impresso em uma única fase. Espaçamento e Parágrafo Fonte: Time New Roman ou Arial tamanho 12 Espaçamento: utilizar no corpo do texto 1.1 Formato do Papel Utilizar papel tamanho A4 (21 x 29cm).4 Paginação A paginação de um trabalho acadêmico inicia-se na folha de rosto. as páginas que antecedem a Introdução são contadas. mas não são numeradas. o logotipo da Faculdade no papel. utilizar letras minúsculas ordenadas alfabeticamente. as seções secundárias que correspondem as subdivisões das seções primárias.1.2 Margens Superior: 3.5 entre linhas e automático entre os parágrafos. A numeração começa na Introdução. os subtítulos das seções secundárias são apresentados em caixa baixa (somente as primeiras letras em maiúsculo) e negrito. as seções terciárias que correspondem as subdivisões das seções secundárias e assim por diante. Quando for necessário destacar itens dentro de uma seção. hífen. As principais divisões de um trabalho acadêmico são: Seções primárias que correspondem aos capítulos. Os títulos das demais seções são apresentados em caixa baixa sem negrito. A numeração. Parágrafo: Os parágrafos devem ser iniciados com recuo de 1.0 cm Esquerda: 3. 1.5 Numeração Progressiva Para a melhor organização e visualização das divisões e subdivisões do trabalho deve ser utilizada numeração progressiva em algarismos arábicos. ou seja. em hipótese alguma. Não utilizar ponto. a partir da Introdução. travessão ou qualquer outro sinal após a numeração e títulos das seções.0 cm 1.0 cm Direita: 2. 1. Atenção: não colocar.

1 Objetivo Principal (Seção Terciária) 1.2 Objetivos Secundários ( Seção Terciária) a) b) c) .2 Objetivos (Seção Secundária) 1.1 CAPÍTULO 1 (SEÇÃO PRIMÁRIA) 1.1 Tema e Problema de Pesquisa (Seção Secundária) a) Tema: b) Problema de Pesquisa 1.2.2.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->